Página 10 dos resultados de 761 itens digitais encontrados em 0.021 segundos

Definição do modal de transporte ótimo para componentes comprados numa empresa aeronáutica brasileira. ; Definition of the optimum modal transportation for purchased components in a brazilian aeronautical company.

Carvalho, Jeferson Dutra de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/07/2006 Português
Relevância na Pesquisa
96.09%
O presente trabalho tem por objetivo definir o modal de transporte ótimo para componentes comprados que abastecem a linha de produção de uma empresa aeronáutica, ao menor custo logístico. Devido a característica do material e das exigências de órgãos e entidades responsáveis pelo ambiente industrial aeronáutico, os fornecedores são especializados e de origem internacional, pois as indústrias nacionais ainda não têm a certificação exigida para produzir tais materiais, salvo algumas poucas exceções, o que onera e torna a cadeia de suprimentos muito mais complexa. Portanto, para atingir o objetivo proposto utilizou-se um modelo heurístico, que decide o modal de transporte ótimo para transportar estes materiais de sua origem, EUA ou Europa, até seu destino que é o Brasil.; The present paper aims to define an optimum modal of transportation for acquired components used to supply the production line in a Aeronautical Company, based on the lowest logistic cost. Due to the caracteristics of such material and the special requirements of the Governamental agencies as well as the specific agencies that rule the aeronautical industrial environment, the suppliers which are in its vast majority of this net are from abroad. It happens due to the fact that the local Industry do not hold the required certification to manufacture or assemble such materials which throws the costs and its complexity much more present. Some few isolated companies constitute a exception of this general frame. Based on the exposed...

Diretrizes para a implantação da gestão estratégica de suprimentos em empresas construtoras.; Guidelines for strategic sourcing implementation at construction companies.

Moratti, Tathyana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2010 Português
Relevância na Pesquisa
86.44%
Todo e qualquer empreendimento começa a se materializar na área suprimentos de uma empresa, sendo a principal função de esta área adquirir os materiais e serviços que compõem os empreendimentos. A gestão de suprimentos estabelecida para um determinado empreendimento pode fazer com que este tenha, ou não, um bom desempenho, bem como possibilitar que a execução seja mais eficiente e eficaz. Esta gestão, além de ser a mais adequada para a execução do empreendimento, deve também refletir a estratégia da organização, para que seja garantida a vantagem competitiva escolhida. Dada a sua importância, esta pesquisa tem como objetivo identificar as principais diretrizes envolvidas para a implantação da gestão estratégica de suprimentos em empresas construtoras. Inicialmente, foi realizada uma revisão bibliográfica a respeito dos temas: gestão da cadeia de suprimentos, gestão de suprimentos e gestão estratégica de suprimentos. Em seguida, foi realizado um estudo das características do setor da construção e de suas respectivas gestão da cadeia de suprimentos e gestão de suprimentos. Para que fossem identificadas as diretrizes, foi realizada uma revisão bibliográfica a cerca dos processos envolvidos na gestão estratégica de suprimentos...

Uma análise na implantação do CPFR em empresas de varejo; A review of the implementation of retail business in CPFR

Borges, Wagner Luis
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
86.47%
A gestão da cadeia de suprimentos, suas complexidades e os desafios relacionados à interação entre os elos, que são formados geralmente por empresas de culturas e estruturas diferentes, trazem desafios quanto à interação desses elos. Algumas iniciativas de gestão da cadeia de suprimentos, com conceitos de colaboração são utilizadas, com propósito de oferecer maior interação ao longo da cadeia de suprimentos. Uma dessas iniciativas denominada CPFR, propõe uma concepção colaborativa nas atividades de planejamento, previsão e reposição, e vem sendo adotada entre varejos e fornecedores. Seus resultados, suas vantagens, suas barreiras e os processos para a sua implantação através de uma metodologia adotada pela VICS® são expostos, entretanto, pouco se tem evidenciado nestes trabalhos a relação quanto à maturidade necessária para implantar uma atividade colaborativa na cadeia de suprimentos varejista. A colaboração talvez exija esforços que podem ser constituídos além das questões estruturais de uma organização. Este trabalho tem como objetivo propor uma avaliação destes aspectos colaborativos na implantação do CPFR. Para isso, o tema CPFR e a concepção da colaboração na cadeia de suprimentos foram revisados e foram utilizados multi-casos de uso onde o CPFR foi implantado no varejo brasileiro. Os resultados obtidos por esses estudos de casos apontam maiores dificuldades aos aspectos da colaboração exigidos na implantação do CPFR ou durante ela...

Proposta de um método para planejamento e gestão da cadeia de suprimentos de empresas compradoras de frutas no Brasil; Proposal of a supply chain planning and management method for a Brazilian fruits buyer company

Nakatani, Julio Kyosen
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/08/2013 Português
Relevância na Pesquisa
86.57%
No cenário mundial, o Brasil ocupa a terceira posição de maior produtor de frutas no mundo. E para a economia nacional, a importância desse setor de frutas fica evidenciada, pois o mercado de frutas corresponde a aproximadamente 10% do PIB agropecuário, sendo que as frutas frescas movimentaram mais de 270 milhões de dólares em 2009 e o mercado de sucos e néctares mais de 1,8 bilhão de dólares. No entanto, as empresas compradoras de frutas estão sofrendo pelo efeito da flutuação da demanda na produção, ineficiência coletiva, falta de compreensão da dinâmica do processo de fornecimento e redução na rentabilidade de todos os membros da cadeia de frutas. O gerenciamento de suprimentos tem sido apontado como uma das formas de diminuir esta instabilidade e melhorar os resultados de todos os envolvidos na entrega do produto. No entanto, as evidências empíricas não estão relacionadas ao setor de frutas. Na tentativa de contribuir com a solução deste problema, o presente estudo tem o objetivo de caracterizar a cadeia de suprimentos de frutas, analisar o planejamento e gestão da cadeia de suprimento de uma empresa compradora de fruta e identificar contribuições e melhorias as teorias, métodos e modelos relacionados ao gerenciamento da cadeia de suprimentos para propor um método para o planejamento e gestão da cadeia de suprimentos de empresas compradoras de frutas. Foram utilizadas entrevistas em profundidade para caracterização da cadeia de manga e o estudo de caso único de uma empresa compradora de manga com especialistas do setor para avaliar a aplicabilidade...

A transferência de risco de crédito em cadeias de suprimentos

Jorge, Ricardo Reolon
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
86.39%
Este estudo teve com objetivo verificar a potencial transmissão de riscos de crédito entre empresas de uma mesma cadeia de suprimentos, o tempo em que ocorre a máxima transmissão e sua magnitude. As análises foram realizadas em cadeias de suprimentos conhecidas pela academia como cadeias enxutas e cadeias ágeis, limitando-se aos dois elos principais das cadeias selecionadas – comércio e indústria. Os resultados mostraram que a transmissão de risco de crédito é observável na maioria dos casos, ora a jusante, ora a montante, ora bilateralmente. Os prazos em que ocorre a máxima transferência também foram identificados e apresentaram grande variabilidade segundo o tipo de cadeia estudada (enxuta ou ágil). A magnitude da transmissão mostra o grau de influência de um nó da cadeia sobre o outro constante na análise.

Gerenciamento de cadeias de suprimentos : análise da avaliação de desempenho de uma cadeia de carne e produtos industrializados de frango no Brasil

Pereira, Susana Carla Farias
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
86.39%
Dentro dos diversos setores e atividades econômicas, o agronegócio vem se desenvolvendo com grande força no mundo, impulsionado, sobretudo, pelo aumento da população e a crescente demanda por alimentos. A idéia e o estudo de cadeias já há algum tempo é difundido na literatura sobre Sistemas Agroindustriais, mas com origens, conotações, referenciais teóricos e metodologias específicas ao setor e diferentes das que vêm marcando e definindo as pesquisas sobre o gerenciamento da cadeia de suprimentos (GCS). Enquanto os estudos sobre cadeias produtivas ou sistemas agroindustriais são marcados pela influência da economia e por preocupações com políticas públicas, estruturas de governança e competitividade da indústria e do setor, as pesquisas sobre GCS, como o próprio nome indica, possuem um cunho mais gerencial, seja este direcionado por uma preocupação maior com questões de eficiência e eficácia operacionais ou de atendimento às necessidades dos clientes. Entretanto, embora diferentes quanto à origem, há um fundamento comum ao GCS e aos estudos de sistemas e cadeias agro-industriais, qual seja, a base sistêmica ou, a visão sistêmica de todo o processo produtivo, desde a produção de insumos até a entrega do produto final ao consumidor. O propósito deste projeto é o de avançar nos estudos sobre cadeias...

Formação das estruturas de coordenação nas cadeias de suprimentos : estudos de caso em cinco empresas gaúchas

Furlanetto, Egídio Luiz
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
86.41%
As profundas transformações ocorridas no mundo, em especial a partir das últimas três décadas do século XX, têm tornado o processo de inovação mais incerto e custoso, levando as empresas a repensarem suas formas de organização, a serem mais criativas e flexíveis. A tese apresentada é a de que as empresas passaram a adotar estratégias mais colaborativas, evoluindo de uma forma organizacional individual para uma mais cooperativa, qualificando suas relações com clientes e, principalmente, com seus fornecedores. Entretanto, essa nova forma de relacionamento entre as empresas, fundamentada na interdependência dos agentes que compõem uma cadeia de suprimentos, implica a formação de uma estrutura de coordenação como alternativa ao mercado e à hierarquia, a estrutura de coordenação da cadeia de suprimentos. O objetivo principal desta tese é compreender o processo de formação destas estruturas de coordenação e definir suas principais características. Cinco estudos de caso foram realizados junto a diferentes cadeias de suprimentos de empresas gaúchas, sendo selecionadas empresas que adotam ações colaborativas, pressuposto assumido como fundamental para a existência destas estruturas de coordenação. As evidências da pesquisa permitem concluir que as cadeias...

Proposta de uma sistemática para análise da competitividade de cadeias de suprimentos agroindustriais : o caso de uma empresa vitivinícola

Fabrício, Gerson Medeiros
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
86.48%
Com intenção de contribuir para os estudos sobre gestão da cadeia de suprimentos, esta dissertação teve como objetivo propor uma sistemática para a análise da cadeia de suprimentos de empresas agroindustriais. Através da revisão bibliográfica, no primeiro momento, buscou-se, entender a atual situação do setor vitin´cola nacional, após foi feita uma abordagem sobre arranjos empresariais, destacando-se as unidades de análise de empresas e a gestão da cadeia de suprimentos, onde foi enfocado o mapeamento da cadeia de suprimentos e a governança dentro dela e, por fim, foram abordados os conceitos de estratégia e competitividade. Fundamentada na literatura pesquisada foi proposta uma sistemática, que baseia no detalhamento da cadeia de suprimentos, na identificação dos principais gargalos da cadeia de suprimentos imediata desta empresa. A sistemática foi aplicada em uma empresa produtora de vinhos espumantes da Serra Gaúcha. Constatou-se que a aplicação da sistemática possibilita para a empresa, além da identificação dos seus gargalos, a priorização destes, podendo ser utilizada para a tomada de açãoes de melhoria. Por fim, conclui-se que a sistemática proposta pode ser estendida a qualquer empresa agroindustrial e aplicada por qualquer grupo ou executivo...

Proposição de um modelo teórico-descritivo para a coordenação inter-organizacional de cadeias de suprimentos de empreendimentos de construção

Isatto, Eduardo Luis
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
86.43%
O conceito de gestão de cadeia de suprimentos tem atraído empresas e pesquisadores, visto como uma forma de coordenar as ações das empresas com outras empresas que influenciam o sucesso de seu negócio. Esta qualidade parece ser especialmente relevante no contexto da construção civil, onde o sucesso dos projetos usualmente depende da cooperação entre várias empresas distintas. No entanto, a aplicação deste conceito à construção civil tem sido bastante limitada até o presente momento. De acordo com estudos recentes, as principais razões para tanto são a pobre compreensão do conceito pelas empresas de construção, e as peculiaridades que caracterizam a atividade dessa indústria. Na base destas questões, pesquisadores identificaram a necessidade de um maior desenvolvimento teórico quanto ao tema. A orientação deste estudo se dá nesta direção, buscando propor um modelo teórico para descrever o fenômeno da coordenação inter-organizacional entre as empresas que constituem a cadeia de suprimentos do empreendimento. Neste sentido, o conceito de gestão de cadeia de suprimentos é analisado, e a sua aplicação ao contexto da construção civil e de seus projetos é discutida. Após, três diferentes abordagens teóricas para a coordenação inter-organizacional são aplicadas conjuntamente na construção do modelo...

Gestão da informação interorganizacional na cadeia de surpimentos automotiva

Costa, Jaciane Cristina
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
86.46%
As empresas têm aumentado os seus investimentos em Tecnologia da Informação (TI), principalmente com a finalidade de melhorar o gerenciamento da informação. Um dos contextos em que a gestão da informação tem se mostrado altamente importante é o da cadeia de suprimentos. Pesquisadores e executivos apontam a informação como crucial para a tomada de decisão e para o desempenho da cadeia de suprimentos por dois motivos: primeiro, porque a informação é elo que conecta os elementos da cadeia de suprimento e permite o seu funcionamento; e segundo, porque disponibiliza os fatos de que os gerentes da cadeia precisam para tomar decisões. A gestão da informação é um conjunto estruturado de atividades (ou etapas) que incluem o modo como as empresas definem, obtêm, distribuem e usam a informação. O objetivo do presente trabalho foi analisar como é a gestão da informação interorganizacional em empresas de uma cadeia de suprimentos automotiva. O método empregado foi o do estudo de casos múltiplos, realizado em cinco empresas (AGCO, International, Mahle, ThyssenKrupp, e Sultécnica) pertencentes a uma cadeia automotiva de grande representatividade no setor. Os casos pesquisados foram selecionados a partir dos critérios: compartilhar informação com fornecedores; possuir tecnologia aplicada à gestão da cadeia de suprimentos; possuir destaque no setor automotivo brasileiro; e ter participação e importância efetiva na cadeia analisada. A pesquisa utilizou como fontes de evidências: entrevistas semi-estruturadas...

Análise crítica da colaboração em cadeias de suprimentos : o caso da cadeia automotiva gaúcha

Faé, Cristhiano Stefani
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
86.4%
O Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos tem exercido um caratér estratégico para as empresas que queiram se manter competitivas. Percebe-se que é necessário ser eficiente tanto interna quanto externamente às fronteiras da empresa. Neste cenário, diversas empresas vêm obtendo bons resultados com a aplicação de práticas e iniciativas colaborativas que buscam estreitar os relacionamentos entre os parceiros comerciais ao longo da cadeia, gerando ganhos como redução de estoques, aumento do nível de serviço, aumento de vendas, redução de custos, entre outros. O objetivo desta dissertação é a identificação do atual nível de colaboração entre empresas de uma cadeia de suprimentos. A metodologia de estudo está baseada na aplicação de uma pesquisa survey na cadeia automotiva do Rio Grande do Sul e foi realizada através de questionários que foram aplicados pela internet e através de entrevistas presenciais. A pesquisa utilizou informações disponibilizadas pelo Instituto Gaúcho de Estudos Automotivos, que forneceu ainda um suporte tecnológico para o gerenciamento das informações. Os resultados revelaram que ainda são poucas as empresas que aplicam as iniciativas de supply chain, porém a expectativa é grande em relação às empresas que demonstraram interesse em aplicar diversas iniciativas nos próximos dois anos. Verificou-se ainda que o maior percentual de utilização está concentrado nas grandes empresas e as iniciativas mais utilizadas atualmente são o EDI...

Proposta de uma estrutura analítica para a identificação do perfil de sustentabilidade de cadeias de suprimentos

Acosta Andino, Byron Fabrício
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
86.57%
A produção de um bem é responsabilidade de todas as empresas que integram a cadeia de suprimentos, por conseguinte, as implicações socioambientais que esses produtos geram são também de responsabilidade de cada uma das empresas que integram essa cadeia. Assim, o comportamento socioambiental nas empresas precisa ser considerado ao longo da cadeia de suprimentos. Embora existam estudos relacionando sustentabilidade e cadeia de suprimentos, as pesquisas têm-se focado principalmente na dimensão ambiental e econômica. Os aspectos relacionados com as três dimensões da sustentabilidade de forma conjunta têm recebido pouca atenção na pesquisa. Além disso, os estudos têm considerado somente a empresa focal como unidade de análise e, raramente, essas pesquisas abrangem todos os membros que compõem a cadeia. Nesse contexto, a presente tese propõe desenvolver uma estrutura analítica para identificar o perfil de sustentabilidade de cadeias de suprimentos. No referencial teórico discute-se a dinâmica da sustentabilidade sob a visão das dimensões econômica, social e ambiental. Em seguida, apresentam-se os fundamentos da gestão da cadeia de suprimentos, identificando seus elementos-chave (estrutura, processos, e componentes). Posteriormente...

Proposta de um modelo de gestão dos custos da cadeia de suprimentos

Freires, Francisco Gaudêncio Mendonça
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiii, 112 f.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
86.43%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; Esta dissertação apresenta uma proposta de gestão dos custos logísticos da cadeia de suprimentos. Inicialmente, conceitua-se Logística, buscando-se, além disso, explorar os conceitos de gestão da cadeia de suprimentos e gerenciamento de processos. Em seguida, procura-se apresentar algumas técnicas existentes para o custeio da cadeia de suprimentos. Além da apresentação, realizam-se comparações a respeito da aplicação, pontos fracos e fortes de cada uma. A proposta de metodologia de gestão dos custos da cadeia de suprimentos é baseada no sistema ABC e utiliza, de forma integrada, técnicas de custos apresentadas no trabalho. Através do método, podem ser extraídas ferramentas para a avaliação do nível de desempenho das atividades logísticas envolvidas em uma cadeia de suprimentos

Modelo para implementação do processo de disseminação da manufatura enxuta na cadeia de suprimentos

Cassemiro, Fausto Ricardo Keske
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiii, 117 f.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
86.48%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnologico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica; As montadoras de automóveis japonesas, principalmente a Toyota, perceberam há muito tempo que o desenvolvimento dos fornecedores e a integração da cadeia de suprimentos são ações que promovem importantes ganhos de competitividade. Analogamente a esta conclusão, os estudiosos da gestão da cadeia de suprimentos apresentam o princípio de "alta dependência", definindo que nenhuma operação produtiva existe isoladamente e que todas as empresas fazem parte de uma rede maior, interconectada com outras empresas. Este princípio vai contra o paradigma da auto-suficiência adotado nos primórdios da industrialização e que ainda encontra alguns adeptos. Dentro deste contexto, esta dissertação apresenta um modelo para implementação do processo de disseminação da manufatura enxuta na cadeia de suprimentos, que visa ser utilizado como referência para estudantes e pesquisadores do tema e servir de guia para que empresas-clientes (principais empresas da cadeia de suprimentos) sistematizem este processo tão importante. A pesquisa foi dividida em três etapas: revisão bibliográfica, estudos de caso e avaliação por uma banca de especialistas. Primeiramente...

Sistemática de implementação do custeio-alvo na cadeia de suprimentos com o uso do desdobramento da função qualidade (QFD)

Lorandi, Joisse Antonio
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 203 f.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
86.54%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; O Custeio-alvo é importante no processo de integração da Cadeia de Suprimentos, pois é uma característica própria do Custeio-Alvo a necessidade de compartilhar informações entre as empresas da Cadeia de Suprimentos, para compor o custo total do produto. Porém, o Custeio-Alvo não trata da operacionalização deste compartilhamento. O Desdobramento da Função Qualidade (QFD- Quality Function Deployment) é uma ferramenta projetada para incluir as necessidades do consumidor nas decisões sobre funcionalidade e qualidade, e possui potencial para suprir as necessidades de compartilhamento de informações no Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. A junção do QFD com o Custeio-Alvo na Cadeia de Suprimentos, amplia a visão corporativa de foco no consumidor, direcionando as decisões na ligação interna e externa das empresas. As diretrizes da visão corporativa, a partir da implementação do Custeio-Alvo na Cadeia de Suprimentos, suportado pelos desdobramentos das matrizes do QFD, fundamentam o alinhamento estratégico dos processos linkados na Cadeia de Suprimentos. O propósito deste estudo é apresentar uma sistemática de implementação do Custeio-alvo em uma Cadeia de Suprimentos com o suporte do QFD para direcionar as decisões de redução de custos nas interfaces da cadeia...

Gerenciamento da logística de exportação como vantagem competitiva: um estudo de caso na empresa Macedo, Koerich S.A..

Baptista, Juliana Meintanis
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 134 f.
Português
Relevância na Pesquisa
86.43%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Administração.; O processo evolutivo da logística vem sendo observado não apenas no âmbito conceitual, mas também nas organizações. Paulatinamente, as atividades relacionadas A logística estão sendo desvinculadas da imagem de atividades de apoio e ganhando caráter estratégico. O objetivo principal da logística é disponibilizar os produtos aos clientes na quantidade certa, no local certo, no tempo certo e nas condições desejadas. Para tanto, são necessários esforços por parte de todos os elementos da cadeia de suprimentos, desde os fornecedores, passando pela produção, até os distribuidores, que, finalmente, coordenam a chegada do produto acabado ao destino final. 0 gerenciamento das atividades vinculadas A logística e a integração dos elementos da cadeia de suprimentos podem agregar valor ao produto, beneficiar a imagem da empresa perante o mercado e tornar-se urna vantagem competitiva. Em especial, o gerenciamento da logística internacional, adquire importância em função da sua complexidade, dos altos custos envolvidos neste processo e do risco inerente As operações. 0 presente estudo objetivou a análise da contribuição das operações logísticas de exportação para a vantagem competitiva da empresa Macedo Koerich S.A.. Foram resgatados conceitos a respeito de sistemas logísticos e vantagem competitiva e...

Caracterização do sistema de coleta programada de peças, milk run

Moura,Delmo Alves de; Botter,Rui Carlos
Fonte: Fundação Getulio Vargas/Escola de Administração de Empresas de São Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas/Escola de Administração de Empresas de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2002 Português
Relevância na Pesquisa
96.09%
O presente texto relata a nova abordagem de gerenciamento de materiais utilizados pelas indústria automobilísticas nacionais, visando redução do custo de estoque e armazenagem (redução dos custos logísticos). Descreve o sistema convencional (entrega direta) de abastecimento e relata o sistema de coleta programada de peças, Milk Run, com suas particularidades e características. Faz-se a analogia do Milk Run com o sistema Just-in-Time e descreve-se formas de utilização dos dois sistemas relacionado com a distância (montadora/fornecedor) e volume de material a ser obtido de cada fornecedor dentro da cadeia de suprimentos.

Confiança, comprometimento e efeito chicote na gestão da cadeia de suprimentos automotiva

ABINAJM FILHO, João
Fonte: Universidade Municipal de São Caetano do Sul Publicador: Universidade Municipal de São Caetano do Sul
Tipo: Tese ou dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
96.09%
Dissertação apresentada ao Programa de Mestrado em Administração da Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS; A CS da indústria automotiva é uma das mais globalizadas e competitivas do mundo. Por esta razão, sempre esteve à frente na implantação de processos inovadores, tanto em tecnologia, processos, e principalmente, quanto à gestão dos negócios. Buscando aumentar o foco no “core business” e reduzir custos, as montadoras têm continuadamente terceirizado processos, o que definitivamente alterou a arquitetura da CS tradicional, tipicamente vertical nas décadas anteriores, para o formato modular. Por outro lado, a arquitetura modular requer relacionamentos mais próximos entre os atores da CS; parceria, compartilhamento das informações, confiança e comprometimento, e naturalmente as ferramentas para fazer tudo isso factível e eficiente. Entretanto, apesar das necessidades requeridas desta nova arquitetura da CS, não se sabe se os gestores das autopeças têm a percepção do EC na CS automotiva. As Metodologias aplicadas na Pesquisa foram; Pesquisa Bibliográfica, Pesquisa Bibliométrica e Pesquisa de Campo ou Levantamento (Survey). Conforme evidenciado nas pesquisas de campo e bibliográfica, a Confiança na CS automotivas e a adoção de medidas contra o EC modificam-se de acordo com a montadora. No Brasil o relacionamento entre autopeças e montadoras apresenta restrições quanto aos aspectos de Confiança e Compromentimento e Compartilhamento de Informações mesmo em relacionamentos mais intensos que envolvem grande número de itens comercializados e a alta frequência de entrega de materiais. No ranking das 5 montadoras avaliadas; Fiat...

E-SCM and inventory management: a study of multiple cases in a segment of the department store chain; O e-SCM e a gestão dos estoques: um estudo de múltiplos casos em um segmento de cadeia de lojas de departamento

SALGADO JUNIOR, Alexandre Pereira; NOVI, Juliana Chiaretti; PACAGNELLA JUNIOR, Antonio Carlos; OLIVEIRA, Marcio Mattos Borges de
Fonte: TECSI Laboratório de Tecnologia e Sistemas de Informação - FEA/USP Publicador: TECSI Laboratório de Tecnologia e Sistemas de Informação - FEA/USP
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
96.06%
Inventory management through the supply chains is a theme that has always enticed managers throughout the world. Due to the increase in market competitiveness and complexity, the traditional statistical models of forecasting demand, based on time series, no longer met the needs imposed on businesses to maintain adequate levels of their inventory and supply interruptions. With the intent to meet these market demands, ERP systems appeared in the 1990's. Nevertheless, even if allowing for a more adequate level of inventory and supply interruptions achieved mainly by the optimization of internal processes and the reduction in lead time, ERP systems did not contribute to reach the SCM's desired levels of inventory that were aimed at by the more competitive businesses. This is because ERP limits itself to an internal analysis of the business. By contrast, inventory management depends on the consumption information (which is external to the business). Aiming to improve even further the level of services delivered to the end consumer, new solutions have been developed, among them the e-SCM, which, since it makes consumption information available in real time, ends up being more dynamic and efficient than the traditional demand forecasting models...

Análise dos fatores influentes nos riscos de descontinuidade na cadeia de peças de reposição automotivas

Silva, Antonio Lopes Nogueira da
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
86.43%
Pós-graduação em Engenharia Mecânica - FEG 33004080027P6; O mercado brasileiro de veículos leves possui uma frota onde 43% dos veículos têm até cinco anos de fabricação, fazendo com que os setores de reposição de peças automotivas movimentem bilhões de reais por ano. Ainda assim, é comum a falta de peças de reposição, o que exige do gerenciamento da cadeia de suprimentos a mitigação dos riscos de descontinuidade. Este trabalho analisa os riscos de suprimentos na cadeia de peças de reposição nas redes concessionárias de veículos leves por meio da priorização das variáveis que influenciam a descontinuidade de suprimentos desta cadeia. O método aplicado apresenta uma abordagem quali-quanti junto às concessionárias da região Sul Fluminense. Estas concessionárias representam quatorze das principais marcas atuantes no Brasil com um volume de vendas na ordem de 93% em 2015. As variáveis mais importantes são capacitação da equipe, comunicação e lead time. A pesquisa também evidencia que fatores organizacionais são relevantes para o suprimento de peças de reposição o que não é indicado pela literatura, juntamente com os fatores relacionados à cadeia de suprimentos.; The Brazilian market for light vehicles has a fleet where 43% of vehicles have up to five years of manufacture...