Página 5 dos resultados de 11940 itens digitais encontrados em 0.757 segundos
Resultados filtrados por Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Interações entre elos de cadeias de valor : uma oportunidade de avaliação da sustentabilidade empresarial

Nehme, Marcelo Carlotto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.80942%
A interação entre os elos da cadeia de valor tornou-se uma das opções mais seguras na conquista de uma sociedade mais orientada na busca do desenvolvimento sustentável. A constatação de que o ambiente econômico socioambiental apresentado até o momento não foi capaz de suportar as necessidades impostas pela humanidade lançou pesquisadores e outros atores sociais na busca por um modelo de desenvolvimento que possa garantir a qualidade de vida e preservação do meio ambiente onde vivemos. Para alcançar a sustentabilidade de um sistema complexo com o esse é necessário que se possa avaliar a sua evolução. Várias ferramentas foram elaboradas, na última década, com o objetivo de avaliar a evolução da sustentabilidade de um sistema, mas nenhuma destas apresentou uma proposta de mensuração do índice de sustentabilidade adquirido. O presente estudo buscou desenvolver uma ferramenta de mensuração do índice de sustentabilidade de uma organização nas três dimensões de desenvolvimento: econômico, ambiental e social. O objetivo final desta tese é tornar disponíveis a todos os setores da sociedade um veículo de mensuração do índice de sustentabilidade de uma cadeia de valor proporcionando a mesma uma análise crítica de sua própria potencialidade. Foi realizado um estudo de caso avaliando três cadeias de valor totalizando nove empresas do setor metal mecânico na região de Caxias do Sul no Rio Grande do Sul. Os resultados obtidos...

Sustentabilidade e o ambiente virtual : análise do espaço real de práticas em sustentabilidade do banco real

Thomé, Vanessa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.80942%
Este trabalho apresenta as práticas de sustentabilidade desenvolvidas pelo Banco ABN AMRO Real. A pesquisa busca identificar, através da análise de conteúdo do Espaço Real de Práticas em Sustentabilidade, inserido dentro do site do Banco, como a organização se comunica neste ambiente virtual e se esta consegue dar veracidade para a imagem de uma organização sustentável, por meio desta comunicação. Partindo do pressuposto de que os públicos acessam o site da organização em busca de informações sobre sustentabilidade, realizamos uma exposição teórica sobre os preceitos da sustentabilidade e como as organizações estão usando a comunicação digital. A partir desta, realizamos a análise de conteúdo deste espaço para verificar se a organização realmente atua sobre os preceitos da sustentabilidade e, diante do exposto, podemos confirmar que a comunicação realizada pela organização no Espaço Real de Práticas em Sustentabilidade fornece elementos suficientes para acreditar que a organização possui uma gestão sustentável.

Reinvenção espacial : agroecologia e turismo - sustentabilidade ou insustentabilidade?

Porto, Carmem Rejane Pacheco
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.80942%
A pesquisa desenvolvida nessa tese direciona a análise para os Caminhos Rurais de Porto Alegre, mais especificamente os estabelecimentos turísticos agroecológicos, ambos localizados na zona sul da capital. Parte-se do jogo dialético – sustentabilidade/insustentabilidade – ao se trabalhar com a idéia/princípio da complexidade que envolve a sustentabilidade do turismo no espaço rural. Buscam-se dimensões de sustentabilidade, em uma dinâmica espacial que gera impactos socioambientais e, no ato de transformar/transformar-se, modifica o ambiente e a vida das pessoas. Tem-se como objetivo analisar as transformações espaciais através de um enfoque teórico-metodológico, considerado alternativo. Na medida em que propõe um diálogo entre diferentes métodos, através do materialismo histórico busca-se investigar os arranjos espaciais e os modos de vida, em diferentes momentos históricos, sobretudo, a reorganização espacial entre os anos de 1997 e 2009. O processo de investigação dos períodos históricos operacionaliza-se através das categorias de análise forma (materialidade, significado), função (diversificação das atividades econômicas), estrutura (resistência, identidade, modos de vida) processo (tempo, mudança). O conceito de espaço geográfico possibilita leituras diferenciadas quando usados para análise dos resultados da interação sociedade e natureza durante um processo histórico...