Página 1 dos resultados de 2149 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Uma abordagem baseada em sistemas de inferência Fuzzy Takagi-Sugeno aplicada ao planejamento da operação de sistemas hidrotérmicos de geração

RABÊLO, Ricardo de Andrade Lira; CARNEIRO, Adriano Alber de França Mendes; FERNANDES, Ricardo Augusto Souza; BRAGA, Rosana Teresinha Vaccare
Fonte: Sociedade Brasileira de Automática Publicador: Sociedade Brasileira de Automática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
O planejamento da operação de sistemas hidrotérmicos de geração, em sistemas com grande participação hidráulica, como é o caso do sistema brasileiro, visa determinar uma política de operação que especifique como as usinas hidroelétricas devem ser operadas, de forma que os recursos hidroelétricos sejam utilizados com economia e confiabilidade. Este trabalho apresenta uma aplicação de sistemas de inferência fuzzy do tipo Takagi-Sugeno, responsável por obter uma política de operação (PBSIF - Política Baseada em Sistema de Inferência Fuzzy) que represente a operação otimizada de reservatórios para geração de energia elétrica, bem como da análise desta política e sua aplicação na simulação da operação de sistemas hidroelétricos. A política proposta é obtida pela otimização da operação energética das usinas hidroelétricas. Desta otimização extraem-se as relações entre a energia armazenada do sistema e o volume do reservatório de cada usina. Estas relações estão representadas nos parâmetros dos consequentes das regras linguísticas fuzzy do modelo de inferência de Takagi-Sugeno. De forma a ilustrar a eficácia da PBSIF, ela foi avaliada por meio da comparação do seu desempenho com a política de operação em paralelo; com a política de operação baseada em aproximações funcionais...

Inferência bayesiana na avaliação da segurança de fundações em estacas de deslocamento.; Bayesian inference in the assessment of precast piles foundations safety.

Santos, Marcio de Souza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/04/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
O tema "segurança de fundações" tem merecido especial atenção, tanto na lide acadêmica quanto na prática profissional, em virtude da necessidade de se buscar soluções cada vez mais otimizantes para a dicotomia custo versus segurança, soluções essas que diferem pela forma de tratamento das incertezas envolvidas no projeto e execução das fundações. As provas de carga sobre as fundações têm desempenhado papel central na redução dessas incertezas. Ultimamente, tem-se discutido muito, particularmente no âmbito da revisão da NBR 6122, o papel das provas de carga na redução das incertezas inerentes a qualquer obra de fundações. Se é ponto pacífico que as provas de carga devem reduzir as incertezas, já não há consenso quanto aos níveis dessa redução em função do tipo e da quantidade de provas de carga, nem tampouco como a variabilidade dos resultados das provas de carga efetuadas em dada obra influenciam no fator de segurança. Desta feita, o presente trabalho apresenta uma formulação consistente para combinação das previsões de capacidade de carga de estacas de deslocamento com as informações derivadas da realização de provas de carga estáticas conduzidas até a ruptura ou ensaios de carregamento dinâmico...

Aplicações de mecânica estatística a especiação simpátrica e inferência aproximativa; Applications of statistical mechanics to sympatric speciation and aproximative inference

Ribeiro, Fabiano Lemes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/06/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.99%
Apresenta-se nesta tese os resultados de aplicações do formalismo da Mecânica Estatística em dois problemas independentes. O primeiro diz respeito a um modelo para Evolução do Acasalamento Preferencial no processo de Especiação Simpátrica; enquanto que o segundo refere-se ao desenvolvimento de um algoritmo de aprendizado por meio de Inferência Aproximativa. No problema biológico estudado, cada indivíduo em um modelo de agentes é composto por dois traços. Enquanto um é responsável pela ecologia do indivíduo, o outro dita uma aparência física descorrelacionada com a adaptabilidade. Esses traços são expressos por diferentes loci que estão ligados entre si por uma taxa de recombinação. O modelo inclui também a possibilidade de evolução da preferência sexual dos indivíduos. Foi construído para esse modelo um diagrama de fases no espaço dos parâmetros que descrevem o ambiente como, por exemplo, quantidades de recursos e deficiência do indivíduo híbrido. Foram encontradas três fases de equilíbrio: (i) emergência de Acasalamento Preferencial; (ii) extinção de um dos alelos do locus responsável pela ecologia e (iii) equilíbrio Hardy-Weinberg. Foi verificado que o acasalamento preferencial pode emergir ou mesmo ser perdido (e vice-versa) em resposta a mudanças no ambiente. Além disso...

O ensino de estatística na universidade e a controvérsia sobre os fundamentos da inferência; Teaching Statistics at the University and the inference controversy

Cordani, Lisbeth Kaiserlian
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2001 Português
Relevância na Pesquisa
37.25%
A maioria dos cursos universitários tem, em seu currículo, uma disciplina básica obrigatória de elementos de probabilidade e estatística. Além dos procedimentos de natureza descritiva, associados a análise de dados, fazem parte da ementa dessas disciplinas procedimentos inferenciais, geralmente apresentados dentro da teoria clássica(ou frequentista) de Neyman-Pearson. Não é costume nesta disciplina nem discutir aspectos epistemológicos ligados à inferência estatística e nem incluir a apresentação da escola Bayesiana, como uma possível alternativa. Sabidamente, tal disciplina é um entrave na vida escolar, tanto do aluno como do professor. Do aluno, porque este se depara, em boa parte das vezes, com um oferecimento mecânico da disciplina, sem motivação de natureza aplicada e sem vínculo aparente com sua realidade próxima curricular. Do professor, porque encontra geralmente alunos, além de despreparados com relação aos conceitos primários de incerteza e variabilidade, também com predisposição negativa, devido ao tabu associado à disciplina. Com o intuito de discutir a necessidade do oferecimento das primeiras noções inferenciais nessa disciplina, bem como responder a pergunta qual a inferência que deve ser ensinada numa disciplina básica de um curso universitário? buscamos caracterizar...

Inferência de redes de regulação gênica utilizando o paradigma de crescimento de sementes; Inference of gene regulatory networks using the seed growing paradigm

Higa, Carlos Henrique Aguena
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Um problema importante na área de Biologia Sistêmica é o de inferência de redes de regulação gênica. Os avanços científicos e tecnológicos nos permitem analisar a expressão gênica de milhares de genes simultaneamente. Por "expressão gênica'', estamos nos referindo ao nível de mRNA dentro de uma célula. Devido a esta grande quantidade de dados, métodos matemáticos, estatísticos e computacionais têm sido desenvolvidos com o objetivo de elucidar os mecanismos de regulação gênica presentes nos organismos vivos. Para isso, modelos matemáticos de redes de regulação gênica têm sido propostos, assim como algoritmos para inferir estas redes. Neste trabalho, focamos nestes dois aspectos: modelagem e inferência. Com relação à modelagem, estudamos modelos existentes para o ciclo celular da levedura (Saccharomyces cerevisiae). Após este estudo, propomos um modelo baseado em redes Booleanas probabilísticas sensíveis ao contexto, e em seguida, um aprimoramento deste modelo, utilizando cadeias de Markov não homogêneas. Mostramos os resultados, comparando os nossos modelos com os modelos estudados. Com relação à inferência, propomos um novo algoritmo utilizando o paradigma de crescimento de semente de genes. Neste contexto...

A inferência lexical no texto técnico em inglês

Souza, Maria Helena Guimarães Marques de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
O objetivo deste trabalho é investigar a estratégia de inferência lexical de palavras-chave em textos técnicos de língua inglesa. Os sujeitos da pesquisa são alunos de um curso técnico de Eletrônica, falsos principiantes na língua estrangeira. A análise dos dados é quantitativa e qualitativa. A pesquisa observa o papel do conhecimento prévio dos sujeitos sobre assuntos específicos e as pistas contextuais oferecidas pelo autor de textos técnicos, na inferência lexical. As categorias de familiarização lexical estudadas são: explicação, definição, exemplificação, ilustração, estipulação e sinonímia. Os resultados demonstram uma certa preponderância das estratégias de uso do conhecimento prévio sobre as de uso de pistas contextuais, embora a pesquisa tenha constatado que a interação das duas estratégias seja importante para que a inferência lexical seja produzida com maior sucesso.

Modelos de inferência causal: análise crítica da utilização da estatística na epidemiologia

Czeresnia,Dina; Albuquerque,Maria de Fátima Militão de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/1995 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Discute-se a base de construção do conceito de risco, a partir da descrição do modelo de inferência causal de Rubin, desenvolvido no âmbito da estatística aplicada, e incorporado por uma vertente da epidemiologia. A apresentação das premissas da inferência causal torna visível as passagens lógicas assumidas na construção do conceito de risco, permitindo entendê-lo "por dentro". Esta vertente tenta demonstrar que a estatística é capaz de inferir causalidade ao invés de simplesmente evidenciar associações estatísticas, estimando em um modelo o que é definido como o efeito de uma causa. A partir desta distinção entre procedimentos de inferência causal e de associação, busca-se distinguir também o que seria a dimensão epidemiológica dos conceitos, em contrapartida a uma dimensão simplesmente estatística. Nesse contexto, a abordagem dos conceitos de interação e confusão toma-se mais complexa. Busca-se apontar as reduções que se operam nas passagens da construção metodológica do risco. Tanto no contexto de inferências individuais, quanto populacionais, esta construção metodológica impõe limites que precisam ser considerados nas aplicações teóricas e práticas da epidemiologia.

El desarrollo de la inferencia analógica en niños que viven en sectores urbanos pobres

Orozco-Hormaza,Mariela; Cerchiaro-Ceballos,Elda
Fonte: Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
Se describe el desarrollo de la inferencia analógica en 405 niños de 3, 4 y 5 años, que viven en sectores urbanos pobres de las ciudades Colombianas de Cali y Santa Marta. Con este fin, se les propuso individualmente un problema de inferencia analógica. Los resultados muestran que niños de todas las edades son capaces de solucionar el problema utilizando la estrategia que requiere establecer inferencia y relaciones de analogía, aunque el porcentaje de niños de 5 años que la usa es significativamente mayor que el de los otros dos grupos. Los resultados obtenidos permiten discutir dos tendencias en el desarrollo cognitivo: una centrada en la edad y la otra en el variabilidad intra e inter-individual.

Uma abordagem baseada em sistemas de inferência Fuzzy Takagi-Sugeno aplicada ao planejamento da operação de sistemas hidrotérmicos de geração

Rabêlo,Ricardo de Andrade Lira; Carneiro,Adriano Alber de França Mendes; Fernandes,Ricardo Augusto Souza; Braga,Rosana Teresinha Vaccare
Fonte: Sociedade Brasileira de Automática Publicador: Sociedade Brasileira de Automática
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
O planejamento da operação de sistemas hidrotérmicos de geração, em sistemas com grande participação hidráulica, como é o caso do sistema brasileiro, visa determinar uma política de operação que especifique como as usinas hidroelétricas devem ser operadas, de forma que os recursos hidroelétricos sejam utilizados com economia e confiabilidade. Este trabalho apresenta uma aplicação de sistemas de inferência fuzzy do tipo Takagi-Sugeno, responsável por obter uma política de operação (PBSIF - Política Baseada em Sistema de Inferência Fuzzy) que represente a operação otimizada de reservatórios para geração de energia elétrica, bem como da análise desta política e sua aplicação na simulação da operação de sistemas hidroelétricos. A política proposta é obtida pela otimização da operação energética das usinas hidroelétricas. Desta otimização extraem-se as relações entre a energia armazenada do sistema e o volume do reservatório de cada usina. Estas relações estão representadas nos parâmetros dos consequentes das regras linguísticas fuzzy do modelo de inferência de Takagi-Sugeno. De forma a ilustrar a eficácia da PBSIF, ela foi avaliada por meio da comparação do seu desempenho com a política de operação em paralelo; com a política de operação baseada em aproximações funcionais...

Ajuste de modelos autorregressivos, na forma de modelos lineares dinâmicos, via inferência Bayesiana

Souza,Marcelo Costa; Sáfadi,Thelma
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Os modelos autorregressivos têm sido utilizados para as mais diversas aplicações, a maioria pela análise clássica, na qual os parâmetros são quantidades fixas, não podendo assumir variações ao longo do tempo. Com este trabalho objetivou-se a compreensão de modelos autorregressivos de ordem 2, AR(2), representados na forma de modelos lineares dinâmicos, utilizando como processo de estimação a inferência Bayesiana. O método de Cadeias de Markov Monte Carlo (MCMC) foi utilizado para o cálculo das estimativas a partir da implementação dos algoritmos amostrador de Gibbs e "Forward Filtering, Backward Sampling - FFBS". Com base nos modelos AR(2), apresentaram-se o cálculo e a obtenção das distribuições condicionais completas para todos os parâmetros do modelo. Para avaliar o comportamento e a qualidade do ajuste, utilizaram-se duas cadeias de valores, cada uma com 8000 iterações, para três diferentes tamanhos de séries geradas, com 200, 500 e 800 observações. Como parte da aplicação, ajustou-se a série Canadian Lynx (NICHOLLS e QUIN, 1982) para diferentes fatores de desconto (0,90, 0,95 e 0,99), sendo o erro quadrático médio resultante utilizado para a comparação com o ajuste da mesma série, via inferência clássica. Um melhor ajuste para o modelo com fator de desconto igual a 0...

Sistema Híbrido de Inferência Baseado em Análise de Componentes Principais e Redes Neurais Artificiais Aplicado a Plantas de Processamento de Gás Natural

Linhares, Leandro Luttiane da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica; Automação e Sistemas; Engenharia de Computação; Telecomunicações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica; Automação e Sistemas; Engenharia de Computação; Telecomunicações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.21%
Nowadays, where the market competition requires products with better quality and a constant search for cost savings and a better use of raw materials, the research for more efficient control strategies becomes vital. In Natural Gas Processin Units (NGPUs), as in the most chemical processes, the quality control is accomplished through their products composition. However, the chemical composition analysis has a long measurement time, even when performed by instruments such as gas chromatographs. This fact hinders the development of control strategies to provide a better process yield. The natural gas processing is one of the most important activities in the petroleum industry. The main economic product of a NGPU is the liquefied petroleum gas (LPG). The LPG is ideally composed by propane and butane, however, in practice, its composition has some contaminants, such as ethane and pentane. In this work is proposed an inferential system using neural networks to estimate the ethane and pentane mole fractions in LPG and the propane mole fraction in residual gas. The goal is to provide the values of these estimated variables in every minute using a single multilayer neural network, making it possibly to apply inferential control techniques in order to monitor the LPG quality and to reduce the propane loss in the process. To develop this work a NGPU was simulated in HYSYS R software...

Ajuste de modelos autorregressivos, na forma de modelos lineares dinâmicos, via inferência Bayesiana

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Os modelos autorregressivos têm sido utilizados para as mais diversas aplicações, a maioria pela análise clássica, na qual os parâmetros são quantidades fixas, não podendo assumir variações ao longo do tempo. Com este trabalho objetivou-se a compreensão de modelos autorregressivos de ordem 2, AR(2), representados na forma de modelos lineares dinâmicos, utilizando como processo de estimação a inferência Bayesiana. O método de Cadeias de Markov Monte Carlo (MCMC) foi utilizado para o cálculo das estimativas a partir da implementação dos algoritmos amostrador de Gibbs e "Forward Filtering, Backward Sampling - FFBS". Com base nos modelos AR(2), apresentaram-se o cálculo e a obtenção das distribuições condicionais completas para todos os parâmetros do modelo. Para avaliar o comportamento e a qualidade do ajuste, utilizaram-se duas cadeias de valores, cada uma com 8000 iterações, para três diferentes tamanhos de séries geradas, com 200, 500 e 800 observações. Como parte da aplicação, ajustou-se a série Canadian Lynx (NICHOLLS e QUIN, 1982) para diferentes fatores de desconto (0,90, 0,95 e 0,99), sendo o erro quadrático médio resultante utilizado para a comparação com o ajuste da mesma série, via inferência clássica. Um melhor ajuste para o modelo com fator de desconto igual a 0...

La incertidumbre de la experiencia Tres críticas de Wittgenstein a la concepción inductivista de la inferencia causal

Ramírez Sabogal, Mónica María
Fonte: Pontifícia Universidade Javeriana Publicador: Pontifícia Universidade Javeriana
Tipo: bachelorThesis; Trabajo de Grado Pregrado Formato: Pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
En el presente trabajo dibujamos tres críticas a la concepción inductivista de la inferencia causal. La tesis que defendemos es que dicha concepción de la inferencia causal tiene a su base malentendidos de carácter conceptual. En concreto, el primero apunta a la distinción entre la causalidad y la inducción, el segundo a cómo usamos las expresiones causales y, por último, a la creencia según la cual la inferencia causal sólo puede tener como resultado conocimiento probable. La conclusión de este trabajo es que una perspectiva antropológica permite solucionar los malentendidos que conlleva la concepción inductivista de la inferencia causal.; In the following paper we draw three critiques aimed at the inductive conception of the causal inference. The thesis we defend is that said conception has some misunderstandings at its base, which are of a conceptual kind. In particular, the first one aims at the distinction between causation and induction, the second deals with the usage of causal expressions and, finally, the third one addresses the belief according to which the conclusion of a causal inference constitutes merely probable knowledge. The conclusion of the paper is that an anthropological perspective frames the solution to the misunderstandings the inductive conception of the causal inference entails.

Inferência de gramática formais livres de contexto utilizando computação evolucionária com aplicação em bioinformática

Rodrigues, Ernesto Luis Malta
Fonte: Curitiba Publicador: Curitiba
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 842 KB
Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
Grammatical inference deals with the task of learning a classifier that can recognize a particular pattern in a set of examples. In this work, a new grammatical inference model based on a variant of Genetic Programming is proposed. In this approach, an individual is a list of structured trees representing their productions. Ordinary genetic operators are modified so as to bias the search and two new operators are proposed. The first one, called Incremental Learning, is able to recognize, based on examples, which productions are missing. The second, called Expansion is able to provide the diversity necessary to achieve convergence. In a suite of experiments performed, the proposed model successfully inferred six regular grammars and two context-free grammars: parentheses and palindromes with four letters, including the disjunct one. Results achieved were better than those obtained by recently published algorithms. Nowadays, grammatical inference has been applied to problems of recognition of biological sequences of DNA. In this work, two problems of this class were addressed: recognition of promoters and splice junction detection. In the former, the proposed model obtained results better than other published approaches. In the latter...

Abductio non facit saltus: orígenes kantianos del concepto de inferencia sintética en Charles S. Peirce

Solari Goic, Pablo
Fonte: Universidad de Chile; Programa Cybertesis Publicador: Universidad de Chile; Programa Cybertesis
Tipo: Tesis
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
En la literatura actual el problema de la abducción ha sido abordado desde numerosos ángulos y disciplinas, catalogándose los más diversos fenómenos bajo el rótulo de ‘abducción’. En lógica formal se ha considerado a la abducción como una forma de razonamiento donde no se cumple la propiedad de la ‘monotonía’; desde la psicología computacional y la inteligencia artificial, se ha enfocado a la abducción desde el llamado ‘problema del marco’ —cómo actualizar la base de datos después de una intervención en el mundo—; para la filosofía del lenguaje se ha considerado a la abducción como un proceso de interpretación semiótico. En todas estas aproximaciones se alude a Peirce —y, eventualmente, a otras fuentes históricas— fundamentalmente para mostrar las atractivas intuiciones subyacentes a la idea de una forma de inferencia como la descrita en la sección anterior y para justificar, a continuación, la aplicación que puede dársele en el campo peculiar de interés. La presente investigación pretende aportar a esa discusión identificando algunas de las ideas filosóficas más básicas que inspiraron a Peirce a plantear el concepto de razonamiento hipotético o abductivo. Más específicamente, examino sus orígenes atendiendo a la influencia del marco de la filosofía de Immanuel Kant (1724-1804) sobre la génesis conceptual de esa forma de inferencia. La investigación se centrará en el primer ciclo de escritos filosóficos y lógicos de Peirce...

La inferencia de hechos presuntos en la argumentación probatoria

Peña, Lorenzo; Ausín, Txetxu
Fonte: Conselho Superior de Investigações Científicas Publicador: Conselho Superior de Investigações Científicas
Tipo: Artículo Formato: 118426 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Ofrecemos en este trabajo un estudio de la inferencia presuntiva en el Derecho y, en concreto, un análisis de la naturaleza de la prueba de las presunciones legalmente vinculantes. Defenderemos que las presunciones legales son reglas de inferencia inductiva, haciendo hincapié en su carácter de inferencias teóricas, en el hecho de que establecen determinadas creencias o estados epistémicos y, consiguientemente, rechazaremos que las presunciones sean meros asuntos de decisión, ni razonamientos prácticos, ni simples pautas prudenciales. Asimismo, sostendremos que el establecimiento normativo de reglas de presunción es fruto de la experiencia social y que éstas guardan un estrecho parentesco con las reglas jurídicas que determinan la constitución de situaciones jurídicas bajo ciertos supuestos de hecho. En este sentido, examinaremos qué es lo propio y característico de las reglas de presunción dentro del campo de las obligaciones condicionales. Por último, analizaremos la relación entre reglas de presunción y carga de la prueba, cuestionando la dicotomía entre «verdaderas presunciones» y «verdades interinamente admitidas», para preguntarnos finalmente si las presunciones legales conllevan la obligatoriedad de actos de creencia.; Peer reviewed

Abductive inference and historiography: a conversation for historians and philosophers; Inferência abdutiva e historiografia: uma conversa para historiadores e filósofos

Honenberger, Phillip; Megill, Allan
Fonte: Intelligere: Revista de História Intelectual Publicador: Intelligere: Revista de História Intelectual
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 22/12/2015 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
the article takes the form of a conversation between students in a philosophy seminar of history. The topic of the day is abduction, a form of inference first identified by Charles S. Peirce, that compared and contrasted the deduction and induction. After the teacher introduce the topic and a student summarize the own Peirce’ vision about the abductive inference, students take turns proposing abductive inference models and offering observations on the possible suitability of these models as descriptions or guides for an investigation or historical explanation. A student proposes that the difference of abduction, contrasting with the deduction and induction is just that abduction infers that the conclusion is possible rather than required (deduction) or probable (induction). Some students offer objections to this characterization and discussion then moves towards a number of other proposals to understand the very abduction, as well as the distinction between particularity and historical whole, the character of the historical explanation and evidence of the role in the evaluation of historical theses.; o artigo toma a forma de uma conversa entre estudantes em um seminário de filosofia da história. O tópico do dia é abdução, uma forma de inferência identificada pela primeira vez por Charles S. Peirce...

Modelos de inferência causal: análise crítica da utilização da estatística na epidemiologia; Models of causal inference: advances in and the obstacles to the growing use of statistics in epidemiology

Czeresnia, Dina; Albuquerque, Maria de Fátima Militão de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/1995 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Discute-se a base de construção do conceito de risco, a partir da descrição do modelo de inferência causal de Rubin, desenvolvido no âmbito da estatística aplicada, e incorporado por uma vertente da epidemiologia. A apresentação das premissas da inferência causal torna visível as passagens lógicas assumidas na construção do conceito de risco, permitindo entendê-lo "por dentro". Esta vertente tenta demonstrar que a estatística é capaz de inferir causalidade ao invés de simplesmente evidenciar associações estatísticas, estimando em um modelo o que é definido como o efeito de uma causa. A partir desta distinção entre procedimentos de inferência causal e de associação, busca-se distinguir também o que seria a dimensão epidemiológica dos conceitos, em contrapartida a uma dimensão simplesmente estatística. Nesse contexto, a abordagem dos conceitos de interação e confusão toma-se mais complexa. Busca-se apontar as reduções que se operam nas passagens da construção metodológica do risco. Tanto no contexto de inferências individuais, quanto populacionais, esta construção metodológica impõe limites que precisam ser considerados nas aplicações teóricas e práticas da epidemiologia.; The foundations on which the concept of risk has been constructed are discussed. A description of Rubin's model of causal inference...

Text mining e inferencia de defensas en el análisis del discurso en psicología

Stein-Sparvieri,Elena
Fonte: Subjetividad y procesos cognitivos Publicador: Subjetividad y procesos cognitivos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.15%
El text mining es una técnica empleada en el análisis del discurso, utilizada cada vez más por las herramientas informáticas que identifican información clave. Consiste en extraer del discurso únicamente los datos que presentan un interés para el investigador. El presente trabajo explica algunas de las técnicas de TM en el análisis del discurso en psicología. Se consideran los siguientes puntos: a) extracción de información de interés específico en el discurso del paciente, b) clasificación de la información de acuerdo con patrones observados, c) evaluación, interpretación de los resultados, d) organización de los resultados en bases de datos, e) elaboración de hipótesis a partir de los resultados. En este marco, el trabajo muestra la posibilidad de inferencia de las defensas empleadas en el nivel verbal del discurso del paciente / terapeuta analizado con la metodología algoritmo David Liberman (ADL) a partir de las nuevas técnicas informáticas de procesamiento del lenguaje, específicamente a partir de la implementación de la herramienta GATE de Procesamiento de Lenguaje Natural (PLN) para el ADL. Con el fin de justificar la inferencia de defensas en el análisis automático del discurso se expone la teoría freudiana en cuanto a: a) defensas centrales...

Modelos de inferência causal: análise crítica da utilização da estatística na epidemiologia

Czeresnia,Dina; Albuquerque,Maria de Fátima Militão de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/1995 Português
Relevância na Pesquisa
37.08%
Discute-se a base de construção do conceito de risco, a partir da descrição do modelo de inferência causal de Rubin, desenvolvido no âmbito da estatística aplicada, e incorporado por uma vertente da epidemiologia. A apresentação das premissas da inferência causal torna visível as passagens lógicas assumidas na construção do conceito de risco, permitindo entendê-lo "por dentro". Esta vertente tenta demonstrar que a estatística é capaz de inferir causalidade ao invés de simplesmente evidenciar associações estatísticas, estimando em um modelo o que é definido como o efeito de uma causa. A partir desta distinção entre procedimentos de inferência causal e de associação, busca-se distinguir também o que seria a dimensão epidemiológica dos conceitos, em contrapartida a uma dimensão simplesmente estatística. Nesse contexto, a abordagem dos conceitos de interação e confusão toma-se mais complexa. Busca-se apontar as reduções que se operam nas passagens da construção metodológica do risco. Tanto no contexto de inferências individuais, quanto populacionais, esta construção metodológica impõe limites que precisam ser considerados nas aplicações teóricas e práticas da epidemiologia.