Página 1 dos resultados de 4256 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

Desidratação e recomendações para a reposição hídrica em crianças fisicamente ativas; Dehydration and rehydration recommendations for physically active children

ROSSI, Luciana; REIS, Vanessa Aparecida de B.; AZEVEDO, Camila Ortis E. de
Fonte: Sociedade de Pediatria de São Paulo Publicador: Sociedade de Pediatria de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.06%
OBJETIVO: A prática de exercícios físicos, devido à produção inerente de calor, pode conduzir à desidratação. A maioria dos estudos que abordam os riscos da desidratação e fornecem recomendações de reposição hídrica é direcionada a indivíduos adultos residentes em regiões de clima temperado, porém, em regiões tropicais, pouco é conhecido sobre as necessidades de reposição hídrica em crianças fisicamente ativas. Esta revisão discute as recomendações para esta população e estabelece os riscos da prática esportiva em ambiente de clima tropical. FONTES DE DADOS: Análise sistemática com levantamento da literatura nacional (SciELO) e internacional (Medline) de artigos publicados entre 1972 e 2009, com os seguintes descritores isolados ou em combinação: hidratação, crianças, desidratação e reposição hídrica. Foram selecionados artigos publicados nas línguas portuguesa e inglesa. SÍNTESES DE DADOS: Observou-se que há riscos de desidratação e possível desenvolvimento de um quadro de hipertermia principalmente se as crianças são submetidas a condições climáticas desfavoráveis sem reposição hídrica adequada. O principal fator desencadeante da hipertermia é a menor adaptação das crianças aos extremos de temperatura...

Desenvolvimento do processo combinado de desidratação osmotica-fritura para obtenção de chips de manga.; Development of the agreed process of osmotic dehydration - fryinf for attainment of sleeve Chips.

Gabriela A. Pompeu Torezan
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.06%
O desenvolvimento de novos produtos visando o uso de matérias-primas nacionais é de grande interesse para a economia do país, uma vez que agrega valor ao produto e diminui o grande excedente da produção que resulta muitas vezes em perdas. A manga possui apreciação de destaque dentre as frutas tropicais em todo o mundo, é uma matéria-prima barata, presente em abundância em nosso país, mas em contrapartida as perdas da produção chegam a até 30%. Dentro desse contexto e aliando-se o aumento nos últimos tempos da procura por produtos de conveniência, o Departamento de Tecnologia de Alimentos da Unicamp em parceria com o CIRAD (Centre de Coopération International em Recherche Agronomique pour le Développment) - Montpellier/França, implantou uma nova linha de pesquisa que visa expandir a aplicação de fritura em frutas para a produção de chips, da qual faz parte o presente trabalho, tendo como matéria prima a manga. Os estudos foram direcionados a fim de se obter parâmetros otimizados de processos, tipo de pré tratamento (desidratação osmótica), variedade e ponto de maturação da matéria-prima, e caracterização dos produtos finais, quanto aos aspectos químicos, físicos, microscópicos e sensoriais. Primeiramente foram estudadas e estabelecidas algumas condições de processo de fritura...

Estudo do processo de desidratação osmotica a pulso de vacuo (PVOD) para manga.; Study of mango slices pulsed vacuum osmotic dehydration (PVOD).

Ana Paula Ito
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/06/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
A proposta deste trabalho foi estudar o processo de desidratação osmótica de mangas em fatias, utilizando a tecnologia de desidratação osmótica a pulso de vácuo, que consiste em submeter o sistema solução-produto à pressão sub-atmosférica por um curto período, no início do processo. Inicialmente, foi realizado um planejamento fatorial fracionário 25-1, onde estudaram-se os efeitos da concentração da solução osmótica, temperatura de processo, recirculação da solução, tempo e intensidade de aplicação de vácuo, na transferência de massa durante o processo de desidratação osmótica de fatias de manga. A temperatura, entre 20 a 40°C, e a concentração, entre 45 a 60°Brix, foram as variáveis que mais afetaram a transferência de massa. O tempo do pulso de vácuo aplicado (entre 5 e 15 minutos) influenciou o ganho de sólidos e a difusividade efetiva de água. A intensidade da recirculação da solução e o nível de pressão aplicado não foram estatisticamente significativos para todas as respostas estudadas e esses parâmetros foram fixados nas etapas subseqüentes do projeto. A partir dos resultados obtidos, um planejamento fatorial 23 completo foi realizado, considerando três fatores: concentração da solução osmótica (45 a 65°Brix)...

Influencia da desidratação osmotica com aditivos na estrutura celular e na manutenção da qualidade de goiabas minimamente processadas.; Influence of osmotic dehydration with additives on the cellular structure and quality maintenance of minimally processed guavas.

Leila Mendes Pereira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2006 Português
Relevância na Pesquisa
36.97%
A proposta deste trabalho foi estudar a combinação da desidratação osmótica à ação de aditivos e avaliar o emprego de atmosfera modificada e refrigeração a metades de goiaba. Para o tratamento osmótico, dois diferentes açúcares, sacarose e maltose, em diferentes concentrações (40, 50 e 60ºBrix) e dois sais de cálcio, lactato e cloreto de cálcio, em concentrações de 0,5 a 2,5% foram utilizados, e para o estudo da vida de prateleira, as goiabas foram acondicionadas em embalagens rígidas de polietileno tereftalato (PET). Os ensaios de desidratação osmótica permitiram: 1) comparar o efeito dos dois sais de cálcio nas propriedades reológicas, estrutura, através de microscopia ótica, e aceitação sensorial das goiabas osmoticamente desidratadas; 2) verificar o efeito das variáveis de processo, tipo e concentração de açúcar e adição de diferentes concentrações de lactato de cálcio, na cor e textura instrumentais e aceitação sensorial do produto; 3) avaliar as características estruturais das frutas osmoticamente desidratadas com soluções de sacarose e maltose adicionadas ou não de lactato de cálcio, através de ensaios de microscopia ótica e eletrônica de varredura e ensaios de calorimetria. O estudo da vida de prateleira foi realizado para goiabas submetidas a condições de processo selecionadas nos ensaios de desidratação osmótica...

Estudo da desidratação osmotica com aditivos e do acondicionamento sob atmosfera modificada de pedaços de mamão formosa; Study of osmotic dehydration with additives and of the packaging under modified atmosphere of Formosa papaya pieces.

Alline Cristina Carpigiani Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
A vida moderna, aliada ao interesse por uma dieta saudável, vem provocando uma demanda do mercado por alimentos com características de frescos, prontos para o consumo e apresentando praticidade e conveniência. Em resposta a esta demanda, a industria de alimentos promoveu o desenvolvimento de tecnologias de processamento brando para a sua conservação, visando à manutenção da qualidade do produto natural e ao aumento de sua resistência à degradação. Os mamões da variedade Formosa são especialmente apreciados pela qualidade da sua polpa e propriedades funcionais. Entretanto, frutos desta variedade exigem preparo para seu consumo. Um processo brando de conservação é a desidratação osmótica, capaz de remover parte da água do alimento, simultaneamente à sua formulação direta por incorporação de aditivos de interesse na preservação do produto final. O produto vegetal osmoticamente desidratado requer a aplicação de um sistema apropriado de embalagem, já que o tecido tratado mantém seu processo respiratório ativo. A embalagem sob atmosfera modificada passiva pode prolongar a vida de prateleira da fruta desidratada, alterando a composição gasosa da atmosfera interna da embalagem, diminuindo as taxas respiratórias do tecido da fruta...

Estudo do processo de desidratação osmotica e secagem de files de mapara (Hypophthalmus edentatus).; Study of the process of osmótica dehydration and drying of filés of it will mapará (Hypophthalmus edentatus).

Suezilde da Conceição Amaral Ribeiro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2005 Português
Relevância na Pesquisa
36.97%
Foi estudada a influência da desidratação osmótica utilizando soluções binária (água + NaCl) e ternárias (água + NaCl + sacarose e água + NaCl + xarope de milho) na secagem convectiva de mapará (Hypophthalmus edentatus). Para os pré-tratamentos foi avaliada a influência da temperatura, concentração de NaCl, concentração de açúcar e tempo de imersão, nas respostas perda de peso, perda de água, ganho de sólidos, número de ácido tiobarbitúrico (TBA), ganho de sólidos / perda de água (GS/PA) e atividade de água, através da Metodologia de Superfície de Resposta. Para cada solução, foi escolhida uma condição para proceder à secagem convectiva e esta condição foi determinada pelos menores valores de razão GS/PA e TBA. As condições escolhidas foram: temperatura de 46°C, concentração de 22% e tempo de imersão de 7 horas para desidratação com solução de NaCl; 42°C de temperatura, 11,5% de concentração de sal, 30% de concentração de açúcar e tempo de 8 horas, para desidratação com solução de NaCl + sacarose e 46°C de temperatura, 13% de concentração de sal, 32,5% de concentração de açúcar e tempo de 6 horas para desidratação com solução de NaCl + xarope de milho. As curvas de secagem convectiva foram obtidas a 40...

Desidratação osmotica, secagem e defumação liquida de files de tilapia do nilo (Oreochromis niloticus), variedade Tailandesa.; Osmotic dehydration, drying and liquid smoking in fillets of Nile tilapia (Oreochromis niloticus), Thai strain.

Marica Regina Simões
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/11/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
Foi estudada a influência de dois tratamentos na secagem convectiva de filé de Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus), variedade Tailandesa. No primeiro tratamento foi realizado o estudo do processo de desidratação osmótica utilizando solução binária (água + NaCl) e ternária (água + NaCl + sacarose). Foram verificadas as influências dos fatores: temperatura, concentração da solução osmótica e tempo de imersão, nas respostas, ganho de sólidos, perda de água, GS/PA e atividade de água através da Metodologia de Superfície de Resposta. Para cada solução, foi escolhida uma condição otimizada, que foi determinada pelos menores valores de GS/PA e atividade de água. As condições escolhidas foram: temperatura de 34ºC, concentração de NaCl de 24,6% p/p e tempo de imersão de 230min para a desidratação osmótica com solução de NaCl. Para a desidratação osmótica com solução de NaCl + sacarose as condições escolhidas foram: temperatura de 34ºC, concentração de NaCl de 13% p/p, tempo de 185min e concentração de sacarose de 37% p/p. Para as melhores condições de desidratação osmótica obtida para cada solução, foram realizadas cinéticas de desidratação osmótica. No segundo tratamento foi avaliada a influência da temperatura de secagem e da concentração da fumaça líquida no processo de defumação do filé de tilápia (Oreochromis niloticus). A condição escolhida foi a de 40ºC de temperatura e concentração de fumaça de 15% p/p. As curvas de secagem convectiva para os dois tratametnos foram obtidas a 40ºC...

Simulação e otimização dos processos de adoçamento e desidratação de gas natural e de refinaria; Simulation and optimization of sweetening and dehydration process of natural and refinary gas

Adão de Mattos Coelho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/08/2007 Português
Relevância na Pesquisa
36.97%
Dois processos são muito utilizados no processamento do gás, o adoçamento e a desidratação. O adoçamento consiste na remoção dos gases ácidos, H2S e CO2, e a desidratação na remoção da água. Estes componentes ocasionam diversos problemas no manuseio e transporte do gás, dentre eles toxicidade, corrosão e a formação de hidratos. Isso leva à necessidade de remoção destas impurezas, normalmente, através de processos de absorção com líquido: soluções aquosas de aminas para o H2S e CO2 e trietilenoglicol para a água. Para o estudo destes processos, o uso de simuladores comerciais é bastante útil. Ao se utilizar os simuladores, diversos cuidados devem ser tomados, na escolha do modelo termodinâmico e do método de cálculo dos equipamentos. No caso do processo com aminas, absorção com reação química em meio eletrólito, a escolha do modelo é fundamental, além disso, o método de simulação afeta bastante os resultados. Este trabalho apresenta uma metodologia para analisar os diferentes modelos termodinâmicos e seleciona os melhores, depois de comparação com dados experimentais. Realizada a seleção, é introduzida uma nova metodologia para cálculo da eficiência, desenvolvida por Barros e Wolf...

Obtenção de figos secos por desidratação osmotica e secagem convectiva; Osmotic dehydration and convective drying of figs slices

Severina de Sousa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
O processo de desidratação osmótica figos (Fícus carica, L.) em soluções de sacarose foi investigado com base em um planejamento experimental completo e metodologia de superfície de resposta (RSM). As variáveis independentes foram a concentração de sacarose, variando de 35,9 a 64,1% p/p e a temperatura da solução desidratante de 32,9 a 47,0ºC, a fim de avaliar a cinética da perda de umidade, da incorporação de açúcares e da atividade de água durante o processo. As condições ótimas de desidratação osmótica que geraram dois tipos de produtos, ou seja, figos com maior conteúdo de açúcares e figos com menor conteúdo de açúcares, ambos com menor atividade de água e menor conteúdo de umidade, foram encontradas respectivamente, na temperatura de 39,7ºC e concentração de 63,1% p/p de sacarose, e temperatura de 35,3ºC e concentração de sacarose de 64,1% p/p. A cinética de incorporação de ácido ascórbico foi estudada durante o processo de desidratação osmótica a 44ºC e 36% p/p de concentração da solução, com adição de ácido ascórbico de 100 e 200mg/100g de solução, obtendo-se coeficientes de difusão para a incorporação da vitamina através do modelo difusional de Fick. A avaliação da degradação de vitamina C durante subseqüente secagem mostrou que as perdas de vitamina C podem ser compensadas através de sua incorporação à fruta durante o processo de desidratação osmótica. As isotermas de sorção e a cinética da secagem convectiva foram determinadas às diferentes temperaturas (40...

Efeito de desidratação osmotica e coberturas comestiveis na qualidade de chips de batata-doce elaborado pelo processo de fritura por imersão; Effect of osmotic dehydration and edible coatings on quality of sweet potato chips produced by the process of frying by immersion

Luciana Cristina Brigatto Fontes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/09/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
O Brasil apresenta a maior produção de batata-doce do continente latino-americano. Uma alternativa interessante para a expansão da cultura e também devido a sua alta perecibilidade seria a utilização da batata-doce como chips que é um mercado que vem crescendo muito por se tratar de um produto de conveniência. O objetivo deste estudo foi desenvolver chips de batata-doce com mínima incorporação de óleo, pela otimização da tecnologia combinada dos pré-tratamentos: desidratação osmótica e aplicação de coberturas comestíveis, antes do processo de fritura por imersão em oleína ou estearina de palma. A estratégia utilizada foi a avaliação sequencial das seguintes etapas: (i) estudo da atuação de diferentes antioxidantes na prevenção de escurecimento enzimático do vegetal; (ii) estudo do efeito das condições operacionais e teor das soluções desidratantes e otimização do processo de desidratação osmótica; (iii) potencial de aplicação de coberturas comestíveis; (iv) otimização do processo de fritura em oleína ou estearina de palma; (v) efeito combinado da desidratação osmótica e coberturas comestíveis antes do processo de fritura e (vi) estudo da vida útil dos chips desenvolvidos. O processo de imersão de batata-doce em solução de metabissulfito de sódio 2...

Qualitative and quantitative characterization of the in vitro dehydration process of hydrogel contact lenses

González-Méijome, José Manuel; López-Alemany, António; Parafita, Manuel A.; Almeida, José B.; Refojo, Miguel F.
Fonte: Wiley Publicador: Wiley
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /02/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.12%
PURPOSE: To investigate the in vitro dehydration process of conventional hydrogel and silicone-hydrogel contact lens materials. METHODS: Eight conventional hydrogel and five silicone-hydrogel contact lenses were dehydrated under controlled environmental conditions on an analytical balance. Data were taken at 1-min intervals and dehydration curves of cumulative dehydration (CD), valid dehydration (VD), and dehydration rate (DR) were obtained. Several quantitative descriptors of the dehydration process were obtained by further processing of the information. RESULTS: Duration of phase I (r(2) = 0.921), CD at end of phase I (r(2) = 0.971), time to achieve a DR of -1%/min (r(2) = 0.946) were strongly correlated with equilibrium water content (EWC) of the materials. For each individual sample, the VD at different time intervals can be accurately determined using a 2nd order regression equation (r(2) > 0.99 for all samples). The first 5 min of the dehydration process show a relatively uniform average CD of about -1.5%/min. After that, there was a trend towards higher average CD for the following 15 min as the EWC of the material increases (r(2) = 0.701). As a consequence, average VD for the first 5 min displayed a negative correlation with EWC (r(2) = 0.835)...

Influence of environmental factors in the in vitro dehydration of hydrogel and silicone hydrogel contact lenses

Martín-Montañez, Vicente; López-Miguel, Alberto; Arroyo, Cristina; Mateo, María E.; González-Méijome, José Manuel; Calonge, Margarita; González-García, María J.
Fonte: Wiley Publicador: Wiley
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
37.06%
Purpose: To analyze in vitro the influence of different environmental conditions on the dehydration pattern of seven currently marketed hydrogel (Hy) and silicone hydrogel (Si-Hy) contact lenses (CL). Methods: Three Hy and four Si-Hy CLs were evaluated. CLs were exposed to four different relative humidity (RH) conditions (5%, 30%, 50%, and 70%) and two air flow (AF) rates (0 and 2.75 m/seg) within an environmental chamber. Dehydration was assessed using the gravimetric method. Data were taken at baseline, 5, 10, 15, 20, 30, 45, 60, 90, and 120 minutes of exposure. Dehydration rate (DR), valid dehydration (VD) and stabilization time were calculated. Results: The interaction between RH, AF and the type of the CL material had a significant effect (p 0.03) on DR up to 60 minutes. The maximum differences in VD values among CL occurred around 15 minutes exposure varying from 25.16% to 42.75%. Stabilization time was quicker under the 5%RH with AF condition than under 70% RH without AF one for most CLs. Conclusions: Lower RH seems to increase CL dehydration being further accelerated with the AF presence. The dehydration pattern is material dependent, thus current marketed CLs behave differently under several controlled environmental conditions. Future in vivo studies should confirm these outcomes.

Osmotic Dehydration of Fruits

Guiné, Raquel; Barroca, Maria João
Fonte: NOVA Science Publishers, Inc. Publicador: NOVA Science Publishers, Inc.
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
The need for increasing improvements in the quality of food products conducted to an increased interest in osmotic treatment. This technology involves the partial dehydration of a water-rich solid foodstuff, either whole or in pieces, through immersion in an osmotic solution. In fact, osmotic treatment is applied with the goal of modifying the composition of food material through partial water removal and impregnation of solutes, without affecting the structural integrity of products. Three kinds of osmotic treatments have been used, depending on the pressure applied on the system: OD (osmotic dehydration at atmospheric pressure), VOD (osmotic dehydration at vacuum pressure) and PVOD (pulsed vacuum osmotic dehydration). However, the most common are OD and VOD technologies. Some of the potential applications of osmotic treatment in food technology include: (i) the development of compositionally formulated products by introducing functional food ingredients, such as firming agents, antioxidants, antimicrobial and nutraceuticals; (ii) preserving color, texture, natural flavor and aroma and any heat-sensitive nutrient components; and (iii) pre-treatment before freeze-drying for improving final product quality. However, the osmotic treatment on this wide range of applications requires an appropriate choice and control of operating conditions...

Numerical solution of coupled mass and energy balances during osmotic microwave dehydration

Arballo,Javier R; Campañone,Laura A; Mascheroni,Rodolfo H
Fonte: Sociedade Brasileira de Matemática Aplicada e Computacional Publicador: Sociedade Brasileira de Matemática Aplicada e Computacional
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.97%
The mass and energy transfer during osmotic microwave drying (OD-MWD) process was studied theoretically by modeling and numerical simulation. With the aim to describe the transport phenomena that occurs during the combined dehydration process, the mass and energy microscopic balances were solved. An osmotic-diffusional model was used for osmotic dehydration (OD). On the other hand, the microwave drying (MWD) was modeled solving the mass and heat balances, using properties as function of temperature, moisture and soluble solids content. The obtained balances form highly coupled non-linear differential equations that were solved applying numerical methods. For osmotic dehydration, the mass balances formed coupled ordinary differential equations that were solved using the Fourth-order Runge Kutta method. In the case of microwave drying, the balances constituted partial differential equations, which were solved through Crank-Nicolson implicit finite differences method. The numerical methods were coded in Matlab 7.2 (Mathworks, Natick, MA). The developed mathematical model allows predict the temperature and moisture evolution through the combined dehydration process. Mathematical subject classification: Primary: 06B10; Secondary: 06D05.

Optimisation of the pulsed vacuum osmotic dehydration of cladodes of fodder palm

Fonte: Institute of Food Science and Technology Publicador: Institute of Food Science and Technology
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.97%
Fodder palm, a great source of nutrients for human and animals, grows even in arid climates. Pulsed vac- uum osmotic dehydration is an efficient process for obtaining semidehydrated food. It was used to slice cladodes of fodder palm. The independent variables used were temperature (30–50 °C), pulsed vacuum pressure (50–150 mbar) and NaCl concentration (5–15 g per 100 g solution). The response variables were water activity (a w ), moisture content (X), colour parameters, water loss (WL), solid gain (SG) and weight reduction (WR). The pulsed vacuum osmotic dehydration process was optimised for minimum values of a w , X and SG, and maximum values of chroma. The experimental data obtained with the optimum condi- tion (100 mbar; 10 gNaCl per 100 g solution, 44 °C) were near the estimated ones. For example, WL, a w and ΔE, and their error were 8.15 g per 100 g, 11%; 0.985, 0.3% and 6.15, 15.2%, respectively.

Dehydration deaths in infants and young children

Whitehead, F.; Couper, R.; Moore, L.; Bourne, A.; Byard, R.
Fonte: LIPPINCOTT-RAVEN PUBL Publicador: LIPPINCOTT-RAVEN PUBL
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1996 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
Dehydration in developed countries is an uncommon but important mechanism resulting in the death of infants and children. The clinicopathological features of a series of 37 fatal dehydration cases autopsied at the Adelaide Children's Hospital over a 33-year period (1961-1993) are presented. Causative factors for dehydration included gastroenteritis (21 cases), gastroenteritis with high environmental temperature (one case), high environmental temperatures (six cases), neglect/failure to thrive (four cases), mental retardation/chromosomal abnormality (three cases), congenital adrenal hyperplasia (one case), and unsuspected cystic fibrosis (one case). The mean age at death was 11.4 months (range 2 weeks to 6.25 years; median 6 months; 95% confidence interval 6 months to 1 year and 4 months; male-to-female ratio, 19:18). Sixteen of the 22 cases of fatal gastroenteritis (73%) occurred during the fall/winter months (March to August). There were a total of seven aboriginal or part aboriginal children in the group (19%). Children with mental retardation were at higher risk of dehydration, and previously unsuspected cases of child abuse/neglect also presented with lethal dehydration. Vitreous humor electrolyte levels and immunoassay for rotavirus were useful diagnostic adjuncts.

Dehydration, hemodynamics and fluid volume optimization after induction of general anesthesia

Li,Yuhong; He,Rui; Ying,Xiaojiang; Hahn,Robert G.
Fonte: Faculdade de Medicina / USP Publicador: Faculdade de Medicina / USP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.97%
OBJECTIVES: Fluid volume optimization guided by stroke volume measurements reduces complications of colorectal and high-risk surgeries. We studied whether dehydration or a strong hemodynamic response to general anesthesia increases the probability of fluid responsiveness before surgery begins. METHODS: Cardiac output, stroke volume, central venous pressure and arterial pressures were measured in 111 patients before general anesthesia (baseline), after induction and stepwise after three bolus infusions of 3 ml/kg of 6% hydroxyethyl starch 130/0.4 (n = 86) or Ringer's lactate (n = 25). A subgroup of 30 patients who received starch were preloaded with 500 ml of Ringer's lactate. Blood volume changes were estimated from the hemoglobin concentration and dehydration was estimated from evidence of renal water conservation in urine samples. RESULTS: Induction of anesthesia decreased the stroke volume to 62% of baseline (mean); administration of fluids restored this value to 84% (starch) and 68% (Ringer's). The optimized stroke volume index was clustered around 35-40 ml/m2/beat. Additional fluid boluses increased the stroke volume by ≥10% (a sign of fluid responsiveness) in patients with dehydration...

Response to simultaneous dehydration and thermal stress in three species of Puerto Rican frogs

Beuchat, Carol; Pough, F. Harvey; Stewart, Margaret
Fonte: Springer: Journal of Comparative Physiology B: Biochemical, Systemic, and Environmental Physiology Publicador: Springer: Journal of Comparative Physiology B: Biochemical, Systemic, and Environmental Physiology
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 43151 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
The response to simultaneous temperature and dehydration stress was examined in three species of Puerto Rican frogs. Eleutherodactylus antillensis is found primarily in hot, arid grasslands at low altitudes. Eleutherodactylus portoricensis is restricted to cool, forested montane habitats above 300 m. Eleutherodactylus coqui occurs in both the lowlands and the highlands. The physiological tolerance of the frogs to temperature was measured at 20, 25, and 30°C at various levels of dehydration using an index derived from jumping performance. Although jump distance of fully hydrated E. antillensis was unaffected by temperature, this species tolerated significantly more dehydration at high temperatures than low. Eleutherodactylus portoricensis died at 30°C, but in this species both distance jumped and dehydration tolerance were unaffected by lower temperatures. Distance jumped by E. coqui increased with increasing temperature, but tolerance of dehydration remained unchanged. Eleutherodactylus coqui was less tolerant of high temperatures than E. antillensis but more tolerant than E. portoricensis.

STUDY OF PEACHES DEHYDRATION BY OSMOTIC TREATMENT AND DRYING; ESTUDO DA DESIDRATAÇÃO DE PÊSSEGOS POR TRATAMENTO OSMÓTICO E SECAGEM

Boeira, Janessa Buaes; Stringari, Gustavo Beulke; Laurindo, João Borges
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/07/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
The purpose of this work was to investigate processes alternatives for obtaining dehydrated peach presenting good quality. For that the coupling of pre-dehydration processes, the osmotic dehydration (OD) and the vacuum impregnation (VI), with complementary dehydration (convective drying and the application of vacuum pulses) was investigated. The dehydration of peach by the combination of OD, drying by vacuum pulses and convective drying in oven was the best alternative to obtain dried fruits. The application of VI was not a good alternative to dehydration, due to the low peaches porosity. This work demonstrated that is possible to produce dehydrated peaches of good quality selecting appropriate processes.; O objetivo deste trabalho foi estudar alternativas de processo para obtenção de pêssego desidratado (passas de pêssego) de boa qualidade. Investigou-se o acoplamento de processos de pré-desidratação como a desidratação osmótica (do) e a impregnação a vácuo (iv), com métodos de desidratação complementar (como a secagem em estufa e a aplicação de pulsos de vácuo). A desidratação de pêssegos pela combinação de do...

Color changes on sardine sheets during osmotic dehydration

Corzo,Otoniel; Bracho,Nelson; Millán,Rosa
Fonte: UNIVERSIDAD DEL ZULIA Publicador: UNIVERSIDAD DEL ZULIA
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.02%
The changes on the color parameters (L, a, b, DE, whiteness index) of sardine sheets during osmotic dehydration were analyzed at different temperatures and brine concentrations. Sardines (Sardinella aurita) were cut into sheets (20.1x15.0x6.4 mm³), color was measured and 175 groups with 4 sheets in each were formed. Seven groups were introduced simultaneously in an osmotic solution of a desired concentration and temperature for carry out osmotic dehydration, one group was removed at 20; 40; 60; 90; 120; 180 and 240 min, and color of sheets was determined. This procedure was performed for each test condition according to a 5x5 factorial design where the temperature and concentration were 30; 32; 34; 36 and 38°C, 0.15, 0.18, 0.21, 0.24, and 0.27 g NaCl/g brine, respectively. Initial values for L (36.48 ± 0.77), a (6.47 ± 0.64), b (8.74 ± 0.49), DE (0) and WI (37.42 ± 0.69) were obtained. Final values ranged for L from 40 to 47, for a from 4.2 to 2.6, for b from 7.5 to 5.7, for WI from 39.5 to 45.0 and for DE from 5.3 to 10.4 according to dehydration conditions. Values for a and b decreased (P<0.05) with increasing both dehydration time and temperature while those for L, DE and WI index increased (P < 0.05). The decreases in a and b values were lesser with increasing temperature while increases in L...