Página 15 dos resultados de 3653 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Avaliação antiinflamatoria e antioxidante em ratos suplementados com uva (Vitis vinifera L.) na vigencia de colite induzida por acido trinitrobenzenosulfonico; Antiinflamatory and antioxidant evaluation in rats supplemented with frape (Vitis vinifera L.) in the presence of colitis induced by trinitrobenzene sulfonic acid

Anderson Luiz Ferreira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Apesar da amplitude de possibilidades terapêuticas, ainda não existe um tratamento ideal para as doenças inflamatórias intestinais (DII), com perfil adequado de eficácia e segurança. Por essa razão, é de grande interesse estudar agentes com poucos efeitos colaterais, que preferencialmente façam parte da dieta, no tratamento/prevenção dessas doenças. Neste contexto, surgiu o interesse em estudar uva, fruta com alto teor de flavonóides e fibras dietéticas, ambas benéficas à saúde. Sabe-se que substâncias antioxidantes e ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), principalmente o ácido butírico proveniente da fermentação de fibras dietéticas, podem estar envolvidas na prevenção e tratamento de doenças intestinais. O ácido butírico é utilizado como substrato para a reparação do tecido inflamado e inibe fatores pró-inflamatórios; portanto, quantificar a produção desse ácido é imprescindível, dado que quanto maior for sua produção, maior será a eficiência da dieta para a recuperação do tecido. Para tanto, foi realizada uma análise in vitro que demonstrou que a concentração de 0,5 g de Uva foi a que produziu maiores quantidades de butirato na análise por cromatografia de íons. Após a escolha da concentração da fruta...

Efeito da adição de coentro e urucum na composição de acidos graxos em file de pescada branca (Cynoscion spp); Effect of the addition of coriander and annatto on white hake filet1s fatty acid composition

Renata Aparecida Soriano Sancho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2010 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Uma das principais características dos lipídios de peixes é o seu alto teor de ácidos graxos poli-insaturados de cadeia longa. Estes ácidos graxos são conhecidos por seus efeitos benéficos à saúde humana, entretanto também são altamente susceptíveis à oxidação lipídica. O urucum e o coentro, condimentos amplamente utilizados na culinária brasileira, têm sido alvo de estudos por conterem compostos aos quais são atribuídas atividades antioxidantes. O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito da adição de urucum e coentro em carne de pescada branca submetida à estocagem por congelamento a -18°C por 120 dias e cozimento em água fervente a 95 ± 1°C por 30 minutos, no perfil de ácidos graxos. As amostras foram divididas em quatro grupos, sendo que cada grupo recebeu um tratamento diferente: amostras sem adição de antioxidantes, adicionadas de 0,5% de coentro, adicionadas de 0,1% de urucum e adicionadas de 0,1% de urucum mais 0,5% de coentro. Após a adição dos condimentos foram feitas almôndegas, tendo sido uma parte cozida em água a 95 ± 1°C por 30 minutos e a outra congelada. As amostras cruas e cozidas foram analisadas no dia 0. Nos dias 30, 60, 90 e 120 as amostras foram analisadas após descongelamento e cozimento. Os ácidos graxos foram analisados por cromatografia gasosa após esterificação. Além dos ácidos graxos também foram analisados os lipídios totais e a umidade. A formação de compostos secundários da oxidação lipídica durante a estocagem foi verificada nos tempos 0...

Possíveis marcadores de estresse oxidativo para câncer de pele não melanoma : efeito da suplementação de vitamina C, E e mineral zinco em indivíduos que tiveram câncer de pele não melanoma; Possibles markers of oxidative stress for non- melanoma skin câncer : effect of suplemmentation of vitamin C,E e zinc in individuals who had non-melanoma skin cancer

Betânia de Jesus e Silva de Almendra Freitas
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/07/2014 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Estudos acerca da influência do estresse oxidativo sobre o equilíbrio cutâneo, sobretudo por seus efeitos devastadores sobre a integridade da pele, são essenciais para a proposição de estratégias de intervenção preventivas para o desenvolvimento do câncer de pele. O objetivo do estudo foi comparar o estresse oxidativo de indivíduos que tiveram e não tiveram câncer de pele não melanoma e avaliar o efeito da suplementação combinada de vitaminas C, E e mineral Zinco no estresse oxidativo de indivíduos que apresentaram a doença. O estudo foi dividido em duas fases: a fase 1 foi um estudo transversal com controles, cuja população foi constituída por pessoas saudáveis (n = 24) e o grupo caso constituído por indivíduos que apresentaram câncer de pele não melanoma já submetidas a tratamento cirúrgico (n = 60). E a fase 2, um ensaio clínico randomizado e duplo cego, no qual os pacientes do grupo caso foram randomizados em dois subgrupos: grupo placebo (n = 34) e grupo suplementado (n = 26) com 50 mg de vitamina C, 60 mg de vitamina E e 40 mg de Zinco durante 8 semanas. As amostras de sangue dos sujeitos foram obtidas no período basal e após intervenção para a avaliação dos biomarcadores de estresse oxidativo (F2-isoprostano...

Adaptações musculares em marcadores metabólicos e de estresse oxidativo induzidas em ratos pelo treinamento resistido em escada com sistema de roldanas; Muscle adaptations in metabolic and oxidative stress markers induced in rats by resistance traning in ladder with a pulley system

Kell Grandjean da Costa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2015 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
O objetivo do trabalho foi desenvolver uma escada com sistema de roldanas para aplicação da sobrecarga, para mimetizar condições semelhantes aos treinos em humanos, uma vez que o músculo esquelético é muito sensível as variáveis de treinamento (sobrecarga, repetições, pausas). Outro objetivo foi avaliar os efeitos de oito semanas de treinamento de força em escada com e sem suplementação antioxidante. Foram analisados marcadores morfológicos, metabólicos e de estresse oxidativo no sangue e no músculo flexor longo do hálux (FHL) em ratos divididos em grupo controle e treinado (Protocolo 1), e posteriormente em ratos submetidos a suplementação antioxidante (óleo de arroz) e treinamento (Protocolo 2). O sistema de roldanas gerou uma sobrecarga com menor interferência de atrito, propiciando sessões de treino com contribuição do metabolismo anaeróbico, e com dano tecidual nas fibras musculares, resultando em aumento de desempenho ao longo das 24 sessões de treino e adaptações características de um treino resistido tais como aumentos da AST, dos estoques de glicogênio e atividade da enzima lactato desidrogenase. Importante salientar que houve hipertrofia das fibras glicolíticas e oxidativas e aumento da atividade da enzima citrato sintase...

Avaliação do estresse oxidativo na cardiopatia chagásica crônica após terapêutica antioxidante

Maçao, Leonilda Banki
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xi, 93 f.| grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Farmácia.; A cardiopatia chagásica é uma doença com patogenia ainda não elucidada. Há evidências recentes que sugerem que danos produzidos pelo estresse oxidativo podem contribuir para a evolução da doença de Chagas. Trabalho concluído pelo nosso grupo (Oliveira, 2004) mostrou a existência de um quadro de estresse oxidativo, com perda parcial das defesas antioxidantes paralelamente à evolução da doença. O objetivo deste trabalho foi avaliar o status antioxidante no sangue de pacientes cardiopatas chagásicos crônicos classificados em 4 grupos, nomeados de I a IV (cada grupo com n=10), de acordo com o grau de comprometimento cardíaco, segundo classificação de Los Andes modificada (os pacientes do grupo I apresentavam função cardíaca normal ou disfunção leve, o grupo II apresentava disfunção moderada, o grupo III apresentava disfunção grave e os pacientes do grupo IV apresentavam insuficiência cardíaca), 1 ano após ao primeiro estudo (Oliveira, 2004) e após suplementação antioxidante durante 6 meses (vitaminas E 800 UI/dia e C 500 mg/dia). Foram examinadas as atividades das enzimas antioxidantes catalase (CAT)...

Efeito da suplementação de vitamina E, vitamina C e zinco no estresse oxidativo e no tempo de reepitelização em pacientes pediátricos queimados

Barbosa, Eliana
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 157 f.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-graduação em Nutrição; Nas queimaduras, uma resposta pro inflamatória de fase aguda aumentada e prolongada está relacionada ao aumento da produção de radicais livres, os quais associados com a diminuição das defesas antioxidantes podem gerar estresse oxidativo (EO), interferindo no estado metabólico do paciente. Assim, o objetivo deste estudo foi verificar o efeito da suplementação de vitamina E (acetato dl-a-tocoferol - 1,3 UL), vitamina C (1,5 UL) e zinco (2x RDA) no EO e no tempo de reepitelização (TR) de pacientes pediátricos queimados, diante do sinergismo de ambos neste processo. A duração da suplementação foi de 7 dias, colhendo-se os exames antes e após a intervenção. Foram investigados 32 pacientes que internaram na Unidade de Queimados do Hospital Infantil Joana de Gusmão, sendo 15 no grupo controle (GC) com suplementação de placebo e 17 no grupo estudo (GE) com suplementação de vitamina E, C e zinco. Os dados foram analisados por meio do pacote estatístico SPSS, versão 13.0, adotando-se o nível de significância de p<0,05. A média de superfície corporal queimada foi de 16% para o GC e de 15% para o GE...

Potencial do processo de nanofiltração na concentração de compostos bioativos do suco de melancia (Citrullus lanatus)

Arriola, Nathalia Darminia Aceval
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 93 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias Agrarias, Programa de Pós-Graduação em Ciência dos Alimentos, Florianópolis, 2013.; A melancia de polpa vermelha (Citrullus lanatus) é considerada um fruto de alto valor nutricional, pois constitui uma fonte natural de compostos bioativos, como o licopeno. O licopeno vem se destacando devido à sua ação benéfica à saúde, sendo considerado um dos mais potentes antioxidantes dentre os carotenóides. O processo de separação por membranas vem sendo muito utilizado para concentração de compostos bioativos, sendo capaz de preservar a qualidade do produto, considerando que não utiliza altas temperaturas. O principal objetivo deste trabalho foi avaliar o comportamento do suco de melancia durante o processo de concentração por nanofiltração (NF), avaliando a separação e concentração de compostos bioativos, além de investigar a sua capacidade antioxidante. O teor de licopeno, flavonóides totais e compostos fenólicos totais presentes nos concentrados aumentou com o incremento do fator de redução volumétrico (FRV), sendo que estes valores foram superiores aos valores obtidos no suco de melancia. O melhor desempenho na concentração do suco de melancia foi obtido no FRV 3...

Avaliação de biomarcadores de estresse oxidativo em crianças e adolescentes com Síndorme de Down

Garlet, Thais Regina
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 104 p.| il., grafs.
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Farmácia, Florianópolis, 2013.; A Síndrome de Down (SD) é a condição genética que constitui uma das causas mais frequentes de deficiência mental. A cópia extra do cromossomo 21, que caracteriza esta síndrome, promove um desequilíbrio genético-bioquímico que resulta em um elevado estresse oxidativo, o qual está relacionado com a presença de envelhecimento precoce, mecanismos de carcinogênese e alterações neuropatológicas nestes indivíduos. O objetivo deste estudo foi avaliar o status antioxidante e biomarcadores de estresse oxidativo no sangue de crianças e adolescentes com SD, pela análise das defesas antioxidantes enzimáticas, como atividade da catalase (CAT), superóxido dismutase (SOD), glutationa peroxidase (GPx), glutationa redutase (GR) e glutationa transferase (GST), e não enzimáticas, como os níveis de glutationa reduzida (GSH), ácido úrico (AU) e vitamina E, além de indicadores de dano oxidativo, como os níveis de proteínas carboniladas (PC) e lipoperoxidação (concentração de TBARS), nos portadores de SD participantes deste estudo (n=20), comparativamente aos controles (n=18). A análise das enzimas antioxidantes mostrou um aumento significativo na atividade da enzima SOD (47...

Caracterização físico-química de diferentes frações da aveia (Avena sativa L.) e atividade antioxidante de seus extratos

Sandrin, Raceli
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 161 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química, Florianópolis, 2013.; A aveia (Avena sativa L.) é um cereal de estrutura diferenciada dos demais. Apresenta alto teor lipídico distribuído por todo o grão, com constituição predominante de ácidos graxos insaturados. Também contém alto conteúdo proteico e de fibras alimentares, sendo a mais conhecida a fibra solúvel ß-glucana. Contudo, os compostos antioxidantes fenólicos da aveia vêm sendo fonte de interesse devido às suas ações benéficas à saúde. Estes têm a sua concentração e composição afetadas por fatores genéticos, condições de cultivo e processamento a que os grãos são submetidos antes do consumo. Foram avaliadas cinco diferentes frações que compõem o cereal aveia do cultivar URS 21: Aveia descascada (AD), Flocos de aveia (FA), Farelo de aveia (OB), Aveia maltada (AM) e Casca de aveia (CA). Análises de composição química, estabilidade enzimática e de propriedades antioxidantes foram realizadas. Utilizou-se microscopia eletrônica de varredura com o objetivo de conhecer e diferenciar as estruturas internas de cada fração analisada e análise de FTIR para determinar a composição e cada fração. E no intuito de estudar a composição e atividade dos compostos fenólicos...

Mecanismos de defesas celulares relacionados a defesas antioxidantes e de biotransformação em mexilhões perna perna e ostras crassostrea gigas expostas a agentes oxidantes e eletrofílicos

Trevisan, Rafael
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 200 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Bioquímica, Florianópolis, 2014; Com o aumento nos níveis de contaminação ambiental em nível global, organismos aquáticos estão sujeitos à ação tóxica de diversos xenobióticos, necessitando de eficientes sistemas de defesas para garantir sua sobrevivência. Neste trabalho, os bivalves Crassostreagigas (ostra do Pacífico) e Perna perna (mexilhão marrom) foram utilizados como organismos modelo para o estudo dos sistemas de defesas antioxidantes e de biotransfomação. Em um primeiro trabalho,as vias de biotransformação de fase II e do ácido mercaptúrico foram estudadas em ostras C. gigas expostas ao agente eletrofílico 1-cloro-2,4-dinitrobenzeno (CDNB). Os dados apontam que a brânquia possui um robusto sistema de biotransformação, atuando como importante ponto de entrada para o CDNB e conjugando-o rapidamente com glutationa. A hemolinfa atuou como um transportador de metabólitos pelo organismo, permitindo que outros tecidos auxiliassem no processo de biotransformação e excreção, enquanto que a glândula digestiva atuou como um tecido auxiliar na metabolização. O derivado final da via do ácido mercaptúrico foi detectado como principal metabólito na água domar...

Efeitos da exposição aguda ao selênio e ao cobre sobre as defesas antioxidantes de mexilhões marinhos Perna perna

Silva, Marcella Uliano da
Fonte: Florianópolis, SC. Publicador: Florianópolis, SC.
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 48
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Biológicas. Biologia.; Embora muitos metais, como o cobre, sejam essenciais para os organismos, o seu uso industrial e na agricultura tem levado a um aumento de sua concentração na natureza. Uma vez em altas concentrações, este metal pode tornar-se tóxico e ameaçar a saúde de organismos marinhos. Além disso, em corpos aquáticos, é freqüentemente relatada a presença de compostos protetores, como o selênio. Desta forma, este trabalho foi dividido em duas partes: na primeira, mexilhões Perna perna foram expostos a diversas concentrações de cobre por 96 horas, a fim de se ter uma estimativa da toxicidade deste metal. A concentração letal 50% em 96 horas foi de 245 μgl-1 (CL50,96h) e a maior concentração sem efeito foi a de 80 μgl-1 (CL0,96h). Após esta etapa, os animais foram expostos à 30, 60, 180 e 540 μgl-1 de cobre, a fim de determinar danos oxidativos em brânquias. Houve um aumento nos níveis de glutationa total para todas as concentrações testadas, exceto para 30 μgl-1. A atividade da enzima glutationa redutase foi menor nos animais expostos a 540 μgl-1, e a atividade da tioredoxina redutase foi menor em todas as concentrações exceto na de 60 μgl-1. Não foi detectada nenhuma alteração significativa na atividade das enzimas catalase e glutationa S-transferase. Houve um aumento no índice de dano no DNA de hemócitos de animais expostos a 180 e 540 μgl-1. Na segunda parte deste trabalho...

Análise da proteção antioxidante promovida por extratos de Tucum-do-cerrado (Bactris setosa)

Souza, Viviane Yllena Vieira de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde Pós-Graduação em Nutrição Humana, 2013.; Muitos autores definem “radicais livres” como “espécies que têm um ou mais elétrons desemparelhados”. As Espécies Reativas de Oxigênio (EROs), incluem os radicais livres e outras que, embora não possuam elétrons desemparelhados, são muito reativas em decorrência de sua instabilidade. Os antioxidantes protegem os organismos ao inibirem reações ligadas à ação de EROs e com isso impedem a perda da integridade celular. Os frutos do cerrado são ricos em fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes, o que caracteriza sua potencial função diferenciada no adequado desenvolvimento e funcionamento do organismo. O Tucum-do-cerrado (Bactris setosa) é um fruto produzido por palmeiras de médio porte e quando estão maduros são comestíveis e podem ser consumidos in natura ou em forma de sucos, sorvetes, geleias, vinhos e vinagres. O presente trabalho teve dois objetivos principais: primeiro analisar a proteção antioxidante promovida por extratos de Tucum-do-cerrado em leveduras Saccharomyces cerevisiae; segundo analisar a proteção antioxidante promovida por extratos de Tucum-do-cerrado contra a peroxidação lipídica e o dano oxidativo a proteínas. Extratos aquosos e etanólicos da casca...

Metabolismo de radicais livres durante a diapausa da lagarta do girassol (Chlosyne lacinia)

Moreira, Daniel Carneiro
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em Biologia Molecular, 2014.; Em diferentes processos de depressão metabólica animal (e.g. hibernação, estivação e diapausa), o sistema antioxidante endógeno exerce relevante papel, sendo um importante componente da maquinaria de adaptação fisiológica. Dentre as situações de depressão metabólica nas quais o metabolismo redox foi estudado, a diapausa destaca-se por ter sido pouco estudada, e menos ainda se conhece sobre o papel de antioxidantes na diapausa de insetos tropicais. O objetivo deste estudo foi identificar adaptações do metabolismo redox associadas à diapausa tropical, utilizando como modelo lagartas do girassol Chlosyne lacinia. Neste estudo, foram determinadas as atividades de enzimas do metabolismo intermediário e do sistema antioxidante, além das concentrações de glutationa e de indicadores de estresse oxidativo em homogeneizados de corpo inteiro. Foram analisados animais coletados em três períodos, janeiro e março de 2010 e junho de 2011. Os grupos experimentais foram animais ativos (controle), animais em diapausa por menos de 24 horas, 20, 40, 60 e 120 dias, e animais ativos por 48-72h após 120 dias de diapausa. A atividade de citrato sintase (CS) diminuiu 70% no início da diapausa...

Resistência de vinhos à oxidação

Oliveira, Carla Maria Dias Marques de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Durante os últimos anos um vasto número de trabalhos têm vindo a divulgar o valor nutricional dos compostos antioxidantes. Sendo o vinho uma fonte rica em antioxidantes, muitos destes trabalhos foram realizados nesta matriz, onde a concentração destes antioxidantes está relacionada com o teor em radicais livres no organismo humano (principal causa do envelhecimento). Porém, os vinhos são sistemas dinâmicos que mudam continuamente a sua composição em função da exposição à temperatura, oxigénio, luz, etc. Neste trabalho pretendeu-se realçar o valor de algumas moléculas ditas com poder antioxidante na protecção à oxidação do próprio vinho, sobretudo nos vinhos brancos cujo problema tem um impacto económico, não negligenciável, no sector vitícola. É objectivo deste trabalho conseguir relacionar a presença de alguns destes compostos com a resistência à oxidação do vinho. Para isso, foi desenvolvida uma técnica de fraccionamento prévio do vinho por extracção líquido-líquido sendo a actividade antioxidante de cada fracção avaliada através da aplicação de dois métodos utilizando radicais livres. Foram analisados vinhos brancos de diferentes idades nomeadamente de envelhecimento normal e de envelhecimento forçado onde...

Controlo do teor de cor em solventes regenerados

Vieira, Hélder José Freire
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
A EGEO Solventes S.A, empresa cuja atividade se dedica à regeneração de solventes orgânicos industriais usados, enfrenta desafios no que toca em controlar o teor de cor dos seus produtos finais, em particular o ECOSOLVE 01. Nesse âmbito, a presente dissertação teve como objetivo principal o controlo do teor de cor dos solventes regenerados, pela identificação de potenciais melhorias no tratamento do solvente inicial (designado por “solvente sujo”), e propor formas de estabilizar o solvente final, mantendo-o incolor. Foi estudado a nível laboratorial todo o processo de regeneração de solventes de acordo com o processamento em funcionamento na EGEO Solventes S.A, tendo-se identificado como variáveis críticas para o controlo do teor de cor o ponto de paragem da destilação do solvente sujo, e o arrasto circunstancial de líquido saturado do ebulidor em situações de caudais de vapor muito elevados. Para controlar a cor no solvente final, foi desenvolvido um método de quantificação / doseamento de antioxidantes ao solvente em função da reatividade deste com o radical DPPH, pois a inibição de reações radicalares contribui positivamente para o controlo do teor de cor. Atualmente, a EGEO Solventes aditiva com ácido cítrico os seus solventes para estabilizar a cor a médio prazo...

Biosensor evaluation of the antioxidant activity of wines and teas. Interference studies and comparison with other

Gil, Dulce Martins de Albuquerque, 1969-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Tese de doutoramento, Bioquímica (Biotecnologia), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2011; Polyphenolic compounds are a complex group of substances commonly found in fruit, vegetables and their products, which have gained enormous relevance in the analytical chemistry field in the recent years, largely due to the concomitant health benefits associated with their antioxidant activity. Therefore, it is of great interest to evaluate the antioxidant activity of natural foodstuff and beverage related to its polyphenolic content. Thus, there is an increase demand for highly sensitive and selective analytical method for the determination of phenolics. Biosensors offer advantages as alternatives to conventional methods due to their inherent specificity, simplicity and quick response. An amperometric biosensor based on laccase, from Tramates versicolor (TvLac) developed by our group was used to determine the total polyphenolic content in wine and green tea/herbal infusions samples. The purpose of this work comprised the assessment of the antioxidant activity of those samples in relation to their polyphenolic content using a laccase based biosensor. Interference studies on polyphenolic amperometric biosensing were performed for metabissulfite and gallic acid (GA). In order to investigate these subjects...

O carvedilol potencializa o efeito antioxidante das vitaminas E e C na cardiopatia chagásica crônica

Budni,Patrícia; Pedrosa,Roberto Coury; Dalmarco,Eduardo Monguilhott; Dalmarco,Juliana Bastos; Frode,Tânia Sílvia; Wilhelm Filho,Danilo
Fonte: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC Publicador: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2013 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
FUNDAMENTO: A doença de Chagas continua a ser uma importante doença endêmica no país, sendo o acometimento cardíaco a sua manifestação mais grave. OBJETIVO: Verificar se o uso concomitante de carvedilol potencializará o efeito antioxidante das vitaminas E e C na atenuação do estresse oxidativo sistêmico na cardiopatia chagásica crônica. MÉTODOS: Foram estudados 42 pacientes com cardiopatia chagásica, agrupados de acordo com a classificação modificada de Los Andes, em quatro grupos: 10 pacientes no grupo IA (eletrocardiograma e ecocardiograma normais: sem envolvimento do coração), 20 pacientes do grupo IB (eletrocardiograma normal e ecocardiograma anormal: ligeiro envolvimento cardíaco), oito pacientes no grupo II (eletrocardiograma e ecocardiograma anormais, sem insuficiência cardíaca: moderado envolvimento cardíaco) e quatro pacientes no grupo III (eletrocardiograma e ecocardiograma anormais com insuficiência cardíaca: grave envolvimento cardíaco). Os marcadores de estresse oxidativo foram medidos no sangue, antes e após um período de seis meses de tratamento com carvedilol e após seis meses de terapia combinada com vitaminas E e C. Os marcadores foram: atividades da superóxido dismutase, catalase, glutationa peroxidase...

Efeitos da suplementação do 17beta-estradiol no dano oxidativo cardíaco de ratas submetidas à privação dos hormônios ovarianos

Lima,Sônia Maria Rolim Rosa; Belló-Klein,Adriane; Flues,Karin; Paulini,Janaína; Monte,Osmar; Irigoyen,Maria Cláudia; De Angelis,Kátia
Fonte: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia Publicador: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
OBJETIVO: avaliar o estresse oxidativo em tecido cardíaco de ratas ooforectomizadas, com ou sem terapia hormonal. MÉTODOS: ratas Wistar foram divididas em três grupos: grupo controle (GC), grupo ooforectomizada (GO) e grupo ooforectomizada + suplementação hormonal (GOS). A privação estrogênica foi obtida pela ooforectomia bilateral. Uma semana após a ooforectomia, um pellet de 1,5 mg de 17beta-estradiol foi implantado nos animais do grupo GOS. Nove semanas após a ooforectomia, o tecido cardíaco foi obtido para a análise do estresse oxidativo por meio da medida da quimiluminescência e da atividade das enzimas antioxidantes catalase (CAT), superóxido dismutase (SOD) e glutationa peroxidase (GPx). RESULTADOS: a quimiluminescência estava aumentada no GO (7348±312 cps/mg proteína) quando comparado ao GC (6250±41 cps/mg proteína, p<0,01), mas não houve diferença significante entre GC e GOS (6170±237 cps/mg proteína). A ooforectomia reduziu a atividade da SOD (22%, p<0,001) e da CAT (35%, p<0,05) no GO comparado ao GC. A terapia hormonal normalizou a atividade das enzimas antioxidantes no GOS. Não houve significância estatística na atividade da GPx quando os grupos estudados foram comparados. CONCLUSÕES: a privação dos hormônios ovarianos induziu aumento do estresse oxidativo e redução das defesas antioxidantes no tecido cardíaco. No entanto...

Avaliação do potencial dos fungos do gênero Rhizopus spp na produção de substâncias bioativas com ação antioxidante utilizando diferentes substratos

Miyaoka, Mitiyo Fukuda
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Resumo: O objetivo principal deste trabalho foi testar diferentes linhagens fúngicas do gênero Rhizopus sp. em diferentes substratos, dentre eles a soja. 17 linhagens do gênero Rhizopus sp. foram selecionadas para estudos por fermentação no estado sólido. Durante o processo de fermentação no estado sólido utilizando as linhagens foram realizadas análises de quantificação de atividade antioxidante pelo método de DPPH, degradação de fator antinutricional pela determinação de atividade de fitases e atividade proteolítica. Dentre as 17 linhagens, duas linhagens Rhizopus LPB-R.5 e LPB-R.6 apresentaram grande potencial para a produção de substâncias antioxidantes durante a fermentação. Os processos de fermentação FES e FSm utilizando diferentes substratos foram estudados. Estudos cinéticos do processo de FES foram realizados com misturas de substratos: mistura de grãos de soja e arroz integral, mistura de soja e milho, as quais foram comparadas com os resultados das fermentações realizadas somente com a soja como substrato. A quantificação de compostos antioxidantes bem como a identificação da natureza destas substâncias produzidas durante a fermentação também foram realizadas. O maior incremento de compostos fenólicos foi observado após 60 horas de FES utilizando a linhagem Rhizopus LPB-R.05. As substâncias antioxidantes produzidas durante a fermentação no estado sólido foram identificadas: ácido gálico...

Estudo de aditivos para aumento da estabilidade oxidativa do biodiesel

Ferrari, Priscila Bianca Borgi
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: 94f. : il., color., tabs., grafs.; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
Orientador : Prof. Dr. Carlos Itsuo Yamamoto; Co-orientador : Prof. Dr. Antonio Salvio Mangrich; Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química. Defesa: Curitiba, 29/08/2012; Inclui referências; Área de concentração: Desenvolvimento de processos químicos; Resumo: Devido à presença de ácidos graxos, com insaturações não conjugadas nos óleos utilizados como matéria prima para produção de biodiesel, os produtos obtidos estão sujeitos a sofrer oxidação, gerando subprodutos causadores de danos por corrosão ou formação de depósitos insolúveis em tanques de armazenamento e motores. O objetivo deste estudo foi identificar entre 18 substâncias sintéticas, radicais livres orgânicos, aquelas que adicionadas ao biodiesel sejam capazes de minimizar as reações de oxidação, impedindo o início, ou antecipando o término das reações de oxidação, sem afetar as outras características do biocombustível. Para identificar e caracterizar qualitativa e quantitativamente esses possíveis compostos antioxidantes utilizou-se a espectroscopia de ressonância paramagnética eletrônica (EPR), que é capaz de detectar espécies contendo elétrons desemparelhados (radicais livres). Para comparação e confirmação dos dados obtidos por EPR foi utilizado o método por UV-VIS baseado na extinção do radical DPPHo (2...