Página 1 dos resultados de 107 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

A pessoa como centro do cuidado : a abordagem centrada na pessoa no processo de produção do cuidado médico em Serviço de Atenção Primária à Saúde

Lopes, José Mauro Ceratti
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.12%
Assumindo que uma atuação centrada na Pessoa é considerada imprescindível para um bom desempenho do médico de família e comunidade, a pesquisa apresentada nesta dissertação foi realizada objetivando identificar se estão presentes na prática os componentes que caracterizam inequivocamente o Método de Abordagem Clinica Centrada na Pessoa. O corpo da pesquisa foi constituído por médicos de família e comunidade e pessoas atendidas por eles em três das Unidades da Saúde Comunitária do Grupo Hospitalar Conceição (SSC–GHC), considerado o principal e mais qualificado centro de assistência e formação em atenção primária do Brasil, o que constitui um recorte do conjunto de serviços de atenção primária do Brasil. A pesquisa realizada é um estudo de caso, sendo os dados coletados a partir de falas de médicos de família e falas de pessoas atendidas por estes médicos, cujos depoimentos foram registrados em fitas magnetizadas de áudio e posteriormente transcritos. A seqüência do trabalho deu-se com a análise a partir de referencial teórico composto por diversos autores, utilizando-se como metodologia o Discurso do Sujeito Coletivo. No primeiro momento são focadas, separadamente, as falas de médicos de família e comunidade e pessoas atendidas. E num segundo momento...

Avaliação do processo de construção e da aplicabilidade de material educativo para a prevenção de ISTs/HIV/AIDS, realizado de forma participativa entre usuárias e profissionais do Serviço de Saúde Comunitária/Grupo Hospitalar Conceição : Porto Alegre/RS, no período de 2000 a 2003

Diercks, Margarita Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.12%
Resumo não disponível.

Qualidade de vida no trabalho das pessoas portadoras de deficiência no Grupo Hospitalar Conceição

Savegnago, Maria
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.12%
Este estudo tratou da Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) das Pessoas Portadoras de Deficiência (PPDs), trabalhadoras do Grupo Hospitalar Conceição, (GHC), em Porto Alegre, Rio Grande do Sul. O principal objetivo do estudo é analisar a QVT de acordo com a opinião das PPDs, identificando aspectos que poderiam propiciar melhorias em sua qualidade de vida, com reflexos no desempenho organizacional. A pesquisa foi realizada através de um questionário, onde participaram 30 PPDs. Com base nos dados coletados e analisados, o conceito aparece associado a bom ambiente de trabalho, acessível área física, mobiliário e equipamento adequados ao uso, clima agradável, humanizados, bom relacionamento, ser respeitado pela diferença, valorização profissional, salário justo, bom atendimento médico e ter saúde. Os resultados apontaram necessidade de melhorias estruturais na empresa, como a remoção de barreiras organizacionais, traduzidas pelo pensamento inclusivos, e também físicos, dentre elas a otimização da acessibilidade. Programas e políticas voltadas à qualificação dos trabalhadores, como forma de obter e melhorar a QVT.

Mecanismos de participação e atores sociais em instituições hospitalares : o caso do Grupo Hospitalar Conceição

Possa, Lisiane Bôer
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
96.38%
Este trabalho tem como objetivo compreender o surgimento dos mecanismos de participação nas instituições hospitalares. Mais especificamente procura identificar o papel e o impacto desses no envolvimento e nas relações entre os atores nestas instituições. A metodologia utilizada foi estudo de caso no Grupo Hospitalar Conceição, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul. E através da pesquisa pode-se observar que os fóruns de participação existentes no hospital têm como papel incluir os usuários na organização. Constituem-se num espaço para apresentação dos interesses, demandas e negociação de consensos. Abrem a agenda da direção para os temas dos atores participantes. Possibilitam tornar público o debate das questões polêmicas. Favorecem a construção de alianças entre os atores e a construção de apoio político para o enfrentamento das questões em disputa cujas decisões ocorrem em outros espaços. Contribuem para a aprendizagem dos atores, a diminuição das assimetrias entre eles e a socialização das informações sobre o hospital. Também se observou que a existência de fóruns de participação contribuiu para alterar o envolvimento dos atores com o hospital e as relações entre eles. Pôde-se perceber que a criação de dispositivos de participação no hospital propiciou aos atores tradicionalmente excluídos e com menores recursos de poder...

O plano de investimentos do Grupo Hospitalar Conceição : do levantamento das demandas à entrega dos equipamentos

Monte, Luís Fernando Silveira do
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
96.29%
Objetivando analisar o processo do Plano de Investimentos – PI do Grupo Hospitalar Conceição – GHC, inspirado pelo Orçamento Participativo desenvolvido na Prefeitura Municipal de Porto Alegre, a partir de 1989, foi desenvolvido um estudo de caso que permitiu observar os processos de 2008 e 2009 do ponto de vista privilegiado de um ator que participa do processo desde seu início; como Delegado, em 2003 e 2004, Coordenador dos Delgados, de 2005 a 2007 e, membro da Coordenação do PI a partir de 2008. O estudo foi baseado na Coordenação do Plano de Investimentos e pôde observar as mudanças acontecidas no período bem como suas causas e conseqüências imediatas. Foram destacados pontos positivos e negativos e dados originários da Comissão Especial de Licitação de 2008, ponto de partida do estudo. Também foram sugeridas melhorias no processo em relação à maior comunicação e divulgação e ampliação da participação dos trabalhadores no sentido de consolidá-lo como ferramenta de qualquer gestor que venha a assumir o GHC.

Residência multiprofissional em saúde : um mosaico de saberes

Rosa, Karen Romero Kanaan Kracik
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.12%
Este trabalho de investigação tem como objeto o Programa de Residência Integrada em Saúde, da Escola de Saúde Pública do Estado do Rio Grande do Sul, e tem como objetivo descrever o contexto de criação do mesmo e analisar comparativamente este Programa, em relação à sua estrutura e seu funcionamento, com outros três Programas de Residência Multiprofissional em Saúde existentes na cidade de Porto Alegre, quais sejam: o do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, o da Pontifícia Universidade Católica do Rio grande do Sul e do Grupo Hospitalar Conceição. Para tanto, discute-se a importância do movimento pela reforma sanitária e a construção do Sistema Único de Saúde para a criação desta modalidade de formação em serviço. A coleta dos dados foi realizada através da consulta de documentos públicos sobre os Programas acima e a análise comparativa foi realizada a partir da Análise de Conteúdo. Portanto, a partir dessa formação em serviço, instala-se assim um novo processo de “pensar as intervenções em saúde”, ou seja, inicia-se uma nova modalidade de ensino e prática, contemplando várias profissões, tanto da área da saúde, como também da área da educação, onde pensar e atuar em saúde, caracteriza-se pela possibilidade de transformar em ato e em formas de trabalho pressupostos...

O estresse laboral e a capacidade para o trabalho de enfermeiros no Grupo Hospitalar Conceição

Negeliskii, Christian
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
96.48%
Esta dissertação é um estudo descritivo e transversal, com o objetivo de avaliar a relação entre o estresse laboral de 368 enfermeiros (73,3% da população) do Grupo Hospitalar Conceição (GHC) e o Índice de Capacidade para o Trabalho e suas correlações. A coleta de dados foi realizada por meio de um questionário com questões sócio-ocupacionais e de duas escalas: a Job Stress Scale e o Índice de Capacidade para o Trabalho. Para análise e associação dos dados foi utilizado Teste t-Student para as variáveis simétricas e o Qui-quadrado para as categóricas. O grupo de enfermeiros é predominantemente feminino (93,2%), com idade superior a 40 anos (51,8%), casado (64,8%), trabalha em atividades assistenciais (63,9%) nos diferentes hospitais e unidades básicas de saúde do GHC, está na instituição em média há 10,89 anos, possui pelo menos um curso de Pós-Graduação (76%) e sente-se satisfeito com a unidade de trabalho (70,5%). Identificou-se o estresse laboral em 23,6% dos enfermeiros, sendo que 15,2% apresentaram Alta Exigência no trabalho e 8,4% Trabalho Passivo, segundo o modelo de demanda-controle de Karasek. O Apoio Social exerce influência positiva significativa sobre os grupos expostos ao estresse laboral...

Reflexões preliminares sobre a relação entre a ocorrência de prematuridade em bebês e a qualidade do pré-natal das mães

Bosio, Andrea da Silva Crespo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.19%
O presente trabalho trata-se de uma pesquisa qualitativa com abordagem compreensiva com apoio na hermenêutica. Almeja identificar e refletir sobre alguns aspectos relacionados ao pré-natal de mães com recém-nascidos prematuros internados na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital da Criança Conceição, saber como foi e qual sua qualidade. Também, conhecer o perfil destas mães e identificar dados referentes ao nascimento e as complicações apresentadas por esses prematuros. Com base no conhecimento produzido, reforçar os pontos positivos e fazer sugestões para aprimorar o programa de pré-natal na atenção primária, no setor de alto risco e o processo de trabalho na terapia intensiva neonatal do Grupo Hospitalar Conceição. Participaram do estudo oito mães de bebês prematuros nascidos com peso inferior a 1500 gramas e idade gestacional inferior a 34 semanas que estiveram internados na UTI Neonatal do HCC nos meses de março e de abril. Foi utilizada uma entrevista semi-estruturada como um dos instrumentos para a realização do estudo, que foi registrada em gravação para posterior análise. Outro recurso foi coleta de dados secundários em prontuário do recém-nascido. Foi identificada a adesão ao programa de pré-natal...

Supervisão em atenção primária à saúde : experiência junto a um programa de residência multiprofissional em saúde

Henk, Agda
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.19%
Este estudo foi realizado junto aos preceptores/as e orientadores/as dos Programas de Residência desenvolvidos no Serviço de Saúde Comunitária do Grupo Hospitalar Conceição, Porto Alegre, sendo seu objetivo geral investigar como enfrentam e desenvolvem o processo de supervisão no campo da saúde em equipes interdisciplinares. O estudo qualitativo teve uma conformação exploratória descritiva para possibilitar a análise das opiniões e percepções dos participantes. As informações produzidas em entrevistas semi-estruturadas foram submetidas à análise de conteúdo, tendo sido geradas seis categorias analíticas: (1) conceitos de supervisão; (2) oportunidades e modalidades de supervisão; (3) dificuldades no exercício da supervisão; (4) aspectos facilitadores e dificultadores para o exercício da supervisão; (5) planejamento e avaliação da supervisão; e (6) experiência da interdisciplinaridade no processo de supervisão. Estas foram analisadas com base na literatura existente sobre supervisão, interdisciplinaridade no campo da formação em saúde e documentos produzidos na instituição. A primeira categoria indicou que a supervisão é o acompanhamento da prática de quem está em formação, sendo um pressuposto dentre as muitas outras atividades exercidas no trabalho em equipe. As oportunidades e modalidades identificaram que a supervisão faz parte do cotidiano dos trabalhadores envolvidos com o processo de formação. Entre os aspectos facilitadores destacam-se a disponibilidade de supervisionar e a clareza do papel em orientação ou preceptoria. As dificuldades identificadas no exercício da supervisão estão relacionadas à sobrecarga de trabalho...

Distintos olhares sobre os seminários integrados da residência integrada em saúde do Grupo Hospitalar Conceição

Jandrey, Circe Maria
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
96.31%
O presente estudo teve por objetivo investigar como se articula a integração das quatro ênfases que compõem a Residência Integrada em Saúde do Grupo Hospitalar Conceição (RIS/GHC), a partir do espaço teórico prático dos Seminários Integrados (SI) para apontar elementos que contribuam com a qualificação dessas atividades. A pesquisa foi de caráter qualitativo, exploratório-descritivo, tendo como sujeitos envolvidos coordenadores/facilitadores do espaço, preceptores e residentes do primeiro e segundo ano do programa em 2009. Foram entrevistados 17 profissionais, no período compreendido entre os meses de dezembro de 2009 e maio de 2010. Os resultados foram produzidos a partir de análise qualitativa do conteúdo das entrevistas, que levaram à definição de quatro categorias: condições institucionais possibilitadas aos Seminários Integrados; integralidade como princípio e sua construção cotidiana no processo de formação em saúde; implicações dos profissionais no processo; potencialidades futuras para esse espaço de reflexão teórico prática. A investigação traz, do ponto de vista dos preceptores, as condições de infra-estrutura institucional como um dos entraves ao processo de ensino aprendizagem dos Seminários Integrados por dificultarem a produção de dinâmicas mais participativas. Porém...

Papel do preceptor na residência multiprofissional interdisciplinares na formação do residente : experiência da fisioterapia

Lorenz, Renata Hélia
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.12%
Este trabalho analisa as experiências de profissionais envolvidos com as tarefas de preceptoria da Residência Multiprofissional em Saúde na área de fisioterapia. Foi elaborado como Trabalho de Conclusão do Curso em Práticas Pedagógicas em Serviços de Saúde promovido pelo Grupo Hospitalar Conceição em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Através da pesquisa realizada, buscou-se teorizar a prática, através de um processo reflexivo. A pesquisa é de cunho qualitativo exploratório e foi realizada no programa de Residência Integrada em Saúde do GHC, município de Porto Alegre, RS. O objetivo principal é estudar as experiências de preceptores da Residência Multiprofissional, enquanto ação educativa na área da saúde. Apresentamos um breve relato histórico das residências multiprofissionais em saúde no Brasil, a partir dos anos 70, até a criação da RIS/GHC. Contextualizamos a inserção da fisioterapia nos programas de Residência Multiprofissional e analisamos questões relativas à residência, formação profissional, preceptoria, experiência e currículo. Foi empregado um roteiro de entrevista semi-estruturado para preceptores/orientadores da RIS/GHC, abordando aspectos como as experiências vivenciadas pelos profissionais...

Educação permanente e continuada em saúde e suas influências no processo de trabalho de equipes de atenção primária à saúde

Cardozo, Débora Deus
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.16%
Sabe-se que a formação é um dos eixos do Sistema Único de Saúde e que a educação permanente e continuada são estratégias que contribuem para o desenvolvimento dos trabalhadores com importantes reflexos na atenção da população sob seus cuidados. Esta pesquisa teve o objetivo de conhecer a percepção dos trabalhadores de uma Unidade de Atenção Primária à Saúde a respeito das definições de Educação Permanente e Educação Continuada, e quais as suas influências no processo de trabalho em saúde da equipe. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa do Grupo Hospitalar Conceição. A coleta de dados para a pesquisa se deu através de um trabalho de campo com abordagem qualitativa, utilizando a técnica de grupo focal e análise de conteúdo. Participaram do estudo oito profissionais que estavam na equipe há pelo menos um ano, sendo um de cada núcleo profissional, convidados intencionalmente pela pesquisadora. Os principais achados deste trabalho foram o reconhecimento da importância da educação permanente e continuada para a constante atualização dos trabalhadores e sua utilização como uma ferramenta transformadora da prática em saúde.

Distintos olhares sobre os seminários integrados da residência integrada em saúde do Grupo Hospitalar Conceição : residentes

Silveira, Cleunice Burtet
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.12%
Resumo não disponível

Práticas interdisciplinares nos processos de formação em serviços de saúde; Interdisciplinary practices in healthcare training processes

Trentin, Vera Regina Mendes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.29%
Esta investigação foi realizada na Unidade de Saúde Divina Providência do Serviço de Saúde Comunitária do Grupo Hospitalar Conceição, Porto Alegre, que presta assistência e desenvolve ensino e pesquisa em saúde, constituindo espaço de formação para Programas de Residência Médica e Residência Integrada em Saúde. O estudo analisou as percepções de residentes e preceptores de diferentes núcleos profissionais da saúde sobre as práticas interdisciplinares com enfoque nos processos de formação em serviço. Consistiu em uma investigação exploratória de caráter descritivo, de natureza qualitativa. As informações produzidas pelos participantes em entrevistas semi-estruturadas foram submetidas à análise de conteúdo. Cinco categorias analíticas emergiram: metodologia do trabalho; espaços de formação; aspectos que favorecem as práticas interdisciplinares; dificuldades no exercício da interdisciplinaridade; e concepções de interdisciplinaridade. As informações foram analisadas com base em literatura de referência sobre interdisciplinaridade no campo da formação em saúde e documentos produzidos no GHC, tendo sido contextualizadas com o meio onde o estudo foi desenvolvido. Foi identificado como ponto em comum as práticas interdisciplinares presentes no processo de trabalho nas áreas de vigilância...

Avaliação do processo formativo desenvolvido na residência integrada em saúde do Grupo Hospitalar Conceição na ênfase saúde da família e comunidade em relação à política nacional de atenção básica

Telo, Shana Vieira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
96.29%
O presente estudo tem como tema a relação entre a formação em Residência em Saúde da Família do Grupo Hospitalar Conceição (GHC) e a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB) brasileira. Sabe-se que a Constituição Federal do Brasil define como competência do Sistema Único de Saúde (SUS) a regulação e deliberação das políticas de formação de recursos humanos na área da saúde. A formação em residências multiprofissionais e integradas tem como objetivo favorecer uma inserção qualificada de profissionais de diferentes profissões em áreas prioritárias do SUS, como a atenção básica, seguindo os princípios e as diretrizes deste sistema. Da mesma forma, a Política Nacional de Atenção Básica preconiza a valorização dos profissionais de saúde por meio do estímulo e acompanhamento constante da educação permanente dos profissionais, além de incentivar a qualificação e a formação na modalidade de residência, com articulações nas diferentes esferas de governo. A partir deste cenário, seguindo as premissas do SUS e da legislação vigente, no ano de 2004 inicia no GHC a Residência Integrada em Saúde (RIS/GHC) nas ênfases de Saúde da Família e Comunidade, Saúde Mental e Intensivismo...

Gestão colegiada : experiências de gestão participativa em saúde

Arsego, Lívia Ramalho
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.29%
Um dos pressupostos básicos do Estado Democrático pode ser considerado o princípio do recurso, ou seja, a possibilidade legítima e institucionalizada de oposição ao poder instituído, sendo o exercício da liberdade dos sujeitos. As práticas de gestão participativa na saúde reforçam a democracia e estabelecem os trabalhadores como agentes de transformação das processos de cuidado em saúde. Retoma-se a centralidade do sentido do trabalho, da autonomia, da responsabilização e do compromisso com os resultados das suas ações, trazendo o colegiado de gestão como um fórum de construção coletiva de novas práticas. As experiências do Grupo Hospitalar Conceição (GHC) são apresentadas como contribuição para a reflexão e o debate do controle social na saúde, tomando-se a experiência de dispositivos participativos de governança internos como impulsionadores de um melhor diálogo com os espaços de controle social estabelecidos na legislação.; One of the basic assumptions the Democratic State can be considered the principle of resource, ie the possibility of legitimate and institutionalized opposition to established power and the exercise of freedom of the individuals. Management participative practices in health policies reinforce the democracy and establish workers as agents of transformation processes in health care. Take up the centrality of the meaning of work...

Saúde e democracia : discursos e práticas de acolhimento em uma unidade de atenção primária em saúde de Porto Alegre

Kessler, Lucenira Luciane
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.23%
Esta etnografia descreve o cotidiano de uma unidade de Atenção Primária em Saúde-APS localizada em Porto Alegre e integrante do Serviço de Saúde Comunitária-SSC, pertencente à estrutura institucional do Grupo Hospitalar Conceição- GHC. O ponto de partida é a prática do acolhimento realizada por seus integrantes e dirigida a seus usuários. Tal ação em saúde, neste contexto, acaba por acionar discursos e práticas relativas à participação: de seus trabalhadores, assim como de seus usuários, que aparecem reunidos sob a denominação comunidade. São descritas as segmentações que produzem conflitos e assimetrias entre os integrantes da equipe de saúde. Neste grupo, pautado por um discurso de participação igualitária entre seus membros, há uma tensão constante entre hierarquia e horizontalidade. Além disso, múltiplos sentidos e práticas de participação comunitária são apontados por atores com posições distintas neste cenário. As diferentes perspectivas, desde as quais os diferentes atores significam e ensejam práticas de participação são, então, assinaladas. Por fim, as percepções dos usuários acerca do acolhimento são colocadas em primeiro plano, e, deste modo, torna-se perceptível que o sistema de saúde...

A EXPERIÊNCIA DO PROGRAMA DE QUALIFICAÇÃO DA INCORPORAÇÃO DE TECNOLOGIAS NO GRUPO HOSPITALAR CONCEIÇÃO.

Regina Pessôa, Luisa
Fonte: Universidade Nacional Autônoma do México Publicador: Universidade Nacional Autônoma do México
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
66.29%
Em setembro de 2008, o Grupo Hospitalar Conceição/Ministério da Saúde empenhado na formulação e estruturação de uma política de incorporação de tecnologias em saúde articulada com a política de qualificação do SUS, adotou o Programa de Qualificação da Incorporação de Tecnologias como uma de suas estratégias, compreendendo dois Cursos Semi-presenciais, o Curso de Especialização em Gestão de Projetos de Investimento em Saúde (440 horas) e o Curso de Especialização em Gestão de Recursos físicos e Tecnológicos em Saúde (540 horas) realizados em parceria com a Escola de Governo e a Coordenação de Educação a Distância da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca/Fiocruz. A atualidade, a relevância e a justificativa para a implementação do Programa estão expressas tanto nos documentos oficiais como na mídia, quando destacam as dificuldades encontradas para a concepção e execução de Projetos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), ou apontadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU), nas prestações de contas dos investimentos, problemas estes ocasionados, sobretudo, pela ausência de parâmetros para a gestão de incorporação de estruturas físicas, máquinas e equipamentos, pela escassez de publicações de referência na área e...

A EXPERIÊNCIA DO PROGRAMA DE QUALIFICAÇÃO DA INCORPORAÇÃO DE TECNOLOGIAS NO GRUPO HOSPITALAR CONCEIÇÃO.

Regina Pessôa, Luisa
Fonte: Universidade Nacional Autônoma do México Publicador: Universidade Nacional Autônoma do México
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
66.29%
Em setembro de 2008, o Grupo Hospitalar Conceição/Ministério da Saúde empenhado na formulação e estruturação de uma política de incorporação de tecnologias em saúde articulada com a política de qualificação do SUS, adotou o Programa de Qualificação da Incorporação de Tecnologias como uma de suas estratégias, compreendendo dois Cursos Semi-presenciais, o Curso de Especialização em Gestão de Projetos de Investimento em Saúde (440 horas) e o Curso de Especialização em Gestão de Recursos físicos e Tecnológicos em Saúde (540 horas) realizados em parceria com a Escola de Governo e a Coordenação de Educação a Distância da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca/Fiocruz. A atualidade, a relevância e a justificativa para a implementação do Programa estão expressas tanto nos documentos oficiais como na mídia, quando destacam as dificuldades encontradas para a concepção e execução de Projetos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), ou apontadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU), nas prestações de contas dos investimentos, problemas estes ocasionados, sobretudo, pela ausência de parâmetros para a gestão de incorporação de estruturas físicas, máquinas e equipamentos, pela escassez de publicações de referência na área e...

Mecanismos de participação e atores sociais em hospitais: o caso do Grupo Hospitalar Conceição-RS; Social actors and participatory mechanisms in hospitals: the case of Grupo Hospitalar Conceição-RS

Possa, Lisiane Bôer; Cortes, Soraya Maria Vargas
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.38%
O artigo tem como objetivo compreender o surgimento de mecanismos de participação em organizações hospitalares. Mais especificamente, procura identificar o papel e o impacto destes nas relações entre os atores no interior do hospital e em seu envolvimento com essa organização. A estratégia metodológica utilizada foi a de estudo de caso. O campo empírico foi o Grupo Hospitalar Conceição, em Porto Alegre/RS. Através da pesquisa, pôde-se observar que os fóruns de participação existentes no hospital desempenham múltiplas funções, todas direcionadas para a inclusão dos usuários e trabalhadores de saúde na organização. Constituem-se como espaço para apresentação dos interesses, demandas e negociação de consensos. Abrem a agenda da Direção para temas relevantes para os atores participantes. Possibilitam tornar público o debate das questões polêmicas. Favorecem a construção de alianças entre os atores e a construção de apoio político para o enfrentamento de questões em disputa. Contribuem para a aprendizagem dos atores, a diminuição das assimetrias entre eles e a socialização das informações sobre o hospital. A existência de fóruns de participação contribuiu para alterar o envolvimento dos atores com o hospital e as relações entre eles. Pôde-se perceber que a criação de dispositivos de participação no hospital propiciou aos atores tradicionalmente excluídos e com menores recursos de poder...