Página 1 dos resultados de 6770 itens digitais encontrados em 0.034 segundos

Inclusão digital e serviços de acesso à informação para deficientes visuais : a situação das bibliotecas da Universidade de Coimbra

Quaresma, Helena Maria Nunes
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
95.85%
A inclusão digital assume-se como peça fundamental de qualquer política de promoção da Sociedade do Conhecimento e um dos seus principais objetivos deverá passar pela correção das desigualdades de acesso à informação, evitando novas formas de exclusão, e pela promoção de oportunidades de participação dos grupos populacionais mais vulneráveis. A presente investigação, de tipo descritivo e exploratório, tem por objetivo geral apurar a situação das bibliotecas da Universidade de Coimbra face à inclusão digital e aos serviços de acesso à informação para deficientes visuais e tem por objetivo específico apurar a acessibilidade das páginas web do catálogo coletivo daquelas bibliotecas. Neste trabalho entende-se por deficiente visual a pessoa que apresenta baixa visão (ambliopia) ou cegueira, de acordo com a interpretação da Organização Mundial de Saúde. Na realização deste estudo foram concebidos questionários sob a forma de inquérito, um enviado a estudantes com deficiência visual e outro aos bibliotecários, para permitir realizar o levantamento da situação das bibliotecas face ao tema em análise. Com a aplicação do inquérito identificaram-se algumas lacunas que espelham as barreiras com que se deparam os deficientes visuais no processo de acesso à informação. Os resultados da investigação mostram que as bibliotecas da Universidade de Coimbra revelam debilidades na promoção da inclusão digital e apresentam barreiras ao acesso à informação para utilizadores deficientes visuais. Os principais constrangimentos encontrados foram: espaços com falta de sinalização e sem equipamento adequado; ausência de serviços vocacionados para deficientes visuais; carência de conteúdos acessíveis nas coleções das bibliotecas; falta de formação específica dos recursos humanos para atendimento aos utilizadores em questão; problemas de acessibilidade nas páginas web do catálogo coletivo.; Digital inclusion is assumed as the cornerstone of any policy promoting the Knowledge Society and its main objectives will pass through the correction of inequalities in access to information...

O acesso à informação nos arquivos de presidentes da república

Medeiros, Patrícia Andreia Vieira
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
95.91%
Este trabalho de investigação incide na temática do acesso à informação em arquivos de Presidentes da República. As nossas questões de partida foram saber se em Portugal existe legislação relativa ao acesso à informação que se possa aplicar a arquivos de Presidentes da República e qual. O nosso objetivo foi propor, dentro do contexto português, orientações para o acesso à informação nos arquivos de Presidentes da República. Para atingir o referido objetivo começámos por definir o conceito de acesso à informação e contextualizá-lo, apontando as suas características e componentes direccionando, assim, o sentido da nossa investigação. De seguida, analisámos a legislação portuguesa relacionada com o acesso à informação. Apresentámos, ainda, o conceito de titulares de cargos políticos, no qual se incluem os Presidentes da República, bem como, explanámos os seus receios relativamente ao acesso aos documentos recebidos e produzidos em exercício de funções. Analisámos, ainda, o caso português, bem como os exemplos dos arquivos de Presidentes da República dos Estados Unidos da América, da França e do Brasil em virtude destes países já possuírem legislação e tradições estabelecidas. Por fim...

Lei de acesso à informação pública e seus possíveis desdobramentos para a accountability democrática no Brasil

Angélico, Fabiano
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
95.86%
Nos últimos anos, dezenas de países aprovaram Leis de Acesso à Informação Pública, alegadamente com o intuito de assegurar a transparência e reforçar a accountability democrática. Em novembro de 2011, o Brasil tornou-se o 89º país a adotar uma Lei de Acesso à Informação Pública. A lei 12.527 entrou em vigor em maio de 2012, uma vez que o texto previa 180 dias de implementação. O início da validade da lei coloca o desafio de transformá-la em instrumento efetivo de apoio a um governo mais aberto e responsivo. Este trabalho analisa os obstáculos da implementação da Lei de Acesso brasileira à luz da experiência internacional e à luz do papel da sociedade civil em torno do tema no Brasil. Consideramos que a lei brasileira é demasiado ambiciosa e carece de certos instrumentos institucionais e legais para sua efetivação. Além disso, a sociedade civil parece desinformada a respeito do direito à informação, dificultando, ainda mais, a implementação da Lei de Acesso na amplitude sinalizada (todos os Poderes e níveis de governo). No que diz respeito aos desdobramentos para a accountability, considera-se que esta poderá ser fortalecida caso a transparência se efetive no Brasil a partir da Lei de Acesso à Informação...

Estudo de caso para definição de diretrizes para política pública de produção e acesso à informação

Diniz, Newton Vagner
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Português
Relevância na Pesquisa
95.86%
Esse artigo busca contribuir com a política pública de disseminação e acesso a informação fazendo uma reflexão sobre a dimensão da construção de indicadores como etapa fundamental no processo de disseminação da informação e a publicação dos dados em formato aberto como meio de melhorar e facilitar o acesso à informação. A reflexão surge no contexto da formação da nova Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania da Prefeitura Municipal de São Paulo, em junho 2013. O objetivo do trabalho é propor diretrizes básicas para uma política pública de acesso à informação e construção colaborativa de indicadores de monitoramento das políticas públicas de direitos humanos para a Secretaria. Para tanto, buscou-se analisar os casos do Observatório Cidadão da Rede Nossa São Paulo e das Pesquisas CETIC, do Comitê Gestor na Internet no Brasil, organizações que produzem indicadores sobre políticas sociais e disponibilizam as informações para acesso público. Com base na metodologia de estudos de caso de Robert Yin (2001) que propõe a construção da explanação do caso a partir da análise dos dados que permite organizar o conjunto de informações coletadas nas entrevistas e correlacioná-los selecionou-se as variáveis de análise gestão estratégica...

Um estudo histórico sobre as leis de acesso à informação no Brasil de 1991 até 2012

Flores, Daiana Marques
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
95.86%
Este trabalho analisa as leis de acesso à informação no Brasil, entre os anos de 1991 e 2012. Faz um estudo histórico sobre estas leis, analisa o acesso à informação no Brasil e o contexto social em que tais mudanças ocorreram. Nas últimas décadas tem sido uma tendência em vários países a aprovação de Leis de Acesso à Informação Pública, certamente com o intuito de assegurar a transparência e reforçar a democracia. Muitas nações têm aceitado as recomendações do Comitê de Boas Práticas do CIA, no que tange ao acesso às informações. O Brasil tornou-se o 89º país a adotar uma Lei de Acesso à Informação Pública. A lei 12.527 foi sancionada em novembro de 2011 e entrou em vigor em maio de 2012, uma vez que o texto previa 180 dias de implementação. O início da validade desta lei coloca o desafio de transformá-la em instrumento efetivo de apoio a um governo mais aberto e responsivo.; The present research analyzes the laws on access to information in Brazil between the years 1991 and 2012. Makes a historical study of these laws, examines information access in Brazil and the social context in which these changes occurred. In recent decades there has been a trend in many countries the approval of Laws Access to Public Information...

TRANSPARÊNCIA DAS INFORMAÇÕES PÚBLICAS À LUZ DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO: um estudo survey em câmaras municipais brasileiras

ANDRADE, RODRIGO; ANDRADE, RODRIGO GONDIN DE
Fonte: Florianópolis, Santa Catarina Publicador: Florianópolis, Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 110 f.
Português
Relevância na Pesquisa
95.88%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Jurídicas. Direito.; O estudo investigou a transparência de Câmaras Municipais à luz da Lei de Acesso à Informação, a partir de evidências empíricas dos maiores municípios brasileiros. Para tanto, foi formulada a seguinte questão problema: Em que medida os portais eletrônicos de Câmaras localizadas em municípios brasileiros com população superior a duzentos mil habitantes promovem construção da transparência à luz da Lei de Acesso à Informação? Trata-se de uma pesquisa descritiva, realizada por meio de um estudo survey, com abordagem predominantemente qualitativa. O objetivo foi verificar se os portais eletrônicos atendem ou não as exigências da Lei de Acesso à Informação e se existem ferramentas web além das previstas na lei que ampliam a transparência das informações públicas. Os dados foram coletados mediante observações nos portais eletrônicos e registrados com auxílio de um protocolo de observação (modelo de análise) composto por 18 indicadores de transparência. A investigação dos portais revela que a maioria deles atende parcialmente aos indicadores de instrumentos de transparência das informações públicas. Os resultados apontados na pesquisa refletem...

Construção participativa de instrumento de política pública para gestão e acesso à informação

Freire,Gustavo Henrique de Araújo
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 Português
Relevância na Pesquisa
105.81%
Apresenta o marco teórico para políticas públicas de informação do projeto de pesquisa do CNPq "Entre o Global e o Local: construção participativa de instrumento de política pública para gestão e acesso à informação" e sua proposta metodológica. Define "política de informação" e sua correlação com gestão da informação. Descreve a metodologia do projeto, na qual serão reunidas as propostas da pesquisa-ação e da pesquisa-participante, de modo a proporcionar maior integração do projeto dos pesquisadores com os participantes da comunidade.

Observância da lei de acesso à informação pelas autarquias federais do Brasil

Cavalcanti,Joyce Mariella Medeiros; Damasceno,Larissa Mayara da Silva; Souza Neto,Manoel Veras de
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
105.77%
Este estudo analisa a conformidade dos sítios eletrônicos das autarquias federais, em relação à Lei de Acesso a Informação. A pesquisa é exploratória e descritiva com abordagem quantitativa, cujo instrumento é uma Listagem de Verificação com dezenove itens. Os resultados demonstraram que, em média, 66% da amostra cumpriram com os itens e, em pontos específicos, como classificação das informações sigilosas, cópias de contratos, disponibilização de relatórios em formatos de planilha/texto e estruturação da informação, houve descumprimento acima de 90%.

Acesso à informação: uma questão de cidadania

Cunha, Laura de Fátima Ferreira da
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
95.88%
Monografia apresentada ao corpo docente do Curso de Especialização Telepresencial e Virtual em Direito Constitucional do Instituto Brasiliense de Direito Público - IDP da Universidade do Sul de Santa Catarina – UNISUL, como Monografia Conclusão de Curso, requisito para obtenção do título de Especialista em Direito Constitucional. Orientadora: Deisi Cristini Schveitzer.; Analisa o acesso à informação como garantia constitucional, baseado nos princípios, características, natureza jurídica e função dos direitos fundamentais. Apresenta os comentários advindos do art. 5º inciso XIV da Constituição Federal e aduz, que o Habeas data, como processo constitucional específico para obtenção e/ou alteração de informação, é pouco impetrado no Supremo Tribunal Federal e no Superior Tribunal de Justiça. Enfatiza o princípio da isonomia, como equiparação de todos e oportunidade para gozo e fruição de direitos, para fins de licenciar os indivíduos a maior e melhor acesso à informação. Aborda o aspecto da fundamentabilidade do direito à informação para assegurar condições de cidadania e desenvolvimento do país. Por fim, identifica a necessidade de modernização e realização de investimentos, sugerindo o acesso livre à informação através da biblioteca digital.; Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Relatório consolidado da Lei de acesso a informação : 16/05/2012 a 30/04/2013

Brasil. Congresso Nacional. Câmara dos Deputados. Serviço de Informação ao Cidadão
Fonte: Brasília : Câmara dos Deputados, Edições Câmara Publicador: Brasília : Câmara dos Deputados, Edições Câmara
Tipo: relatório Formato: 28 p. : il. color.
Português
Relevância na Pesquisa
105.83%
Em cumprimento ao disposto no art. 30 da Lei nº 12.527, de 2011, a Câmara dos Deputados apresenta à sociedade brasileira seu primeiro relatório consolidado sobre a aplicação da Lei de Acesso a Informação – LAI. Este relatório é dividido em três seções e um apêndice metodológico. A primeira seção traz informações e dados estatísticos sobre as solicitações de acesso a informação recebidas pela Câmara dos Deputados entre os dias 16/05/2012, data de início de vigência da LAI, e 30/04/2013. Além de tabela específica sobre solicitações de informação recebidas, atendidas e indeferidas, são apresentados dados consolidados sobre a distribuição temática dos requerimentos, as razões para indeferimento e a distribuição dos prazos de atendimento das solicitações.

A lei de acesso à informação e a sua influência nos processos de atendimento às demandas da sociedade : estudo do caso do Centro de Documentação e Informação da Câmara dos Deputados

Pereira, Renata Nunes
Fonte: Câmara dos Deputados do Brasil Publicador: Câmara dos Deputados do Brasil
Tipo: monografia, dissertação, tese Formato: 84 f. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
95.91%
Examina a aplicação da Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011 – a Lei de Acesso à Informação (LAI) – tendo como locus a Câmara dos Deputados e o seu órgão de gestão da informação, de relacionamento e de atendimento ao público usuário, o Centro de Documentação e Informação (Cedi) e, em particular, a Coordenação de Relacionamento, Pesquisa e Informação (Corpi). Analisa-se, à luz da Ciência da Informação, o impacto causado pela LAI no processo de provimento de informação e na disponibilidade da informação institucional para a sociedade, no contexto do amplo acesso às informações públicas, desejável na Câmara. A pesquisa, de caráter documental, firma-se em documentos e na legislação produzidos na esfera da Câmara dos Deputados. Para o estudo do caso, utilizou-se entrevista com servidores da Corpi, onde se colheram impressões sobre o impacto da LAI na dinâmica do trabalho de atendimento e pesquisa, identificaram-se os principais problemas percebidos e as suas sugestões de melhoria. Discorre-se, também, subsidiariamente, sobre a gestão da informação como parte do ciclo informacional e condição para o acesso à informação, tópico central desta pesquisa. Aborda-se a questão da cidadania e do controle social...

A percepção dos servidores em relação à Lei de Acesso à Informação na Universidade Federal de Santa Catarina

Francener, Camilla Reitz
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 58 f.
Português
Relevância na Pesquisa
95.87%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências da Educação. Curso de Biblioteconomia.; Esta pesquisa visa analisar a percepção dos servidores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em sua função de disponibilizar informações com base na Lei do Acesso à Informação sancionado pela Presidenta da Republica no dia 18 de novembro de 2011. Com um referencial teórico pautado nas reflexões selecionados na literatura científica contribuindo para a compreensão da Lei de Acesso à Informação no cenário brasileiro e internacional, tendo em vista que as leis de acesso à informação existem há mais de 200 anos pelo mundo. Utilizou-se a pesquisa descritiva de caráter exploratório e o método para coleta de dados questionário com abordagens quantitativas e qualitativas. Os resultados evidenciam a necessidade de transparência efetiva na informação pública pois constatou-se uma contradição entre a percepção dos servidores com relação ao estabelecido pela lei e sua competência de filtrar o acesso em vista de possíveis impactos negativos no uso da mesma pelo cidadão, agravado pelo fato da UFSC estar em uma das dez instituições com mais documentos sigilosos. O estudo aponta para necessidade da instituição continuar a migração da cultura do sigilo para a cultura do acesso.; This research aims to analyze the perception of the employees of Federal University of Santa Catarina (UFSC) in relation to the Access to Information Act...

Tecnologias de informação: sua influência no aprimoramento do acesso à informação e democratização do conhecimento

Gonçalves, Eliane Silveira
Fonte: Universidade Federal do Rio de Janeiro / Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia; BR; Ciência da Informação; Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação; UFRJ/ECO - IBICT Publicador: Universidade Federal do Rio de Janeiro / Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia; BR; Ciência da Informação; Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação; UFRJ/ECO - IBICT
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
105.88%
This paper discusses, from literary analysis and Focus Group interviews through the influence of information technology in information access and democratization of knowledge. The innovations that have occurred around the world show that the technologies in general have influenced the daily life of the individual causing a decrease in distance of the users of the information and knowledge. This distance has been affected with the help of the tools of Information Technology that is now present worldwide through numerous tools such as scanners, computers, internet, scanning, among others. For this study we used only the Internet and scanning tools, which are now largely responsible for changes in existing information age, which has influenced access to information and the democratization of knowledge. What we see through this research is that access to information today is not just on access but also contribute to intervene and disseminate information that is produced. Moreover, with technological innovations can consider the possibility of a democratization of knowledge not only in the world and in Brazil. To achieve this research was used to produce literature by authors in the field of Information Technology, Information and Knowledge...

O direito fundamental à informação: um estudo sobre a observância da lei de acesso à informação – lai pelo executivo municipal da região da Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense – AMESC

Santos, Fernando Trichês dos
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
Português
Relevância na Pesquisa
95.86%
Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado para obtenção do grau de Bacharel no Curso de Direito da Universidade do Extremo Sul Catarinense, UNESC.; O desenvolvimento da sociedade da informação com surgimento das Tecnologias da Informação e da Comunicação – TICs trouxeram novos paradigmas e profundas alterações no âmbito social, econômico e cultural. Com isso surgiram novos caminhos para se legitimar o acesso à informação no Brasil, possibilitando teoricamente o que seria uma otimização da prestação informações, serviços e participação popular. Ocorre que com todo o aparato tecnológico e legislativo existente que tratam do acesso à informação ainda não tem sido o suficiente, colocando teoria e prática em desconformidade necessitando de um aprimoramento eficaz. O presente trabalho tem por objetivo verificar a maturidade na prestação dos serviços e na participação popular através do uso das TICs pelo Ente Público, em especial, os Executivos dos Municípios da AMESC. Para a elaboração desde estudo, além de técnica de pesquisa baseada em revisão bibliográfica e método dedutivo, aplicou-se formulário em pesquisa do tipo quali-quantitativa afim de confrontar as informações entre a teoria e a prática adotada pelo ente público...

O acesso à informação pelo deficiente visual e suas implicações para a promoção da saúde.

Caran, Gustavo Miranda
Fonte: Universidade Federal do Rio de Janeiro / Insitituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia; Brasil; Ciência da Informação; Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação; UFRJ/ECO - IBICT Publicador: Universidade Federal do Rio de Janeiro / Insitituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia; Brasil; Ciência da Informação; Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação; UFRJ/ECO - IBICT
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
105.9%
The following study aims to analyse the factors that enable and hinder the information access by visually impaired individuals, which affect their quality of life. Initially, by means of a narrative literature review, this research brings a theoretical discussion about this work’s core concepts (Visually Impaired Individual, Access to Information, Promotion of Health) and also the supporting factors in the access to information by the visually impaired (Cognitive Support, Social Support, Technological Support). During a second phase, by means of a Systematic Review of Literature (SRL) and also Metha-Etnography evidence regarding enabling and hindering factors was gathered. The data was then arranged in eight categories, according to the responsibility attributed to these factors. The third phase had the specific goal of evaluating the potential of social networks to be a support for visually impaired individuals. In order to do so, a quantitative exploratory case study of the Facebook group Low Vision was carried out, by means of the Social Network Analysis technique (SNA). The overall results of the research point to a diverse combination of multidisciplinary, juxtaposed, interrelated factors, which interfere in the information access. According to systematic review...

Políticas públicas de inclusão digital no contexto da educação escolar como fator de acesso a informação

Carneiro, Gracione Batista; Universidade Federal do Ceará- Campus Cariri, Graduanda em Biblioteconomia 7º semestre; Silva, Jonathas Luiz Carvalho; Universidade Federal do Ceará- Campus Cariri, Professor do Curso de Biblioteconomia
Fonte: Múltiplos Olhares em Ciência da Informação - ISSN 2237-6658 Publicador: Múltiplos Olhares em Ciência da Informação - ISSN 2237-6658
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 24/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
105.85%
Discute sobre políticas públicas de inclusão digital no setor da educação escolar. Entende que no contexto da sociedade da informação, torna-se indispensável a disseminação e acesso a informação. Apresenta como objetivo geral: analisar a inclusão digital como fator de acesso a informação e produção do conhecimento, a partir da inserção de aparatos tecnológicos na escola pública. Como objetivos específicos: Refletir sobre a importância da inclusão digital no ambiente da educação escolar; Descrever políticas públicas para inclusão digital na educação. A metodologia é concebida a partir de uma pesquisa exploratória como delineamento bibliográfico, levando em consideração a abordagem teórica sobre o assunto. Conclui-se que as políticas públicas de inclusão digital influenciam de forma significativa no acesso a informação e na produção do conhecimento no contexto da educação escolar a partir de suas funções pedagógicas e sociais.

Enforcement of access to information in portals of brazilian government transparency; Aplicação da lei de acesso à informação em portais de transparência governamentais brasileiros

Resende, Walisson da Costa; UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS; Nassif, Mônica Erichsen; UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 14/04/2015 Português
Relevância na Pesquisa
105.83%
This paper presents the results of a survey conducted on 27 public Transparency Portals maintained by the Administrations of Brazilian states. The survey’s core objective was to establish whether such portals comply with the applicable regulations and recommendations made by the Federal Office of the Comptroller General. Based on an Information Management approach, a qualitative analysis methodology was employed to assess all the 27 Transparency Portals created by Brazilian state administrations. The evaluation of each portal was based on the criteria and recommendations issued by the Federal Office of the Comptroller General in 2013. Moreover, each state portal was compared to the Federal Administration’s Transparency Portal, which was taken as a benchmark. The main results indicate that most Transparency Portals maintained by Brazilian state administrations do not fully comply with the provisions of the federal Information Access Act and the recommendations made by the Federal Office of the Comptroller General.; http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2015v20n42p1Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa realizada nos 27 Portais de Transparência pública dos governos executivos estaduais brasileiros, com o objetivo principal de determinar se eles estariam de acordo com as normas e recomendações estipuladas pela Controladoria-Geral da União. Dentro da perspectiva da Gestão da Informação...

As políticas nacionais de acesso à informação científica | National policies for access to scientific information

Ortellado, Pablo; EACH-USP
Fonte: Ibict Publicador: Ibict
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2008 Português
Relevância na Pesquisa
95.87%
Resumo O Brasil tem se destacado por propor e desenvolver políticas públicas de acesso à informação. Trata-se de iniciativas nem sempre coordenadas que estão compondo um leque de ações "espontaneamente" consistentes. Embora sejam avançadas, é preciso avaliar se, no contexto de estruturas internacionalizadas, essas políticas nacionais são eficazes. Neste artigo são avaliadas especificamente as políticas de acesso à informação científica.Palavras-chave políticas de acesso à informação; acesso aberto à informação científica Abstract Brazil has stood out in its efforts to propose and elaborate public policy in the realm of access to information. These initiatives, not always well coordinated, make up a range of “spontaneously” consistent actions. Although quite advanced, it is necessary to evaluate if, in a context of internationalized structures, these national policies can be effective. This article puts the focus specifically on policies regarding access to scientific information.Keywords policies of access to information; open access to scientific information

A iniciativa Open Access no acesso à informação técnico-científica nas Ciências da Saúde

Valero, Javier Sanz; Cabo, Jorge Veiga de; Castiel, Luiz David
Fonte: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia Publicador: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion;
Publicado em 18/01/2008 Português
Relevância na Pesquisa
105.85%
A iniciativa Open Access (OAI) trata de documentos publicados eletronicamente, permitindo acesso livre, direto, permanente e gratuito ao texto completo da literatura científica e de pesquisa pela Internet. Isto pressupõe o livre aproveitamento da informação científica, sempre que seja considerado o reconhecimento da autoria As três principais manifestações sobre OAI estão contidas nas declarações de Budapeste (2002), de Bethesda (2003) e de Berlim (2003). O Open Access é compatível com o copyright, o copyleft, a revisão por pares, a impressão, a preservação e outras características associadas à literatura acadêmica convencional. A diferença de maior relevância consiste no fato de que o acesso à informação não é pago pelos leitores e, portanto, não existem barreiras à pesquisa. Mesmo assim, o êxito da OAI não depende somente da disponibilidade dos documentos, mas no apoio da comunidade científica. Acesso ao texto completo

Usabilidade em ferramentas tecnológicas para acesso à informação

Kafure, Ivette; Cunha, Murilo Bastos da
Fonte: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia Publicador: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion;
Publicado em 08/07/2007 Português
Relevância na Pesquisa
105.79%
Destaca a importância de ferramentas tecnológicas (FT) que possibilitem o acesso à informação, por parte dos usuários, com efetividade, eficiência e satisfação, isto é, com usabilidade. Compreendendo por efetividade a exatidão e a integralidade com que o usuário consegue alcançar os objetivos iniciais de interação; por eficiência, a quantidade de esforço e de recursos necessários para se chegar a um determinado objetivo; e por satisfação, o nível de conforto que o usuário sente ao utilizar a interface e a sua aceitação como maneira de alcançar seus objetivos. Para os usuários das FT, a finalidade última do sistema é auxiliá-los na realização de seus objetivos. Conhecendo bem os usuários, os projetistas estão em condições de definir melhor todos os aspectos do sistema, por exemplo, quais informações devem constar e de que maneira apresentá-las na interface das FT. Acesso ao texto completo (PDF)