Página 1 dos resultados de 14 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

The developing left superior cervical ganglion of pacas (Agouti paca)

MELO, Samanta Rios; NYENGAARD, Jens Randel; OLIVEIRA, Felipe Da Rosa; LADD, Fernando Vagner Lobo; BIGARAM ABRAHÃO, Luciana Maria; MACHADO, Márcia Rita Fernandes; SASAHARA, Tais Harumi de Castro; MELO, Mariana Pereira de; RIBEIRO, Antonio Augusto Coppi M
Fonte: Bognor Regis Publicador: Bognor Regis
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
26.44%
In this study the main question investigated was the number and size of both binucleate and mononucleate superior cervical ganglion (SCG) neurons and, whether post-natal development would affect these parameters. Twenty left SCGs from 20 male pacas were used. Four different ages were investigated, that is newborn (4 days), young (45 days), adult (2 years), and aged animals (7 years). By using design-based stereological methods, that is the Cavalieri principle and a physical disector combined with serial sectioning, the total volume of ganglion and total number of mononucleate and binucleate neurons were estimated. Furthermore, the mean perikaryal (somal) volume of mononucleate and binucleate neurons was estimated using the vertical nucleator. The main findings of this study were a 154% increase in the SCG volume, a 95% increase in the total number of mononucleate SCG neurons and a 50% increase in the total volume of SCG neurons. In conclusion, apart from neuron number, different adaptive mechanisms may coexist in the autonomic nervous system to guarantee a functional homeostasis during ageing, which is not always associated with neuron losses

Expressão de conexina 36 e conexina 43 em células do gânglio da raiz dorsal e seu envolvimento na nocicepção.; Expression of connexin 36 and connexin 43 in dorsal root ganglion cells ad its involvement on nociception.

Melo, Edgard Julian Osuna
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/11/2013 Português
Relevância na Pesquisa
26.44%
Os canais de junções comunicantes (gap junctions, JC) são formados por subunidades chamadas de conexinas (Cx). Estas proteínas têm papel relevante no acoplamento celular, participando da condutância de células nervosas ou gliais e modulando vários processos fisiológicos e fisiopatológicos. O objetivo deste trabalho é avaliar o envolvimento das conexinas na nocicepção aguda, por meio de ensaios comportamentais e estudos de mapeamento da sua expressão em células do gânglio da raiz dorsal de ratos. Para tanto, foi analisado o efeito de carbenoxolone (CBX) e quinina (bloqueadores de JCs), assim como de oligonucleotídeos antisense para conexinas 36 e 43 na indução e manutenção de hiperalgesia induzida por carragenina em ratos. Os resultados mostraram que a carragenina induz uma diminuição do limiar nociceptivo em ratos e que esse efeito hiperalgésico da carragenina foi bloqueado pelo tratamento com carbenoxolone (nas doses 20-50mg) e significantemente inibido por quinina (nas doses 20-50mg), sugerindo uma participação das junções comunicantes (JC) no processo.; Gap junctions channels (GJ) are formed by proteic subunits called connexins (Cx). These proteins have an important role in cellular coupling, participating in the conductance of glial and nerve cells or modulating various physiological and pathophysiological processes. The aim of this study is to evaluate Cx36 and Cx43 involvement in acute nociception through behavioral assays...

Doença neurológica em ruminantes associada ao consumo de bagaço de malte contaminado por Aspergillus clavatus

Bezerra Junior, Pedro Soares
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
26.44%
São descritos dois surtos de uma doença neurológica que afetou rebanhos bovinos de aptidão leiteira alimentados com bagaço de malte contaminado por Aspergillus clavatus, no município de Viamão, estado do Rio Grande do Sul. A morbidade foi semelhante em ambos os surtos (em torno de 30%). Em uma propriedade de 10 bovinos que consumiam o subproduto três adoeceram e morreram e na outra de 33 bovinos, 10 foram afetados e 5 desses morreram. A evolução clínica da doença variou de 5 a 64 dias. Dos animais que se recuperaram apenas um permaneceu com seqüelas locomotoras leves. Os sinais clínicos eram predominantemente locomotores e incluíam tremores musculares, hiperestesia e membros pélvicos com ataxia, paresia e paralisia progressivas e apoio sobre os boletos. Os distúrbios locomotores eram intensificados pelo exercício que em geral desencadeava quedas. Havia queda na produção leiteira, mas o apetite e dipsia foram mantidos até próximo da morte ou eutanásia. Cinco bovinos foram necropsiados e dois apresentaram lesões macroscópicas nos músculos esqueléticos, principalmente dos membros pélvicos e torácicos, que consistiam de áreas claras bilaterais e relativamente simétricas. Histologicamente, as lesões musculares se caracterizavam por miopatia degenerativo-necrótica segmentar...

Neurotoxicose em bovinos associada ao consumo de bagaço de matle contamindado por Aspergillus clavatus; Neurotoxicosis in cattle associated with consumption of beer residues contaminated with aspergillus clavatus

Raymundo, Djeison Lutier; Spanamberg, Andréia; Bezerra Junior, Pedro Soares; Corrêa, André Mendes Ribeiro; Bangel Junior, Jorge Jose; Ferreiro, Laerte; Driemeier, David
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
16.44%
Descrevem-se dois surtos de uma doença neurológica que afetou rebanhos bovinos leiteiros que consumiam bagaço de malte contaminado por Aspergillusclavatus no município de Viamão, estado do Rio Grande do Sul. A morbidade em ambos os surtos foi em torno de 30% e a letalidade, 50% e 100%. A evolução clínica da doença variou de 5 a 64 dias. Dentre os animais que se recuperaram apenas um permaneceu com seqüelas locomotoras leves. Os sinais clínicos eram predominantemente locomotores e incluíam tremores musculares de intensidade variável, hiperestesia e membros pélvicos com ataxia, paresia e paralisia progessivas, e apoio sobre os boletos. Os distúrbios locomotores eram intensificados pelo exercício que, em geral, desencadeava quedas. Havia também marcada queda na produção leiteira, no entanto o apetite e a dipsia eram mantidos até próximo da morte ou eutanásia. Cinco bovinos foram necropsiados e destes dois apresentaram lesões macroscópicas nos músculos esqueléticos, principalmente nos membros pélvicos e torácicos caracterizadas por alterações necróticas e mineralização. No sistema nervoso, os principais achados consistiam de degeneração e necrose neuronal cromatolítica em núcleos nervosos específicos no tronco encefálico...

Intoxicação experimental por Aspergillus clavatus em ovinos; Experimental poisoning by Aspergillus clavatus in sheep

Pavarini, Saulo Petinatti; Bezerra Junior, Pedro Soares; Santos, Adriana da Silva; Bandarra, Paulo Mota; Pedroso, Pedro Miguel Ocampos; Spanamberg, Andréia; Driemeier, David; Ferreiro, Laerte
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
26.44%
Descreve-se a reprodução experimental de doença neurológica em ovinos através da administração de bagaço de malte (resíduo cervejaria) contaminado com Aspergillus clavatus. Esse resíduo de cervejaria, cujas amostras revelaram cultura pura de A. clavatus, estava sendo utilizado em duas propriedades, onde ocorreram surtos da doença em bovinos. Os sinais clínicos iniciaramse cerca de 2 a 6 dias após a administração do subproduto ou da cultura e a evolução clínica foi de 1,5 a 12 dias. Os sinais clínicos, que foram predominantemente locomotores e respiratórios, incluíram tremores musculares, hiperestesia, taquipnéia progressiva, rigidez de membros pélvicos (mais evidente à locomoção), fraqueza dos posteriores e decúbito. Um ovino também apresentou apoio ocasional sobre os boletos dos membros pélvicos. As anormalidades locomotoras e tremores eram intensificados pelo exercício. Entretanto, em 6 dos 7 ovinos, o apetite e a dipsia eram mantidas até próximo à morte ou eutanásia. O principal achado histológico consistia de degeneração e necrose neuronal cromatolítica em núcleos nervosos específicos do tronco encefálico, cornos ventrais da medula espinhal e gânglios espinhais, trigeminal, estrelado e celíaco. Três ovinos também apresentaram degeneração e necrose leves em músculos dos membros pélvicos e torácicos.; This paper describes the experimental reproduction of a neurological condition in sheep by the administration of a beer by-product contaminated with Aspergillus clavatus. Samples of this by-product...

Apoptose de neuronios motores, interneuronios e neuronios sensitivos induzida pela transecção do nervo ciatico em ratos recem nascidos : padrão temporal e efeitos do tratamento com fatores neurotroficos (NGH e CNTF)

Alexandre Leite Rodrigues de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/05/1999 Português
Relevância na Pesquisa
26.69%
A transecção de um nervo periférico em ratos recém nascidos leva à extensa morte dos neurônios axotomizados. Neste estudo, demonstramos que a transecção do nervo ciático em ratos neonatos induz a TUNEL (terminal deoxynucleotidyl transferase dUTP nick end labelling) marcação de motoneurônios e de neurônios sensitivos dos gânglios dorsais, indicando que mecanismos apoptóticos estão envolvidos. Tais resultados foram comprovados pelas observações à microscopia eletrônica. Interessantemente, observamos também um grande aumento da TUNEL marcação nos interneurônios localizados nas lâminas mais profundas da coluna dorsal. Esta localização sugere que para a sobrevivência dos interneurônios, tanto a integridade das aferências sensitivas como dos motoneurônios, suas prováveis células alvo, é essencial. No intuito de melhor compreender a importância relativa da perda do alvo (motoneurônios) e da aferência (neurônios sensitivos) sobre a indução da apoptose em interneurônios, foram comparados os padrões temporais e espaciais do aparecimento das células apoptóticas na medula e nos gânglios espinhais após a transecção do nervo ciático em ratos recém nascidos (P2). Os padrões temporais da TUNEL marcação dos motoneurônios e interneurônios induzidos pela lesão foram semelhantes (pico entre 8-48 horas após a lesão)...

Estudo da participação da iNOS e do TNF-alfa na evolução da neurite experimental auto-imune em ratos Lewis; A study of iNOS and TNF-alfa participation in the evolution of experimental autoimmune neuritis in Lewis rats

Cristiane Lucia Rodriguez de la Hoz
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/08/2007 Português
Relevância na Pesquisa
16.44%
A isoforma induzível da sintase do óxido nítrico (iNOS) e o fator de necrose tumoral-alfa (TNF-α) estão envolvidos em processos inflamatórios desmielinizantes como a síndrome de Guillain Barré e seu modelo animal, a neurite experimental auto-imune (EAN). A presença dessas moléculas foi investigada no sistema nervoso periférico de ratos Lewis em diferentes fases da EAN. Raízes nervosas oriundas dos segmentos medulares torácico 12 (T12) a lombar 3 (L3) (raízes adjacentes à intumescência lombar), cauda eqüina e nervos ciáticos foram coletados e processados para dupla imunofluorescência. Paralelamente, esses espécimes foram analisados quanto à desmielinização e degeneração axonal, por meio de histoquímica de Sudan Black e imunofluorescência para neurofilamentos, respectivamente. Todos os animais com EAN apresentaram células inflamatórias com imunorreatividade para iNOS e TNF-α, correspondendo a macrófagos e polimorfonucleares (neutrófilos). Essas células contendo iNOS e TNF-α foram observadas nos ratos Lewis exibindo os primeiros sinais clínicos da EAN. Sua população tornou-se numerosa durante a fase de agravamento do quadro clínico, diminuiu no decorrer da fase de recuperação e não foi observada nos animais clinicamente recuperados. Conforme o estágio da EAN...

Estudo da denervação renal bilateral e da imunorreatividade para substância P (SP), CGRP e receptor 1 para neurocinina (NK1R) no gânglio da raiz dorsal e parede pélvica renal na prole de ratas submetidas a restrição proteica gestacional; Study about renal denervation and immunoreactivity for substance P (SP), CGRP and neurokinin 1 receptor (NK1R) in dorsal root gangion and renal pelvic wall in the offspring of rats submitted to gestational protein restriction

Augusto Henrique Custódio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.69%
A programação fetal é um processo fisiológico que assegura, durante o desenvolvimento intrauterino, a adaptação para o mundo exterior. Ou seja, o organismo é "moldável" por estímulos durante sua formação e dependendo do insulto experimentado, existe a possibilidade de mudanças estruturais e funcionais que podem predispor o indivíduo a doenças na vida adulta. O modelo de restrição proteica, assim como outros modelos, leva a um "stress" gestacional e, segundo a hipótese de Barker, programa a prole ao desenvolvimento de doenças na vida adulta, dentre elas a hipertensão arterial. Os rins são órgãos fundamentais na manutenção do equilíbrio hemodinâmico. Mudanças morfológicas e neuroendócrinas nos rins levam a alterações hidroeletrolíticas frequentemente associadas à patogênese da hipertensão arterial. A gênese desta doença ainda não está bem descrita, por envolver alterações multifatoriais, dentre elas, modificações da atividade neural tanto central quanto periférica, que podem ser um indicativo da elevação pressórica em nosso modelo. A atividade simpática renal é um importante modulador da excreção dos eletrólitos e, quando alterada, promove maior ou menor retenção de sais, principalmente o sódio...

Mecanismos operados por receptores B1 e B2 para cininas contribuem para as alterações nociceptivas associadas à neuropatia induzida pela ligação de nervos espinhais em ratos

Werner, Maria Fernanda de Paula
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 1 v.| il., tabs., grafs.
Português
Relevância na Pesquisa
37.04%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Farmacologia.; O objetivo do presente estudo foi avaliar e caracterizar as respostas hipernociceptivas em ratos submetidos à ligação dos nervos espinhais L5 e L6 (LNE L5L6), bem como analisar a participação dos receptores B1 e B2 para as cininas neste modelo de dor neuropática. A LNE L5L6 induziu hipernocicepção ao frio, ao calor e mecânica. A hipernocicepção ao frio e mecânica foram reduzidas pelo tratamento sistêmico com morfina, indometacina e anticonvulsivantes, enquanto que a hipernocicepção ao calor foi totalmente resistente aos anticonvulsivantes. Nos animais neuropáticos, a injeção intraplantar do agonista de receptores B1 (DABK) induziu respostas nociceptivas, as quais são mediadas pela ativação de receptores B1, enquanto que a nocicepção induzida pela injeção intraplantar de agonista de receptores B2 (Bradicinina, BK) foi potencializada nesses animais, e envolveu a ativação de receptores B2 e B1. Este estudo também demonstrou que nos animais neuropáticos, a expressão dos receptores B1 e B2 estava aumentada na pele da pata e nos segmentos L4-L6 dos nervos espinhais, 12 dias após a indução da neuropatia. Neste mesmo período...

Intoxicação experimental por Aspergillus clavatus em ovinos

Bezerra Júnior,Pedro S.; Santos,Adriana da Silva; Bandarra,Paulo Mota; Pedroso,Pedro M. Ocampos; Pavarini,Saulo Petinatti; Spanamberg,Andréia; Ferreiro,Laerte; Driemeier,David
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
26.44%
Descreve-se a reprodução experimental de doença neurológica em ovinos através da administração de bagaço de malte (resíduo cervejaria) contaminado com Aspergillus clavatus. Esse resíduo de cervejaria, cujas amostras revelaram cultura pura de A. clavatus, estava sendo utilizado em duas propriedades, onde ocorreram surtos da doença em bovinos. Os sinais clínicos iniciaram-se cerca de 2 a 6 dias após a administração do subproduto ou da cultura e a evolução clínica foi de 1,5 a 12 dias. Os sinais clínicos, que foram predominantemente locomotores e respiratórios, incluíram tremores musculares, hiperestesia, taquipnéia progressiva, rigidez de membros pélvicos (mais evidente à locomoção), fraqueza dos posteriores e decúbito. Um ovino também apresentou apoio ocasional sobre os boletos dos membros pélvicos. As anormalidades locomotoras e tremores eram intensificados pelo exercício. Entretanto, em 6 dos 7 ovinos, o apetite e a dipsia eram mantidas até próximo à morte ou eutanásia. O principal achado histológico consistia de degeneração e necrose neuronal cromatolítica em núcleos nervosos específicos do tronco encefálico, cornos ventrais da medula espinhal e gânglios espinhais, trigeminal, estrelado e celíaco. Três ovinos também apresentaram degeneração e necrose leves em músculos dos membros pélvicos e torácicos.

Neurotoxicose em bovinos associada ao consumo de bagaço de malte contaminado por Aspergillus clavatus

Bezerra Jr,Pedro Soares; Raymundo,Djeison Lutier; Spanamberg,Andréia; Corrêa,André Mendes Ribeiro; Bangel Júnior,Jorge J.; Ferreiro,Laerte; Driemeier,David
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
16.44%
Descrevem-se dois surtos de uma doença neurológica que afetou rebanhos bovinos leiteiros que consumiam bagaço de malte contaminado por Aspergillus clavatus no município de Viamão, estado do Rio Grande do Sul. A morbidade em ambos os surtos foi em torno de 30% e a letalidade, 50% e 100%. A evolução clínica da doença variou de 5 a 64 dias. Dentre os animais que se recuperaram apenas um permaneceu com seqüelas locomotoras leves. Os sinais clínicos eram predominantemente locomotores e incluíam tremores musculares de intensidade variável, hiperestesia e membros pélvicos com ataxia, paresia e paralisia progessivas, e apoio sobre os boletos. Os distúrbios locomotores eram intensificados pelo exercício que, em geral, desencadeava quedas. Havia também marcada queda na produção leiteira, no entanto o apetite e a dipsia eram mantidos até próximo da morte ou eutanásia. Cinco bovinos foram necropsiados e destes dois apresentaram lesões macroscópicas nos músculos esqueléticos, principalmente nos membros pélvicos e torácicos caracterizadas por alterações necróticas e mineralização. No sistema nervoso, os principais achados consistiam de degeneração e necrose neuronal cromatolítica em núcleos nervosos específicos no tronco encefálico...

Neuralgia pós-herpética em área anatômica pouco usual: relato de caso

Portella,Ana Virgínia Tomaz; Gomes,Josenília Maria Alves; Marques,Hilma Girão; Aguiar,Larissa Rios
Fonte: Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor Publicador: Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
16.44%
JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O herpes zoster (HZ) é uma doença causada pela reativação do vírus varicela-zoster nos nervos cranianos e nos gânglios das raízes espinhais dorsais, geralmente deflagradas décadas depois da infecção primária de varicela. Sua complicação mais comum é a neuralgia pós-herpética (NPH), que é caracterizada por dor neuropática crônica e que se inicia entre um e seis meses após a cura das erupções cutâneas do HZ. O objetivo deste estudo foi relatar um caso de quadro de neuralgia pós-herpética em área anatômica pouco comum. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 55 anos, com diagnóstico de HZ, que evoluiu para neuralgia pós-herpética. A paciente queixa-se de dor intensa e persistente em queimação localizada inicialmente em toda a extensão do membro inferior esquerdo (MIE). Ao exame físico apresentava alodínia e hiperalgesia no MIE até a raiz da coxa. CONCLUSÃO: O HZ apresenta-se mais frequentemente envolvendo os dermátomos facial e torácico. No entanto, deve-se sempre lembrar as áreas anatômicas pouco frequentes, para que seja realizado precocemente o diagnóstico e o tratamento, evitando assim as complicações.

O papel da interleucina-1'beta' produzida no gânglio da raiz dorsal no desenvolvimento da hiperalgesia inflamatória; The role of dorsal root ganglion-produced interleukin-1'beta' in development of inflammatory hyperalgesia

Dionésia Araldi
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
26.44%
A liberação de Interleucina-1? (IL-1?) no tecido periférico estimula a síntese de Prostaglandinas (PGs), especialmente, da Prostaglandina-E2 (PGE2), que leva a sensibilização dos nociceptores aferentes primários induzindo a hiperalgesia inflamatória. Recentemente demonstramos que a IL-1? pode ativar diretamente o receptor de Interleucina-1 (IL-1R) do nociceptor aferente periférico e levar a liberação de PGE2 associada ao desenvolvimento da hiperalgesia. A IL-1? também é liberada no Gânglio da Raiz Dorsal (GRD), entretanto a função que a IL-1? desempenha no GRD para o desenvolvimento da hiperalgesia inflamatória ainda não está clara. Portanto, o objetivo deste estudo foi investigar se a liberação de IL-1? e a ativação do Receptor de Interleucina-1 Tipo I (IL-1RI) no GRD estão envolvidos no desenvolvimento da hiperalgesia inflamatória. A administração de IL-1Ra (antagonista natural de receptor IL- 1, 6 ?g) no GRD de ratos preveniu a hiperalgesia mecânica (avaliada por meio do von Frey Eletrônico) induzida pela administração intraplantar (i.pl) de Adjuvante Completo de Freund (CFA, 100 ?L), Carragenina (Cg, 100 ?g) ou IL-1? (0,5 pg), mas não pela administração i.pl de PGE2 (100 ng), avaliadas 3 horas após suas administrações. Além disso...

CEREBELARATAXIA II: DEFICIT OF KNOWLEDGE OF THE FAMILY; ATAXIACEREBELAR II: DEFICIT DEL CONOCIMIENTO DE LAFAMILIA; ATAXIA CEREBELAR II: DÉFICIT DE CONHECIMENTO DA FAMÍLIA

de Luna, Gilzélia; Landim, Fátima Luna Pinheiro; Simões, Modesta Maria de Moura
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 16/05/2006 Português
Relevância na Pesquisa
16.69%
Ataxia cerebelar type II, also known by ataxia spinocerebelar 7 (SCA7), it is a neuro-degenerative pathology with gloomy prognostic of hereditariness. It attacks both sexes and in any age, being characterized by the variable degeneration of the cortex cerebelar, inferior olive, pontine nuclei, basal ganglion, spinal strings and outlying nerves. The people don’t die for the disease in itself but for the associated clinical complications. Exploratory study, that had for objective: to identify the deficits of family knowledge concerning the ataxia II, establishing the repercussions of these in the life quality of the carriers. As population was chosen the relatives of ataxia carriers that are part of the Beneficent Association in Prol of Ataxia II’S Carriers (ABPAT), with in Crateús, Ceará. The sample consists of sixteen people, being 12 women and 04 men. The data collect took place during the months of March, April and May 1999, having been used questionnaire contends open and shut questions. Without cure perspectives, the great weapon of the family, still, is the information – in what refers to the precocious detection, to the retard of the symptoms evolution and prevention of the appearance of associated problems – it was Ended...