Página 1 dos resultados de 2 itens digitais encontrados em 0.023 segundos

A arte de acumular na gestação da economia cafeeira: formas de enriquecimento no Vale do Paraíba paulista durante o século XIX; The art of accumulate in the economy of coffee growth

Marcondes, Renato Leite
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/1998 Português
Relevância na Pesquisa
25.51%
Ao longo do século XIX ocorreu um expressivo crescimento econômico e demográfico no vale do Paraíba. A expansão da cafeicultura teve um papel fundamental neste fato, pois abriu novas oportunidades aos moradores da região e aos oriundos de fora. Neste contexto, procuramos entender essas transformações e as formas de acumulação dos indivíduos que viveram nesta economia. Selecionamos para estudo a localidade de Lorena (SP) nessa época. Inicialmente a expansão da cana-de-açúcar marcou a economia da região durante o final do século XVIII e início do XIX. Posteriormente, o plantio da rubiácea figurou como a principal atividade dos habitantes. As fontes documentais utilizadas consistiram basicamente nas listas nominativas de habitantes e dos inventários. Na primeira parte da tese apresentamos um panorama geral da localidade como um todo em seus aspectos demográficos e econômicos de 1778 a 1829, destacando três contingentes: os escravistas, seus escravos e os chefes de domicílio não-proprietários de cativos. Na outra parte centramos a análise numa amostra dos moradores em 1829, para os quais localizamos os seus inventários. A partir destes 187 indivíduos selecionados realizamos a discussão do acúmulo de escravos entre os dois momentos (1829 e o período dos inventários 1830/79). Alguns condicionantes mostraram-se importantes...

O processo de ordenação do território de Jaguariúna [SP, Brasil] a partir da conformação do espaço produtivo nas bacias dos rios Jaguari e Camanducaia; The process of ordering the territory of Jaguariúna [SP, Brazil] from the conformation of the productive space in watersheds of Jaguari and Camancucaia rivers

Roberto José D'Alessandro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
35.6%
Jaguariúna [SP], por sua localização privilegiada às margens do rio Jaguari integra o conjunto das cidades classificadas como estâncias hidrominerais do interior do estado conhecido como o "Circuito das Águas Paulistas". A ocupação de seu território data de cerca de 9.000 a.C., conforme registros arqueológicos e mais recentemente, por bandeirantes colonizadores de acordo com registros do século XVIII. Da formação inicial por sesmarias, originaram-se fazendas, situadas às margens dos rios Jaguari e Camanducaia, produtoras de cana-de-açúcar e depois café, entre os séculos XIX e início do século XX. Tais fazendas desempenharam papel relevante no processo de formação e ordenação do território, onde hoje se encontra o município, cujo auge se dá com a implantação da Companhia Mogiana de Estradas de Ferro. Portanto, os rios, as fazendas e a ferrovia, constituem os vetores de ordenação territorial de Jaguariúna no último quartel do século XIX. As marcas deste processo ainda permanecem desempenhando importante papel de ordenação do território, e constituem o patrimônio - hídrico, rural, ferroviário - de Jaguariúna. A pesquisa procura demonstrar como se da à integração deste processo.; Jaguariúna [SP]...