Página 1 dos resultados de 359 itens digitais encontrados em 0.015 segundos

Responsabilidade social nas organizações : Avaliação das motivações no desenvolvimento e implementação de práticas socialmente responsáveis

Gonçalves, Rosa Maria Queirós
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
86.09%
A presente dissertação consiste num trabalho de investigação, descritivo e exploratório, cujo objetivo foi abordar o conceito de responsabilidade social, enfatizando a sua vertente organizacional. Teve como principal desafio, por um lado, compreender a dinâmica da implementação de medidas socialmente responsáveis por parte das organizações, por outro lado, avaliar as motivações das organizações no que respeita às práticas de responsabilidade social. Com base no estudo de caso realizado, concluiu-se que na organização estudada a adoção de políticas socialmente responsáveis está diretamente relacionada com o seu modelo de gestão, que é baseado na sua visão, missão e valores. Com o culminar deste trabalho, pode-se aferir que as organizações cuja gestão é baseada em valores estão mais comprometidas com o desenvolvimento sustentável.; This dissertation consists of a piece of research, descriptive and exploratory, aimed at addressing the concept of social responsibility, emphasizing its organizational aspect. The main challenge was to, on one hand, understand the dynamics of the implementation of socially responsible measures by organizations, on the other hand, assessing the motivations of organizations with regard to social responsibility practices. Based on the case study conducted...

Responsabilidade social nas organizações classe mundial no Brasil : só um discurso ou desempenho sustentável ?

Cajazeira, Jorge Emanuel Reis
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
86.07%
Estudos demonstraram a associação entre as empresas classe mundiais, ganhadoras dos Prêmios Nacionais de Qualidade em seus países, e o sucesso financeiro dessas organizações. Falta na literatura acadêmica, um elo demonstrado empiricamente a associação entre os modelos de Excelência e os critérios de performance socioambientais. Nosso estudo buscou entender o alinhamento entre os conceitos de Qualidade e Excelência com os conceitos de Responsabilidade Social e Sustentabilidade, determinando os elementos de interface e buscando inter-relações. A partir da aplicação de um modelo consagrado de mensuração do desempenho Sustentável no país, os Indicadores Ethos, em quatro empresas vencedoras do PNQ - Prêmio Nacional da Qualidade no Brasil. Comparando os resultados obtidos com o banco de dados do Instituto Ethos e suas melhores práticas, o nosso estudo buscou responder a pergunta se existe uma associação entre a busca da Qualidade Total e o desempenho Sustentável, ou seja, aquele distribuído com justeza entre o social, o ambiental e o econômico. Para isso, utilizamos uma ampla revisão bibliográfica e uma pesquisa de campo com quatro empresas ganhadoras do PNQ, com portes, localização e atividades representativas das organizações vencedoras. Os resultados foram comparados utilizando-se elementos da estatística não-paramétrica e apontam para um desempenho superior das empresas classe mundial em relação ao banco de dados do Instituto Ethos e equivalente às melhores práticas registradas no Instituto. Ademais...

Responsabilidade social

Karkotli, Gilson Rihan
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
86.15%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; O presente trabalho vem discutir o exercício da responsabilidade social como estratégia empreendedora nas organizações, chamando a atenção dos empreendedores para a importância, bem como para os benefícios e vantagens, que poderão obter com a prática e implementação de uma gestão da responsabilidade social em suas empresas. O trabalho procurou inicialmente pesquisar os aspectos conceituais e evolutivos da responsabilidade social perpassando por vários posicionamentos que marcam a evolução histórica das preocupações com o tema e seu tratamento no âmbito social e empresarial. Na seqüência apresenta-se os principais indicadores da responsabilidade social,com ênfase para o indicador de sustentabilidade social, que busca auferir o retorno do investimento. Em decorrência foi construído um quadro teórico para identificar as interfaces entre estratégia empreendedora e responsabilidade social nas organizações no qual foi comprovado teoricamente que a responsabilidade social é uma estratégia empreendedora. Foi realizada uma pesquisa empírica onde se buscou identificar se a responsabilidade social é uma estratégia empreendedora por meio do método estudo de multicasos. A partir dos resultados obtidos defende-se a tese de que toda empresa responsável social é empreendedora na sua essência...

Ferramentas de responsabilidade social

Cortez, Rodrigo Claudino
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 200 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
86.18%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Administração, Florianópolis, 2013.; Ferramentas de responsabilidade social (RS) fornecem diretrizes, princípios, critérios, requisitos, sistemas de avaliação, sistemas de gestão, e programas que direcionam organizações a alcançarem objetivos relacionados à RS. Estas ferramentas são cada vez mais necessárias para gerir os desafios da responsabilidade social corporativa (RSC). Pressionados por uma gestão socialmente responsável, líderes empresarias têm aderido a um número considerável de ferramentas de RS. Entretanto, devido à grande quantidade de ferramentas atualmente disponíveis, muitos gestores não sabem quais escolher para construir e gerir a responsabilidade social empresarial. Esta dissertação propôs como objetivo geral realizar uma análise comparativa das ferramentas de RS mais aderidas pelas empresas que compõem o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) de 2012 da BM&FBOVESPA. Para o alcance deste objetivo fez-se uso da pesquisa documental, da análise de conteúdo e da análise comparativa. Os documentos analisados foram os relatórios anuais de sustentabilidade das empresas que compõem o ISE de 2012. A análise dos relatórios revelou 97 ferramentas de responsabilidade social...

A Avaliação da prática da responsabilidade social nas organizações por meio do balanço social

Duarte, Wanessa Silva
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
86.07%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Ciências Contábeis; A responsabilidade social é um comportamento cada vez mais importante nas organizações e é vista como uma aliada, para buscar melhores condições de vida para seus funcionários e para sociedade envolvida. As organizações estão buscando assumir uma postura ética e cidadã, com todos os envolvidos no processo da empresa, como os empregados, fornecedores, clientes, acionistas, investidores, governo, sociedade e meio ambiente. O objetivo principal deste trabalho é à análise dos Indicadores Sociais Internos e Externos contidas no Balanço Social dos anos de 2008 e 2009 da Eletrosul S.A. e Tractebel S.A.. A metodologia utilizada é classificada de acordo com o objetivo da pesquisa, sendo exploratória e descritiva, quanto aos procedimentos, caracterizada como uma pesquisa documental e quanto à abordagem, definida como quanti-qualitativa. Com esta análise é possível responder ao problema inicial da monografia, ou seja, quais informações referentes aos Indicadores Sociais Internos e Externos constam nos Balanços Sociais destas empresas. Observou-se que a Eletrosul S.A. apresentou um modelo de Balanço Social mais completo e detalhado o do Instituto ETHOS e a Tractebel S.A. um modelo mais simples e resumido o do Instituto IBASE

Responsabilidade Social nas empresas que compõem o Índice de Sustentabilidade Empresarial da BOVESPA – ISE

Machado, Willian Maiate
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: f.; 90 f.
Português
Relevância na Pesquisa
95.98%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências Contábeis; Este trabalho tem como objetivo central examinar a relação entre o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da Bolsa de Valores de São Paulo (BOVESPA) e os indicadores ambientais e sociais (internos e externos) constantes no Balanço Social das empresas que compõem este índice, no ano de 2005. Inicia-se com a apresentação do tema e problema de pesquisa, dos objetivos geral e específicos, da justificativa de estudo, da metodologia, das limitações e organização da pesquisa. Inicialmente busca-se através de conceitos, teorias e práticas sobre Índice de Sustentabilidade Empresarial, Responsabilidade Social nas Organizações, Balanço Social, Demonstração do Valor Adicionado (DVA), Governança Corporativa e o Novo Mercado (BOVESPA), Gestão Ambiental e Sistema Contábil Gerencial Ambiental (SICOGEA) suporte para conclusão da pesquisa. Na seqüência tem-se o estudo de campo, que juntamente com a fundamentação teórica são essenciais para se alcançar os objetivos propostos, os quais são atingidos plenamente. Posteriormente conclui-se que o Índice de Sustentabilidade Empresarial da BOVESPA...

Gestão pela cultura ética e de responsabilidade social nas organizações hoteleiras de 4 e 5 estrelas no Algarve como factores de atracção de candidatos de elevado potencial.

Contreiras, Joaquim; Jorge, Fátima; Carrasco, Paulo
Fonte: II SEMIINÁRIO DE DOUTORANDOS, ESGHT (UALG) 2011 - Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo da Universidade do Algarve Publicador: II SEMIINÁRIO DE DOUTORANDOS, ESGHT (UALG) 2011 - Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo da Universidade do Algarve
Tipo: Aula
Português
Relevância na Pesquisa
86.08%
O conceito de Responsabilidade Social Empresarial (RSE) encontra-se inegavelmente na ordem do dia. Várias disciplinas têm procurado investigar pormenorizadamente em diversos campos de estudo os potenciais benefícios que a adopção de práticas de gestão socialmente responsáveis pode acarretar para o sucesso e sustentabilidade das mais diversas organizações. Estudos recentes sugerem que a percepção do envolvimento da organização em práticas de Responsabilidade Social influencia positivamente a adesão das pessoas, não só daquelas que já trabalham nas organizações, mas também de futuros trabalhadores. Neste estudo centramos as nossas atenções nos Candidatos de Elevado Potencial (CEP) que identificamos junto dos finalistas de cursos na área da hotelaria e do turismo e de activos em formação contínua em Escolas Técnicas e de Ensino Superior.

Gestão pela cultura ética e de responsabilidade social nas organizações hoteleiras de 4 e 5 estrelas no Algarve como fatores de atração de candidatos de elevado potencial

Contreiras, Joaquim; Jorge, Fátima; Carrasco, Paulo
Fonte: Journal of Tourism and Development Publicador: Journal of Tourism and Development
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
96.06%
Identificar se, do ponto de vista da sua imagem, as organizações estão identificadas, por potenciais candidatos (de elevado potencial), como possuidoras de estratégias e políticas eficazes de Responsabilidade Social; compreender se esta identificação resulta numa intenção de candidatura a colaborador das organizações em estudo; caracterizar as estratégias de Responsabilidade Social destas organizações, em oposição a políticas paternalistas e de efeito imediato.

Gestão pela cultura ética e de responsabilidade social nas organizações hoteleiras de 4 e 5 estrelas no Algarve como factores de atracção de candidatos de elevado potencial

Contreiras, Joaquim Francisco Monteiro Pinheiro Pinto
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
86.13%
O conceito de Responsabilidade Social Empresarial encontra-se, inegavelmente, na ordem do dia. Várias disciplinas têm procurado investigar pormenorizadamente em diversos campos de estudo os potenciais benefícios que a adopção de práticas de gestão socialmente responsável pode acarretar para o sucesso e sustentabilidade das mais diversas organizações. Estudos recentes sugerem que a percepção do envolvimento da organização em práticas de Responsabilidade Social influencia positivamente a adesão das pessoas, não só daquelas que já trabalham nas organizações, mas também de futuros trabalhadores. Neste estudo centramos as nossas atenções nos Candidatos de Elevado Potencial que identificamos junto dos finalistas de cursos na área da hotelaria e do turismo e de activos em formação contínua em Escolas Técnicas e de Ensino Superior. No estudo qualitativo procuramos através da realização de entrevistas semi-estruturadas com base num guião, recolher informação junto de administradores e outros responsáveis por grupos Hoteleiros a operar no Algarve que nos permitam preencher um Scorecard Ético previamente construído e por nós adaptado, que irá classificar cada um dos Grupos Hoteleiros participantes neste estudo. Igualmente é realizado um estudo quantitativo com análise de conteúdo a 256 questionários aplicados a finalistas de cursos superiores e técnicos na área da hotelaria e do turismo em escolas no Algarve...

As práticas de responsabilidade social organizacional: uma análise nas empresas cabo-verdianas

Oliveira, António Avelino Ramos
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
96.28%
Dissertação de Mestrado / JEL Classification System: M10; M14; A responsabilidade social organizacional (RSO) constitui um assunto cada vez mais discutido no seio dos diversos sectores e é considerado importante na gestão das organizações. As acções de responsabilidade social, gradualmente, têm vindo a tornar-se um diferencial em termos de estratégia e competitividade, contribuindo, no seu todo, para a sustentabilidade da sociedade e das pessoas que nela vivem. Assim, torna-se importante compreender a forma como as organizações e seus gestores entendem e assumem o seu compromisso para com todos os stakeholders, bem como despertar-lhes o interesse para os benefícios e vantagens que poderão obter com a prática e implementação de uma gestão da responsabilidade social nas organizações. Apesar de as práticas de RSO constituírem ainda um assunto muito recente em Cabo Verde, já é notável o crescimento das acções desencadeadas pelas organizações em prol de uma sociedade mais justa, responsável e transparente. Com o objectivo de identificar as práticas de responsabilidade social das organizações cabo-verdianas na sua vertente económica...

O marketing social aplicado à criação do conceito de responsabilidade social nas empresas, no âmbito do CLDS de Alcobaça - Nazaré

Gonçalves, José Adolfo
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
96.08%
Mestrado em Marketing; Esta Tese pretende demonstrar qual a abordagem utilizada na aplicação das técnicas de Marketing Social a um projecto real inserido no âmbito do programa comunitário executado por via dos Contratos Locais de Desenvolvimento Regional. O problema fulcral que esta tese pretende resolver corresponde à ineficácia no chamamento das empresas a aderirem aos programas sociais de desenvolvimento, sobretudo numa altura de contenção económica em que o seu enfoque está mais orientado para a sua própria sobrevivência. Mais concretamente, a problemática consiste em ultrapassar a dificuldade verificada na difusão do conceito de Responsabilidade Social nas organizações. Geograficamente este trabalho está limitado ao projecto Inter-concelhia que inclui apenas os concelhos da Nazaré e de Alcobaça, remetendo os seus resultados a uma realidade empresarial relacionada apenas com as regiões em questão. Esta Tese visa a aplicação directa do conceito de Marketing Social na abordagem às organizações, tendo como “pano de fundo” um projecto real, e um interveniente real. No final deste trabalho devemos concluir que “Vender” ideias sobre novos comportamentos e alterar consciências nas empresas não é o mesmo que vender produtos ou serviços...

A Responsabilidade social das organizações e as estratégias de atuação organizacional: efeito mediador da justiça organizacional percebida

Oliveira, Ana Catarina Moura de
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
96.12%
Mestrado em Psicologia Social e das Organizações.; A Responsabilidade Social das Organizações (RSO) traduz-se na adoção de práticas voluntárias por uma organização, que demonstram uma preocupação não só com benefícios económicos, mas também com o impacto social e ambiental na comunidade (Comissão Europeia, 2001). A RSO e os seus efeitos nos diversos stakeholders da organização é uma temática que se tem vindo a expandir na literatura nos últimos anos (Carroll & Shabana, 2010). No entanto ainda existem várias lacunas na investigação, nomeadamente no que refere aos efeitos do desempenho socialmente responsável no comportamento e atitudes dos trabalhadores (Aguinis & Glavas, 2012). Esta dissertação procurou contribuir para a redução dessas lacunas, analisando a relação entre as práticas de responsabilidade social adotadas pelas organizações e a escolha das estratégias de atuação por parte dos colaboradores, quando confrontados com um problema ou situação de insatisfação (Comportamentos de Voz, Negligência, Lealdade ou Saída), e explorando o potencial papel mediador da justiça organizacional percebida nessa relação. Aplicou-se um questionário electrónico, composto por três escalas de resposta múltipla...

Responsabilidade social na gestão das organizações: caminhos para a certificação

Centeno, Celina da Conceição Ribeiro
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
86.25%
A presente dissertação aborda a temática da responsabilidade social nas organizações e, mais concretamente, as iniciativas existentes nesta área ao nível da normalização e da certificação. O objectivo fundamental para este estudo centra-se na realização de um diagnóstico das práticas em vigor na Fundação D. Laura dos Santos à luz dos requisitos da Norma SA 8000 com vista numa possível certificação. Esta investigação surge num contexto em que cada vez com mais frequência a expressão desenvolvimento sustentável emerge como um objectivo a alcançar. Trata-se de uma forma de progresso das organizações que não só satisfaça as necessidades do presente, como não comprometa a capacidade das gerações futuras na satisfação das suas próprias necessidades. O desenvolvimento sustentável torna as empresas mais competitivas, mais resistentes e com um mais elevado nível de flexibilidade num contexto mundial em constante mutação. Na actualidade, as organizações fazem parte de um contexto global pelo que a adopção de uma atitude de abertura é um aspecto fundamental. As questões relativas à sua sustentabilidade devem pois assumir um papel preponderante ao nível da sua estratégia e na sua actividade...

Responsabilidade social nas organizações de trabalho: benevolência ou culpa?

Domingos,Maria de Lurdes Costa
Fonte: Conselho Federal de Psicologia Publicador: Conselho Federal de Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2007 Português
Relevância na Pesquisa
116.13%
A responsabilidade social das organizações compreende ações concretas expostas publicamente para anunciar uma nova postura dos dirigentes dos sistemas de produção frente às contradições e às tensões provocadas pelo capitalismo na sociedade. A partir dos conhecimentos da psicossociologia, nosso objetivo é refletir sobre a emergência desse tema para além do discurso positivista tradicional. Primeiramente analisaremos o assunto como parte da "nova ordem social" afirmada com a globalização. Nesse sentido, consideraremos a importância de observá-la em sua complexidade, compreendida, simultaneamente, enquanto ordem e desordem, racionalidade e subjetividade do sistema capitalista que a criou. Posteriormente, destacaremos a responsabilidade social nas organizações, reveladora da sua preocupação com a sustentabilidade social, mas também como meio de remissão da culpa pela destruição que o sistema produtivo impõe à imensa maioria da humanidade.

O tema da proteção ambiental incorporado nos discursos da responsabilidade social corporativa

Carrieri,Alexandre de Pádua; Silva,Alfredo Rodrigues Leite da; Pimentel,Thiago Duarte
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
86.08%
O objetivo do estudo é evidenciar e discutir a configuração dos discursos sobre a responsabilidade social nas organizações, assim como a sua incorporação da temática ambiental. Assume-se que várias estratégias são adotadas para disseminar determinado discurso sobre essas questões. Porém as ambigüidades inerentes à inserção desses temas nas organizações remetem a um discurso fragmentado (Fineman, 1996), revelando práticas de abertura e de dissimulação. A discussão teórica parte do tema responsabilidade social, o confronta com a temática ambiental e relaciona os discursos com as ambigüidades das práticas organizacionais oriundas dos dois temas. Por fim, um estudo de caso na Antena embasa a discussão. Os dados foram coletados por meio de pesquisa documental e de 40 entrevistas semi-estruturadas. Foi utilizado o método da Análise do Discurso (Fiorin, 1989). Como conclusão, comprovou-se que a preocupação com a responsabilidade social, já incorporando a temática ambiental, permeia a organização. Ela está na fala e em ações da alta direção, dos gerentes e de boa parte dos técnicos. Entretanto o silêncio sobre os limites dessa responsabilidade é preenchido por um grupo de técnicos que revela a dissimulação...

Marketing social, ética e responsabilidade social nas organizações

Silva, Carlos Eduardo Gonçalves da
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
96.04%
Trata do conceito e as aplicações do marketing social nas organizações. Destaca que as campanhas de mudança social podem alcançar objetivos de influir, determinar e mudar as ideias e as práticas. Fala da deficiência do Estado em atender todas as necessidades sociais e de como o marketing social pode tornar-se uma forma de exercício de responsabilidade social e pode chegar a construir, em longo prazo, um valor diferencial para a marca e uma vantagem competitiva para as empresas. Comenta a importância da ética no contexto empresarial.

Responsabilidade social nas organizações: o impacto na identificação e no empenhamento organizacional

Pereira, Inês Raquel Sombreireiro
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
86.07%
A crescente evolução do conceito de RS conduziu as organizações a uma nova perspetiva. Atualmente, as organizações assumem um papel mais ativo e dinâmico perante os seus colaboradores e a sociedade. As práticas de RS implementadas promovem a maximização de lucro das empresas, mas também funcionam como um factor crucial de desenvolvimento das relações humanas e de diferenciação competitiva, que permitem o alcance de benefícios sociais e ambientais. A presente investigação teve como objetivo geral, analisar o impacto que a RS tem no processo de Identificação dos colaboradores com a organização e no seu EO, numa amostra constituída por 182 colaboradores. Os dados foram recolhidos através de um instrumento constituído por três escalas: a escala de Responsabilidade Social – Model of Corporate Social Responsibility (Quazi & O’Brien, 2000), a escala de Identificação Organizacional (Oliveira, 2008) e a escala de Empenhamento Organizacional (Rego, Cunha & Souto, 2006). Foram também registados alguns dados da organização e algumas variáveis demográficas dos inquiridos. Os resultados obtidos sugerem que a RS contribuiu positivamente para a IDO dos indivíduos, bem como no tipo de empenhamento e laço que os colaboradores estabelecem para com a organização. Verifica-se que a RS e a IDO têm um poder preditor sobre qualquer das dimensões do EO. De um modo geral...

Proposta de Aplicação de um Sistema de Gestão da Responsabilidade Social segundo a Norma NP 4469-1:2008: O Caso da ESTG

Rosa, Ana
Fonte: Instituto Politécnico da Guarda Publicador: Instituto Politécnico da Guarda
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
86.1%
O Ensino Superior é imprescindível na formação dos recursos humanos mais qualificados e responsáveis pelo bem comum no universo globalizado. Também, é, absolutamente, vital para o desenvolvimento do país e para a promoção da Responsabilidade Social. Assim, compreender e aceitar a importância da Responsabilidade Social, não é apenas uma questão em voga, necessidade, estratégia ou dever ético, mas é uma questão de sobrevivência. Assumir o compromisso com a Responsabilidade Social é, sem dúvida, o maior desafio que se coloca actualmente ao desenvolvimento global das organizações. De nada serve tentar promover a Responsabilidade Social nas organizações, se ela não é compreendida pelos recursos humanos mais qualificados daquelas. Falar sobre Responsabilidade Social num país só faz sentido se os seus alicerces básicos, como a educação, estiverem em conformidade com essa realidade. A preocupação já existente na ESTG para com a temática da Responsabilidade Social, fruto da consciencialização de que o Ensino Superior tem de estar preparado para as exigências de uma sociedade competitiva, globalizada que apela à Qualidade, Ética e Responsabilidade Social, revela-se ainda, na nossa opinião, muito tímida. Importa...

Responsabilidade social na gestão das organizações: caminhos para a certificação

Centeno, Celina da Conceição Ribeiro
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
86.25%
A presente dissertação aborda a temática da responsabilidade social nas organizações e, mais concretamente, as iniciativas existentes nesta área ao nível da normalização e da certificação. O objectivo fundamental para este estudo centra-se na realização de um diagnóstico das práticas em vigor na Fundação D. Laura dos Santos à luz dos requisitos da Norma SA 8000 com vista numa possível certificação. Esta investigação surge num contexto em que cada vez com mais frequência a expressão desenvolvimento sustentável emerge como um objectivo a alcançar. Trata-se de uma forma de progresso das organizações que não só satisfaça as necessidades do presente, como não comprometa a capacidade das gerações futuras na satisfação das suas próprias necessidades. O desenvolvimento sustentável torna as empresas mais competitivas, mais resistentes e com um mais elevado nível de flexibilidade num contexto mundial em constante mutação. Na actualidade, as organizações fazem parte de um contexto global pelo que a adopção de uma atitude de abertura é um aspecto fundamental. As questões relativas à sua sustentabilidade devem pois assumir um papel preponderante ao nível da sua estratégia e na sua actividade...

Responsabilidade social das organizações: um caminho a sós para a satisfação dos trabalhadores ou acompanhada pelo suporte das organizações?

Nascimento, Patrícia Cardoso
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
96.14%
Mestrado em Economia da Empresa e da concorrência; O interesse pela investigação sobre responsabilidade social das organizações (RSO) tem-se tornado cada vez maior, quer ao nível institucional, quer ao nível organizacional. Contudo ainda são escassos os estudos que se centram no nível de análise individual, mais concretamente no que respeita aos colaboradores. Por consequência, esta dissertação centrou-se na perceção dos colaboradores quanto ao envolvimento das organizações em ações de RSO, avaliando a sua relação com a satisfação no trabalho. É de clara importância perceber em que sentido é que se correlaciona a perceção de RSO nas suas várias dimensões (trabalhadores, económica, comunidade/ambiente) com a satisfação no trabalho. O grande desafio residiu no estudo da variável mediadora, perceção de suporte organizacional (POS), visto serem escassos ou nulos os estudos que relacionam esta variável quer com a responsabilidade social, quer com a satisfação no trabalho. Para tal, foi necessária a realização de um questionário, distribuído eletronicamente, a 175 trabalhadores de diferentes organizações e áreas profissionais. Da análise dos dados recolhidos foi possível concluir que existe um incremento da capacidade de análise da relação entre a perceção de responsabilidade social e a satisfação no trabalho...