Página 1 dos resultados de 239 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Qualidade de vida em diálise: hemodiálise e diálise peritoneal

Anes, Eugénia; Fernandes, Adília; Antão, Celeste
Fonte: Formasau Publicador: Formasau
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Português
Relevância na Pesquisa
67.1%
Temática de importância fundamental na área da saúde, especialmente em áreas em que a tecnologia intervém nas fronteiras entre a vida e a morte, a tecnologia que mantém a vida1. Os avanços da tecnologia e a melhoria dos tratamentos dialíticos têm melhorado a qualidade de vida destes doentes nestes últimos anos. A qualidade de vida (QV) relacionada com a saúde representa as respostas individuais aos efeitos que a doença produz, sobre a vida diária ao nível físico mental e social, respostas que influenciam a satisfação pessoal com as circunstâncias da vida2. Com o desenvolvimento de instrumentos adaptados à avaliação de parâmetros mais subjectivos da saúde dos indivíduos, constituindo estes a fonte privilegiada de informação, surge uma nova era, em que a informação dos doentes, referente ao estado funcional, bem-estar e outros conceitos importantes de saúde, deverão ser rotineiramente colhidos de modo a completar lacunas na abordagem diagnóstica e terapêutica dos doentes3. È um estudo não experimental, transversal, descritivo e comparativo, numa amostra de 231 pessoas em diálise, sendo 221 em hemodiálise e 10 em diálise peritoneal, correspondendo a 76,3% da população com insuficiência renal crónica em tratamento dialítico no Nordeste Transmontano (2004). O instrumento de avaliação utilizado foi o KDQOL-SFTM 1.34...

Qualidade de Vida: comparação entre diálise peritoneal automatizada e hemodiálise; Quality of Life: comparison between patients on automated peritoneal dialysis and patients on hemodialysis; Calidad de vida: comparación entre diálisis peritoneal automatizada y hemodiálisis

ARENAS, Valquiria Greco; BARROS, Luciene Fátima Neves Monteiro; LEMOS, Francine Barros; MARTINS, Milton Arruda; DAVID-NETO, Elias
Fonte: Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo Publicador: Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
67.07%
OBJETIVO: Avaliar a Qualidade de Vida relacionada à saúde em pacientes submetidos à Diálise Peritoneal Automatizada (DPA) e Hemodiálise em um centro de diálise satélite no Município de São Paulo. MÉTODOS: Este estudo observacional transversal, incluiu 101 pacientes com idade entre 18-75 anos, em terapia há mais de 90 dias e que compreenderam o questionário. RESULTADOS: O grupo em Hemodiálise (n=79) estava em terapia há mais tempo (p=0.001) e tinha albumina sérica maior (p<0.001) comparado ao grupo em DPA (n=22). Os escores do SF-36 foram semelhantes em várias dimensões, exceto pelo escore de Aspectos Físicos que foi maior nos pacientes em Hemodiálise (p=0.03). Não houveram interações significativas entre SF-36 e as demais variáveis que explicassem esta diferença. CONCLUSÃO: A Qualidade de Vida foi semelhante entre as modalidades, porém o escore de Aspectos Físicos foi menor para pacientes em Diálise Peritoneal Automatizada.; OBJECTIVE: To evaluate the health-related quality of life in patients from a satellite dialysis center in São Paulo city undergoing Automated Peritoneal Dialysis (APD) or Hemodialysis. METHODS: This cross-sectional descriptive study included 101 patients with ages ranging from 18 to 75 years-old...

Análise da ocorrência de peritonites e infecções relacionadas ao cateter de diálise peritoneal em pacientes pediátricos em diálise peritoneal crônica; Peritonitis and catheter related infections in children undergoing chronic peritoneal dialysis

Lanzarini, Vivian Viégas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/02/2008 Português
Relevância na Pesquisa
67.22%
Introdução: Diálise peritoneal (DP) é a modalidade de diálise mais utilizada em pacientes pediátricos portadores de doença renal crônica (DRC) em todo o mundo. Peritonites e infecções de óstio e túnel do cateter de diálise peritoneal constituem as duas primeiras causas de morbidade e falha de tratamento em pacientes em programa de diálise peritoneal. Objetivo: Caracterizar o perfil dos episódios de peritonites e infecções de óstio e túnel nos pacientes em programa de diálise peritoneal crônica na Unidade de Nefrologia Pediátrica do Instituto da Criança do HC FMUSP. Métodos: Avaliou-se o período compreendido entre janeiro de 1994, quando foi iniciado o programa de diálise peritoneal crônica nessa unidade, e dezembro de 2005. Foram incluídos todos os pacientes que estiveram em programa de diálise peritoneal crônica no período, cujos prontuários estivessem acessíveis para análise. Realizou-se revisão dos prontuários quanto aos dados demográficos dos pacientes, peso e estatura ao início e ao final do programa de diálise, etiologia e evolução clinica de cada episódio infeccioso, e presença de fatores de risco para peritonites e infecções relacionadas ao cateter de DP. Realizou-se análise descritiva dos dados gerais...

Qualidade de vida relacionada à saúde de adultos e idosos em diálise peritoneal; Health-Related Quality of Life of adult and elderly on peritoneal dialysis

Oliveira, Marília Pilotto de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/10/2010 Português
Relevância na Pesquisa
67.06%
Os pacientes com Doença Renal Crônica (DRC) terminal dependem de tecnologias terapêuticas avançadas para sobreviver, a exemplo da Diálise Peritoneal (DP). Estes pacientes apresentam limitações no seu cotidiano e vivenciam inúmeras perdas, incapacidades e mudanças biopsicossociais e econômicas que interferem na qualidade de vida. Os aspectos da saúde relacionados à qualidade de vida destes pacientes podem ser influenciados pela DRC terminal, bem como pela DP, impactando na Qualidade de Vida Relacionada à Saúde (QVRS) dos pacientes. Objetivos: Caracterizar os adultos e idosos em DP atendidos em Ribeirão Preto-SP, de dezembro de 2009 a março de 2010; descrever a QVRS destes pacientes por meio do Kidney Disease and Quality of Life-Short Form (KDQOL-SFTM) e comparar a QVRS dos pacientes em Diálise Peritoneal Ambulatorial Contínua (DPAC) e em Diálise Peritoneal Automatizada (DPA). Material e Método: Estudo seccional e populacional realizado nos dois serviços que oferecem o tratamento de DP em Ribeirão Preto. Foram incluídos no estudo 82 pacientes que atenderam aos seguintes critérios: ter 18 anos ou mais de idade; apresentar-se em tratamento por DPAC ou DPA por três meses ou mais; ter resultado satisfatório na avaliação cognitiva e não se encontrar hospitalizado por complicações agudas ou em tratamento de peritonite. Para a coleta de dados que ocorreu de dezembro de 2009 a março de 2010...

Avaliação dos efeitos do betabloqueador nebivolol sobre o peritônio em modelo experimental murino de diálise peritoneal; Assessment of the effects of beta-blocker nebivolol on the peritoneum in an experimental murine model of peritoneal dialysis

Mazo, Anna Rita Moraes de Souza Aguirre
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/10/2011 Português
Relevância na Pesquisa
67.06%
A falência de ultrafiltração (UFF) é uma causa importante de interrupção da diálise peritoneal (DP) enquanto terapia renal substitutiva. Além da inflamação crônica e aguda causadas à membrana peritoneal (MP) pelos produtos de degradação da glicose, produtos avançados da glicosilação, pH ácido das soluções e infecções, -bloqueadores (BB) também foram implicados na gênese da UFF. A vasoconstrição arteriolar esplâncnica é considerada a causa provável da UFF por BB. O nebivolol (NV), um bloqueador 1-adrenérgico altamente seletivo que, diferente de outros BB, possui efeito vasodilatador por aumento de óxido nítrico (NO) por ativar a via L-arginina-NO, foi testado em pacientes idosos com ICC e levou à redução na mortalidade. O objetivo desse estudo é analisar os efeitos do NV sobre a ultrafiltração (UF), MP e características do efluente em um modelo animal de DP, através do estudo de fenômenos envolvidos na degeneração da MP e UFF, como transição epitélio mesenquimal (EMT) e fibrose, além de parâmetros humorais e celulares de inflamação. 21 camundongos C57BL/6 fêmeas, não urêmicos, com 12 a 14 semanas, foram submetidos à colocação de cateter peritoneal. Após uma semana, foram divididos em 3 grupos de 7 animais: grupo controle (observação 30 dias)...

Atenção em diálise peritoneal no domicílio; Attention in Peritoneal Dialysis at Home

Abud, Ana Cristina Freire
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/11/2013 Português
Relevância na Pesquisa
67.15%
Estudo quantitativo, descritivo, transversal, visando avaliação da estrutura, do processo e do resultado em diálise peritoneal domiciliar. Participaram 90 pacientes em diálise peritoneal domiciliar de municípios em Sergipe de novembro de 2011 a julho de 2012. Foi empregado o referencial teórico da Avaliação de Cuidados em Saúde proposta por Donabedian (1980). A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista e observação sistematizada em domicílios com pacientes e cuidadores e por meio de consulta aos prontuários de saúde. Foram utilizados os programas Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) versão 20 e Epi info versão 3.5.1 do Centers for Disease Control and Prevention- CDC e para a análise testes paramétricos e não paramétricos. Em relação ao componente estrutura o espaço predominante para a realização da diálise peritoneal foi o quarto (98,9%). Havia rachaduras nas paredes em 15,5% e infiltrações em 11,1% dos domicílios. A água era tratada em 87,7% das casas e com rede de esgotamento sanitário em 76,6%. Em 76,6% das residências constatou-se a existência de pia para higienização das mãos localizada no quarto. Quanto aos pacientes 41...

Diálise peritoneal  e qualidade de vida relacionada à saúde: um estudo longitudinal; Peritoneal dialysis and health-related quality of life: a longitudinal study

Oliveira, Marília Pilotto de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/12/2014 Português
Relevância na Pesquisa
67.02%
Este estudo teve como objetivo geral analisar a evolução clínica e a QVRS de pacientes em Diálise Peritoneal (DP), dois anos após a primeira avaliação. Trata-se de uma pesquisa observacional, descritiva e analítica de delineamento longitudinal, realizada nos serviços de Diálise Peritoneal, no município de Ribeirão Preto, Estado de São Paulo, entre 2010 e 2012, tendo sido aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa sob número 1451/201. A primeira e a segunda etapas de coleta de dados foram realizadas pela pesquisadora, por meio de entrevistas, utilizando os instrumentos: Miniexame do Estado Mental, questionário de caracterização sociodemográfica, econômica, clínica e laboratorial e o Kidney Disease and Quality of Life. Foi realizada a análise descritiva dos dados sociodemográficos, clínicos, laboratoriais e de QVRS. Na análise da evolução da QVRS, foi utilizado o teste t pareado. Na determinação das variáveis preditoras de QVRS, foram empregados o teste t de Student e o Mann-Whitney, bem como o coeficiente de Correlação de Pearson. Na análise de sobrevivência, foram calculados o risco relativo não ajustado e o seu intervalo de confiança. Para estimar o risco de óbito, foram obtidas...

Variabilidade dos testes de adequação da diálise peritoneal ambulatorial contínua

Rodrigues, Arnaldo Teixeira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
67.13%
Os testes de adequação da diálise peritoneal ambulatorial contínua – (CAPD) e a determinação das características de transporte de solutos pela membrana peritoneal são muito importantes para a prescrição e avaliação da dose de diálise, assim como para a individualização da prescrição. Esses testes fornecem informações objetivas e permitem uma monitorização da dose de diálise oferecida para o paciente. Neste estudo, foi avaliada a variabilidade e reprodutibilidade dos testes de adequação da CAPD − depuração fracional de uréia (KT/V) e depuração de creatinina total semanal (D cr total semanal), assim como, a taxa de catabolismo protéico (PCR) – e do teste de equilíbrio peritoneal (PET), em pacientes em programa regular de CAPD nos ambulatórios de Nefrologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre e do Hospital Universitário de Santa Maria. Foram incluídos 24 pacientes e efetuadas três avaliações consecutivas, com realização dos testes de adequação da diálise e do teste de equilíbrio peritoneal em cada avaliação. O intervalo entre a avaliação I e II foi de 43,3 ± 23,4 dias e entre a avaliação II e III foi de 66,2 ± 42,8 dias. Em cada avaliação foram coletados dialisado e urina de 24 horas para dosagem de creatinina e uréia. Amostra de sangue foi coletada no final da coleta de 24 horas para dosagem de uréia e creatinina. Foi medido o volume de dialisado e de urina de 24 horas. No final da coleta de 24 horas foi realizado o teste de equilíbrio peritoneal (PET)...

Comparação dos parametros clinicos, PET, Kt/V e clearance semanal de creatinina entre crianças com diferentes tempos de dialise peritoneal

Rosangela Corghi Gonçalves
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em //2005 Português
Relevância na Pesquisa
67.22%
O controle ideal do paciente pediátrico em diálise crônica é bastante complexo, envolvendo não somente a adequação da diálise como também provendo condições para o desenvolvimento pôndero-estatural-intelectual da criança. Recomendações pediátricas para a obtenção destes ideais ainda são controversas. Diante disto, o objetivo do presente estudo foi comparar parâmetros clínicos, laboratoriais, características da membrana peritoneal e dose de diálise em pacientes pediátricos com diferentes tempos de diálise peritoneal. O estudo foi realizado em corte transversal em todos os pacientes em programa de diálise peritoneal ambulatorial crônica, manual ou automatizada, no Ambulatório de Nefrologia Pediátrica do HC-UNICAMP entre novembro de 2001 a março de 2004. Foram utilizadas as variáveis demográficas e as relacionadas ao tratamento, modalidade dialítica, número de episódios de peritonite, pressão arterial, peso, estatura, IMC, escores z peso, estatura e IMC/Idade para a avaliação clínica e as dosagens séricas de pH, HCO3 , Ht, Hb, ferro, ferritina, capacidade de fixação do ferro, saturação da transferrina, cálcio, fósforo, fosfatase alcalina, PTH, albuminemia, perfil lipídico; bem como as dosagens urinárias e peritoneais necessárias para a realização dos cálculos de função renal residual...

Experiências e práticas de pessoas em diálise peritoneal sobre sua condição e atenção à saúde

Zillmer, Juliana Graciela Vestena
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 254 p.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
67.22%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2014.; O presente estudo teve como objetivo compreender a experiência do adoecimento e da atenção ao adoecimento na perspectiva da pessoa com doença renal crônica em diálise peritoneal. Trata-se de um estudo sociocultural com enfoque etnográfico, desenvolvido em um Serviço de Nefrologia de um hospital público, no Rio Grande do Sul, Brasil. Utilizando amostragem teórica, 20 pessoas em diálise peritoneal ambulatorial contínua foram selecionadas. Os dados foram obtidos por meio de um conjunto de técnicas, entrevistas abertas e semiestruturadas, observação participante e análise de prontuário, com a coleta de dados realizada entre abril de 2013 e junho de 2014. As entrevistas foram gravadas e transcritas, sendo complementadas com notas de campo, e incluindo também as conversas ocasionais em diferentes ambientes do serviço. As entrevistas transcritas foram organizadas e gerenciadas com o uso do Software Ethnograph V6. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisas com Seres Humanos de uma universidade federal brasileira sob o número 538.882. Para a análise dos dados...

Clínica de animais de companhia: relatório de estágio de domínio fundamental: diálise peritoneal em cães e gatos

Gonçalves, Ana Carolina Pereira Paixão
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
67.06%
Este estágio, descrito no presente relatório, foi realizado no âmbito da conclusão do mestrado integrado em medicina veterinária, tendo tido lugar no Hospital Veterinário das Laranjeiras no período de 1 de Outubro a 30 de Março sob a orientação do Dr. Luís Cruz. Encontra-se dividido em duas partes, sendo a primeira referente à casuística assistida ao longo do período do estágio, e a segunda subordinada ao tema diálise peritoneal em cães e gatos. Por fim, encontram-se descritos e discutidos dois casos clínicos acompanhados pela autora, de dois felinos submetidos ao tratamento por diálise peritoneal. A diálise peritoneal é um processo de depuração do sangue que utiliza a membrana peritoneal como filtro, permitindo a transferência de solutos e água entre dois compartimentos, a cavidade peritoneal e os capilares peritoneais. É usada em doentes de qualquer peso, com bom temperamento, podendo ser realizada no Hospital ou em casa; ### Abstract: CLINIC FOR PETS REPORT OF FIELD KEY STAGE MONOGRAPH: PERITONEAL DIALYSIS IN DOGS AND CATS The practice period described in this report was conducted in the context of integrated masters in veterinary medicine. It took place at the Hospital Veterinário das Laranjeiras during a five months period (from October 1st to March 30th) under the guidance of Dr. Luis Cruz. It is divided into two parts. The first concerning the assisted sample during the practice period...

Estudo descritivo sobre a prática da diálise peritoneal em domicílio

Abrahão,Sarah Silva; Ricas,Janete; Andrade,Darly Fernando; Pompeu,Fátima Chagas; Chamahum,Leila; Araújo,Tâmara Miguel; Silva,José Maria Penido; Nahas,Cristiane; Lima,Eleonora Moreira
Fonte: Sociedade Brasileira de Nefrologia Publicador: Sociedade Brasileira de Nefrologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2010 Português
Relevância na Pesquisa
67.04%
INTRODUÇÃO: A partir da vivência no atendimento de crianças/adolescentes portadores de doença renal crônica (DRC) em tratamento dialítico no ambiente hospitalar pensou-se que aspectos seriam relevantes para a aplicação da diálise peritoneal domiciliar. O objetivo deste estudo foi descrever o nível de escolaridade e de informação do cuidador sobre a técnica de diálise peritoneal (DP), a renda familiar e condições gerais do local de realização da diálise e buscar associação com a realização inadequada da técnica. MÉTODO: Trata-se de um estudo descritivo do universo de 30 crianças e adolescentes com DRC assistidos pelo HC/UFMG no período de março de 2004 a maio de 2006. Os dados foram analisados utilizando-se o software SPSS versão 13.0. As seguintes variáveis foram testadas como possíveis fatores de risco para inadequação da técnica de diálise: escolaridade do cuidador, renda familiar, nível de informação do cuidador sobre a técnica de diálise, antissepsia das mãos, ausência de pia no quarto da diálise. RESULTADOS: A qualidade de aplicação da técnica de DP foi considerada inadequada em 18 (60%) pacientes. Todos os valores de Odds Ratio estiveram dentro dos limites dos intervalos de confiança (95%) e foram > 1...

Análise comparativa de biomarcadores do metabolismo de glicose e lipídeos em pacientes não diabéticos em hemodiálise e diálise peritoneal

Moraes,Thyago Proença de; Fortes,Paulo Cesar Nunes; Ribeiro,Silvia Carreira; Riella,Miguel Carlos; Pecoits-Filho,Roberto
Fonte: Sociedade Brasileira de Nefrologia Publicador: Sociedade Brasileira de Nefrologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
67.09%
OBJETIVO: O presente estudo foi desenhado pra investigar e comparar biomarcadores do metabolismo de glicose e lipídeos em pacientes não diabéticos em diálise peri>toneal e hemodiálise. MÉTODOS: O estudo possui um desenho prospectivo e transversal. Participantes: foram incluídos todos os pacientes prevalentes em terapia de substituição renal tratados em uma clínica universitária. Intervenções: não houve intervenções. Medida das variáveis principais: as amostras de sangue foram coletadas com jejum oral de 8 horas. Os níveis séricos de insulina foram determinados por quimioluminescência. Resistência insulínica foi avaliada pelo index QUICKI como se segue: 1/[log(Io) + log(Go)], onde Io é a insulina de jejum, e Go a glicemia de jejum. Índice HOMA também foi medido: (FPG × FPI)/22,5; FPG = glicemia de jejum (mmol/L); FPI = insulina de jejum (mU/mL). Os demais exames bioquímicos foram analisados utilizando métodos de rotina. RESULTADOS: Foram avaliados 154 pacientes (80 em hemodiálise e 74 em diálise peritoneal). Setenta e quatro pacientes diabéticos foram excluídos. Dos 80 pacientes restantes (55% homens, idade média de 52 ± 15 anos), 35 estavam em diálise peritoneal e 45 em hemodiálise. A glicemia em jejum dos pacientes em diálise peritoneal em relação à hemodiálise foi 5...

Peritonites em pacientes em diálise peritoneal: análise de um único centro brasileiro segundo a Sociedade Internacional de Diálise Peritoneal

Figueiredo,Ana Elizabeth; Poli-de-Figueiredo,Carlos Eduardo; Meneghetti,Franciele; Lise,Gonzalo Aejandro Pacheco; Detofoli,Caroline Costa; Silva,Luisa Bicca da
Fonte: Sociedade Brasileira de Nefrologia Publicador: Sociedade Brasileira de Nefrologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
67%
INTRODUÇÃO: A peritonite continua sendo a maior complicação para os pacientes em diálise peritoneal (DP). OBJETIVO: Este estudo teve como objetivo determinar as taxas de peritonite por episódio/ano (ep./ ano), ep./ano por microrganismo causador e pela mediana do número de peritonites nos pacientes em diálise peritoneal do Serviço de Nefrologia do Hospital São Lucas da PUCRS. MÉTODOS: Estudo retrospectivo e descritivo, no qual a amostra foi composta de pacientes que fizeram diálise peritoneal no Serviço de Nefrologia do HSL no período de 1984 a agosto de 2012; foram considerados somente os que possuíam dados completos. RESULTADOS: Dos 427 pacientes analisados, 53,2% eram do sexo feminino, com idade média de 48,0 ± 19,9 anos, 13% (56) de diabéticos e 71,5% (303) dos pacientes realizavam seu próprio tratamento. Ocorreram 503 episódios de peritonite e 255 pacientes tiveram pelo menos uma peritonite. Staphylococcus coagulase negativo foi o microrganismo mais prevalente. As causas de saída de tratamento foram óbito, transplante renal e peritonite, com 34,4, 25,8 e 19,2%, respectivamente. A taxa de peritonite foi de 0,63 ep./ano e ep./ ano por microrganismo foi de 0,18 ep./ ano para Staphylococcus coagulase negativo...

Avaliação da função cognitiva em pacientes com insuficiência renal crônica em diálise peritoneal

Costa, Caroline Reinhardt Correa
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
67.04%
Introdução: A doença renal crônica é um grave problema de saúde pública no país. Déficit cognitivo é comum em pacientes com insuficiência renal crônica terminal e depressão é uma condição prevalente na doença renal crônica terminal.Objetivo: avaliar a função cognitiva de pacientes com insuficiência renal crônica submetidos à diálise peritoneal no Hospital São Lucas da PUC e Hospital Beneficência Portuguesa de Pelotas.Materiais e Métodos: Estudo transversal controlado. Foram incluídos pacientes em tratamento para doença renal crônica terminal, em diálise peritoneal há pelo menos três meses, com idade acima de 18 anos, e pontuação no Mini Exame do Estado Mental acima de 18. Foram excluídos pacientes com demência prévia conhecida, história de acidente vascular cerebral, doença aguda, e hospitalizado com dificuldades de aprendizagem conhecidas. O grupo controle incluiu parentes saudáveis de pacientes em Diálise Peritoneal (DP) e Hemodiálise (HD), mesma idade e nível sócio-educativo. Todos os participantes foram submetidos a uma única aplicação de testes psicométricos no momento da consulta clínica ou agendados. Os testes utilizados foram a Escala de Inteligência Wechsler para Adultos (WAIS-III)...

Efeito da exposição de fibroblastos NIH/3T3 a diferentes soluções de diálise peritoneal

Poitevin, André Antunes
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
67.1%
Introdução: A contínua exposição da membrana peritoneal às soluções de diálise peritoneal convencionais, consideradas não fisiológicas, é um dos fatores de risco para o desenvolvimento de alterações morfológicas e funcionais do peritônio. Objetivo: Comparar a viabilidade celular in vitro de fibroblastos de camundongos NIH/3T3 expostos a diferentes soluções de diálise peritoneal. Materiais e Métodos: Estudo experimental; onde foram realizadas culturas de fibroblastos empregando meios de cultura contendo diferentes soluções de diálise (padrão e pH-neutro) nas 3 concentrações de glicose disponíveis. A viabilidade celular foi avaliada pelo método do sal de tetrazólio. Resultados: A viabilidade celular foi significativamente superior na solução com pH neutro em comparação a solução controle, nas três concentrações de glicose (Densidade óptica-média ± dp: 1. 5%controle 0,295±0,047 vs 1,5%pH neutro 0,372±0,042 P<0,001; 2,3%controle 0,270±0,036 vs 2,3% pH neutro 0,337±0,051 P<0,001; 4,25%controle 0,284±0,037 vs 4,25%pH neutro 0,332 ± 0,032 P<0,001). Não ocorreu diferença significativa na viabilidade celular entre as três concentrações de glicose quando se usou a solução de diálise peritoneal padrão (ANOVA P=0...

Relação entre o teste de equilíbrio peritoneal e alterações no peso corpóreo de pacientes em diálise peritoneal

Rocha, Sulene Rosa da
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
67.13%
Objetivo: o objetivo do presente estudo foi avaliar a relação entre aumento do peso corpóreo dos pacientes em diálise peritoneal e a função de transporte de solutos pelo peritônio.Métodos: os registros de 50 pacientes maiores de 18 anos, que realizavam diálise peritoneal há no mínimo de um ano, foram revisados retrospectivamente. As alterações de peso foram registradas em intervalos trimestrais até completarem um ano de terapia e, posteriormente, foram comparados com as categorias de transporte peritoneal avaliadas pelo teste de equilíbrio peritoneal às quais pertenciam os pacientes. Marcadores bioquímicos incluíram glicose, albumina e perfil lipídico avaliados no inicio e após um ano de terapia.Resultados: Foi detectado um efeito significativo do tempo em diálise na média de peso dos investigados, quanto realizada a análise de variância para medidas repetidas. A média final do índice de massa corporal (IMC) mostrou-se significativamente maior que a inicial. Também ocorreu uma redução significativa da albumina sérica. A variação do peso ao longo do primeiro ano de tratamento não foi significativamente diferente entre as categorias do teste de equilíbrio peritoneal.Conclusões: o presente estudo não demonstrou a existência de uma associação entre as características do transporte de membrana peritoneal e absorção de glicose...

Óxido nítrico e função peritoneal de pacientes em diálise peritoneal

Figueiredo, Ana Elizabeth Prado Lima
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
67.01%
Objetivo: O presente trabalho tem como objetivo avaliar os metabólitos do óxido níitrico (NO) no soro e no peritônio, e a função endotelial de pacientes em diálise peritoneal em diferentes categorias de transporte peritoneal, avaliados pelo teste de equilíbrio peritoneal. Método: Estudo transversal, em pacientes estáveis em DP. Quartis da razão dialisado/plasma (D/P) de creatinina, após 4 horas de permanência do líquido na cavidade, foram usados para classificar o transporte peritoneal em: baixo, baixomédio, alto-médio e alto. Os metabólitos do NO foram medidos por quimioluminescência (n=41), e a função endotelial avaliada através da dilatação mediada por fluxo da artéria braquial (n=31). Resultados: Os metabólitos do NO no soro, dialisado de 24 horas e de 4 horas não foram diferentes entre as categorias. A razão de NO no dialisado de 4 horas/soro (D/P de NO) também não foi diferente (p=0,096), mas houve tendência de aumento do baixo para o alto transportador. A mediana (intervalo interquartil) da dilatação mediada por fluxo não foi diferente entre os grupos. Houve correlação entre NO no soro e dialisado de 4 horas (r=0,891, p<0,001). A D/P de NO foi inversamente correlacionada com o transporte peritoneal de glicose (r=-0...

A experiência vivida pelos pacientes em diálise peritoneal domiciliar: uma abordagem fenomenológica; La experiencia vivida por pacientes en diálisis peritoneal domiciliaria: un abordaje fenomenológico; Patients' experiences of peritoneal dialysis at home: a phenomenological approach

Sadala, Maria Lúcia Araújo; Bruzos, Gabriela Azevedo de Souza; Pereira, Estela Regina; Bucuvic, Edwa Maria
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
67.02%
O objetivo deste estudo foi compreender a experiência da diálise peritoneal domiciliar, a partir da narrativa dos pacientes. A abordagem do estudo inspirou-se na fenomenologia hermenêutica de Paul Ricoeur. Foram entrevistados 19 pacientes na unidade de hemodiálise de um hospital público brasileiro, de março a setembro de 2009. As entrevistas foram orientadas pela questão: descreva sua experiência na diálise peritoneal. Os resultados desvelaram a percepção dos participantes sobre o significado da doença em suas vidas e as drásticas transformações pessoais sofridas nesse processo. Sentimentos de angústia e dor física foram acompanhados por importantes limitações pessoais e sociais, impostas pelo tratamento. Eles esperam por um futuro incerto, reconhecendo sua dependência da ajuda dos familiares e dos profissionais da saúde. Os resultados desvelam as dificuldades e a falta de perspectivas vividas pelos pacientes em diálise, demonstrando o papel crucial que cabe aos profissionais que os acompanham. Ajudá-los a desenvolver o autocuidado e maximizar sua qualidade de vida é prioridade na assistência a esses pacientes.; El objetivo de este estudio fue comprender la experiencia de la diálisis peritoneal domiciliaria...

EL CUIDADO AL RECIÉN NACIDO SOMETIDO A LA DIÁLISIS PERITONEAL: DESAFÍOS PARA EL EQUIPO DE ENFERMERÍA; CARE FOR THE NEWBORN WHO RECEIVED PERITONEAL DIALYSIS: CHALLENGES FOR THE NURSING TEAM; O CUIDADO AO RECÉM-NASCIDO SUBMETIDO À DIÁLISE PERITONEAL: DESAFIOS PARA A EQUIPE DE ENFERMAGEM

Silva, Rosane Munhak; Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Campus de Foz do Iguaçu.; Carvalho, Karina Xavier; Instituto Nossa Senhora Aparecida - Umuarama.; Zilly, Adriana; Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Campus de Foz do Iguaçu.; Car
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Pesquisa descritiva; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 31/03/2015 Português
Relevância na Pesquisa
67.06%
This study aimed to characterize newborns with Acute Kidney Injury and who needed peritoneal dialysis in a neonatal intensive care unit in the south of Brazil, in the period 2007 – 2010. To this end, a descriptive study of the case study type was undertaken in the first semester of 2012, based on a search for data in medical records, collected using a structured instrument. A total of 10 newborns with Acute Kidney Injury was identified; of these, two underwent peritoneal dialysis, as they were extremely premature. However, they presented complications and died. It is concluded that knowing the problems in the care in peritoneal dialysis leads to an understanding of the need for professional training and continuous education in the neonatal health services.; Se objetivó en este estudio caracterizar recién nacidos que presentaron Lesión Renal Aguda y necesitaron de diálisis peritoneal en una unidad de terapia intensiva neonatal del sur de Brasil en el periodo de 2007 a 2010. Para eso, fue realizada una investigación descriptiva del tipo estudio de caso, en el primer semestre de 2012, a partir de la búsqueda de datos en prontuarios, obtenidos por medio de un instrumento estructurado. Fueron identificados diez recién nacidos con Lesión Renal Aguda; de estos...