Página 1 dos resultados de 592 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Análise comparativa da rentabilidade do setor bancário privado atuante no Brasil no período de 1997 a 2004 ; Comparative analyses of the return on equity from the private banking sector that operates in Brazil in the period from 1997 to 2004

Gregorio, Jaime
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/11/2005 Português
Relevância na Pesquisa
66.77%
O objetivo desta dissertação foi investigar se a Rentabilidade sobre o Patrimônio Líquido (ROE) do setor bancário privado atuante no Brasil foi maior do que a dos setores não-financeiros privados no período de 1997 a 2004. Partiu-se de uma comparação geral para comparações mais detalhadas a fim de se chegar a respostas mais consistentes e verificar se o que vale para o todo vale para as partes que o compõem. Considerou-se tanto o ROE legal quanto o ROE ajustado pelos efeitos da inflação. Analisou-se também a rentabilidade dos cinco maiores bancos privados brasileiros comparativamente a seus pares de países desenvolvidos selecionados. Por fim, foi analisado se a rentabilidade auferida pelo setor bancário privado foi maior do que seu custo de capital próprio, ou seja, se seu spread econômico foi positivo.Utilizou-se, como medida para comparação, a média dos ROE’s e o seu desvio padrão. Para estimação do custo do capital próprio foi utilizado o CAPM tendo como benchmark as taxas dos EUA adaptadas ao risco Brasil. Os resultados da pesquisa evidenciaram que, na média, a rentabilidade do setor bancário privado foi maior do que a dos setores não-financeiros privados e apresentou menor volatilidade, tanto pelo ROE legal quanto pelo ROE ajustado pelos efeitos da inflação...

Custos de mudança: estimativas para o setor bancário brasileiro; Switching costs: estimates for the Brazilian banking industry

Silva, Mariana Oliveira e
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.6%
Este trabalho analisa a magnitude dos custos de mudança no mercado de prestação de serviços do setor bancário brasileiro. Custos de mudança, ou switching costs, são custos percebidos pelos agentes econômicos quando eles trocam seus fornecedores. São a principal causa de lock-in (captura) dos clientes, podendo conferir certo grau de poder de mercado às firmas, com implicações importantes para a competitividade do mercado. A forte associação com a assimetria de informação sugere a relevância dos custos de mudança particularmente para o setor bancário. As estimativas obtidas neste trabalho, utilizando-se as informações contábeis dos bancos entre 2009 e 2011, sugerem que os custos de mudança são relevantes no mercado de depósitos. As evidências sugerem ainda que estes custos tendem a ser menores para os clientes dos bancos maiores, para as duas metodologias testadas. Também há indicação de que é significativa a parcela da participação de mercado de um banco que se deve à continuidade do relacionamento entre o banco e o cliente ao longo dos trimestres (efeito lock-in).; This study examines the switching costs' empirical importance for the Brazilian banking services industry. Switching costs are costs economic agents sustain when they change suppliers. These are the leading cause for customer lock-in...

Valuation aplicado ao setor bancário : estudo de caso do Banco do Estado do Rio Grande do Sul S.A.

Wanderley, Jacqueline Guimarães
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.48%
O tema Valuation, ou avaliação de empresas, é dos mais importantes na área de finanças, presente em processos de fusões e aquisições de empresas, emissões e recompra de ações, acompanhamento do desempenho dos gestores e decisão de investimento, dentre outros. No entanto, a aplicação do método de valuation para o setor bancário é pouco discutido. Tratando-se de atividade fundamental para o desenvolvimento do Brasil, é necessário o aprofundamento de estudos sobre o tema, e, nesse sentido, a presente pesquisa buscou analisar os principais métodos de avaliação disponíveis a bancos e, a partir daí, sugerir um modelo aplicável a bancos pertencentes ao Sistema Financeiro Nacional. Para tanto, analisou-se especificamente o BANRISUL – Banco do Estado do Rio Grande do Sul S/A, instituição financeira de alcance regional, controlada pelo poder público, que apresentou acentuado crescimento em suas atividades nos últimos anos. Após a definição do modelo de fluxo de caixa descontado para o acionista, ele foi aplicado à Instituição a fim de precificar as ações emitidas pelo banco. O resultado apontou, no cenário otimista, para o preço justo de R$ 34,00 por ação para dezembro de 2012.; Valuation is a remarkably important subject in finance...

Fusões e aquisições no setor bancário : estudo de eventos

Alves, Patricia da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.6%
As fusões e aquisições como estratégias de crescimento de empresas estão cada vez mais presentes no mercado brasileiro. O setor bancário, após a estabilização econômica iniciada a partir do Plano Real em 1994, tornou-se um mercado bastante atraente para bancos estrangeiros e um cenário da mesma forma favorável ao crescimento dos bancos nacionais. Este trabalho tem o objetivo de analisar a reação do mercado ao anúncio de uma fusão ou aquisição de empresas do setor bancário brasileiro utilizando o método Estudo de Eventos. O período utilizado para análise é compreendido entre os anos de 2004 a 2010. Além disso, serão apresentados dados sobre o número de processos de fusões e aquisições no Brasil e uma breve apresentação do método utilizado pelo trabalho.

Análise da evidenciação da remuneração estratégica utilizada nas instituições do setor bancário listadas na BM&FBOVESPA

Frello, Fernanda Freitas
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: f.; 100 f.
Português
Relevância na Pesquisa
66.48%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências Contábeis; Devido à importância que a utilização de uma complementação dos salários fixos ganhou no mercado competitivo atual considerou-se relevante o levantamento proposto. Esta necessidade de adaptação dos procedimentos de gestão de pessoas se dá tanto em função de suprimento da motivação dos colaboradores quanto de manutenção de práticas sustentáveis que satisfaçam os investidores. Esta pesquisa classifica-se quanto aos objetivos, como descritiva, quanto à abordagem do problema como qualitativa e quantitativa e quanto aos procedimentos utilizados, em pesquisa bibliográfica e pesquisa documental. A presente pesquisa tem como objetivo efetuar uma análise sobre a evidenciação das formas de Remuneração Estratégica utilizadas nas empresas do setor bancário listadas na BM&FBOVESPA, podendo assim visualizar um panorama a partir da amostra. A fundamentação teórica demonstra as práticas possíveis de remuneração estratégica e aponta a importância da utilização das mesmas, como meio de motivar os funcionários e também de reter talentos na organização. Para a efetivação da compilação de dados a que se propõe...

Governança corporativa e a agregação de valor ao preço das ações das empresas do setor bancário brasileiro

Vaz, Maria Fernanda de Aguiar
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 82 f.
Português
Relevância na Pesquisa
66.63%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Administração.; Este trabalho teve por objetivo analisar a influência da adoção das praticas de governança corporativa na agregação de valor ao preço das ações do setor bancário brasileiro. Dessa maneira, para que o objetivo principal fosse atingido, foi realizado um levantamento bibliográfico acerca do assunto e posteriormente, foram analisados alguns aspectos do Banco Bradesco, do hail, do Unibanco e do Banco do Brasil, quatro bancos que possuem alta representatividade no setor. Dentre esses aspectos analisados estão o histórico, as características de governança de cada banco, bem como suas estruturas administrativas. Metodologicamente, a pesquisa apresentada caracterizou-se como uma pesquisa quantitativa, exploratória, ocasional e ex-post facto. Para a realização da análise da variação dos preços das ações das empresas, foram delimitados dois períodos de tempo. Estes compreenderam o período de um ano antes e um ano depois da data de adesão das empresas aos níveis de governança corporativa da Bovespa. Esta análise foi realizada por meio da visualização de gráficos elaborados junto ao Sistema Economática...

Um arcabouço computacional para estudo do setor bancário através de modelos baseados em agentes

Lima, Joaquim Ignacio Alves de Vasconcellos e
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
66.48%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Economia, 2014.; Este trabalho descreve a concepção e a construção de um arcabouço computacional para estudo do setor bancário através de modelos baseados em agentes. A estrutura do arcabouço baseia-se em uma versão iterada do modelo Diamond-Dybvig, com um número arbitrário de agentes de diferentes tipos, como instituições financeiras, firmas, depositantes e bancos centrais. Inspirado pelo paradigma de sistemas complexos adaptativos, o estudo focaliza a auto-organização e as propriedades emergentes decorrentes das interações entre agentes heterogêneos, dotados de racionalidade limitada, implementada usando a abordagem Experienced-Weighted Attraction. Por fim, apresentam-se exemplos demonstrando as capacidades do arcabouço, com aplicações envolvendo seguro de depósitos, emprestador de última instância, mercado interbancário com câmara de pagamentos, bancos grandes demais para quebrar, risco de crédito e requerimento de capital. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT; This paper design and construct a computational framework for the study of the banking sector through agent-based models. The structure of the framework is based on an iterated version of the Diamond-Dybvig model with an arbitrary number of agents of different types...

O relato de negócio do setor bancário português em contexto de crise financeira : um estudo de caso

Cunha, Elsa Susana Peixoto
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.64%
Dissertação de mestrado em Contabilidade; Nos últimos vinte anos, o sector bancário português sofreu diversas alterações significativas, como a globalização, a crescente desregulamentação, a liberalização e o papel desempenhado pelas novas tecnologias (Dias, 2011). Porém, foi a crise financeira internacional, a partir do segundo semestre de 2007, que o mais abalou. Esta teve a sua origem nos Estados Unidos de América (EUA), no mercado de subprime, mas rapidamente se alastrou para o resto do mundo, caracterizando-se como a maior contração económica desde a segunda guerra mundial (Barth & Landsman, 2010). A presente dissertação procura compreender de que forma a crise financeira internacional de 2008 se repercutiu no relato de negócio ao nível do setor bancário português. Para alcançar este objetivo é desenvolvido um estudo de caso interpretativo, baseado na noção de legitimidade e considerando a Teoria da Legitimidade e a Teoria dos Stakeholders, centrado num estudo de caso único, nomeadamente o caso do Banco Português de Investimento (BPI), através da análise das narrativas das cartas do Conselho de Administração, para o período 2005 a 2011. O estudo demonstra que a crise financeira internacional constituiu de facto uma ameaça à legitimidade do BPI...

Práticas de gestão de recursos humanos e comprometimento organizacional no setor bancário português

Monteiro, Cláudia Sofia Reis Camilo
Fonte: Escola Superior de Ciências Empresariais Publicador: Escola Superior de Ciências Empresariais
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.48%
Dissertação de Mestrado em Gestrão Estratégica de Recursos Humanos; O presente estudo tem como objetivo aferir a perceção dos trabalhadores em relação às práticas de gestão de recursos humanos e comprometimento organizacional no setor bancário português.O objetivo principal do estudo é o de identificar de que forma as práticas de gestão de recursos humanos podem cooperar para desenvolver e manter o comprometimento organizacional dos trabalhadores. Como objetivos específicos pretende-se aferir a perceção que os trabalhadores têm das práticas de gestão de recursos humanos em vigor na sua organização, assim como identificar o tipo de comprometimento organizacional desses mesmos trabalhadores. O estudo integra o enquadramento teórico e um estudo empírico. A nível teórico abordámos a evolução da gestão de recursos humanos, a gestão estratégica de recursos humanos e as práticas de gestão de recursos humanos, nomeadamente as de elevado desempenho. Recolhemos igualmente literatura sobre a temática de comprometimento organizacional e a sua relação com as práticas de gestão de recursos humanos. A nível metodológico, aplicámos um questionário que tem por base o modelo e instrumento dos autores Allen e Meyer (1997) no âmbito da temática do comprometimento organizacional e que tem vindo a ser amplamente investigado...

Divulgação do risco de crédito antes e após a crise financeira de 2008: o caso das empresas do setor bancário do PSI-20

Dias, Osvaldo Amândio
Fonte: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Ciências e Empresariais Publicador: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Ciências e Empresariais
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.6%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Contabilidade e Finanças; A crise financeira de 2008 evidenciou a necessidade da qualidade da informação divulgada sobre os riscos, assim como a falta de transparência nos relatórios das empresas. Para colmatar este deficit de transparência, as empresas do setor bancário estão sujeitas ao cumprimento das normas emitidas pela Comissão de Mercado e Valores Mobiliários (CMVM), pelo International Accounting Standards Board (IASB), bem como da legislação que resulta dos Acordos de Basileia. O presente estudo procura analisar as práticas de divulgação de informação sobre o risco de crédito antes e “após” a mais recente crise financeira em quatro empresas do setor bancário português cotadas na Euronext Lisboa e incluídas no Portuguese Stock Index (PSI) 20. Para o efeito foi utilizado o método qualitativo e o método da análise de conteúdo. Os dados foram extraídos dos relatórios e contas de 2006 e 2012 das empresas da amostra. Verifica-se que, em geral, as empresas cumpriam os requisitos previstos no normativo contabilístico, regras, regulamentos e outra legislação aplicável.); e que a informação mais divulgada referia-se aos objetivos e políticas de gestão do risco de crédito. Verifica-se...

A comunicação interna e o voluntariado corporativo: estudo de caso no setor bancário - CGD

Pimentel, Catarina de Melo Vilela
Fonte: Instituto Superior de Ciências Sociais e políticas Publicador: Instituto Superior de Ciências Sociais e políticas
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 15/07/2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.6%
Tese de Mestrado em Comunicação Social, vertente Comunicação Estratégica; O presente trabalho insere-se no mestrado em comunicação social, vertente Comunicação Estratégica e teve como objetivo a análise das práticas, propostas e sugestões para ações de voluntariado e de comunicação interna (CI) no setor bancário, mais precisamente na Caixa Geral de Depósitos (CGD), onde foi realizado um estágio nas áreas de comunicação e voluntariado. O principal objetivo do presente relatório foi analisar e responder à seguinte questão: “Como pode a comunicação interna promover a responsabilidade social, designadamente o voluntariado corporativo, no setor bancário?” Para tal, em termos de método de investigação, optou-se por uma metodologia mista de recolha de dados: qualitativa e quantitativa. As principais técnicas utilizadas foram inquéritos por entrevista e por questionário, e observação participante. Após a análise do caso em estudo, conclui-se que a CI na CGD é fundamental para o sucesso do negócio. A CI pode ser vista como forma de promoção e de divulgação para ações de voluntariado corporativo. Conclui-se também que o mais importante não será a implementação de mais ações de voluntariado na CGD...

Modelo de comércio eletrônico e um estudo no setor bancário

Albertin,Alberto Luiz
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/1999 Português
Relevância na Pesquisa
66.6%
O ambiente empresarial, tanto em nível mundial como nacional, tem passado por profundas mudanças nos últimos anos, as quais têm sido consideradas diretamente relacionadas com a tecnologia de informação. Nesse novo ambiente, o comércio eletrônico é tido como uma das tendências emergentes com maior poder potencial de inovação nos processos de negócio nos vários setores econômicos. No caso do setor bancário, as aplicações de comércio eletrônico ganham uma dimensão significativa, devido às suas características e às de seus produtos, serviços e clientes. Este artigo tem por objetivo apresentar o Modelo Integrado de Comércio Eletrônico e os principais resultados da pesquisa realizada no setor bancário, enfatizando as tendências dessa aplicação de tecnologia de informação e o relacionamento com algumas das principais características do ambiente empresarial atual.

Comércio eletrônico: um estudo no setor bancário

Albertin,Alberto Luiz
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/1999 Português
Relevância na Pesquisa
66.6%
O ambiente empresarial, tanto em nível mundial como nacional, tem passado por profundas mudanças nos últimos anos, as quais têm sido consideradas diretamente relacionadas com a tecnologia de informação. Esta relação engloba desde o surgimento de novas tecnologias, ou novas aplicações, para atender as necessidade do novo ambiente, até o aparecimento de novas oportunidades empresariais criadas pelas novas tecnologias ou novas formas de sua aplicação. Neste novo ambiente, o comércio eletrônico, com suas aplicações inovadoras e revolucionárias, é tido como uma das tendências emergentes com maior poder potencial de inovação nos processos de negócio nos vários setores econômicos. No caso do setor bancário, as aplicações de comércio eletrônico ganham uma dimensão significativa, devido às suas características e as dos seus produtos e clientes. Este artigo tem por objetivo apresentar um novo modelo integrado de comércio eletrônico e os principais resultados da pesquisa realizada no setor bancário, por meio de estudo de múltiplos casos, enfatizando as tendências desta aplicação de tecnologia de informação e o relacionamento com algumas das principais características do ambiente empresarial.

Rentabilidade e eficiência no setor bancário brasileiro

Ceretta,Paulo Sergio; Niederauer,Carlos Alberto Pittaluga
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2001 Português
Relevância na Pesquisa
66.53%
As transformações na economia internacional vêm atingindo em grande escala o setor bancário brasileiro. Para verificar o nível de competição no setor, e para investigar o desempenho comparativo entre os bancos brasileiros, aplicou-se o método da análise por envoltória de dados. Foram utilizados dados sobre o montante de capital dos proprietários, capital de terceiros, receita total e resultado do semestre de 144 instituições bancárias do país. Os bancos foram agrupados em três categorias: grande, médio e pequeno porte. Foi utilizada a abordagem da matriz BCG para enquadrar os diversos indicadores de eficiência operacional e de rentabilidade. Os resultados sugerem que os bancos de grande porte são os de melhor desempenho e os de pequeno porte os de pior desempenho.

A localização geográfica como recurso organizacional: utilização de sistemas especialistas para subsidiar a tomada de decisão locacional do setor bancário

Carnasciali,Ana Maria dos Santos; Delazari,Luciene Stamato
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2011 Português
Relevância na Pesquisa
66.53%
A localização geográfica de um ponto comercial em qualquer setor constitui um recurso físico que, somado aos recursos financeiros, de capital humano, organizacional, reputação e tecnológico podem levar a organização a uma condição ímpar em relação aos concorrentes. Decidir sobre a melhor localização do ponto comercial é uma das tarefas mais importantes a ser realizada; porém necessita de estudos criteriosos, e não apenas parâmetros baseados no bom senso e experiência dos especialistas. O que se propõe neste trabalho é a integração de um Sistema de Informações Geográficas (SIG) e um Sistema Especialista (SE), a fim de subsidiar a tomada de decisões com relação à escolha da melhor localização para a abertura de uma agência bancária, neste caso do HSBC Bank Brasil S/A, de tal forma que essa melhor localização constitua um recurso físico competitivo para a organização. A utilização da informação geográfica como recurso físico necessita que diferentes variáveis sejam equacionadas até se obter a melhor solução. Neste trabalho, foi desenvolvido um sistema denominado Sistema de Prospecção de Imóveis para o Setor Bancário (SPI), que permite detalhar tais variáveis em termos de valor, raridade...

A influência dos valores organizacionais na percepção de suporte organizacional com base na concepção dos colaboradores do setor bancário

Estivalete,Vania de Fátima Barros; Andrade,Taís de
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.67%
Este estudo tem como objetivo compreender a influência dos valores organizacionais na percepção de suporte organizacional, sob a perspectiva dos colaboradores do setor bancário público e privado. Para o alcance desse objetivo, partiu-se de duas perspectivas teóricas. A primeira refere-se à abordagem de valores organizacionais proposta por Oliveira e Tamayo (2004) e a segunda está associada ao suporte organizacional, conforme Eisenberger, Huntington e Sowa (1986). Realizou-se uma pesquisa de caráter descritivo do tipo survey, para levantamento e análise dos resultados. O instrumento preenchido por 332 colaboradores do setor bancário foi baseado no inventário de perfis de valores organizacionais (IPVO) de Oliveira e Tamayo (2004) e na escala de percepção de suporte organizacional (Epso) desenvolvida por Eisenberger, Huntington e Sowa (1986), validada no contexto brasileiro por Siqueira (1995). Os principais resultados encontrados expõem que os valores organizacionais prioritários das instituições bancárias, segundo a percepção dos colaboradores, foram o domínio e o prestígio, enquanto os valores bem-estar, autonomia e realização ocuparam lugares inferiores na hierarquia. Em relação ao suporte organizacional...

A ampliação das estruturas de controle por meio das tecnologias de informação e comunicação: a onipresença do "pan-óptico eletrônico" no setor bancário

Pereira,Claudio Lopes; Segre,Lidia Micaela; Nascimento,Rejane Prevot
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2013 Português
Relevância na Pesquisa
66.48%
Este artigo analisa, a partir do atual contexto econômico brasileiro, as novas configurações de controle no processo de reestruturação e modernização produtiva dos bancos privados. O setor bancário foi escolhido como objeto de estudo por ter passado por reestruturações a partir da década de 1970, incorporando inovações organizacionais e tecnológicas por meio da adoção de novas tecnologias de informação e comunicação (TICs) que continuam sendo utilizadas. Nesse contexto, o objetivo deste artigo é descrever aspectos do controle do trabalho por meio da intensificação do uso das TICs, bem como analisar a percepção dos trabalhadores sobre esse controle. Essa temática é relevante, tendo em vista que a utilização das TICs nos dias atuais é objeto de estudo fundamental na gestão estratégica das organizações. Entretanto, observa-se que as pesquisas e os trabalhos acadêmicos referentes à adoção das TICs baseiam-se majoritariamente em uma perspectiva funcionalista. Este estudo apresenta um contraponto, na medida em que analisa novas formas de controle sob uma perspectiva crítica, dando ênfase às práticas que ocultam a manipulação da subjetividade, a dominação e o controle dos funcionários. Pretende-se destacar como a estrutura de controle na contemporaneidade é apoiada pelas TICs e sustentada por uma dimensão política e ideológica. Foi realizada uma pesquisa de campo em vários bancos utilizando entrevistas semiestruturadas com gerentes e caixas. Os depoimentos apontam que o controle coercitivo e punitivo anterior deu lugar a um tipo de controle mais sutil...

Fatores influentes e tipos de uso emergentes da construção social de sistemas de informação no setor bancário

Tavares,Elaine
Fonte: Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia Publicador: Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.48%
Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa realizada com o objetivo de entender em que condições se dá a construção social de sistemas de informação (SI) no setor bancário no Brasil. Foi realizada uma análise da implantação, do uso e dos processos de aprimoramento de três sistemas, usados em duas instituições bancárias. Parte-se da premissa de que a tecnologia da informação (TI) é um fenômeno socialmente construído, com uma estrutura de uso formada na prática. A coleta de dados envolveu observação direta, análise documental e 46 entrevistas. Revelou-se um processo de construção social que gerou quatro tipos de uso dos SI. A assimilação dos sistemas foi influenciada pela confluência de objetivos individuais e organizacionais e pelo tipo de treinamento aplicado. As atualizações e revisões dos sistemas parecem seguir estruturas de conformismo com o que foi instituído pela organização e de conformidade com processos de solicitações de aprimoramentos.

Uma análise da dinâmica do setor bancário brasileiro, suas capacidades dinâmicas e os acordos de Basileia

Alvarenga, Rodrigo de
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: 70f. : il., tabs., grafs.; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
56.75%
Orientador : Prof. Dr. José Guilherme Silva Vieira; Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciencias Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Ecônomico. Defesa : 28/11/2014; Inclui referências; Resumo: Esse estudo se propõe a analisar a dinâmica do setor bancário brasileiro, buscando em suas origens e na forma do seu desenvolvimento os incentivos e circunstâncias que o levaram a ser o que vemos atualmente, um setor de atividade concentrado e com a maior parte de seus ativos em poder dos grandes bancos nacionais de varejo. Essa perspectiva histórica demonstra como, e em razão de que fatores, algumas instituições do sistema bancário brasileiro desenvolveram capacidades dinâmicas ao longo do tempo que as ajudaram a se tornar os principais atores do segmento no Brasil, tendo sobrepujado vários concorrentes nacionais e em alguns casos multinacionais, sobrevivendo a inúmeras dificuldades relacionadas ao desenvolvimento econômico do Brasil, suas várias moedas, seu processo inflacionário crônico e excesso de legislação. Por fim, avaliaremos as mudanças provocadas no sistema bancário nacional decorrentes da implantação do Plano Real em 1994, seguida pela implantação sequencial dos Acordos de Basileia (I...

As competências que os profissionais do setor bancário avaliam como importantes para atender ao cliente de alta renda

Maciel, Siomara Medeiros de França
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
Português
Relevância na Pesquisa
66.64%
Este estudo tem como objetivo principal avaliar as competências mais importantes segundo a percepção dos profissionais do setor bancário para atenderem os clientes de alta renda. A pesquisa tem caráter quantitativo, descritiva e utilizou os métodos de estudo de caso e bibliográfico. A coleta de dados usou-se a técnica de inquirição, com a utilização de questionários para identificar e mensurar o grau de importância das competências para atender os clientes de alta renda. A amostra foi constituída por 40 colaboradores de um banco privado de Brasília/DF. O estudo identificou que as competências avaliadas como mais importantes pelos profissionais atuarem no setor bancário com clientes de alta renda são: trabalho em equipe, equilíbrio emocional, comunicação, relacionamento interpessoal, negociação e empreendedorismo; também indica novas exigências de qualificação para os funcionários, podendo contribuir para o aperfeiçoamento das políticas de recursos humanos da empresa. Os resultados aqui apresentados apontam que, em um futuro próximo, o bancário exercerá a função de um consultor de negócios e finanças, passando a exercer um papel ocupacional bastante diverso daquele que representa atualmente.