Página 5 dos resultados de 11940 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

O peso das palavras, o choque dos ideais: uma análise crítica dos indicadores de sustentabilidade como critérios para a gestão da comunicação organizacional; The weight of words, the clash of ideals: a critical analysis of Indicators of Sustainability criteria for the management of Organizational Communication.

Silva, Eduardo Augusto da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Uma nova ordem mundial está exigindo posturas efetivamente diferenciadas das organizações, de todos os setores e esferas, acompanhadas pela crescente vigilância da sociedade através de mecanismos de avaliação de suas atividades. No intuito de definir parâmetros éticos, foram e estão sendo desenvolvidos modelos de prestação de contas das atividades corporativas. Por meio deles, pretende-se que a sociedade e o mercado assumam o papel de auditores do processo e da transparência nos resultados sociais alcançados. Alguns desses mecanismos são os cada vez mais propagados Indicadores de Responsabilidade Social Corporativa e, mais recentemente, os Indicadores de Sustentabilidade, que parecem buscar responder mais adequadamente aos anseios de uma consciência social, muito assustada com o presente e o futuro do planeta. O objetivo geral desta pesquisa foi analisar se as Políticas de Comunicação Organizacional podem se utilizar dos principais modelos e guias de avaliação das ações corporativas como critérios efetivos de certificação nos âmbitos da RSC e da Sustentabilidade, sem configurar em estratégias reducionistas de promoção da imagem institucional e mercadológica. O método de pesquisa utilizado neste trabalho foi o estudo de caso...

Estratégias corporativas para a sustentabilidade: estudos de casos múltiplos; Sustainability corporate strategy: a multiple case study

Caridade, Annelise Vendramini da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/07/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Este estudo procura contribuir com as discussões sobre gestão estratégica corporativa para a sustentabilidade, procurando responder ao seguinte problema de pesquisa: "Como se dá a inclusão, nas estratégias corporativas para a sustentabilidade, das externalidades ambientais negativas geradas pela cadeia de valor em que a organização está inserida?" São objetivos deste trabalho: (i) analisar de que forma as organizações pesquisadas consideram, no processo de formulação de suas estratégias, o diagnóstico de suas externalidades negativas ambientais para também fazer gestão de risco estratégico socioambiental e aproveitar eventuais oportunidades; (ii) analisar como o processo de formulação de estratégias para a sustentabilidade dialoga com o processo de formulação estratégica geral das organizações pesquisadas; (iii) contribuir para o avanço do conhecimento da Administração no campo da gestão estratégica para a sustentabilidade, particularmente do ponto de vista da argumentação econômica teórica do tema da sustentabilidade. O referencial teórico consiste dos seguintes macro temas: estratégia corporativa, desenvolvimento sustentável, externalidades e estratégia corporativa para a sustentabilidade. O referencial teórico orientou a realização de uma pesquisa empírica...

Indicadores de sustentabilidade ambiental sob a ótica da lógica de ciclo de vida.; Environmental sustainability indicators under the life cycle thinking perspective.

Viñas, Rafael Selvaggio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Sob um escopo abrangente, o desafio associado à busca do desenvolvimento sustentável pode ser interpretado como o desafio de realizar decisões baseadas em algumas concisas informações. Diversas informações são publicadas utilizando técnicas para mensuração de desempenho ambiental, a exemplo dos indicadores de sustentabilidade, de forma a entender o que está acontecendo e auxiliar tomadas de decisão. O objetivo da dissertação pode ser descrito como avaliar a hipótese que um indicador de sustentabilidade ambiental deve ser calculado através de Lógica de Ciclo de Vida. Neste contexto uma forma simplificada de conceituar sustentabilidade é garantir que o consumo de recursos naturais não esgote sua disponibilidade. Uma vez que as necessidades humanas (manutenção do bem-estar humano) são atendidas por meio de produtos, compreende-se que todo o consumo de recursos naturais ocorre ao longo do ciclo de vida de um produto (bem ou serviço). Este trabalho define Indicador de Sustentabilidade (Ambiental) como a reunião de parâmetros que represente a informação sobre consumo de recursos naturais devido a toda interação antrópica com o meio ambiente. São necessárias ferramentas quantitativas que auxiliem tomadores de decisão a compreender o consumo de recursos naturais ao longo do ciclo de vida de produtos. A Lógica de Ciclo de Vida - LCV - oferece uma imagem diferenciada e completa da remoção de recursos da natureza...

O sistema de treinamento, desenvolvimento e educação (TD&E) voltado para sustentabilidade ambiental nas empresas: um estudo de casos múltiplos em uma indústria de defensivos agrícolas e uma empresa prestadora de serviços ambientais; Training, Development and Education (TD&E) system for environmental sustainability in companies: A multiple case study on crop protection industry and a environmental series company.

Teixeira, Isabela Grespan da Rocha
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/10/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
As ações educativas sobre sustentabilidade ambiental constituem uma ferramenta cujo intuito é aumentar a consciência das pessoas sobre os problemas ambientais e sobre suas consequências para a humanidade. Quando bem estruturadas e aplicadas, elas têm um papel importante na mudança dos hábitos das pessoas. Nesse sentido, as organizações podem contribuir aplicando-as a seus funcionários e a outros stakeholders. Assim, o objetivo desta pesquisa é identificar como as empresas da indústria de defensivos agrícolas e prestadoras de serviço ambiental desenvolvem seus sistemas de treinamento, desenvolvimento e educação (TD&E) relacionados à sustentabilidade ambiental. Para atingir os objetivos propostos, foi realizado um estudo de casos múltiplos em duas empresas. Uma indústria de defensivos agrícolas e uma empresa prestadora de serviços ambientais. Com esses estudos de caso, foi possível entender a interação do departamento de recursos humanos para essas ações de sustentabilidade ambiental, ver como a EA e a EDS são trabalhadas com os funcionários de diferentes níveis organizacionais. Foi possível também entender como as empresas realizam o levantamento de necessidade de treinamento (LNT), como elas planejam e como avaliam as ações educacionais para sustentabilidade ambiental. Como implicações práticas...

Sustentabilidade Financeira Empresarial no Brasil; Business Financial Sustainability in Brazil

Branco, Adriel Martins de Freitas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
A sustentabilidade é um tema aceito pelo mercado e que vem ganhando destaque em várias áreas. Este trabalho traz a sua aplicação na área financeira com o intuito de contribuir para desenvolvimento das empresas. Dessa forma, foi realizada a análise de conteúdo para esclarecer as concepções do tema, que ainda não são claras. Para isso, duas técnicas complementares foram utilizadas: Revisão Sistemática e Categorização. A Revisão sistemática permitiu compreender os conceitos influentes na sustentabilidade e a sua aplicação. Já a Categorização foi utilizada para analisar os principais modelos de previsão de insolvência citados na literatura brasileira. O objetivo geral foi verificar se o desconhecimento dos fatores da sustentabilidade financeira contribui para o insucesso das empresas. Os objetivos específicos deste trabalho foram a) apresentar as concepções da sustentabilidade b) identificar as causas do insucesso empresarial c) extrair as principais variáveis dos modelos de previsão de insolvência d) apresentar os fatores do sucesso financeiro e) Compilar os fatores e desenvolver um modelo de Sustentabilidade Financeira. Os resultados contribuíram para o esclarecimento do tema e permitiram a elaboração de um modelo teórico de Sustentabilidade Financeira Empresarial...

Proposição de um framework para identificação de práticas de sustentabilidade social em cadeias de suprimento: uma aplicação no setor sucroenergético; Proposition of a framework for identifying social sustainability practices in supply chains: an application in sugarcane industry

Schiavon, Luís Carlos de Marino
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
O enfoque de sustentabilidade em cadeias de suprimento tem recebido atenção crescente na área acadêmica e no meio empresarial, nos últimos anos. A pesquisa acadêmica sobre sustentabilidade em cadeias de suprimento iniciou-se há aproximadamente uma década e a literatura aponta carência de abordagem sobre a dimensão social da sustentabilidade, com recomendação para o desenvolvimento de frameworks específicos para identificar práticas de sustentabilidade social em cadeias de suprimento. Visando contribuir para o preenchimento desta lacuna, tem-se como objetivo desenvolver e verificar a eficácia de um framework para esta finalidade. Tendo-se como referência uma revisão de literatura, propõe-se um framework composto por critérios e indicadores, que abrange a empresa produtora de bens e/ou serviços, fornecedores, distribuidores, atacadistas, stakeholders, comunidades e clientes. Para viabilizar a aplicação prática do framework, busca-se propor indicadores que sejam ao mesmo tempo, relevantes e simples. A aplicação do framework é realizada em uma cadeia de suprimento formada por três empresas do setor sucroenergético, que foi escolhido em função da representatividade desta atividade na economia brasileira, pelo volume significativo de mão de obra empregada...

Verdades portáteis : dilemas, desafios conceituais e limites da sustentabilidade no plano organizacional

Esteves, Sérgio Augusto Pires
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Considerando a relevância contemporânea da idéia de sustentabilidade e a sua ambigüidade, manifesta na fala de diferentes atores e nos textos de inúmeros autores, este estudo investiga uma questão conceitual central junto a pessoas que trabalham diretamente no campo - ou lidam indiretamente com ele na medida em que atuam em iniciativas correlatas ou pensam a contemporaneidade e seus efeitos sobre indivíduos, grupos sociais e instituições: que entendimento elas têm sobre sustentabilidade? Essa questão, endereçada sempre em entrevistas semi-estruturadas, teve sua exploração ampliada por duas outras questões complementares: a) como esse entendimento, historicamente, se formou; e b) como ele tem se transformado em ação, apontando para espaços e limites da sustentabilidade no plano dos indivíduos, das organizações e da sociedade. Além disso, os entrevistados, quando o desejaram, puderam, ao final de suas entrevistas, expressar-se livremente sobre o tema, fora do escopo das questões específicas de pesquisa. Suas observações foram acolhidas e consideradas neste estudo. A metodologia de pesquisa adotada foi a Grounded Theory, de natureza qualitativa. O principal motivo para a sua escolha, sendo uma metodologia que se propõe a estabelecer uma teoria que emana dos dados...

Interações entre elos de cadeias de valor : uma oportunidade de avaliação da sustentabilidade empresarial

Nehme, Marcelo Carlotto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
A interação entre os elos da cadeia de valor tornou-se uma das opções mais seguras na conquista de uma sociedade mais orientada na busca do desenvolvimento sustentável. A constatação de que o ambiente econômico socioambiental apresentado até o momento não foi capaz de suportar as necessidades impostas pela humanidade lançou pesquisadores e outros atores sociais na busca por um modelo de desenvolvimento que possa garantir a qualidade de vida e preservação do meio ambiente onde vivemos. Para alcançar a sustentabilidade de um sistema complexo com o esse é necessário que se possa avaliar a sua evolução. Várias ferramentas foram elaboradas, na última década, com o objetivo de avaliar a evolução da sustentabilidade de um sistema, mas nenhuma destas apresentou uma proposta de mensuração do índice de sustentabilidade adquirido. O presente estudo buscou desenvolver uma ferramenta de mensuração do índice de sustentabilidade de uma organização nas três dimensões de desenvolvimento: econômico, ambiental e social. O objetivo final desta tese é tornar disponíveis a todos os setores da sociedade um veículo de mensuração do índice de sustentabilidade de uma cadeia de valor proporcionando a mesma uma análise crítica de sua própria potencialidade. Foi realizado um estudo de caso avaliando três cadeias de valor totalizando nove empresas do setor metal mecânico na região de Caxias do Sul no Rio Grande do Sul. Os resultados obtidos...

Sustentabilidade e o ambiente virtual : análise do espaço real de práticas em sustentabilidade do banco real

Thomé, Vanessa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Este trabalho apresenta as práticas de sustentabilidade desenvolvidas pelo Banco ABN AMRO Real. A pesquisa busca identificar, através da análise de conteúdo do Espaço Real de Práticas em Sustentabilidade, inserido dentro do site do Banco, como a organização se comunica neste ambiente virtual e se esta consegue dar veracidade para a imagem de uma organização sustentável, por meio desta comunicação. Partindo do pressuposto de que os públicos acessam o site da organização em busca de informações sobre sustentabilidade, realizamos uma exposição teórica sobre os preceitos da sustentabilidade e como as organizações estão usando a comunicação digital. A partir desta, realizamos a análise de conteúdo deste espaço para verificar se a organização realmente atua sobre os preceitos da sustentabilidade e, diante do exposto, podemos confirmar que a comunicação realizada pela organização no Espaço Real de Práticas em Sustentabilidade fornece elementos suficientes para acreditar que a organização possui uma gestão sustentável.

Reinvenção espacial : agroecologia e turismo - sustentabilidade ou insustentabilidade?

Porto, Carmem Rejane Pacheco
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
A pesquisa desenvolvida nessa tese direciona a análise para os Caminhos Rurais de Porto Alegre, mais especificamente os estabelecimentos turísticos agroecológicos, ambos localizados na zona sul da capital. Parte-se do jogo dialético – sustentabilidade/insustentabilidade – ao se trabalhar com a idéia/princípio da complexidade que envolve a sustentabilidade do turismo no espaço rural. Buscam-se dimensões de sustentabilidade, em uma dinâmica espacial que gera impactos socioambientais e, no ato de transformar/transformar-se, modifica o ambiente e a vida das pessoas. Tem-se como objetivo analisar as transformações espaciais através de um enfoque teórico-metodológico, considerado alternativo. Na medida em que propõe um diálogo entre diferentes métodos, através do materialismo histórico busca-se investigar os arranjos espaciais e os modos de vida, em diferentes momentos históricos, sobretudo, a reorganização espacial entre os anos de 1997 e 2009. O processo de investigação dos períodos históricos operacionaliza-se através das categorias de análise forma (materialidade, significado), função (diversificação das atividades econômicas), estrutura (resistência, identidade, modos de vida) processo (tempo, mudança). O conceito de espaço geográfico possibilita leituras diferenciadas quando usados para análise dos resultados da interação sociedade e natureza durante um processo histórico...

Análise do desenvolvimento de indicadores para a avaliação de sustentabilidade de edifícios brasileiros; Analysis of indicators development for sustainability assessment of Brazilian buildings

Paula Roberta de Moraes Baratella
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Indicadores de sustentabilidade de edifícios são necessários para a avaliação de seu desempenho e impactos, para a definição de metas, avaliação de práticas típicas e para melhorar a qualidade da construção. No Brasil, notam-se esforços para definir indicadores de sustentabilidade nas diferentes escalas do espaço construído, que, no entanto, variam largamente e são definidos segundo critérios e metodologias não necessariamente replicáveis. Este trabalho tem o objetivo de analisar procedimentos metodológicos para o desenvolvimento de indicadores de edifícios no Brasil. Inicialmente, apesar da falta de métodos padronizados, um grupo de etapas fundamentais para o desenvolvimento de indicadores de sustentabilidade é identificado e uma análise final busca verificar a aderência de tal processo em métodos de certificação de sustentabilidade de edifícios disponíveis no Brasil (LEEDTM e Processo AQUA). O setor da construção é estratégico, mas também gera numerosos impactos que não podem ser ignorados. Para se movimentar em direção à sustentabilidade, a indústria da construção necessita de informação sobre seu desempenho, tendências e fatores de pressão. Um indicador é um parâmetro que provê informação e comunica fenômenos complexos de maneira simplificada...

INTERFERÊNCIAS DO DESIGN NA DIMENSÃO ECONÔMICA DA SUSTENTABILIDADE

Andrade, Erica Ribeiro de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Outros
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Dissertação de Mestrado - Erica Ribeiro de Andrade; As discussões em torno do desenvolvimento sustentável estão intimamente ligadas à inserção do design em grupos produtivos de pequeno porte. Em virtude de seu campo de atuação estar voltado para o suprimento das demandas sociais e de mercado, o design vem sendo entendido como elemento estratégico para inovação e ampliação das atividades comerciais, na constante melhoria de produtos e serviços, na constituição e preservação da identidade da organização ou grupo, em sua gestão, no suprimento de necessidades e desejos de clientes e usuários, assim como na busca pela diferenciação para melhoria da competitividade. Neste contexto, a presente pesquisa buscou investigar de que forma o design interfere nos aspectos da dimensão econômica da sustentabilidade em Grupos Produtivos de Pequeno Porte focados no artesanato. Esta pesquisa se classifica como Pesquisa Social, de natureza Qualitativa e, com relação aos seus objetivos, em Pesquisa descritiva, bibliográfica e participante. Delimitase ao estudo de caso do grupo de artesanato da Casa dos Girassóis, localizado na cidade de Florianópolis, Santa Catarina. Para viabilizar a coleta de dados em campo...

Avaliação de sustentabilidade em instituições públicas federais de ensino superior (IFES)

Freitas, Claudio Luiz de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 187 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Contabilidade, Florianópolis, 2013.; Nas últimas duas décadas a temática sustentabilidade ganhou os olhares da comunidade mundial. O tema tomou significado e relevância se tornando pauta de reuniões mundiais, envolvendo chefes de Estado e os interesses da sociedade civil, (KRUGER et al., 2011a; 2011b), incluindo as Instituições de Ensino Superior (IES) que, por suas características, possuem compromisso maior com a promoção da sustentabilidade. Nesse contexto, várias são as abordagens trazidas pela literatura ao tratar de sustentabilidade e gestão socioambiental em IES, destacando na literatura nacional a abordagem as Instituições Públicas Federais de Ensino Superior (IFES), sem, no entanto, evidenciar formas ou metodologias de avaliar a sustentabilidade socioambiental destas instituições. Nesse sentido, a presente dissertação tem como objetivo geral propor um Modelo de Avaliação de Sustentabilidade Socioambiental (MASS) para IFES. A metodologia, quanto aos objetivos, trata-se de um estudo descritivo-exploratório, de abordagem quali-quantitativa, realizado por meio de pesquisa bibliográfica e com o suporte do Sistema Contábil Ambiental (SICOGEA)...

Dilemas e perspectivas da sustentabilidade nas políticas de crédito para a agricultura familiar

Godoi, Tamissa Gabrielle
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 126 p.| il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas, Florianópolis, 2014.; O trabalho analisa de que maneira a temática da sustentabilidade vem sendo incorporada pelas políticas de crédito rural no Brasil. Percorre alguns níveis de influência desta relação com a finalidade de entender a complexidade da questão em diversos âmbitos. A temática pautou-se na crescente discussão e importância atribuída à sustentabilidade em diversos setores da sociedade e na relação entre os projetos de desenvolvimento apoiados pelos governos e suas políticas públicas. A pesquisa utilizou uma abordagem qualitativa, de modo a compreender o sentido que os atores sociais, especialmente os que atuam junto ao Sistema Nacional de Crédito Rural (SNCR), dão a ideia da sustentabilidade, como interpretam suas próprias experiências e como encaram as situações conflituosas geradas em torno do tema. O enfoque teórico-metodológico da investigação baseou-se na abordagem neo-institucionalista denominada  três is . Em sua fundamentação empírica, o estudo baseou-se na análise das políticas de crédito rural presentes no Território do Meio Oeste Contestado (SC)...

Motivos e variáveis da ausência da divulgação do relatório de sustentabilidade das companhias listadas na BM

Silva, Tiago Lucimar da
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 121 p.| il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Contabilidade, Florianópolis, 2014.; O objetivo principal da pesquisa em questão consiste em analisar os possíveis motivos da ausência da divulgação do Relatório de Sustentabilidade ou similar correspondente aos anos de 2011 e 2012 das empresas listadas na BM&FBOVESPA. Para tanto, adotou-se um estudo teórico-empírico de caráter descritivo-explicativo, cuja abordagem do problema se caracteriza como qualitativa e quantitativa. Empregou-se o método qualitativo com a finalidade de se conhecer, por meio de dados secundários - leitura do item ?7.8 ? Informações sobre relações de longo prazo relevantes do emissor? do Formulário de Referência - e dados primários - informações obtidas, via questionário das empresas que não evidenciaram informações neste item 7.8, os motivos da ausência da divulgação do Relatório de Sustentabilidade das empresas. Posteriormente, utilizou-se da abordagem quantitativa, caracterizada pela aplicação de instrumentos de análise estatística, a fim de identificar alguns fatores que influenciam na ausência da divulgação desses relatórios. A partir de teorias relacionadas à evidenciação social e ambiental...

Avaliação da sustentabilidade na construção : propostas para o desenvolvimento de edifícios mais sustentáveis

Mateus, Ricardo
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 24/09/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Tese de doutoramento em Engenharia Civil (ramo do conhecimento Processos de Construção); A presente dissertação apresenta o conceito “Construção Sustentável” como um resultado espectável para o desenvolvimento da indústria da construção, principalmente do sector dos edifícios, tendo por base o contexto actual do mercado da construção. A indústria da construção, principalmente o sector dos edifícios, apresenta uma elevada interligação com as três dimensões do desenvolvimento sustentável (ambiente, sociedade e economia). A construção sustentável é um conceito multidimensional que é baseado no desempenho de uma construção ao nível de cada uma das referidas dimensões. Este conceito está relacionado com a redução do consumo de energia não renovável, materiais e água e ainda da produção de emissões, resíduos e poluentes. Para que um edifício seja sustentável é necessário que durante o seu ciclo de vida se respeitem, entre outras, as seguintes prioridades: optimizar o potencial do terreno; preservar a identidade cultural regional; minimizar o consumo de energia; proteger e preservar os recursos de água; utilizar materiais e produtos de construção eco-eficientes; manter um ambiente interior saudável e confortável; optimizar as práticas de utilização e de manutenção; e reduzir dos custos de ciclo de vida. Os sistemas de avaliação e certificação da sustentabilidade de edifícios têm um papel importante no projecto...

A sustentabilidade e o conforto das construções

Silva, Sandra Monteiro
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 18/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Tese de doutoramento em Engenharia Civil (ramo de conhecimento em Processos de Construção); O ambiente construído produz grandes impactes no meio ambiente, na saúde humana e na economia. Adoptar estratégias de construção que garantam a Qualidade do Ambiente Interior e a sustentabilidade é uma forma de minimizar os impactes sócio-ambientais e maximizar o desempenho económico dos edifícios. Um ambiente interior saudável e confortável é uma premissa básica em todos os edifícios, é durante a fase de projecto que os conceitos de sustentabilidade dos edifícios devem ser aplicados, através da implementação de uma estratégia combinada que permita melhorar o conforto global e o comportamento energético, ao mesmo tempo que o impacte ambiental é reduzido, através de uma selecção judiciosa dos materiais, das tecnologias e dos métodos de construção a ser utilizados. A forma e configuração dos edifícios são o resultado de um processo complexo, em que devem ser considerados factores funcionais, técnicos e estéticos. A exposição aos ventos, o acesso solar, a protecção conferida pela envolvente, a qualidade do ar e o nível sonoro do local de implantação vão afectar a relação entre o edifício e o ambiente que o envolve...

Avaliação de desempenho de sustentabilidade de organizações públicas pelas partes interessadas

Coutinho, Vera Sofia Oliveira
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
A avaliação de sustentabilidade de organizações tem ganho relevância nos últimos anos, tendo sido visível o seu crescente reconhecimento no setor público. Cada vez mais há a necessidade de comunicar a sustentabilidade do setor, avaliando o seu desempenho económico-financeiro, ambiental e social. Neste âmbito, os instrumentos de avaliação de desempenho pretendem contribuir para o apoio à gestão e à tomada de decisão, fomentando a melhoria contínua e a comunicação com as partes interessadas (stakeholders), e potenciando a existência de benchmarking entre organizações do mesmo tipo. Os modelos de avaliação de desempenho de sustentabilidade para organizações do setor público constituem assim uma ferramenta de particular importância para a gestão, assumindo também um papel fundamental no envolvimento das organizações com as partes interessadas. A comunicação do desempenho de sustentabilidade a todos os interessados contribui igualmente para a transparência, credibilidade e reputação das organizações do setor. Apesar de existirem vários trabalhos sobre a importância do envolvimento das partes interessadas em processos de avaliação e gestão de desempenho de organizações, a integração ativa das partes interessadas em processos relacionados com a sustentabilidade organizacional tem sido pouco explorada...

Análise de sustentabilidade agro-hidrometeorológica no estado do Ceará

Alves,José M. Brabo; Campos,José Nilson B.; Vieira,Vicente de P. B.
Fonte: Sociedade Brasileira de Meteorologia Publicador: Sociedade Brasileira de Meteorologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
Esse artigo apresenta uma análise sobre o conceito de sustentabilidade e sugere índices para variáveis agro-hidrometeorológicas no Estado do Ceará. As variáveis analisadas foram totais anuais médios de precipitação no Estado, de vazões afluentes nos açudes que abastecem Fortaleza e Açude Orós, e totais anuais de produção e rendimento de grãos (milho e feijão). Os resultados mostraram que os índices de sustentabilidade em todas as variáveis, de acordo com a metodologia usada, são fortemente dependentes do fator de confiabilidade, resiliência e vulnerabilidade dessas variáveis ao longo dos anos, principalmente nas variáveis agrícolas. A vulnerabilidade e confiabilidade, em geral, estão fora de fase com a sustentabilidade. Maiores índices de sustentabilidade foram observados para produção de feijão, e precipitação e menores vazão afluente para os açudes da região Metropolitana de Fortaleza e produção de milho. Entretanto, análises de índices decadais de sustentabilidade dessas variáveis mostraram uma redução da magnitude dessas variáveis com tempo. Os resultados mostraram, também, que a sustentabilidade de todas as variáveis, mais evidente nas variáveis agrícolas são dependentes da grande variabilidade climática da região Nordeste. Novos estudos são necessários para avaliar qual limiar desses índices de sustentabilidade e seus parâmetros definidores estão associados com melhores (piores) condições de bem estar social e econômico no Estado do Ceará.

É correto pensar a sustentabilidade em níval local? Uma análise metodológica de um estudo de caso em uma Área de Proteção Ambiental no litoral sul do Brasil

Rodrigues,Aníbal; Tommasino,Humberto; Foladori,Guillermo; Gregorczuk,Anderson
Fonte: ANPPAS - Revista Ambiente e Sociedade Publicador: ANPPAS - Revista Ambiente e Sociedade
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2003 Português
Relevância na Pesquisa
36.8%
O artigo aqui apresentado discute a relação entre a sustentabilidade ecológica e a sustentabilidade social. Um extenso trabalho de campo na Área de Proteção Ambiental (APA), no município de Guaraqueçaba, litoral do Estado do Paraná, Brasil, durante os anos de 1999 a 2001 permitiu chegar às seguintes conclusões: a) Na inter-relação entre aspectos ecológicos e sociais, o social determina o ecológico. Dito de outra forma, a sustentabilidade ecológica é uma variável dependente da sustentabilidade social; b) As condições naturais impõem restrições mais ou menos importantes à viabilidade econômica e à sustentabilidade social; e c) A questão da sustentabilidade social não pode, nem deve, ser analisada desconsiderando os níveis dos subsistemas dentro do sistema maior