Página 1 dos resultados de 20 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Effect of the kappa-casein gene polymorphism, breed and seasonality on physicochemical characteristics, composition and stability of bovine milk; Efeito do polimorfismo do gene da kappa-caseína, da raça e da sazonalidade sobre as características físico-químicas, de composição e de estabilidade do leite bovino

BOTARO, Bruno Garcia; LIMA, Ygor Vinícius Real de; CORTINHAS, Cristina Simões; SILVA, Luís Felipe Prada e; RENNÓ, Francisco Palma; SANTOS, Marcos Veiga dos
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
47.06%
The objective of this study was to evaluate the effect of genetic polymorphism of kappa-casein, breed and seasonality on the physicochemical characteristics, composition and stability of milk in commercial dairy herds. A total of 879 milk and blood samples were collected from 603 Holstein and 276 Girolando cows, obtained during rainy and dry seasons. Milk samples were analyzed to determine the physicochemical characteristics, composition and ethanol stability, while blood samples were subjected to polymerase chain reaction to identify the kappa-casein genotype. The frequencies of genotypes AA, AB and BB of k-casein were respectively, 66.83, 31.84 and 1.33% for Holstein, and 71.38, 27.90 and 0.72% for the Girolando cows, respectively. The A allele was more frequent than the B allele, both for Holstein (0.827 and 0.173) and Girolando cows (0.853 and 0.147), respectively. Cows of AB and BB genotypes showed a higher milk fat content compared to the AA genotype. There was an interaction between breed and seasonality on the concentration of milk urea with higher values for Holstein and Girolando cows in the rainy and dry season, respectively. The levels of lactose, total solids, crude protein, true protein, casein and the casein:true protein ratio were higher during the dry season...

Associação entre polimorfismos genéticos e parâmetros da curva de crescimento em bovinos de corte.; Association between genetic polymorphisms and growth curve parameters in beef cattle.

Paz, Claudia Cristina Paro de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2002 Português
Relevância na Pesquisa
26.28%
Foram analisadas informações provenientes de um experimento de avaliação de sistemas cruzamento entre raças bovinas de corte, executado na Embrapa Pecuária Sudeste, com o objetivo de avaliar o efeito dos polimorfismos genéticos da kappa-caseína-HinfI (CSN3): AA e AB, do hormônio do crescimento-AluI (GH): LL e LV e da b-lactoglobulina-HaeIII (LGB): AA, AB e BB sobre a curva de crescimento de bovinos de três grupos genéticos, ½Nelore+½Canchim (NC), ½Nelore+½Aberdeen-Angus (NA) e ½Nelore+½Simental (NS), nascidos nos anos de 1998 e 1999. Os pesos foram medidos ao nascimento, ao desmame e mensalmente dos 8 aos 19 meses de idade. As análises foram realizadas por meio de duas abordagens. Na primeira, as estimativas dos parâmetros A (valor assintótico), k (taxa de maturação) e m (ponto de inflexão) obtidas do modelo Logístico, ajustado para descrever o crescimento de cada animal, foram analisados usando um modelo linear, que incluiu além do efeito do genótipo, o qual foi formado pela concatenação dos polimorfismos genéticos de CSN3, GH e LGB (G1=AALLAA, G2=AALLAB, G3=AALLBB, G4=AALVAB, G5=AALVBB, G6=ABLLAA, G7=ABLLAB, G8=ABLLBB, G9=ABLVAA, G10=ABLVAB e G11=ABLVBB), o ano de nascimento, o sexo e o manejo alimentar. Para os animais do grupo genético NC...

Variantes genéticas de kappa-caseína em vacas leiteiras e características físico-químicas e de composição do leite ; Kappa-casein polimorphism in dairy cows and, physico-chemical properties and composition of milk

Lima, Ygor Vinicius Real de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/12/2005 Português
Relevância na Pesquisa
67.24%
Os objetivos gerais do presente estudo foram avaliar o efeito do polimorfismo genético da kappa-caseína, da raça e da estação do ano sobre as características físico-químicas (acidez, pH e crioscopia), composição (gordura, lactose, sólidos totais, contagem de células somáticas, uréia, proteína bruta, proteína verdadeira, nitrogênio não protéico e nitrogênio não caseinoso) e estabilidade do leite. Foram selecionados 11 rebanhos leiteiros comerciais, sendo cinco deles da raça Holandesa e seis da raça Girolanda, dos quais foram amostradas em média 122 vacas em lactação por rebanho, totalizando 1350 vacas amostradas em três períodos: 2 no período seco e 1 no período chuvoso. As vacas selecionadas foram analisadas quanto a composição e propriedades físico-químicas do leite, assim como para a determinação do polimorfismo de kappa-caseína. O presente trabalho foi dividido em dois estudos, no primeiro avaliou-se os efeitos da raça e estação do ano sobre características físico-químicas, composição e estabilidade do leite. Foi observado efeito de raça sobre acidez titulável, pH, lactose, uréia e estabilidade do leite. O efeito de sazonalidade mostrou-se significativo sobre pH, crioscopia, teores de lactose...

Composição e características físico-químicas do leite instável não ácido (LINA) na região de Casa Branca, Estado de São Paulo; Composition and physical-chemical characteristics of unstable non-acid milk in the region of Casa Branca - São Paulo State

Lopes, Ludmila Camargo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
36.94%
O objetivo do estudo foi determinar a composição e as características físico-químicas (pH, acidez, estabilidade ao álcool, sólidos totais, gordura, lactose, teor de extrato seco desengordurado e proteína total), contagem de células somáticas (CCS) e as frações de caseína (α-S1, α-S2, β e κ) dos leites identificados como leite instável não ácido (LINA) e de leites estáveis à prova de álcool a 78% (v/v). A amostragem contemplou todas as propriedades leiteiras fornecedoras de leite de um laticínio localizado no município de Casa Branca - Estado de São Paulo, nos meses de março, maio, julho e setembro de 2007. Considerou-se, como critério de identificação de LINA, a amostra de leite de conjunto de cada propriedade que apresentasse instabilidade à prova do álcool a 72% (v/v) e acidez inferior a 18ºD. Do total de amostras instáveis ao teste do álcool a 72% (v/v), 64,77% foram identificadas como LINA. A freqüência de amostras de LINA variou de acordo com o mês de amostragem, indicando uma possível influência sazonal sobre a ocorrência deste problema nos rebanhos analisados. No mês de julho, a incidência de LINA foi maior, coincidindo com o período seco, quando a disponibilidade e a qualidade das forragens são reduzidas. No mês de setembro...

Efeitos da contagem de células somáticas sobre a qualidade do leite semidesnatado e creme de leite pasteurizado; Effects of somatic cell count on the quality of pasteurized semi-skimmed and milk cream

Coelho, Viviane Ribeiro Pinheiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
26.86%
O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos dos níveis de contagem de células somáticas (CCS) sobre as características físico-químicas e microbiológicas do leite semidesnatado e do creme de leite pasteurizados, ao longo de 28 e 30 dias de estocagem sob refrigeração. As frações protéicas do leite semidesnatado e o perfil de ácidos graxos do creme de leite pasteurizados foram pesquisados nos dias 1, 7, 14, 21 e 28 e 1, 10, 20 e 30 dias após a produção de cada produto. Foram definidos três grupos experimentais com baixa (< 100.000 cél.mL-1), intermediária (400.000 a 500.000 cél.mL-1) e alta (>750.000 cél.mL-1) CCS. O leite utilizado para compor cada grupo, em quatro repetições, foi coletado na granja leiteira da Fazenda da Aeronáutica, na cidade de Pirassununga-SP. O leite in natura de cada grupo foi submetido a desnate para obtenção do creme e do leite semidesnatado, tratados termicamente por pasteurização lenta e rápida, nesta sequência, seguido do envase asséptico em garrafas de polietileno de alta densidade (PEAD). No leite in natura, o percentual de gordura foi menor (P<0,05) no grupo com baixa CCS em relação aos demais grupos. Observou-se, ainda para o leite in natura, maior teor de proteínas (3...

Detecção e contagem de Staphylococcus aureus causador da mastite bovina em amostras de leite pelo método de quantificação da reação em cadeia da polimerase em tempo real; Detection and counting of bovine mastitis causative Staphylococcus aureus in milk samples by real-time polymerase chain reaction method

Botaro, Bruno Garcia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
16.28%
Os objetivos do presente estudo foram os de verificar a validade do método de reação em cadeia da polimerase em tempo real (qPCR) para detectar e quantificar o Staphylococcus aureus em amostras de leite conservadas com bronopol oriundas de quartos mamários bovinos subclinicamente infectados, e de avaliar os efeitos da presença e da quantidade de células da bactéria sobre a contagem de células somáticas (CCS), a composição do leite (lactose, gordura, proteína bruta, proteína verdadeira e caseína), e a produção de leite de quartos mamários bovinos subclinicamente infectados pelo patógeno. Para a quantificação do S. aureus e das células somáticas bovinas por meio do qPCR, foi utilizado leite cru bovino para o preparo dos padrões como meio de diluição da inoculação seriada de células somáticas e do S. aureus ATCC 29213, e construídas as equações log10UFC = 37,86 23,54 log10CtSAU e log10CCS = 49,3 - 34,0 log10CtBMCB, com base nos resultados obtidos pelas metodologias de referência para cada procedimento. Para testar a equivalência dessas equações aos respectivos métodos de referência, determinar a sensibilidade e especificidade analíticas e a repetibilidade do método proposto, foram coletadas amostras de leite dos quartos mamários de 60 animais de 2 rebanhos leiteiros da região de Pirassununga dos quais se determinou previamente a ocorrência de casos subclínicos de mastite por S. aureus. Dos quartos mamários também foram mensuradas as produções e coletadas amostras de leite para análise de composição...

Modelos para a produção de eritropoietina recombinante humana in vivo e in vitro com vetores plasmideais em ovinos; Models for the production of human recombinant erythropoietin in vivo and in vitro with plasmidial vectors in ovine

Giassetti, Mariana Ianello
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
26.97%
Para produção de biofármacos protéicos, como a eritropoietina recombinante humana (EPOrh), são necessárias alterações pós-traducionais adequadas que garantam a sua especificidade e atividade biológica. Essas características são obtidas apenas em biorretores baseados em células eucarióticas, como as da glândula mamária. Sistemas baseados nesse tipo celular, tanto in vivo quanto in vitro, já são utilizados para produção estratégica e viável de proteínas recombinantes biologicamente ativas. Assim, tanto o estabelecimento de novas linhagens de células mamárias que apresentem boa expressão protéica quanto o desenvolvimento de sistemas in vivo que utilizem a estrutura da glândula mamária para essa produção de proteínas recombinantes são de grande valia. O presente trabalho teve como objetivo comparar dois métodos de estabelecimento de uma cultura de células de glândula mamárias ovinas, enzimático e não enzimático, e verificar sua capacidade de expressão das proteínas do leite β-lactoglobulina, α-caseína, β-caseína e κ-caseína mediante o tratamento com SFB (soro fetal bovino) ou SOL (soro de ovelha lactante), na presença ou não de Matrigel. Para isso, foi realizado um experimento in vitro...

Polimorfismos genéticos da kappa-caseína e da beta-lactoglobulina e produção de leite em bovinos

Stipp, A.T.; Bignardi, P.R.; Poli-Frederico, R.C.; Sivieri, K.; Costa, M.R.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 275-280
Português
Relevância na Pesquisa
46.61%
As variantes gênicas da beta-lactoglobulina (β-LG) e da kappa-caseína (κ-CN) bovinas são associadas à produção, qualidade e características de processamento do leite. O objetivo deste trabalho foi analisar as frequências dos genótipos AA, AB e BB, por meio da técnica de PCR-RFLP, da β-LG e da κ-CN bovinas, e suas associações com a produção de leite (kg leite/dia) em bovinos das raças Girolanda, Holandesa e Jersey. Para a κ-CN, a frequência do genótipo AA foi maior nos animais das raças Holandesa (37%) e Girolanda (63%). Na raça Jersey, houve predomínio do genótipo BB (60%). Para a β-LG, o genótipo AB foi o mais encontrado nas raças Girolanda (54%) e Holandesa (58%), enquanto nos animais da raça Jersey houve predomínio do genótipo BB (45%). Houve associação do alelo B da κ-CN com maior produtividade leiteira nas raças Girolanda e Holandesa, e do alelo A da β-LG com maior produtividade de leite na raça Jersey. As variantes genéticas da κ-CN podem ser usadas como marcadores na seleção para a produtividade leiteira nas raças Girolanda e Holandesa. Para a raça Jersey, as variantes da β-LG seriam mais adequadas para essa seleção.; Bovine beta-lactoglobulin (β-LG) and kappa-casein (κ-CN) genic variants are associated with productivity...

Análise comparativa de genes das caseínas de búfalo

Naressi, Bruna Cristina Machado
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiii, 58 p. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
26.36%
Pós-graduação em Genética e Melhoramento Animal - FCAV; Among milk proteins, the caseins (alpha-s1, alpha-s2, beta- and kappa-casein) play a crucial role considering their high nutritional value and physicochemical characteristics which contribute to the manufacture of dairy products. These proteins are encoded by the CSN1S1, CSN1S2, CSN2 and CSN3 genes, respectively. In order to analyze the buffalo casein genes and compare the sequences with other species, the goal of the present study was to identify, characterize and sequence clones from a buffalo genomic library. A total of 33,792 clones were evaluated, and two clones were identified as positive, one for the CSN1S1 gene (clone A/2) and other for the CSN3 gene (clone L/8). The DNA sequence from clone A/2 identified the whole CSN1S1 and a partial sequence from the CSN2 genes. The DNA sequence from clone L/8 revealed a partial sequence from the CSN3 gene. The CSN1S1 gene presented a total of 17,008 bp organized in 19 exons ranging from 24 bp to 380 bp and 18 introns ranging from 90 bp to 1,710 bp. Comparative analysis showed sequence conservation higher than 85% on exons and introns of the CSN1S1 gene when compared with the cattle gene sequence. The partial sequence from the CSN2 gene included exon 9 and part of intron 8...

Polimorfismos genéticos da kappa-caseína e da beta-lactoglobulina e produção de leite em bovinos

Stipp,A.T.; Bignardi,P.R.; Poli-Frederico,R.C.; Sivieri,K.; Costa,M.R.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2013 Português
Relevância na Pesquisa
46.53%
As variantes gênicas da beta-lactoglobulina (β-LG) e da kappa-caseína (κ-CN) bovinas são associadas à produção, qualidade e características de processamento do leite. O objetivo deste trabalho foi analisar as frequências dos genótipos AA, AB e BB, por meio da técnica de PCR-RFLP, da β-LG e da κ-CN bovinas, e suas associações com a produção de leite (kg leite/dia) em bovinos das raças Girolanda, Holandesa e Jersey. Para a κ-CN, a frequência do genótipo AA foi maior nos animais das raças Holandesa (37%) e Girolanda (63%). Na raça Jersey, houve predomínio do genótipo BB (60%). Para a β-LG, o genótipo AB foi o mais encontrado nas raças Girolanda (54%) e Holandesa (58%), enquanto nos animais da raça Jersey houve predomínio do genótipo BB (45%). Houve associação do alelo B da κ-CN com maior produtividade leiteira nas raças Girolanda e Holandesa, e do alelo A da β-LG com maior produtividade de leite na raça Jersey. As variantes genéticas da κ-CN podem ser usadas como marcadores na seleção para a produtividade leiteira nas raças Girolanda e Holandesa. Para a raça Jersey, as variantes da β-LG seriam mais adequadas para essa seleção.

Influência de polimorfismos genéticos sobre os parâmetros da curva de crescimento em bovinos de corte

Paro de Paz,Claudia Cristina; Packer,Irineu Umberto; Freitas,Alfredo Ribeiro de; Tambasco-Talhari,Daniela; Regitano,Luciana Correa de Almeida; Alencar,Maurício Mello de; Rodrigues,Armando de Andrade
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2004 Português
Relevância na Pesquisa
26.11%
Registros de pesos ao nascimento, ao desmame e mensais dos 8 aos 19 meses de idade, referentes à animais dos grupos genéticos: ½Canchim-Nelore (CN), ½Angus-Nelore (AN) e ½Simental-Nelore (SN), pertencentes à Embrapa Pecuária Sudeste, São Carlos, SP, foram analisados pela técnica de modelos não-lineares incluindo, no modelo Logístico, os efeitos fixos de grupo de contemporâneos e das classes de genótipos dos genes da kappa-caseína-HinfI (CSN3): AA e AB, do hormônio do crescimento-AluI (GH): LL e LV e da beta-lactoglobulina-HaeIII (LGB): AA, AB e BB, com o objetivo de verificar a influência destes genes sobre a curva de crescimento desses animais. Os resultados sugerem que os parâmetros A e k da função Logística utilizada para descrever o crescimento dos grupos genéticos CN, AN e SN, foram influenciados pelos polimorfismos dos genes CSN3, GH e LGB. As maiores diferenças entre os genótipos para os genes CSN3, GH e LGB foram observadas a partir dos 12-13 meses de idade. O genótipo AA para CSN3 apresentou maior taxa de maturação (k) que o genótipo AB nos grupos genéticos CN, AN e SN. Quanto ao valor assintótico (A), a diferença entre AA e AB foi pequena nos grupos genéticos CN e SN. Para o polimorfismo do GH no grupo genético AN...

Ajuste de modelos não-lineares em estudos de associação entre polimorfismos genéticos e crescimento em bovinos de corte

Paro de Paz,Claudia Cristina; Packer,Irineu Umberto; Freitas,Alfredo Ribeiro de; Tambasco-Talhari,Daniela; Regitano,Luciana Correa de Almeida; Alencar,Maurício Mello de; Cruz,Geraldo Maria da
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 Português
Relevância na Pesquisa
26.11%
Foram utilizados dados de peso ao nascimento, ao desmame e mensais dos 8 aos 19 meses de idade de 11 classes de genótipos, formadas pela concatenação dos polimorfismos genéticos da kappa-caseína-HinfI (CSN3): AA e AB, do hormônio do crescimento-AluI (GH): LL e LV e da beta-lactoglobulina-HaeIII (LGB): AA, AB e BB (G1=AALLAA, G2=AALLAB, G3=AALLBB, G4=AALVAB, G5=AALVBB, G6=ABLLAA, G7=ABLLAB, G8=ABLLBB, G9=ABLVAA, G10=ABLVAB e G11=ABLVBB). As informações foram obtidas de animais de três grupos genéticos: ½Canchim-Nelore (CN), ½Angus-Nelore (AN) e ½Simental-Nelore (SN), nascidos em 1998 e 1999 e pertencentes à Embrapa Pecuária Sudeste, São Carlos, SP. Dos cinco modelos estudados: Brody, Von Bertalanffy, Richards, Gompertz e Logístico, o último apresentou melhor qualidade de ajuste. As estimativas dos parâmetros A (valor assintótico), k (taxa de maturação) e m (ponto de inflexão) obtidas do modelo Logístico, ajustado para descrever o crescimento de cada animal, foram analisadas pelo método dos quadrados mínimos, por meio de um modelo linear, que incluiu, além da média geral, o efeito do genótipo, o ano de nascimento, o sexo e o manejo alimentar. Para os animais do grupo genético CN, os genótipos influenciaram significativamente as estimativas dos parâmetros A e k da curva de crescimento. O genótipo G3 apresentou valor inferior de A e superior de k em relação aos genótipos G7 e G8. Quanto aos grupos genéticos AN e SN...

Ajuste de modelos não lineares no estudo de associação entre polimorfismos genéticos e o crescimento em bovinos de corte.

PAZ, C. C. P. de; FREITAS, A. R.; PACKER, I. U.; TAMBASCO TALHARI, D.; REGITANO, L. C. de A.; ALENCAR, M. M. de
Fonte: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 40., 2003, Santa Maria, RS. Anais... Santa Maria: SBZ, 2003. 4f.1 CD-ROM. Publicador: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 40., 2003, Santa Maria, RS. Anais... Santa Maria: SBZ, 2003. 4f.1 CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
26.11%
Foram utilizados dados de peso ao nascimento, ao desmame e mensais dos 8 aos 19 meses de idade de 11 classes de genótipos formadas pela concatenação dos polimorfismos genéticos da kappa-caseína-HinfI (CSN3): AA e AB, do hormônio do crescimento-AluI (GH): LL e LV e da b-lactoglobulina-HaeIII (LGB): AA, AB e BB. As informações foram obtidas de animais de três grupos genéticos: ½Canchim-Nelore (CN), ½Angus-Nelore (AN) e ½Simental-Nelore (SN), nascidos em 1998 e 1999 e pertencentes à Embrapa Pecuária Sudeste, São Carlos, SP. Dos cinco modelos estudados: Brody, Von Bertalanffy, Richards, Gompertz e Logístico, o último apresentou melhor qualidade do ajuste. As estimativas dos parâmetros A (valor assintótico), k (taxa de maturação) e m (ponto de inflexão) obtidas do modelo Logístico, ajustado para descrever o crescimento de cada animal, foram analisadas pelo método dos quadrados mínimos, por meio de um modelo linear, que incluiu além da média geral, os efeitos de genótipo, ano de nascimento, sexo e manejo alimentar. Para os animais do grupo genético CN, os genótipos influenciaram significativamente as estimativas dos parâmetros A e k da curva de crescimento. O genótipo AALLBB apresentou valor inferior de A e superior de k em relação aos genótipos ABLLAB e ABLLBB. A aplicação da técnica de modelos não lineares em estudos de associação entre polimorfismos genéticos e o crescimento proporcionou uma análise detalhada do desenvolvimento dos animais de diferentes genótipos estudados.; 2003

Produtos regionais derivados de leite de cabras e perspectivas de mercado para o Brasil.

EGITO, A. S. do; LAGUNA, L. E.
Fonte: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 43., 2006, João Pessoa. Produção animal em biomas tropicais: anais dos simpósios. João Pessoa: Sociedade Brasileira de Zootecnia, 2006. p. 703-715. Publicador: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 43., 2006, João Pessoa. Produção animal em biomas tropicais: anais dos simpósios. João Pessoa: Sociedade Brasileira de Zootecnia, 2006. p. 703-715.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
26.36%
No Brasil, e especificamente no Nordeste, apesar do mercado potencial, a produção e processamento de leite de cabra ainda e incipiente, necessitando, portanto, de majores estudos quanta a tecnologia de fabricação de queijos artesanais e industriais, implantação e adaptação de novas tipos de queijos, bem como, tipificação e proteção dos queijos tradicionais como o Coalho, que após serem produzidos de maneira segura e com qualidade superior, podera ser perfeitamente tipificado e protegido, a exemplo dos queijos artesanais franceses fabricados com leite de cabra. Desde 1990, estudos realizados na Embrapa Caprinos, tern mostrado a possibilidade de fabricação de queijos Europeus como tipo Pelardon, Ricota, Tome, entre outros. Na perspectiva de obtenção de novos produtos derivados do leite, foram realizados experimentos visando a identificação de proteases vegetais e sua aplicabilidade na fabricação de queijos artesanais. Em resultados preliminares, observou-se que sementes de girassol (Helianthus annuus) tinham atividade coagulante no leite de cabra e vaca. Foi utilizada a K-caseina bovina como substrato modelo para proteases obtidas de sementes de girassol e comparado com quimosina. Um peptideo com mesma mobilidade eletroforetica de para-kappa-caseina foi observado mostrando o potencial deste extrato vegetal na fabricação de queijos. A identificação de novas enzimas...

Quantificação das frequências dos alelos A e B do gene de Kappa-caseina em diferentes raças bovinas.

KEMENES, P. A.; COUTINHO, L. L.; REGITANO, L. C. de A.
Fonte: Revista Brasileira de Genética, Ribeirão Preto, SP, v.19, n.3 supl, p.198, 1996. Publicador: Revista Brasileira de Genética, Ribeirão Preto, SP, v.19, n.3 supl, p.198, 1996.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
46.53%
1996

Frequências dos alelos "A" e "B" do gene de KAPPA-Caseina em diferentes gerações de bovinos da raça Canchim.

REGITANO, L. C. de A.; COUTINHO, L. L.; KEMENES, P. A.; SILVA, N. A.
Fonte: In: CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA, 41., 1995, Caxambu, MG. Anais... Caxambu: SBG, 1995. Publicador: In: CONGRESSO NACIONAL DE GENÉTICA, 41., 1995, Caxambu, MG. Anais... Caxambu: SBG, 1995.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
46.53%
1995

Polimorfismo do gene KAPPA-caseína e microssatélite IGF-I na raça Nelore.

ROSA, A. J. M.; REGITANO, L. C. A.; PACKER, I. U.; RAZOOK, A. G.; FIGUEIREDO, L. A.; COUTINHO, L. L.
Fonte: In: SIMPÓSIO NACIONAL DE MELHORAMENTO ANIMAL, 1., 1996. Ribeirão Preto. Anais... Viçosa: SBMA, 1996. Publicador: In: SIMPÓSIO NACIONAL DE MELHORAMENTO ANIMAL, 1., 1996. Ribeirão Preto. Anais... Viçosa: SBMA, 1996.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Formato: p.238-239.
Português
Relevância na Pesquisa
26.11%
1996

Genetic polymorphism in goat study of the kappa casein, the betalactlobulin and the coenzyme a desaturasegenes /

Yahyaoui, Mohamed Habib
Fonte: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em //2004 Português
Relevância na Pesquisa
26.11%
Consultable des del TDX; Descripció del recurs: el 5 de maig de 2004; Títol obtingut de la pantalla digitalitzada; Vegeu mhyresum1de1.pdf

COMPARATIVE STUDY OF K-CASEIN OBTENTION BY UREA FRACTIONING AND GEL SEPHADEX FILTRATION; ESTUDO COMPARATIVO DE OBTENÇÃO DA KAPPA-CASEÍNA POR FRACIONAMENTO COM URÉIA E FILTRAÇÃO EM GEL SEPHADEX

BENEDET, HONÓRIO DOMINGOS; Universidade Federal de Santa Catarina
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 28/05/2009 Português
Relevância na Pesquisa
46.53%
This work aims to compare the obtention of k-casein as to its purity, yielding and obtention rate. It was concluded that casein fractioning with urea separates k-casein with a high degree of purity. Both methods showed practically identical eletrophoretic resu1ts, while the Sephadex filtration method gives some advantages.; O presente trabalho teve como objetivo comparar a obtenção de k-caseína em termos de pureza, rendimento e rapidez de obtenção. Concluiu-se que o fracionamento da caseína por uréia separa em alto grau de pureza a K-caseína. Os dois métodos apresentaram resultados eletroforéticos praticamente iguais, sendo que o método da filtração em gel Sephadex oferece algumas vantagens.

Polimorfismo genético de la kappa-caseína en ganado criollo limonero

Rojas,Inioska; Aranguren -Méndez,José; Portillo,María; Villasmil-Ontiveros,Yenen; Valbuena,Emiro; Rincón,Xomaira; Contreras,Gloria; Yañez,Luis
Fonte: UNIVERSIDAD DEL ZULIA Publicador: UNIVERSIDAD DEL ZULIA
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.36%
Con el objeto de estudiar el polimorfismo del gen CSN3 en la raza bovina Criollo Limonero, se extrajeron muestras séricas de 163 individuos (machos y hembras), los cuales fueron caracterizados mediante la técnica PCR-RFLP. Los resultados obtenidos indican que las frecuencias encontradas correspondieron a 0,11; 0,56 y 0,33 para los AA, AB y BB, respectivamente, correspondiendo a frecuencias alélicas de 0,39 para el alelo A y 0,61 para el B, respectivamente. Cabe destacar que a partir de esta información de la CSN3 y su relación con caracteres, tales como la producción de leche y rendimiento quesero, se pueden llevar a cabo planes de mejoramiento asistido por marcadores, garantizando el mantenimiento de la variabilidad genética de estas poblaciones locales que se caracterizan por censos reducidos y la amenaza constante por cruzamientos con razas mejoradoras o comerciales, que buscan incrementar el volumen de producción de leche en detrimento de la calidad del producto; así mismo, se indica la ventaja potencial que presenta la leche del ganado Criollo Limonero en la producción de quesos, por mostrar mayoritariamente alelos del tipo B de la CSN3.