Página 1 dos resultados de 560 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Effect of Artemisia annua L. leaves essential oil and ethanol extract on behavioral assays

Perazzo, Fabio F.; Lima, Leonardo M.; Maistro, Edson Luis; Carvalho, João E.; Rehder, Vera L. G.; Carvalho, José C. T.
Fonte: Sociedade Brasileira de Farmacognosia Publicador: Sociedade Brasileira de Farmacognosia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 686-689
Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
Artemisia annua tem sido utilizada tradicionalmente para o tratamento de malária e febre na China devido à presença do princípio ativo, artemisinina. O presente trabalho avaliou a atividade central de do óleo essencial obtido por hidrodestilação e do extrato etanólico bruto de folhas frescas de A. annua em modelo in vivo como parte de um screening farmacológico dessa espécie. Sono induzido por pentobarbital, nado forçado e o ensaio de campo aberto são modelos de estudo conhecidos para o estudo de fármacos sobre depressão induzida. A administração do óleo essencial ou extrato bruto etanólico de A. annua aumentaram o tempo de imobilidade no teste do nado forçado. Por outro lado, diminuíram outros parâmetros no campo aberto, como ambulação, exploração, o ato de lamber as patas ou se lamber. Ambos produtos aumentaram o tempo de sono induzido por pentobarbital, com o óleo essencial apresentando um efeito superior ao do extrato. Pela análise dos resultados, é possível sugerir que tanto o extrato bem como o óleo essencial podem atuar como depressores do Sistema Nervoso Central (SNC).; Artemisia annua has been used as a traditional plant for the treatment of malaria and fever in China because of the presence of its active compound...

In vitro activity of Artemisia annua L (Asteraceae) extracts against Rhipicephalus (Boophilus) microplus

Chagas, Ana Carolina de Souza; Georgetti, Cynthia Sanches; Carvalho, Camila Olivo de; Oliveira, Márcia Cristina de Sena; Rodrigues, Rodney Alexandre; Foglio, Mary Ann; Magalhães, Pedro Melillo de
Fonte: Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária Publicador: Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 31-35
Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
A atividade de extratos vegetais sobre parasitas pode indicar grupos de substâncias de uso potencial no controle de Rhipicephalus (Boophilus) microplus. O objetivo do presente estudo foi investigar a ação in vitro de extratos de Artemisia annua sobre esta espécie. A concentração das lactonas sesquiterpênicas artemisinina e deoxiartemisinina presentes nos extratos vegetais, foi quantificada via cromatografia líquida de alta eficiência. Quatro extratos produzidos a partir do extrato bruto concentrado (EBC) foram avaliados sobre larvas pela metodologia do papel impregnado, com leitura após 24 horas de incubação. As fêmeas ingurgitadas foram imersas por cinco minutos no EBC e nos seus quatro extratos derivados, e incubadas para posterior análise dos parâmetros biológicos. Os extratos não tiveram eficácia sobre as larvas nas concentrações avaliadas (de 3,1 a 50 mg.mL-1). O EBC apresentou melhor eficácia sobre as fêmeas ingurgitadas (CE 50 de 130,6 mg.mL-1 e CE 90 de 302,9 mg.mL-1) que os extratos derivados. Esses resultados tendem a confirmar que a ação da artemisinina sobre as fêmeas ingurgitadas de R. (B.) microplus estaria condicionada à sua ingestão através do sangue. Nesse caso, os métodos in vitro seriam inadequados para a efetiva avaliação da ação de A. annua R.(B.) microplus.; The activity of plant extracts on parasites may indicate groups of substances that are potentially useful for controlling Rhipicephalus (Boophilus) microplus. The aim of the present study was to investigate the in vitro action of Artemisia annua extracts on this tick. The concentrations of the sesquiterpene lactones artemisinin and deoxyartemisinin present in plant extracts were quantified via high-performance liquid chromatography. Four extracts produced from the concentrated crude extract (CCE) were evaluated on larvae using the impregnated paper method...

Avaliação fitoquímica e microbiológica da espécie Artemisia annua L., submetida a tratamentos de armazenamento e condições de ambiente

Cervezan, Thalita Cristina Marques
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: x, 50 f. : il. color. , gráfs, tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
Pós-graduação em Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA; A espécie Artemisia annua, Asteraceae, nativa da China, tem a artemisinina como seu principal componente ativo, é considerado um potente antimalárico. Com o aumento do valor dos princípios ativos naturais, estudos relacionados à pós-colheita e armazenamento de material vegetal tornam-se importantes para melhor conservação de suas propriedades fitoterápicas. O presente estudo teve como objetivo definir as melhores condições de armazenamento para preservar a qualidade da droga vegetal. Folhas de A. annua secas foram armazenadas por seis meses em sacos de polietileno envolto por papel Kraft e acondicionadas em quatro tratamentos: em condição ambiente e refrigerada a 4º±2C, em embalagem normal e em embalagem sob vácuo. No tempo zero e nos períodos de 30, 90, 120 e 180 dias foram realizados as análises microbiológicas e avaliação do teor de artemisinina. Os resultados dos ensaios microbiológicos não demonstraram contaminação significante, assim como o teor de umidade do material armazenado, que permanecem entre 5% a 10%, mantendo-se dentro do parâmetro aceitável. O tratamento sem vácuo ambiente (SVA) foi o que melhor manteve estabilidade de armazenamento durante os 180 dias...

Um estudo quimico da Artemisia annua L. aclimatada no Brasil

Mary Ann Foglio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1996 Português
Relevância na Pesquisa
37.65%
Artemisia annua L. é uma Asteracea oriunda da Ásia conhecida pela produção de artemisinina 13, um potente antimalárico. Por ser uma espécie de grande interesse elegemos como tema desta tese estudar vários aspectos da variedade aclimatada no Brasil. Os metabólitos secundários não voláteis 12, 21, 22, 30 foram isolados por métodos cromatográficos convencionais os quais apresentam o sistema bicíclico [4.4.0] decano cis. Estes compostos apresentam tendências conformacionais que variam de acordo com o tipo de substituinte que possuem. Assim nós nos propusemos a fazer um estudo espectroscópico sistemático destes amorfanos naturais e preparamos alguns padrões 112, 113, 114 contendo o sistema bicíclico [4.4.0] decano cis para também serem caracterizados. A análise dos espectros de uma e duas dimensões de correlação homo e heteronuclear permitiram uma atribuição precisa dos átomos de carbono e hidrogênio além de indicarem a tendência conformacional destes compostos. A composição dos constituintes voláteis encontrados no óleo essencial da planta aclimatada no Brasil foram estudados por GC/MS (HP 5890/ HP 5970). A utilização dos dados de índices de retenção e espectros de massas aliado a co-injeção de padrões permitiu determinar quarenta e nove componentes no óleo essencial. Um dos compostos determinados 125 revelou ser um esqueleto inédito não descrito anteriormente em plantas. Também foi abordado o estudo comparativo do perfil cromatográfico do óleo essencial da Artemisia annua L. cultivadas no Brasil comparado a óleos de Artemisia annua L. de outras procedências. Um acompanhamento sazonal da Artemisia annua L. possibilitou observar a variação dos teores dos principais componentes encontrados na planta verificando a o comportamento da artemisinina 13 em relação à produção do óleo essencial. Foi avaliada a viabilidade econômica de produção da artemisinina 13 utilizando diversos materiais no seu processo de obtenção. Dessa forma consegui-se obter o princípio ativo 13 num custo global de 11 dólares e 50 centavos por grama de artemisinina 13.; The Asteracea Artemisia annua L. native of the Asian continent is well known for the production of a potent antimalarial compound...

Seleção, melhoramento e nutrição da Artemisia annua L., para cultivo em região intertropical

Pedro Melillo de Magalhães
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/11/1996 Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
A malária é ainda uma das grandes causas de mortalidade e morbidade no mundo. No Brasil, chegam a ocorrer 500 mil casos de malária por ano. A doença, causada pelo protozoário Plasmodium, tem sido agravada desde que espécies de Plasmodium passaram a adquir resistência às drogas tradicionais, cloroquina emefloquina. O estudo de novos medicamentos resultou no descobrimento das propriedades antimaláricas de uma lactona sesquiterpênica, chamada Qinghaosu ou Artemisinina, extraída das folhas da Artemísia annua L., da família Asteraceae. Compostos derivados da artemisinina são ainda de maior eficácia e vem sendo comercializados na China. Assim, a tecnologia de produção e a validação destes medicamentos no ocidente, são de grande interesse. O objetivo principal das pesquisas que compuseram esta Tese foi de contribuir para a produção dos princípios ativos da espécie Artemisia annua L., favorecendo a obtenção dos medicamentos antimalájicos. As pesquisas realizadas na MEDIPLANT (Suíça) e no CPQBA-UNICAMP (Brasil) envolveram: aspectos da biologia da reprodução; seleção e obtenção de híbridos para cultivo no Brasil; fertilização nitrogenada e ensaios de extração aquosa da artemisinina. Os resultados indicaram que a espécie...

Determinação de paramentros de processos nas diferentes etapas da extração supercritica de produtos naturais : Artemisia annua, Cordia verbenacea, Ocimum selloi e Foeniculum vulgare.; Determination of process parameters in the various steps of the supercritical extraction of natural products: Artemisia annua, cordia verbenacea, Ocimum selloi e Foeniculum vulgare.

Socrates Quispe Condori
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/05/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
No presente trabalho é apresentado um estudo global do processo de extração de produtos naturais usando dióxido de carbono supercrítico como solvente. As duas etapas do processo foram estudadas usando diversas matrizes vegetais. Na Etapa de Extração (Artemisia annua, Cordia verbenacea e Ocimum selloi) foram medidos dados de rendimento global para os três sistemas. Para os sistemas CO2 + A. annua e CO2 + C. verbenacea foram calculados os parâmetros cinéticos do processo de extração e um modelo matemático foi selecionado para representar as curvas globais de extração. A técnica de extração fracionada foi aplicada para os sistemas CO2 + C. verbenacea e CO2 + Ocimum Selloi. A determinação do rendimento global permitiu visualizar o efeito da temperatura e pressão sobre a solubilidade do extrato, além de proporcionar informações necessárias para modelagem do processo de extração. A condição que maximizou o rendimento em extrato nos sistemas CO2 + A. annua e CO2 + C. verbenacea foi 300 bar / 50 °C. Entretanto, foi demonstrado que o extrato de C. verbenacea obtido nesta condição apresenta menor atividade anticâncer àquele obtido a 200 bar / 40 °C. Para o sistema CO2 + Ocimum Selloi o maior rendimento foi obtido a 200 bar / 40 °C. No estudo da cinética do processo de extração foi verificado que para o sistema CO2 + A. annua a vazão do solvente foi o único fator significante sobre os parâmetros cinéticos. No estudo do efeito da altura do leito para o sistema CO2 + C. verbenacea...

Evaluation of antimalarial, free-radical-scavenging and insecticidal activities of Artemisia scoparia and A. Spicigera, Asteraceae

Afshar,Fariba H.; Delazar,Abbas; Janneh,Omar; Nazemiyeh,Hossein; Pasdaran,Ardalan; Nahar,Lutfun; Sarker,Satyajit D.
Fonte: Sociedade Brasileira de Farmacognosia Publicador: Sociedade Brasileira de Farmacognosia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.5%
Artemisia species (Asteraceae), widespread throughout the world, are a group of important medicinal plants. The extracts of two medicinal plants of this genus, Artemisia scoparia Waldst. & Kit. and A. spicigera C. Koch, were evaluated for potential antimalarial, free-radical-scavenging and insecticidal properties, using the heme biocrystallisation and inhibition assay, the DPPH assay and the contact toxicity bioassay using the pest Tribolium castaneum, respectively. The methanol extracts of both species showed strong free-radical-scavenging activity and the RC50 values were 0.0317 and 0.0458 mg/mL, respectively, for A. scoparia and A. spicigera. The dichloromethane extracts of both species displayed a moderate level of potential antimalarial activity providing IC50 at 0.778 and 0.999 mg/mL for A. scoparia and A. spicigera, respectively. Both species of Artemisia showed insecticidal properties. However, A. spicigera was more effective than A. scoparia.

Polissacarídeos solúveis de folhas de Artemisia Absinthium e Artemisia Vulgaris

Ferreira, Marília Locatelli Corrêa
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.5%
Resumo: As plantas Artemisia absinthium e Artemisia vulgaris são conhecidas popularmente como losna e artemísia, respectivamente. Estas espécies pertencem à família botânica Asteraceae e são conhecidas e comercializadas no mundo todo pelas suas propriedades medicinais. A parte aérea destas plantas é usada na medicina popular na preparação de chás, sob a forma de infusão, os quais são indicados no tratamento de inúmeras doenças. Neste trabalho, o chá preparado da forma tradicional e os polissacarídeos obtidos por precipitação etanólica das infusões das plantas foram caracterizados quimicamente e avaliados quanto a seus efeitos sobre células de leucemia humana (THP-1). Com relação à espécie A. absinthium, foram obtidos polissacarídeos por precipitação etanólica da infusão da parte aérea da planta. Após diversos processos de purificação, foi isolada uma arabinogalactana-proteína (AGP), a qual foi confirmada por análises químicas e espectroscópicas. Este polissacarídeo apresentou massa molar de 84.160 g/mol e é constituído por Rha, Ara, Man, Gal, Glc, GlcA e Xyl na proporção de 2,8: 4,1: 1,9: 9,3: 3,8: 2,1: 1. O extrato liofilizado obtido da infusão da parte aérea de A. absinthium apresentou 9...

Variabilidade genética e associação entre caracteres agronômicos, fisiológicos e fitoquímicos em variedades de Artemisia annua L

Bolina, Cristiane de Oliveira
Fonte: Pato Branco Publicador: Pato Branco
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
Artemisia annua L. (Asteraceae) is a highly aromatic annual herb, native from Asia and acclimated in Brazil. The leaves are a rich source of artemisinin, a sesquiterpene lactone used in the preparation of drugs for the treatment of malaria, and also of essential oil used in cosmetics and hygienic products. This study aimed to estimate the genetic variability and correlation between agronomic, physiological and phytochemicals traits in varieties of A. annua, also to characterize the content, yield and essential oil composition. The design was completely randomized and treatments were the varieties Artemis, 2/39x5x3M and 2/39x1V of A. annua, submitted to agronomic, physiological and phytochemical evaluations. For the accomplishment of the genetic distance estimates dissimilarity matrices had been generated using the Euclidean distance and Tocher’s and UPGMA’s grouping methods. Moreover, relative importance of the characters for genetic divergence for the method of Singh was evaluated. The relationship between the studied characters was estimated using Pearson’s correlation coefficient and the significance level was analyzed by test t. The analyses were performed in the Genes software and the dendrograms obtained from the NTSYS program. The separation and quantification of substances present in the essential oil were performed by gas chromatography with flame ionization detector and the identification of them were made in a gas chromatography coupled with mass spectrometer. Tocher’s and UPGMA’s methods agreed among themselves in the formation of groups and the presence of genetic variability within varieties allowed the identification of dissimilar individuals with high average for all traits. The number of branches...

Fisiologia da floração e atividade alelopática de Artemisia annua L. cultivar Artemis cultivada em clima subtropical úmido

Magiero, Emanuelle Cavazini
Fonte: Pato Branco Publicador: Pato Branco
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
The Artemisia annua L. (Asteraceae) is a herbaceous plant, native of Asia and acclimated in Brazil. The leaves are abundant source of artemisinin, a sesquiterpene lactone that, jointly to yours derived semi-synthetic, they present effectiveness action against the resistant stumps of the species of Plasmodium against malaria. The artemisinin is also being tested with success in the cancer treatment and against countless parasites that affect the human and animal health. The objectives of this work went to determine the planting times and crop of the cultivar Artemis of A. annua in Pato Branco-PR, as well as, to determine in field the critical photoperiod and the number of inductive photoperiod for the flowering of this cultivar. A second experiment was accomplished with the objective of determining the allellopathic effect of this species on lettuce seeds and wild poinsettia. In the experiment in field, the treatments were six different transplant times, being the 09 central plants of the portions picked for the determination of the mass dries of leaf and stems, relationship leaf/stems and artemisinin in the mass dries of leaves when 50% of the plants of the portion began the emission of the floral buttons. The number of cycles inductive found for the cultivar Artemis was of approximately 36 cycles and the critical photoperiod was approximately 13 hours...

Efeito de um extrato de Artemísia Vulgaris L. marcação in vitro de constituintes sanguíneos com tecnécio-99m em ratos wistar; Efeito de um extrato de Artemísia Vulgaris L. marcação in vitro de constituintes sanguíneos com tecnécio-99m em ratos wistar

Terra, Danielle Amorim
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.73%
Artemisia vulgaris L..is used in folk medicine and in Traditional Chinese Medicine (TCM). This medicinal plant has been utilized as anticonvulsive, analgesic, antispasmodic effect, rheumatic pains, menstrual dyspepsia, asthenia, epilepsy, hepatitis, fevers, anemia and to expel parasites. In nuclear medicine, blood constituents are labeled with technetium-99m (99mTc) and used as radiopharmaceuticals (radiobiocomplexes). Authors have been described that synthetic and/or natural drugs could modify the labeling of blood constituents with 99mTc. The aim of this work was to evaluate the effects of an aqueous extract of Artemisia vulgaris L. on the labeling of blood constituents with 99mTc. Blood samples withdrawn of Wistar rats were incubated with Artemisia vulgaris L, stannous chloride and 99mTc, as pertechnetate ion. Aliquots of plasma (P) and blood cells (BC) were isolated. Aliquots of P and BC were also precipitated with trichloroacetic acid and soluble (SF) and insoluble (IF) fractions were separated. The radioactivity in each fraction was counted and the percentages of radioactivity (%ATI) were calculated. Artemisia vulgaris L. extract decreased significantly (p<0.05) the %ATI on BC and on IF-BC. The analysis of the results indicates that the extract could have substances that could interfere on the transport of stannous through the erythrocyte membrane altering the labeling of blood cells with 99mTc. Working in this study was a multidisciplinary group...

Ação da doxiciclina e Artemisia annua L. em cultura de células DH82 infectadas com Ehrlichia canis: estudo ultraestrutural

Genaro, Fernanda Ferreira
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.61%
O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito da infusão da planta Artemisia annua L. em cultura de Ehrlichia canis em células DH82, avaliando as alterações ultraestruturais deste tratamento em comparação ao tratamento convencional com doxiciclina, buscando uma alternativa eficaz para animais que não podem ser tratados com tetraciclinas e seus derivados, além de custos mais acessíveis para o proprietário. Neste experimento foram utilizadas culturas de células DH82 infectadas com Ehrlichia canis, avaliadas duas e 24 horas após a adição da substância testada, distribuídas da seguinte forma: grupo controle; grupo doxiciclina e grupo Artemisia annua L. Após os tratamentos as células da cultura foram retiradas das garrafas por tripsinização e os “pellets” formados pelo processo de centrifugação, preparados para avaliação ultraestrutural, em microscopia eletrônica de transmissão. À avaliação do material pode-se notar que a Artemisia annua L. possuiu atividade anti-erlíquia, mas a Doxiciclina foi mais eficiente que esta. Sendo que as duas drogas se mostraram levemente tóxicas para células DH82. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT; The goal of this job was to evaluate the effect of the infusion of Artemisia annua L. plant in culture of Ehrlichia canis in DH82 cells...

Avaliação dos efeitos in vitro e in vivo do extrato total de Artemisia annua L. no controle da infecção aguda por Toxoplasma gondii

Oliveira, Taísa Carrijo de
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
Considerando que o tratamento da toxoplasmose é baseado em drogas que apresentam uma limitada eficácia devido aos seus substanciais efeitos colaterais, a proposta do presente estudo foi avaliar os efeitos do extrato total de Artemisia annua in vitro e in vivo, na infecção por Toxoplasma gondii. O extrato total de A. annua foi preparado a partir de partes aéreas da erva seca, e testado em cultura celular ou em camundongos C57/BL6 que foram infectados com o parasito, em comparação ao tratamento com sulfadiazina, uma droga comercial existente. Considerando valores de citotoxicidade (DT50) e de inibição (DT50) para o pré-tratamento dos parasitos com A. annua foi determinado um índice terapêutico (IT). O extrato total de A. annua apresentou maior valor (IT= 544,5) quando comparado com a sulfadiazina (IT= 194,4). Quando o tratamento de fibroblastos humanos com as drogas foi realizado após a infecção com T. gondii, IT de ambas as drogas foram similares. Em experimentos in vivo utilizando cepa cistogênica do parasito foi demonstrado um eficiente controle da infecção pela utilização de extrato total de A. annua. Em conclusão, nossos resultados indicam uma potencial utilização do extrato total de A. annua no controle da infecção por T. gondii devido a sua baixa citotoxicidade e sua ação inibitória diretamente contra o parasito...

E non dite che dipingeva come un uomo : hist??ria e linguagem pict??rica de Artem??sia Lomi Gentileschi entre as d??cadas de 1610 e 1620 em Roma e Floren??a; E non dite che dipingeva come un uomo : hist??ria e linguagem pict??rica de Artem??sia Lomi Gentileschi entre as d??cadas de 1610 e 1620 em Roma e Floren??a; E non dite che dipingeva come un uomo : history and pictorial language of Artemisia Lomi Gentileschi between the decades of 1610 and 1620 in Rome and Florence; E non dite che dipingeva come un uomo : history and pictorial language of Artemisia Lomi Gentileschi between the decades of 1610 and 1620 in Rome and Florence

TEDESCO, Cristine
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Hist??ria; Programa de P??s-Gradua????o em Hist??ria; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Hist??ria; Programa de P??s-Gradua????o em Hist??ria; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.61%
This research has as main objective understand the complex relation between the life and the work of Artemisia [Lomi] Gentileschi (1593 -1654). The study privileges the firsts years of the young painter‟s career, mainly in Rome and Florence. We selected two mainly types of sources for this work: written and imagetic. The analysis of the pictures was made at the same time we studied the interrogations in the criminal proceeding Stupri et lenocinij Pro Curia et Fisco, where Agostino Tassi is accused for forced desvirgination of Artemisia, during the year of 1611. We made an investigation connected to the discussions of gender, since we understand that the feminine and the masculine are built by the culture and the subjective identities of men and women have social origins, which relate with each other in a complex and tense way (SCOTT, 1990). We point that this research is guided by the method of reduction of scales in the historiography analysis, used by Michel Foucault (1991) and Carlo Ginzburg (2006) as well. About the analysis of images we joined the methodology of Luigi Pareyson (1997). According to the author, [ ] the work reemerge in the history: far from the reduction to a simple moment of temporal flow...

Antimicrobial effect of Artemisia species on Pseudomonas aeruginosa

Stefancin, Chad V
Fonte: FIU Digital Commons Publicador: FIU Digital Commons
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
Antibiotic resistance has emerged as a severe problem in hospital-acquired infectious disease. The Gram-negative bacterium Pseudomonas aeruginosa is found to cause secondary infection in immune-compromised patients. Unfortunately, it is resistant to virtually all β-lactam antibiotics such as penicillin, cephalosporin and others. Researchers are seeking for new compounds to treat several antibiotic-resistant bacterial strains. Artemisia plant extracts are commonly used for their therapeutic properties by natives throughout dry regions of North and South America. Here, they are administered as an alternative medicine for stomach problems and other complex health issues. In this study, the antimicrobial effects of plant extracts from several Artemisia species as well as compounds dehydroleucodine and dehydroparishin-B (sesquiterpenes derived specifically from A. douglasiana) were used as treatments against the pathogenicity effects of P. aeruginosa. Results showed that both compounds effectively inhibit the secretion of LasB elastase, biofilm formation and type III secretion, but fail to control LasA protease. This is a significant observation because these virulent factors are crucial in establishing P.aeruginosa infection. The results from this study signify a plausible role for future alternative therapy in the biomedical field...

As mulheres nas pinturas de Josefa de Ayala e Artemisia Gentileschi : a nudez, o vestuário e os tecidos como instrumentos da sensualidade barroca

Santos, Maria João Gonçalves Reis Leitão Galvão
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.73%
Dissertação de Mestrado em Estudos sobre as Mulheres apresentada à Universidade Aberta; Esta Dissertação tem por objectivo proceder ao estudo da representação das mulheres e da sensualidade feminina num conjunto de obras pictóricas da autoria de duas pintoras do século XVII: Josefa de Ayala e Artemisia Gentileschi. Trata-se de analisar e comparar o tratamento conferido e imprimido pelas pintoras aos corpos, ao vestuário e aos tecidos patentes num conjunto bem delimitado de obras pictóricas. O século XVII é marcado pelo reforço e endurecimento do papel da Igreja saída do Concílio de Trento, que recorreu abundantemente à arte a fim de catequizar os fiéis. Se por um lado se condenava como indecorosa a representação de corpos nus e sensuais, por outro lado autorizava-se a utilização de instrumentos que permitissem que as pinturas ficassem mais apelativas, comovendo, emocionando e seduzindo os observadores. A pintura recorria frequentemente ao nu, ao vestuário rico e atractivo – ou em alguns casos desconstruído – e à criação de texturas sedutoras através da representação dos tecidos plenos de quebras e pregueados. Neste contexto geral europeu, surgem duas mulheres artistas que se irão destacar como pintoras profissionais...

Orazio and Artemisia Gentileschi : father and daughter painters in Baroque Italy : réception critique d'un jumelage expositionnel

Roy-Marcoux, Jerome
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
Português
Relevância na Pesquisa
37.5%
L’exposition Orazio and Artemisia Gentileschi : Father and Daughter Painters in Baroque Italy se tint au Metropolitan Museum of Art à New York du 14 février au 12 mai 2002. De tout ce qui fut écrit en lien avec cet événement, il ressort deux tendances principales. Tandis que certains clament la prééminence d’Orazio Gentileschi sur sa fille en se basant sur le message véhiculé tant dans l’exposition que dans son catalogue, d’autres, rassemblés autour des féministes, remettent en question cette vision en relevant les partis-pris culturels jouant en défaveur des femmes. Le jumelage expositionnel constitue un événement muséal temporaire dans lequel deux artistes sont juxtaposés afin de faciliter un jugement comparatif. Parmi les épisodes récents de cette nature, on compte notamment Matisse-Picasso. Nous nous pencherons ensuite sur deux artistes issus d'une même famille, mais appartenant à deux générations différentes, à savoir : Orazio et Artemisia Gentileschi. En relation avec l’exposition qui leur fut dédiée en 2002, nous nous demanderons plus précisément comment la prédominance que désiraient accorder les commissaires à Orazio Gentileschi s'articule devant la célébrité affirmée d’Artemisia depuis 1916. Le dossier critique de l'événement servira de point de départ à notre étude. Toute exposition constituant un discours...

Cultivo in vitro de Artemisia annua L. para a produção de artemisinina

Claudia Isabel Paola Hinojosa Chang
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/03/1996 Português
Relevância na Pesquisa
37.5%
A malária, um dos maiores problemas de saúde pública dos países tropicais, vem sendo combatida através de medicamentos sintéticos como a cloroquina e derivados, os quais apresentam sérios efeitos colaterais e cuja eficácia é afetada principalmente pela resistência do agente causador da malária a estes medicamentos. Um extrato vegetal de Artemisia annua, contendo artemisinina vem sendo utilizado à milhares de anos na China e tem-se mostrado eficaz no combate às febres, entre elas a malária. A influência da concentração dos nutrientes dos meios padrão Murashige & Skoog (1962), Gamborg et al (1968)e White (1943), adicionados de fitoreguladores (GA3 e AIA), na produção de artemisinina e do seu precursor, o ácido artemisininico foi observada através dos estudos de cultivo in vitro de Artemisia annua L. Os cultivos in vitro das plântulas foram realizados em períodos de 14 e 28 dias. Os experimentos mostraram que dentre os meios padrões utilizados o meio White (com nutrientes em menor concentração) promoveu um maior efeito tanto no crescimento das plântulas, como na produção de artemisinina. Para otimizar a produção in vitro de artemisinina e do ácido artemisinínico, 80 meio de White foi adicionado o retardante de crescimento (CCC) e foram reduzidos os níveis de fosfato e nitrato das concentrações originais do meio constatando-se que não afetaram significativamente o teor de artemisinina. Já a diminuição pela metade da concentração original de nitrato do meio White aumentou significativamente a produção de ácido artemisininico na parte aérea. A adição do retardante CCC (com o ótimo da concentração de 150 mg/l) no meio padrão de White aumentou significativamente a produção do ácido artemisininico...

Molecular cytogenetic characterization of some representatives of the subgenera Artemisia and Absinthium (genus Artemisia, Asteraceae); Caracterización citogenética molecular de algunos representantes de los subgéneros Artemisia y Absinthium (género Artemisia, Asteraceae)

Pellicer, J.; Garcia, Sònia; Garnatje, Teresa; Hidalgo, O.; Siljak-Yakovlev, S.; Vallès, Joan
Fonte: Consejo Superior de Investigaciones Científicas (España) Publicador: Consejo Superior de Investigaciones Científicas (España)
Tipo: Artículo Formato: 21357 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.65%
9 pages, 2 tables, 1 figure.; A molecular cytogenetic study has been performed in three species of the genus Artemisia, complementing previous works on two subgenera that had been scarcely studied from this standpoint, Artemisia (A. chamaemelifolia, A. vulgaris) and Absinthium (A. absinthium). Chromomycin A3 and 4',6-diamidino-2-phenylindole (DAPI) banding have been carried out, as well as fluorescent in situ hybridization (FISH) of 5S and 18S-5.8S-26S ribosomal DNA. Morphometrical data of karyotype characters were calculated and idiograms with the position of the AT- and GC-rich regions as well as rDNA loci were constructed. Colocalization of most of these regions has been observed, confirming previous findings in this genus. Both ribosomal DNA appear always colocalized, which is a distinct feature with respect to most angiosperms surveyed. Regarding the differential characteristics of each species, a symmetrical karyotype has been found in the species studied. Artemisia absinthium shows long chromosomes and absence of centromeric banding signals that, conversely, are absent in A. vulgaris and A. hamaemelifolia. The last species also presents Bchromosomes in which ribosomal DNA and heterochromatin have been detected. Despite these differences...

Thermodynamic characterisation of steel corrosion for the corrosion inhibition of steel in sulphuric acid solutions by artemisia

Bouklah,M.; Hammouti,B.
Fonte: Sociedade Portuguesa de Electroquímica Publicador: Sociedade Portuguesa de Electroquímica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2006 Português
Relevância na Pesquisa
37.5%
The effect of natural occurring extract of artemisia on the corrosion of steel in 0.5 M H2SO4 in the temperature range 298 - 353 K is studied by weight loss method, electrochemical polarisation and linear polarisation Rp measurements. Results obtained reveal that extract reduces the corrosion rate. The inhibition efficiency increases with the increase of artemisia content at 10 g/L to reach 95% and 99% at 298 and 353 K, respectively. Results obtained by gravimetric and electrochemical polarisation are in good agreement. Polarisation studies clearly reveal that the presence of the natural artemisia does not change the mechanism of the hydrogen evolution reaction and acts as a mixed type inhibitor. The inhibition efficiency increases with temperature. The adsorption of artemisia on the steel follows Langmuir adsorption isotherm.