Página 1 dos resultados de 4088 itens digitais encontrados em 0.023 segundos

Desempenho escolar e variáveis do contexto familiar; Scholastic performance and variables of family context

Rejane Cristina Baggio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2010 Português
Relevância na Pesquisa
57.503345%
A escola configura-se para a criança como a grande demanda infantil, na qual se espera que desenvolva suas potencialidades e se aproprie dos conhecimentos historicamente construídos. Ocorre que há alguns anos, nota-se que as crianças embora frequentando as instituições escolares, não estão tendo rendimento satisfatório e que, apesar disso, continuam avançando pelos anos de escolarização. Inúmeras pesquisas foram realizadas objetivando compreender quais variáveis poderiam estar intervindo no baixo desempenho escolar e, dentre outras, as variáveis familiares foram apontadas como importantes preditoras. Partindo dessa indicação, apontada pela literatura, o presente estudo teve como objetivo investigar o desempenho escolar de alunos do Ensino Fundamental de escolas públicas e analisar se há diferenças entre grupos com diversos desempenhos escolares em relação a algumas variáveis do contexto familiar, tais como: os estilos parentais e o suporte e recursos presentes no ambiente familiar. Participaram 71 mães e seus respectivos filhos, com idades entre 11 e 14 anos que cursavam o 6º e 7º anos do ensino fundamental. Para a coleta de dados foram utilizados os seguintes instrumentos: Inventário de Estilos Parentais (IEP); Questionário sobre Suportes e Recursos do Ambiente Familiar; Teste de Desempenho Escolar (TDE) e a média das notas de português e matemática dos alunos referentes aos quatro bimestres. Os resultados indicaram que o estilo parental predominante foi o estilo parental de risco. Ao comparar os grupos de desempenho no TDE em relação ao IEP...

Aten????o prim??ria em sa??de e contexto familiar: an??lise do tributo centralidade na fam??lia no PSF de Manaus

Silva, Nair Chase da
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
47.646187%
A fam??lia como foco da aten????o ?? um dos atributos da Aten????o Prim??ria em Sa??de sendo necess??rio conhec??-la em sua din??mica e assisti-la em suas necessidades individuais e de grupo em intera????o. Reconhece-se o contexto familiar como o espa??o primeiro de identifica????o e explica????o do adoecimento de seus membros e onde este adoecimento adquire maior relev??ncia. Tais caracter??sticas tornam a fam??lia uma unidade de cuidados, devendo ser compreendida pelos profissionais de sa??de em suas interrela????es, ao mesmo tempo em que ?? uma unidade prestadora de cuidados, podendo tornar-se uma parceira dos servi??os de sa??de no cuidado de seus membros. A Estrat??gia Sa??de da Fam??lia tem como proposta estabelecer esta parceria com a fam??lia tornando-a mais aut??noma, mais independente, contribuindo assim para a constru????o de sua cidadania. A pesquisa teve como objetivo analisar o atributo centralidade da fam??lia no PSF, buscando examinar como o contexto familiar ?? considerado nas pr??ticas de sa??de dos profissionais, e como as fam??lias percebem estas pr??ticas no PSF de Manaus. Para o desenvolvimento do estudo optou-se pela pesquisa qualitativa. Neste estudo foram informantes as fam??lias e os profissionais que atuam na Estrat??gia. Como t??cnica de levantamento de dados foram realizados grupos focais com enfermeiros...

O processo de transição do familiar a cuidador da pessoa com depressão

Marques, Maria de Fátima; Lopes, Manuel José
Fonte: Encontro de doutorandos em Enfermagem da Universidade de Lisboa Publicador: Encontro de doutorandos em Enfermagem da Universidade de Lisboa
Tipo: Aula
Português
Relevância na Pesquisa
47.53083%
Atualmente o internamento em unidades de saúde é considerado um recurso de última linha, sendo no contexto familiar e social que a pessoa vive a sua depressão. Os familiares, através de uma atitude pro ativa, devem adotar um papel diferençado e ser vistos como aliados importantes na prestação de cuidados, tendo que se adaptar às novas formas de gerir o quotidiano. Este papel não é passivo e tem consequências importantes, sobretudo nos estilos de vida e relações interpessoais. É esperado que os familiares se assumam como cuidadores informais de uma pessoa, cuja situação clínica desconhecem e para a qual não estão preparados, por não saber que fazer. Vivem um processo de mudança; mas como ocorre essa mudança? Como é que o elemento da família se torna cuidador do seu familiar com depressão? Objetivos:- caraterizar o processo de adoecer com depressão, na perspetiva do familiar e doente; - Identificar reações que o familiar desenvolve na relação com o doente - Descrever estratégias utilizadas pelo familiar para cuidar do elemento com depressão; - Conceituar padrões de resposta presentes no processo de transição do familiar a cuidador. Metodologia: desenho de natureza qualitativa e indutiva com recurso à Grounded Theory. Dois polos das consultas externas do departamento psiquiatria e saúde mental...

Funcionalidade Familiar e Qualidade de Vida dos Idosos

Andrade, Ana Isabel Nunes Pereira de Azevedo e; Martins, Rosa Maria Lopes
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
47.513276%
O crescimento significativo do envelhecimento da população surge como tema de grande actualidade nas ciências sociais, relatando a literatura que o suporte familiar, a par do estado de saúde e do contexto situacional do idoso, constitui um pilar importante na promoção da Qualidade de Vida (QDV) dos idosos. Neste contexto, realizámos um estudo analítico correlacional, com a finalidade de avaliar a qualidade de vida dos idosos e analisar a influência das variáveis sócio-demográficas e de contexto familiar na qualidade de vida. Objectivo: Avaliar a qualidade de vida dos idosos e analisar a influência das variáveis sócio-demográficas e de contexto familiar com a variabilidade da qualidade de vida dos idosos. Metodologia: Estudo transversal realizado numa amostra de 210 idosos do concelho de Tondela, com idades compreendidas entre os 60 e os 95 anos (M=72,91; Dp=6,095); Resultados: A qualidade de vida é mais elevada nos idosos de menor idade (r = -0,192; p = 0,005) e com melhor funcionalidade familiar (r = 0,297; p = 0,000); Conclusão: Face às evidências apresentadas, inferimos que as variáveis estudadas, designadamente a idade e a funcionalidade familiar influenciam a QDV...

Identidade Familiar em (Re)construção: um percurso sentido

Botas, Philippe; Santiago, Luiz Miguel; Miranda, Paula
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /02/2013 Português
Relevância na Pesquisa
47.60712%
Enquadramento: Os cuidados centrados na pessoa compreendem a caracterização do contexto familiar. A avaliação da família depende de quem e como a avalia, é mutável no tempo e pode contribuir no processo terapêutico. Descrição de Caso: Mulher de 28 anos, desempregada, pertencente a uma família alargada, de classe média. Desde 2010, verificou-se aumento do número de consultas, em contexto de queixas gastrointestinais persistentes e diagnóstico de múltiplos pólipos no cólon em Janeiro/2011. Referenciação para Gastrenterologia, iniciando a abordagem multidisciplinar. Ao longo das consultas no Centro de Saúde revelou um humor deprimido, com labilidade emocional e insónia, estabelecendo-se diagnóstico de perturbação depressiva. O falecimento da avó materna em 2005, que considerava como mãe, é um acontecimento significante no presente. O genograma com psicofigura de Mitchell, datado a 28 de Agosto de 2011, destaca o agregado familiar monoparental e relações intra-familiares conflituosas e escassas. Centrada na relação com os pais e a irmã, perspectiva a família como disfuncional. O plano terapêutico abrangeu a escuta terapêutica e estratégias de coping. Em consulta a 17/10/2011 solicitou-se a concretização do círculo familiar...

A medicina geral e familiar : caracterização da prática e sua influência no ensino pré-graduado

Jordão, José Guilherme, 1951-2003
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //1995 Português
Relevância na Pesquisa
47.665195%
Tese de doutoramento em Medicina (Clínica Geral e Medicina Comunitária), apresentada à Universidade através da Faculdade de Medicina, 1996.; Após a criação da disciplina de Clínica Geral e Medicina Comunitária, a Faculdade de Medicina de Lisboa incluiu no seu Plano de Estudos a área da Medicina Geral e Familiar. O presente trabalho " Medicina Geral e Familiar — Caracterização da prática e sua Influência no Ensino Pré-graduado" evidencia uma finalidade dominante, embora com vertentes diversas desse mesmo propósito. Assim, inserido num contexto exploratório e descritivo, pretende contribuir para o processo educativo centrado na Educação Médica pré-graduada, mormente no ensino e na aprendizagem da Medicina Geral e Familiar como área acadêmica. Tendo como referência o perfil funcional do médico de família, caracterizam-se aspectos da sua prática, procurando Identificar necessidades formativas e, eventualmente, estratégias pedagógicas, de modo a que, a disciplina de Clínica Geral e Medicina Comunitária em particular, e a Faculdade de Medicina em geral, possam melhor responder ao desafio de proporcionar aos futuros médicos a aquisição de competências relacionadas com o exercício daquela especialidade...

Análise do fenómeno de base segura em contexto familiar: A especificidade das relações criança/mãe e criança/pai

Monteiro, Lígia Maria Santos
Fonte: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
57.17008%
Tese de doutoramento em Psicologia Educacional; Esta investigação enquadra-se na teoria da vinculação de Bowlby/Ainsworth, testando empiricamente conceitos centrais como: a organização dos comportamentos de base segura, o modelo dinâmico interno, a transmissão social da vinculação, a especificidade das relações, bem como, os contextos de envolvimento, no micro-sistema familiar. Os participantes são 56 famílias portuguesas, com crianças entre os 2 ½ e os 3 anos de idade. De modo a avaliar a qualidade das relações de base segura utilizou-se o Attachment Behavior Q-Set (Waters, 1995), tendo para tal sido efectuadas, separadamente, visitas domiciliárias com a mãe e com o pai, por observadores independentes. No final destas, aplicou-se as “Narrativas de Vinculação em Adultos” (Waters & Rodrigues-Doolabh, 2004). O envolvimento parental foi avaliado com base num questionário (Monteiro, Veríssimo, Castro, & Oliveira, 2006), preenchido independentemente pelos pais. Os resultados indicam que as crianças utilizam ambos os pais como base segura, e que não existem diferenças significativas entre os valores de segurança das crianças, nestas duas relações, embora os estilos de interacção apresentem algumas características específicas. Os valores de segurança da criança...

Representações do self e da família : estudo comparativo em crianças em contexto famíliar normativo e em contexto famíliar de vulnerabilidade

Fonseca, Maria Rita Canêlhas da
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
47.697275%
Tese de Mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde, Núcleo de Psicoterapia Cognitiva-Comportamental e Integrativa), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2014; Os primeiros anos de vida e as experiências vividas ao longo da infância em diversos contextos, ainda que não sejam deterministas, têm um papel fundamental no desenvolvimento, influenciando as representações das crianças sobre si próprias, sobre os outros e sobre o mundo, e, consequentemente, condicionando os seus padrões de adaptação à realidade que vivenciam. O contexto familiar é entendido como uma matriz primordial para a saúde e o desenvolvimento das crianças, constituindo uma fonte direta e duradoura de influência, que permite a aprendizagem de dimensões fundamentais da relação com o outro, como a linguagem, a comunicação, a empatia, a expressão de afetos, a confiança e a intimidade. As famílias em que predomina uma forte disfuncionalidade constituem um contexto de vulnerabilidade, dados os inúmeros fatores de risco associados que podem conduzir a situações de perigo. O presente estudo visa analisar e comparar Representações do Self e da Família de crianças que vivem em contexto familiar de vulnerabilidade (N = 13) e em contexto familiar normativo (N = 13). Recorreu-se a metodologias qualitativas clínicas...

Perspetivas atuais sobre a proteção jurídica da pessoa idosa vítima de violência familiar: contributo para uma investigação em saúde pública

Fonseca, Rita; Gomes, Inês; Lobato Faria, Paula; Gil, Ana Paula
Fonte: Universidade Nova de Lisboa, Escola Nacional de Saúde Pública Publicador: Universidade Nova de Lisboa, Escola Nacional de Saúde Pública
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 23/01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
57.07706%
A violência contra pessoas idosas em contexto familiar constitui um problema de saúde pública numa sociedade envelhecida. A dimensão do problema exige a realizac¸ão de estudos que permitam um maior conhecimento deste fenómeno na sociedade portuguesa, justificando as intervenc¸ões de saúde como jurídico-penais. Este artigo apresenta uma abordagem terminológica dos conceitos, bem como uma operacionalizac¸ão das condutas descritas face à legislac¸ão portuguesa. Considerando a complexidade deste fenómeno, entendeu-se pertinente a realizac¸ão de uma análise de direito comparado, à luz do caso português. No âmbito dos ordenamentos jurídicos estudados, foram considerados aqueles que procuram acautelar os direitos sociais da pessoa idosa.; FCT

A experiência de cuidar um idoso dependente em contexto familiar; The experience of caring for a dependent elderly at home

Lage, Maria Isabel Gomes Sousa; Araújo, Odete
Fonte: Ludomedia Publicador: Ludomedia
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 14/07/2014 Português
Relevância na Pesquisa
57.07706%
Publicado em "Livro de atas do 3° Congresso Ibero-Americano em Investigação Qualitativa, Vol. 2 : Artigos de Saúde", ISBN 978-972-891448-6; O impacte que os cuidados prestados a idosos dependentes podem ter no sistema familiar tem sido habitualmente reconhecido como uma experiência física e emocionalmente desgastante, que pode afectar o bem-estar psicossocial, a saúde física e a qualidade de vida dos cuidadores. Esta investigação, exploratória e descritiva, de índole qualitativa procura compreender a experiência do cuidado a idosos dependentes não dementes, na perspectiva dos cuidadores informais. Foi utilizada a entrevista aberta constituída pela questão: Genericamente falando, o que tem sido a sua experiência como cuidador de um idoso dependente? Os dados da avaliação subjetiva foram analisados, do ponto de vista qualitativo [6] através de análise de conteúdo [5]. Duzentos e catorze cuidadores informais (n=214) participaram no estudo. Dos resultados emergiram diferentes temas, sendo posteriormente agregados em três categorias: (1) Organização das exigências e estrutura da relação de cuidar; (2) concessões na vida pessoal e social, e percepção de problemas de saúde, (3) percepção da velhice, crenças...

Construcción de una escala para evaluar el contexto familiar desde la perspectiva de los padres; Construction of a scale for assessing family context from the perspective of parents

Richaud, Maria Cristina; Bei, Elsa Ines
Fonte: CIIPME-CONICET Publicador: CIIPME-CONICET
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:ar-repo/semantics/artículo; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
67.478867%
Se presenta la construcción y validación de una escala que mide el contexto familiar desde la perspectiva de los padres, teniendo en cuena la estimulación temprana que recibe el niño, y que Galvez (2007) define como la actividad de contacto con el bebé, que propicie sus potencialidades. Dentro de la línea ecológica sistémica de Bronfenbrenner (1987), Rodrigo y Palacios (1998) proponen tres aspectos del contexto familiar que afectan el desarrollo del niño: ideas y cog niciones de los padres con respecto al desa rrollo, estilo de socialización y escenario e interacción educativa. Una versión preliminar con 73 ítemes fue administrada a una muestra de 229 sujetos para estudiar sus propiedades psicométricas. Se examinó el poder discriminativo de los ítemes, mediante la prueba t de diferencias de medias, resultando discriminativos 59 ítemes. Estos últimos fueron analizados factorialmente para determinar el número y la naturaleza de las dimensiones subyacentes. El análisis factorial exploratorio indicó la presencia de cuatro factores:ambiente familiar en relación a la estimulación personal, ambiente familiar con objetos estimulantes, ideas y creencias y prácticas de crianza. Los ítemes se agruparon guardando coherencia teórica con el planteo inicial. Se estudió la confiabilidad como consistencia interna...

El espacio social en la construcción compartida del conocimiento

Vila, Ignasi
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Article; info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //1998 Português
Relevância na Pesquisa
47.478867%
En el texto se exponen una serie de reflexiones sobre el espacio social de las prácticas educativas, las cuales sintetizan opiniones de las aportaciones de trabajos de investigación de diversos autores basadas en la psicología cultural, que pueden servir para iniciar un debate desde una perspectiva psicoeducativa. Se abordan aspectos sociales implicados en las prácticas educativas, tales como el contexto familiar, el contexto institucional..., aspectos basados en un marco teórico centrado en la construcción del significado, entendido como el eje que relaciona la mente y la cultura.; Al text s'exposen una sèrie de reflexions sobre l'espai social de les pràctiques educatives, les quals sintetitzen opinions de les aportacions de treballs d'investigació de diversos autors basades en la psicologia cultural, que poden servir per iniciar un debat des d'una perspectiva psicoeducativa. S'hi aborden aspectes socials implicats en les pràctiques educatives, com ara el context familiar, el context institucional..., aspectes basats en un marc teòric centrat en la construcció del significat, entès com l'eix que relaciona la ment i la cultura.; The author thinks over the social space of educational practices. These reflections synthesise opinions from different studies based on cultural psychology and which could be used to generate a debate from the psychoeducational view. The article deals with some social aspects involved in educational practices such as the familiar or the institutional environment. These aspects are based on a theoretical frame...

Viver com mais idade em contexto familiar: dependência no auto cuidado; Vivir con más edad en contexto familiar: dependencia en el autocuidado; Living older in the family context: dependency in self-care

Araújo, Isabel; Paúl, Constança; Martins, Manuela
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/08/2011 Português
Relevância na Pesquisa
47.48504%
A finalidade deste estudo é contribuir para a melhoria da assistência de enfermagem à pessoa dependente e sua família. O trabalho teve como objetivos: descrever o grau de dependência de idosos em contexto familiar; identificar características sociodemográficas dos idosos dependentes em contexto familiar; descrever a principal causa que originou a dependência nos idosos que se encontram no domicílio. A opção metodológica foi uma abordagem quantitativa de natureza exploratória descritiva. No período de outubro 2007 a junho de 2008 foram seleccionadas 108 famílias, de uma região norte de Portugal, com um idoso dependente. Foi uma amostra de conveniência. Para a colheita de informação recorremos a um inquérito onde incluímos o índice de Barthel. Os resultados mostraram que os idosos são predominantemente mulheres, viúvas, com média de idade de 81 anos, com nível grave de dependência, cuja principal causa foram as doenças do sistema circulatório.; Este estudio objetiva contribuir con la mejoría de la atención de enfermería a personas dependientes y sus familias. El trabajo tuvo como metas: describir grado de dependencia de ancianos dependientes en contexto familiar; describir la causa principal del origen de dependencia en ancianos que se encuentran en domicilio. La opción metodológica fue un abordaje cuantitativo de naturaleza exploratorio-descriptiva. En el período de octubre 2007 a junio 2008 fueron seleccionadas 108 familias del norte de Portugal...

REFLECTION ON WHOM THE FAMILY CAREGIVER IS; LA REFLEXIÓN SOBRE EL GUARDIÁN DE LA FAMILIA; REFLETINDO SOBRE QUEM É O CUIDADOR FAMILIAR

Bicalho, Cleide Straub; Lacerda, Maria Ribeiro; Catafesta, Fernanda
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 05/08/2008 Português
Relevância na Pesquisa
47.54167%
This is a thought-provoking essay to identify the family caregiver. Patients’ labour constraints as well as awareness constraints about their condition can take them to dependence, that is when the family caregiver comes into play, working for patients’ partial or full recovery. Some aspects in the family context must be considered, such as family caregivers’ level of education as well as their previous experience with situations of care, and the context itself. These elements underpin nurse – family-caregiver relationship towards care guidance. Thus, family caregivers suffer along with their family members’ disabilities, being unique sensitive figures, often forgotten and ignored, who need attention to meet their duties as family caregivers.; Este es un estudio que tiene el objetivo de reflexionar acerca del cuidado familiar. Las restricciones de mano de obra y de conciencia del paciente acerca de su enfermedad le pueden llevar a la dependencia, cuando entra en juego la familia cuidadora. Es él quien trabaja a favor de la recuperación total o parcial de este paciente. Algunos aspectos de la familia deben ser considerados, como el nivel de educación de los cuidadores familiares, así como su experiencia previa con situaciones de atención y...

UNDERNOURISHED CHILD IN FAMILIAR CONTEXT:AN EXPERIENCE IN EDUCATIONAND HEALTH; NIÑO DESNUTRIDO EN CONTEXTO FAMILIAR: UNA EXPERIENCIA EN EDUCACIÓN Y SALUD; CRIANÇA DESNUTRIDA NO CONTEXTO FAMILIAR: UMA EXPERIÊNCIA EM EDUCAÇÃO E SAÚDE

Frota, Mirna Albuquerque; Vieira, Neiva Francinelly Cunha; Barroso, Maria Grasiela Teixeira
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 27/04/2006 Português
Relevância na Pesquisa
47.478867%
In the reality of poorness of our country, the hunger covers a big part of Brazilian people. The situation is more difficult when focus in Northeast Region. The aims of this study are to know the reality of the familiar context of the undernourished child and to promote a reflexion about the malnutrition prevention. The method used was an ethnographic approach, using a group dynamic. The culture theme that emerged was: How the family influence in the care of the undernourished child. The population have their own beliefs and values about health, it is necessary to learn in the experience of the infinit complexity of life.; En la realidad de pobreza de nuestro país, el hambre cubre una parte grande de la población de Brazil. La situación es más difícil cuando enfoca la Región Nordeste. Los objetivos de este estudio son conocer la realidad del contexto familiar del niño desnutrido y promover una reflexión sobre la prevención de la desnutrición. Hubo hecho una investigación etnográfica que usa un grupo dinámico. El tema cultural que surgió fué: De qué modo la familia influencia en el cuidado del niño desnutrido. La población tiene sus propias creencias y valores sobre salud, es necesario aprender la infinita complejidad del la vida.; Na realidade de pobreza do nosso País...

APOSENTADORIA E CONTEXTO FAMILIAR: UM ESTUDO SOBRE AS ORIENTAÇÕES TEÓRICAS DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA

Antunes, Marcos Henrique; Soares, Dulce Helena Penna; Silva, Narbal
Fonte: Universidade Federal da Paraíba Publicador: Universidade Federal da Paraíba
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares"; Formato: application/pdf
Publicado em 30/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
67.201035%
Este trabalho tem por objetivo analisar as orientações teóricas que fundamentam a produção científica acerca da interface entre aposentadoria e família. Para tanto, foi utilizado uma amostragem de 22 artigos que versam sobre o assunto, os quais foram analisados, descritos e discutidos, e, posteriormente, correlacionados ao esquema de quadrantes epistemológicos proposto por Burrel e Morgan. Por meio deste estudo, foi possível considerar a diversidade de perspectivas teóricas que tratam dessa relação temática. Nesse sentido, também foi observado que a produção de conhecimentos encontra-se em maior número nas bases de dados internacionais se comparadas às nacionais. Ademais, constatou-se que as produções em nível nacional apresentam discussões insuficientes a respeito das relações entre aposentadoria e contexto familiar, uma vez que tais estudos relacionam a aposentadoria a outros elementos de análise, dentre os quais, está o envelhecimento.

Construcción de una escala para evaluar el contexto familiar desde la perspectiva de los padres

Richaud,María Cristina; Bei,Elsa Inés
Fonte: Interdisciplinaria Publicador: Interdisciplinaria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
67.478867%
Se presenta la construcción y validación de una escala que mide el contexto familiar desde la perspectiva de los padres, teniendo en cuenta la estimulación temprana que recibe el niño, y que Galvez (2007) define como la actividad de contacto con el bebé, que propicie sus potencialidades. Dentro de la línea ecológica sistémica de Bronfenbrenner (1987), Rodrigo y Palacios (1998) proponen tres aspectos del contexto familiar que afectan el desarrollo del niño: ideas y cogniciones de los padres con respecto al desarrollo, estilo de socialización y escenario e interacción educativa. Una versión preliminar con 73 ítemes fue administrada a una muestra de 229 sujetos para estudiar sus propiedades psicométricas. Se examinó el poder discriminativo de los ítemes, mediante la prueba t de diferencias de medias, resultando discriminativos 59 ítemes. Estos últimos fueron analizados factorialmente para determinar el número y la naturaleza de las dimensiones subyacentes. El análisis factorial exploratorio indicó la presencia de cuatro factores: ambiente familiar en relación a la estimulación personal, ambiente familiar con objetos estimulantes, ideas y creencias y prácticas de crianza. Los ítemes se agruparon guardando coherencia teórica con el planteo inicial. Se estudió la confiabilidad como consistencia interna...

Contexto familiar y consumo de sustancias psicoactivas en niños entre 8 y 12 años

Grigoravicius,Marcelo; Iglesias,Andrea; Ponce,Paula; García Poultier,Julieta; Pandolfi,Marcela; Nigro,Vanina; Bradichansky,Laura
Fonte: Universidad Nacional Autónoma de México, Facultad de Psicología Publicador: Universidad Nacional Autónoma de México, Facultad de Psicología
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 Português
Relevância na Pesquisa
67.201035%
Se presentan resultados de una investigación que indaga el consumo de sustancias psicoactivas en una población clínica de niños entre 8 y 12 años que recibe asistencia psicológica en un servicio comunitario, dependiente de la Segunda Cátedra de Psicoanálisis: Escuela Inglesa de la Facultad de Psicología de la Universidad de Buenos Aires, Argentina. Asimismo se indaga el consumo de sustancias psicoactivas en los adultos responsables que acompañan a los niños a la consulta. Las muestras están conformadas por 55 niños (17 niñas y 38 niños) y 55 adultos responsables (47 mujeres y 8 varones). Se administró el cuestionario CORIN (Conductas de riesgo en niños), un cuestionario para padres o adultos responsables y un protocolo de datos sociodemográficos. Resultados: se registró la presencia del consumo ocasional de alcohol en el 33% de los niños y una alta proporción de prevalencia de consumo de alcohol en la vida, año y mes por parte de los adultos. A su vez, entre los adultos se registraron situaciones de consumo abusivo. Se infiere que el consumo ocasional de alcohol por parte de niños se asocia a las características de su contexto familiar y a los hábitos de consumo de sus adultos responsables.

Perspetivas atuais sobre a proteção jurídica da pessoa idosa vítima de violência familiar: contributo para uma investigação em saúde pública

Fonseca,Rita; Gomes,Inês; Faria,Paula Lobato; Gil,Ana Paula
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2012 Português
Relevância na Pesquisa
57.07706%
A violência contra pessoas idosas em contexto familiar constitui um problema de saúde pública numa sociedade envelhecida. A dimensão do problema exige a realização de estudos que permitam um maior conhecimento deste fenómeno na sociedade portuguesa, justificando as intervenções de saúde como jurídico-penais. Este artigo apresenta uma abordagem terminológica dos conceitos, bem como uma operacionalização das condutas descritas face à legislação portuguesa. Considerando a complexidade deste fenómeno, entendeu-se pertinente a realização de uma análise de direito comparado, à luz do caso português. No âmbito dos ordenamentos jurídicos estudados, foram considerados aqueles que procuram acautelar os direitos sociais da pessoa idosa.

INICIO DE LA ALFABETIZACIÓN, HABILIDADES PRELECTORAS Y CONTEXTO ALFABETIZADOR FAMILIAR EN UNA MUESTRA DE NIÑOS URUGUAYOS

Cuadro,Ariel; Berná,Juana
Fonte: Ciencias Psicológicas Publicador: Ciencias Psicológicas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2015 Português
Relevância na Pesquisa
47.48504%
Los efectos de las habilidades prelectoras así como del contexto familiar alfabetizador en el inicio de la alfabetización, tienen implicaciones significativas tanto para los avances teóricos como para las prácticas educativas relacionadas con la adquisición de la habilidad lectora. El objetivo de este estudio fue analizar las relaciones entre el desarrollo de las habilidades prelectoras, entendidas en términos de alfabetización emergente, el contexto alfabetizador familiar y el inicio de la alfabetización, a partir de una muestra de 56 niños de educación inicial. Se aplicaron pruebas para evaluar el conocimiento léxico, habilidades metafonológicas, velocidad de nominación y reconocimiento de letras, así como un cuestionario para conocer el contexto alfabetizador familiar de los niños participantes. Los resultados dan muestra de una relación significativa entre las habilidades prelectoras y el inicio de la alfabetización, así como de la importancia de las prácticas alfabetizadoras familiares