Página 1 dos resultados de 592 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Crescimento, maturação, corpulência, adiposidade e estilo de vida na adolescência

Almeida, Sara Micaela Correia de
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
A inatividade física e a excessiva adiposidade são fatores de risco das doenças crónicas e responsáveis pela mortalidade prematura, nos países desenvolvidos e em desenvolvimento. As condições mecanizadas e o contínuo avanço tecnológico, promovem um estilo de vida sedentário, com implicações nos níveis de saúde das populações especiais, como nas crianças. Métodos A maturação biológica foi aferida pela estimativa da estatura matura. A antropometria foi avaliada segundo o protocolo de Lohman e col. (1998). O índice de massa corporal (IMC) foi categorizado de acordo com os valores de Cole e col. (2000). A estimativa da massa gorda foi aferida pelas equações de Slaughter e col. (1988). A classificação do excesso de gordura assentou nos valores de Malina & Katzmarzyk (1999). A aptidão cardiorespiratória (ACR) foi avaliada através do teste vaivém (Fitnessgram). A pressão arterial foi obtida com base nas recomendações do National Heart, Lung & Blood Institute. Informação das restantes variáveis foi recolhida por questionário. Resultados A prevalência combinada de excesso de peso e obesidade foi de 24.4%. A idade e o estatuto maturacional (EM) apresentaram um efeito significativo (P<0.05) no IMC, na altura sentado-estatura...

Relação entre aptidão cardiorrespiratória e indicadores de adiposidade corporal em adolescentes; Relationship between cardiorespiratory fitness and indicators of body adiposity in adolescents

Ronque, Enio Ricardo V.; Cyrino, Edilson Serpeloni; Mortatti, Arnaldo Luis; Moreira, Alexandre; Avelar, Ademar; Carvalho, Ferdinando Oliveira; Arruda, Miguel de
Fonte: Sociedade de Pediatria de São Paulo Publicador: Sociedade de Pediatria de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
OBJETIVO: Analisar a relação entre aptidão cardiorrespiratória e indicadores de adiposidade corporal em adolescentes de ambos os sexos. MÉTODOS: 78 sujeitos (45 rapazes e 33 moças) foram avaliados quanto à massa corporal, estatura e dobras cutâneas tricipital e subescapular. O índice de massa corpórea e a somatória das duas dobras cutâneas foram calculados. A aptidão cardiorrespiratória foi analisada pelo teste de vai-e-vem de 20 metros de vários estágios e a estimativa do consumo máximo de oxigênio foi analisada por uma equação específica. Para a comparação entre os grupos, foi empregado o teste de Mann-Whitney e, para verificar a relação entre a aptidão cardiorrespiratória e os indicadores de adiposidade corporal, utilizou-se o coeficiente de correlação de Spearman. RESULTADOS: Os adolescentes com alta aptidão cardiorrespiratória apresentaram sistematicamente valores mais baixos de gordura corporal em relação a seus pares com baixa aptidão cardiorrespiratória (p<0,05), com diferenças variando entre 36 e 42% para os rapazes e entre 14 e 33% para as moças. Correlações negativas, moderadas e estatisticamente significativas foram verificadas entre os indicadores de aptidão cardiorrespiratória e de adiposidade corporal para ambos os sexos...

Indicadores de adiposidade corporal na estimativa de risco coronariano em pacientes com Diabetes Melito tipo 2

Tonding, Simone Frederico
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
Fundamentos: Indicadores de adiposidade corporal têm sido apontados como bons preditores de risco cardiovascular na população geral. Entretanto, as evidências são escassas em pacientes com Diabetes Melito (DM) tipo 2, nos quais a doença cardiovascular é a principal responsável pela redução da sobrevida. Objetivo: Avaliar o desempenho dos pontos de corte de diferentes indicadores de adiposidade corporal na estimativa de risco coronariano em pacientes com DM tipo 2. Métodos: Estudo transversal envolvendo pacientes com DM tipo 2 atendidos em ambulatório de atenção terciária submetidos à avaliação antropométrica e laboratorial para cálculo do risco coronariano (fatal e não fatal) em cinco e dez anos a partir do Escore UKPDS risk engine e dos indicadores de adiposidade corporal: índice de massa corporal (IMC), circunferência da cintura (CC), razão cintura/quadril (RCQ), razão cintura/estatura (RCE), índice de conicidade (ICO) e produto de acumulação lipídica (LAP). Análise de sensibilidade (SS) e especificidade (EP), a partir da curva ROC (Receiver Operating Characteristic), foi realizada a fim de determinar os melhores pontos de corte (ponto de equilíbrio entre maior SS e EP >50%) dos indicadores de adiposidade na estimativa de risco coronariano. Resultados: Foram estudados 420 pacientes com DM tipo 2 (53...

Estudo dos mecanismos envolvidos na redução de adiposidade de camundongos que super-expressam a proteína de transferência de colesteril éster (CETP); Study of the mechanism related to adiposity reduction in cholesteryl ester transfer protein (CETP) overexpressing mice

Helena Fonseca Raposo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/01/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
A proteína de transferência de colesteril éster (CETP) transfere colesterol esterificado (CE) das HDL para as lipoproteínas que contêm apo B, em troca de triglicérides. Assim, a CETP promove a redução dos níveis de HDL-colesterol no plasma, aumentando o risco de aterosclerose. Recentemente, nosso grupo verificou que camundongos transgênicos que expressam a CETP (CETP-Tg) apresentam menor adiposidade que os controles não transgênicos (NTg). Neste trabalho investigamos possíveis mecanismos que expliquem a redução da adiposidade. Camundongos CETP-Tg e controles NTg (C57/BL6 background) foram tratados com dieta padrão desde o desmame até os 5 meses de idade. Camundongos CETP-Tg apresentaram redução nos depósitos de tecido adiposo (~30%). Essa redução da adiposidade não foi compensada por deposição ectópica de lipídeos no fígado ou músculo, nem foi consequência de alteração do balanço de gordura (ingestão vs. excreção). Lipogênese in vivo e em adipócitos isolados (estimada por 3H2O e 14C-acetato) foram similares entre os grupos. A retenção de lipídeos exógenos e a captação de glicose pelo fígado, músculo e tecidos adiposos (estimada após dose oral de 3H-trioleina e injeção IP de 3H-2- deoxiglicose...

Relação entre aptidão cardiorrespiratória e indicadores de adiposidade corporal em adolescentes

RONQUE, Enio Ricardo V.; CYRINO, Edilson Serpeloni; MORTATTI, Arnaldo Luis; MOREIRA, Alexandre; AVELAR, Ademar; CARVALHO, Ferdinando Oliveira; ARRUDA, Miguel de
Fonte: Sociedade de Pediatria de São Paulo Publicador: Sociedade de Pediatria de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
OBJECTIVE: To analyze the relationship between cardiorespiratory fitness and indicators of body adiposity in adolescents of both genders. METHODS: 78 subjects (45 boys and 33 girls) were evaluated for body mass, height and triceps and subscapular skinfold thickness. Body mass index and the sum of the two skinfolds thickness were determined. The cardiorespiratory fitness was determined by the maximal multistage 20 meters shuttle run test, and the estimate of maximal oxygen uptake was evaluated by a specific equation. Groups were compared by Mann-Whitney test. The Spearman correlation index was applied to verify the relationship between cardiorespiratory fitness and the indicators of body adiposity. RESULTS: The adolescents with high cardiorespiratory fitness presented lower values of body fat than their peers with low cardiorespiratory fitness (p<0.05), with differences varying between 36 to 42% for boys and 14 to 33% for girls. Statistically significant negative and moderate correlations were noted between the indicators of cardiorespiratory fitness and the body adiposity for both genders, with the exception of body mass index. CONCLUSIONS: These results suggest that the body adiposity may have a negative influence on the cardiorespiratory fitness of adolescents of both genders.; OBJETIVO: Analisar a relação entre aptidão cardiorrespiratória e indicadores de adiposidade corporal em adolescentes de ambos os sexos. MÉTODOS: 78 sujeitos (45 rapazes e 33 moças) foram avaliados quanto à massa corporal...

Influência da adiposidade global e da adiposidade abdominal nos níveis de proteína C-reativa em mulheres idosas

Sasaki,Jeffer Eidi; Krause,Maressa Priscila; Gama,Mirnaluci P. R.; Hallage,Tatiane; Buzzachera,Cosme Franklin; Santos,Maria Gisele dos; Silva,Sergio Gregorio da
Fonte: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC Publicador: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.55%
OBJETIVO: Examinar como a adiposidade global e a adiposidade abdominal, expressas pela circunferência da cintura (CC), pelo índice de massa corporal (IMC) e pelo somatório de dobras cutâneas (sigmaDC), influenciam os níveis de proteína C-reativa (PCR) em mulheres idosas. MÉTODOS: A amostra foi composta por 387 mulheres idosas, com idade superior a 60 anos (média, 68,9; desvio padrão, 5,9 anos). Foram avaliados o IMC, a CC, o sigmaDC, e os níveis de PCR. Foi utilizada a análise estatística ANOVA one-way para verificar as diferenças nas variáveis entre as categorias investigadas. Para avaliar a influência das medidas de adiposidade nos níveis de PCR foi utilizada a regressão logística. O nível de significância adotado foi de p < 0,05. RESULTADOS: A análise de variância demonstrou que o valor médio da CC foi menor na categoria normal de PCR, quando comparada aos níveis elevados de PCR. A regressão logística analisou a influência dos quartis do IMC, da CC e do sigmaDC nos níveis de PCR, em que apenas a CC foi preditora de níveis elevados de PCR, tendo o quartil extremo superior (ponto de corte de 94,0 cm) apresentado níveis quase duas vezes maiores que o quartil extremo inferior (risco estimado = 2,23; intervalo de confiança de 95% = 1...

Composição corpórea, alterações bioquímicas e clínicas de adolescentes com excesso de adiposidade

Serrano,Hiara Miguel Stanciola; Carvalho,Gisele Queiroz; Pereira,Patrícia Feliciano; Peluzio,Maria do Carmo Gouveia; Franceschini,Sylvia do Carmo Castro; Priore,Silvia Eloiza
Fonte: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC Publicador: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
FUNDAMENTO: Adolescentes com excesso de adiposidade e eutróficas apresentam as mesmas alterações metabólicas esperadas em indivíduos obesos. OBJETIVO: Avaliar a composição corpórea, alterações antropométricas, bioquímicas e clínicas de adolescentes do sexo feminino. MÉTODOS: Foram avaliadas 113 adolescentes de escolas públicas de Viçosa, MG, divididas em três grupos: grupo 1 - constituído por adolescentes eutróficas com excesso de gordura corpórea; grupo 2 - eutróficas com gordura corpórea dentro dos limites de normalidade; e grupo 3 - com excesso de peso e de gordura corpórea. Peso, estatura, circunferência da cintura e quadril, pressão arterial foram aferidos. O índice de massa corporal (IMC) e a relação cintura-quadril foram calculados. O porcentual de gordura corpórea foi obtido pela impedância bioelétrica horizontal, seguindo protocolo próprio para a referida avaliação. A avaliação do porcentual de gordura corpórea e bioquímica foi realizada após 12 horas de jejum, sendo analisados perfil lipídico, glicemia e insulina, homocisteína, leptina e Proteína C Reativa. A resistência à insulina foi calculada pelo índice HOMA. RESULTADOS: O grupo das adolescentes eutróficas, com elevada adiposidade...

Relação entre aptidão cardiorrespiratória e indicadores de adiposidade corporal em adolescentes

Ronque,Enio Ricardo V.; Cyrino,Edilson Serpeloni; Mortatti,Arnaldo Luis; Moreira,Alexandre; Avelar,Ademar; Carvalho,Ferdinando Oliveira; Arruda,Miguel de
Fonte: Sociedade de Pediatria de São Paulo Publicador: Sociedade de Pediatria de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
OBJETIVO: Analisar a relação entre aptidão cardiorrespiratória e indicadores de adiposidade corporal em adolescentes de ambos os sexos. MÉTODOS: 78 sujeitos (45 rapazes e 33 moças) foram avaliados quanto à massa corporal, estatura e dobras cutâneas tricipital e subescapular. O índice de massa corpórea e a somatória das duas dobras cutâneas foram calculados. A aptidão cardiorrespiratória foi analisada pelo teste de vai-e-vem de 20 metros de vários estágios e a estimativa do consumo máximo de oxigênio foi analisada por uma equação específica. Para a comparação entre os grupos, foi empregado o teste de Mann-Whitney e, para verificar a relação entre a aptidão cardiorrespiratória e os indicadores de adiposidade corporal, utilizou-se o coeficiente de correlação de Spearman. RESULTADOS: Os adolescentes com alta aptidão cardiorrespiratória apresentaram sistematicamente valores mais baixos de gordura corporal em relação a seus pares com baixa aptidão cardiorrespiratória (p<0,05), com diferenças variando entre 36 e 42% para os rapazes e entre 14 e 33% para as moças. Correlações negativas, moderadas e estatisticamente significativas foram verificadas entre os indicadores de aptidão cardiorrespiratória e de adiposidade corporal para ambos os sexos...

Efeitos de dois tipos de treinamento de natação sobre a adiposidade e o perfil lipídico de ratos obesos exógenos

Zambon,Lucimara; Duarte,Fernanda Oliveira; Freitas,Laura Franco de; Scarmagnani,Flavia Regina Rodrigues; Dâmaso,Ana; Duarte,Ana Cláudia Garcia de Oliveira; Sene-Fiorese,Marcela
Fonte: Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
OBJETIVO: Investigar os efeitos do exercício de natação intermitente em relação ao exercício contínuo e ao sedentarismo, em ratos Wistar, após o desenvolvimento de obesidade exógena pela administração de uma dieta hiperlipídica palatável sobre: evolução do peso corporal, ingestão alimentar, adiposidade, percentual de gordura dos tecidos e perfil lipídico. MÉTODOS: Foram utilizados ratos adultos, mantidos em gaiolas individuais, com livre acesso a água e comida. O protocolo experimental incluiu: 1) desenvolvimento da obesidade exógena (3 semanas), os animais foram divididos em: P: sedentários alimentados com dieta padrão Primor® (n=8) e H: sedentários alimentados com dieta hiperlipídica (n=32); 2) tratamentos (8 semanas subseqüentes), os animais (n=24) passaram a receber dieta padrão e foram divididos em: sedentário; treinado contínuo e treinado intermitente. Treinamentos (5x semana): Contínuo (90 minutos/dia) e Intermitente (3x30min/dia). Os animais foram submetidos à eutanásia (3 e 8 semanas), sendo coletados os tecidos adiposos, o fígado e o sangue. Foram determinados a adiposidade e o percentual de gordura dos tecidos adiposos e do fígado, o ganho de peso corporal, o consumo alimentar e o perfil lipídico. RESULTADOS: A dieta hiperlipídica aumentou a adiposidade...

Ingestão dietética de cálcio e adiposidade em mulheres adultas

Esteves,Elizabethe Adriana; Rodrigues,Chrystiellen Ayana Aparecida; Paulino,Érika Júnia
Fonte: Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
OBJETIVO: Avaliar a ingestão de cálcio dietético e sua correlação com parâmetros de adiposidade em mulheres adultas, residentes em Diamantina (MG). MÉTODOS: Foram determinados, em cinquenta mulheres adultas, o índice de massa corporal, a circunferência da cintura, a relação cintura-quadril e o percentual de gordura corporal. A ingestão dietética de cálcio foi avaliada por meio de recordatório de 24 horas e de um questionário de frequência de consumo. Os alimentos do questionário foram divididos em três grupos: 1) laticínios, 2) vegetais fontes de cálcio, 3) redutores da biodisponibilidade de cálcio. Foram calculados os escores I, II e III de frequência de consumo, correspondentes aos grupos 1, 2 e 3 de alimentos. RESULTADOS: Aproximadamente 42,0% das mulheres apresentou índice de massa corporal >25Kg/m², sendo 26,0% com algum grau de obesidade; 90,0% apresentou excesso de gordura corporal, sendo 42,0% com risco para doenças metabólicas. A ingestão média diária de cálcio representou 43,8% da Ingestão Adequada e não diferiu entre aquelas com índice de massa corporal <24,9 e >25kg/m². Os escores I e II foram significativamente inferiores àquele dos alimentos que interferem na biodisponibilidade deste nutriente (p<0...

Padrões de adiposidade em mulheres atendidas em um Centro Municipal de Saúde de Belo Horizonte, 2000

Oliveira,Sandra Maria; Rezende,Edna Maria; Sampaio,Ivan Barbosa Machado; Kac,Gilberto; Velásquez-Meléndez,Gustavo
Fonte: Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
O objetivo do estudo consiste em definir padrões de adiposidade em mulheres. O estudo foi realizado em um Centro Municipal de Saúde de Belo Horizonte, Minas Gerais, com 827 mulheres entre 12 e 65 anos. As participantes realizaram diversas medidas antropométricas e responderam a um questionário sobre condições socioeconômicas, demográficas, história obstétrica, estilo de vida. A técnica de análise fatorial de componentes principais (ACP) foi utilizada para identificar conglomerados e independência de variáveis antropométricas na definição de padrões de adiposidade em mulheres. Os três primeiros componentes principais independentes explicaram 85,97% da variância. O primeiro foi representado pelas pregas cutâneas, o segundo pelo Índice de Massa Corporal (IMC) e pela circunferência do braço (CB) e o terceiro pela razão cintura/quadril (RCQ). Os fatores explicaram 38,42%, 29,03% e 18,52% da inércia, respectivamente. Evidenciou-se associação positiva entre todas as variáveis. Observou-se associação de maior intensidade, justificado pela alta correlação, entre as pregas da coxa, peitoral, bicipital, subescapular e supra-ilíaca (Fator 1) e a CB e o IMC (Fator 2). A variável RCQ foi identificada como principal representante do terceiro fator. Conclui-se que a análise fatorial de componentes principais identificou adequadamente três padrões de adiposidade em mulheres: periférica...

A adiposidade corporal e a idade prejudicam a capacidade funcional para realizar as atividades da vida diária de mulheres acima de 47 anos

Raso,Vagner
Fonte: Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte Publicador: Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2002 Português
Relevância na Pesquisa
37.55%
Este estudo teve como objetivo verificar o efeito da idade, peso, altura, índice de massa corporal e adiposidade corporal na capacidade funcional de mulheres acima de 47 anos para realizar as atividades da vida diária. Para tanto, a amostra foi constituída por 129 mulheres na faixa etária de 47 a 77 anos de idade. A adiposidade total (Adp T) foi considerada por meio do somatório das dobras cutâneas bíceps (BI), tríceps (TRI), subescapular (SB), axilar média (AM), supra-ilíaca (SI), abdominal (ABD), coxa anterior (CA) e panturrilha medial (PM). A adiposidade central (Adp C) representou o somatório de SB, AM, SI e ABD, e a adiposidade periférica (Adp P), o somatório de BI, TRI, CA e PM. A capacidade funcional para realizar as atividades da vida diária foi predita mediante os testes: velocidade para se levantar de uma posição sentada (VLPS) e para se levantar de uma posição deitada (VLPD), velocidade para calçar e amarrar o tênis (VCAT) e velocidade para subir escada (VSE). Foi calculado o quartil (Q) para todas as variáveis independentes (idade, peso, altura, índice de massa corporal e adiposidade corporal [total, central e periférica]). A análise estatística utilizada foi a ANOVA one way e os coeficientes de correlação linear de Pearson e Spearman rank-order. As diferenças estatisticamente significativas ocorreram principalmente entre os quartis das extremidades (Q1 x Q4) para VLPS e VLPD (exceção para peso e IMC)...

Relação entre diferentes índices de atividade física e preditores de adiposidade em adolescentes de ambos os sexos

Mascarenhas,Luís Paulo Gomes; Salgueirosa,Fabiano de Macedo; Nunes,Gabriel Ferreira; Martins,Paulo Ângelo; Stabelini Neto,Antonio; Campos,Wagner de
Fonte: Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte Publicador: Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
OBJETIVO: Determinar a relação entre diferentes índices de atividade física e preditores de adiposidade em adolescentes de ambos os sexos. MÉTODOS: Foram avaliadas 111 crianças (57 meninos e 54 meninas), com idade média de 11,62 ± 0,72. Como preditores de adiposidade foram determinados o IMC, percentagem de gordura corporal e a relação cintura/quadril (RCQ). Quanto aos indicadores de atividade física, calcularam-se o gasto energético total (GET), nível de atividade física habitual (NAFH), nível de atividade física (NAF) e gasto energético com atividade física (GEat) através do questionário de Bouchard e, para a taxa metabólica basal (TMB), a equação de Schofield-HW. RESULTADOS: A amostra apresentou diferenças significativas entre os sexos para idade, % de gordura corporal, RCQ, NAFH, NAF, TMB com p < 0,05. Para os meninos o GET, NAF, TMB e GEat apresentaram correlação significativa com o IMC (r = 0,86; r = 0,70; r = 0,91; r = 0,78) e % de gordura (r = 0,78; r = 0,61; r = 0,90; r = 0,70) com p < 0,01, respectivamente, e o GET, TMB, GEat apresentaram correlação significativa com o RCQ (r = 0,28; r = 0,45 e r = 0,28) com p < 0,05. Para as meninas o GET, NAF, TMB, GEat apresentaram valores significativos com o IMC (r = 0...

Influência da adiposidade nas respostas fisiológicas e afetivas na caminhada de ritmo autosselecionado

Krinski,Kleverton; Elsangedy,Hassan Mohamed; Buzzachera,Cosme Franklin; Colombo,Heriberto; Santos,Bruno Vinicius; Campos,Wagner de; Santos,Sérgio Luiz Carlos dos; DaSilva,Sergio Gregório
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
O objetivo desse estudo foi verificar a influência da adiposidade corporal sobre as respostas fisiológicas e afetivas durante caminhada em ritmo autosselecionado. Foram investigadas 45 mulheres adultas, sedentárias, que foram divididas de acordo com o seu percentual de gordura corporal em baixo tercil (BT, n=15), médio tercil (MT, n=15) e alto tercil (AT, n=15). Todos os participantes foram submetidos a duas sessões experimentais, as quais foram compostas de (I) uma pré-avaliação inicial, avaliação antropométrica e teste incremental máximo em esteira, e (II) um teste de 20-minutos de caminhada em ritmo autosselecionado. As respostas fisiológicas (O2 e FC) foram mensuradas, continuamente, durante toda a realização do teste de 20-minutos de caminhada em ritmo autosselecionado, enquanto a resposta afetiva foi determinada somente a cada intervalo de 5 minutos do teste. Para a análise estatística, empregaram-se análises de variância de um fator (adiposidade corporal), adotando P<0,05. Nenhuma diferença significativa foi verificada, na velocidade de caminhada autosselecionada, entre os grupos experimentais (1,63, 1,60, e 1,47 m.seg-1 para BT, MT e AT, respectivamente), enquanto o %O2max foi significativamente maior em AT (61...

Padrão de adiposidade em crianças e jovens de Moçambique: um estudo de genética quantitativa

Saranga,Silvio; Fermino,Rogério; Nhantumbo,Leonardo; Prista,Antonio; Maia,José
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.41%
O objetivo foi estimar a contribuição dos fatores genéticos no padrão de adiposidade subcutânea de crianças e jovens de Moçambique. Foram mensuradas seis dobras cutâneas (DC) e os sete fenótipos marcadores do padrão de adiposidade foram: Σ6DC, ΣDC tronco, ΣDC das extremidades, razão ΣDC tronco/extremidades (RTE), primeira, segunda e terceira componentes principais. A heritabilidade (h²) e a correlação (r) nos pares de irmãos foi calculada nos módulos ASSOC e FCOR do software de Epidemiologia Genética SAGE 5.3. A h² foi elevada nos fenótipos RTE (65%) e terceira componente (50%); e moderada no Σ6DC (48%), ΣDC das extremidades (45%), ΣDC do tronco (42%), primeira e segunda componente (39% e 33%, respectivamente). No geral, os valores de r foram moderados nos irmãos do mesmo sexo (r entre 0,21 e 0,44) e baixos nos irmãos do sexo oposto (r entre -0,02 e 0,18). Conclui-se que os fatores genéticos são responsáveis por 33 a 65% da variabilidade dos diferentes fenótipos do padrão de adiposidade. Os irmãos do mesmo sexo apresentaram maior agregação familiar do que irmãos de sexo oposto.

Perfil antropométrico e adiposidade abdominal de escolares entre 6 a 10 anos de idade do Sul do Brasil

Ricardo,Gabriela Dalsasso; Gabriel,Cristine Garcia; Corso,Arlete Catarina Tittoni
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
O estudo teve como objetivo avaliar a associação de medidas antropométricas com o Índice de Massa Corporal (IMC) e verificar a presença de adiposidade abdominal em escolares. Estudo transversal realizado entre 2007-2008, com 4.964 escolares de 6 a 10 anos de idade, matriculados em 345 escolas de oito municípios do Estado de Santa Catarina. As variáveis independentes utilizadas foram: dobras cutâneas subescapular (DCS) e tricipital (DCT), circunferências do braço (CBr), cintura (CC) e quadril (CQ) e relações cintura/quadril (RCQ) e cintura/estatura (RCEst). O IMC foi utilizado como variável dependente. Associações brutas e ajustadas foram estimadas mediante regressão linear e expressados como coeficiente de regressão (β). Para análise ajustada, todas as medidas antropométricas foram controladas entre si, mantendo-se no modelo aquelas com p<0,20. Classificou-se a adiposidade abdominal com a RCEst > 0.5. Os resultados mostram que o IMC médio dos meninos foi 17,4kg/m² (DP=2,8) e das meninas 17,2kg/m² (DP=2,8). As médias das medidas antropométricas para os sexos masculino e feminino foram, respectivamente: DCS=7,2 e 8,3mm; DCT=10,8 e 12,6mm; CBr=20,0 e 20,2cm; CC=60,1 e 58,5cm; CQ=71,3 e 71,9cm; RCQ=0,84 e 0...

Association of lipids and antropometrics measures of adiposity in adolescents; Associação entre o perfil lipídico e medidas antropométricas indicadoras de adiposidade em adolescentes

Leite, Neiva; Universidade Federal do Paraná; Cieslak, Fabrício; Universidade Federal do Paraná; Eisfeld Milano, Gerusa; Universidade Federal do Paraná; Meira Góes, Suelen; Universidade Federal do Paraná; Aguiar Lopes, Maria de Fátima; Universidade
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares",; ; Avaliado por Pares; Descritiva Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 06/04/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
http://dx.doi.org/10.5007/1980-0037.2009v11n2p127 The arm of this study was to relate lipidic levels to global and central obesity in adolescents. Transversal, descriptive and co-relational study. 127 pubescent subjects took part in this study, 71 girls (13.39+1.81 years) and 56 boys (13.10+1.97 years). It was identified global adiposity through the body mass index (BMI) as well central adiposity through the waist circumference (WC), according to age, sex, and ethnics. It had been determined levels of total cholesterol (TC), high density lipoprotein (HDL-C), low density lipoprotein (LDL-C) and triglycerides (TG) after twelve hours of overnight fasting. The date had been analyzed through Chi-square test and Pearson`s correlation, considering the significance level of p<0.05. It had been identified increased levels of TC in the obese group (boys=61.90%; girls=56.89%) as well as in the non-obese group (boys=64.28%; girls=61.54%), without statistical difference. The HDL-C were lower in the boys obese group compared to the non-obese (64.29% vs 28.57%; p=0.019) and in the female obese group in relation to the non-obese (60.35% vs 23.08%; p=0.014). It was identified a greater proportion of TC surplus in he male obese group than in the non-obese (50% vs 14.29%; p=0.018). Positive associations were verified for logn TG and logn BMI (r=0.215; p<0.001) and logn TG e logn WC (r=0.210; p<0.001)...

Influência do exercício físico programado e da ingestão de nutrientes nos níveis de adiposidade de adolescentes obesos; Influência do exercício físico programado e da ingestão de nutrientes nos níveis de adiposidade de adolescentes obesos

Prati, Sérgio Roberto Adriano; CESUMAR
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; "Artigo Não Avaliado por Pares"; Pesquisa Experimental Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/01/2002 Português
Relevância na Pesquisa
37.55%
A obesidade na adolescência tem se tornado um grave problema de saúde pública na sociedade moderna. Além de suas conseqüências de ordem metabólica e fisiológica, graves distúrbios comportamentais e sociais podem se desenvolver em decorrência desse problema. Dentre as principais causas da obesidade estão o elevado consumo calórico em dietas desequilibradas associado aos baixos níveis de gasto energético. Intervenções em idades precoces são favoráveis. Dessa forma esse trabalho teve o objetivo de analisar a influência do exercício físico programado e da ingestão de nutrientes nos níveis de adiposidade de adolescentes obesos. Primeiramente, buscou-se verificar os índices antropométricos e verificar as características de consumo alimentar de adolescentes obesos. A seguir procurou-se verificar qual a influência do exercício físico programado nos níveis de adiposidade dos adolescentes e em seqüência verificar a influência da associação entre a ingestão de nutrientes e o exercício físico nas proporções de gordura corporal dos adolescentes obesos. A pesquisa tem característica quase-experimental. A amostra foi composta por 24 adolescentes voluntários na faixa etária de 14 a 17 anos que apresentavam IMC variando de 25 a 39kg/m2. Foram formados três grupos...

Boby adiposity and level of physical activity in adolescents; Adiposidade corporal e nível de atividade física em adolescentes

Pinho, Ricadro Aurino de; Universidade do Extremo Sul Catarinense - Núcleo de Pesquisa em Cineatropometri; Petroski, Edio Luiz; Universidade Federal de Santa Catarina - Núcleo de Pesquisa em Cineatropometria
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares",; Avaliado por Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/01/1999 Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
The purpose of this paper was to verify the relationship between body adiposity and physical activity indicators (IAF) in adolescents during summer vacation. The research was carried out from December (1998) to February (1999). In order to obtain IAF data (Heart Rate - FC, Body Movements - VM, and Relative Energy Consumption - GER) we made use of an FC monitor, Tritac R3D, and Bouchard’s protocol et al., 1983. Data related to adiposity indicators (Body Mass Index - IMC, and the sum of Triceps plus Subscapular Skinfolds - DCTR+SB) was obtained using scales (0.50g precision), a tape measure, and skinfold calipers (Lange, 1mm precision). Research data were collected from 28 male students, aged 14 or 15 years. The sample was divided into two groups according to the variables DCTR+SB and IMC (G1 - minor adiposity index and G2 - major adiposity index). Data on IAF was collected on three nonconsecutive days (two weekdays and one day of the weekend) from 8 am to 8 pm (FC and VM), and from midnight to midnight (GER). Data were expressed in terms of means, standard deviations, Pearson’s linear correlation coeffi cient, and analysis of variance (one-way ANOVA), adopting a p value of; O propósito do presente estudo foi verificar a relação entre a adiposidade corporal e os indicadores de atividade física (IAF) em adolescentes durante o período de férias escolares de verão. Caracterizou-se como um estudo descritivo correlacional. Participaram do estudo 28 escolares do sexo masculino...

Perfil antropométrico e adiposidade abdominal de escolares entre 6 a 10 anos de idade do Sul do Brasil; Anthropometric profile and abdominal adiposity of school children aged between 6 and 10 years in southern Brazil

Ricardo, Gabriela Dalsasso; Prefeitura Municipal de Florianópolis. Florianópolis, SC. Brasil; Gabriel, Cristine Garcia; Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil; Corso, Arlete Catarina Tittoni; Universidade Federal de Santa Cat
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares",; Epidemiological; Avaliado por Pares; Transversal Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 18/10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.49%
http://dx.doi.org/10.5007/1980-0037.2012v14n6p636O estudo teve como objetivo avaliar a associação de medidas antropométricas com o Índice de Massa Corporal (IMC) e verificar a presença de adiposidade abdominal em escolares. Estudo transversal realizado entre 2007-2008, com 4.964 escolares de 6 a 10 anos de idade, matriculados em 345 escolas de oito municípios do Estado de Santa Catarina. As variáveis independentes utilizadas foram: dobras cutâneas subescapular (DCS) e tricipital (DCT), circunferências do braço (CBr), cintura (CC) e quadril (CQ) e relações cintura/quadril (RCQ) e cintura/estatura (RCEst). O IMC foi utilizado como variável dependente. Associações brutas e ajustadas foram estimadas mediante regressão linear e expressados como coeficiente de regressão (β). Para análise ajustada, todas as medidas antropométricas foram controladas entre si, mantendo-se no modelo aquelas com p<0,20. Classificou-se a adiposidade abdominal com a RCEst ≥ 0.5. Os resultados mostram que o IMC médio dos meninos foi 17,4kg/m2 (DP=2,8) e das meninas 17,2kg/ m2 (DP=2,8). As médias das medidas antropométricas para os sexos masculino e fe­minino foram, respectivamente: DCS=7,2 e 8,3mm; DCT=10,8 e 12,6mm; CBr=20,0 e 20,2cm; CC=60...