Página 1 dos resultados de 7 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Risco downside e CoVaR no mercado brasileiro de ações; Downside risk and CoVaR in the Brazilian stock market

Alexandrino, Thiago Basso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/11/2013 Português
Relevância na Pesquisa
51.064937%
Um dos objetivos deste estudo é testar modelos de precificação de ativos financeiros, especialmente o de risco downside de Ang et al. (2006), em todas as ações da Bovespa, para o período que se estende de janeiro de 1999 a julho de 2012. Para atingi-lo, aplica-se o método de regressões Fama e MacBeth (1973) com retornos um período à frente. A quase totalidade dos modelos testados é rejeitada, inclusive a existência de um eventual prêmio para o risco downside. A exceção é o modelo que inclui com o beta tradicional e o seu quadrado, o que permite rejeitar o CAPM devido a não linearidade no risco de mercado. A relação existente entre o beta e o retorno das ações seria positiva até beta igual a 0,642 e depois negativa. Outra meta desta dissertação é comparar as estimações condicionais às não condicionais do modelo CoVaR de Adrian e Brunnermeier (2011) para as 16 ações da Bovespa utilizadas por Almeida et al. (2012), que obtiveram apenas estimações não condicionais para o Brasil em um período semelhante. Os resultados daqui mostram uma baixa e não estatisticamente significante correlação com os de Almeida et al. (2012). Para este estudo, tem-se que as duas formas de calcular o CoVaR são similares para o teste de estresse...

Custo de capital próprio em mercados emergentes: uma abordagem empírica no Brasil com o downside risk

Fortunato,Graziela Xavier; Motta,Luiz Felipe Jacques da; Russo,Giuseppe
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2010 Português
Relevância na Pesquisa
71.123145%
Este artigo visa testar empiricamente a proposta de Estrada (2000) para as empresas que compõem o Ibovespa, avaliando se para mercados emergentes existem outras medidas de risco sistemático diferentes do beta do capital asset pricing model (CAPM). Dessa forma, testou-se o downside risk que capta a parte negativa do retorno. Além de dados em cross section, utilizaram-se dados em painel, como uma contribuição adicional ao trabalho de Estrada (2000). Os resultados encontrados não confirmam que o downside risk seja uma medida apropriada ao mercado brasileiro. Outras medidas de risco apresentaram melhor correlação com o retorno, permitindo o cálculo do custo de capital com valor diferente daquele obtido pela aplicação do beta. De acordo com Estrada (2000), os resultados sugerem que os mercados emergentes estão em posição intermediária entre os mercados integrados e segmentados, tal como confirmado para o mercado brasileiro.

Comparação entre diferentes modelos de precificação de ativos com risco CAPM e variantes

Fonte: Universidade Federal de Lavras Publicador: Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
61.33152%

Precificação de ativos com risco no mercado acionário brasileiro: aplicação do modelo CAPM e variantes; Assets pricing in the Brazilian stock market: CAPM and variants application

Fonte: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAE - Programa de Pós-graduação; UFLA; BRASIL Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAE - Programa de Pós-graduação; UFLA; BRASIL
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
71.734517%

An extensile method on the arbitrage pricing theory based on downside risk (D-APT)

Baghdadabad, M.R.T.; Glabadanidis, P.T.
Fonte: Emerald Group Publishing Limited Publicador: Emerald Group Publishing Limited
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
62.09322%
PURPOSE – The purpose of this paper is to propose a new and improved version of arbitrage pricing theory (APT), namely, downside APT (D-APT) using the concepts of factors’ downside beta and semi-variance. DESIGN/METHODOLOGY/APPROACH – This study includes 163 stocks traded on the Malaysian stock market and uses eight macroeconomic variables as the dependent and independent variables to investigate the relationship between the adjusted returns and the downside factors’ betas over the whole period 1990-2010, and sub-periods 1990-1998 and 1999-2010. It proposes a new version of the APT, namely, the D-APT to replace two deficient measures of factor's beta and variance with more efficient measures of factors’ downside betas and semi-variance to improve and dispel the APT deficiency. FINDINGS – The paper finds that the pricing restrictions of the D-APT, in the context of an unrestricted linear factor model, cannot be rejected over the sample period. This means that all of the identified factors are able to price stock returns in the D-APT model. The robustness control model supports the results reported for the D-APT as well. In addition, all of the empirical tests provide support the D-APT as a new asset pricing model, especially during a crisis. RESEARCH LIMITATIONS/IMPLICATIONS – It may be worthwhile explaining the autocorrelation limitation between variables when applying the D-APT. PRACTICAL IMPLICATIONS – The framework can be useful to investors...

Criação de valor econômico e suas implicações em empresas brasileiras de capital aberto: uma análise dos modelos de precificação de ativos financeiros

Paiva, Felipe Dias
Fonte: Mestrado em Administração; UFLA; brasil; Departamento de Administração e Economia Publicador: Mestrado em Administração; UFLA; brasil; Departamento de Administração e Economia
Tipo: Dissertação
Publicado em 23/09/2015 Português
Relevância na Pesquisa
83.07891%
The theme of this research is to refer to Economic Value Added (EVA) in Brazilian companies of open capital and the asset pricing models of unique factor. So, the principal objective ofthis research is consisted of tested financial asset pricing models, Capital Asset Pricing Model (CAPM) and Downside Capital AssetPricing Model (D-CAPM), which represem as the best altemative to measure the cost of equity capital of these Brazilian companies of open capital. Specifícally, it has sought for the value of efficiency in application of CAPM and D-CAPM for Brazilian market share and in compare to the EVA's results, affected from the time of use of asset pricing models, CAPM and DCAPM. In this sense, the present research has had as theoretic foundation on the economic value added and financial asset pricing models, preceded by a literature revision model about the market share with an emphasis in evolution of Brazilian market share. The research has been developed through a quantitative investigation, utilizing sample data of period from December 1996 to August 2002. The data has been collected through database of Comissão de Valores Mobiliários (CVM) and of Economática. The test of efficiency of financial asset pricing models indicated a superiority of model D-CAPM compare to CAPM in explanation to return the movable designation of Brazilian market capitais. In that case it is cited that between two models ofmeasuring the capital cost of property...

Modelos de precificação de ativos financeiros de fator único: um teste empírico dos modelos CAPM e D-CAPM; Single factor financial asset pricing models: an empirical test of the Capital Asset Pricing Model CAPM and the Downside Capital Asset Pricing Model D-CAPM

Paiva, Felipe Dias
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2005 Português
Relevância na Pesquisa
163.89195%
O objetivo deste estudo é analisar o capital asset pricing model (CAPM) e o downside capital asset pricing model (D-CAPM), bem como avaliar se este último modelo é uma eficiente alternativa de modelo de precificação de ativos. Os dados da pesquisa referem-se a 40 retornos de companhias listadas na Bolsa de Valores de São Paulo, de dezembro de 1996 a agosto de 2002. O artigo utilizou, para testar os modelos, as variáveis Certificado de Depósito Interbancário (CDI), como um ativo livre de risco, e o índice da Bolsa de Valores de Sao Paulo (Ibovespa), como proxy do portfólio de mercado. Conclui-se, então, que o D-CAPM possui uma maior capacidade explicativa dos retornos dos ativos se comparado ao CAPM.; This study analyzed the Capital Asset Pricing Model CAPM as well as the Downside Capital Asset Pricing Model D-CAPM and evaluated the latter as an efficient alternative asset pricing model. The returns of 40 companies on the São Paulo Stock Exchange BOVESPA were studied between December 1996 and August 2002. To test the models the study used as variables the Interbank Deposit Certificate CDI as a risk free asset and the Index of São Paulo Stock Exchange IBOVESPA as a proxy of the market portfolio. The D-CAPM was shown to be more useful in explaining the return of the stock market than the CAPM.