Página 1 dos resultados de 1786 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Programa de manutenção de aeronaves das companhias de aviação de baixo custo

André, Adilson António de Carvalho
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
Este trabalho aborda o Programa de Manutenção de Aeronaves das companhias de aviação de baixo custo, tendo como foco a análise e identificação dos requisitos legais e das metodologias de desenvolvimento de um Programa de Manutenção de uma aeronave e a comparação dos custos de manutenção de companhias de baixo custo com as companhias regulares. A aplicação eficaz de um programa de manutenção, para além de reduzir os seus custos, tem um impacto positivo na segurança, economia da manutenção e na fiabilidade de despacho. A metodologia utilizada foi a análise de informação de publicações e artigos. Com base na revisão de literaturas especializadas, fez-se uma selecção dos diversos aspectos necessários para se obter um Programa de Manutenção, o que permitiu construir o caso de estudo e efectuar a análise dos custos inerentes de manutenção de um operador aéreo de baixo custo e de um operador aéreo regular. Os resultados da análise permitiram chegar a veracidade da hipótese de que do ponto de vista de manutenção é igualmente seguro ou não seguro voar numa companhia de baixo custo e numa companhia regular, assim independentemente do tipo de companhia, ambas devem cumprir os requisitos para aprovação do PMA imposto pela autoridade aeronáutica...

A comunicação online das organizações culturais. A utilização de novas ferramentas pelas companhias de teatro de Lisboa e Vale do Tejo de 2000 a 2013

Azevedo, Pedro Miguel Henriques
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /10/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.3%
Nos dias de hoje, ferramentas como o Facebook, o Twitter e o YouTube fazem parte do quotidiano. Desde o recente virar do século até ao presente, a sociedade transformou-se. Usamos cada vez mais a Internet. Nela pesquisamos informação e partilhamos conteúdos, sejam eles textos, fotos ou vídeos. As novas ferramentas de comunicação online trouxeram uma maior interatividade entre aquele que emite uma mensagem e aquele que a recebe. Nesta investigação procura-se analisar quais e como é que as novas ferramentas de comunicação online são utilizadas pelas organizações culturais, nomeadamente, pelas companhias de teatro de Lisboa e Vale do Tejo, entre 2000 e 2013. Ao longo do enquadramento teórico são abordadas questões como a comunicação das organizações, a comunicação online das mesmas, a utilização das novas ferramentas online por parte de companhias de teatro e o que são considerados sites, media sociais e redes sociais. Entre várias referências, serão citados Grunig e Hunt (1984) que apresentam o modelo de comunicação de dois sentidos simétricos, assim como Phillips e Young (2009) que abordam as diferentes ferramentas de comunicação online. São ainda apresentados estudos relativos à utilização destas ferramentas por parte das organizações artísticas...

A importância da operação das companhias aéreas de baixo custo no desenvolvimento de segmentos de mercado turístico. O caso do turismo residencial no Algarve

Almeida, Claudia; Ferreira, Ana Maria; Costa, Carlos
Fonte: Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional Publicador: Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.33%
O sector do transporte aéreo constitui um dos sectores de actividade mais importantes para o desenvolvimento do sector turístico, pelo facto de estar associado à deslocação de pessoas e bens um pouco por todo o mundo, permitindo a proliferação e crescimento de novos destinos turísticos, alguns dos quais limitados por questões de acesso. Este sector assistiu nos últimos anos a períodos menos positivos associados a instabilidades de ordem global que originaram um decréscimo da procura deste meio de transporte, nomeadamente os ataques terroristas de 11 de Setembro de 2001, a pneumonia atípica e a guerra do Iraque. O início da operação das companhias aéreas de baixo custo trouxe um novo fôlego ao sector. Assentes num modelo de negócio que as distinguem das concorrentes regulares tradicionais e charter, estas companhias oferecem um serviço inovador, baseado no baixo custo e diversidade de rotas e frequências. O seu posicionamento originou alterações profundas nos modelos de negócio de destinos e aeroportos, nomeadamente os que acolhiam tradicionalmente voos de companhias charter. O Algarve e o Aeroporto de Faro são exemplo desta alteração. Em 1996 este aeroporto registava um tráfego essencialmente charter (86...

A operação das companhias aéreas de baixo custo no aeroporto de Faro (1996-2006)

Almeida, Claudia; Ferreira, Ana Maria; Costa, Carlos
Fonte: Instituto Piaget Publicador: Instituto Piaget
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
O sector do transporte aéreo tem sido ao longo das últimas décadas objecto de estudo e análise aprofundada por parte de empresários e académicos, já que para além de apresentar características únicas revela ser um sector onde a inovação é uma constante. Durante os anos 90, e com a entrada das companhias aéreas de baixo custo no mercado, este sector voltaria a surpreender os clientes e os vários intervenientes do sector turístico pela apresentação de um novo conceito de viagem aérea a tarifas reduzidas e sem serviço a bordo que concorria directamente com as companhias aéreas regulares tradicionais e charter em determinadas rotas. Após a sua entrada no mercado foi possível perceber que muito estava a mudar no sector do transporte aéreo, nomeadamente ao nível das reservas, perfil do cliente, destinos procurados, entre outros. Pode-se mesmo afirmar que estas companhias aéreas são responsáveis pela entrada no mercado de novos destinos turísticos no panorama internacional e a consolidação de outros já estabelecidos. Os impactes originados pela sua operação aconteceram igualmente ao nível dos aeroportos, como por exemplo no tipo de serviços requerido, aumento de rotas e frequências diárias e em alguns casos na alteração da estrutura de tráfego. Neste contexto pretende-se analisar o caso do Algarve e mais concretamente do Aeroporto de Faro...

A operação das companhias aéreas de baixo custo na Europa. O caso da Ryanair

Almeida, Claudia; Costa, Carlos
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.26%
Os Transportes são, de forma global, cruciais para a maior mobilidade das populações, trocas comerciais, económicas e/ou culturais, permitindo uma maior competitividade para um país, região ou cidade. Dos vários modos de transporte existentes, o transporte aéreo apresentou, nas últimas duas décadas, um maior índice de desenvolvimento e crescimento ao nível da procura, o que também se pode associar ao facto de estar interligado a outro sector de actividade em forte expansão, o turístico. No Continente Europeu, o transporte aéreo tem revelado dinamismo e competitividade entre as várias companhias aéreas que operam nos vários países. Riley (2003) salienta que seria impossível conceber uma economia na União Europeia com um crescimento sustentável no futuro sem um sistema de transportes adequado, de onde destaca o exemplo do transporte aéreo. O processo de liberalização que ficou concluído em 1997, na Europa, veio trazer uma nova dinâmica ao sector, permitindo a entrada das companhias aéreas de baixo custo no mercado, que operam segundo um modelo de negócio distinto das companhias aéreas regulares tradicionais, de bandeira, regionais ou charter. Neste artigo pretendemos analisar com mais pormenor a questão do processo de liberalização do transporte aéreo na Europa...

Conservadorismo contábil nas companhias abertas e fechadas brasileiras

Paulo,Edilson; Antunes,Maria Thereza Pompa; Formigoni,Henrique
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.26%
Objetiva-se neste artigo identificar a existência de diferenças significativas entre companhias abertas e fechadas brasileiras no nível de conservadorismo de suas demonstrações contábeis. A pesquisa, do tipo exploratória e descritiva, baseia-se em amostra composta por 1.384 empresas-ano, sendo 770 observações referentes a companhias fechadas e 614 a companhias abertas, no período de 2000 a 2004. Utilizou-se o modelo de Ball e Shivakumar (2005) que permite analisar o nível de conservadorismo por meio da reversão dos resultados contábeis. Os resultados obtidos evidenciam que as companhias fechadas apresentam menor probabilidade de reconhecimento oportuno das perdas e, por isso, possuem menor nível de conservadorismo nas demonstrações contábeis em relação às companhias abertas.

Uma avaliação do nível de evidenciação das companhias abertas, no Brasil, no tocante aos instrumentos financeiros

Costa Junior,Jorge Vieira da
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
O propósito deste trabalho é o de levantar o quadro atual da política de evidenciação de instrumentos financeiros por parte das companhias abertas no Brasil, através de suas demonstrações contábeis (data base de 31.12.2000). Uma pesquisa junto a 215 companhias abertas foi levada a efeito visando a avaliar se a divulgação de fatores de risco de mercado e de sua gestão foi feita adequadamente (de forma qualitativa e quantitativa), se as estratégias dispensadas ao uso dos instrumentos financeiros foram adequadamente reveladas, se foram computados e revelados os valores justos dos instrumentos financeiros, enfim, se os ditames da Instrução CVM nº 235/95, de 23.03.95, foram observados rigorosamente pelas companhias abertas. O resultado da pesquisa indicou que as companhias abertas no Brasil, não prestam informações adequadas em suas demonstrações contábeis, no que concerne aos instrumentos financeiros.

Hedge, redução de volatilidade dos lucros e o efeito sobre o imposto de renda das companhias abertas brasileiras

Lameira,Valdir de Jesus; Figueiredo,Antônio Carlos; Ness Jr,Walter Lee
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.13%
Neste artigo, procurou-se identificar se as companhias abertas brasileiras teriam conseguido benefícios fiscais ao fazer hedge, fato esse derivado de uma expectativa de queda da sua carga tributária (Imposto de Renda a pagar). Com esse objetivo, inicialmente pesquisou-se em que situações have-ria possibilidade de geração desse benefício. Após essa revisão, foram estudadas situações em que a companhia tivesse grande volatilidade de seus resultados e os efeitos que o hedge traria no valor do I.R. a ser pago. Assim, pôde-se mensurar o efeito do resultado do hedge na carga tributária dessas companhias nesse período, simulando uma situação teórica para melhor evidenciarem-se os efeitos resultantes dessa prática. Posteriormente, utilizouse uma regressão linear múltipla para relacionar o valor do imposto de renda pago por companhias abertas brasileiras no ano de 2003 com os valores de hedge em 2002 e 2003 e os prejuízos acumulados em 2002. Os resultados são fundamentados em vasta bibliografia referente ao assunto.

Evidenciação ambiental dos resíduos sólidos de companhias abertas no Brasil potencialmente poluidoras

Voss,Barbara de Lima; Pfitscher,Elisete Dahmer; Rosa,Fabricia Silva da; Ribeiro,Maisa de Souza
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.3%
Esta pesquisa tem como motivação a obrigatoriedade das empresas de apresentarem informações ambientais sobre os resíduos sólidos no ano de 2010. Parte da seguinte pergunta de pesquisa: como estão sendo evidenciadas as informações ambientais relativas aos resíduos sólidos das companhias abertas no Brasil potencialmente poluidoras no ano de 2010? Com vista a uma resolução plausível, tem-se como objetivo geral verificar a evidenciação ambiental quanto aos resíduos sólidos das companhias abertas no Brasil potencialmente poluidoras no ano de 2010. Para atingir esse objetivo, são estipulados os seguintes objetivos específicos: (i) propor um modelo para identificar itens de evidenciação ambiental dos resíduos sólidos; (ii) avaliar o nível da evidenciação ambiental e correlacioná-lo com variáveis financeiras. Para a análise dos dados é construído um modelo de análise da evidenciação ambiental dos resíduos sólidos (Waste-Ede), que compreende a junção das ideias contidas no modelo Environmental Disclosure Evaluation, na política nacional de resíduos sólidos (Lei Federal n. 12.305/2010) e nas diretrizes da Global Reporting Initiative (2006). Os resultados demonstram que a maioria das companhias não publicou o relatório de sustentabilidade. A amostra final não probabilística contemplou 86 companhias. Os resultados limitados a essa amostra revelam que as companhias estão evidenciando informações de resíduos sólidos no nível mercado (conforme modelo)...

Enfoque multiobjetivo para determinação de Benchmarks de companhias aéreas brasileiras DEA-ineficientes.

MEZA, L.A.; GOMES, E.G.; MELLO, J.C.C.B.S.de
Fonte: In: CONGRESSO NACIONAL DE PESQUISA E ENSINO EM TRANSPORTES, 16., 2002, Natal. Anais... Natal: Anpet, 2002. Publicador: In: CONGRESSO NACIONAL DE PESQUISA E ENSINO EM TRANSPORTES, 16., 2002, Natal. Anais... Natal: Anpet, 2002.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: il.; p. 27-34.
Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
Este trabalho usa os resultados obtidos no modelo de Análise de Envoltória de Dados que determina quais as companhias aéreas brasileiras eficientes em vendas, no triênio 1998-1999-2000. Ao invés de serem exploradas as características das companhias eficientes, pretende-se mostras opções de melhora paras as companhias ineficientes, através das companhias que lhes servem de referência (benchmarks). Tal procedimento utiliza um enfoque de Programação Linear Multiobjeto, devido a algumas limitações dos modelos DEA clássicos. Este enfoque permite a escolha de uma meta dentre um conjunto possível de empresas eficientes; 2002

A gestão da diversidade nas companhias aéreas que atuam no Brasil

JUSTO, Alexandra Martins Benedetti
Fonte: Universidade Municipal de São Caetano do Sul Publicador: Universidade Municipal de São Caetano do Sul
Tipo: Tese ou dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.13%
Dissertação apresentada ao Programa de Mestrado em Administração da Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS; Esta pesquisa investigou a gestão da diversidade nas companhias aéreas que atuam no Brasil, mediante o objetivo geral que tratou de identificar e analisar como as empresas pesquisadas concebem e aplicam as políticas de gestão de pessoas que tratam da gestão da diversidade cultural. Para o alcance do objetivo geral, foram definidos três objetivos específicos, a saber: identificar e analisar as políticas de gestão de pessoas que contemplam a diversidade cultural nas organizações, por meio dos subsistemas de RH; verificar como ocorre o gerenciamento e o comportamento da organização, com base na caracterização do público, identificado como diverso culturalmente pelos gestores da área de GP e pelos gestores que lidam com a diversidade cultural na organização; e identificar e comparar as empresas pesquisadas, mediante as políticas de GP que tratam da diversidade cultural, no que se refere aos subsistemas de RH, ao gerenciamento e ao comportamento organizacional dessas empresas. As teorias que embasaram a pesquisa se referiram às políticas de gestão de pessoas, aos subsistemas de RH e do comportamento organizacional e ao gerenciamento das políticas da diversidade cultural...

A gestão da diversidade nas companhias aéreas que atuam no Brasil

JUSTO, Alexandra Martins Benedetti
Fonte: Universidade Municipal de São Caetano do Sul Publicador: Universidade Municipal de São Caetano do Sul
Tipo: Tese ou dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
JUSTO, Alexandra Martins Benedetti. A gestão da diversidade nas companhias aéreas que atuam no Brasil. 2012. 195f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Municipal de São Caetano do Sul, São Caetano do Sul, 2012.; Esta pesquisa investigou a gestão da diversidade nas companhias aéreas que atuam no Brasil, mediante o objetivo geral que tratou de identificar e analisar como as empresas pesquisadas concebem e aplicam as políticas de gestão de pessoas que tratam da gestão da diversidade cultural. Para o alcance do objetivo geral, foram definidos três objetivos específicos, a saber: identificar e analisar as políticas de gestão de pessoas que contemplam a diversidade cultural nas organizações, por meio dos subsistemas de RH; verificar como ocorre o gerenciamento e o comportamento da organização, com base na caracterização do público, identificado como diverso culturalmente pelos gestores da área de GP e pelos gestores que lidam com a diversidade cultural na organização; e identificar e comparar as empresas pesquisadas, mediante as políticas de GP que tratam da diversidade cultural, no que se refere aos subsistemas de RH, ao gerenciamento e ao comportamento organizacional dessas empresas. As teorias que embasaram a pesquisa se referiram às políticas de gestão de pessoas...

Entre texto e palco : um estudo sobre a preparação do espetáculo e dos atores das companhias profissionais elisabetanas; Between text and stage : a study on the preparation of the spectacle and the actors of the elizabethan professional companies

Castaman, Aline
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
A pesquisa de dissertação intitulada Entre Texto e Palco: Um Estudo sobre a Preparação do Espetáculo e dos Atores pelas Companhias Profissionais Elisabetanas se propõe a analisar alguns elementos relevantes no tocante à organização do espetáculo teatral pelas companhias profissionais elisabetanas. Os objetivos da pesquisa foram estudar a preparação das peças pelas companhias, quais os manuscritos estruturados para preparar o espetáculo e aqueles que seriam entregues aos atores, as partes; compreender a preparação do espetáculo pelos atores e o sistema de repertório, bem como a distribuição de seus papéis e a tradição do sistema de transmissão de papéis entre os atores, tentando verificar se existia algum procedimento de trabalho, instrução, estudo, ensaio, leituras; e por fim, do modo de interpretação, se havia uma noção determinada sobre a representação cênica, que descobrimos era reconhecida no período como passionating, conceito sobre a arte de interpretar do ator. A pesquisa foi bibliográfica, investigativa e de análise de fragmentos de duas peças de Shakespeare, A Tragédia de Hamlet, Príncipe da Dinamarca e Sonho de uma Noite de Verão. Passagens foram pinçadas dessas duas peças de modo que realizamos um estudo comparativo e de análise nos servindo de pontuais perspectivas de críticos que contribuíram imensamente na fundamentação de nossa articulação a respeito dos elementos acima citados e que moveram a pesquisa. Na delimitação do problema quatro foram os autores que fundamentaram nossa dissertação. São críticos que tiveram acesso direto aos manuscritos do período...

Encontros de Companhias de Reis como resistência cultural; Encontros de Companhias de Reis como resistência cultural

Reis, Weber
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa acadêmica; Descripción Formato: application/pdf
Publicado em 07/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.42%
Con las entradas de las banderas de São Paulo, los colonos, los inmigrantes de Portugal, adentraran en las matas siguiendo el camino trazado por los Bandeirantes, llegando a la región de lo noroeste paulista, llevando la devoción cristiana a los Reyes Magos, manifestado en “Folias de Reis”. Como prueba Brandão (1983). Con el proceso de transformación económica, los hábitos culturales caipiras han sufrido transformaciones y las manifestaciones de las folias de los reyes comenzaron a desvanecerse en la región noroeste de São Paulo, con algunos focos de resistencia, llamdas hoy “Companhia de Reis”. En búsqueda de campo, destinado a la cultura caipira, entrevisté maestros de “Companhias” en tres encuentros de “Companhias de Reis” y pude ser testigo de la resistencia cultural.Los encuentros de las “Companhias de Reis” son focos de resistencia, donde “Companhias” isoladas em diversos condados de la región se encuentran para lo fortalecimiento de la fie cristiana en Santos de Reis, reavivando en varios de los condados las fiestas de los Santos de Reis e salidas de las banderas, que hasta entonces estaban se tornando extintas.DOI: 10.5841/extraprensa.v1i1E.124; Com a entrada das bandeiras pelo interior paulista...

Uma avaliação do nível de evidenciação das companhias abertas, no Brasil, no tocante aos instrumentos financeiros

Costa Junior, Jorge Vieira da
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2003 Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
This paper aimed to investigate the current stage of the disclosure policy of publicly-held companies in Brazil with respect to financial instruments, by means of the analysis of their financial statements (fiscal year ending at December 31st 2000). A research of 215 publicly-held companies was realized in order to evaluate the adequate disclosure (qualitatively and quantitatively speaking) of risk market factors and their management, the adequate revelation of the strategies for using financial instruments, the adequate calculation and revelation of the fair values of the financial instruments, and finally, if the paragraphs of CVM Instruction nº. 235/95, from March 23rd 1995, were strictly observed by the publicly-held companies. Moreover, the role of the independent auditors in this context was evaluated through the analysis of their audit opinions. The research result indicated that the publicly-held companies in Brazil do not render appropriate information about the financial instruments in their financial statements, with the consent of their independent auditors.Part of the responsibility may also be attributed to the Regulator, due to the absence of a more educational and explanatory regulation (of the "how to do" kind).; O propósito deste trabalho é o de levantar o quadro atual da política de evidenciação de instrumentos financeiros por parte das companhias abertas no Brasil...

Hedge, redução de volatilidade dos lucros e o efeito sobre o imposto de renda das companhias abertas brasileiras

Lameira, Valdir de Jesus; Figueiredo, Antônio Carlos; Ness Jr, Walter Lee
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.13%
In this article we try to identify if Brazilian public companies hedge in response to tax incentives. With this goal, we first identify in which conditions the hedge causes reductions in tax obligations. Next, we study theoretical situations in which the companies' financial results change from great losses to great profits and we observe the impact in the companies' tax liabilities. Finally, we observe the results of a regression that tries to explain the tax obligations in 2003 in function of the hedge values in 2002, 2003 and the net operational losses in 2002. We conclude that it is possible to hedge in response to tax benefits in some special situations. Our results and conclusions are supported by other studies.; Neste artigo, procurou-se identificar se as companhias abertas brasileiras teriam conseguido benefícios fiscais ao fazer hedge, fato esse derivado de uma expectativa de queda da sua carga tributária (Imposto de Renda a pagar). Com esse objetivo, inicialmente pesquisou-se em que situações have-ria possibilidade de geração desse benefício. Após essa revisão, foram estudadas situações em que a companhia tivesse grande volatilidade de seus resultados e os efeitos que o hedge traria no valor do I.R. a ser pago. Assim...

O surgimento das companhias 2: uma pretensa "nova" forma de organização profissional de bailarinos que atingem idade em torno de 40 anos nas companhias públicas de dança brasileiras

Teixeira, Ana Cristina Echevenguá
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 21/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.26%
A intenção deste artigo é lançar luz sobre uma realidade bastante particular no contexto das companhias públicas de dança brasileiras, que começa a se delinear a partir do final dos anos 1990. Trata-se de assunto delicado e que ficou à margem das discussões que norteiam o universo da dança dessas companhias: o surgimento das companhias 2, uma pretensa “nova” forma de organização profissional de bailarinos que atingem idade em torno de 40 anos. Implementadas, em geral, nessa época, pelos seus diretores, essas companhias se constituem de bailarinos denominados “intérpretes-criadores”, que fazem da sua maturidade artística uma ignição para a conquista de novos caminhos para a sua carreira.

Relação entre Income Smoothing e Ratings em Companhias Brasileiras de Capital Aberto

Tonin, Joyce Menezes da Fonseca; Colauto, Romualdo Douglas
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais - Departamento de Ciências Contábeis Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais - Departamento de Ciências Contábeis
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Formato: application/pdf
Publicado em 11/05/2015 Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
Este estudo teve como objetivo geral analisar a associação entre rating e gerenciamento de resultados contábeis decorrente do income smoothing em companhias de capital aberto com ações negociadas na BM&FBovespa no período de 2005 a 2011. O estudo utiliza o modelo Eckel (1981) e classificações de rating das agências Fitch Ratings, Moody´s e Standard & Poor´s. A amostra selecionada contempla 186 companhias de capital aberto. Os resultados após aplicação da regressão logit e testes de robustez demonstram que o período de tempo utilizado no cálculo do índice de Eckel (1981) interfere no número de companhias que suavizam os resultados. O modelo mostrou que à medida que a companhia se torna suavizadora maior é sua chance de obter atribuição de rating. As variáveis utilizadas explicam conjuntamente, aproximadamente 40% da probabilidade das companhias serem classificadas por uma agência de rating, sendo que, dentre as variáveis de controle adotadas (tamanho, alavancagem e rentabilidade) apenas a rentabilidade não apresentou significância estatística.

Level of green disclosure and the environmental corporate reputation of publicly traded brazilian companies; Nível de disclosure verde e a reputação corporativa ambiental das companhias brasileiras de capital aberto

Almeida-Santos, Paulo Sérgio Almeida; Universidade Regional de Blumenau; de Vargas, Alzenir José; Universidade Regional de Blumenau; Almeida, Dalci Mendes; Universidade Regional de Blumenau; Facin Lavarda, Carlos Eduardo; Universidade Regional de Blumen
Fonte: UFSC Publicador: UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.2%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-8069.2012v9n18p63The article identifies if the environmental corporative reputation explains the level of green disclosure of publicly traded Brazilian companies. It is a research of quantitative approach, of descriptive and documental type that investigates the 100 largest Brazilian companies as ranking of Exame Magazine, July 2010 edition. The results suggest that the companies listed on the Sustainability Index (ISE) of BM&FBovespa have the highest levels of green disclosure than the companies not listed on that index. We conclude, therefore, that the companies that have strong environmental corporate reputation are those that demonstrate the highest level of green disclosure.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-8069.2012v9n18p63O artigo identifica se a reputação corporativa ambiental explica o nível de disclosure verde das companhias brasileiras de capital aberto. Trata-se de uma pesquisa de abordagem quantitativa, do tipo descritiva e documental que investiga as 100 maiores companhias abertas brasileiras conforme o ranking da Revista Exame, edição julho/2010. Os resultados sugerem que as companhias listadas no Índice de Sustentabilidade (ISE) da BM&FBovespa apresentam níveis mais acentuados de disclosure verde do que as empresas não listadas nesse mesmo índice. Conclui-se...

Eficiência das Companhias Abertas e o Risco versus Retorno das Carteiras de Ações a partir do Modelo de Markowitz

Bach, Tatiana Marceda; Silva, Wesley Vieira da; Kudlawicz, Claudineia; Marques, Sandro
Fonte: UFPB Publicador: UFPB
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 20/04/2015 Português
Relevância na Pesquisa
37.13%
As decisões sobre em qual carteira investir para reduzir o risco e maximizar o retorno das ações podem ser auxiliadas aliando-se os modelos Análise por Envoltória de Dados (DEA) e a seleção de carteiras eficientes de Markowitz. Pretende-se, nesta investigação, analisar se existe relação entre a eficiência, o retorno e o risco das carteiras diversificadas no mercado brasileiro de ações. Entre os principais resultados, destaca-se que as empresas consideradas mais eficientes, ao nível de 100%, tiveram suas ações e estratégias focadas na maximização do valor do acionista e na realização de auditorias. Houve uma maior predominância de companhias vinculadas aos setores de construção, alimentos e bebidas, siderurgia e metalurgia, têxtil e de transporte e serviços. As carteiras que apresentaram a melhor relação do risco em função do seu total de ativos, também apresentaram, de forma complementar, o índice de Sharpe superior. Desse modo, se o investidor tiver um perfil avesso ao risco a melhor opção seria investir em uma carteira com risco menor e, por outro lado, se o investidor for mais ponderado em relação ao risco, este pode decidir pela adoção de uma carteira que apresente um risco maior em função de um dado retorno. Não houve indícios sobre a relação entre as companhias definidas como eficientes e uma melhor relação entre o risco e o retorno do investidor...