Página 1 dos resultados de 693 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

Impacto de treinamento auditivo na avaliação perceptivo-auditiva da voz realizada por estudantes de Fonoaudiologia; Impact of auditory training for perceptual assessment of voice executed by undergraduate students in Speech-Language Pathology

Silva, Regiane Serafim Abreu; Simões-Zenari, Marcia; Nemr, Nair Kátia
Fonte: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
76.02%
OBJETIVO: Analisar o impacto de treino auditivo na avaliação perceptivo-auditiva da voz realizada por estudantes de Fonoaudiologia. MÉTODOS: Durante dois semestres, 17 estudantes que cursavam disciplinas teóricas de fonação (Fonação/Distúrbios da Fonação) analisaram amostras de vozes alteradas e não alteradas (selecionadas para este estudo), por meio da escala GRBAS. Todos receberam treinamento auditivo durante um total de nove encontros semanais, com cerca de 15 minutos de duração cada. Em cada encontro foi apresentado um parâmetro, por meio de vozes diferentes da amostra avaliada, com predominância no aspecto treinado. A avaliação das amostras por meio da escala foi realizada pré e pós o treinamento e em outros quatro momentos ao longo dos encontros. As avaliações dos alunos foram comparadas com uma avaliação de juízas, realizada previamente por três fonoaudiólogos, especialistas em voz. Para verificar a efetividade do treinamento foi usado o teste de Friedman e Índice de Concordância Kappa. RESULTADOS: O índice de acertos dos alunos no momento pré-treinamento foi considerado entre regular e bom. Observou-se manutenção do número de acertos ao longo das avaliações realizadas, para a maioria dos parâmetros da escala. No momento pós-treinamento observou-se melhora na análise da astenia...

Análise acústica da voz de indivíduos na terceira idade ; Acoustic analysis the voice the elderly speakers

Santos, Ivani Rosa dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/03/2005 Português
Relevância na Pesquisa
86.16%
O envelhecimento vocal é chamado de presbifonia e consiste na deterioração da voz pela idade. É resultante de um processo de modificações anatômicas e fisiológicas ocorridas na laringe e que interferem na qualidade de voz. Este estudo teve como objetivo analisar acusticamente vozes de indivíduos na terceira idade, investigando as diferenças nos parâmetros acústicos da voz entre jovens adultos e a população geriátrica. Os parâmetros acústicos vocais consistem a forma de caracterizar o sinal da voz. Realizou-se uma entrevista inicial com os participantes, posteriormente foram feitas a aquisição e análise acústica das vozes, com o intuito de obter os parâmetros quantitativos específicos. Os participantes foram divididos em dois grupos experimentais: 180 indivíduos da terceira idade e 52 jovens-adultos, de ambos os gêneros. O programa de análise acústica utilizado foi “Análise de Voz” que possui instrumentos que avaliam vários parâmetros acústicos: um osciloscópio; medidor de intensidade vocal; analisador de espectro; jitter; shimmer; nivelamento espectral de resíduos (SFR), nivelamento de filtro inverso (SFF); amplitude de pitch (PA); coeficiente de excesso (EX) e freqüência fundamental (F0). Os participantes apresentavam bom estado de saúde geral...

Características acústicas da voz em diferentes posturas corporais; Voice acoustics characteristics in different corporal postures

Carneiro, Paula Rossi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/06/2009 Português
Relevância na Pesquisa
76.17%
A influência das alterações posturais na produção da voz é um assunto bastante interessante e de grande importância para aqueles que utilizam a voz profissionalmente. O objetivo do presente estudo é identificar a influência no sinal vocal de um mesmo indivíduo quando este muda sua postura corporal. Foram realizadas as análises de 25 amostras vocais de um indivíduo que emitiu a vogal sustentada /a/ em três diferentes posturas corporais: A) ortostática natural do sujeito; B) anteriorização da cabeça associada com extensão da coluna cervical; e C) aumento da cifose torácica associada com anteriorização de cabeça. O indivíduo foi fotografado simultaneamente ao processo de gravação da voz. As posturas foram avaliadas por fotogrametria pelo programa Corel Draw 10. A voz foi analisada por análise acústica por meio do programa MDVP inserido no software Multi Speech 3700 da Kay Elemetric Corporation e pela avaliação perceptivo-auditiva da voz. O resultado comparativo entre as amostras vocais nas posturas A e B foi significante, na análise acústica, na variável e jitter (%); e na avaliação perceptivo-auditiva, as diferenças observadas foram referentes à qualidade vocal, à ressonância e ao pitch, que se tornou mais agudo em 56% das amostras. Na comparação das posturas A e C...

Análise perceptivo-auditiva e acústica da voz relacionada ao tempo de execução do exercício de vibração sonorizada de língua em mulheres com nódulos vocais; Auditory perceptual and acoustic analysis related to tongue trills performance time in dysphonic women with vocal nodules

Menezes, Marcia Helena Moreira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2010 Português
Relevância na Pesquisa
86.12%
A presente pesquisa teve como objetivo verificar se o tempo de execução do exercício de vibração sonorizada de língua interfere nas respostas perceptivoauditivas e acústicas da voz em mulheres com nódulos vocais. Além disso, se propôs identificar em qual momento há predomínio de respostas vocais positivas e negativas ao longo de sete minutos de execução deste exercício. Para tanto, participaram da pesquisa 27 mulheres, com idade entre 18 e 45 anos, disfônicas, com nódulos de pregas vocais. Todos os sujeitos da pesquisa foram incluídos no Grupo Experimental (GE), o qual realizou o Exercício de Vibração Sonorizada de Língua (EVSL) e apenas dez deles participaram também do Grupo-Controle (GC), onde foi feito o exercício placebo. Ambos foram realizados por sete minutos. As vozes foram registradas antes e após o primeiro, terceiro, quinto e sétimo minutos de execução dos exercícios e analisadas perceptivo- auditiva e acusticamente. Na análise perceptivo-auditiva, elas foram estudadas individualmente por meio do Protocolo CAPEV e aos pares, de forma comparativa, com a identificação da melhor voz para cada par examinado. Na análise acústica, utilizou-se o software VoxMetria versão 2.7h da CTS Informática na função Qualidade Vocal. Foram considerados os valores de frequência fundamental...

Efeito de diferentes estratégias de codificação dos processadores de fala na voz de crianças usuárias de implante coclear; Effect of different speech processors coding strategies on the voice of children with cochlear implants

Coelho, Ana Cristina de Castro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
76.06%
O implante coclear tem como objetivo promover a percepção auditiva de indivíduos com deficiência auditiva de grau severo e profundo. Seu uso resulta na otimização do desenvolvimento da linguagem, da fala e da produção vocal de seus usuários. Esse dispositivo tem se mostrado uma das tecnologias mais efetivas e promissoras para remediar a perda auditiva, sendo que seus resultados são altamente dependentes da estratégia de codificação selecionada no processador de fala. O objetivo deste trabalho foi comparar as características perceptivas e acústicas da voz de crianças deficientes auditivas usuárias de implante coclear que utilizam as estratégias de codificação de fala Advanced Combination Encoder (ACE) e Fine Structure Processing (FSP), bem como investigar se as vozes dessas crianças se diferenciam das de crianças ouvintes. Crianças de 3 anos a 5 anos e 11 meses de idade foram selecionadas. Foi realizada análise acústica da vogal /a/ por meio do Multi Dimentional Voice Program (MDVP), da fala encadeada e da conversa espontânea por meio do Real Time Pitch (RTP), e análise perceptiva das mesmas emissões por meio de escalas visuais analógicas de parâmetros pré-selecionados. Em comparação com os usuários da estratégia ACE...

Curso a distância para professores: Conhecendo os segredos da voz e da expressividade; Distance course for teachers: Knowing the Secrets of Voice and Expressiveness

Santos, Aline Robertina dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
76.05%
O professor necessita ter uma voz saudável, com boa qualidade e um bom desempenho comunicativo para obter sucesso profissional. O uso da internet pode facilitar o acesso destes profissionais a tais informações. O presente estudo objetivou elaborar um curso à distância para professores sobre saúde vocal e expressividade que capacite essa população a cuidar da voz e aprimorar a comunicação em sala de aula e que traga satisfação aos usuários. Foi desenvolvido um site com conteúdo teórico intitulado Conhecendo os Segredos da Voz e da Expressividade, o qual foi disponibilizado para os professores em 3 módulos: 1º- A voz e os problemas de voz; 2º- Saúde Vocal e 3º- A voz e a oratória em sala de aula. Participaram efetivamente desta pesquisa 10 professores, sendo 9 mulheres e 1 homem, com idades entre 25 e 54 anos, pertencentes a escolas públicas de ensino Fundamental e Médio dos municípios de Bauru, Suzano e Poá, do estado de São Paulo. Os participantes responderam a questionários antes e após a conclusão do curso, que teve duração de no máximo 30 dias. Para verificar o conhecimento e os hábitos dos participantes antes e após o curso, os resultados dos questionários foram submetidos à análise estatística (teste t pareado). Após o curso foi aplicado um questionário de satisfação...

Parâmetros acústicos e perceptivo-auditivos da voz de adultos e idosos; Acoustic and perceptual parameters of adults and elderly´s voice

Santos, Aline Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
76.13%
Estudos revelam que homens e mulheres apresentam modificações vocais em decorrência do envelhecimento, entretanto, a maioria compara indivíduos jovens e idosos, agrupando-os em grandes intervalos etários. Estudar indivíduos da faixa etária próximas à terceira idade e compará-los em menores intervalos etários pode ser mais sensível para evidenciar características importantes. Objetivou-se verificar: quais as diferenças dos parâmetros acústicos e perceptivo-auditivos da voz de homens e mulheres de diversas décadas etárias; quais características vocais modificam com o avanço da idade, e determinar a relação entre as características perceptivo-auditivas e acústicas nessa população. Participaram do estudo 125 homens e 140 mulheres, com idades entre 30 e 79 anos, agrupados por décadas etárias. Por meio de uma escala analógica visual, foram avaliados, por três juízes, o grau geral do desvio vocal (G), rugosidade (R) e soprosidade (S) de fala encadeada e vogal sustentada. Foram analisados por meio do programa Mult Dimension Voice Program (KayPentax) os parâmetros frequência fundamental (F0), desvio-padrão da F0 (dp F0), jitter (%), shimmer (%), proporção ruído-harmonico (NHR), índice de turbulência vocal (VTI) e índice de fonação suave (SPI). A comparação entre os grupos foi realizada por meio de ANOVA e Tukey...

Pastores evangélicos: sintomas vocais e laringofaríngeos, qualidade vocal e perfil de participação em atividades vocais

Martins Muniz, Perla do Nascimento
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/02/2013 Português
Relevância na Pesquisa
76.25%
O presente estudo buscou: investigar sintomas vocais e laringofaríngeos, qualidade vocal, autorreferência a desconforto em trato vocal, e perfil de participação em atividades vocais de pastores evangélicos, comparando com os mesmos aspectos de homens não profissionais da voz; verificar a correlação entre o perfil de participação em atividades vocais e a qualidade vocal, autorreferência a sintomas vocais, sensações laringofaríngeas e desconforto em trato vocal, tanto para pastores quanto para não profissionais da voz. Foram avaliados 60 indivíduos, sexo masculino, divididos em grupos: experimental e controle. Foram aplicados os instrumentos: Condição de Produção Vocal (CPV) para caracterização da amostra e verificação dos sintomas vocais e sensações laringofaríngeas; Escala de Desconforto em Trato Vocal (EDTV) e Perfil de Participação em Atividades Vocais (PPAV), bem como a análise perceptivo-auditiva da voz dos participantes. Os resultados foram analisados estatisticamente, considerando o nível de significância 5%. Pastores evangélicos referiram, em maior frequência que homens não profissionais da voz: pigarro (p=0.019), tosse com catarro (p=0.015), ardor na garganta (p=0.028), secreção/catarro na garganta (p<0.001)...

Nasalância e nasalidade da voz traqueoesofágica de laringectomizados totais; Nasalance and nasality of tracheoesophageal speech in total laryngectomee.

Defina-Iqueda, Adriana Pereira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/05/2013 Português
Relevância na Pesquisa
86.03%
A laringectomia total que resulta em perda da fonte sonora e na reabilitação por meio da voz traqueoesofágica, com a prótese fonatória, tem sido amplamente empregada por apresentar resultados satisfatórios e pela rápida reabilitação. Para a produção sonora traqueoesofágica, participam o esôfago, a transição faringoeosofágica e a faringe. A orofaringe e a rinofaringe mantêm-se preservadas após a laringectomia total e fazem parte do mecanismo de ressonância vocal. Porém, nada se sabe a respeito da interferência da rinofaringe para a produção da voz traqueoesofágica. Por este motivo, o objetivo deste estudo foi determinar os valores da nasalância e a nasalidade da voz traqueoesofágica em laringectomizados totais, usuários de prótese (grupo estudo), falantes do português brasileiro e comparar com falantes laríngeos (grupo controle). O estudo contou com a participação de 25 laringectomizados totais, usuários de prótese traqueoesofágica, destes, 20 homens e cinco mulheres, com idade entre 45 e 82 anos e média de 61 anos e cinco meses. O grupo controle foi composto de 40 voluntários, 28 homens e 12 mulheres, com idade entre 44 e 80 anos e média de 61 anos e nove meses. Todos os participantes foram submetidos ao exame nasovideoendoscópico para avaliação anatomofuncional da rinofaringe e do mecanismo velofaríngeo...

Análise acústica não linear da voz pós laringectomia parcial; Nonlinear acoustic voice analysis after partial laryngectomy

Sanchez, Renata Furia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/03/2014 Português
Relevância na Pesquisa
96.03%
Disfonia é a principal sequela cirúrgica do paciente submetido à laringectomia parcial vertical (LPV) com presença de ruído glótico intenso o que dificulta a análise acústica convencional. Por esse motivo a análise não linear (ANL), teoria dinâmica de sistemas não lineares aplicada a séries temporais não lineares, tem sido recentemente adotada como uma nova abordagem para avaliação acústica vocal. Objetivo: aplicar a ANL por meio da escala L-IE na análise acústica da voz de pacientes submetidos à LPV. Método: foram analisadas 31 vozes de pacientes submetidos à LPV, denominado de grupo de pacientes (GP) e 31 vozes de indivíduos sem alteração vocal ou laríngea, denominado grupo controle (GC). Os gráficos bidimensionais gerados a partir dos sinais de voz foram avaliados com base na técnica dos padrões visuais da dinâmica vocal (PVDV), por meio da escala de classificação L-IE para os três parâmetros: número de laços (L), irregularidade (I) e espaçamento (E). Para a correlação dos dados da ANL com a avaliação perceptivo-auditiva da voz, as vozes do GP foram avaliadas por meio da escala GRBAS. Resultados: houve correlação significativa (p<0,05) entre os três parâmetros da escala L-IE para a análise total da amostra GP e GC. Os resultados da escala L-IE para a maioria do pacientes do GP se caracterizaram por: número de laços zero; irregularidade e espaçamento dos traçados...

Voz do adulto jovem com síndrome de Down: análises acústica e perceptivo-auditiva de vogais orais sustentadas; Voice of the young adult with Down syndrome: acoustic and perceptual analysis of sustained oral vowels

Mühle, Gizele Cardoso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/03/2005 Português
Relevância na Pesquisa
76.03%
INTRODUÇÃO: A atuação fonoaudiológica na síndrome de Down tem privilegiado os aspectos de cognição, linguagem e sistema estomatognático destes indivíduos. Devido à escassez de informações a respeito da voz nos sujeitos afetados por esta síndrome, a atuação fonoaudiológica, tanto em clínica quanto em pesquisa ainda é incipiente. Este estudo parte da hipótese de que a hipotonia muscular e frouxidão ligamentar características da síndrome podem afetar o trato vocal e, conseqüentemente, a fonação destas pessoas. OBJETIVO: Caracterização da voz do jovem adulto com SD, a partir de análises acústica e perceptivo-auditiva. MÉTODOS: Participaram 55 sujeitos com síndrome de Down de 18 a 29 anos, 31 do gênero masculino e 24 do gênero feminino. O material de fala consistiu de vogais orais sustentadas do Português brasileiro e foi gravado em mini-disc. Para análise acústica foi utilizado Dr Speech 4.0, Tiger Inc. O tempo máximo de fonação foi medido com cronômetro. Para análise perceptivo-auditiva 3 juízes especialistas em voz utilizaram escala GRBASI e a avaliação de ressonância do perfil de triagem vocal de Buffallo III. Foi realizado teste de concordância inter-juízes RESULTADOS: Valores acústicos médios : F0 gênero masculino 158...

Estudo da qualidade de voz em redes IP; Study of voice quality in IP networks

Julio Cesar Magro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/07/2005 Português
Relevância na Pesquisa
76.25%
Este trabalho descreve o estudo da qualidade de voz em redes IP a partir de uma revisão dos protocolos e mecanismos relativos a qualidade de serviço (QoS) e os aspectos do impacto sistêmico na presença ou ausência destes; revisão dos diversos métodos de avaliação da qualidade da voz com ênfase nos métodos automáticos (objetivos e repetitivos) para auxiliar na análise dos efeitos na voz dos diversos fatores presentes em uma rede de pacotes, tais como perda de pacote, atraso e jitter, bem como a própria codificação da voz em baixas taxas; revisão dos principais protocolos de sinalização utilizados para implementação de voz sobre IP (VoIP) ou telefonia sobre IP, evidenciando-se seus pontos fortes e fracos com relação a facilidade de implementação, extensibilidade e adequabilidade para várias aplicações de rede e qualidade de serviço (QoS) e realização de testes em redes IP simulada e experimental. O principal objetivo é a caracterização do serviço de voz em redes IP levando-se em consideração os efeitos dos fatores de rede e gateway no tempo de estabelecimento de uma chamada (conexão) e na qualidade da voz. Para simulação da rede IP foi utilizado o software Cloud da Shunra onde é possível tratar...

Análise acústica da voz captada na faringe próximo à fonte glótica através de microfone acoplado ao fibrolaringoscópio

Fukuyama,Erica E.
Fonte: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial Publicador: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2001 Português
Relevância na Pesquisa
76.05%
Objetivo: O objetivo deste trabalho foi estudar a voz próximo à sua fonte produtora, as pregas vocais, através de um microfone miniaturizado de aparelho auditivo que foi adaptado para ser acoplado à extremidade de um fibrolaringoscópio, permitindo a captação da voz durante a laringoscopia direta. Forma de estudo: Experimental. Material e Método: A voz foi estudada em um grupo de 50 indivíduos, 25 homens e 25 mulheres sem doenças, através de um programa de análise acústica MDVP (Multi-Dimensional Voice Program) do laboratório de voz Computerized Speech Lab, Model 4300B, da Kay Elemetrics. Amostras de vogais sustentadas /a/, /i/ e /u/ foram captadas de três formas diferentes, primeiramente com um microfone comum externo a 15 cm da boca, em segundo lugar com o microfone especial na faringe a 1,5 cm acima das pregas vocais e por último com o microfone especial externamente a 2 cm da boca. Doze parâmetros acústicos relacionados a freqüência fundamental, amplitude e ruído de cada uma das vogais foram comparadas estatisticamente conforme à sua forma de captação. Resultados: Os resultados mostraram diferenças estatisticamente significativas entre a voz captada pelo microfone comum externo e o microfone especial, em relação à freqüência fundamental...

Avaliação da voz em pacientes submetidos à cordectomia com laser de CO2

Haddad,Leonardo; Abrahão,Márcio; Cervantes,Onivaldo; Ceccon,Fábio Pupo; Gielow,Ingrid; Carvalho,Jomar Rezende; Leonhardt,Fernando Danelon
Fonte: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial Publicador: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 Português
Relevância na Pesquisa
76.21%
OBJETIVO: Avaliar a voz de pacientes portadores de carcinomas iniciais glóticos submetidos à cordectomia com laser de CO2. MÉTODO: Foram avaliados 15 pacientes com diagnóstico de carcinoma espinocelular Tis e T1 glóticos. A avaliação foi feita por meio da análise perceptivo auditiva da voz, pela análise acústica computadorizada e videolaringoestroboscópica. Os pacientes responderam a um questionário de avaliação geral da voz e um protocolo de qualidade de vida relacionado à voz (QVV). Os resultados foram comparados aos de um grupo controle de indivíduos com laringes normais. RESULTADOS: A análise perceptivo-auditiva da voz revelou que a maioria dos pacientes submetidos à cordectomia apresentou algum grau de disfonia, à custa de rouquidão e soprosidade. Considerando os parâmetros acústicos analisados e os valores do grupo controle, observou-se a tendência de um pequeno incremento da freqüência fundamental, mas sem diferença estatisticamente significante; os valores de jitter, shimmer e da proporção harmônico-ruído apresentaram-se significantemente alterados. Os aspectos analisados na videolaringoestroboscopia mostraram-se melhores nas cordectomias menos extensas. Os escores do QVV sugerem que os pacientes tiveram um discreto impacto na qualidade de vida relacionada à voz. CONCLUSÕES: Apesar da presença de alterações na qualidade vocal dos pacientes submetidos à cordectomia com laser de CO2...

Caracterização da voz do indivíduo portador de obesidade mórbida

Cunha,Maria Gabriela Bernardo da; Passerotti,Gustavo Haruo; Weber,Raimar; Zilberstein,Bruno
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 Português
Relevância na Pesquisa
76.02%
RACIONAL: A obesidade é doença crônica e grave com crescimento alarmante em todo o mundo e de interesse na saúde pública. Existe alteração no comportamento vocal destes pacientes e ele é pouco estudado. OBJETIVO: Caracterizar prospectivamente a voz de indivíduos portadores de obesidade mórbida comparando-a com a de não obesos. MÉTODOS: Estudo prospectivo de 45 indivíduos adultos voluntários, 14 homens e 31 mulheres com idade média de 43 anos variando de 20 a 63 anos. Todos apresentavam IMC acima de 35 Kg/m2 constituindo o grupo em estudo (GO) Para cada indivíduo do GO foi selecionado também um indivíduo adulto voluntário, proveniente da população geral do ambulatório de otorrinolaringologia com IMC abaixo de 30 Kg/m2, constituindo o grupo controle (GN). Os critérios de exclusão foram diagnóstico de lesões neoplásicas malignas em cabeça e pescoço ou operações prévias da região orofaríngea. Fooram submetidos a exame laringológico e à gravação da voz. Também submeteram-se à avaliação subjetiva perceptivo-auditiva da qualidade vocal, através da escala GIRBAS e a aspereza, o estrangulamento no final das. A análise acústica foi realizada objetivamente utilizando os softwares Vox Metria versão 4.0.47 e PRAAT...

Correlação entre dados perceptivo-auditivos e qualidade de vida em voz de idosas

Gama,Ana Cristina Côrtes; Alves,Cláudia Fernanda Tolentino; Cerceau,Janaína da Silva Berto; Teixeira,Letícia Caldas
Fonte: Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda. Publicador: Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 Português
Relevância na Pesquisa
86.24%
TEMA: qualidade da voz e qualidade de vida em idosas. OBJETIVO: avaliar a qualidade vocal e a qualidade de vida relacionada à voz em idosas, bem como verificar se a presença ou não da disfonia influi na qualidade de vida dessas mulheres. MÉTODOS: trata-se de um estudo realizado com 103 idosas de 60 a 103 anos. As participantes responderam ao Questionário de Qualidade de Vida Relacionada à Voz (QVV), suas vozes foram registradas e analisadas perceptivo-auditivamente, por meio da escala GRBASI, por 5 fonoaudiólogas. Após a análise estatística da confiabilidade intra-examinadoras, foram selecionadas 3 avaliações, com as quais foi construída uma escala GRBASI única para a voz de cada idosa. Posteriormente, essa avaliação única foi comparada aos escores físico, sócio-emocional e total do QVV. RESULTADOS: a maioria das idosas apresentou escores do QVV entre 70 e 100. As senhoras apresentaram grau de alteração leve a moderado nos parâmetros grau geral de disfonia, rugosidade, soprosidade e instabilidade da escala GRBASI e não apresentaram nenhum grau de alteração nos parâmetros astenia e tensão. Os parâmetros G, R, B e I da escala GRBASI aparecem estatisticamente correlacionados aos escores físico e total do QVV. CONCLUSÃO: Apesar da maioria das idosas apresentarem algum grau de disfonia...

Conhecimento vocal e a importância da voz como recurso pedagógico na perspectiva de professores universitários

Servilha,Emilse Aparecida Merlin; Costa,Aline Teixeira Fialho da
Fonte: CEFAC Saúde e Educação Publicador: CEFAC Saúde e Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2015 Português
Relevância na Pesquisa
86.06%
OBJETIVO: investigar o conhecimento vocal e sua importância como recurso pedagógico em professores universitários. MÉTODOS: participaram 112 docentes, média de 46,60 anos, 35,7% do sexo masculino e 64,3% do feminino, 66,1% doutores. Utilizou-se o questionário Condições de Produção Vocal-Professor, adaptado pela pesquisadora, além da inserção de novas questões abertas e fechadas de interesse para o estudo, as quais foram assinaladas em uma escala analógica de zero a dez. Foram coletadas amostras de voz dos professores e analisadas por avaliação fonoaudiológica. As questões fechadas receberam tratamento estatístico, considerando-se a média das notas autorreferidas, em cada variável pesquisada. Os resultados foram correlacionados a partir das variáveis: sexo e presença/ausência de alteração vocal. Organizaram-se as respostas das questões abertas por similaridade de conteúdo e frequência de ocorrência. RESULTADOS: constatou-se associação significante entre sexo feminino e voz fina, fadiga e perda da voz; presença de distúrbio de voz e autorreferência à voz fraca...

Atores profissionais de teatro: aspectos ambientais e sócio-ocupacionais do uso da voz

Goulart,Bárbara Niegia Garcia de; Vilanova,Juliana Richinitti
Fonte: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
76.06%
OBJETIVO: Verificar a ocorrência de queixas e sintomas vocais em atores profissionais de teatro e sua relação com aspectos ambientais desta atividade laboral e com o histórico de intervenções especializadas. MÉTODOS: Estudo transversal com 48 atores profissionais realizada a partir de questionário sobre sintomas e queixas vocais e extra-vocais, bem como aspectos ambientais, hábitos e demandas relacionados ao trabalho de ator de teatro. Foi utilizado protocolo padronizado específico previamente estruturado (PROTEA). RESULTADOS: O histórico de treinamento vocal para atuar foi referido por 40 (83,3%) entrevistados. Os recursos mais utilizados foram aquecimento vocal, hidratoterapia e métodos alternativos. Dificuldades para a manutenção da qualidade vocal nas demandas do dia-a-dia foram referidas por 14 (35,0%) sujeitos, sendo que oito (16,7%) as percebem desde o início da carreira. Durante a atuação, 14 (29,2%) referem dificuldades de coordenação entre fala e respiração. Todos os entrevistados consideraram que a saúde vocal é importante para o ator de teatro. A maioria dos atores negou dificuldades quanto à projeção vocal, respiração e/ou articulação das palavras em cena. Entretanto, o palco italiano parece estar mais relacionado que o teatro de arena com dificuldades de coordenação pneumofonatória (p=0...

Análise da qualidade vocal antes e após o uso profissional e social da voz

Aragão,Amanda Nocce; Couto,Thalita Evaristo; Camargo,Zuleica Antonia de; Santos,Marco Aurélio Rocha; Gama,Ana Cristina Côrtes
Fonte: Academia Brasileira de Audiologia Publicador: Academia Brasileira de Audiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
76.21%
Objetivo Analisar, do ponto de vista perceptivo-auditivo, os efeitos do uso profissional e social da voz na qualidade vocal de mulheres, em um intervalo de tempo de duas horas e 30 minutos. Métodos Pesquisa do tipo caso-controle, formada por dois grupos: grupo de uso profissional da voz, com 31 professoras, faixa etária de 28 a 59 anos e grupo de uso social da voz, com 42 mulheres, faixa etária de 31 a 59 anos, sem o uso profissional da voz e sem queixa vocal. A coleta foi realizada pela manhã, em dois momentos - antes da primeira aula e após duas horas e 30 minutos -, na própria escola em que as professoras lecionavam e consistiu em leitura de frases. O grupo de uso social seguiu os mesmos padrões de gravação, com uso da voz na residência de cada participante. As vozes foram avaliadas de forma perceptivo-auditiva por dois avaliadores experientes, comparando-se as emissões antes e após o uso e classificação de melhora, piora ou similaridade entre os momentos. Resultados Os grupos não apresentaram diferenças entre as vozes, comparando-se os momentos antes e após o uso da voz. Nos casos em que houve modificação do padrão vocal...

Programa de saúde vocal para o professor : avaliação, auto-precepção vocal e ação educativa da voz; Program of vocal health for the teacher : assessment, self-perception vocal and educational activities of the voice

Raquel Aparecida Pizolato
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/08/2012 Português
Relevância na Pesquisa
86.23%
Profissionais da voz, especificamente os professores, têm alto risco de desenvolver distúrbios da voz. Programas educativos de saúde vocal podem auxiliar o professor a cuidar melhor da voz e consequentemente na prevenção contra as disfonias. O objetivo deste trabalho foi desenvolver um programa educativo, que inclui treinamento de exercícios vocais e higiene vocal, e analisar os efeitos do treinamento dos exercícios e prática de hábitos vocais de forma transversal e longitudinalmente. Participaram do estudo 102 professores de 11 escolas da rede pública de ensino do município de Piracicaba, SP, selecionadas aleatoriamente. A amostra foi dividida em grupo controle (52 mulheres e 14 homens) e grupo experimental (29 mulheres e 7 homens) com média de idade 42,55±7,84 anos. O programa oferecido ao grupo controle baseou-se em 2 palestras educativas sobre hábitos de higiene vocal e mecanismo da produção da voz. Para o grupo experimental foi proferida uma palestra sobre hábitos de higiene vocal e mecanismo de produção da voz e 4 sessões de treinamento de exercícios específicos para a voz. Estes exercícios abordaram: postura e relaxamento cervical; respiração; fonação, intensidade e freqüência; ressonância e articulação. Os sujeitos de ambos os grupos responderam 2 questionários: um sobre queixas vocais...