Página 1 dos resultados de 1190 itens digitais encontrados em 0.017 segundos

Sistema de indicadores de sustentabilidade: uma aplicação ao contexto de desenvolvimento do turismo na região de Bueno Brandão, Estado de Minas Gerais, Brasil; A system of sustainability indicators: the case of an application to tourism development in the Bueno Brandão region, Minas Gerais state, Brazil

Hanai, Frederico Yuri
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/07/2009 Português
Relevância na Pesquisa
106.22%
A presente pesquisa teve como objetivo principal investigar e elaborar instrumentos e procedimentos para a proposição do Sistema de Indicadores de Sustentabilidade do Desenvolvimento do Turismo (SISDTur), utilizando-se abordagem participativa e envolvendo a comunidade local do município de Bueno Brandão-MG, localizado na região da bacia hidrográfica de montante do rio Mogi-Guaçu, no sul do estado de Minas Gerais, Brasil. As preocupações com os problemas e desafios socioeconômicos e ambientais, relacionados ao uso dos recursos hídricos e à estrita dependência econômica da produção agropecuária nesta região remetem à necessidade e proposição de oportunidades de desenvolvimento local, visando propiciar melhores condições de vida aos moradores locais. A inserção do turismo, no contexto de novas perspectivas de desenvolvimento, torna-se alternativa socioeconômica emergente, exigindo a elaboração e aplicação de procedimentos, instrumentos e indicadores que verifiquem e avaliem a efetivação das condições de sustentabilidade (ambiental, social, econômica, cultural e institucional) do desenvolvimento do turismo. Assim, o processo de desenvolvimento da pesquisa envolveu: a contextualização do desenvolvimento sustentável e da sustentabilidade aplicada ao turismo; a análise das condições atuais do desenvolvimento turístico na região; a elaboração e a aplicação do programa de sensibilização turística; a abordagem conceitual e tipológica de indicadores...

Estudo sobre resíduos sólidos em postos de combustíveis, funilarias e estabelecimentos de lavagem automotiva no município de São Carlos, visando indicadores de sustentabilidade; Study on solid wastes in gas stations, car body repair and painting shops and car wash establishments in São Carlos city, to compose sustainability indicators

Neves, Anne Alessandra Cardoso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/08/2010 Português
Relevância na Pesquisa
106.11%
A presente pesquisa teve como objetivo levantar dados básicos para posterior composição de indicadores de sustentabilidade, em postos de combustíveis, funilarias e estabelecimentos de lavagem automotiva no município de São Carlos, tendo em vista a busca de soluções para questões sociais, ambientais e econômicas que garantam sustentabilidade nesses tipos de empresas. Foram feitas visitas com entrevistas e aplicação de questionários em cada estabelecimento, coletados resíduos sólidos industriais em quatro estabelecimentos de cada tipo de empresa e em seguida caracterizados esses resíduos. Para a classificação de resíduos foram feitos ensaios de lixiviação e solubilização. Os produtos mais utilizados nas empresas estudadas foram classificados como classe I-perigosos. Apesar disso, os resíduos coletados foram classificados como não perigosos, classe II A - não inertes, possivelmente devido à dissolução dos produtos perigosos. Com base no tratamento dos dados obtidos determinaram-se alguns indicadores que, por vezes, mostraram-se mais eficientes quando analisados em conjunto com outros. Ao se confrontar Indicadores de Consumo com Indicadores de Produção, por exemplo, pôde-se prever a dimensão de lucros e prejuízos sociais...

Avaliação de indicadores de gestão e sustentabilidade para o Porto de Santos - SP; Evaluation of management and sustainability indicators for port of Santos SP.

Pasqual, Renato
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/05/2011 Português
Relevância na Pesquisa
96.24%
O presente estudo trata da análise do uso de indicadores de sustentabilidade no porto de Santos SP. Procura levantar a problemática da utilização deste tipo de indicador para as atividades portuárias, sua importância e dificuldades. A pesquisa bibliográfica e documental de caráter exploratório buscou o correto entendimento do contexto atual de operação do porto de Santos SP, e as possibilidades de melhoria da gestão portuária para a sustentabilidade. Com base em uma metodologia amplamente aceita internacionalmente - o GRI (Global Reporting Initiative) e análise de informações coletadas junto à autoridade portuária - CODESP (Companhia Docas do Estado de São Paulo) - o estudo apresenta uma proposta de estrutura de indicadores para a gestão e relato de sustentabilidade com base nos atuais indicadores de gestão do porto. O porto de Santos atualmente utiliza como ferramenta de monitoramento de suas atividades um sistema de indicadores de gestão que é composto por 70 indicadores, em sua maioria operacionais. A proposta apresentada foi estruturada em um grupo de indicadores para cada dimensão considerada essencial para a avaliação de sustentabilidade do porto econômica (4 indicadores), ambiental (11 indicadores) e social (5 indicadores). Perante o objetivo geral apresentado para este trabalho...

Indicadores de sustentabilidade urbana: aplicação ao conjunto habitacional "Parque Residencial Manaus/AM; Urban sustainability indicators: application to public housing 'Parque Residencial Manaus/AM'

Guilhon, Vanessa Valdez
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2011 Português
Relevância na Pesquisa
106.16%
Esta pesquisa propõe a aplicação de indicadores de sustentabilidade urbana em um conjunto habitacional, na cidade de Manaus/AM, a partir de princípios de desenvolvimento sustentável investigados em experiências bem sucedidas na Europa e no Brasil. Os exemplos pesquisados, denominados bairros sustentáveis, são iniciativas urbanísticas comprometidas com os indicadores de desenvolvimento sustentável que propõem um novo modelo de ocupação urbana. Este modelo prioriza o uso racional de recursos naturais, a utilização de materiais ecológicos, de fontes renováveis de energia, o controle de resíduos, a reutilização da água das chuvas, incentivos para o 'não uso de carros' promovendo o pedestre, o ciclista e o transporte público com impactos na melhoria na qualidade de vida de seus moradores. Para tanto, a metodologia pauta-se em um corpus teórico das idéias que tem sido discutidas sobre a sustentabilidade em proposições que se apresentam com distintas adjetivações como: "Desenvolvimento Sustentável", "Ecodesenvolvimento", "Sociedades Sustentáveis", "Comunidades Sustentáveis", termos estes, abordados nos Acordos/Encontros Internacionais, configurando-se como um panorama histórico da questão ambiental e a cidade. Segue-se com as definições de indicadores...

O peso das palavras, o choque dos ideais: uma análise crítica dos indicadores de sustentabilidade como critérios para a gestão da comunicação organizacional; The weight of words, the clash of ideals: a critical analysis of Indicators of Sustainability criteria for the management of Organizational Communication.

Silva, Eduardo Augusto da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2011 Português
Relevância na Pesquisa
106.18%
Uma nova ordem mundial está exigindo posturas efetivamente diferenciadas das organizações, de todos os setores e esferas, acompanhadas pela crescente vigilância da sociedade através de mecanismos de avaliação de suas atividades. No intuito de definir parâmetros éticos, foram e estão sendo desenvolvidos modelos de prestação de contas das atividades corporativas. Por meio deles, pretende-se que a sociedade e o mercado assumam o papel de auditores do processo e da transparência nos resultados sociais alcançados. Alguns desses mecanismos são os cada vez mais propagados Indicadores de Responsabilidade Social Corporativa e, mais recentemente, os Indicadores de Sustentabilidade, que parecem buscar responder mais adequadamente aos anseios de uma consciência social, muito assustada com o presente e o futuro do planeta. O objetivo geral desta pesquisa foi analisar se as Políticas de Comunicação Organizacional podem se utilizar dos principais modelos e guias de avaliação das ações corporativas como critérios efetivos de certificação nos âmbitos da RSC e da Sustentabilidade, sem configurar em estratégias reducionistas de promoção da imagem institucional e mercadológica. O método de pesquisa utilizado neste trabalho foi o estudo de caso...

Indicadores de sustentabilidade ambiental sob a ótica da lógica de ciclo de vida.; Environmental sustainability indicators under the life cycle thinking perspective.

Viñas, Rafael Selvaggio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
106.18%
Sob um escopo abrangente, o desafio associado à busca do desenvolvimento sustentável pode ser interpretado como o desafio de realizar decisões baseadas em algumas concisas informações. Diversas informações são publicadas utilizando técnicas para mensuração de desempenho ambiental, a exemplo dos indicadores de sustentabilidade, de forma a entender o que está acontecendo e auxiliar tomadas de decisão. O objetivo da dissertação pode ser descrito como avaliar a hipótese que um indicador de sustentabilidade ambiental deve ser calculado através de Lógica de Ciclo de Vida. Neste contexto uma forma simplificada de conceituar sustentabilidade é garantir que o consumo de recursos naturais não esgote sua disponibilidade. Uma vez que as necessidades humanas (manutenção do bem-estar humano) são atendidas por meio de produtos, compreende-se que todo o consumo de recursos naturais ocorre ao longo do ciclo de vida de um produto (bem ou serviço). Este trabalho define Indicador de Sustentabilidade (Ambiental) como a reunião de parâmetros que represente a informação sobre consumo de recursos naturais devido a toda interação antrópica com o meio ambiente. São necessárias ferramentas quantitativas que auxiliem tomadores de decisão a compreender o consumo de recursos naturais ao longo do ciclo de vida de produtos. A Lógica de Ciclo de Vida - LCV - oferece uma imagem diferenciada e completa da remoção de recursos da natureza...

O desafio da integração da sustentabilidade no sistema de mensuração de desempenho corporativo: contribuições de um estudo bibliométrico e estudos de casos.; The challenge of integrating sustainability into corporate performance measurement system: contributions of a bibliometric study and case studies.

Morioka, Sandra Naomi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2014 Português
Relevância na Pesquisa
96.23%
O termo sustentabilidade corporativa refere-se à capacidade de uma organização de sobreviver no longo prazo, mantendo-se (minimamente) lucrativa para que possa exercer suas atividades com cada vez menos impactos negativos ambientais e mais benefícios sociais. Considerando a lógica de que a empresa é aquilo que ela é capaz de mensurar, organizações sustentáveis demandam sistemas gerenciais de mensuração de desempenho que estejam alinhadas ao desenvolvimento sustentável. Assim, o presente estudo se propõe a discutir a seguinte pergunta de pesquisa: Como é inserida a sustentabilidade nos sistemas de mensuração de desempenho corporativos? Para isso, são propostos dois objetivos de pesquisa: (i) levantar os sistemas de mensuração de desempenho de sustentabilidade e explorar seus principais desafios; e (ii) explorar a importância relativa dada pelas empresas em relação aos indicadores de sustentabilidade. Para isso, a pesquisa conta com uma revisão sistemática da literatura e estudos de casos multissetoriais (um piloto e quatro exploratórios). A pesquisa traz evidências de que a temática de indicadores de sustentabilidade é ainda incipiente e pouco estruturada, com potencial de melhorar o aproveitamento da literatura já consolidada de sistemas de mensuração de desempenho. O estudo bibliométrico conta com (i) estatística descritiva...

Indicadores de sustentabilidade na gestão de resíduos sólidos urbanos e implicações para a saúde humana; Sustainability indicators in urban solid waste management and implications for human health

Veiga, Tatiane Bonametti
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/11/2014 Português
Relevância na Pesquisa
106.12%
A Política Nacional de Resíduos Sólidos, com foco na gestão integrada e sustentável de resíduos sólidos, vem estimulando discussões para a construção de um conhecimento científico e fomentando um processo de mudança direcionado para um novo modelo de desenvolvimento humano e socioambiental. Nessa perspectiva, os gestores devem tomar suas decisões pautadas, não somente nas atuais exigências legais, mas principalmente na busca pelo desenvolvimento sustentável e pela promoção da saúde humana. Esta pesquisa teve como objetivo construir uma lista de indicadores de sustentabilidade para gestão de resíduos sólidos urbanos e implicações para a saúde humana, com base nas diretrizes dessa política. A coleta de dados, embasada na técnica Delphi, foi realizada em 3 etapas, usando escala de mensuração do grau de importância desses indicadores para obtenção do consenso entre pesquisadores da área de resíduos sólidos, captados do Banco de Dados de Grupos de Pesquisas do CNPq. A primeira etapa contou com 52 sujeitos que analisaram, primeiramente, 43 indicadores (13 ambientais, 8 sociais, 10 econômicos, 7 institucionais e 5 da saúde), atribuindo grau de importância para cada um deles. Como resultado...

Monitoramento de áreas de proteção ambiental através de indicadores de sustentabilidade; Monitoring of environmental protection areas through sustainability indicators

Gonçalves, Diego Lustre
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/11/2014 Português
Relevância na Pesquisa
106.09%
O sucesso da gestão de uma Área de Proteção Ambiental é algo impreciso e de difícil classificação. APAs são Unidades de Conservação de Uso Sustentável que integram tanto áreas públicas quanto privadas em seu território. Visam tanto à conservação e manejo de seus recursos naturais como melhoria da qualidade de vida da população que ali vive. Além disso, trata-se de UCs carentes de mecanismos de monitoramento e relativamente desvalorizadas no âmbito científico e da gestão pública. Entendendo que as APAs seguem os pressupostos do conceito de Desenvolvimento Sustentável (DS), buscamos nos chamados indicadores de sustentabilidade uma possibilidade de mensuração de sua gestão. Tendo a Teoria Geral dos Sistemas como principal embasamento teórico, procuramos analisar as APAs sob um olhar sistêmico. Utilizando como procedimentos metodológicos a pesquisa bibliográfica e a pesquisa experimental, buscamos exemplos sobre modelos existentes e integração destes com as características singulares às APAs. Assim, foram obtidas variáveis de análise sistêmicas e estruturais com as quais foi possível definir forma, estrutura e processos do Sistema APA. Como resultado, construímos um modelo prévio ou esboço metodológico para o monitoramento da gestão de APAs com vistas em atingir o DS. Esse modelo faz uso de indicadores de sustentabilidade que abrangem as dimensões ambiental...

Análise do desenvolvimento de indicadores para a avaliação de sustentabilidade de edifícios brasileiros; Analysis of indicators development for sustainability assessment of Brazilian buildings

Paula Roberta de Moraes Baratella
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
106.22%
Indicadores de sustentabilidade de edifícios são necessários para a avaliação de seu desempenho e impactos, para a definição de metas, avaliação de práticas típicas e para melhorar a qualidade da construção. No Brasil, notam-se esforços para definir indicadores de sustentabilidade nas diferentes escalas do espaço construído, que, no entanto, variam largamente e são definidos segundo critérios e metodologias não necessariamente replicáveis. Este trabalho tem o objetivo de analisar procedimentos metodológicos para o desenvolvimento de indicadores de edifícios no Brasil. Inicialmente, apesar da falta de métodos padronizados, um grupo de etapas fundamentais para o desenvolvimento de indicadores de sustentabilidade é identificado e uma análise final busca verificar a aderência de tal processo em métodos de certificação de sustentabilidade de edifícios disponíveis no Brasil (LEEDTM e Processo AQUA). O setor da construção é estratégico, mas também gera numerosos impactos que não podem ser ignorados. Para se movimentar em direção à sustentabilidade, a indústria da construção necessita de informação sobre seu desempenho, tendências e fatores de pressão. Um indicador é um parâmetro que provê informação e comunica fenômenos complexos de maneira simplificada...

Um Modelo de gestão pública por indicadores de sustentabilidade em associação com observatórios urbanos

Amin, Esperidião
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 203 p.| il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
96.17%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2010; A necessidade de superar os entraves que comprometem a eficiência e a eficácia da gestão pública tem impulsionado a criação e disseminação de instrumentos destinados à aferição de desempenho. Esta constatação enseja o problema de pesquisa: "de que modo os indicadores de sustentabilidade, em associação com observatórios urbanos, podem se constituir em instrumentos de aprimoramento da gestão pública?". O objetivo da presente pesquisa é propor um modelo de gestão pública com base nos indicadores de sustentabilidade controlados e acompanhados por observatórios urbanos. Os esforços para "reinventar" a administração pública resultam na adoção de modelos de gestão por indicadores. Indicadores são expressões reduzidas da realidade social, econômica ou ambiental que se pretende avaliar e melhorar. No desenvolvimento de modelos de gestão por indicadores, dois aspectos têm importância crucial: a legitimidade e confiabilidade dos indicadores e a relevância de seu foco para a sociedade. O primeiro aspect pode ser satisfatoriamente atendido pela incorporação - como auditor externo - dos Observatórios Urbanos...

Desenvolvimento sustentável: evolução e indicadores de sustentabilidade

Debali, Juan Carlos
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 90 f.
Português
Relevância na Pesquisa
106.06%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Economia.; Na atualidade, o termo desenvolvimento sustentável é citado com freqüência pelo governo empresas e pela própria sociedade. Compreender a origem desse termo e o mais recente debate deste assunto envolvendo indicadores de sustentabilidade é importante para uma noção ampla de tudo aquilo que o envolve. A trajetória teórica do conceito desenvolvimento econômico, por um lado, e a evolução da preocupação envolvendo a relação da economia com o meio ambiente ao longo dos últimos séculos, pelo outro, constituem a base sobre a qual se originou esse termo. Dessa forma, é possível entender de que forma a preocupação evoluiu a tal ponto a influenciar o surgimento do termo desenvolvimento sustentável que abraça toda a teoria do desenvolvimento e o atual conceito de sustentabilidade. O principal desafio atual dentro deste assunto consiste na elaboração de indicadores que lhe sirvam como ferramentas de avaliação e de ação. Este desafio constitui um passo importante para a consolidação do desenvolvimento sustentável como uma nova teoria de desenvolvimento econômico alternativa às teorias tradicionais.

Indicadores de sustentabilidade para a gestão municipal de resíduos sólidos urbanos: um estudo para São Carlos (SP)

Polaz,Carla Natacha Marcolino; Teixeira,Bernardo Arantes do Nascimento
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2009 Português
Relevância na Pesquisa
106.14%
Uma forma de operacionalizar o conceito de sustentabilidade é por meio da utilização de indicadores, um instrumento que pode auxiliar os gestores públicos no processo decisório. Este trabalho teve como objetivo a proposição de indicadores de sustentabilidade para a gestão de Resíduos Sólidos Urbanos (RSU) em São Carlos (SP), sob a perspectiva de cinco dimensões: ambiental, econômica, social, política e cultural. A estratégia adotada para a elaboração dos indicadores foi a identificação dos problemas prioritários para a gestão de RSU por meio de consultas aos gestores municipais. Isto resultou em um conjunto de 15 indicadores, cujos valores expressam sua tendência favorável, desfavorável ou muito desfavorável à sustentabilidade. Esta experiência mostrou que a implementação de um sistema de indicadores deve envolver a participação de diferentes agentes sociais, a fim de legitimar o uso efetivo desta importante ferramenta.

Matriz de indicadores de sustentabilidade para a gestão de resíduos sólidos urbanos

Santiago,Leila Santos; Dias,Sandra Maria Furiam
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
106.08%
O artigo apresenta uma matriz de indicadores de sustentabilidade para a gestão de resíduos sólidos urbanos e a forma de sua construção. A construção foi realizada baseando-se em informações adquiridas em referências nacionais e internacionais. Os indicadores foram organizados em uma matriz preliminar, a qual passou por um processo de validação externa, com especialistas, por meio do método Delphi. Para a realização deste método foram necessárias duas rodadas. A matriz final possui 6 dimensões de sustentabilidade: política, tecnológica, econômica/financeira, ambiental/ecológica, conhecimento e inclusão social, contemplando 42 indicadores e 126 descritores. A matriz elaborada poderá ser utilizada como instrumento de avaliação e planejamento da gestão dos resíduos sólidos em municípios.

Indicadores de sustentabilidade na avaliação de granjas suinícolas

Gomes,Luciana Paulo; Peruzatto,Marcelo; Santos,Vanessa Schweitzer dos; Sellitto,Miguel Afonso
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental - ABES
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
106.03%
A suinocultura atual caracteriza-se pela produção intensiva em unidades de confinamento. Esse modelo, além de consumir recursos naturais, gera muitos resíduos, que necessitam de adequado tratamento. Foi objetivo deste trabalho avaliar a prática da sustentabilidade em granjas suinícolas. Um novo método de avaliação - Sistema de Indicadores de Sustentabilidade da Suinocultura (SISS) - foi proposto e aplicado em granjas com diferentes sistemas de manejo: esterqueiras, biodigestores, compostagem e sobre camas. O SISS demonstrou ser eficiente, de fácil aplicação e abrangente para a prática da suinocultura. Granjas com compostagem apresentaram maior conjunto de práticas sustentáveis. O sistema sobre camas obteve as piores avaliações. Salienta-se a necessidade da ação conjunta dos integrantes da cadeia produtiva para que a atividade seja considerada sustentável.

Indicadores de sustentabilidade: um levantamento dos principais sistemas de avaliação

Van Bellen,Hans Michael
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2004 Português
Relevância na Pesquisa
106.06%
Este artigo apresenta os resultados de um levantamento cujo objetivo é determinar as principais metodologias de avaliação para mensurar a sustentabilidade do desenvolvimento. Para isso, discute a crise ambiental e suas principais conseqüências, até o surgimento do conceito de desenvolvimento sustentável. Esse conceito, por sua vez, é observado a partir de diferentes abordagens que visam evidenciar a necessidade de um conhecimento mais aprofundado dos diferentes sistemas de indicadores de sustentabilidade e de sua utilização. Sistemas de indicadores de desenvolvimento sustentável podem constituir uma importante ferramenta de gestão ambiental, pública ou privada, à medida que consigam orientar e mensurar o desenvolvimento. Entretanto, para alcançar esse objetivo, é necessário conhecer melhor as metodologias existentes. Nesse sentido, o primeiro passo para conhecer melhor as ferramentas de avaliação do desenvolvimento é determinar quais as mais importantes em termos de reconhecimento internacional.

Inserção das uinidades e conservação na sustentabilidade regional: o caso do sub-médio São Francisco

Virgínia Vieira de Melo, Ana; Augusto Pessoa Braga, Ricardo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
Português
Relevância na Pesquisa
96.2%
A presente dissertação se propõe a avaliar o papel das Unidades de Conservação- Parque Nacional do Catimbau e a Apa da Chapada do Araripe na sustentabilidade socioambiental do submédio São Francisco, a partir da apresentação e discussão dos conceitos de desenvolvimento sustentável e Governança, do levantamento dos instrumentos de gestão, previstos na legislação ambiental brasileira para as áreas protegidas. Em seguida é apresentado o estado da arte das UCs estudadas inseridas no contexto regional dos municípios de abrangência das UCs. Os indicadores de sustentabilidade empregados na pesquisa, foram definidos a partir de diretrizes que, de certa forma, emanam do conceito de desenvolvimento sustentável e da Agenda 21. Na proposição dos indicadores de sustentabilidade para a área de estudo optamos pelo marco ordenador proposto pela comissão de Desenvolvimento sustentável CDS, das Nações Unidas e, adotado no Brasil pelo IBGE, na organização dos indicadores e, quatro dimensões: Ambbiental, Social, Econômica e Institucional. Os indicadores de sustentabilidade são instrumentos importantes para nortear a gestão integrada e participativa das UCs por considerar aspectos sociais, ambientais, econômicos e institucionais. Com base na metodologia adotada na pesquisa...

A pegada de carbono como um dos indicadores de sustentabilidade para medição da responsabilidade socioambiental empresarial: um estudo de caso na unidade sede da Petrobras em Natal-RN; Carbon footprint as a sustainability indicator of corporative social-environmental responsibility measurement: a study case in seat unity of Petrobras at Natal-Brazil

Andrade, Ricardo Teixeira Gregório de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção; Estratégia; Qualidade; Gestão Ambiental; Gestão da Produção e Operações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção; Estratégia; Qualidade; Gestão Ambiental; Gestão da Produção e Operações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
105.94%
As a contemporary tendency, it is been evidenced that the environmental changes theme, already admitted as a concernment to international economical and political reality, is also gaining repercussion on industrial and business sector. Firms are implementing actions on trial to minimize their own greenhouse gases (GHG) emissions impacts. However, the great majority of those actions of Corporative Social-Environmental Responsibility (CSR) are referred only to direct emissions of the main production systems. Direct emissions are those derived of an isolate process, without considering the upstream and downstream processes emissions, which respond for the majority of emissions originated because of respective firm‟s production system existence. Because the greenhouse effect occurs globally and the GHG emissions contribute to the environmental changes independently of their origin, it must be taken into account the whole productive life cycle of products and systems, since the energy invested on resources extraction and necessary materials to the final disposal. To do so, it must be investigated all relevant steps of a product/production system life cycle, tracking all activities which emit greenhouse gases, directly or indirectly. This amount of emissions consists in the firm‟s Carbon Footprint. This research purpose is to defend the Carbon Footprint relevance and its adoption viability to be used as an Environmental Indicator on measurement/assessment of CSR. It has been realized a study case on Petrobras‟s seat unity at Natal-Brazil...

Indicadores de desempenho sustentável na construção: estudo de caso

Seguro, Hélia Costa
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
96.17%
A utilização de indicadores voltados para a medição da sustentabilidade económica, ambiental e social nas empresas, tem tomado proporções de importância significativa no mundo e no país. Nesta tese, faz-se uma resenha histórica sobre a temática do desenvolvimento sustentável, reporta-se a importância das organizações produzirem um relatório de sustentabilidade, segundo as diretrizes da GRI – Global Reporting Initiative e conceituam-se indicadores de desempenho sustentável, que constituem uma ferramenta importante na tomada de decisão comprometida com o desenvolvimento sustentável, bem como outros termos relevantes. Os relatórios de sustentabilidade são o resultado de um processo que visa identificar, medir, divulgar e prestar contas sobre as ações das empresas com vista à sustentabilidade. Este tipo de comunicação permite atenuar o risco, e por vezes prevê-lo, proteger a imagem da empresa e assegurar uma posição competitiva. As vantagens vão desde a sensibilização dos colaboradores para as metas da empresa, relativamente ao desenvolvimento sustentável, até à atração de capital a longo prazo e condições de financiamento favoráveis. Assim, as empresas e todas as partes interessadas têm um instrumento que possibilita dialogar e implantar um processo de melhoria contínua do desempenho rumo ao desenvolvimento sustentável. Neste sentido...

Indicadores de sustentabilidade empresarial no Brasil : uma avaliação do Relatório do CEBDS

Vieira de Azevedo, Ana Luísa
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Article; info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
116.11%
Este artigo se baseia na dissertação de Mestrado da autora em Estudos Populacionais e Pesquisas Sociais, realizada na Escola Nacional de Ciências Estatísticas (ENCE), vinculada ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O estudo teve como objetivo avaliar o Relatório de Sustentabilidade Empresarial (RSE) produzido pelo Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS), divulgado no ano de 2002. A escolha do Relatório de Sustentabilidade Empresarial do CEBDS, como objeto de pesquisa, foi em função deste relatório representar uma iniciativa de um grupo de empresas organizado para a disseminação do conceito de desenvolvimento sustentável no Brasil. Desta forma, foi realizado um levantamento de quais indicadores as empresas disponibilizaram neste relatório, observando a freqüência com que os mesmos foram usados, considerando também se estas empresas disponibilizaram dados quantitativos e qualitativos e quais destes tipos de informações foram mais divulgadas. Assim, foram consideradas na análise as dimensões econômicas, sociais e ambientais, a fim de se observar como as empresas participantes do relatório expressam suas práticas em prol do desenvolvimento sustentável. Considera-se que a divulgação de bons indicadores de sustentabilidade demonstra de forma eficaz o comprometimento das empresas em relação à questão.; This paper is based on the author’s master dissertation on Population Studies and Social Research developed at the “Escola Nacional de Ciências Estatísticas – National School for Statistical Sciences (ENCE)”...