Página 19 dos resultados de 2678 itens digitais encontrados em 0.066 segundos

O impacto da crise económico-financeira mundial nos determinantes do investimento direto estrangeiro

Soares, Cláudia Catarina Carreira
Fonte: Instituto Politécnico de Leiria Publicador: Instituto Politécnico de Leiria
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 17/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
55.72%
Dissertação de Mestrado em Negócios Internacionais apresentada à ESTG - Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Leiria.; A recente crise económico-financeira mundial, para além de afetar a economia mundial, tem afetado também a sustentabilidade e o futuro de todos os fenómenos globais, incluindo o investimento direto estrangeiro (IDE) realizado por empresas multinacionais (EMN). A capacidade de atração de IDE revela-se fundamental para o crescimento e desenvolvimento económico dos países. Muitos têm sido os estudos que permitem explicar qual a motivação e o que leva as EMN a investir numa determinada economia. O objetivo deste estudo é analisar empiricamente o impacto da crise económico-financeira mundial na atração de fluxos de investimento direto estrangeiro dos países, nomeadamente em termos dos seus principais determinantes. O estudo empírico considera os fluxos de IDE recebidos em 195 países, constituindo uma amostra muito representativa da população, contempla observações de dois períodos de tempo, antes e pós crise, e é realizado através da construção e estimação de um modelo econométrico de análise de dados em painel. A análise será realizada tendo em consideração o mundo como um todo e cada continente de forma individual. Conclui-se que a estrutura das relações de IDE foi significativamente alterada com o aparecimento da recente crise económico-financeira mundial...

Ocupação humana e transformação da paisagem na Amazônia brasileira; Human settlement and landscape transformation in the Brazilian Amazon

Lui, Gabriel Henrique
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/11/2008 Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Poucos ambientes terrestres deixaram de sofrer algum nível de interferência humana. As populações pré-históricas tiveram um papel importante na formação de determinadas paisagens e, como conseqüência, suas ações contribuíram para as características das paisagens atuais. Na Amazônia, tais transformações antropogênicas são inferidas por indícios de: (1) queimadas; (2) assentamentos; (3) ilhas de florestas manejadas; (4) diques em formatos geométricos; (5) terra preta; (6) campos elevados; (7) redes de transporte e comunicação; (8) estruturas para manejo da água e da pesca; entre outros. A partir da colonização européia no século XVI, a ocupação humana na região começou a receber novas influências. As relações com os recursos naturais estabelecidas pelas populações pré-colombianas foram muito pouco consideradas. A introdução de novas ferramentas e o choque cultural provocado pelos colonizadores alterou o nível de mobilização da energia do meio para as atividades produtivas humanas, ocasionando mudanças nos modos de vida das populações. A partir de meados do século XX, a implantação dos programas institucionais de colonização deu origem a uma nova motivação para a transformação das paisagens...

A armadilha do subdesenvolvimento: uma discussão do período desenvolvimentista brasileiro sob a ótica da abordagem da complexidade; The trap of underdevelopment: a discussion of Brazilian developmentalist period from the perspective of complexity approach

Cardoso, Fernanda Graziella
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 03/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Essa tese apresenta como investigação norteadora porque o Brasil, mesmo tendo avançado em sua matriz industrial e alcançado altas taxas de crescimento no período 1930-1980, não conseguiu escapar da armadilha do subdesenvolvimento econômico. Para tentar vislumbrar alguns caminhos que potencialmente alargariam a discussão e compreensão do tema, recorre-se à perspectiva da Abordagem da Complexidade, combinada com a retomada das discussões teóricas promovidas por alguns dos autores conhecidos como pioneiros do desenvolvimento econômico. Desse modo, a novidade proposta por essa tese reside na perspectiva pela qual se discute o tema, e não ao tema propriamente dito, que foi e vem sendo amplamente discutido pela literatura. O objetivo é a realização de algumas discussões e ilações teóricas relativas à experiência brasileira no período, tendo sempre em mente a Abordagem da Complexidade e sua potencial contribuição para o alargamento do escopo de compreensão do tema.; This thesis presents as main question why Brazil, even having developed its industrial park and having achieved high rates of growth between 1930 and 1980, was unable to escape from the trap of economic underdevelopment. In order to list some ways that could potentially enrich the thinking and the understanding of the question...

Crescimento econômico, rendimentos crescentes e concorrência monopolista

Ferreira, Pedro Cavalcanti; Ellery Junior, Roberto G.
Fonte: Fundação Getulio Vargas Publicador: Fundação Getulio Vargas
Português
Relevância na Pesquisa
55.74%
Este artigo se propõe a investigar em detalhes as fragilidades dos modelos neoclássicos tradicionais de crescimento e sua superação pela nova literatura teórica de crescimento endógeno. Mais do que uma simples survey, estudaremos a necessidade, para a existência de equilíbrio , de hipóteses teóricas nos modelos tradicionais que implicam em resultados empíricos contra-factuais. Veremos como essas hipóteses foram sendo relaxadas, até que se passa a trabalhar, dentro ainda do arcabouço teórico de equilíbrio geral com expectativas racionais, com modelos com retornos crescentes e concorrência monopolista de inspiração Schumpeteriana.

Governança corporativa : uma análise das práticas adotadas no Brasil e no Canadá

Pirotti, Letícia Prietsch
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Com o crescimento do mercado internacional e a globalização, a governança corporativa foi ganhando espaço como modelo de gestão em todos os países. O desenvolvimento e a estrutura empresarial existente nos países divergem conforme a história e desenvolvimento de cada um, influenciando na governança corporativa, que possui diferentes modelos e práticas, pois é influenciada por particularidades regionais, como as, culturais, econômicas, legais e etc. Uma comparação realizada entre países se torna interessante para aprendizado, tanto acadêmico, como empresarial e para o crescimento dos países, pois podese aprender e aprimorar as práticas da governança corporativa a partir de observações e estudos em países onde a governança já está solidificada e apresenta níveis ideais. O artigo tem por objetivo apresentar as semelhanças e as diferenças entre as práticas de governança adotadas no Brasil e no Canadá, apresentando peculiaridades de cada país. Dentre outros fatores, o estudo mostrou que enquanto o Canadá possui uma governança corporativa perto dos níveis ideais, por fatores, como por exemplo, a grande aceitação por parte das empresas, a variedade de órgãos interessados por aprimorar e disseminar a governança e apresentar enfoque aos pontos que são principais para o aperfeiçoamento das práticas e obtenção de credibilidade no mercado...

Desenvolvimento economico regional : o estimulo a inovação tecnologica em arranjos produtivos locais do Estado de São Paulo; Regional economic development : stimulus for technological innovation in clusters of the state of São Paulo

Anita Tereza Dedding
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/11/2006 Português
Relevância na Pesquisa
55.74%
O trabalho faz uma análise dos gargalos ao desenvolvimento tecnológico brasileiro, e desenvolve a estruturação de uma agenda de trabalho visando o crescimento sustentável da indústria, com foco na utilização da inovação tecnológica em ambientes de arranjos produtivos locais. O objetivo deste trabalho é apresentar uma proposta de um Programa de Inovação em Arranjos Produtivos Locais ? APLs, visando o aumento da competitividade das empresas integrantes desses arranjos. O programa propõe essencialmente quatro fases: Diagnóstico Empresarial; Elaboração e Implementação de propostas de Projetos de Inovação; Viabilização Econômica das Propostas e Monitoramento e Controle dos projetos de inovação tecnológica. Como referência é apresentada uma experiência, realizada no APL de Bijuterias e Folheados de Limeira, no Estado de São Paulo. Nesta experiência piloto, como resultado da primeira fase, foi criado um Comitê Gestor de Inovação Tecnológica Local, que elaborou uma agenda de projetos para a criação e/ou uso de tecnologias para o aumento da competitividade das empresas deste APL. Os projetos, que foram elaborados e sistematizados pela autora, no âmbito da atuação da Fiesp/Ciesp, foram implementados neste trabalho. Discute-se ainda a política tecnológica...

Economias do pacífico asiático: "tigres e dragões"

Miyazaki,Silvio Yoshiro Mizuguchi
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/1993 Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
O Pacífico Asiático é uma das regiões do mundo com maiores taxas de crescimento econômico nos últimos anos. Uma das principais causas está sendo a po­lítica de desenvolvimento orientada pelas exportações. Os países do Pacifico Asiático têm diferentes graus de desen­volvimento e sistema econômico. Estas economias, princi­palmente no que tange ao comércio exterior, investimentos e desenvolvimentos econômicos, são analisadas atra­vés da classificação de artigos e livros.

Reforma agrária e desenvolvimento na América Latina: rompendo com o reducionismo das abordagens economicistas

Leite,Sérgio Pereira; Ávila,Rodrigo Vieira de
Fonte: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural Publicador: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2007 Português
Relevância na Pesquisa
55.74%
Apesar das previsões em contrário, a reforma agrária reassumiu uma posição de destaque no debate, nos processos sociais, nas atividades políticas e em alguns programas governamentais no período recente, apresentando-se como uma oportunidade concreta na estratégia de reprodução social de uma parcela não desprezível de famílias camponesas e de trabalhadores rurais que habitam, por exemplo, os países da América Latina. O texto aborda a relação entre o acesso à terra e o desenvolvimento, recuperando as implicações da reforma agrária sobre o crescimento econômico, visto que é justamente a dimensão econômica aquela na qual este tema tem merecido um conjunto maior de críticas do campo conservador. No entanto, a intenção de pensar a democratização da terra como estratégia de desenvolvimento implica em discutir o combate à pobreza e às injustiças sociais, indo além do mero crescimento. Assim, com base na bibliografia especializada e amparando-se em dados estatísticos, o trabalho tratou de problematizar o tema da distribuição de ativos no atual contexto latino-americano, longe das armadilhas reducionistas que foram impostas ao mesmo pelo pensamento economicista em voga ao longo dos anos 80 e 90.

Avaliação do desenvolvimento do setor agropecuário no Brasil: período de 1970 a 2000

Freitas,Clailton Ataídes de; Bacha,Carlos José Caetano; Fossatti,Daniele Maria
Fonte: Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas Publicador: Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2007 Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Este artigo analisa o processo de desenvolvimento econômico do setor agropecuário no Brasil no período de 1970 a 2000, destacando a sua desigualdade entre os estados da federação. Procura-se ressaltar a influência do estoque de capital físico (medido pela potência dos tratores c.v.) e do capital humano sobre o desenvolvimento agropecuário dos estados brasileiros. Com relação ao capital humano verifica-se que, de um modo geral, o nível de qualificação dos agricultores brasileiros é muito baixo, mesmo nos estados brasileiros mais desenvolvidos como São Paulo e Rio Grande do Sul, por exemplo. O menor nível de educação está nos estados nordestinos. Isso explica, em parte, o relativo atraso da agropecuária dessa região em relação à agropecuária dos demais estados. Constata-se, também, que a intensificação do uso de capital na agropecuária no Brasil vem crescendo em todos os estados a taxas superiores a 5% a.a. No entanto, pode-se verificar que foram justamente os estados nordestinos os que apresentaram, em termos relativos, as menores taxas de crescimento no uso de capital. Há, portanto, desequilíbrios regionais na agropecuária que não estão reduzindo por si próprios. No final, o artigo sugere medidas para diminuir as diferenças supracitadas.

Crescimento diamétrico de maçaranduba (Manilkara Huberi Chevalier) após a colheita da madeira.

COSTA, D. H. M.; CARVALHO, J. O. P. de; VAN DEN BERG, E.
Fonte: Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, PA, v. 3, n. 5, p. 65-76, jul./dez. 2007. Publicador: Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, PA, v. 3, n. 5, p. 65-76, jul./dez. 2007.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Conhecer o crescimento das espécies de um povoamento florestal, principalmente daquelas de interesse econômico, é de fundamental importância para o manejo florestal. Nesse sentido, avaliou-se o processo dinâmico do crescimento diamétrico da população de maçaranduba (Manilkara huberi Chevalier), no período de 1981-1997, em uma área de 64 hectares localizada na Floresta Nacional do Tapajós, área experimental sob responsabilidade da Embrapa Amazônia Oriental. Os dados foram coletados em 36 parcelas permanentes de 0,25ha (50mx50m), divididas em 25 subparcelas de 10mx10m, onde foram medidas e identificadas todas as árvores com DAP (diâmetro a 1,30 do solo) e 5cm. A espécie teve, no período de 1981-1997, crescimento médio em diâmetro de 0,39cm/ano. As árvores cujas copas receberam iluminação total cresceram 0,67cm/ano, superior àquelas que receberam iluminação parcial (0,58cm/ano) e às que estavam totalmente sombreadas (0,26cm/ano). Portanto, as árvores necessitam de iluminação para acelerar seu crescimento. As árvores sem cipós na copa cresceram em média 0,60cm/ano, enquanto que aquelas com cipós cresceram 0,45cm/ano, indicando que a infestação de cipós nas árvores afeta o seu crescimento.; 2007; Disponível também on-line.

Setor de turismo, desenvolvimento econômico e desigualdade de renda: um estudo para a Região Nordeste do Brasil, a partir da matriz insumo-produto inter-regional

Souza, Poema Isis Andrade de; Silveira Neto, Raul da Mota (Orientador); Guilhoto, Joaquim José Martins (Co-orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
O setor de turismo tem chamado atenção no cenário internacional devido ao elevado crescimento das atividades turísticas no mundo. Nesse contexto, o Nordeste do Brasil possui grandes vantagens comparativas, pois é uma região com dotação de fatores propícios ao aproveitamento econômico dessas atividades, como, por exemplo, o litoral extenso formado por belas praias. Assim, neste estudo foram analisadas as participações das atividades turísticas na economia do Nordeste e suas relações intersetoriais, a partir de uma matriz insumo-produto inter-regional, referente ao ano de 2009, de forma inédita. Também foram levantadas informações referentes às características da mão de obra empregada no setor de turismo, com ênfase no estudo do nível de informalidade observada nas atividades turísticas. Por fim, foram investigados os impactos do aumento da demanda do turismo no Nordeste sobre a desigualdade de renda na região e no Brasil. Os resultados encontrados mostram uma participação do setor de turismo equivalente a 2,77% do PIB do Nordeste, enquanto que no Brasil essa participação foi de 2,27%. Assim, o setor de turismo foi mais importante para a economia nordestina, se comparado às demais regiões do país. Verificou-se...

Repertório do proprietário

Volpi, Adilson Antonio
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Resumo: Diante dos dados do SEBRAE/SP (2010) indicando que apenas 42% da empresas paulistanas permanecem ativas após cinco anos de sua abertura, o presente trabalho tem por objetivo identificar um “fundamento profundo” que uma vez observado possa contribuir para a elevação do índice de sucesso das Pequenas e Médias Empresas. No desenvolvimento do trabalho foram utilizados basicamente dois tipos de metodologias. A primeira foi o embasamento teórico ( neoclássico e neoschumpeteriano ) com ênfase na Teoria Evolucionária (Nelson e Winter) e na Teoria do Crescimento da Firma (Penrose) e outras referências. A segunda metodologia envolveu a análise de dados do SEBRAE, do GEM, da Associação Brasileira de Franquias e uma pesquisa de campo. Desta investigação foi possível apreender as principais causas do baixo índice de sucesso (elevado índice de mortalidade precoce) das Pequenas e Médias Empresas (PME), bem como, aspectos fundamentais para a sustentabilidade econômica das empresas, sendo os mais relevantes: a) Os Repertórios (Rotinas e habilidades); b) As estratégias, estruturas e aptidões (essenciais e dinâmicas); c) O potencial e o uso dos serviços produtivos na identificação e aproveitamento das oportunidades produtivas; d) Os princípios eternos das empresas visionárias (preservação do núcleo central e estímulo ao progresso); e) O esforço que deve ser feito pelos novos pequenos empresários durante o processo de sua transição para o universo do “mundo de dono de um negócio”. Deste contexto e associado à crescente participação dos modelos de negócio de franquias...

Crescimento e convergência na América do Sul: 1969-2000

Müller, Leandro Cristiano
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Esta dissertação tem como objetivo analisar se a forma de progresso técnico Marx-viesado, aumento da produtividade do trabalho e declínio na produtividade do capital, esteve presente na Argentina, no Brasil, no Chile, na Colômbia, no Paraguai, no Uruguai e na Venezuela, entre 1969 e 2000. Emprega-se a relação distribuição-crescimento, uma reta que possui a produtividade do trabalho como intercepto vertical e a produtividade de capital como intercepto horizontal, para analisar o padrão de progresso técnico nessas economias. Um modelo de crescimento na tradição clássico-marxista com catch-up é desenvolvido, no qual a forma de progresso técnico e a acumulação de capital possuem um papel determinante para a convergência na produtividade do trabalho. Por fim, investiga-se o processo de convergência entre o Canadá, os Estados Unidos e o Japão e se ocorreu convergência entre as cinco maiores economias da América do Sul (Argentina, Brasil, Chile, Colômbia e Venezuela), e entre as que compõem o Mercado Comum do Sul – Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai). Houve convergência entre os países desenvolvidos e os em desenvolvimento entre 1969 e 1980, seguido de divergência a partir dos anos 80. Nas cinco maiores economias da América do Sul houve convergência na produtividade do trabalho e o salário real até meados da década de 90. Nos países do Mercosul...

OS MUNICÍPIOS E SUA COMPÊNCIA AMBIENTAL PARA O ALCANCE DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

LACERDA, LUANA PEREIRA
Fonte: Centro Universitário Eurípedes de Marília Publicador: Centro Universitário Eurípedes de Marília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
55.74%
A proteção ao meio ambiente está prevista na Constituição Federal de 1988 como sendo competência legislativa concorrente da União, dos Estados e do Distrito Federal, visando à proteção e ao controle da poluição. Além disso, buscou o legislador demonstrar, em competência material comum, a responsabilidade na preservação ao meio ambiente a todos os entes federativos. À União, caberá fixação por padrão mínimo de tutela ambiental, ao passo que aos Estados e aos Municípios, atendendo aos seus interesses regionais e locais, a de um “teto” de amparo. Sobremais, o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, essencial à sadia qualidade de vida, está também disciplinado na Carta Magna de 1988, especificadamente em seu artigo 255 caput. No entanto, a falta de um planejamento Municipal sustentável e o ritmo desenfreado de crescimento das cidades têm, por consequência, a não prioridade de um ecossistema equânime entre meio ambiente e desenvolvimento econômico. Por isso, partindo das referidas premissas e buscando o auxílio dos princípios que norteiam o Direito Ambiental, como o do Desenvolvimento Sustentável, do Poluidor-pagador, da Prevenção, da Precaução, da Participação Popular, da Fraternidade e o da Função Socioambiental da Propriedade...

Evolução e perspectivas de crescimento de unidades hospitalares privadas : o caso Idealmed

Nobre, Bruno Guilherme Serra e Silva de Abranches
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Nos últimos anos, muitas cidades portuguesas têm testemunhado um crescimento relativo acentuado do setor privado de prestação de cuidados de saúde, incluindo aquelas com importantes centros hospitalares públicos, como é o caso de Coimbra. Neste contexto, o principal objetivo deste trabalho consiste em analisar o processo de implementação e evolução da maior unidade privada de cuidados de saúde da região centro, a Idealmed|Serviços de Saúde, entidade de acolhimento do estágio curricular que alicerçou este relatório. Este trabalho irá ainda apontar propostas de melhoria em termos estratégicos e operacionais e potenciais vias de crescimento da empresa no futuro. Para o efeito, analisaremos o estado da saúde a nível nacional e internacional e identificaremos os principais desafios colocados ao setor da saúde no atual contexto económico. A Idealmed regista, desde a sua criação em 2012, um crescimento continuado da sua atividade, mantendo um elevado nível de qualidade dos serviços prestados, condição fundamental para a consolidação do seu processo de crescimento e expansão.; Relatório de estágio do mestrado em Economia (Economia do Crescimento e das Políticas Estruturais), apresentado à Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra...

Reforma do sistema financeiro em Angola; um desafio para o desenvolvimento sustentado da economia

Júnior, Manuel Piedade dos Santos
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em /07/2003 Português
Relevância na Pesquisa
55.74%
Doutoramento em Economia; Este trabalho estuda o sistema financeiro angolano, pela investigação de como a organização deste e os diversos planos económicos elaborados desde 1987 até 1999, constituíram um entrave para a existência de um empresariado nacional capaz de assegurar o desenvolvimento económico sustentado. Angola constitui um "case-study" notável a vários títulos. Em particular, o País experimentou diversas reformas monetárias e financeiras nos últimos anos, e as regras de funcionamento são bastante peculiares quer nestes domínios quer noutros, com especial relevância para a recuperação da dinâmica e da solvabilidade económica e financeira das suas empresas. As reformas realizadas não tiveram em conta um estudo detalhado e objectivo da situação económica então prevalecente, tendo em conta a necessidade de estabilização da economia num contexto de conflito armado euma conjuntura internacional caracterizada por grandes mutações. A grande vontade política de criar um ambiente macro-económico sadio para as empresas em Angola, chocou quase sempre com a falta de um sistema financeiro adequado. Esta situação foi agravada com a falta de segurança em quase todo o território nacional, que durou várias décadas. Foram feitas neste trabalho...

Crescimento e estagnação do cooperativismo agrícola na região fumageira de Arapiraca, Alagoas

Oliveira, Marcos Antonio Dantas de
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Desenvolvimento sustentável Regional; Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Desenvolvimento sustentável Regional; Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
This dissertation shows what actions the members of the cooperatives put into practice to implement important modifications in their way of life. This study was based on interviews with eleven (11) heads of the agricultural cooperatives of the Smoke Region of Arapiraca, Alagoas, Brazil: CAPIAL, COOPERFUMO, COOPERAL e COOPAGRESTE. Since CAPIAL implemented its social statute since 1963, developed: monetary gains, cooperated members, buying and selling in big quantity? Why can t COOPERFUMO, COOPERAL and COOPAGRESTE put into practice the idea of cooperation? The cooperative practice, as the principal way of analysis that promotes the development of the agricultural cooperatives in the smoke region, the stagnation of this cooperation identified strategies that really worked out in order to make the cooperation to be successful in CAPIAL, between 1978 and 1982, and affirmatively were detached: free and volunteer adhesions; buying and selling in big quantities; distribution of liquid excesses and partnership with the State and Federal government, and also eager members of the cooperatives that wanted to better their social and economic condition. These factors weren t present in the experience faced by COOPERFUMO and are not present in COOPERAL and COOPAGRESTE experiences either. However...

A compatibilização entre a função sócio ambiental e a produtividade da propriedade rural

Parizotto, Adriane
Fonte: Universidade de Passo Fundo Publicador: Universidade de Passo Fundo
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
55.74%
A busca desenfreada pelo crescimento econômico desencadeia questões da máxima importância no que se refere ao equilíbrio entre produtividade e meio ambiente. O estudo tem como objetivo apresentar as características mais voltadas ao bem comum, ao bem estar da sociedade, compatibilizando o meio ambiente e o bem estar comum e efetivando o desenvolvimento sustentável. O método de abordagem adotado é o dedutivo e o de procedimento envolve pesquisa bibliográfica. A questão problema abrange a relação entre a produtividade e a função sócio ambiental da propriedade rural. Demonstra-se que as conseqüências podem ser irreversíveis se não forem adotadas medidas que possam equilibrar a relação entre meio ambiente e desenvolvimento econômico. Coloca-se em análise a compatibilização entre ambos, ao mesmo passo que se discorre sobre os meios para que a propriedade rural atinja sua função social. Em concluso compreende-se que para atingir um equilíbrio entre a produtividade da propriedade rural e o cumprimento da função sócio ambiental da mesma, faz-se necessário o estudo do que é a propriedade, a produtividade, a função sócio ambiental, bem como a legislação pertinente, as quais necessitam de uma relação harmônica...

Desenvolvimento e igualdade: Maria da Conceição Tavares

Sicsú, João (Organizador); Portari, Douglas (Organizador)
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Livros
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
Traz entrevista em homenagem do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) aos 80 anos da economista e professora Maria da Conceição Tavares, que relata o histórico de sua luta pela democracia, pela igualdade de oportunidades e pelo desenvolvimento econômico, social e ambiental. Reedita o seu texto clássico, O Processo de Substituição de Importações como Modelo de Desenvolvimento na América Latina - o caso do Brasil.; 124 p. : il.

Crescimento e estagnação do cooperativismo agrícola na região fumageira de Arapiraca, Alagoas

Oliveira, Marcos Antonio Dantas de
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Desenvolvimento sustentável Regional; Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Desenvolvimento sustentável Regional; Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
55.73%
This dissertation shows what actions the members of the cooperatives put into practice to implement important modifications in their way of life. This study was based on interviews with eleven (11) heads of the agricultural cooperatives of the Smoke Region of Arapiraca, Alagoas, Brazil: CAPIAL, COOPERFUMO, COOPERAL e COOPAGRESTE. Since CAPIAL implemented its social statute since 1963, developed: monetary gains, cooperated members, buying and selling in big quantity? Why can t COOPERFUMO, COOPERAL and COOPAGRESTE put into practice the idea of cooperation? The cooperative practice, as the principal way of analysis that promotes the development of the agricultural cooperatives in the smoke region, the stagnation of this cooperation identified strategies that really worked out in order to make the cooperation to be successful in CAPIAL, between 1978 and 1982, and affirmatively were detached: free and volunteer adhesions; buying and selling in big quantities; distribution of liquid excesses and partnership with the State and Federal government, and also eager members of the cooperatives that wanted to better their social and economic condition. These factors weren t present in the experience faced by COOPERFUMO and are not present in COOPERAL and COOPAGRESTE experiences either. However...