Página 21 dos resultados de 11940 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Um Modelo de gestão pública por indicadores de sustentabilidade em associação com observatórios urbanos

Amin, Esperidião
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 203 p.| il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2010; A necessidade de superar os entraves que comprometem a eficiência e a eficácia da gestão pública tem impulsionado a criação e disseminação de instrumentos destinados à aferição de desempenho. Esta constatação enseja o problema de pesquisa: "de que modo os indicadores de sustentabilidade, em associação com observatórios urbanos, podem se constituir em instrumentos de aprimoramento da gestão pública?". O objetivo da presente pesquisa é propor um modelo de gestão pública com base nos indicadores de sustentabilidade controlados e acompanhados por observatórios urbanos. Os esforços para "reinventar" a administração pública resultam na adoção de modelos de gestão por indicadores. Indicadores são expressões reduzidas da realidade social, econômica ou ambiental que se pretende avaliar e melhorar. No desenvolvimento de modelos de gestão por indicadores, dois aspectos têm importância crucial: a legitimidade e confiabilidade dos indicadores e a relevância de seu foco para a sociedade. O primeiro aspect pode ser satisfatoriamente atendido pela incorporação - como auditor externo - dos Observatórios Urbanos...

Sustentabilidade social

Saúgo, Andréia
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 1 v.| il., tabs., plantas
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, Florianópolis, 2010; A sustentabilidade social em habitações trata da satisfação das exigências do bem-estar do usuário a partir da consideração de fatores que abrangem a promoção da saúde humana, o atendimento das necessidades e aspirações bem como as características sociais e culturais dos indivíduos, tanto os usuários da habitação quanto as pessoas envolvidas indiretamente, como os moradores do entorno. Tais necessidades dizem respeito às instalações e aos ambientes criados por elas, necessidades estas que não são estáticas, mas sim em constante estado de fluxo, mudam com os hábitos de vida, com as mudanças de valores humanos, com as novas tecnologias e as condições criadas por elas, variam com o tipo de pessoa, o ambiente em que se encontram, e suas atividades, além da dinâmica familiar, que não é voluntária e diz respeito à lei natural da vida de nascer, crescer, multiplicar (ou não) e morrer. As necessidades do usuário da habitação, bem como do morador que habita o entorno da nova construção, devem ser consideradas para o estabelecimento de requisitos úteis para o desenvolvimento de projetos de habitações mais sustentáveis socialmente. Em busca destes requisitos inicialmente procurou-se identificar aspectos da dimensão social da sustentabilidade nos sistemas indicadores e de certificação e...

Ações em prol da sustentabilidade: Estudo sobre a Agenda 21 Catarinense no Curso de Ciências Contábeis nas IES privadas de Florianópolis

Monteiro, Marcela
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: f.; 51 f.
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências Contábeis; A problemática deste estudo fica resumida na seguinte questão problema: Como se encontra o comprometimento e o desenvolvimento de ações em prol da sustentabilidade, em Instituições de Ensino Superior? Nesta perspectiva, este trabalho tem por objetivo geral, analisar o comportamento das Instituições de Ensino Superior (IES) de Florianópolis, que ofertam o Curso de Ciências Contábeis, privadas e presenciais, em relação a ações em prol da sustentabilidade, com base na Agenda 21 Catarinense. Para atender a este objetivo geral, têm-se os seguintes objetivos específicos: verificar a aderência dos critérios com base nesta Agenda; identificar as práticas desenvolvidas pelas Instituições de Ensino analisadas, com base nos ditames desta Agenda e averiguar se as IES, que não possuem, têm interesse em construir a sua própria Agenda. Quanto à metodologia, a pesquisa caracteriza-se como descrita, indutiva, com coleta de dados primária, através de questionário, tendo abordagem qualitativa e quantitativa. A população e amostra, deste estudo, contêm cinco IES, ou seja, representam 100% (cem por cento) de amostragem. No que se refere aos resultados...

Análise da sustentabilidade ambiental: um estudo de caso em um hospital privado situado na Grande Florianópolis

Fontes, Sílvia Andrade da Luz
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: f.; 81 f.
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências Contábeis; O objetivo geral deste trabalho é Analisar a gestão Ambiental de um hospital em Florianópolis, aplicando o método SICOGEA geração 3. Para atender a este objetivo são cumpridos os seguintes objetivos específicos: Analisar o processo de funcionamento do hospital; mensurar a qualidade da Gestão Ambiental e medir o índice se Sustentabilidade do hospital.A metodologia quanto aos objetivos é descritiva e exploratória. No que se refere a abordagem do problema, considera-se quali-quantitativa e, quanto aos procedimentos técnicos trata-se de estudo de caso. Para a metodologia, foi aplicado um questionário, seguido de entrevista, como forma de coleta de dados primários. A trajetória metodológica se cumpre em três fases: a primeira foi da escolha da instituição a ser analisada, levando-se em conta a acessibilidade; na segunda fase o método SICOGEA de estudo. Foram realizados estudos em relação ao SICOGEA geração 1 (PFITSCHER, 2004), geração 2 (NUNES, 2010) e geração 3 (UHLMANN, 2011). Após o aprofundamento, a escolha recaiu sobre o SICOGEA geração 3. Em continuidade a coleta de dados do questionário e da entrevista...

Construção do futuro e sustentabilidade

Mitidieri, Tibério da Costa
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento; Este estudo visa analisar o processo de construção de futuro sustentável a partir da percepção de especialistas sobre o tema. A metodologia integra conceitos de liderança responsável, gestão de valores, sustentabilidade e metáforas utópicas e distópicas. São apresentados questionários de viés qualitativo sob impressões da importância da sustentabilidade no processo de construção do futuro. A metodologia fornece resposta consistente para o planejamento estratégico de organizações permitindo visualizar a construção de cenários e visão de futuro possível, através da construção de utopias; consistindo em uma poderosa ferramenta para a construção de um futuro desejável. Dentre as conclusões obtidas fica evidenciada a importância criação de uma cultura, visão e missão para sustentabilidade dentro das organizações; a liderança responsável e os valores tem papel fundamental para reforçar que a ação deve seguir o discurso; a"Utopia Mobilizadora" pode ser usada como a "Visão" de Futuro Sustentável das Organizações.

Indicadores de desempenho ambiental evidenciados nos relatórios de sustentabilidade

Tannuri, Guillermina
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 232 p.| il., grafs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Contabilidade, Florianópolis, 20013.; As partes interessadas das organizações estão demandando cada vez mais informações sobre o desempenho ambiental delas. Uma das formas de satisfazer esta demanda se dá por meio da utilização de indicadores nos relatórios de sustentabilidade. No entanto, tratando-se de publicações voluntárias, nem todos os indicadores são evidenciados com o mesmo nível de transparência e qualidade. O objetivo desta pesquisa consiste em analisar os indicadores de desempenho ambiental evidenciados nos relatórios de sustentabilidade das empresas listadas no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), a partir dos seguintes atributos de qualidade: compreensibilidade, integridade, neutralidade e comparabilidade. Para isso, optou-se por uma pesquisa do tipo descritiva, predominantemente qualitativa, e valeu-se de elementos da técnica de análise de conteúdo. Foram selecionados 35 relatórios dos quais foram analisados, para cada relatório, 30 indicadores ambientais evidenciados de acordo com a diretriz GRI. Os resultados demonstraram que, os indicadores com um maior nível de qualidade foram aqueles que informaram sobre as emissões de gases de efeito estufa; sobre a disposição dos resíduos; e sobre o consumo de água e energia. De modo geral...

Sustentabilidade integrada em organizações empreendedoras: um estudo de caso

Gonçalves, Eder Borba
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 1 v.| il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2014.; Parte da história da civilização humana e seu desenvolvimento, dos períodos da Era Agrícola, da Era Industrial e da atual Era da Informação ou do Conhecimento são retratados sob a ótica econômico-financeira. As organizações e empreendimentos criados ao longo deste período também priorizaram a parte econômica, descuidando-se da parte ambiental e social. Mesmo com esta prioridade econômica, muitos negócios sucumbiram e, até hoje, são muito presentes altas taxas de mortalidade de novas empresas, além das crises mundiais que continuam sendo cíclicas. É necessário repensar a maneira de conduzir os negócios. Tudo isso começou a mudar, pelo menos o pensamento humano, em algumas partes do mundo, em relação ao meio ambiente, em 1970 e, mais recentemente, as questões sociais em meados dos anos 2000, inclusive, se percebe um grande desequilíbrio econômico-social que ainda não resolveu as questões sociais da civilização organizada. Muito se tem falado, discursado e publicado a respeito da sustentabilidade, mas nem sempre consistente ou convincente...

Indicadores de desenvolvimento na perspectiva do Barômetro de Sustentabilidade: um estudo exploratório para a cidade de Florianópolis, SC

Meyer, Gabriel Correa
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 75 f.
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Administração.; A expansão populacional, aliada ao atual modelo de desenvolvimento, é considerada uma das principais causas da crescente pressão que a sociedade exerce sobre os recursos naturais. 0 conceito de desenvolvimento sustentável surge como um novo paradigma de desenvolvimento capaz de garantir no presente e futuro, as condições de sobrevivência dos grupos sociais e da natureza. Para avaliar o bem estar humano e ambiental de uma regido foi criada uma ferramenta conhecida como Barômetro de Sustentabilidade. Esta ferramenta utiliza indicadores de desenvolvimento que representem as dimensões humanas e do ecossistema. presente trabalho tem o objetivo de verificar a disponibilidade de indicadores de desenvolvimento da cidade de Florianópolis na perspectiva do barômetro de sustentabilidade. A pesquisa se constitui de um levantamento bibliográfico e de campo, de indicadores que representem cada dimensão verificada na ferramenta de avaliação de bem estar humano e ambiental conhecida como Barômetro de Sustentabilidade. Os resultados obtidos serviram para a análise de quão factível é a seleção de indicadores de desenvolvimento sustentável da cidade de Florianópolis. Estes resultados atenderam aos objetivos propostas pela pesquisa e reforçam o entendimento de que a identificação e construção de indicadores de desenvolvimento sustentável...

Ecologismo, ambientalismo e ecologia política : diferentes visões da sustentabilidade e do território

Jatobá, Sérgio Ulisses Silva; Cidade, Lúcia Cony Faria; Vargas, Glória Maria
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
No quadro da evolução histórica do que se entende por sustentabilidade, e considerando as potenciais implicações desse processo sobre os usos do território, o objetivo do texto é investigar como diferentes perspectivas tratam a temática territorial. Com o apoio de contextualizações, busca-se compreender permanências, mudanças e tendências. A análise acompanha a criação da ecologia como ramo científico, passa pelo surgimento do ambientalismo moderado, e segue até enfoques mais recentes, como o da ecologia política. A primeira parte do texto argumenta que a visão da sustentabilidade começa a ser moldada a partir das idéias da ecologia radical, relacionadas com o protecionismo e com o conservacionismo; ela adquire características mais moderadas quando se apresenta na forma conciliatória do ambientalismo, desdobrando-se na proposta de desenvolvimento sustentável; e acaba por transformar-se em instrumento de crítica social, quando enfocado sob o prisma da ecologia política. A segunda parte do texto argumenta que a ecologia radical, o ambientalismo moderado e a ecologia política encaram a sustentabilidade territorial em sintonia com distintos contextos históricos e ambientais e diferenciadas visões de natureza. Conclui que as propostas variam também em função das escalas geográficas em que atuam e dos interesses envolvidos. Diante da crise ambiental atual...

BR 364 : análise da sustentabilidade das medidas mitigadoras e compensatórias na TI Colônia 27

Cândido, Francisco de Moura
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2012.; O objetivo principal dessa pesquisa é fazer uma reflexão com os indígenas a respeito da sustentabilidade das ações propostas pelo Governo do Acre para a Terra Indígena Colônia 27, do povo Huni Kui, implementadas como medidas mitigadoras e compensatórias por conta dos impactos gerados pela construção da BR-364. A partir da perspectiva da comunidade indígena afetada pelo empreendimento, serão levantados os impactos positivos e negativos gerados pelos projetos governamentais, considerando os aspectos sociais, ambientais e econômicos. A análise da sustentabilidade, nesse sentido, estará relacionada, dentre outros, à compreensão plena da comunidade indígena a respeito dos impactos causados pela rodovia, à participação dos indígenas nos processos decisórios referentes à implementação dessas ações e programas de compensação e mitigação, à compatibilidade dos projetos com a cultura Huni Kui e à manutenção, por parte do Governo, das atividades implementadas dentro da Terra Indígena Colônia 27. Tem-se ainda como proposta apresentar a ideia de futuro que permeia o imaginário indígena em relação à sustentabilidade comunitária. Dentre as conclusões apresentadas...

Contabilizando a reabilitação na avaliação de sustentabilidade de edifícios de serviços

Barbosa, José Amarilio; Bragança, L.
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Este trabalho teve como objectivo o desenvolvimento de uma metodologia de avaliação de sustentabilidade direccionada para os edifícios de serviços. A metodologia será desenvolvida através da experiência adquirida na adaptação do sistema SBtool ao contexto português, que culminou no desenvolvimento da metodologia SBTool PT-H. Desta forma, a metodologia de avaliação de sustentabilidade de edifícios de serviços será baseada e terá uma base semelhante à metodologia SBTool PT-H, que é direccionada para edifícios de habitação. A metodologia será desenvolvida através de um sistema de avaliação de desempenho do edifício ao nível de uma lista de parâmetros por comparação com práticas de referência praticadas em Portugal. Por fim, a classificação final do edifício será obtida através de uma ponderação do desempenho ao nível dos vários parâmetros de avaliação, obtendo-se um valor representativo da sustentabilidade do edifício. Na tarefa de adaptação da metodologia para edifícios de serviços, foi estudada a sua aplicabilidade em obras de reabilitação, dada a importância crescente deste tipo de obras.

Implicações econômicas e ambientais associadas a critérios de sustentabilidade em centros comerciais

Jesus, Luciana; Almeida, Manuela Guedes de
Fonte: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído (ANTAC) Publicador: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído (ANTAC)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
O principal desafio e contribuição para a disseminação da sustentabilidade no ambiente construído é o reconhecimento e os resultados efetivos (econômicos e ambientais) que podem ser obtidos com a implementação de estratégias de sustentabilidade. Isto significa que o mais importante que reconhecer a sustentabilidade através de ferramentas voluntárias de avaliação disponíveis no mercado, é assegurar (e verificar) os efeitos positivos que poderão ser alcançados com a sua implementação. Neste contexto, a presente dissertação apresenta os resultados do trabalho que teve como objetivo, determinar além de mecanismos para facilitar a aplicabilidade de critérios sustentáveis num empreendimento, verificar as implicações econômicas e ambientais associadas aos critérios definidos pela Ferramenta Britânica BREEAM (Building Research Establishment Environmental Assessment Method), aplicados em um centro comercial localizado em Braga e em fase de construção. O referido empreendimento possui uma área bruta locável (ABL) de 70.488 m2.; The main challenges and contributions for the sustainability dissemination in construction are to recognize and prove the effective outcomes (economic and environmental) that could be obtained with the implementation of sustainability criteria. It means that more important than recognize the sustainability through the implementation of a sustainable voluntary tool...

Desenvolvimento de um sistema de pesos para indicadores de sustentabilidade

Costa, Alexandre Manuel Silva
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Dissertação de mestrado integrado em Engenharia Civil; A temática do “Desenvolvimento Sustentável” tem estado na ordem do dia, adquirindo cada vez uma maior importância à escala global. Este facto resulta da consciencialização por parte de governos, instituições e cidadãos de que a sobre-exploração de recursos naturais, o aumento das emissões de gases de efeito de estufa e produção de resíduos que se verifica poderá conduzir o planeta para uma situação sem retorno, com sérios danos sobre os habitantes atuais e futuros. Da necessidade de aplicação da temática da Sustentabilidade ao setor da construção surgiu a Construção Sustentável, que promove no âmbito ambiental, social e económico, a adoção de medidas que otimizem os edifícios no sentido de os tornar mais sustentáveis. Para a promoção e aplicação dos desígnios da Construção Sustentável têm surgido, no panorama internacional, diversas metodologias de avaliação e certificação da sustentabilidade, umas com mais notoriedade que outras. Incluídos nessas metodologias encontram-se indicadores de avaliação. Para esses indicadores têm que ser definidos os seus pesos, de maneira a permitir a sua agregação, definindo o nível de sustentabilidade do edifício. Esta dissertação apresenta como um dos seus objetivos...

Uma visão integrada da sustentabilidade e responsabilidade social : o caso be true; An integrated vision of sustainability and corporate social responsibility : the be true case

Lopes, Ana Isabel Loureiro
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Dissertação de mestrado em Ciências da Comunicação (área de especialização em Publicidade e Relações Públicas); O propósito deste Relatório de Estágio é refletir sobre a importância de uma visão integradora da organização e dos seus públicos aquando da adoção de um plano de Sustentabilidade e Responsabilidade Social. Para cumprir este propósito, vamos refletir sobre o tema em quatro etapas. Em primeiro lugar será abordada a Responsabilidade Social Empresarial do ponto de vista teórico, bem como outros conceitos a si adjacentes, identificando as principais correntes de pensamento associadas ao tema. Estabelecido um enquadramento teórico será feito um balanço da experiência consolidada da agência de comunicação b+ com o programa be true, tendo como perspetiva o crescimento da procura e da relevância do tema da sustentabilidade e da responsabilidade social e o seu enquadramento na realidade empresarial. Em seguida, este relatório procura aprofundar a evolução da relação empresa/colaborador/consumidor/comunidade, responsável pela consciencialização e adesão das empresas em matéria de responsabilidade social. Por fim, procuramos estudar o impacto das atividades na comunidade, sem descurar o contributo para o bem-estar social e as vantagens para as marcas. Com o objetivo d melhor explorar estes aspetos serão usados...

Sustentabilidade na moda e o consumo consciente

Araújo, Mariana Bezerra Moraes de; Broega, A. C.; Ribeiro, Silvana Mota
Fonte: APEC Publicador: APEC
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
ISBN 978-84-697-0700-5; O presente artigo tem como objetivo fazer uma reflexão sobre a importância da sustentabilidade no âmbito da moda e o aparecimento de um novo consumidor, mais consciente e preocupado com os problemas da humanidade. Neste trabalho, será discutida a dicotomia existente entre a sustentabilidade e a moda, marcada pela efemeridade e por produtos com um ciclo de vida limitado, onde prevalece a indústria Fast Fashion. Paralelamente, observa-se o surgimento de uma nova vertente o chamado Slow Fashion. O artigo irá abordar o tema do sistema de moda e a sustentabilidade, nomeadamente, a questão dos novos consumidores e do consumo consciente.; This article aims to reflect on the importance of sustainability in the context of fashion and the emergence of a new costumer more conscious and concerned about the humanity problems. In this work, we will discuss the dichotomy between sustainability and fashion, marked by ephemerality and products with a limited life cycle where the fast fashion industry prevails. In parallel, we observe the emergence of a new effect called slow fashion. The article will address the theme of fashion system and sustainability, also the issue of new consumers and conscious consumption will be discussed.

Qualidade, sustentabilidade e FCS: o caso de uma IES privada no Brasil

Martins, Harley dos Santos
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Este trabalho de investigação foi realizado com o objetivo geral de se descobrir quais são os Fatores Críticos de Sucesso e os aspectos chaves de qualidade e sustentabilidade, a serem considerados no ensino de Engenharia de Produção em um IES privada no Brasil. No presente estudo de caso executou-se uma revisão teórica sistemática nas áreas temáticas da pesquisa, que propiciou a criação de um framework que define os 7 Fatores Críticos de Sucesso ao ensino de Engenharia de Produção, apontando sua divisão nas áreas de qualidade e sustentabilidade, e, por fim, a subdivisão em 6 subáreas de ações operacionais a serem consideradas pela gestão de IES para alcançar melhorias de desempenho em suas atividades. Posteriormente ao levantamento teórico, foi realizado o estudo de caso propriamente dito, que dividiu-se em duas etapas, uma qualitativa e uma quantitativa. Na primeira elaborou-se um roteiro de entrevista em profundidade aplicada a um terço do corpo docente do curso em estudo, captando a impressão destes sobre as temáticas em estudo voltadas à execução de suas atividades. Os dados obtidos foram organizados com o auxílio do software WebQDA, gerando ideias do que deve ser trabalhado para melhorar as condições e resultados do referido curso. A etapa quantitativa foi iniciada com a elaboração de um questionário on-line...

Artesanato e Design para a Sustentabilidade: Um novo paradigma do Século XXI

Secca Ruivo, Inês
Fonte: IEFP - Instituto do Emprego e Formação Profissional Publicador: IEFP - Instituto do Emprego e Formação Profissional
Tipo: Parte de Livro
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
Não obstante a evolução desde o final dos anos noventa do conceito e dos procedimentos inerentes à noção de Design para a Sustentabilidade, na origem, o seu produto ou serviço visa ser aquele que, promovendo o desenvolvimento dos países/regiões subdesenvolvidos ou vias de desenvolvimento, se revela capaz de suprir as necessidades individuais e sociais do ser humano sem esgotar os recursos naturais disponíveis, sem danificar a biodiversidade e a capacidade de regeneração da natureza e sem comprometer, com as estratégias do presente, a qualidade de vida (ambiental, social e económica) das gerações futuras; numa perspectiva de consequências locais/regionais, nacionais e globais. Sendo o Artesanato e o seu contexto ancestral um compilador natural dos pressupostos inerentes ao conceito atrás definido, desde o início da delimitação da proposta que se apresenta para a comunidade académica como um potencial gerador de processos exploratórios de Investigação e Desenvolvimento (I&D) de projectos de design sustentável. Portugal, desde 2005, não é excepção a essa tendência. Para além dos factores económicos e ambientais, já amplamente explorados pela dimensão prospectiva e comercial de investidas sustentáveis emergentes...

(In)Sustentabilidade Financeira dos Sistemas Públicos de Segurança Social em Portugal: Previsões de Longo Prazo e Arquitectura de um novo Contrato Social entre Gerações

Bravo, Jorge
Fonte: Revista Economia e Segurança Social Publicador: Revista Economia e Segurança Social
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
O sistema público de segurança social em Portugal (em particular o sistema de pensões) assenta genericamente numa lógica de financiamento em repartição contemporânea, no âmbito da qual é estabelecido em cada momento um contrato social implícito entre pelo menos três gerações: uma geração activa que financia as pensões e outras prestações da geração inactiva e reformada, na expectativa de ver no futuro as suas pensões financiadas pela geração que a antecede. A sustentabilidade económica e financeira de um sistema com estas características depende de um conjunto de condicionantes económicas (crescimento económico, desemprego estrutural, produtividade do trabalho, novas formas de contratação, etc.), demográficas (aumento da longevidade, redução da fecundidade, movimentos migratórios, permanência no mercado de trabalho, etc.), fiscais (carga fiscal, composição do esforço fiscal, incentivos à declaração de rendimentos do trabalho e outros, neutralidade económica do sistema, etc.) políticas (visão de curto prazo, descontinuidade das políticas, desconfiança em relação ao Estado, miopia geracional, etc.) e sociológicas (cultura previdencial, literacia financeira, desconfiança em relação aos mercados financeiros...

Empreendedorismo, Responsabilidade Social e Sustentabilidade Empresarial O Caso do Museu do Marceneiro

Silva, Maria Luísa; Jorge, Fátima
Fonte: Ed. Vespa Publicador: Ed. Vespa
Tipo: Parte de Livro
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
A partir da análise teórica do conceito de empreendedorismo, responsabilidade social (RS) e sustentabilidade empresarial é destacada a relação entre práticas de responsabilidade social e a sua ligação à sustentabilidade empresarial e que resultem de atitudes empreendedoras. Analisámos também de que modo é que as práticas de RS e o empreendedorismo podem ir ao encontro da sustentabilidade empresarial, acreditando ser essencial uma atitude de cooperação interinstitucional entre Estado, empresas e organizações da sociedade civil, para uma efectiva promoção da RS das Empresas e do Empreendedorismo. Procurámos conhecer o tipo de estratégia de RS daquela empresa, utilizando o modelo conceptual desenhado pelos autores do estudo RS nas PME – Casos em Portugal (Santos et al., 2006).

Responsabilidade Social e Sustentabilidade Empresarial Para o Desenvolvimento Regional – O Caso da Edia, S.A.

Silva, Maria Luísa; Jorge, Fátima
Fonte: Ed. Vespa Publicador: Ed. Vespa
Tipo: Parte de Livro
Português
Relevância na Pesquisa
36.65%
A partir da análise teórica dos conceitos de desenvolvimento sustentável, responsabilidade social e sustentabilidade empresarial, é destacada a relação entre desenvolvimento regional e estratégias de sustentabilidade empresarial que integrem práticas de responsabilidade social. Abordadas à luz da estratégia de desenvolvimento regional Alentejo 2015 reflectimos sobre as práticas de responsabilidade social adoptadas pela EDIA, S.A., uma sociedade anónima de capitais exclusivamente públicos. Procurámos identificar o tipo de estratégia de Responsabilidade Social desta organização e concluímos que, alinhada com a estratégia, a Responsabilidade Social pode constituir um forte motor de crescimento que conduz à sustentabilidade empresarial e desenvolvimento sustentável.