Página 1 dos resultados de 21 itens digitais encontrados em 0.011 segundos

Do ABC ao Planalto: a cultura política do petismo

Romano, Clayton Cardoso
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 170 f. tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
Pós-graduação em História - FCHS; Este trabalho investiga a cultura política do Partido dos Trabalhadores (PT), do ABC ao Planalto. A chegada de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República, em 2002, expôs o descompasso petista entre passado e presente. Em meio à crise enfrentada pelo partido – com dirigentes envolvidos em atos de corrupção –, proliferam interpretações que anunciam a morte do petismo, ao lado de defesas apaixonadas atestando sua vivacidade. Em ambos os casos, o ponto de chegada é o mesmo, qual seja, a conclusão de que o petismo atual não condiz com aquele de três décadas atrás, logo, em algum instante, os petistas romperam seus laços originais. Ao contrário, compreende-se aqui o petismo como uma cultura política sem cortes ou traumas. Admitindo que os historiadores pouco contribuíram até momento para clarear a questão, este estudo aplica o conceito de cultura política, valendo-se do marxismo gramsciano para concluir que o petismo não expressa propriamente uma tradição, mas um comportamento político específico, uma mudança políticocultural da sociedade “formada” durante o regime militar no Brasil. Controlada politicamente pelo arbítrio, transfigurada em sua face social tamanho o fluxo migratório aos grandes centros industriais e instigada em seu instinto egoístico pela nova dinâmica do capital...

José de Alencar: “sou americano para o que der e vier”

Candido, Weslei Roberto
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 280 f. :
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
Pós-graduação em Letras - FCLAS; Esta tese tem como objetivo apresentar o romancista José de Alencar como o fundador do romance americano no Brasil, lendo seus romances, prefácios e notas que deixou às suas narrativas, pelo viés de um olhar americano. Desta maneira, o conceito de americanidade possibilitará uma leitura da obra alencariana no âmbito das negociações identitárias. Para tanto, conceitos que estão sob a capa da americanidade como entre-lugar, casa-grande e senzala, tropicalismo, transculturação, indigenismo, serão analisados nos romances de Alencar, pois estes conceitos se cruzam na construção de um discurso que tenta reinventar e explicar a América continuamente. Ao debater estes temas, postular-se-á a figura do romancista como aquele que primeiro defendeu, no Brasil, a construção de um romance das Américas, que propôs narrar a lenta gestação do povo americano no seu projeto de literatura. Alencar também foi o primeiro a se auto-definir como americano publicamente no jornal O Globo. O sentimento de americanidade em Alencar poderá ser verificado nos diálogos estabelecidos, por seus romances, com outros romancistas e escritores do continente. Todos pensando na construção da identidade americana em seus textos. Assim...

Americanismos: uma outra perspectiva das eleições de 2012 nos EUA

Calixto, Douglas de Oliveira
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
27.888213%
O objetivo desse relatório é explicar e delimitar a criação do site “Americanismos: uma outra perspectiva das eleições de 2012 nos EUA”, que foi produto de uma experiência de campo no âmbito do jornalismo internacional, baseado nos preceitos teóricos e práticos estudados no curso de Jornalismo da Unesp e apresentado como trabalho de conclusão de curso (TCC). O blog criado, hospedado no domínio www.americanismos.net, também baseado em conceitos teóricos do jornalismo digital, é uma coletânea de reportagens, infográficos, vídeos, imagens e edição jornalística, organizados sob pautas da cobertura das eleições de 2012 nos Estados Unidos da América. A plataforma escolhida foi a digital, como forma de experimento do papel do correspondente internacional às luzes das novas mídias. Esse relatório pretende esmiuçar os caminhos do processo criativo e elencar os elementos utilizados para a criação do blog, bem como explicar a abordagem utilizada para reportar o universo que circunda as eleições nos EUA

Diálogos entre Mário de Andrade e Francisco Curt Lange: nacionalismo e americanismo musicais nas décadas de 1930 e 1940

Moya, Fernanda Nunes
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 207 f.
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
Pós-graduação em História - FCLAS; This work aims to discuss both the quest for nationalization of music from folk elements of Brazilian culture undertaken by Mário de Andrade, as well as the musical americanism of the german naturalized uruguayan Franz Kurt Lange / Francisco Curt Lange who preached a cultural integration of the continent by means of this form of art. Both intellectuals created an extensive bibliography and documentation with proposed musical ideals which had as one of the main purposes the cultural emancipation of brazilian, according to Mario, and the emancipation of the american citizen, according to Lange. To do so, both occupy administrative chairs in the cultural area and carry out various actions which converge on their proposals; O presente trabalho visa debater tanto a busca pela nacionalização da música a partir de elementos folclóricos da cultura brasileira empreendida por Mário de Andrade, quanto o “Americanismo Musical” do alemão naturalizado uruguaio Franz Kurt Lange/Francisco Curt Lange que pregava uma integração cultural do continente a partir desta arte. Ambos os intelectuais lançam mão de uma extensa bibliografia e documentação onde propunham seus ideais musicais que tinham como uma das principais finalidades a emancipação cultural do brasileiro frente à Europa...

Discursos sedutores

Arraes, Marcos Alexandre de Melo Santiago
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 140 p.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em História; Diante do cenário de conflitos internacionais durante a década de 1940, os recifenses passam a conviver com uma forte presença de soldados, propagandas e produtos estadunidenses em seu cotidiano, o que instaura um novo flanco da guerra que, se não participavam diretamente, sentiam indiretamente no seu dia-dia: a de costumes e paradigmas. A modernidade que havia chegado à cidade nas décadas iniciais do século e seguia o modelo europeu passava a não mais funcionar diante de um intenso bombardeio de novas idéias, produtos, modos de vida, realizado pelos EUA e seu american way of life. Auxiliado por um bem estruturado complexo propagandístico e sedutoras imagens de liberdade, abundância, simplicidade, etc., esse país instaura um novo paradigma no Brasil e no Recife em particular, que convivia diariamente com alguns representantes desse novo ideal. Este trabalho visa à análise das estruturas discursivas que suportaram esse novo paradigma de comportamento, criando novas possibilidades de subjetivação, e buscará, como forma de ilustrar os novos enunciados da modernidade, apontar as mudanças no cotidiano da cidade do Recife durante a primeira metade da década de 1940.

A Presença do espanhol americano em alguns dicionários bilingues e monolingues

Schneider, Claci Ines
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 149 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
27.527188%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2010; A lexicografia é uma atividade pouco conhecida pela grande maioria das pessoas e de grandes e importantes atribuições, pois é responsável entre outras coisas, pelo registro de uma língua. Uma língua, especialmente uma tão falada no atual contexto mundial, como é o caso da espanhola, é formada por diferentes variedades regionais. Esses regionalismos são receptores das mais diversas influências, o que resulta em diferenças nos falares de cada país ou região. Buscou-se, neste trabalho, analisar 4 dos dicionários bilíngues brasileiros (espanhol?português, em versão impressa, mini ou escolar) mais usados, o Michaelis, o Ática, o Larousse e o Ftd, e verificar como se comportam estas obras em relação aos regionalismos hispano-americanos, uma vez que o Brasil está cercado por países hispano-falantes e mantém com eles importantes relações sociais e políticas. Como base de comparação foram utilizados dois dicionários monolíngues espanhóis (o DRAE e o DUE), dois bilíngues ingleses (o Oxford e o Collins), ambos em versão digital (CD-ROM) e um bilíngue brasileiro...

A presença dos americanismos léxicos no ensino de E/LE : nos livros didáticos e na sala de aula

Bincoletto, Renato
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
28.260886%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, 2007.; A presente pesquisa de abordagem qualitativa teve como objetivos investigar como os americanismos léxicos são apresentados nos livros didáticos de Espanhol como LE e de que forma essas unidades lexicais são introduzidas pelo professor no processo de ensino- aprendizagem do idioma. A pesquisa foi desenvolvida em dois momentos. No primeiro, após um levantamento dos principais livros didáticos de E/LE utilizados no Distrito Federal, foram selecionadas três séries de livros que constituíram o corpus para a análise desses documentos. Verificamos que, nas obras analisadas, baseando-nos na proposta de Herrero (1997), de maneira geral, os americanismos léxicos apresentam-se ao longo ou ao final das unidades didáticas e de acordo com seus temas. Pudemos ainda verificar que as informações contidas nesses materiais apontam os americanismos como vocábulos utilizados em toda Hispano- América, de forma generalizada, omitindo sua verdadeira origem diatópica, e que os autores optam por apresentar ou não apresentar mais explicitamente a origem desses vocábulos. Além disso, os LDs analisados apresentam poucas atividades para o ensino e aprendizagem dessas unidades lexicais. No segundo momento da pesquisa...

Diccionario de americanismos

Florida International University
Fonte: FIU Digital Commons Publicador: FIU Digital Commons
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.527188%
This flyer promotes a book presentation of "Diccionario de americanismos" by Humberto Lopez Morales with Moderator Carlos Alberto Montaner. This event was held at the MARC International Pavillion at FIU on October 19,2010.; http://digitalcommons.fiu.edu/cri_events/1173/thumbnail.jpg

Para la historia de los americanos Lexico en los diccionarios del español

Azorín Fernández, María Dolores
Fonte: Murcia, Universidad de Murcia, Servicio de Publicaciones Publicador: Murcia, Universidad de Murcia, Servicio de Publicaciones
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%

América y la Academia: americanismos que faltan en el DRAE-01

Navarro Carrasco, Ana Isabel
Fonte: Murcia, Universidad de Murcia, Servicio de Publicaciones Publicador: Murcia, Universidad de Murcia, Servicio de Publicaciones
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.527188%

Estudio descriptivo de la influencia del inglés en la prensa mexicana del siglo XIX

Vázquez Amador, María
Fonte: Murcia: Universidad de Murcia, Editum Publicador: Murcia: Universidad de Murcia, Editum
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
L a prensa es reflejo de la realidad vivida en un determinado periodo de tiempo . Este artículo pretende mostrar la influencia de la lengua inglesa en la mexicana a través del análisis de los anglicismos localizados en diversos periódicos publicado s en México durante el siglo XIX . Asimismo se tratará de comprobar la e volución de estas voces a nivel formal y semántico con el fin de determinar si permanecieron y se adaptaron a la lengua española. Para ello se rastrearán los anglicismos tanto en las di stintas ediciones del Diccionario de la Lengua Española como en el Diccionario de Americanismos para comprobar si éstos fueron aceptados en los diccionarios. Ya durante el siglo XIX, los periodos mexicanos estaban cargados de voces inglesas que introducían los cambios sociales, políticos, económicos y tecnológicos que se iban produciendo en el resto del mundo. Muchos de estos anglicismos se han asentado en la lengua española, dato corroborado por su aceptación en los diccionarios académicos , que en muchas o casiones los ha adaptado a las no rmas gráficas de nuestro idioma. Sin embargo, también es bastante elevado el número de voces inglesas que se localizaron en la prensa decimonónica y finalmente han desaparecido de nuestra lengua...

La lexicografía del español de América y un nuevo diccionario de americanismos

Haensch, Günther
Fonte: Universidade da Coruña Publicador: Universidade da Coruña
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%

Los americanismos en el Diccionario de Autoridades. Tratamiento y repercusiones de algunos de éstos en la trayectoria de las distintas ediciones del DRAE

Fernández Gordillo, Luz
Fonte: Universidade da Coruña Publicador: Universidade da Coruña
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
38.110386%
[Resumo] Neste artigo analizo e valoro o tratamento dun grupo reducido de americanismos –aguacate; manato e manatí; batata, papa e patata; pepián e pipián; sabana; e tocayo– na traxectoria lexicográfica académica do Diccionario de Autoridades e do DRAE, para ilustrar algunhas das dificultades que enfrentaron e enfrentan os lexicógrafos ante datos etimolóxicos discutibeis, falta de información que permita incluir marcas restritivas pertinentes e definicións enciclopédicas pouco transparentes.; [Resumen] En este artículo analizo y valoro el tratamiento de un grupo reducido de americanismos –aguacate; manato y manatí; batata, papa y patata; pepián y pipián; sabana; y tocayo– en la trayectoria lexicográfica académica del Diccionario de Autoridades y del DRAE, para ilustrar algunas de las dificultades que enfrentaron y enfrentan los lexicógrafos ante datos etimológicos discutibles, falta de información que permita incluir marcas restrictivas pertinentes y definiciones enciclopédicas poco transparentes.; [Abstract] I analyze and evaluate the use of some Latin American words –aguacate; manato y manatí; batata, papa y patata; pepián y pipián; sabana; y tocayo– as does the Royal Academy of the Spanish Language in Diccionario de Autoridades and DRAE to illustrate the lexicographers’ problems with debatable etimological information...

As Relações Brasil-Estados Unidos no pensamento político do Barão do Rio Branco

Henrich, Nathália
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 145 p.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2010; A pesquisa procurou apresentar e analisar o pensamento político do Barão do Rio Branco no período de 1902 a 1912 no que concerne às relações entre Brasil e Estados Unidos. Os objetivos específicos definidos foram, ainda, identificar quais eram as ideias norteadoras da política externa brasileira desenvolvida por Rio Branco e como se formaram; reconstituir o debate da época e as diferentes posições acerca do tema das relações Brasil - Estados Unidos, através da seleção de autores-chave do período e análise de sua correspondência com Rio Branco; apontar posicionamentos do Brasil em situações específicas em alguns dos principais eventos envolvendo os dois países, como a implantação da Embaixada brasileira em Washington em 1905, a III Conferência Internacional Americana no Rio de Janeiro em 1906 e a Conferência de Haia em 1907. Como parte da preocupação de promover um estudo das ideias políticas de maneira historicamente orientada e com uma abordagem contextual, buscou - se estudar as ideias de Rio Branco em seu contexto histórico e sociológico. Para dar conta dos objetivos arrolados foi feito uso de pesquisa bibliográfica e documental. A pesquisa bibliográfica contou principalmente com a coleta de dados secundários. A pesquisa documental foi realizada no Arquivo Histórico do Itamaraty...

Boletín de la Facultad de Filosofía y Letras. UNAM. Núm. 12, febrero- marzo de 1997

Facultad de Filosofía y Letras, Universidad Nacional Autónoma de México
Fonte: Facultad de Filosofía y Letras, Universidad Nacional Autónoma de México Publicador: Facultad de Filosofía y Letras, Universidad Nacional Autónoma de México
Tipo: Periodico
Português
Relevância na Pesquisa
17.527188%
La digitalización y versión electrónica de este boletín fue realizada por el Lic. Filiberto García Solís, encargado de las Colecciones especiales y Fondo reservado Manuel de Ezcurdia de la Biblioteca Samuel Ramos de la Facultad de Filosofía y Letras. //// Índice; Al pie de la letra: Juliana González, Consejo Académico del Área de las Humanidades y las Artes, 3; Evelia Trejo, El Colegio de Historia reunido en Oaxtepec, 5; Acuerdos tomados por el Colegio de Historia de la Facultad en relación con el Plan de Estudios de la Licenciatura cuya lectura se hizo el viernes 17 de enero de 1997, 8; Jorge Alberto Manrique, De las cuestiones estéticas en Sánchez Vázquez, 10; Jaime Erasto Cortés, En el nombre de Eleguá, 14; Boris Berenzon a Juliana González, Nuevo encuentro con Mascarones, 17; Néstor López Aldeco, La crítica teatral en México ¿un vacío?, 19; Teresa del Conde, Giorgio Vasari hoy, 22; Marie Paule Simon Leroy, Literatura francesa: 1 Europa, 25; Entrevista: Boris Berenzon a Margarita Peña, 28; Caja de tipos: Jano: Marlene Rall y Dieter Rall proponen y Margarita Palacios opina, Letras comunicantes, 34; Novedades: Rosa Beltrán, América sin americanismos, El lugar del estilo en La épica; Avances, Coloquio de doctorados de filosofía...

Reseña: Breve Diccionario Ejemplificado de Americanismos

Fuenzalida Etcheverry, Mauricio Hernán
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Artículo de revista
Português
Relevância na Pesquisa
27.527188%
Reseña de: Biuans Teel. Breve Diccionario Ejemplificado de Americanismos (Madrid: Editorial Arco Libros, 1999; 288 pp.)

Propuestas etimológicas para palabras de origen indoamericano (DRAE, 21. ª ed.)

Hernández, Esther
Fonte: Real Academia Española Publicador: Real Academia Española
Tipo: Artículo Formato: 1196118 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
La lengua española ha recibido de las lenguas indígenas americanas un caudal léxico muy importante, el de mayor presencia en el DRAE después del aporrado por la lengua francesa y por la árabe. En su edición electrónica aparecen 893 lemas con marca etimológica de origen indígena americano; pero hay muchas otras palabras contenidas en él que, teniendo esta procedencia, carecen de indicación etimológica. Efectivamente, hallamos otros 600 lemas a los que podría añadirse la marca etimológica de palabra indígena americana '. Aquí nos hemos planteado completar estas lagunas ofreciendo étimos o procedencias cuando hallamos documentación de ello en los diccionarios generales de americanismos: También incluimos las voces que, por razones que explicamos más adelante, parece que puedan venir de las lenguas indoamericanas.; Peer reviewed

INDIGENISMOS E AMERICANISMOS NA CONQUISTA DAS AMÉRICAS

Galasso, Bruno José Betti
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Artes, Ciência e Humanidades. PROLAM Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Artes, Ciência e Humanidades. PROLAM
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2007 Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
Neste trabalho apresenta-se um breve estudo da filologia e a lingüística americana, atravésdos vocabulários bilíngües compostos da época colonial. Conquanto tenha sido apreciado seu valorcomo dicionários das línguas ameríndias, até agora não se valorizou sua especificidade como obras lexicográficas. Os repertórios indigenistas deveriam ser levados em conta na hora de elaborar uma história crítica da lexicografia americana. Não há dúvida de que as contribuições dos missionários foram decisivas para a história da cultura e da lingüística porque codificaram pela primeira vez o léxico daslínguas aborígenes de América, e o transladaram aos idiomas português e espanhol. Portanto, além de contribuir ao conhecimento desta parcela pouco explorada da lexicografia, nosso propósito consiste em aproveitar a bibliografia como fonte para descobrir o estado das línguas européias na América, mesmo que não sejam dicionários léxicos.

A PROBLEMÁTICA DOS AMERICANISMOS: TEORIAS DE DIVISÃO DIALETAL, ANÁLISE DE DADOS E UMA PROPOSTA PARA A MARCAÇÃO DIATÓPICA DO DICIONÁRIO DE FALSOS AMIGOS ESPANHOL-PORTUGUÊS

Kühn Fornari, Michelle; Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 11/09/2007 Português
Relevância na Pesquisa
38.110386%
ABSTRACTS: In this paper we propose a methodology to proceed to the diatopic marking of the Spanish-Portuguese false friends dictionary in a more reliable way. As a starting point, we present a panoramic vision concerning the dialetic division proposals of the American Spanish and analyze its consequences in three Americanisms dictionaries. With this study, we have detected a lot of discrepancies, both in what concerns the dialetological theories as to the diatopics imputations provided by the Americanisms dictionaries. Through our proposal, we reached a higher certainty regarding the diatopic informations, creating a liability sustained by empirical examples of the language use.; RESUMO: Neste trabalho propomos uma metodologia para proceder à marcação diatópica do dicionário de falsos amigos Espanhol – Português de forma o mais confiável possível. Como ponto de partida, apresentamos uma visão panorâmica a respeito das propostas de divisão dialetal do Espanhol da América e analisamos seu reflexo em três dicionários de americanismos. Com este estudo, detectamos muitas discrepâncias, tanto no que diz respeito às teorias dialetológicas quanto às imputações diatópicas fornecidas pelos dicionários de americanismos. Através da nossa proposta...

María Salomea Wielopolska y su mundo latinoamericano (a modo de homenaje)

Wojski,Zygmunt
Fonte: Universidad Pedagógica Experimental Libertador Publicador: Universidad Pedagógica Experimental Libertador
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
16.837954%
El artículo es una suerte de homenaje a la labor literaria de María Salomea Wielopolska, autora de tres obras dedicadas a Latinoamérica. En la primera parte se presenta la estructura y el contenido de las obras en cuestión, destacando la erudición de la autora y su amplio conocimiento de la naturaleza, la historia y la cultura de Venezuela, Colombia, el Ecuador y el Perú. La segunda parte es el análisis etimológico, morfológico y semántico de los numerosos americanismos citados por Wielopolska. Los que más abundan son los indigenismos, pero hay casos de vocablos mixtos indoespañoles (indigenismos con sufijos españoles) o hispanoindígenas. Los cambios semánticos de las voces de origen castellano se basan principalmente en metáforas, permutaciones, ampliaciones o reducciones del significado.