Página 1 dos resultados de 472 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Novas estratégias de financiamento do agronegócio: uma análise sobre a viabilidade de emissão do CDCA pelas cooperativas; New strategies of agribusiness financing: an analysis about the viability of emission of CDCA by the cooperatives

Souza, Juliana Vilela Prado de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/03/2007 Português
Relevância na Pesquisa
46.93%
O CDCA - Certificado de Direitos Creditórios do Agronegócio e mais outros quatro títulos de financiamento foram institucionalizados em 31 de dezembro de 2004, pelo governo federal. Esses títulos têm como objetivo captar recursos no mercado financeiro de forma a suprir parte da demanda crescente por linhas de financiamento agrícola. O CDCA pode ser emitido por empresas do agronegócio, inclusive cooperativas agropecuárias e deve apresentar como lastro direitos de crédito. O objetivo desse estudo foi, então, analisar a viabilidade do CDCA enquanto instrumento de capitalização de cooperativas agropecuárias. Para essa análise buscou-se identificar os custos de operação, transação e financeiro das operações. Para se chegar ao objetivo, o estudo se baseou em duas fontes de dados: as operações já realizadas com os títulos e a estrutura de capital de cooperativas agropecuárias, bem como as operações a crédito realizadas por essas organizações. As empresas que emitiram o CDCA no mercado financeiro nacional e internacional incorreram em custos de transação e operação. Verificou-se que nas organizações analisadas, com alto nível de endividamento de curto prazo, com custo médio do capital elevado, puderam emitir o CDCA por taxas de juros bastante atrativas...

Indicadores de avaliação de desempenho de cooperativas agropecuárias: um estudo em cooperativas paulistas; Indicators for evaluating agricultural cooperatives´ performance: a study in the State of São Paulo

Carvalho, Flávio Leonel de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
66.95%
O objetivo desta pesquisa foi identificar os principais indicadores econômico-financeiros que devem ser considerados no acompanhamento do desempenho das cooperativas agropecuárias. Para tanto, foram analisados 172 demonstrativos financeiros de cooperativas agropecuárias paulistas, dos quais 22 não dispunham de todos os dados necessários, sendo portanto, excluídas, restando 150 observações. As cooperativas apresentam dupla dimensão: a social e a econômica. Estudos comprovaram que, em cooperativas agropecuárias, o desempenho social é uma conseqüência do desempenho econômico. Diante disso, optou-se por avaliar o desempenho dessas entidades utilizando-se de indicadores econômico-financeiros. Para tanto, foi empregada a ferramenta estatística Análise Fatorial, o que permitiu verificar o nível de correlação entre os diversos indicadores, bem como a possibilidade de agrupá-los em fatores. Como pré-requisitos à aplicação desta ferramenta foram utilizados os testes de esfericidade de Bartlett e o teste KMO. Por meio dos testes, comprovou-se adequado uso da ferramenta, porém objetivando melhorar o nível de significância do modelo foram retiradas da análise as variáveis que individualmente apresentavam um baixo nível de relacionamento com as demais...

Conselho fiscal e auditoria em cooperativas agropecuárias: uma análise sobre a adoção de práticas de monitoramento; Fiscal board and audit in agricultural cooperatives: an analisys of the monitoring praticies adoption level

Siqueira, Luciana Cardoso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
66.93%
A presente pesquisa analisa as práticas de governança corporativa indicadas aos seguintes mecanismos de monitoramento: (a) o conselho fiscal; (b) a auditoria externa e (c) a auditoria interna. Buscou-se verificar quão próximas as cooperativas agropecuárias estão do que é indicado pelos códigos de melhores práticas de governança. Utiliza-se como fundamentação teórica a perspectiva da firma como um conjunto de contratos em um contexto no qual pode existir delegação de parte do poder de controle e decisão dos ativos. Assim, analisa-se teoricamente as motivações para a adoção de estruturas de governança corporativa que desempenhem funções de monitoramento da gestão. Para tanto, considera-se a condição de incompletude dos contratos, os pressupostos comportamentais da racionalidade limitada e oportunismo dos agentes econômicos e o processo decisório em um contexto de propriedade coletiva. Nas análises, utilizou-se primeiramente as cooperativas agropecuárias constantes no banco de dados da FIPECAFI Melhores e Maiores entre os anos de 2005 e 2009. A amostra foi composta por 72 cooperativas para o período de cinco anos. Verifica-se que as empresas de auditoria externa que compõem o grupo das maiores apresentam menor representatividade no mercado de auditoria independente para cooperativas comparadas às menores empresas de auditoria constantes no banco de dados. Ainda...

A relação entre a riqueza criada e o desempenho econômico-financeiro das cooperativas agropecuárias brasileiras; The relationship between the value added and the financial performance of Brazilian agricultural cooperatives

Pinto, Anelise Krauspenhar
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.97%
A presente pesquisa tem como objetivo identificar a relação entre a riqueza criada e o desempenho econômico-financeiro das cooperativas agropecuárias no Brasil. As cooperativas são organizações econômicas intermediárias, que prestam serviços aos associados, satisfazendo suas necessidades econômicas particulares. O fato é que além das sobras, que pode ser uma estratégia das cooperativas a partir dos interesses dos associados, as cooperativas também prestam serviços, como assistência técnica, orientação, compra de insumos/produtos, comercialização, agregando valor e gerando riqueza aos associados. Assim, avaliar os resultados de uma cooperativa e o seu desempenho da mesma forma com que uma empresa, cuja finalidade é a maximização do lucro, é avaliada pode não ser o mais adequado. Identificou-se, então, a necessidade de buscar outra maneira que possa contribuir na mensuração dos resultados das cooperativas. A riqueza criada é uma maneira de avaliar o desempenho econômico e social de uma organização e, é evidenciada na Demonstração do Valor Adicionado. Para tanto, identificou-se a relação entre o valor adicionado produzido pela cooperativa e os índices econômico-financeiros relevantes na avaliação de desempenho das cooperativas agropecuárias...

Internationalization and diversification strategies of agricultural cooperatives: a quantitative study of the agricultural cooperatives in the state of Parana

Ritossa,Claudia Monica; Bulgacov,Sergio
Fonte: ANPAD - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração Publicador: ANPAD - Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2009 Português
Relevância na Pesquisa
66.82%
This study investigates the impact of internationalization on the results achieved by agricultural cooperatives in the State of Parana, at the same time examining strategies for diversification of markets as well as diversification of products aimed exclusively at international markets. Of the 28 cooperatives to be included in the study, 67.9% returned valid structured questionnaires. The collected data was submitted to non-parametric statistical analysis. Key findings suggest the following: external markets are served by indirect and direct exports; product diversification strategies are motivated by the creation of revenue alternatives to members and by the reduction of risks associated to agricultural business; diversification strategies are conceived to develop new business in accordance with market demand and to expand customized products from the existing portfolio; the formation of strategic alliances prioritizes access to distribution channels abroad; internationalization and diversification strategies produce positive results both from an economic and a social perspective.

A diversificação das atividades nas cooperativas agropecuárias no norte gaúcho; Diversification of activities in agricultural cooperatives in the Northern of Rio Grande do Sul

Fonte: Organizações Rurais & Agroindustriais Publicador: Organizações Rurais & Agroindustriais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
67.01%
Agricultural cooperatives are considered organizations that contribute to the socioeconomic development of the region in which they are located. The action form of the cooperatives, as focus on business diversification, can contribute to the generation of a stronger and more effective rural development. This study aims to demonstrate the diversification existing in the agricultural cooperatives from the Northern of Rio Grande do Sul state. The central objective is to identify and analyze the diversification types based on activities performed by agricultural cooperatives. The theoretical framework for data analysis takes into account the types of diversification used by the cooperatives, especially the concentric and the conglomerate ones. In concentric, new activities are carried out using the same set of technologies already dominated by the cooperative, while in conglomerate new activities are fulfilled but distinct from the usual activities of the cooperative. This study was conducted in three Rio Grande do Sul regions, through the application of a questionnaire on single agricultural cooperatives, affiliated to the Federation of Agricultural Cooperatives of Rio Grande do Sul (FECOAGRO). The results indicate that cooperatives diversify its internal activities offering to the members and community various services: connected to consumption...

Global Agricultural Trade and Developing Countries

Aksoy, M. Ataman; Beghin, John C.
Fonte: Washington, DC: World Bank Publicador: Washington, DC: World Bank
Português
Relevância na Pesquisa
46.7%
This book explores the outstanding issues in global agricultural trade policy and evolving world production and trade patterns. Its coverage of agricultural trade issues ranges from the details of cross-cutting policy issues to the highly distorted agricultural trade regimes of industrial countries and detailed studies of agricultural commodities of economic importance to many developing countries. The book brings together the background issues and findings to guide researchers and policymakers in their global negotiations and domestic policies on agriculture. The book also explores the key questions for global agricultural policies, both the impacts of current trade regimes and the implications of reform. It complements the recent agricultural trade handbook that focuses primarily on the agricultural issues within the context of the World Trade Organization (WTO) negotiations (Ingco and Nash 2004).

Providing Financial Services in Rural Areas : A Fresh Look at Financial Cooperatives

World Bank
Fonte: Washington, DC Publicador: Washington, DC
Português
Relevância na Pesquisa
46.89%
This report demonstrates that financial cooperatives can be sustainable providers of financial services in rural areas and development assistance needs to consider supporting them as a means to enhance access to rural finance. It does not suggest that financial cooperatives are the only providers or the preferred channel in all circumstances. For financial cooperatives to function as sustainable institutions, governments need to provide an enabling environment, not exercise excessive control that restricts growth and consolidation, and not use them as channels to provide subsidized credit. Integration into networks has wide-ranging benefits for financial cooperatives, ranging from improved governance to the ability to provide a wide range of services.

The Kyrgyz Republic : Farm Mechanization and Agricultural Productivity

Guadagni, Maurizio; Fileccia, Turi
Fonte: World Bank, Washington, DC and FAO, Rome Publicador: World Bank, Washington, DC and FAO, Rome
Português
Relevância na Pesquisa
46.81%
This policy note reviewed the status of farm machinery in the Kyrgyz Republic. Agricultural productivity, particularly in terms of grain yields, is low because of underinvestment. This note finds that a significant deficit in agricultural machinery is hindering sector productivity. The Kyrgyz Republic has fewer tractors per hectare than any comparable country, with a deficit estimated at 40 percent. The deficit of combine harvesters, estimated at 45 percent, is even more critical. When the age of agricultural machinery is taken into account, the underinvestment becomes even more acute. The reduced domestic production of wheat exacerbates food security concerns. Inadequate access to credit and small farm size are the main factors that constrain farm mechanization. The policy note presents three sets of short- to medium-term policy options to: i) promote the demand for farm machinery, by developing credit lines for agricultural productive assets, leasing, facilitating access to secondhand equipment, and testing/demonstrating the efficiency of farm machinery for small-scale farming; ii) increase the supply of farm machinery...

Cambodia

World Bank
Fonte: Washington, DC Publicador: Washington, DC
Tipo: Trabalho em Andamento
Português
Relevância na Pesquisa
46.7%
This report assesses the impact of participation in farmer organizations (FOs) on food security of rural households in Cambodia. The study is particularly set out to following: (1) examine FOs’ roles and operation and challenges for improving household’s food security; (2) analyze household’s characteristics that determine participation in FOs; (3) assess the impact of FOs on food security and livelihood of the rural poor; and (4) provide specific recommendations for changes in relevant legal acts and regulatory frameworks associated with FOs. The study concentrates on three types of FOs based on their predominance in Cambodia. Farmer groups (FG) are informal gatherings with 10-30 members. Farmer associations (FA) have more than 30 members and can either be informal or formal if registered at the Ministry of Interior. Agricultural cooperatives (AC) are business oriented, registered at the provincial department of agriculture (PDA) and comprise generally more than 30 members. This report is structured as follows: section one gives introduction. Section two reviews international as well as Cambodia’s experiences in farmer organizations to promote rural livelihoods and agricultural development. Section three details the research methodology employed in this impact assessment. Section four presents the detailed empirical findings. Section five concludes the report with a summary of the policy implications and recommendations.

Demonstração do Valor Adicionado como instrumento de evidenciação do impacto econômico e social das cooperativas agropecuárias  ; Statement of Added Value as a means of disclosing social and economic impacts of agricultural cooperatives

Londero, Paola Richter
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/06/2015 Português
Relevância na Pesquisa
56.89%
As cooperativas são responsáveis por promoverem estímulos ao desenvolvimento local. Tendo em vista que as cooperativas visam satisfazer as necessidades econômicas e sociais de seus cooperados, essas entidades apresentam dupla natureza, econômica e social. Já existem estudos que analisam a necessidade de alteração no tratamento contábil das sociedades cooperativas tendo em vista a sua dupla natureza, objetivando poder demonstrar o efetivo impacto econômico e social causado pelas cooperativas. Nesse contexto, este trabalho busca demonstrar como impacto econômico e social das cooperativas agropecuárias pode ser evidenciado por meio da Demonstração do Valor Adicionado (DVA). Para atender esse objetivo da pesquisa, realizou-se a construção do modelo de Demonstração do Valor Adicionado e, em seguida, realizou-se uma pesquisa empírica por meio de um estudo de caso. Por fim, também realizou-se uma pesquisa com dados de 72 cooperativas do estado do Rio Grande do Sul, analisando as informações geradas sobre o valor adicionado. As principais alterações sugeridas no modelo vigente de DVA foram à separação do ato cooperado e não cooperado nas informações sobre receita e insumos adquiridos, permitindo que informações sobre o valor adicionado por cada ato seja gerada...

The Economic Role of the Portuguese Agricultural Cooperatives

Rebelo,João; Caldas,José
Fonte: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural Publicador: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2015 Português
Relevância na Pesquisa
66.85%
Since 2008 Portugal began to be influenced by a financial crisis, public budget troubles and an economic crisis. In line with the new economic paradigm within the EU, is publicly acknowledged that the overcoming of this crisis should be based on the production of transactional goods, where the agricultural sector deserves a special attention. The objective of this paper is to analyze the economic role of the Portuguese agricultural marketing cooperatives, including an overview of the Portuguese agricultural sector, the typology of Portuguese cooperatives and position in the agro food chain, the institutional environment, internal governance and performance of the agricultural cooperatives.

The changing economic performance and political significance of Japan's agricultural cooperatives

Godo, Yoshihisa
Fonte: Universidade Nacional da Austrália Publicador: Universidade Nacional da Austrália
Tipo: Working/Technical Paper Formato: 178430 bytes; 352 bytes; application/pdf; application/octet-stream
Português
Relevância na Pesquisa
66.61%
Nokyo, the system of agricultural cooperatives in Japan, is one of the most politically powerful organisations in Japanese politics. It is a mammoth economic entity that provides almost every kind of service to rural areas. Nokyo’s economic performance has never been properly analysed because of the complexity of its business statistics. This paper fills this gap by compiling data on Nokyo’s economic activities over the past three decades. It finds that the mid-1990s was a turning point for Nokyo. Nokyo’s strength had been based on its privileged position in financial services, creating stability in its operations in the 1970s and 1980s. In the mid-1990s, as fierce competition began in Japan’s financial markets, Nokyo’s existence became less secure.; no

Understanding the Agricultural Input Landscape in Sub-Saharan Africa : Recent Plot, Household, and Community-Level Evidence

Sheahan, Megan; Barrett, Christopher B.
Fonte: World Bank Group, Washington, DC Publicador: World Bank Group, Washington, DC
Tipo: Publications & Research :: Policy Research Working Paper; Publications & Research
Português
Relevância na Pesquisa
46.71%
Conventional wisdom holds that Sub-Saharan African farmers use few modern inputs despite the fact that most growth-inducing and poverty-reducing agricultural growth in the region is expected to come largely from expanded use of inputs that embody improved technologies, particularly improved seed, fertilizers and other agro-chemicals, machinery, and irrigation. Yet following several years of high food prices, concerted policy efforts to intensify fertilizer and hybrid seed use, and increased public and private investment in agriculture, how low is modern input use in Africa really? This paper revisits Africa's agricultural input landscape, exploiting the unique, recently collected, nationally representative, agriculturally intensive, and cross-country comparable Living Standard Measurement Study-Integrated Surveys on Agriculture covering six countries in the region (Ethiopia, Malawi, Niger, Nigeria, Tanzania, and Uganda). The study uses data from more than 22,000 households and 62,000 plots to investigate a range of commonly held conceptions about modern input use in Africa...

Metodologia de rating em cooperativas agropecuárias: um estudo de caso; Rating methodology in agricultural cooperatives: a case study

COSTA, Davi Rogério de Moura; BIALOSKORSKI NETO, Sigismundo
Fonte: Universidade Federal de São Carlos Publicador: Universidade Federal de São Carlos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
56.86%
A partir do início da década de 90, ocorreram diversas mudanças no ambiente institucional do cooperativismo brasileiro, em função dos problemas macroeconômicos que elevaram a alavancagem e a necessidade de as cooperativas obterem recursos financeiros junto a terceiros. Essa situação se intensificou nos últimos anos para manter a competitividade das organizações cooperativas no mercado. Em função da importância desse novo cenário, procurou-se estudar mecanismos de sinalização, com o objetivo de reduzir a assimetria de informações entre o mercado e os gestores das cooperativas. Assim, este trabalho desenvolve uma metodologia de rating para ser aplicada em cooperativas agropecuárias de forma a reduzir os problemas de seleção adversa e risco moral (moral hazard), que geram ineficiência no relacionamento entre essas organizações e o mercado financeiro; objetiva-se, também, averiguar a sua aplicabilidade, por meio de um estudo de caso. A partir dos resultados alcançados, é possível concluir que a metodologia é aplicável e que o sinalizador gerado, bem como as avaliações e os pesos, deveriam ser discutidos em comitês de rating, a exemplo do que é feito pelas agências especializadas. Como consideração final...

Cooperativas agrícolas, ¿alternativas competentes para el TLC?; Agricultural cooperatives, competent alternatives for the TLC?

Muñoz Rodríguez, Miguel Angel; Bernal, César
Fonte: Universidad Militar Nueva Granada; Facultad de Ciencias Económicas; Especialización en Gerencia en Comercio Internacional Publicador: Universidad Militar Nueva Granada; Facultad de Ciencias Económicas; Especialización en Gerencia en Comercio Internacional
Tipo: bachelorThesis; Trabajo de grado Formato: pdf; pdf
Português
Relevância na Pesquisa
56.66%
La preocupación y la coyuntura que en los últimos años se ha dado alrededor de las posibilidades de éxito y riesgos de la agricultura colombiana frente a los procesos multilaterales de integración y específicamente al tratado de libre comercio con los Estados Unidos, se ha caracterizado por confrontar posiciones opuestas en pro o en contra de las bondades de ese tipo de acuerdos para el sector. Antes que una estrategia gubernamental de desarrollo, se presume de una solución de organización cooperativa que parte de los protagonistas del sector agrícola colombiano, los pequeños y medianos empresarios del sector, deben ser los principales interesados en su organización y en la constitución de cooperativas de beneficio común, sin olvidar que el país y su gobierno debe concentrar sus esfuerzos y recursos en el agro nacional, obviando intereses privados y dándole al interés común, la importancia que se merece, con una clara posibilidad de crecimiento productivo y comercial y que le reportarán hacia el futuro mejores soluciones tanto en términos de valor agregado como de empleo y exportaciones. Se debe aprovechar nuestra riqueza agrícola, pero empezar a desarrollar el agro colombiano con el valor agregado que exige el sistema globalizado actual.; The concern and the situation that in recent years has been given about the chances of success and risks of the Colombian agriculture multilateral processes of integration and specifically to the free trade agreement with the United States...

Commitment, characteristics of the cooperative, and financial performance: a panel analysis with agricultural cooperatives in São Paulo; Comprometimento, características da cooperativa e desempenho financeiro: uma análise em painel com as cooperativas agrícolas paulistas; Compromiso, características de la cooperativa y desempeño financiero: un análisis en panel de las cooperativas agrícolas del estado de São Paulo

Serigati, Felippe Cauê; Azevedo, Paulo Furquim de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.61%
A importância de um elevado nível de comprometimento entre os cooperados e sua cooperativa é consenso na literatura, o que vem impulsionando a pesquisa empírica sobre o tema. Este artigo insere-se nessa corrente e avalia empiricamente os condicionantes de um maior grau de comprometimento e sua influência sobre o desempenho financeiro de uma cooperativa. Duas são suas principais contribuições: diferentemente de parte relevante da literatura, que tem por foco características dos associados, neste trabalho investiga-se a relação entre as características das cooperativas e o nível de comprometimento, o que resulta em diferentes implicações de política; no artigo faz-se uso de dados em painel não balanceado sobre as cooperativas agrícolas paulistas, o PDICOOP, base de dados ainda pouco explorada e que permite maior representatividade e menor sujeição a problemas econométricos de viés de seleção. Os resultados são consistentes com hipóteses da literatura sobre custos e benefícios da ação coletiva, estando o comprometimento positivamente correlacionado com o tamanho da cooperativa (benefícios da ação coletiva) e negativamente correlacionado com o número de cooperados e seu grau de heterogeneidade - proxies para os custos de coordenação. A relação entre comprometimento e desempenho financeiro é...

Avaliação da pesquisa agropecuária em cooperativas agroindustriais utilizando um modelo de scorecard dinâmico; Evaluation of research on agriculture in agroindustrial cooperatives using a dynamic scorecard model

Protil, Roberto Max; Fernandes, Amarildo da Cruz; Souza, Alfredo Benedito Kugeratski
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2009 Português
Relevância na Pesquisa
56.72%
Este trabalho teve por objetivo desenvolver um instrumento de avaliação dos investimentos em pesquisa agrícola na cadeia produtiva do trigo e seu impacto na rentabilidade de cooperativas agroindustriais. Foi desenvolvido um modelo conceitual utilizando as metodologias Balanced Scorecard e Dinâmica de Sistemas, sendo que os dados e informações necessárias ao processo de modelagem foram obtidos por meio de estudo de caso e de pesquisa ação. No desenvolvimento do modelo foram inicialmente mapeados todos os processos envolvidos na pesquisa agrícola da cadeia produtiva do trigo. Posteriormente foi desenvolvido um mapa estratégico do BSC, explicitando os objetivos e indicadores da cooperativa. Finalmente usando o método da Dinâmica de Sistemas foi conduzida uma modelagem visando ampliar a visão sistêmica do problema. Esta modelagem resultou em dois diagramas: Diagrama de Enlace Causal e Diagrama de Fluxos e Estoques. O modelo desenvolvido neste trabalho permitiu uma melhor compreensão das complexas relações entre pesquisa e produção agrícola, facilitando assim o processo de analise e decisão de novos investimentos em pesquisa por parte dos gestores e analistas da cooperativa agroindustrial em estudo.; The objective of this work is to develop an investment evaluation instrument for agricultural research considering the wheat productive chain and its impact in the yield of agricultural cooperatives. A conceptual model was developed using the balanced scorecard and dynamic systems methodologies. The data and necessary information to the modelling process had been gotten through action research and case study. The modelling process was initiated by the mapping of all agricultural research processes of the wheat productive chain. Later a BSC strategic map with the objectives and indicators of the cooperative in study was developed. Finally using the dynamic system approach...

Decision process in agriculture cooperatives of Paraná: a comparative analysis, using rational model and political decision model; Processo decisório nas cooperativas agroindustriais do Paraná: uma análise comparativa utilizando o modelo racional e o modelo político de decisão

Barreiros, Reginaldo Ferreira; Protil, Roberto Max; Moreira, Vilmar Rodrigues
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2008 Português
Relevância na Pesquisa
46.72%
As cooperativas agropecuárias apresentam diferenças peculiares em relação às sociedades mercantis: são sociedades de pessoas e não de capital, e desta forma os cooperados exercem simultaneamente as funções de proprietário, cliente e fornecedor, com o conseqüente estabelecimento de relações comerciais e econômicas de diferentes naturezas e, por conta disso, surgem interesses nem sempre convergentes entre os cooperados e as cooperativas. Neste contexto, o estudo do processo decisório em nível estratégico torna-se uma tarefa não trivial, se consideradas as particularidades deste tipo de organização. Este artigo apresenta conceitos sobre o processo decisório nas organizações além de caracterizar as cooperativas agropecuárias. A partir da abordagem racional de decisão, com foco na racionalidade limitada, e do modelo político de decisão, foi desenvolvido um modelo conceitual de pesquisa compatível com o processo decisório das organizações cooperativas, e que foi validado com base em dados empíricos, coletados em vinte cooperativas agropecuárias singulares do estado do Paraná. O artigo conclui que a natureza do processo decisório é diferente entre as duas fases estudadas: a de (i) organização dos cooperados e a de (ii) posicionamento das cooperativas no mercado. Se comparadas as duas fases...

Utilização do benchmarking na gestão estratégica das cooperativas agroindustriais paranaenses; Evaluation of benchmarking as a strategic management tool for agricultural cooperatives

Martins, Marcelo Machowski Cavalcanti; Protil, Roberto Max; Doliveiras, Sergio Luiz
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
66.78%
Este artigo tem por objetivo caracterizar e avaliar o emprego do benchmarking no processo estratégico das cooperativas agroindustriais paranaenses que participaram do Programa de Revitalização das Cooperativas de Produção Agropecuária, RECOOP, no período compreendido entre 1998 e 2005. Trata-se de uma pesquisa exploratória que integrou pesquisa documental, entrevistas semi-estruturadas e observação direta para investigar o tema tendo como base principalmente as teorias de processos estratégicos sugeridas por Van De Ven (1992) e a descrição do processo de benchmarking formulada por Camp (1997). Utilizando diferentes técnicas e com apoio de um instrumento de análise desenvolvido para investigar as práticas de gestão estratégica convergentes com o benchmarking, foi possível concluir que o benchmarking é utilizado de uma forma ainda pouco estruturada pelas cooperativas paranaenses. Foram identificadas as práticas de gestão estratégica que podem representar uma fraqueza para a utilização do benchmarking pelas cooperativas, bem como as práticas que podem agir no sentido contrário, facilitando a adoção desta prática.; This article deals with the characterization of benchmarking in the strategic process of agro-industrial cooperatives which participated of the Revitalization Program of Agricultural Cooperatives named Recoop...