Página 1 dos resultados de 7916 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Disponibilidade, racionamento e enquadramento do crédito : análise teórica e aplicação à economia portuguesa

Ramos, Pedro Miguel Girão Nogueira
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
O principal objectivo do trabalho "Disponibilidade, Racionamento e Enquadramento do Crédito" é examinar um particular mecanismo, por que os fenómenos financeiros podem relevar na óptica dos mercados de bens e serviços: o efeito disponibilidade de crédito. O efeito disponibilidade do crédito é concebido como um efeito de contaminação (spill over effect), com origem em excessos de procura no mercado do crédito (racionamento do crédito), e que atinge os mercados dos bens e serviços. Uma questão fundamental, abordada na Parte I da dissertação, é saber se o efeito disponibilidade do crédito, justifica uma maior ênfase na categoria crédito, em detrimento da moeda, ao nível quer da análise, quer da política económica. A Parte II debruça-se sobre o racionamento do crédito e suscita a questão da sua racionalidade. Esta Parte constitui um survey detalhado das teorias do racionamento do crédito. Estabelece-se ainda, em termos teóricos, que a relevância macroeconómica do racionamento do crédito, donde a sua existência, são plausíveis. Uma das variáveis que pode ser atingida pelo racionamento do crédito, consubstanciado em restrições de financiamento, é o investimento privado (não bancário). A Parte III procura estudar...

Decisões de crédito para grandes corporações; Credit decisions for large corporations

Perera, Luiz Carlos Jacob
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/1998 Português
Relevância na Pesquisa
37%
Esta tese trata de crédito, não da análise dos demonstrativos financeiros, e sim a partir do momento em que o resultado de uma análise criteriosa e competente é colocada à disposição do comitê para decidir pela concessão ou não do crédito. A decisão de crédito é nosso enfoque principal. A tese está dividida em quatro partes. Na primeira parte fazemos uma revisão bibliográfica sobre crédito, dos fundamentos históricos à aplicação de modelos sofisticados de administração de carteiras (o Creditmetrics), passando pelo Estado da Arte das técnicas de credit scoring. A segunda parte trata dos fundamentos da teoria da análise da decisão, onde discutimos e analisamos o comportamento político e racional nas organizações, e os principais problemas decorrentes de atitudes indesejáveis como escalation, groupthink e bandwagon. A terceira parte discorre, inicialmente, sobre a pesquisa e sua metodologia, apresentando as hipóteses a serem testadas. Na seqüência, com base em dezoito entrevistas com diretores das principais entidades bancárias do país, descrevemos o processo geral para a concessão de crédito para grandes corporações e analisamos sete casos de concessões de crédito malsucedidas. Finalmente, com uma amostra de 54 bancos...

O impacto da informação contábil de empresas fechadas na percepção de risco dos analistas de crédito; The impact of accounting information of non listed companies in the risk's perception of credit analysts.

Fernandes, Eloane Naiara Lopes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/11/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37%
A presente pesquisa buscou verificar se a atribuição de rating por parte dos analistas de crédito é influenciada pelo grau de evidenciação contábil das empresas fechadas brasileiras e se os problemas referentes ao disclosure e qualidade das informações contábeis das empresas fechadas no Brasil afetam a captação de recursos no mercado bancário no Brasil (principal fonte) através do aumento da percepção de risco dessas empresas. Também foi verificado se o nível de conhecimento dos analistas de crédito em contabilidade impacta o processo de avaliação de risco das empresas fechadas, bem como a percepção dos analistas de crédito em relação ao papel do contador nesse processo. A pesquisa foi direcionada a um grupo de analistas que avaliam crédito de empresas fechadas, ou seja, sem obrigatoriedade de divulgação das demonstrações contábeis com faturamento entre R$ 300 milhões e R$ 1 bilhão (usualmente categorizada pelos bancos como carteira Corporate). Através da aplicação de um questionário a uma amostra intencional de analistas contendo assertivas baseadas na Escala Likert, foi possível coletar dados relativos à percepção e atitude de 64 analistas de crédito com variados níveis de experiência em avaliação de crédito. Esses dados foram analisados utilizando-se a estatística descritiva e cluster. Dentre os resultados da estatística descritiva...

Canal de crédito : um estudo sobre a influência das questões regulatórias no mercado de crédito brasileiro

Anker, Tomás
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Português
Relevância na Pesquisa
37%
A literatura econômica discute há algum tempo as influências da política monetária no nível de produto e emprego de longo-prazo. Paralelo a este debate seminal, surgiram ao longo dos últimos anos discussões sobre os canais de transmissão de política monetária. Dentre o conjunto de canais sugeridos pela literatura, o canal de crédito é um dos que mais tem motivado estudiosos a aprofundarem o conhecimento sobre a sua forma de interação com a economia monetária e real. Por esta razão, este trabalho busca evidências da presença de um canal de crédito no Brasil que funciona através de alterações endógenas no mercado de crédito, mais propriamente através da alteração das condições do balanço dos agentes e de mudanças nos seus custos de agência, que motivam uma queda dos saldos de crédito concedidos a estes. Mas mais do que isto, através dos testes empíricos desenvolvidos, procura-se evidenciar que a presença de um canal de crédito no Brasil é reforçado por exigências regulatórias impostas aos bancos, que os tornam mais conservadores na oferta de crédito marginal ao conjunto de tomadores novos e com operações de crédito já contratadas. Em especial, o teste toma como variável a série de saldos de crédito concedidos ao longo do tempo...

Evolução da eficiência do canal de crédito na política monetária brasileira

Marcatti, Fernanda Consorte Ribeiro
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.04%
O presente trabalho apresenta evidências empíricas para o canal de crédito no Brasil, utilizando como base o trabalho de Nelson Sobrinho (2003). O trabalho consisti-se de uma análise descritiva e de diversos testes econométricos baseados em diferentes indicadores do mercado de crédito, monetário e de produção real. A análise descritiva mostrou que embora a proporção crédito/ PIB no Brasil seja pequena quando comprada a outras economias, a mesma tem crescido nos últimos anos. Da mesma forma, por mais que o custo do crédito (medido pelo spread bancário) seja elevado, há uma tendência declinante, o que já sugere alguma evolução positiva para o canal do crédito no país. De fato, calculamos que a medida de alavancagem das empresas brasileiras vem aumentando, e esse aumento pode indicar dependência das firmas aos bancos, uma das condições necessárias para a operação do canal de crédito. Por outro lado, vimos que a maturidade das operações de crédito no Brasil tem se expandido fortemente, e esse crescimento pode gerar alguma perda de eficiência no canal de crédito como transmissor da política monetária. Os testes de causalidade de Granger mostram que crédito Granger causa o produto com defasagem inferior ao encontrado em trabalhos terminados em períodos anteriores há 10 anos...

Cooperativas de crédito e formação da taxa de juros nas operações bancárias: teoria e evidências empíricas para o Brasil.

Lhacer, Priscilla Maria Villa
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.01%
O presente trabalho tem como objetivo estudar se as cooperativas de crédito influenciam as taxas de juros praticadas pelos bancos comerciais e múltiplos com carteira comercial em suas operações de crédito e de depósitos a prazo. A pesquisa baseou-se no modelo de oligopólio de Monti-Klein (para os bancos), no modelo de Smith (para as cooperativas de crédito) e na teoria de Fama e Jensen sobre problemas de agência para criar uma estrutura teórica que permite entender a interação entre bancos e cooperativas de crédito nos mercados de crédito e de depósitos a prazo. A validade desta estrutura teórica foi testada empiricamente e os resultados evidenciaram que as cooperativas de crédito brasileiras influenciam as taxas de juros de crédito praticadas pelos bancos por meio de sua participação de mercado (market share). Uma maior participação de mercado das cooperativas de crédito está associada a maiores taxas de juros cobradas pelos bancos nas operações de crédito. Os resultados empíricos também evidenciaram que a participação de mercado das cooperativas de crédito não impacta as taxas de juros dos bancos para os depósitos a prazo.

O processo de concessão de crédito no varejo de eletro-eletrônicos na cidade de Caxias do Sul

Roveda, Anadir
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37%
A gestão do risco de crédito é um tema que vem chamando a atenção dos Administradores, sendo considerado um instrumento gerencial importante no processo competitivo. Este estudo tem como objetivo identificar como as empresas que comercializam eletro-eletrônicos, na cidade de Caxias do Sul, estão procedendo no processo de concessão de crédito aos seus clientes. O estudo descritivo realizado em vinte grupos econômicos que atuam nesse mercado, representando trinta e sete estabelecimentos comerciais, evidenciou alguns problemas nos procedimentos realizados pelas empresas pesquisadas. Como por exemplo, a baixa utilização de sistemas de informação, como apoio ao processo de tomada de decisão. Há pouca aplicação de procedimentos de monitoramento pós-concessão de crédito. Não existe um indicador de inadimplência no segmento pesquisado; as empresas não têm comparativo para verificar seu desempenho. Além disso, poucas empresas possuem indicador de inadimplência, as que possuem calculam de forma similar. Outro fator, refere-se à capacitação dos profissionais responsáveis pela tomada de decisão de crédito. As entrevistas mostraram estas deficiências. As empresas pesquisadas ainda não incorporaram as técnicas de gestão do risco de crédito...

Análise de crédito para pessoa física na unidade de atendimento Jardim Lindóia da Cooperativa Sicredi Metrópolis RS

Boff, Tainan de Bacco Freitas
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37%
Este trabalho tem como tema central a análise de crédito para pessoas físicas e a forma como ela é conduzida na unidade de atendimento Jardim Lindóia da Cooperativa Sicredi Metrópolis RS. O objetivo principal é, através de um estudo de caso, avaliar o processo de concessão de crédito nesta unidade de atendimento. Inicialmente, contextualiza-se a instituição no ramo em que atua através da descrição dos conceitos de cooperativismo e cooperativismo de crédito e da apresentação de dados históricos que partem do surgimento do cooperativismo e chegam às atividades atuais da UA Jardim Lindóia, entre as quais está inserida a análise de crédito. Em seguida, são revisados conceitos relacionados ao tema, tais como crédito e intermediação financeira, risco de crédito, políticas e análise de crédito e elaboração cadastral. O estudo de caso inicia com a apresentação das políticas de crédito e risco do Sicredi e da Superintendência Regional Porto Alegre. Os processos adotados pelos colaboradores responsáveis pela análise de crédito são extraídos de entrevistas com os profissionais responsáveis e de observações do seu trabalho no Comitê de Crédito. Foram também coletados e agrupados dados cadastrais dos associados em geral e...

Crédito bancário : canal de transmissão da política monetária

Pereira, Cristina Fernandes
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.03%
Perante uma concorrência cada vez mais forte, os bancos têm visto a sua competitividade ser abalada, respondendo através das mais diversificadas formas, nomeadamente, através da venda de produtos com maior qualidade, investimentos e aposta na inovação. O crédito bancário pode definir-se como uma operação pela qual uma instituição bancária coloca à disposição de um seu cliente (beneficiário do crédito) um determinado montante, que este último se compromete a reembolsar na data fixada antecipadamente acrescido dos juros previamente combinados. O trabalho desenvolvido baseia-se inicialmente na identificação e descrição da empresa acolhedora e das actividades desenvolvidas ao longo do estágio. Seguidamente é realizada uma revisão de literatura sobre o crédito bancário, onde se enumera diversos tópicos respeitantes à qualidade de serviço da banca; os elementos essenciais do crédito; a concessão de crédito; o departamento de crédito; o risco inerente numa operação de crédito e informação assimétrica. O risco de crédito constitui o risco mais relevante da actividade do banco e está associada à possibilidade de ocorrência de perdas financeiras decorrentes do incumprimento dos clientes ou das contrapartes. A principal premissa do relatório consiste na análise da evolução do crédito...

O crédito à habitação : uma evidência empírica em Portugal

Miguel, Ana Cristina Fernandes dos Santos
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /01/2015 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
Mestrado em Contabilidade e Gestão de Instituições Financeiras; A dissertação baseia-se no estudo do crédito à habitação em Portugal, e divide-se em quatro partes. Na primeira parte iremos fazer uma primeira abordagem ao crédito. Irá ser referido qual a sua evolução histórica e a sua origem etimológica, quais as modalidades de crédito existentes, será abordado ainda os elementos do crédito (montante, juro, prazo, aplicação, risco e garantia) e por último irá ser referido os tipos de instituições de crédito existentes em Portugal. A segunda parte da dissertação irá abordar o crédito à habitação. Iremos passar duma análise geral do crédito, para uma análise mais específica, que irá incidir na modalidade do crédito à habitação, como foi anteriormente referido. Primeiro iremos começar por referir a importância e a evolução do crédito à habitação, e por último iremos referir os componentes do crédito à habitação, que são: o regime do crédito à habitação, as taxas de juros, as prestações, as modalidades de reembolso, as garantias, a moratória, e reembolso antecipado e transferência de crédito. Na terceira parte da dissertação será feito um enquadramento de Portugal de forma a introduzir alguns dados para posteriormente serem analisados na evidência empírica. Será referida a localização de Portugal...

Análise do perfil dos utilizadores de cartão de crédito em Portugal com base no Module Ad-Hoc "On Over-Indebtedness and Financial Exclusion" (SILC)

Arriaga, Rui Miguel Berberan
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.05%
Mestrado em Finanças; O presente trabalho de investigação visa analisar a tipologia dos indivíduos que em Portugal possuem cartão de crédito (posse) e o utilizam, atendendo à forma como liquidam o saldo do cartão de crédito no final do período ou como o usam pagando parte do saldo existente (uso). Estuda ainda as causas dos comportamentos dos indivíduos e famílias em relação à posse e uso do cartão de crédito. Existe uma teoria designada por credit card puzzle que é essencial ao debate teórico em torno dos cartões de crédito. Por falta de informação para pesquisa exata se existe ou não um puzzle em Portugal, procuro verificar se existe uma associação entre ter cartão de crédito com saldo negativo e diversas características da família como por exemplo: o escalão de rendimento disponível, a idade, a necessidade de pedir empréstimos, o indicador de pobreza, entre outras. A conclusão a que se chega é que há fortes indícios da existência de um credit card puzzle em Portugal. A pesquisa empírica sobre os fatores que determinam a posse e uso do cartão de crédito é baseada no Module Ad-Hoc “On Over-Indebtedness And Financial Exclusion-2008” (EU-SILC) para Portugal e EU, guiada por 10 hipóteses explicativas baseadas na literatura consultada. Os resultados obtidos são de que existe uma relação positiva entre o rendimento do agregado e a posse e uso do cartão de crédito; o número de pessoas no agregado familiar influencia a posse e o uso do cartão de crédito; conforme aumenta o grau de educação...

Autonomia estratégica em cooperativas de crédito

Grzeszczeszyn, Geverson
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Resumo: Este estudo analisou a autonomia estratégica de Cooperativas de Crédito Singulares em relação às suas respectivas Cooperativas de Crédito Centrais. O problema de pesquisa foi alicerçado no fato de que as Cooperativas de Crédito Centrais, criadas pelas Cooperativas de Crédito Singulares, tornam-se as organizações que concentram o poder de decisão estratégica e uma série de controles sobre as Cooperativas de Crédito Singulares. Diante do exposto, o objetivo geral da pesquisa foi "Analisar o processo de formulação de estratégias em Cooperativas de Crédito Singulares filiadas à Cooperativa de Crédito Central, no que se refere à autonomia das Cooperativas de Crédito Singulares". Trata-se de um estudo qualitativo, desenvolvido por meio de dezenove entrevistas semiestruturadas. Foram pesquisadas seis Cooperativas de Crédito Centrais e onze Cooperativas de Crédito Singulares vinculadas a essas Centrais. Foram pesquisadas também duas Cooperativas de Crédito Singulares Independentes, ou seja, não são filiadas em Sistemas Cooperativos. Logo, foram realizadas um total de dezenove entrevistas in loco, nas cooperativas de crédito, as quais se localizam nos estados do Paraná e Santa Catarina. Após a transcrição das entrevistas...

Constituição do crédito tributário pelo sujeito passivo

Zavascki, Francisco Prehn
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37%
O presente trabalho tem por objetivo examinar a constituição do crédito tributário realizada diretamente pelo sujeito passivo da obrigação tributária. Tradicionalmente, tem-se considerado que somente o Fisco pode constituir o crédito. Todavia, o que se procura demonstrar é que a participação do cidadão na formação e manutenção do Estado Democrático do Direito, no que tange ao Direito Tributário, não está restrita ao mero pagamento de tributos. Em determinadas situações, ao cidadão-contribuinte é atribuído o dever de, ele próprio, após a ocorrência do fato gerador, verificar a incidência normativa e, declarando os contornos da obrigação tributária constituir o crédito correspondente, editando a norma individual e concreta que impõe o dever jurídico de pagar tributo. Em todo esse procedimento, não há atuação do Fisco, cuja atribuição fica restrita à verificação posterior da legalidade das condutas do sujeito passivo. Nos tributos que obedecem à sistemática do lançamento por homologação ou nos casos de compensação tributária realizada pelo próprio sujeito passivo, a apresentação de declaração, onde conste o quantum de tributo devido, é instrumento jurídico hábil a constituir o crédito tributário com relação às imposições fiscais ali informadas. Além destes...

Gestão do risco de crédito das cooperativas de crédito na região sudoeste do Paraná

Monteiro, Marcelino Armindo
Fonte: Pato Branco Publicador: Pato Branco
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Credit unions are governed by the same cooperative principles but add financial functions as traditional banks. Solidarity in the financial area allows credit unions to take to their members or transferring funds spared government development of public policy in the form of credit. But it is not always clear that the "support" are returned the same way they were received, in this world of too much perfection and high competitiveness. Integrates the foreign element in the middle where you think its difficult access, lack of confidence in the fulfillment of the credit agreement contracted by creditors (cooperative). Known as credit risk or a possible non-payment of debts contracted by the cooperatives the main factor for Credit Risk Management process in cooperative institutions in the world. Thus falls the research problem, and new risk management in credit unions and a market haunted by financial crises, and if it asks: To what extent or at what point the compliance of the management of credit risk these institutions has been met? Based on this concern were traced objectives, which aim to assess the practices of risk management in credit unions Southwest of Paraná (PR) according to the resolutions of the National Monetary Council (CMN). For this...

LA CONTRAZIONE DEL CREDITO DURANTE LA CRISI FINANZIARIA: CREDIT CRUNCH O CREDIT SELECTION? UNA DISAMINA SULL’ANDAMENTO DEL CREDITO BANCARIO ITALIANO TRA FRAMEWORK NORMATIVO E CRISI FINANZIARIA.

LEO, SABRINA
Fonte: La Sapienza Universidade de Roma Publicador: La Sapienza Universidade de Roma
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.09%
Obiettivo del presente lavoro è quello di valutare la rilevanza delle determinanti di restrizione intervenute dal lato dell’offerta di credito al fine di verificare quali siano i maggiori fattori che ne hanno causato la restrizione. Nello specifico, la research question, una volta definita la tipologia di contrazione manifestatasi (credit crunch o credit selection), tenta di dare una risposta circa la rilevanza dei fattori di restrizione intervenuti dal lato dell’offerta di credito, nonché l’efficacia/efficienza delle scelte effettuate dagli intermediari bancari. Nel confronto con le altre realtà europee ed internazionali, l’industria finanziaria nazionale si è dimostrata maggiormente resistente rispetto ai contraccolpi provenienti dalla crisi finanziaria: il XV Rapporto della Fondazione Rosselli (2010) attribuisce tale “successo” alla combinazione di due fattori fortemente presenti nel sistema bancario domestico, vale a dire la flessibilità delle tecnologie di credito e la diversità delle imprese bancarie. Ciò non toglie, però, il verificarsi di fenomeni di contrazione creditizia, seppur fisiologica, in seguito a periodi di espansione della politica creditizia e/o conseguentemente a periodi di forte tensione economica e finanziaria: la flessione del credito...

Modelação e estimação do risco de crédito: estudo de uma carteira

Vale, Catarina Alexandra Lopes do
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
37%
Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Matemática e Aplicações - Actuariado, Estatística e Investigação Operacional; Os modelos de Credit Scoring são modelos quantitativos utilizados frequentemente nas instituições nanceiras com o intuito de medir e prever o risco de crédito, possuindo uma avultada importância no processo de concessão de crédito. O presente trabalho centra-se no estudo de uma carteira de crédito à Habitação. O objectivo desta dissertação é determinar a probabilidade de default de um cliente aquando de um novo pedido de crédito, com base em informações facultadas pelo mesmo. Os dados da carteira de crédito foram utilizados para desenvolver o modelo de Credit Scoring de aprovação de crédito, através de uma técnica estatística multivariada,designadamente a Regressão Logística. O modelo obtido agrega variáveis como a idade do cliente, o estado civil, o valor do crédito, o número de prestações e o rendimento líquido. Algumas destas variáveis representam atributos que contribuem para o aumento da incapacidade de cumprimento das obrigações de crédito, enquanto que outras contribuem para a diminuição dessa incapacidade. Para o modelo de aprovação de crédito...

O canal do crédito bancário na transmissão da política monetária: evidência para Portugal

Nóbrega, Celso António Quintal
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /04/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.03%
Mestrado em Economia Monetária e Financeira; A teoria do canal do crédito veio juntar-se às teorias Keynesianas e Monetaristas na explicação da transmissão da política monetária à economia real. Segundo esta teoria, os impulsos da política monetária são transmitidos à economia real através dos problemas de informação assimétrica presentes no mercado do crédito, subdividindo-se em duas abordagens diferentes, a do canal do crédito em sentido lato e a do canal do crédito bancário. A evidência empírica presente na literatura, não é conclusiva quanto à existência do canal do crédito, existindo estudos, mesmo para a mesma economia, que concluem pela existência e outros que não. Em relação ao canal do crédito bancário, Portugal apresenta-se como um caso paradigmático. O presente trabalho pretende, assim, clarificar a questão da existência do canal do crédito bancário em Portugal. Com dados de um painel de bancos portugueses é estimada uma função de oferta de crédito, a partir da qual se testa até que ponto a concessão de crédito por cada banco está dependente do seu nível de depósitos, que se assume estar dependente da política monetária. Os resultados permitem concluir que a oferta de crédito reage às variações no nível de depósitos e...

A reponsabilidade civil do titular de cartão de crédito nas compras efetuadas por terceiro com cartão roubado, furtado, clonado, perdido ou extraviado

Lima, Rubens Bezerra
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
O uso de cartões de crédito no Brasil é massificado, porém o setor de cartões de pagamento é alvo de criminosos, o que resulta em prejuízos para as partes que o integram e em demandas judiciais. Devido a este fato, o presente trabalho teve como escopo demonstrar se o titular de cartão de crédito responde civilmente pelas compras efetuadas por terceiro com cartão roubado, furtado, clonado, perdido ou extraviado. O estudo exploratório é do tipo qualitativo e foi divido em três capítulos conforme uma concepção estruturalista, voltando-se sobretudo para a discussão doutrinária e jurisprudencial atinentes ao referido problema e consistiu predominantemente na coleta de dados bibliográficos de autores brasileiros. Ao longo da pesquisa foram utilizados os métodos histórico, analítico, indutivo e dedutivo. Nela se conheceu o histórico do cartão de crédito, a sua natureza jurídica e a do seu contrato, a classificação dos tipos de cartões de crédito e a estrutura que possibilita o seu uso, os elementos que caracterizam a responsabilidade civil e a sua tipologia, as causas que a excluem e a sua aplicabilidade em face do Código de Defesa do Consumidor (CDC). Averiguou-se se o CDC é aplicável às instituições financeiras bem como se incide sobre as operadoras de cartões. Examinou-se se a relação dos titulares de cartões de crédito com estas poder-se-ia ser considerada uma relação de consumo e...

Evolução do crédito de 1994 a 1999: uma explicação; Texto para Discussão (TD) 808: Evolução do crédito de 1994 a 1999: uma explicação; Credit developments 1994-1999: an explanation

Soares, Ricardo Pereira
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
Português
Relevância na Pesquisa
37.01%
O presente trabalho indica a tendência de crescimento do crédito total e setorial concedido pelo sistema bancário nacional no período de 1989 a 1999. E analisa se a adesão do país ao Acordo da Basileia, em agosto de 1994 - justamente quando a economia se estabilizava - explica o comportamento recente do crédito. Na parte inicial deste estudo, constatou-se que o crédito total apresentava tendência de crescimento, nos anos de 1992, 1993 e início de 1994, e que, após o Plano Real, a tendência, de 1994 a 1999, passou a ser de estabilidade. Em suma, constatou-se o oposto do que se esperava, a estabilização econômica além de não alavancar o crédito ainda deteve o crescimento que até então ocorria. Verificou-se também que ocorreu redistribuição do crédito entre setores: diminuiu a participação do setor público e aumentou a do setor privado, especialmente das pessoas físicas, a partir de 1994. A participação do setor produtivo no crédito total permaneceu estável, em 54%, com indicação de queda; somente cresceu a participação da indústria, mas esse crescimento foi compensado pela diminuição do crédito à habitação. Por outro lado, a participação do setor agropecuário permaneceu estável na maior parte do período...

Credit risk model for corporate portfolios; Modelo de riesgo de carteras de crédito a empresas; Modelo de risco para carteiras de créditos corporativos

Brito, Giovani Antonio Silva; Assaf Neto, Alexandre
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.01%
Os modelos de risco de crédito de portfolio que se difundiram na indústria bancária internacional têm aplicação restrita no Brasil, devido às características do mercado de crédito. O objetivo nesta pesquisa é propor um conjunto de procedimentos para mensurar o risco de portfolios de créditos concedidos por instituições financeiras a empresas, considerando a disponibilidade de dados do mercado de crédito brasileiro. Na abordagem proposta, as perdas das empresas da carteira são modeladas individualmente e os resultados são agregados para se obter as perdas totais do portfolio. Utilizando a técnica da Simulação de Monte Carlo, são gerados milhares de cenários para a situação econômico-financeira futura das empresas da carteira. Os cenários gerados dão origem a possíveis valores de perda para as empresas individualmente e para o portfolio como um todo. O processo é ilustrado aplicando-se o modelo a um portfolio hipotético, construído com base nos dados das carteiras de crédito das instituições financeiras no Brasil. O modelo gera a distribuição das perdas da carteira de crédito, a partir da qual podem ser obtidas medidas que quantificam o risco do portfolio, como a perda esperada e a perda não-esperada...