Página 1 dos resultados de 45 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Zoneamento geoambiental do município de Praia Grande (SP): uma contribuição aos estudos sobre a Baixada Santista

Souza, Tissiana de Almeida de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 138 f. : il., mapas, gráfs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.19%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Geografia - IGCE; As regiões litorâneas são consideradas sistemas ambientais complexos e de delicado equilíbrio. Apesar da suscetibilidade ambiental, estas regiões encontram-se entre as mais povoadas da Terra. A Região Metropolitana da Baixada Santista, no litoral centro-sul do Estado de São Paulo, é considerada uma das mais importantes concentrações populacionais do Brasil, abrigando 4% da população do Estado. O município de Praia Grande, área de estudo desta pesquisa, caracteriza-se por uma densa urbanização linear e extensiva junto à orla, o que implicou na modificação da paisagem preexistente. Neste contexto, com base na proposta metodológica de Mateo Rodriguez, Silva e Cavalcanti (2004), o objetivo desta pesquisa foi realizar o zoneamento geoambiental do município de Praia Grande (SP), por meio da elaboração da Carta de Estado Geoambiental e a da Carta de Unidades Geoambientais, na escala 1:50.000. Este tipo de zoneamento objetiva fornecer subsídios para o planejamento e ordenamento de uso e ocupação do território e proteção dos ecossistemas presentes na área. Deste modo, através da realização do Zoneamento Geoambiental...

Participação social

Makowiecky, Nelson
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 227 f.| tabs., il., mapas.
Português
Relevância na Pesquisa
36.23%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; Considerando que o crescimento desordenado e a urbanização caótica provocam uma série de problemas às Cidades, como os relacionados ao trânsito, à violência, à especulação imobiliária e, entre outros, à diminuição da qualidade de vida, apresenta-se neste trabalho o desenvolvimento de estratégias para legitimar o plano Diretor de uma Cidade. Para tanto, adotou-se o estudo de caso dos moradores de uma área localizada no Bairro Trindade, Cidade de Florianópolis, Estado de Santa Catarina, Brasil, onde uma Comunidade e sua Associação de Moradores têm lutado, desde o ano de 1991, através de ativa participação social, para manter o zoneamento urbano da região como Área Residencial Exclusiva, de acordo com o Plano Diretor da Cidade de Florianópolis e com o desejo dos moradores que a habitam, visando tranqüilidade, segurança, qualidade de vida e ainda a conservação do ambiente construído. É uma pesquisa exploratória e descritiva e para a sua realização foi adotada uma abordagem qualitativa, na forma de um estudo de caso. Para o desenvolvimento do trabalho são apresentadas...

Subsídios para o zoneamento costeiro de uso da Área de Proteção Ambiental - APA Costa Brava, Santa Catarina, Brasil

Rech, Cláudia Maria Correia Borges
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 202 f.| il., tabs., grafs., mapas
Português
Relevância na Pesquisa
36.32%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Geografia.; A região costeira do Estado de Santa Catarina vem sendo submetida a profundos processos modificadores pela intervenção humana, no que se refere à urbanização, aos aspectos geomorfológicos e geológicos, e, principalmente, no que diz respeito ao comprometimento da conservação da qualidade da paisagem. Mesmo os lugares considerados cênicos não deixam de ser alvo de especulação e pontos estratégicos para dominação econômica, política e turística. Este estudo objetivou apresentar uma proposta de zoneamento ecológico-econômico da APA "Costa Brava", com o propósito de disciplinar o uso e a ocupação do solo. A Unidade de Uso Sustentável, APA "Costa Brava", está localizada no perímetro urbano do município de Balneário Camboriú, litoral de Santa Catarina, Brasil. Trata-se de uma Área de Proteção Ambiental (APA) municipal, entre as pontas das Laranjeiras e do Malta, no limite com o município de Itapema. Sendo um lugar dotado de ecossistemas de alta relevância ambiental, este trabalho evidencia uma proposta de zoneamento para o local inserindo em pauta os aspectos legais existentes no contexto ambiental...

Avaliação ambiental estratégica como subsídio para o planejamento urbano

Souza, Cristiane Mansur de Moraes
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 322 f.| il., tabs., grafs., mapas
Português
Relevância na Pesquisa
36.07%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Ciências Humanas.; Esta tese é uma pesquisa aplicada avaliativa e prognóstica, que busca avançar no estudo do processo de integração disciplinar no campo das ciências humanas e do ambiente. Mais especificamente seu tema reflete um dos desafios das limitações do processo de Avaliação de Impacto Ambiental como vem sendo implementada no Brasil. Os atuais avanços do Estatuto da Cidade propõem a necessidade de EIV e dão voz às comunidades nos EIA, contudo em muitos casos o primeiro é muito limitado e o segundo é realizado muito tarde no processo de planejamento e aplicado apenas para projetos específicos. Para superar estas limitações países desenvolvidos e em desenvolvimento estão utilizando uma avaliação ambiental ao nível estratégico a chamada Avaliação Ambiental Estratégica - AAE (Strategic Environmental Assessment - SEA). Neste sentido, o foco central da tese representa uma das etapas da Avaliação Ambiental Estratégica de um plano territorial urbano (o Plano Diretor 1996) de Blumenau (SC), que embora realizada a posteriori, é utilizada para mostrar que a AAE pode servir de subsídio para o planejamento urbano. A definição dos indicadores ou variáveis a serem utilizados na AAE foi determinada a partir da metodologia sistêmica...

Vibração: fonte de incômodo à populaçao e de danos às edificações no meio urbano

Brito,Luiz Antonio; Soares,Álvaro Monoel de Souza; Nazari,Bianca
Fonte: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC Publicador: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2013 Português
Relevância na Pesquisa
46.03%
A energia vibratória gerada pelo tráfego de veículos leves e pesados e pelas composições ferroviárias são uma fonte de poluição ambiental pouco estudada no Brasil. A forma mais eficaz de atenuação da energia vibratória é o aumento da distância entre o receptor e a fonte, o que normalmente é obtido com os recuos definidos pelas leis de zoneamento urbano e pela faixa de domínio, tanto de ferrovias como de rodovias. O adensamento das áreas urbanas, já perceptível nas cidades de médio porte, gerado principalmente pela especulação imobiliária, vem aproximando as edificações das principais fontes de vibração no meio urbano. O efeito da energia vibratória nas edificações varia de acordo com o tipo de estrutura e fundação, sua altura e o tipo de solo. As construções que possuem estrutura em aço ou concreto armado tendem a receber melhor os efeitos da vibração (DIN 4150-3,1999). Em contrapartida, as construções antigas e patrimônios históricos, edificados com materiais menos resistentes, em algumas situações mal conservadas, podem sofrer desde trincas estéticas até danos estruturais irreversíveis quando expostas a elevados níveis de vibração. O objetivo deste trabalho é avaliar a incomodidade e os danos estruturais gerados pela energia vibratória induzida pelo tráfego rodoviário e ferroviário em edificações. Os resultados obtidos indicam que os limites de integridade estrutural são atendidos...

Expansão urbana e conflito ambiental: uma descrição da problemática do município de Mossoró, RN - Brasil

Salles,Maria Clara Torquato; Grigio,Alfredo Marcelo; Silva,Márcia Regina Farias da
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.15%
Os ambientes naturais são constantemente transformados e utilizados para os processos de expansão e urbanização, para a criação dos ambientes artificiais, com isso, ocorre nos solos urbanos fortes implicações sociais e ambientais que implicam diretamente para as situações de risco e vulnerabilidade. Com isso traz-se a importância de estudar, conceituar e caracterizar as relações do ambiente urbano, especificamente as do município de Mossoró (RN). É importante destacar que o município possui um grande potencial para o desenvolvimento econômico com a interação entre elementos de diversos setores econômicos, já que o mesmo nos últimos anos vem passando por um momento de grande dinamismo nos processos de ocupação do espaço urbano e consequentemente vários problemas e impactos decorrentes desse processo de expansão urbana. Onde se sugere o uso de políticas públicas e sociais, com maior efetividade em ações de monitoramento, fiscalização e punição a atividades e processos que possam comprometer a qualidade socioambiental do município, além da participação da sociedade, e ainda da necessidade de ser elaborado o zoneamento ecológico econômico do município que irá servir de instrumento de ordenação do território e auxilio ao planejamento

Gestão ambiental participativa : o planejamento urbano-ambiental sustentável a partir das bacias hidrográficas

Araújo, Marinella Machado; Silva, Betina Günther; Rocha, Rogéria Mara Lopes
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
46.1%
Demonstra que as bacias hidrográficas são unidades de zoneamento ambiental que concretizam o desenvolvimento urbano sustentável regulado pelo Estatuto da Cidade ao estruturar ordenação do espaço urbano a partir da gestão participativa da proteção de recursos hídricos, um dos objetivos da Declaração do Milênio de 2001.

A proteção ambiental do meio ambiente urbano

Mukai, Toshio
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
46.06%
Trata do conteúdo de uma lei ambiental municipal, do planejamento e zoneamento ambientais, da compensação pelo dano ou uso dos recursos naturais, do controle, monitoramento, licenciamento e fiscalização das atividades, do licenciamento ambiental e da educação e proteção ambientais.

Restrições urbanísticas à propriedade privada

Mukai, Toshio
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
56.34%
Publicado em MUKAI, Toshio. Temas Atuais de Direito Urbanístico e Ambiental. Belo Horizonte: Fórum, 2004, p. 117-149.; Aborda temas como a natureza jurídica das limitações urbanísticas, as servidões e as desapropriações urbanísticas, o uso e a ocupação do solo urbano, zoneamento industrial, faixa non aedificandi, concessão do direito real de uso, loteamento ou condomínio fechado e segurança pública, circulação urbana e legislação sobre transporte municipal, utilização dos bens públicos, controle intensivo de construções, poluição visual e estética urbana, e cobrança pela utilização do subsolo do Município e pela instalação de postes.

O meio ambiente artificial

Copola, Gina
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
46.12%
Versa sobre o meio ambiente artificial ou construído, que é constituído por aquelas construções que não compõem o meio ambiente natural, mas por construções realizadas exclusivamente por ação do homem.

Zoneamento e função social da propriedade urbana

Santos Neto, João Antunes dos
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
76.3%
Traz histórico e generalidades quanto ao instituto da propriedade e trata de temas como função social da propriedade, urbanismo e política urbana, planejamento urbanístico no Brasil, plano diretor municipal, zoneamento urbano, solo criado, a experiência italiana ao separar o direito de construir da propriedade do solo, a experiência francesa com o sistema de transferência de coeficientes de ocupação do solo e a experiência do direito espanhol com a técnica do aproveitamento médio.

Gestão ambiental municipal

Dias, Edna Cardozo
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
45.97%
Trata das quatro estratégias de sustentabilidade urbana, dos instrumentos de política urbana, como o parcelamento compulsório e o IPTU progressivo no tempo, do parcelamento do solo e do zoneamento ambiental das cidades.

Da constitucionalidade e da legalidade da outorga onerosa do direito de construir

Mukai, Toshio
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
45.95%
Analisa o artigo 28 do Estatuto da cidade, que estabelece que o plano diretor poderá fixar áreas nas quais o direito de construir poderá ser exercido acima do coeficiente de aproveitamento básico adotado.; Título com pequena variação.

Limites à intervenção do município nas ações de usucapião especial urbano individual e coletivo em face dos artigos 9º e 10 do Estatuto da cidade

Garcia, Djalma Antônio Moller
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
45.92%
Discute as divergências nas ações de usucapião em relação à existência de violação do interesse público decorrente da desobediência da limitação administrativa imposta pela lei de zoneamento.

Sustentabilidade ambiental nas cidades : um estudo de caso da região metropolitana de Belo Horizonte

Marra, Natália Cardoso
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
56.16%
Trata da sustentabilidade ambiental sob a ótica do planejamento urbano-ambiental da ocupação dos grandes centros urbanos.

Os fundamentos de gestão do espaço urbano para a promoção da função socioambiental da cidade [manuscrito]: o caso de Goiânia; The fundamentals of managing urban areas for the promotion of environmental function of the city: the case of Goiânia

Martins Júnior, Osmar Pires
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
46%
The studies in this paper are included in urban ambience marked by conflict paradoxical common sustainability of human actions and the evolutionary history of city planning in Latin America and Brazil in particular. The results are presented in accordance with this historical context, but in disagreement to what would be expected by the application of legally created instrumental in the City Statute – EC in 2001 as onerous grant and transfer the right to build. The results of case studies on Goiânia, compared to what was practiced before, since its first Master Plan in 1938, based on the Land Use Zoning, given the absence of effective parameters of sustainability, strengthen the environmental character of segregation capitalist city, evidenced by the drastic reduction of the remaining native vegetation and loss of biodiversity, the occupation of the surrounding local conservation units, exemplified in the case study of Parks Vaca Brava, the Buritis and the Zoological Park/Lago das Rosas and the dilapidation of public goods.The field survey, geoprocessing and analysis of information obtained demonstrate the impact on the Buffer Zone of Conservation Units ventures deployed more intensively after the enactment of EC/2001 without the financial contribution to the environment and the community. Residents prejudiced have appealed to the courts to impound the outrageous ventures Master Plan and the environmental function of the city. As a result of the research is proposed to complement the instrumental City Statute with new tools for urban policy...

A sustentabilidade ambiental no planejamento urbano do município de São Paulo: 1971-2004; Environmental sustainability in the urban planning of the municipality of São Paulo: 1971-2004.

Maglio, Ivan Carlos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/03/2005 Português
Relevância na Pesquisa
46.43%
Introdução. Com o paradigma da sustentabilidade ambiental assumido a partir da conferência mundial Rio 92, o instrumento plano diretor deve passar por uma reconceituação, compatível com sua transformação em um instrumento de apoio à sustentabilidade ambiental urbana e de fortalecimento da função socioambiental da cidade. Neste contexto a proteção ambiental e a redução de impactos passam a ser elementos fundamentais para os planos diretores. Entretanto, no planejamento urbano do município de São Paulo, quarta maior cidade do mundo, permanecem os desafios existentes à introdução de opções sustentáveis por meio do plano diretor, zoneamento e operações urbanas. Objetivo. Analisar a inserção da sustentabilidade ambiental, por meio de planos diretores e instrumentos de gestão urbana elaborados do Município de São Paulo no período 1971-2004. Metodologia. O estudo de caso é utilizado como método de pesquisa por meio de pesquisa documental, apoiado por pesquisa bibliográfica sobre sustentabilidade ambiental urbana, planejamento urbano e Planos Diretores no Brasil, e sobre o instrumento de gestão Avaliação Ambiental Estratégica-AAE aplicado aos planos urbanos. Elementos extraídos desse instrumento de gestão AAE foram para construir o método e análise dos resultados da pesquisa. Resultados. No período 1971-1980 o plano diretor e os planos metropolitanos apontaram questões estratégicas para o desenvolvimento da cidade...

Avaliação do processo de zoneamento urbano de Araranguá - SC

Azevedo, Silas Matias
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 92 f.| tabs., grafs.
Português
Relevância na Pesquisa
46.23%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção; O processo de expansão urbana que o Brasil passou no século XX culminou na ocupação de áreas de risco, áreas sem infraestruturas e gerando degradação social e ambiental. Este novo século inicia-se com uma esperança de ordenar o espaço das cidades, através de um marco regulatório a lei chamada de #Estatuto da Cidade#. Esta legislação trouxe avanços significativos para as áreas urbanas e rurais, tornando obrigatório o processo de planejamento e a realização de planos diretores em grande parte dos municípios brasileiros. Em muitos planos diretores, a cidade é apresentada de forma seccionada, através do processo de zoneamento de sua ocupação, agrupando atividades permissíveis e não permissíveis conforme a periculosidade, fluxos, densidades e o planejamento da cidade. Esta pesquisa visa avaliar o processo de zoneamento da cidade de Araranguá, através do Sistema de Informação Geográfica, a partir das manchas formadas pelas zonas da cidade. A idéia origina-se da necessidade de se desenvolver um método alternativo na avaliação das áreas ocupadas pela atividade antrópica nas cidades pequenas e médias...

Urbis brasiliae ou sobre cidades do Brasil : inserindo assentamentos urbanos do país em investigações configuracionais comparativas

Medeiros, Valério Augusto Soares de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
36.17%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, 2006.; Na interpretação da forma-espaço da cidade, pouco se avançou além da narração historiográfica/sociológica ou descrição de atributos físicos e espaciais. Não que o discurso ou a categorização sejam impróprios, apenas expõe-se a lacuna em outras apreciações que poderiam contribuir para a análise urbana. Este estudo procura preencher o hiato e investiga de maneira específica como a leitura da cidade por sua configuração pode auxiliar em ações reflexivas sobre os espaços urbanos. A amostra é composta por 44 cidades brasileiras, selecionadas a partir dos critérios demográfico e patrimonial; para confronto, são faceadas 120 cidades do mundo, resultando numa amostra global de 164 assentamentos. Pela abordagem configuracional, no intuito de revelar atributos emergentes do relacionamento entre as partes do todo urbano, são examinadas as feições relacionais nas cidades para promover o entendimento da maneira pela qual diferentes arranjos entre espaços abertos e fechados implicam tipos espaciais distintos. A cidade é avaliada quanto à sua estrutura hierarquizada, diferenciada em termos de permeabilidades, isto é, os graus de acessibilidade topológica nos diversos espaços abertos integrantes de um assentamento urbano. A leitura é conduzida pelo aparato teórico...

Urban Fringe Belts rm Cidades Novas: O Caso de Maringá – Brasil; Urban Fringe Belts in Planned New Towns: The Case of Maringá – Brazil

Pereira, Juliana Alves; Meneguetti, Karin Schwabe; Rego, Renato Leão
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 08/10/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.05%
Este trabalho trata de averiguar a existência e características das urban fringe belts em uma cidade nova planejada: Maringá, Paraná. M. R. G. Conzen depurou o conceito das urban fringe belts, concebido por Hebert Louis pela observação do crescimento de cidades medievais. De acordo com Conzen, urban fringe belts configuram fisicamente o desenvolvimento urbano e podem ser vislumbradas pela concentração de serviços públicos e institucionais na borda da malha urbana, em decorrência de áreas residenciais de expansão; desse modo, as fringe belts representam, em anéis concêntricos, ciclos econômicos da vida urbana e ondas de crescimento da mancha da cidade. No entanto, a possível existência das urban fringe belts em uma cidade nova planejada sugere um caso um pouco diferente. Assim, um método de análise particular foi adaptado à realidade de Maringá. Equipamentos públicos e lotes particulares de baixa ocupação foram considerados. As urban fringe belts foram sinalizadas em mapas subsequentes de desenvolvimento urbano, o que permitiu a representação do início, estagnação e modificação das urban fringe belts em cinco períodos de crescimento urbano. Como resultado foi observado que, apesar das peculiaridades de uma cidade nova...