Página 1 dos resultados de 726 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

O desenvolvimento de competências organizacionais em diferentes modelos gerenciais de subsidiárias de empresas multinacionais Brasileiras; The development of organizational competences in different management models of subsidiaries of Brazilian multinationals companies

BORINI, Felipe Mendes; FLEURY, Maria Tereza Leme
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.44%
O objetivo deste artigo é entender quais são os modelos gerenciais para desenvolver diferentes tipos de competências em empresas multinacionais brasileiras. A premissa principal que sustenta o artigo é que as multinacionais brasileiras necessitam desenvolver competências não locais em suas subsidiárias, como forma de competir em igualdade de condições com multinacionais já estabelecidas no mercado global. O artigo se baseia em pesquisa survey, realizada com sessenta e seis subsidiárias estrangeiras de trinta multinacionais de origem brasileira. Os resultados mostram que o desenvolvimento de competências não locais está associado a quatro fatores essenciais para distinguir esse tipo de competência das demais. As subsidiárias com competências não locais mostram maior inserção da subsidiária em redes de negócios no exterior, localização em contextos competitivos dinâmicos, maior intensidade de iniciativas próprias e forte integração entre matriz e subsidiárias. A falta de iniciativas e a localização em contextos adversos caracterizam o desenvolvimento de competências específicas, enquanto a menor inserção da subsidiária em redes no exterior e a menor integração com a rede interna caracterizam a formação de competências locais.; The aim of this paper is to understand the models for developing managerial competences in different types of Brazilian multinationals. The main premise is that Brazilian multinationals need to develop non local competences in their subsidiaries in order to compete on equal terms with established multinationals in the global market. The article is based on a research survey conducted with sixty-six foreign subsidiaries of thirty multinationals of Brazilian origin. The results show that the development of non local competences is associated with four essential factors. Subsidiaries with non local competence show greater insertion of the subsidiary in foreign business networks...

Produto mundial, engenharia brasileira: integração de subsidiárias no desenvolvimento de produtos globais na indústria automobilística.; Global product, Brazilian engineering: integration of subsidiaries in global product development in the automotive industry.

Dias, Ana Valéria Carneiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/09/2003 Português
Relevância na Pesquisa
27.44%
Este trabalho pretende identificar as razões pelas quais as empresas de capital estrangeiro integram suas subsidiárias nas atividades de desenvolvimento de seus produtos globais (DPG). A análise foi realizada a partir de três estudos de caso em montadoras de veículos de passeio que possuem subsidiárias no Brasil; foram pesquisadas as unidades brasileiras e as matrizes dessas empresas. Os resultados apontam que a decisão sobre integrar ou não a engenharia brasileira nas atividades de DPG de uma transnacional relaciona-se à estratégia competitiva da corporação para os diferentes segmentos do mercado em que atua, aos atributos que as subsidiárias apresentam e que são considerados relevantes para a estratégia competitiva, ao relacionamento entre matriz e subsidiárias, que permite que tais atributos sejam reconhecidos e legitimados, e a ações de agentes externos à empresa que, se percebidas como contribuidoras para a estratégia competitiva, podem promover a descentralização das atividades de DPG ou, ao contrário, centralizá-las na matriz. O trabalho mostra também que a forma da divisão internacional do trabalho nas atividades de DPG está relacionada às fases do processo de desenvolvimento de produtos e à adoção de políticas de produto tais como o uso de plataformas e derivativos e o projeto modular.; This thesis aims to identify the reasons why transnational companies integrate their subsidiaries in their global product development (GPD) activities...

Transferência, desenvolvimento e reconhecimento de competências organizacionais em subsidiárias estrangeiras de empresas multinacionais brasileiras; Transference, development and recognition of organizational competences in foreign subsidiaries of Brazilian multinational companies

Borini, Felipe Mendes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/11/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.61%
O presente estudo procurou compreender a transferência, o desenvolvimento e o reconhecimento das competências das subsidiárias. O objetivo principal foi entender o modelo de gestão da corporação, determinante para o fenômeno da transferência, desenvolvimento e reconhecimento das competências. O modelo proposto abordou a importância das diretrizes estratégicas da matriz na relação com as subsidiárias (autonomia, integração, orientação empreendedora), a gestão da subsidiária (iniciativa própria) e a gestão da relação da subsidiária com o ambiente externo (contexto competitivo e a rede externa). Serviu de base para a elaboração desses pressupostos a teoria da visão baseada em recursos e capacidades dinâmicas; os modelos estratégicos das multinacionais em conjunto com a teoria evolucionária do papel das subsidiárias; e as teorias recentes acerca das multinacionais emergentes. Para testar os pressupostos foi conduzido um survey com as subsidiárias de multinacionais brasileiras. De 46 empresas multinacionais brasileiras identificadas, 29 aceitaram participar da pesquisa. Estas multinacionais tinham 93 subsidiárias para as quais foram enviados questionários, retornando a resposta de 66 subsidiárias. De modo geral os resultados mostram a importância das variáveis ambiente externo para a transferência...

Gestão de multinacionais: análise de trajetórias de internacionalização de empresas brasileiras e de estratégias de gestão de subsidiárias.; Multinational management - paths of Brazilian companies internationalization and subsidiaries management strategies.

Vieira, Cristina Rodrigues de Borba
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/12/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.5%
As modificações do ambiente competitivo nos mercados consumidores maduros, o aumento do número de empresas competidoras e a aceleração da propagação de novos conhecimentos e tecnologias vêm provocando alterações nas estratégias das empresas e contribuindo para a ampliação do processo de internacionalização. O Brasil está inserido neste processo, ampliando a participação no mercado internacional, com o aumento do número de empresas de capital nacional com subsidiárias no exterior. As empresas decidem pela aquisição e implantação de unidades industriais no exterior com o intuito de ampliar seus mercados e rendimentos. A subsidiária contribui não apenas para o mercado ao qual serve, mas também para outros mercados, tanto como plataforma exportadora quanto como unidade que gera conhecimento a partir do relacionamento com agentes externos. Dado que o processo de internacionalização é importante tanto para empresas quanto para países, o objetivo em questão é entender qual tem sido a trajetória das empresas brasileiras. Dessa forma, este trabalho analisa a gestão das subsidiárias de empresas brasileiras e os diferentes papéis dessas unidades, pretendendo, além de obter um retrato do cenário atual destas empresas...

A influência da transferência de conhecimento e de fatores culturais na iniciativa das subsidiárias de multinacionais brasileiras; The influence of knowledge transfer and cultural factors in initiatives of Brazilian multinational subsidiaries

Silva, Natacha Bertoia da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
27.61%
Diante do processo recente da internacionalização das empresas brasileiras, que ainda suscita estudos para melhor compreender a dinâmica e o estabelecimento dos entrantes tardios verde-amarelos em todos os continentes e, visto que os estudos sobre subsidiárias de multinacionais brasileiras ainda são incipientes, o objetivo geral desta pesquisa foi analisar a influência da transferência de conhecimento e de fatores culturais na iniciativa das subsidiárias de multinacionais brasileiras. A partir das reflexões acerca dos estudos sobre matrizes e subsidiárias de multinacionais, sobretudo aqueles relacionados à cultura, transferência de conhecimento e iniciativa, as três hipóteses deste estudo emergiram e; baseado no modelo de iniciativa da subsidiária de Birkinshaw (1999), o modelo desta pesquisa foi explicitado considerando o contexto corporativo e o local da subsidiária, configurados por dimensões predominantemente comportamentais. Em termos metodológicos, empregou-se a estratégia sequencial explanatória, caracterizada pela coleta e análise de dados quantitativos seguido pela coleta e análise de dados qualitativos. Na primeira etapa, utilizou-se de técnicas estatísticas para analisar uma amostra de 66 subsidiárias de multinacionais brasileiras; enquanto na segunda etapa...

Mandatos mundiais em subsidiárias no Brasil: uma análise sob a perspectiva da teoria neoinstitucional; World mandates in foreign subsidiaries in Brazil: an analysis from the neoinstitutional theory perspective.

Souza, Juliana Bittar de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.58%
O objetivo deste trabalho foi investigar a relação entre o ambiente institucional brasileiro e a conquista de mandatos mundiais pelas subsidiárias estrangeiras. Como parte de um novo modelo de empresa multinacional que precisa combinar a organização de uma rede integrada que proporcione flexibilidade, facilite o aprendizado, a transferência de conhecimento com a inovação entre as diversas unidades (BARTLETT, GHOSHAL, 1998), a subsidiária se destaca como unidade de análise na literatura em estudos que investigam os seus papéis, seu processo de evolução e a maneira como concorrem entre si em diferentes países (BARTLETT, GHOSHAL, 1986; BIRKINSHAW, MORRISON, 1995). Dependendo do mercado em que atuam, da receptividade da matriz, da sua capacidade de inovação e capacidade de criar competências podem passar por um processo de aumento gradual de suas responsabilidades e relevância estratégica, podendo conquistar o mandato mundial,ou seja, o ganho do controle estratégico pela subsidiária sobre determinadas atividades e região. Concorrendo em diferentes ambientes institucionais, as subsidiárias representam a busca das multinacionais por vantagens de localização, por fatores institucionais que estimulem a inovação e desenvolvimento tecnológico e de um aparato que o sustente como por exemplo um sistema de proteção à propriedade intelectual eficiente e incentivos fiscais. Assim...

Responsabilidade socioambiental corporativa: um estudo em subsidiárias brasileiras; Corporate social responsability: a study in Brazilian subsidiaries

Pinto, Karen Esteves Fernandes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.54%
PINTO, K. E. F. Responsabilidade Socioambiental Corporativa: um estudo em subsidiárias brasileiras. 2011. 119 f. Dissertação (Mestrado) - Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Aborda-se nesta dissertação a relação entre subsidiárias de corporações multinacionais estrangeiras no Brasil e Responsabilidade Socioambiental Corporativa (RSC). Inicialmente caracteriza-se o surgimento de corporações multinacionais e a crescente preocupação com questões socioambientais. Fundamenta-se o estudo, basicamente, nas literaturas referentes a multinacionais, matrizes, subsidiárias, gestão socioambiental e RSC. Apresenta-se, num primeiro momento, a identificação de RSC nas subsidiárias para, depois, apresentar a relação entre RSC e outros aspectos organizacionais como autonomia, integração e relevância estratégica. Além de realizar essas análises, estuda-se também a possível relação entre a RSC da subsidiária e o nível do desenvolvimento do país-sede da matriz. Para a realização do estudo, enviou-se um questionário eletrônico para os presidentes e vice-presidentes das 1200 maiores subsidiárias por faturamento e obteve-se 172 respostas. Conclui-se...

Fatores do ambiente de negócios determinantes para a formação de centros de excelência: um estudo com subsidiárias de multinacionais no Brasil; Factors of business environment determinants for the formation of centers of excellence: a study un subsidiaries of multinationals in Brazil

Cipolla, José Hamilton Maturano
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.25%
Este trabalho analisa os fatores do ambiente de negócios que favorecem a formação de centros de excelências (Frost; Birkinshaw; Ensign, 2002). Centros de Excelência são importantes fontes para a criação e desenvolvimento de tecnologia. A presença desses centros no Brasil pode significar um papel importante para o país na economia global do conhecimento, sendo relevante a compreensão dos fatores ambientais que possam levar à decisão das multinacionais estrangeiras em criar tais centros. Em relação aos instrumentos de análise do ambiente de negócios, foram utilizados os modelos do diamante da vantagem competitiva nacional de Porter (1989) e o do diamante duplo generalizado de Moon, Rugman e Verbeke (1998). O diamante nacional já foi utilizado em pesquisa realizada por Frost, Birkinshaw e Ensign, (2002). Esta tese ampliou a análise do ambiente de negócios com a perspectiva do diamante internacional, possibilitada pelo modelo do duplo diamante generalizado, o qual considera relevante o papel das multinacionais. Foi realizado um survey com amostra de 172 questionários respondidos por CEOs de subsidiárias brasileiras pertencentes a multinacionais estrangeiras. Os resultados mostram que os determinantes do diamante nacional são relevantes para o desempenho de 154 das subsidiárias entrevistadas...

Global mindset e fatores culturais: influências nas competências de subsidiárias brasileiras no exterior: pesquisa multinível; Global mindset and culture factors: influences on Brazilian foreign subsidiaries´ competences. A multilevel research.

Reis, Germano Glufke
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.61%
Este trabalho examinou as influências do global mindset (GM) e de características culturais (distância do poder e controle de incertezas) das matrizes de multinacionais brasileiras sobre a formação de competências em suas subsidiárias no exterior. Mais especificamente, investigou a influência dessas variáveis independentes sobre o desenvolvimento, nas próprias subsidiárias, de competências passíveis de serem transferidas (para outras unidades ou para a matriz), bem como sobre a transferência de competências da matriz para as subsidiárias. Além disso, o trabalho também investigou quais são as características atuais do GM das multinacionais brasileiras. Para testar as hipóteses de pesquisa, foi realizada um survey que empregou uma abordagem multinível e, na análise empírica, foi utilizada a modelagem hierárquico-linear. Um conjunto de 97 multinacionais foi identificado e convidado a participar. O número de questionários devolvidos e considerados para a análise empírica, foi: 64 questionários de matrizes (nível 2) e 79 questionários de subsidiárias (nível 1). Os resultados da análise descritiva indicaram que as multinacionais brasileiras têm, em geral, um alto GM; esse resultado reflete o perfil da amostra...

Gestão da inovação em subsidiarias de multinacionais do setor eletroeletronico instaladas no Brasil; Innovation management in subsidiaries of multinational companies in the electro-electronic industry located in Brazil

Muriel de Oliveira Gavira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/08/2008 Português
Relevância na Pesquisa
27.5%
Nas últimas décadas, com o aumento da pressão por inovações, as empresas multinacionais passaram a aumentar a descentralização de suas atividades, a fim de que cada uma de suas afiliadas possa contribuir para a geração de conhecimento e inovações. As subsidiárias, por sua vez, buscam obter mais responsabilidades, principalmente nas atividades de maior conteúdo tecnológico, a fim de garantir sua sobrevivência e competitividade. De forma geral, três conjuntos de determinantes explicam a evolução das responsabilidades de uma subsidiária: relacionados à matriz, à subsidiária e ao ambiente local. Dessa forma, essa pesquisa teve como objetivo estudar a interação entre a amplitude e complexidade das responsabilidades e o grau de inovação tecnológica. Para tanto, propõe-se um estudo de caso exploratório em profundidade de cinco subsidiárias do setor eletroeletrônico dos segmentos de: controle e automação; geração, transmissão e distribuição de energia; informação e comunicação; soluções médicas; e sistemas de transporte ferroviário. Ainda, foram analisados dados de pesquisa documental e pesquisa bibliográfica para contextualizar e entender o estado da arte e as características do ambiente local e para conhecer as subsidiárias e seus processos de gestão da inovação. O referencial teórico escolhido é o que encara a gestão da inovação como um processo e o que adota a perspectiva da subsidiária para explicar sua evolução. Os resultados evidenciam uma relação positiva entre as responsabilidades das subsidiárias e suas práticas de gestão da inovação tecnológica. As subsidiárias com as mais complexas responsabilidades são as que possuem as mais estruturadas...

The transfer of knowledge from the MNEs to their Mozambican subsidiaries: A process based on the relationship between source and recipient

Martins, José Duarte Moleiro; António, Nelson José dos Santos
Fonte: Academic Journals Publicador: Academic Journals
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /10/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.09%
WOS:000284282200004 (Nº de Acesso Web of Science); The business opportunities in Southern Africa have originated a growing interest on the part of foreign investors in markets like Mozambique, which is a fact that justifies any effort to learn more about the phenomenon of the transfer of knowledge to the subsidiaries in Mozambique. This study examined four cases with activities in the industrial sector. The results revealed that an efficient transfer of knowledge depends on the source’s ability to transfer this knowledge; the climate of collaboration between the source and the recipient; and the absorptive capacity of the recipient. Under these conditions, the intervention of the expatriates with a profound knowledge of the African reality is essential to create an atmosphere of trust that motivates individuals to acquire, assimilate and explore the new knowledge on the local market.

Drivers of human resource management competences development in Brazilian multinational subsidiaries: a multilevel research

Reis,Germano Glufke; Borini,Felipe Mendes; Fleury,Maria Tereza Leme
Fonte: Departamento de Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo Publicador: Departamento de Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
37.36%
This article aims to verify the factors associated with the development of human resource management (HRM) competences in foreign subsidiaries of Brazilian multinationals. These competences are essential in that they allow foreign units to adopt HRM practices that are consistent with the countries or markets in which they operate. A multilevel research was conducted, involving headquarters and subsidiaries of major Brazilian companies; the empirical analysis employed hierarchical linear modelling. Despite the recurrent debate on global standardisation versus local adaptation, it was identified that the integration of international HRM policies (addressing simultaneously global guidelines and local response) may stimulate competences development. In addition, interaction in external networks in the host country may enhance the development of HRM competences in the subsidiaries. However, specific cultural factors of the company may inhibit development activity in units abroad.

Product development in emerging market subsidiaries - the influence of autonomy and internal markets on subsidiary roles

Boehe, D.
Fonte: World Scientific Publishing Co Pte Ltd Publicador: World Scientific Publishing Co Pte Ltd
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2008 Português
Relevância na Pesquisa
27.44%
Emerging market subsidiaries constitute an increasingly important asset for the innovative activities of multinational corporations (MNCs). This study examines how different types of these subsidiaries may be integrated into global R&D using two essential coordination mechanisms — hierarchical control and internal markets (competition among MNC units). Based on a sample of 146 Brazil based MNC subsidiaries, the key results suggest that (1) more innovative subsidiaries have higher autonomy than less innovative subsidiary as long as they have local market scope; (2) subsidiaries which develop new products for global or other emerging markets have competitive relationships with peer MNC units. Likewise, the results provide some preliminary support for an instrument which measures competition among MNC unit. Based on a comprehensive classification framework, the study puts forward some recommendations for MNC technology management regarding how subsidiary product development units may extend their market scope and technological capabilities.; Dirk Michael Boehe

How Banks Go Abroad : Branches or Subsidiaries?

Cerutti, Eugenio; Dell'Ariccia, Giovanni; Martínez Pería, Maria Soledad
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
Tipo: Publications & Research :: Policy Research Working Paper; Publications & Research
Português
Relevância na Pesquisa
37.36%
The authors examine the factors that influence banks' type of organizational form when operating in foreign markets using an original database of the branches and subsidiaries in Latin America and Eastern Europe of the top 100 international banks. They find that regulation, taxation, the degree of desired penetration in the local market, and host-country economic and political risks matter. Banks are more likely to operate as branches in countries that have higher corporate taxes and when they face lower regulatory restrictions on bank entry, in general, and on foreign branches, in particular. Subsidiaries are the preferred organizational form by banks that seek to penetrate the local market establishing large and mostly retail operations. Finally, there is evidence that economic and political risks have opposite effects on the type of organizational form, suggesting that legal differences in the degree of parent bank responsibility vis-à-vis branches and subsidiaries under different risk scenarios play an important role in the kind of operations international banks maintain overseas

Technology transfer within MNES: an investigation of inter-subsidiary competition and cooperation; Transferência de tecnologia em MNES: competição e cooperação inter-subsidiárias

Li, Dan; Ferreira, Manuel Portugal; Serra, Fernando Ribeiro
Fonte: Instituto Politécnico de Leiria. globADVANTAGE - Center of Research in International Business & Strategy Publicador: Instituto Politécnico de Leiria. globADVANTAGE - Center of Research in International Business & Strategy
Tipo: Outros
Publicado em /08/2007 Português
Relevância na Pesquisa
27.44%
Previous versions of this paper were presented at the Academy of Management and the Academy of International Business; Much theory and research that seeks to explain why and how technology transfers occur within multinational enterprises (MNEs) actually addresses the question of how these transfers occur among cooperative subsidiaries, and relies on the assumption of inter-subsidiary cooperation. However, subsidiaries do not always cooperate. We suggest that the success of technology transfer among subsidiaries depends on the extent to which the relationships among an MNE's subsidiaries (i.e. inter-subsidiary) are competitive or cooperative. Inter-subsidiary cooperation is determined by the MNE's international strategy, organizational structure, and the social relationships among subsidiaries. Both hierarchical and social relational factors drive the potential for inter-subsidiary multimarket competition that originates from the overlap on the subsidiaries' products, technologies, and market portfolios.

Implicações das atividades tecnologicas de subsidiarias de empresas multinacionais para a constituição de capacidades inovativas de fornecedores na industria automotiva brasileira; Implications of technological activities of subsidiaries of multinational companies for the building up of suppliers' innovation capabilities in the Brazilian automotive industry

Rubia Auxiliadora Constancio Quintão
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/02/2008 Português
Relevância na Pesquisa
27.5%
Neste trabalho, buscou-se investigar se o crescimento e fortalecimento das atividades de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) das subsidiárias brasileiras de empresas multinacionais (MNCs), na indústria automobilística brasileira, tem levado ao envolvimento de seus fornecedores localizados no Brasil em atividades tecnológicas e resultado em sua maior capacitação tecnológica. A tese se vale do quadro conceitual desenvolvido por Lall (1992) a respeito do processo de aquisição de capacidades de inovação das empresas industriais em países em desenvolvimento, bem como de sua taxonomia para classificar os tipos e níveis dessas capacidades. A contribuição das relações entre fornecedores e clientes da indústria automotiva para a aquisição de capacidades inovativas pelos fornecedores é estudada a partir dos conceitos de tipos de vínculos de aprendizado entre empresas, desenvolvidos por Ariffin e Bell (1999). A tese analisa os resultados da investigação das trajetórias percorridas por empresas de autopeças, dispostas em cinco grupos, segundo seus processos de acúmulo de capacidades tecnológicas. Procurou-se identificar quais são os tipos de vínculo de aprendizado que empresas subsidiárias clientes (montadoras e sistemistas) estabelecem com seus fornecedores (nacionais ou subsidiárias de MNCs)...

Knowledge management in multinational companies: the repatriates’ role in the competitive advantage in subsidiaries

Martins, Dora; Tomé, Eduardo
Fonte: Academic Conferences and Publishing International Limited Publicador: Academic Conferences and Publishing International Limited
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
27.58%
This paper addresses the topic of knowledge management in multinational companies (MNCs). Its purpose is to examine the role of expatriates in knowledge acquisition and transfer within MNCs. Specifically it focuses on knowledge acquisition and transfer from one MNC head office located in Germany to two Portuguese subsidiaries as a basis for competitive advantage in their Portuguese subsidiaries. A qualitative research methodology is used, specifically through an exploratory case study approach, which examines how international assignments are important for the role of expatriates In knowledge acquisition and transfer between foreign head offices and their Portuguese subsidiaries. The data were collected through semi structured interviews to 10 Portuguese repatriates from two Portuguese subsidiaries of one foreign MNC. The findings suggest that the reasons that lead to expatriating employees from Portuguese subsidiaries to foreign head offices are connected to (1) knowledge management strategies to development the subsidiary’s performance; (2) new skills and knowledge acquisition by future team leaders and business/product managers in Portuguese subsidiaries; (3) procuring knowledge, from agents in head office, to be disseminated amongst co-workers in Portuguese subsidiaries; (4) acquiring global management skills...

Outsourcing de TI e redefinição do papel da subsidiária: um estudo comparativo entre as subsidiárias brasileira e indiana de uma multinacional americana; It outsourcing and redefinition of the subsidiary role: a comparative study between the brazilian and the indian subsidiaries of an american multinational

Silva, Marco Aurélio da; Duarte, Roberto Gonzalez; Castro, José Márcio de; Araújo, Aristides Rocha
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.25%
A exportacão de outsourcing de TI, também conhecida como offshoring, tem se tornado um dos principais fenômenos na indústria de TI. Responsabilidades têm sido transferidas para fornecedores de TI em todo o mundo. Um aspecto chave desse fenômeno é a crescente importância que economias emergentes, tais como, Brasil e Índia, vêm assumindo como provedores de offshoring de TI. Uma corrente da literatura sobre negócios internacionais tem analisado quais os fatores que podem afetar a evolução de uma subsidiária dentro de uma multinacional. Este trabalho tem como objetivo analisar como a exportação de serviços terceirizados de TI pode redefinir o papel de uma subsidiária dentro de uma corporação e, então, alterar a sua relevância estratégica. Uma investigação empírica compara o desenvolvimento das atividades de offshoring de duas subsidiárias - brasileira e indiana - de uma multinacional americana de TI e, mais especificamente, como tais atividades têm contribuído para redefinir o papel e a relevância estratégica de cada uma delas. Em particular, a investigação empírica analisou a forma como três perspectivas (escolhas da subsidiária, determinações da matriz e determinismo ambiental) interagem determinando a evolução e o papel das subsidiárias. Os resultados demonstraram que a trajetória da subsidiária indiana foi essencialmente determinada pelo desenvolvimento dos seus recursos...

A autonomia de marketing das subsidiárias estrangeiras no Brasil para desenvolvimento de novos produtos em multinacionais; La autonomía de marketing de las subsidiarias extranjeras en Brasil para el desarrollo de nuevos productos en multinacionales; Marketing autonomy of foreign subsidiaries in Brazil regarding new product development in multinationals

Rocha, Thelma Valéria; Borini, Felipe Mendes; Spers, Eduardo Eugênio
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.44%
En este artículo se analiza la autonomía de marketing para el desarrollo de nuevos productos en compañías multinacionales. El objetivo es verificar la relación entre las estrategias de integración global y adaptación local con relación a la autonomía de marketing en las subsidiarias extranjeras en Brasil. Se estudia el tema con una revisión teórica que tiene foco en tres aspectos - decisiones sobre el desarrollo de nuevos productos, autonomía en el marco de las multinacionales, autonomía del área de marketing de las subsidiarias extranjeras -, que dan lugar a las hipótesis que se probarán. En la encuesta, de naturaleza cuantitativa, se utiliza el método survey y se entrevistan a 104 gestores de subsidiarias extranjeras en Brasil. Los resultados muestran una correlación negativa entre el grado de integración global de la multinacional y la alineación estratégica global con la autonomía de marketing en nuevos productos. Por otra parte, cuanto mayor es la adaptación local, mayor la autonomía de marketing para el desarrollo de nuevos productos. Se concluye que, aunque exista un dilema entre integración global y adaptación local para la autonomía en el desarrollo de nuevos productos, dicho dilema, cuando analizado dentro de un proceso evolutivo de las estrategias de las subsidiarias...

Avaliação de subsidiárias estrangeiras em empreendimentos multinacionais: um estudo de caso em 28 países; EVALUATION OF FOREIGN SUBSIDIARIES IN MULTINATIONAL COMPANIES: A CASE STUDY IN 28 COUNTRIES

Weffort, Elionor Jreige; Meloni, Samantha; Lemes, Sirlei; Oliveira, Antonio Benedito
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.36%
O aumento no número de companhias multinacionais tem trazido vários desafios para a contabilidade. Por exemplo, esse tipo de empreendimento cross-border demanda cada vez mais informação contábil para tomada de decisão, especialmente aquelas concernentes à avaliação de desempenho de subsidiárias estrangeiras. O objetivo deste artigo é analisar os fatores que, na percepção dos gestores, impactam a análise de desempenho das subsidiárias estrangeiras pela matriz em uma determinada companhia multinacional. Também foram testadas as relações entre as dificuldades apontadas pelos gestores e os indicadores econômicos e culturais dos países da amostra. Para consecução do objetivo, foram enviados questionários para a matriz (nos Estados Unidos) e para 28 de suas subsidiárias estrangeiras na Europa, Ásia, África, América Latina e América do Norte de uma companhia multinacional do ramo de bebidas e alimentos. Os resultados obtidos indicam o desconforto dos gestores especialmente em relação ao impacto dos tributos, conversão da moeda e critérios de avaliação dos ativos diferidos sobre a avaliação de desempenho. O indicador econômico que mais claramente apresentou relação com o nível de satisfação dos gestores foi a taxa de inflação do país da subsidiária correspondente. Os valores culturais não apresentaram relação com a percepção dos gestores.; The increase in the number of multinational companies has been setting accounting many challenges. For instance...