Página 8 dos resultados de 11940 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

AVALIAÇÃO DE SUSTENTABILIDADE: ESTUDO COMPARATIVO SOBRE ACESSIBILIDADE EM DOIS CENTROS DE ENSINO DE UMA IFES CATARINENSE PÚBLICA

D’Avila, Mariana Turnes; Nilson, Marisa; Silveira, Maria Luiza Gesser da; Pfitscher, Elisete Dahmer
Fonte: INPEAU Publicador: INPEAU
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Este trabalho tem por objetivo geral avaliar a sustentabilidade quanto a acessibilidade em dois Centros de Ensino de uma IFES Catarinense. A metodologia quanto ao objetivo é considerada exploratória e descritiva. No que se refere aos procedimentos trata-se de estudo de caso e quanto à abordagem do problema qualitativa. A trajetória metodológica divide-se em três fases. A primeira Revisão teórica onde são estudados os temas: sustentabilidade e responsabilidade social, acessibilidade, instituições de ensino superior e sistema de gestão ambiental - SICOGEA. Na segunda fase tem-se a Análise dos resultados, onde primeiramente apresenta-se um breve histórico da IFES pesquisada e após de cada Centro Pesquisado. Em continuidade apresenta-se o cálculo de sustentabilidade quanto a acessibilidade de cada Centro pesquisado e a terceira e última fase têm-se o Plano Resumido de Gestão Ambiental – 5W2H. No final conclui-se que a sustentabilidade do centro de ensino A foi considerada como fraca e no centro B como regular. Desta maneira, os centros devem se organizar para que possam melhorar o grau de sustentabilidade em relação às pessoas com deficiência. Para tanto, foi proposto o plano 5W2H, que visa melhorar o grau de sustentabilidade em relação à acessibilidade nos centros pesquisados.

Sustentabilidade das políticas territoriais no sudeste goiano

Moraes, Susan Eghrari
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, 2008.; Este estudo apresenta as políticas públicas territoriais presentes nos Planos Plurianuais federal e do estado de Goiás no período 2004/2007. Foi realizado um recorte territorial na Região Sudeste Goiano com o intuito de objetivar e melhor conduzir a pesquisa. Tomando como referência as dimensões da sustentabilidade, tais como a social, a ambiental, a econômica e a político-institucional, procedeu-se a uma análise e avaliação da sustentabilidade das políticas públicas territoriais presentes nos municípios que compõem o recorte territorial Sudeste Goiano. Estas políticas públicas territoriais se referem aos programas e às ações do Plano Plurianual estadual 2004/2007. Foi verificado o grau de sustentabilidade em 13 programas estaduais avaliados por meio de um conjunto de critérios e parâmetros definidos. A avaliação realizada aponta para resultados de baixa sustentabilidade na dimensão político-institucional, média sustentabilidade nas dimensões social e ambiental dos programas avaliados e boa sustentabilidade na dimensão econômica. Além disso, foram analisados quatro marcos instrumentais do Plano Plurianual federal 2004/2007...

Entre o combate à seca e a convivência com o semi-árido : transições paradigmáticas e sustentabilidade do desenvolvimento

Silva, Roberto Marinho Alves da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2007.; O Semi-árido brasileiro abrange 1.133 municípios, com uma área de 969.589,4 km2, correspondendo a quase 90% da Região Nordeste e mais a região setentrional de Minas Gerais. Com uma população de mais de 21 milhões de pessoas (11% da população brasileira), essa região experimentou alguns avanços econômicos e sociais nas últimas décadas. No entanto, verifica-se que, em sua maior parte, o Semi-árido ainda é caracterizado por um baixo dinamismo econômico, com indicadores sociais abaixo das médias nacional e regional e pela degradação ambiental que incide sobre seus frágeis ecossistemas. A persistência das graves problemáticas remete à atualidade da questão sobre a possibilidade e o significado de um desenvolvimento que considere as especificidades e características socioeconômicas e ambientais do Semi-árido. A pesquisa buscou analisar as principais concepções e alternativas de intervenção regional, apreendendo as suas relações com os diferentes paradigmas de desenvolvimento. O objetivo é identificar os fundamentos para uma proposta alternativa de desenvolvimento sustentável no Semi-árido brasileiro. A revisão da literatura e os estudos documentais possibilitaram o resgate dos processos de formulação dos pensamentos sobre aquela realidade assim como a identificação das formas de institucionalização e de efetivação das proposições de desenvolvimento nas iniciativas governamentais e de outros atores sociais. Os resultados da análise indicam que o significado da sustentabilidade do desenvolvimento no Semi-árido está sendo disputado por diferentes matrizes de pensamento que são defendidas por atores sociais. Verifica-se que a proposta do "combate à seca e aos seus efeitos"...

Avaliação do grau de sustentabilidade das ações em HIV/aids desenvolvidas pelas ONGs que executaram projetos financiados pelo Programa Nacional de DST/aids: a perspectiva dos Stakeholders

Terabe, Sandro Haruyuki
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Este estudo propõe uma avaliação formativa para medir o grau de sustentabilidade das ações em HIV/aids desenvolvidas pelas Organizações Não-Governamentais (ONGs)que executaram projetos financiados pelo Programa Nacional de DST e aids (PN), no Estado de São Paulo, a partir da perspectiva de seus Stakeholders (usuários da avaliação). Serviram de base para a construção deste estudo a abordagem da Avaliação Focada na Utilização (AFU) de Patton (1997) e a avaliação visando à melhoria do Programa de Scriven (1967). Foram construídos conceitos estruturantes e orientadores que possibilitaram ageração de dados e informações, na tentativa de compreender a relação do fenômeno sustentabilidade, com suas condições e implicações. As três dimensões da sustentabilidade: técnica, política e financeira, propostas por Armani (2001), foram utilizadas como componentes do programa, dentro de uma perspectiva de trabalho emrede. Trabalhou-se como dimensões da sustentabilidade as operações da problematização, do enredamento, do recrutamento e da mobilização, tiradas do conceito de tradução, proposto por Callon (1980), na teoria ator-rede. O modelo construído identificou pontos fortes e fracos dos programas, na medida em que suas ações são influenciadas pela instabilidade do trabalho em rede. Após a construção do modelo teórico da avaliação...

Avaliação da sustentabilidade da construção : desenvolvimento de uma metodologia para a avaliação a sustentabilidade de soluções construtivas

Mateus, Ricardo; Bragança, L.
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /10/2004 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
A Indústria da Construção, nomeadamente o sector dos edifícios, é um dos sectores económicos mais importantes na Europa. No entanto, continua a basear-se excessivamente em métodos de construção tradicionais e mão-de-obra não qualificada, sendo caracterizada pelo consumo excessivo de matérias-primas, de recursos energéticos não renováveis e pela excessiva produção de resíduos. Globalmente, a construção de edifícios é responsável pelo consumo de 40% dos recursos minerais (pedra, brita, areia, etc.), 25% da madeira, 40% da energia e 16% da água consumidos anualmente (Roodman, 1995). Em Portugal, apesar de existirem enviezamentos significativos entre os dados estatísticos e a realidade, estima-se que os edifícios (habitação e serviços) durante a fase de utilização são responsáveis pelo consumo de cerca de 20% dos recursos energéticos nacionais, 6,7% do consumo de água e pela produção anual de 420 milhões de metros cúbicos de águas residuais (DGE, 2000 e INE, 2002). De acordo com o Instituto Nacional de Estatística, a indústria da construção é responsável pela produção anual de cerca de 7,5 milhões de toneladas de resíduos sólidos. Esta realidade traduz-se em significativos impactes ambientais...

A integração da sustentabilidade no "Balanced Scorecard" : um estudo de caso

Oliveira, Elda Manuela Araújo
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação de mestrado em Contabilidade; A implementação do BSC numa organização implica uma profunda mudança na maneira como a empresa é gerida, sendo que a sua implementação não é uma tarefa simples, pois os desafios surgem antes mesmo de se decidir utilizar o BSC. Neste contexto, a literatura tem evidenciado as dificuldades e obstáculos enfrentados pelas organizações na implementação e uso do BSC (por exemplo Hoque e James, 2000; Martinsons, 1999; Sanger, 1998). Os sistemas de medição de desempenho (SMD) representam uma das ferramentas mais usadas para aumentar a probabilidade de os objectivos traçados serem atingidos (Ferreira, 2009). Os resultados obtidos em alguns estudos sugerem que a adopção do BSC tem um impacto positivo no desempenho empresarial (Hoque e James, 2000; Davis e Albright, 2004; Malina e Selto, 2001). Mas, contrariamente, outros estudos têm mostrado alguns impactos negativos desta abordagem (Maiga e Jacobs, 2003; Braam e Nijssen, 2004; Strohhecker, 2004). A integração da sustentabilidade no BSC é uma das novas áreas de aplicação do modelo (Ferreira, 2009). A sustentabilidade refere-se à condição em que a actividade económica e empresarial atende às necessidades do presente...

Os relatórios de sustentabilidade e os auditores : estudo às empresas cotadas na Euronext Lisboa

Cortinhas, Ana Luísa Pires
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação de mestrado em Contabilidade; Esta dissertação, através da perspetiva positivista, pretende analisar quais os fatores corporativos que justificam a publicação dos relatórios de sustentabilidade voluntariamente pelas empresas, bem como os fatores corporativos que sustentam a sua opção de os credibilizar. Para tal, foram realizados dois estudos, atendendo às empresas cotadas na Euronext Lisboa no final de cada exercício económico no período de 2008 a 2011. O primeiro estudo analisa quais as características das empresas que justificam a opção de publicação de um relatório de sustentabilidade. Recorrendo aos modelos logit e probit concluiu-se que as empresas de maior dimensão, menos endividadas e com maior número de participadas estrangeiras tendem a publicar o relatório de sustentabilidade. O segundo estudo analisa quais as características das empresas que justificam a opção de possuir um relatório de sustentabilidade credibilizado por uma entidade independente/auditor. Usando uma vez mais os modelos logit e probit, os resultados indicam que as maiores e mais endividadas são mais propensas a credibilizarem externamente os seus relatórios de sustentabilidade. Quanto é do nosso conhecimento...

Relatórios de sustentabilidade: que futuro? O papel dos auditores e da auditoria nesse futuro.

Teixeira, Carla João de Sousa
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
A presente investigação desenvolve o tema da sustentabilidade, ou dito de outra forma, desenvolvimento sustentável. Isto interessa aos países, às organizações e aos cidadãos em geral. Neste pressuposto, este trabalho centra-se nos relatório de sustentabilidade, designação que, actualmente, vem substituir outros que se sucederam ao longo dos tempos, por exemplo: relatórios de responsabilidade social; relatórios ambientais; relatórios de ambiente, saúde e segurança. Porém, os relatórios de sustentabilidade, para serem totalmente compreendidos, devem ser inseridos nos sistemas de informação e comunicação das organizações, onde é verificável que cada vez mais se quer prestar contas, sobre as acções desenvolvidas na esfera da sustentabilidade, de forma credível. No processo de verificação e validação, a auditoria e os auditores têm um papel crucial, contudo, verifica-se que teóricos e práticos, nomeadamente, as empresas de referência mostram que a "sustentabilidade" não deve ser tratada "à parte" mas estar presente em tudo o que é realizado, e neste sentido, as três dimensões que a revelam: ecónomica, social e ambiental. Neste quadro, o objectivo desta dissertação anda em torno de se perceber qual será o futuro dos relatórios de sustentabilidade. O trabalho desenvolvido confirma a problemática que guiou o estudo. Tende-se e é recomendável que as organizações venham a elaborar relatórios únicos integrados...

Indicadores de sustentabilidade aplicados ao contexto do desenvolvimento turístico português

Stilwell, Diogo Campos de Carvalho, 1986-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Tese de mestrado. Biologia (Ecologia e Gestão Ambiental). Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências,; O Turismo foi considerado, durante muito tempo, uma actividade não poluente, então designada por “indústria sem chaminés”. No entanto, os avanços tecnológicos possibilitando viagens mais frequentes e o crescimento do sector trouxeram impactos significativos, quer sociais, ambientais ou económicos. A sustentabilidade é, por isso um elemento central na discussão sobre o turismo actual e futuro e, mais que um conceito abstracto, precisa ser mensurável. Considerando que turismo verdadeiramente sustentável é um objectivo utópico num futuro previsível, uma intervenção mais objectiva deverá considerar a monitorização de melhorias de performance do turismo e respectivas tendências, através de indicadores de sustentabilidade. Os indicadores devem considerar-se numa lógica que lhes confira um papel relevante enquanto instrumentos. A sua insuficiência, enquanto representantes de modelos incertos e imperfeitos no retratar a realidade e a necessidade da tomada de um compromisso entre vários factores como a relevância ou a validade científica não impede que, com eles, se possam construir robustas ferramentas de promoção da sustentabilidade. No contexto da actual crise...

A tomada de decisão no planeamento da exploração agrária no contexto da sustentabilidade: o caso da produção de carne bovina maronesa

Costa, Ana Alexandra Vilela Marta Rio
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Tese de Doutoramento em Ciências Agro-Sociais; As explorações agrárias encontram-se sujeitas a um duplo compromisso, muitas vezes conflituoso e determinante para o seu sucesso, sendo que, por um lado, há que rendibilizar o capital investido pela maximização do resultado económico e, por outro lado, face à conjuntura sócio-ambiental, é necessário preservar e proteger o ambiente e os recursos naturais, para além de promover a equidade social. Tratam-se, assim, de dois objectivos potencialmente conflituosos, porque a satisfação de um implica a penalização do outro. Coloca-se, deste modo, a questão de saber qual a solução a adoptar. Pretende-se, com este trabalho, contribuir para o planeamento de uma exploração agrária cujo objectivo é a produção de carne bovina, tendo em vista conciliar critérios de sustentabilidade ambiental com critérios de competitividade económica. Para isso, procede-se ao estudo comparativo da sustentabilidade dos diferentes grupos de explorações identificados na área em estudo (primeiro ciclo de avaliação - grupos “raça Maronesa”; “outras raças” e “raças mistas”), através da aplicação da metodologia MESMIS - “Marco para la Evaluación de Sistemas de Manejo de Recursos Naturales Mediante Indicadores de Sustentabilidad”...

Gestão do design e sustentabilidade. Gestão do design e sua adequação a um novo paradigma regido pela sustentabilidade

Ferreira, Manuel Maria Eva Ferreira Damião
Fonte: Faculdade de Arquittectura de Lisboa Publicador: Faculdade de Arquittectura de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Tese de Mestrado em Design de Produto; Esta investigação é focada na área da ‘Gestão do Design’, em particular na forma como os parâmetros que regem a actividade desta são influenciados pela imposição de um paradigma caracterizado pela Sustentabilidade. O estudo é centrado nas funções que a ‘Gestão do Design’ desempenha no contexto de desenvolvimento de novos produtos e serviços, e na sua articulação com os restantes intervenientes nesse processo, que influenciam e condicionam a actividade da ‘Gestão do Design’, bem como o produto final desse processo. A abordagem realizada a este tema contempla num primeiro momento um relato histórico desta problemática cruzando-o com uma contextualização mundial relativa ao desenvolvimento sustentável, tendo sido para tal utilizada uma comparação internacional entre três países. É feita referência ao papel da cultura nacional como elemento condicionante da adopção de práticas sustentáveis, bem como ao papel da disciplina de Design como principal influenciador da performance sustentável dos produtos que projecta e também da cultura de uma sociedade. Num segundo momento, é apresentada uma descrição da ‘Gestão do Design’, das suas funções e relações no contexto interno de uma empresa...

Práticas de sustentabilidade agrícola numa empresa de produçao de uva : estudo de caso

Sequeira, Ana Catarina Teixeira Romão
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Mestrado em Ciências Empresariais; As decisões relacionadas com a gestão do solo ao nível da propriedade agrícola são de grande importância quer para o presente quer para o futuro estado dos recursos naturais. As práticas de sustentabilidade agrícola implementadas ao nível da propriedade são o veículo pelo qual essas decisões são executadas, e são ferramentas de análise para a implementação de políticas a uma escala mais alargada. O presente trabalho teve como objetivo a análise das práticas de sustentabilidade agrícola adotadas por uma empresa de produção de uva de mesa, situada numa propriedade alentejana. Os dados foram recolhidos através de uma entrevista semiestruturada. Fez-se a discussão dos resultados obtidos, concluindo-se que a empresa Vale da Rosa evidencia preocupações ao nível da sustentabilidade agrícola já que implementa uma grande parte das práticas de sustentabilidade agrícola consideradas neste trabalho e procura uma certificação ambiental num futuro próximo.; Decisions related to land management at the farm?s level are of great importance for the present and for the future state of natural resources. Agricultural sustainability practices implemented at the farm?s level are the vehicle by which these decisions are effected. They are also analytical tools for discussion and implementing policies on a wider scale. This study aimed to analyze the sustainability of agricultural practices adopted by an enterprise of the area of viticulture...

A lean construction e a sustentabilidade – paradigmas complementares implementação de um modelo de optimização

Vieira, Alexandra Rueff
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia Civil – Perfil Construção; Numa era onde a sustentabilidade é a principal preocupação que se encontra presente à nossa volta, esta também se tornou numa preocupação constante que afecta o sector industrial. Não sendo excepção à regra, o sector da construção não ficou indiferente a esta preocupação,procurando adoptar indicadores que sejam capazes de medir a sustentabilidade em obra. Por outro lado, existe o conceito de Construção Enxuta (Lean Construction) que se está a tornar numa realidade cada vez mais presente neste sector, cujo objectivo é controlar e eliminar os desperdícios. Uma vez que ambos os conceitos têm a mesma ideologia, este trabalho pretende analisar a relação entre conceito de Construção Enxuta e conceito de Sustentabilidade. O presente trabalho procura, numa primeira fase, identificar as compatibilidades existentes entre a Construção Enxuta e a Sustentabilidade, estudando a teoria que envolve ambos os conceitos. Numa segunda fase, pretende-se familiarizar com o Índice de Sustentabilidade em Obra (ISO) desenvolvido pela empresa Soares da Costa (SDC). Por fim,focando-se no caso de estudo, este trabalho visa aplicar as ferramentas e técnicas Enxutas numa obra pertencente à SDC com o intuito de observar quais as relações que se estabelecem pela aplicação destes últimos no ISO. O trabalho baseia-se na recolha e análise de documentos fornecidos pela empresa...

Perfil de sustentabilidade do setor público: o caso da administração pública central portuguesa

Figueira, Inês Alexandra dos Santos
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia do Ambiente, Perfil de Ordenamento do Território e Impactes Ambientais; O desenvolvimento sustentável e a construção de sociedades mais justas e participativas são duas das principais metas dos países. Porém, para que tal seja possível, é essencial que os Governos e as organizações (públicas e privadas) incorporem todas as vertentes da sustentabilidade na definição dos seus objetivos e metas, nas suas operações e processos e na avaliação e promoção do seu desempenho. Neste contexto, o setor público desempenha um papel fundamental, pois lidera e define as iniciativas estratégicas que vão determinar o destino dos países, influenciando as sociedades e o seu sucesso. Contudo, este setor tem sido frequentemente deixado fora do âmbito dos estudos sobre a integração da sustentabilidade. Esta dissertação tem por objetivo identificar as práticas e ferramentas de sustentabilidade adotadas pelas organizações do setor público, utilizando como caso de estudo a Administração Pública Central Portuguesa (APCP). Para atingir tal objetivo, desenvolveu-se um inquérito por questionário que foi submetido às organizações da Administração Direta e Indireta...

Sustentabilidade de empreendimentos imobiliários de grande dimensão

Mestre, Susete Gertrudes Oliveira
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia e Gestão de Água; Ao longo do início do século XXI observou-se um aumento de ambientes construídos (construção de edifícios e áreas de apoio à sociedade), onde as questões ambientais têm sido mais valorizadas, mas ainda não suficientemente. A intensificação das atividades humanas, particularmente da construção civil, pressionou a sustentabilidade dos escassos recursos naturais, assistindo-se a um crescente desequilíbrio ecológico do planeta, o que compromete o futuro de toda a nossa sociedade. Com o objetivo de avaliar, qualitativamente e quantitativamente, os impactes, e propor medidas que os reduzam, numa ótica de sustentabilidade, é cada vez mais urgente considerar os impactes potenciais e reais associados ao ambiente construído. A análise da situação deve ser realizada, de preferência, numa fase de anteprojeto, de forma a serem encontradas medidas que permitam minimizar os impactes e, se possível, eliminá-los. A preocupação atual é a criação de ambientes mais sustentáveis, onde os espaços verdes urbanos desempenhem um papel fundamental. Este estudo pretende contribuir para a apreciação sistemática da sustentabilidade em grandes empreendimentos imobiliários...

Cognição e sustentabilidade: estudo de casos múltiplos no índice de sustentabilidade empresarial da BM&FBovespa

Nobre,Farley Simon; Ribeiro,Rhubens Ewald Moura
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
A busca da sustentabilidade nas organizações demanda de seus participantes uma complexidade cognitiva mais elevada devido às suas dimensões sistêmicas e aos seus múltiplos critérios associados à economia, à sociedade e ao meio ambiente. Este artigo estuda a relação entre Grau de Complexidade Cognitiva (GCC) e Sustentabilidade em Organizações (SEO) de empresas listadas no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da Bolsa de Valores de São Paulo (BM&FBOVESPA). Como metodologia de pesquisa, adotou-se uma abordagem qualitativa, conduzida por meio de estudo de casos múltiplos. Utilizou-se pesquisa documental para levantar relatórios de sustentabilidade e questionários do ISE que foram submetidos à análise de conteúdo. A amostra intencional foi constituída por seis empresas que disponibilizaram por completo seus relatórios de sustentabilidade e questionários do ISE. As avaliações de GCC e SEO das empresas foram realizadas respectivamente sob as óticas do modelo de Criação de Valor Sustentável (CVS) e das dimensões, critérios e indicadores do ISE. Resultados de análises permitiram verificar similaridades e diferenças entre os casos estudados e confirmaram a existência de uma relação com tendência positiva entre GCC e SEO.

Formação interdisciplinar e sustentabilidade em cursos de administração: desafios e perspectivas

Demajorovic,Jacques; Silva,Helio Cesar Oliveira da
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
A incorporação da educação para a sustentabilidade nos currículos formais, como instrumento que estimule os indivíduos à reflexão e à ação acerca dos desafios da sustentabilidade, tem se mostrado uma tarefa bastante complexa nos mais diferentes campos de conhecimento. Isso se evidencia, particularmente, quando se pensa nas estruturas dos currículos tradicionais dos cursos de administração. Este artigo tem como objetivo identificar desafios para a integração da sustentabilidade em cursos de administração e como esse conhecimento influencia na trajetória profissional de egressos de um curso de Administração com Linha de Formação Específica em Gestão Ambiental. A metodologia empregada incluiu o envio de um questionário para as duas primeiras turmas de formandos do curso e a realização de um grupo focal para aprofundamento dos resultados levantados na primeira fase. Os resultados mostram que os alunos reconhecem as práticas interdisciplinares como elementos centrais em seu processo de formação, considerando que elas contribuem para o desenvolvimento de competências profissionais significativas para um administrador com responsabilidade socioambiental. As competências mais mencionadas pelos egressos foram trabalho em equipe e negociação com atores sociais. Entretanto...

Caminhos e desafios para a inserção da sustentabilidade socioambiental na formação do administrador brasileiro

Venzke,Cláudio Senna; Nascimento,Luis Felipe Machado do
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
As características da sustentabilidade socioambiental têm um efeito profundo no modo como as instituições acadêmicas devem gerar conhecimento para incluí-la nos seus objetivos, pois, dentre os papéis da academia, destaca-se a geração de pesquisa interdisciplinar e de conhecimento científico, baseada na resolução de problemas na sociedade. Neste ensaio argumenta-se que as instituições brasileiras de ensino que formam administradores necessitam ampliar a base epistemológica atual para serem capazes de resolver, de modo mais completo, as questões relacionadas à sustentabilidade socioambiental. Dessa forma, o objetivo é de refletir sobre o processo para a geração de arranjos de conhecimentos voltados à inserção da sustentabilidade socioambiental nos cursos de Administração brasileiros, procurando avançar em relação às pesquisas já desenvolvidas sobre o tema, tendo-as como base. Foram analisados artigos da literatura nacional e internacional que tratam do tema, buscando identificar a situação atual da inserção da sustentabilidade na formação dos administradores. O escopo teórico que embasa este artigo está focado no pensamento complexo, conforme a visão de Edgar Morin. Assim, este artigo busca relacionar as ideias sobre complexidade com proposições de autores que visualizam as relações entre as estruturas e os processos...

Desafios (e dilemas) para inserir "Sustentabilidade" nos currículos de administração: um estudo de caso

Gonçalves-Dias,Sylmara Lopes Francelino; Herrera,Carolina Bohórquez; Cruz,Myrt Thânia de Souza
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Apesar de quase três décadas de intensos debates em torno da temática sustentabilidade, permanecem uma série de indefinições sobre este tema, o que desperta indagações sobre suas delimitações, seus traços definidores, seu potencial de inovação, sua interdisciplinaridade e capacidade de diálogo de suas interfaces com outros campos de conhecimento e de prática. Nesse contexto, este artigo pretende analisar os desafios (e dilemas) enfrentados por uma Instituição de Ensino Superior para inserção da disciplina "sustentabilidade" no curso de administração. Isto se reflete nas estratégias e práticas tanto no âmbito da gestão empresarial, como no que tange ao projeto pedagógico e às práticas de ensino de aprendizagem utilizadas para a formação de futuros administradores. Assim, a construção do artigo está baseada em pesquisa bibliográfica, documental, entrevistas e na vivência dos autores como docentes no curso de administração, selecionado por conveniência. Organizaram-se os dados e as informações da experiência, por meio de estudo de caso em um contexto de pesquisa exploratória. Diferentes variáveis de inserção da temática de sustentabilidade foram analisadas, envolvendo desde as disciplinas que contemplam o projeto pedagógico e seus conteúdos até a análise das estratégias didático-pedagógicas adotadas. Nesta direção...

Metodologia para avaliação da sustentabilidade de habitações de interesse social com foco no projeto

Carvalho,Michele Tereza Marques; Sposto,Rosa Maria
Fonte: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC Publicador: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.78%
Neste trabalho é proposta uma metodologia para análise da sustentabilidade de projetos de habitações de interesse social, denominada MASP-HIS. A principal motivação para seu desenvolvimento foi a necessidade de estabelecimento de indicadores de sustentabilidade para esses tipos de edificações, considerando-se ações orientadas ao desenvolvimento mais sustentável de sua produção. Para a construção da metodologia foram elaborados critérios para a verificação dos requisitos de sustentabilidade de projeto levando-se em consideração os aspectos ambiental, sociocultural e econômico. Essa metodologia pode ser utilizada para a identificação e solução de pontos críticos de projeto, quando são analisados seus índices de sustentabilidade parciais, e para o mapeamento da sustentabilidade de projeto na localidade de aplicação; além disso, também se aplica na verificação da evolução do índice de sustentabilidade ao longo do tempo. A metodologia foi aplicada em dois empreendimentos de habitações de interesse social, localizados na região Centro-Oeste do Brasil. Os resultados oferecem algumas evidências da sua adequabilidade.