Página 1 dos resultados de 588 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Alterações físicas em ambientes de estufa plástica e seus efeitos sobre as condições hídricas e o crescimento do tomateiro

Reisser Júnior, Carlos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
38.382578%
O consumo de frutas e hortaliças vem aumentando rapidamente, em função de mudanças nos hábitos das populações urbanas. Novas técnicas para produção são necessárias, para que haja um suprimento contínuo de alimentos de alta qualidade e baixo custo. Este foi o principal propósito da introdução do cultivo em estufas plásticas, em muitos países. Porém, à medida em que este sistema evoluiu, surgiram vantagens e limitações, ao mesmo tempo. Assim, tornou-se indispensável aprofundar conhecimentos das relações planta-atmosfera. Em particular, as relações entre as condições hídricas e o crescimento das plantas, em resposta às alterações físicas nos ambientes protegidos, devem ser melhor avaliadas. Com este objetivo conduzido um experimento com tomateiro cultivado dentro e fora de estufa plástica, em ciclos de primavera-verão e verão-outono, em Eldorado do Sul, Rio Grande do Sul, em 1999/2000. As reduções na radiação solar incidente e na velocidade do vento mostraram ser as causas primárias das alterações no ambiente interno. A redução na entrada de energia e na ventilação, combinadas ao aumento da umidade do ar causado pela transpiração do tomateiro, reduziram a demanda evaporativa do ambiente interno...

Balanço da emissão de gases de efeito estufa em argilossolo vermelho sob sistemas de cultura em plantio direto; Greenhouse gases balance in an acrisol under no-tillage cropping systems

Chávez, Luis Fernando
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.754116%
O aumento na concentração dos gases de efeito estufa (GEE) na atmosfera está relacionado ao uso agrícola dos solos, o que tem sido responsável, ao menos em parte, pelo aquecimento global. Dois estudos foram conduzidos em experimentos de longa duração (24 e 26 anos) em condições de plantio direto (PD) e sem adição de nitrogênio (N) mineral, em um Argissolo Vermelho com o objetivo de avaliar o efeito do manejo do solo que incluem leguminosas e gramíneas em sucessão com milho [aveia/milho (A/M), ervilhaca/milho (V/M), aveia+ervilhaca/milho (A+V/M), aveia+ervilhaca/ milho+caupi (A+V/M+C) e lablab+milho (LL+M)] nas emissões de GEE no Sul do Brasil. Amostras de ar foram coletadas em câmaras estáticas e a concentração de óxido nitroso (N2O) e de metano (CH4) foi determinada por cromatografia gasosa. Simultaneamente variáveis metereológicas (temperatura do ar e precipitação pluviométrica) e parâmetros de solo (teor de NO3 -, NH4 +, C solúvel e umidade) foram avaliados a 10 cm de profundidade. No Estudo I, avaliou-se o efeito em curto prazo das emissões de GEE no período pósmanejo das plantas de cobertura de inverno (2009/10 e 2010/11). No Estudo II, foi realizada avaliação ao longo do ano das emissões de GEE dos sistemas de manejo e calculado o potencial de aquecimento global (PAG). As emissões acumuladas de N2O no período pós-manejo 2009/10 (2...

Crescimento de cultivares de alface conduzidas em estufa e a campo; Growth of lettuce cultivars in greenhouse and the field

Radin, Bernadete; Reisser Júnior, Carlos; Matzenauer, Ronaldo; Bergamaschi, Homero
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.978306%
Alguns indicadores de crescimento das cultivares de alface Verônica, Marisa e Regina foram analisados, através de um experimento em estufa de plástico e a campo, de 15/04 a 03/06/99, na FEPAGRO, em Eldorado do Sul (RS). As amostragens das plantas iniciaram-se uma semana após o transplante e prosseguiram (semanalmente) até o final do ciclo da cultura. As plantas cultivadas em estufa, apresentaram aumento na massa de matéria fresca e seca foliar, na área foliar e área foliar específica e no número de folhas. Além disso, o ciclo da cultura foi reduzido, quando comparada àquela cultivada a campo. As cultivares não apresentaram diferença entre si quando cultivadas em ambiente de estufa, mas, em condições de campo, a cultivar Regina apresentou maior número de folhas e maior índice de área foliar do que as cultivares Marisa e Verônica.; The growth of lettuce cvs. Veronica, Marisa and Regina was analised through an experiment carried out under plastic greenhouse and under field conditions, from April 15th to June 03rd 1999, in Eldorado do Sul, Rio Grande do Sul State, Brazil. Sampling of plants started one week after transplanting and proceeded until the end of the plant cycle on a weekly basis. The lettuce cultivated under greenhouse presented more fresh and dry mass...

Simulação de fluxos de gases de efeito estufa em sistemas de manejo do solo no Sul do Brasil; Simulation of greenhouse gas fluxes in soil management systems in southern Brazil

Schenato, Ricardo Bergamo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.978306%
O aumento da população mundial e da demanda por recursos naturais têm levado a uma pressão cada vez maior sobre os ecossistemas. A dependência da sociedade pós-industrial de combustíveis fósseis e a intensificação do uso das terras vêm provocando incrementos nas concentrações de gases de efeito estufa na atmosfera, com impactos aparentes sobre diversos processos naturais. O solo tem um papel fundamental nesse contexto, pois é base para os sistemas produtivos agrícolas, os quais apresentam fluxos de gases de efeito estufa determinados pelo sistema de manejo. Este estudo teve como principal objetivo calibrar e validar o modelo DAYCENT utilizando dados de fluxos de gases de efeito estufa obtidos em experimentos de longo prazo na Depressão Central do Rio Grande do Sul. Os dados de solo, clima e plantas disponíveis foram utilizados para inicializar o modelo. As simulações foram divididas em três fases: equilíbrio inicial para estabilizar as variáveis internas, simulação de pré-experimento para representar o cultivo intensivo inicial que levou à degradação do solo; fase experimental reproduzindo gestão efetiva do estabelecimento dos experimentos até os dias atuais. O desempenho geral do modelo após calibração foi satisfatório para os fluxos de N2O. DAYCENT apresentou tendência de superestimar os fluxos de CH4 e subestimar os fluxos de CO2 em comparação com os valores medidos. No entanto...

Radiciações e frações solares UV, PAR, IV em estufa de polietileno: evolução anual média mensal diária e equações de estimativa

Dal Pai, Enzo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xii, 69 f. : il. color., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
47.85456%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA; O trabalho descreve o estudo das radiações global(G), ultravioleta (UV), fotossinteticamente ativa (PAR), infravermelha (IV) e da insolação, em uma estufa de polietileno, medidas no período de março de 2008 a fevereiro de 2009 em Botucatu, São Paulo, Brasil. Foram analisados no presente estudo: 1- a evolução anual das radiações e frações solares UV/G, PAR/G e IV/G média mensal; 2- as equações de estimativa para as radiações UV, PAR e IV dentro da estufa em função das radiações global interna e global externa ; 3- evolução anual da insolação média mensal e a equação de estimativa Ångström para as radiações G, UV, PAR e IV dentro da estufa, em função da razão de insolação interna e externa. A evolução anual das radiações G, UV, PAR e IV médias mensais diárias dentro e fora da estufa, mostrou que alem do dia e local, dependem do clima, cobertura do céu, presença de vapor entre outros. As radiações foram maiores no verão-primavera e menores no outono-inverno. Os valores médios total dentro e fora da estufa foram: GIN = 13,1MJ/m2, UVIN= 0,34MJ/m2, PARIN = 6...

Vibração de plantas de pimenta (capsicum sp) para produção de frutos e sementes em ambiente protegido

Freitas, Pâmela Gomes Nakada
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: viii, 74 f. : ils. color., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
47.520127%
Pós-graduação em Agronomia (Horticultura) - FCA; The pollinators produce the vibration of flowers to release pollen to fertilize the eggs cells for seed formation and fruit development. In this sense, it is aimed to verify the effect of the vibration of plants in the production of american pepper protected with open and closed sides cultivation. The experiment was conducted at the Experimental Farm of UNESP/FCA located in the city of São Manuel-SP. There were six treatments in a split plot design, with two instalments, one with vibration and other without vibration of the plants in subplots the three cultivars (Dirce, Dínamo and Doce Comprida). The plants were vibrated shooking on the wire where it attaches the tutor (bamboo cane) by hand for about 5 seconds, twice a day. The design was a randomized block design with three replications. The same experiment was conducted in two environments: with and without closing the sides. The characteristics were evaluated: weight and number of total and marketable fruit (no visible defects) per plant, percentage of marketable fruits; mass, diameter and fruit length , weight and number of seeds per fruit , and plant height. Fruit production was much higher in the environment with closed sides with 24 marketable fruits per plant while in open areas there were seven. The vibration of plants of american peppers did not affect yield...

PEBD difusor nas características produtivas e fisiológicas de pimenteiro enxertado em função da densidade de plantas

Sandri, Miguel Angelo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xii, 71 f. : gráfs, tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
47.494253%
Pós-graduação em Agronomia (Horticultura) - FCA; As condições ambientais são fundamentais para se produzir hortaliças com qualidade e com o uso do cultivo em ambiente protegido, passou-se a manejar o ambiente em favor da planta. Desde então, muitos produtores, no mundo todo, passaram a utilizar esta tecnologia, que possibilita a produção com maior qualidade e produtividade, o que tem sido atribuído em parte à maior quantidade de radiação solar difusa que ocorre neste ambiente. O polietileno de baixa densidade (PEBD), principal material utilizado na cobertura, transforma parte da radiação solar direta em difusa ao transmití-la para o interior do ambiente. Esta radiação é considerada mais eficiente. Visando-se explorar melhor este benefício, a indústria desenvolveu o plástico difusor de luz, que tem como principal característica transformar a radiação solar direta em difusa ao transmití-la para o interior do ambiente. No entanto, há poucos estudos com relação ao uso deste material, principalmente, quanto à transformação da radiação direta em radiação difusa e à densidade de plantas a ser utilizada. O objetivo deste trabalho foi avaliar algumas características fisiológicas e a produção de plantas de pimentão enxertado sob o plástico difusor de luz e em diferentes densidades de planta. O experimento foi conduzido na Fazenda Experimental de Pesquisa e Produção (FEPP) da UNESP/Botucatu em São Manuel – SP. Plantas de pimentão do híbrido Melina foram enxertadas sobre o porta-enxerto AF-8253 e foram transplantadas em três ambientes (PEBD comum (PEBDc)...

Crescimento de cultivares de alface conduzidas em estufa e a campo

Radin,Bernadete; Reisser Júnior,Carlos; Matzenauer,Ronaldo; Bergamaschi,Homero
Fonte: Associação Brasileira de Horticultura Publicador: Associação Brasileira de Horticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.978306%
Alguns indicadores de crescimento das cultivares de alface Verônica, Marisa e Regina foram analisados, através de um experimento em estufa de plástico e a campo, de 15/04 a 03/06/99, na FEPAGRO, em Eldorado do Sul (RS). As amostragens das plantas iniciaram-se uma semana após o transplante e prosseguiram (semanalmente) até o final do ciclo da cultura. As plantas cultivadas em estufa, apresentaram aumento na massa de matéria fresca e seca foliar, na área foliar e área foliar específica e no número de folhas. Além disso, o ciclo da cultura foi reduzido, quando comparada àquela cultivada a campo. As cultivares não apresentaram diferença entre si quando cultivadas em ambiente de estufa, mas, em condições de campo, a cultivar Regina apresentou maior número de folhas e maior índice de área foliar do que as cultivares Marisa e Verônica.

Crescimento e absorção de nutrientes pelo Aster ericoides cultivado em solo sob estufa

Camargo,Mônica S. de; Mello,Simone da C.; Anti,Gláucia Regina; Carmello,Quirino Augusto de C.
Fonte: Associação Brasileira de Horticultura Publicador: Associação Brasileira de Horticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.682168%
O Aster ericoides é flor de corte recente no Brasil com grande potencial de produção e aceitação pelo mercado consumidor, mas são escassas as informações sobre sua nutrição e adubação. O objetivo foi avaliar o crescimento, produção de matéria seca e a absorção de nutrientes pelo Aster ericodes (cv. White Master) cultivado em estufa comercial. Plântulas dessa espécie foram transplantadas para canteiros após 30 dias da semeadura, em outubro de 1999. As avaliações do material vegetal foram feitas aos 15; 30; 45; 60; 75; 90 e 96 dias após o transplantio. O crescimento inicial foi lento, mas aos 60 dias as plantas já haviam atingido 69% do crescimento em altura e, respectivamente, 27 e 50% do peso final da matéria seca da parte aérea e das raízes. O aparecimento dos botões florais ocorreu no período de 75 a 90 dias. No final do ciclo, as plantas atingiram 137 cm e 24,21 g de matéria seca. A absorção de macronutrientes (kg ha-1) pela parte aérea aos 96 dias foi de: 316,32 de K > 230,52 de N > 35,30 de P > 18,54 de S > 16,14 de Mg > 8,58 de Ca e de micronutrientes (g ha-1) 3464,89 de Mn > 1603,23 de Fe > 1104,12 de Zn > 308,40 de B > 61,02 de Cu.

Efeito de sistemas de poda sobre o rendimento do tomateiro cultivado em estufa de polietileno

Poerschke,Paulo Renato Cardoso; Buriol,Galileo Adeli; Streck,Nereu Augusto; Estefanel,Valduino
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1995 Português
Relevância na Pesquisa
37.754116%
Avaliou-se o rendimento de frutos do tomateiro cultivado em estufa de polietileno conduzido em diferentes sistemas de poda em Santa Maria, Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Utilizou-se o híbrido Monte Carlo, de hábito de crescimento indeterminado e frutos do grupo salada e pluriloculados. Os tratamentos foram: condução com uma haste e poda após a 3ª (T1), 5ª (T2) e 7ª inflorescência (T3) e condução com duas hastes e poda após a 3ª (T4), 5ª (T5) e 7ª inflorescência (T6). Os frutos foram colhidos uma vez por semana. Para o rendimento precoce de frutos os sistemas de poda não apresentaram diferenças significativas. O número de frutos por planta e o rendimento de frutos comercializáveis foi superior nas plantas conduzidas com duas hastes. Independente do número de hastes, o número de frutos por planta e o rendimento de frutos comercializáveis foi crescente com o número de inflorescências/planta. Quanto ao peso médio dos frutos, os sistemas de poda não apresentaram diferenças significativas para os frutos com diâmetro transversal entre 80 e 120mm. Já as diferenças foram significativas para o peso médio dos frutos com diâmetro transversal entre 50 e 80mm e peso médio geral, sendo estes maiores nas plantas conduzidas com uma haste e nas podadas após a 3ª inflorescência.

Uso de estufa com cobertura plástica e de quebra-ventos na produção de porta-enxertos de seringueira

Pezzopane,J.E.M.; Pedro Jr.,M.J.; Ortolani,A.A.
Fonte: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" Publicador: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/1995 Português
Relevância na Pesquisa
37.701038%
O experimento foi realizado com o objetivo de estudar o efeito de dois tipos de ambiente parcialmente protegidos: estufa coberta com polietileno transparente de baixa densidade (PEBD) e quebra-ventos construído com tela plástica, no crescimento de porta-enxertos de seringueira, durante o inverno na região de Campinas-SP. A fim de analisar o crescimento dos porta-enxertos, foram medidos: diâmetro, altura, área foliar e peso seco. Os resultados obtidos na condição experimental, mostraram que as plantas protegidas pelo quebra-ventos não apresentaram uma diferença significativa no crescimento em relação a testemunha, mas que o uso da estufa provocou um incremento em diâmetro (60%), altura (108%), área foliar (266%) e peso da matéria seca (286%) dos porta-enxertos. Após seis meses, admitindo um diâmetro mínimo de 8 mm para realizar a enxertia verde, 60% dos porta-enxertos conduzidos no interior da estufa já estavam aptos a enxertia, enquanto que nos outros dois tratamentos, nenhuma planta atingiu o diâmetro mínimo.

Prospecção fitoquímica preliminar de plantas nativas do cerrado de uso popular medicinal pela comunidade rural do assentamento vale verde - Tocantins

Bessa,N.G.F.de; Borges,J.C.M.; Beserra,F.P; Carvalho,R.H.A.; Pereira,M.A.B.; Fagundes,R.; Campos,S.L.; Ribeiro,L.U; Quirino,M.S; Chagas Junior,A. F; Alves,A
Fonte: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais Publicador: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 Português
Relevância na Pesquisa
47.93475%
Este estudo objetivou caracterizar qualitativamente grupos de metabólitos secundários e alguns constituintes de 9 espécies de plantas medicinais nativas do cerrado utilizadas pela comunidade rural do Assentamento Vale Verde, identificando potencialidades biológicas e farmacológicas. As informações referentes às plantas de uso medicinal foram obtidas por meio de estudos etnobotânicos e etnofarmacológicos, realizados no período de 2010 a 2012. O material botânico coletado foi identificado e depositado no Herbário da Universidade Federal do Tocantins, Porto Nacional (TO). O extrato etanólico e metanólico foi obtido a partir do material seco em estufa, filtrado e concentrado em evaporador rotatório sob pressão reduzida, pesados e novamente colocados em estufa por 24h a 50ºC, obtendo o rendimento (m/m) resultante da relação entre a massa de extrato concentrado e após seco. A análise fitoquímica das plantas selecionadas foi feita usando a metodologia da Prospecção Preliminar, realizando testes para detecção de alguns constituintes importantes e dos principais grupos de metabólitos: saponinas, fenóis e taninos, catequinas, esteróides e triterpenóides, cumarinas, antraquinonas e flavonóides. Os testes foram considerados positivos através de reações de precipitados com colorações...

Efeito do aumento da concentração de CO2 atmosférico sobre a comunidade microbiana do filoplano da soja em estufa de topo aberto.

LESSIN, R. C.; GHINI, R.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE CONTROLE BIOLÓGICO DE DOENÇAS DE PLANTAS, 9., 2007, Campinas. Biocontrole de doenças de plantas no Brasil: uso atual e perspectivas: anais. Jaguariúna: Embrapa Meio Ambiente, 2007. 4p. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE CONTROLE BIOLÓGICO DE DOENÇAS DE PLANTAS, 9., 2007, Campinas. Biocontrole de doenças de plantas no Brasil: uso atual e perspectivas: anais. Jaguariúna: Embrapa Meio Ambiente, 2007. 4p.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
38.33885%
A concentração de CO2 atmosférico está se elevando nas últimas décadas como conseqüência das ações antrópicas. Essa alteração, além de intensificar o fenômeno do efeito estufa, pode afetar diretamente o manejo de algumas plantas e microrganismos de interesse agrícola. O objetivo desse estudo foi avaliar a comunidade microbiana de Bacillus spp., Pseudomonas spp., Trichoderma spp. e leveduras presentes no filoplano da soja cultivada em estufa de topo aberto com elevada concentração de CO2 atmosférico. O delineamento experimental adotado foi o de blocos ao acaso, constituído por três tratamentos: testemunha sem estufa; estufa com atmosfera ambiente sem injeção de CO2; estufa com injeção de CO2 até atingir a concentração de 550 ?L.L-1, com três repetições. Dois ensaios foram realizados, sendo o primeiro em março (Ensaio 1) e o segundo, em agosto de 2007 (Ensaio 2). O isolamento dos microrganismos do filoplano foi realizado a partir de plantas de soja (cultivar FT-Estrela) no estádio de desenvolvimento V4 (quarto nó e terceiro trifólio aberto), 30 dias após a emergência das plântulas. Fez-se a coleta do segundo trifólio de três plantas, escolhidas aleatoriamente dentro de cada parcela. Em seguida...

Teor e composição do óleo essencial de patchouli (Pogostemon cablin (Blanco) Benth.) após diferentes tempos de secagem em estufa e temperatura ambiente

STORCK,R. C.; DESCHAMPS,C.
Fonte: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais Publicador: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2015 Português
Relevância na Pesquisa
48.278306%
RESUMOPatchouli é uma espécie aromática pertencente à família Lamiaceae que possui óleo essencial com alto valor comercial devido à aplicação nas indústrias de higiene, cosméticos e perfumarias. Considerando as características voláteis e estruturas de armazenamento em diferentes órgãos das plantas aromáticas, a determinação de métodos de secagem é de extrema importância e pode afetar tanto o rendimento como a composição do óleo essencial. Este trabalho teve como objetivo principal avaliar o teor e a composição do óleo essencial de patchouli após secagem por diferentes períodos em estufa e a temperatura ambiente. O experimento foi realizado durante o mês de fevereiro de 2011 em delineamento experimental inteiramente casualizado em esquema fatorial 2X6, correspondente a dois métodos de secagem (estufa 65ºC e temperatura ambiente) e seis tempos para o início da extração do óleo essencial após a (0, 2, 4,6,8 e 10 dias após a colheita),com três repetições. O óleo essencial foi extraído por meio hidrodestilação em aparelho graduado de Clevenger e os constituintes do óleo essencial foram analisados por cromatografia em fase gasosa acoplada à espectrometria de massas. Houve interação significativa entre os métodos e tempos de secagem tanto para o teor como para a composição do óleo essencial. A secagem das plantas por dois dias em estufa a 65ºC aumentou o teor de óleo essencial...

Produção de gerânio (Pelargonium graveolens) e óleo essencial em sistemas de cultivos e adubações com plantas oriundas de cultura in vitro; Production of geranium (Pelargonium graveolens) and essential oil in crops systems and fertilization with plants from culture in vitro

Rabelo, Paulo Gonçalves
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
38.122378%
O gerânio (Pelargonium graveolens L.) é amplamente utilizado para a extração de óleo essencial. Os óleos essenciais são produzidos pelo metabolismo secundário das plantas e a sua produção é influenciada por fatores bióticos e ambientais. O objetivo deste trabalho foi verificar a influência do sistema de cultivo (estufa e campo aberto) e do tipo de adubação (orgânica e química) sobre a produção de biomassa, o rendimento e a composição química do óleo essencial de gerânio. O estudo foi realizado na Fazenda do Glória, pertencente à Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, Minas Gerais, no período de maio a outubro de 2012. As plantas com maiores alturas, assim como aquelas que apresentaram maior biomassa fresca e seca, foram observadas na estufa utilizando a adubação orgânica. A produção de óleo foi maior no campo quando comparada com a estufa. O óleo essencial produzido pelas plantas apresentou 18 constituintes químicos, sendo que o geraniol foi o mais abundante. Assim, os resultados obtidos mostraram que o sistema de cultivo associado ao tipo de adubação influenciam o desenvolvimento, a produção e a qualidade de óleo essencial de gerânio. _____________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT; Geranium (Pelargonium graveolens L.) is widely used for extraction of essential oil. Essential oils are produced by secondary metabolism of plant and its production is influenced by biotic and environmental factors. In this context...

Metabolismo de carbono de plantas cultivadas e o aumento de CO2 e de O3 atmosférico: situação e previsões

Pimentel,Carlos
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.832087%
A atividade de gases da atmosfera, principalmente os "Gases de Efeito Estufa" (GEE), como o vapor d'água, o gás carbônico, o metano, os óxidos de nitrogênio e o ozônio, passou a ser objeto de estudos devido ao seu aumento, causando as mudanças climáticas globais, como o aumento da temperatura do ar, secas e outras. Além do gás carbônico, está havendo aumento da emissão de Compostos Orgânicos Voláteis (COV) na troposfera, além de óxidos de nitrogênio, que causam a produção de ozônio tóxico aos seres vivos. Este, o ozônio produzido em baixa altitude reduz a fotossíntese e produtividade de culturas sensíveis, como a soja e o algodão, culturas importantes no Brasil. O aumento substancial da concentração de gás carbônico na atmosfera, nos próximos anos, provavelmente causará aumento da fotossíntese e biomassa em plantas. Esse processo ocorrerá especialmente nas espécies arbóreas e gramíneas C3 e menos nas leguminosas e plantas C4. Entretanto, este aumento será menor que o previsto por estudos em ambiente controlado, segundo resultados de campo. Além disso, a maior concentração destes GEE na atmosfera causará aumento da temperatura do ar e redução da disponibilidade de água no solo, que podem anular o efeito benéfico e fertilizante do gás carbônico...

Mitigação das emissões de gases de efeito estufa por sistemas conservacionistas de manejo de solo; Greenhouse gas mitigation in soil conservation management systems

Escobar, Luisa Fernanda
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.89935%
Sistemas conservacionistas de manejo do solo podem representar uma importante estratégia mitigadora das emissões de gases de efeito estufa (GEE) do solo. A presente pesquisa foi realizada em experimento de longa duração (24 anos) em Argissolo Vermelho, e teve como objetivo avaliar o potencial de sistemas conservacionistas de manejo de solo em mitigar as emissões de GEE sob as condições de clima subtropical da Depressão Central do Rio Grande do Sul. Emissões de óxido nitroso (N2O) e metano (CH4) foram avaliadas em sistemas de preparo do solo (convencional-PC e plantio direto-PD) e de cultura (aveia/milho e ervilhaca/milho) no período pós-manejo das plantas de cobertura de inverno (2009/10 e 2010/11) e no período de um ano agrícola (2009/10). Amostras de ar foram coletadas utilizando o método da câmara estática, e a concentração dos gases analisada por cromatografia gasosa. Os teores de nitrogênio (N) mineral e carbono orgânico dissolvido (COD), atividade biológica, temperatura e umidade do solo foram monitorados durante o período de avaliação. O potencial de aquecimento global (PAG) dos sistemas de manejo no ano agrícola 2009/10 foi calculado considerando as emissões de N2O e CH4, a taxa de retenção de carbono (C) no solo e os custos em C-CO2 das atividades e insumos agrícolas. As emissões de N2O do solo no período pósmanejo das plantas de cobertura de inverno foram maiores sob PC. No entanto...

Variação temporal da produção de pimentão influenciada pela posição e características morfológicas das plantas em ambiente protegido

Lúcio,Alessandro Dal'Col; Lorentz,Leandro H; Boligon,Alexandra A; Lopes,Sidinei José; Storck,Lindolfo; Carpes,Ricardo Howes
Fonte: Associação Brasileira de Horticultura Publicador: Associação Brasileira de Horticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2006 Português
Relevância na Pesquisa
37.89935%
Determinou-se o efeito da posição da planta dentro da estufa, as características morfológicas e a produção que mais contribuem para o aumento da variabilidade produtiva de frutos de pimentão em estufas plásticas, entre colheitas. Os experimentos foram instalados na UFSM durante as estações sazonais de verão/outono e inverno/primavera dos anos de 2002 e 2003, respectivamente. Realizou-se o estudo dos coeficientes de correlação de Pearson e análise de trilha entre variáveis morfológicas da planta, dimensões do fruto e componentes do rendimento e sua respectiva posição dentro da estufa plástica. Verificou-se que as plantas das extremidades da área cultivada têm sua produção menos prejudicada que aquelas localizadas na parte central da área. A variabilidade da produção entre as colheitas realizadas está diretamente associada ao peso total de frutos colhidos.

Uso de estufa com cobertura plástica e de quebra-ventos na produção de porta-enxertos de seringueira; Use of transparent polyethylene greenhouse and windbreaks to produce rubber-tree rootstocks

Pezzopane, J.E.M.; Pedro Jr., M.J.; Ortolani, A.A.
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Publicador: Universidade de São Paulo. Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/1995 Português
Relevância na Pesquisa
37.701038%
O experimento foi realizado com o objetivo de estudar o efeito de dois tipos de ambiente parcialmente protegidos: estufa coberta com polietileno transparente de baixa densidade (PEBD) e quebra-ventos construído com tela plástica, no crescimento de porta-enxertos de seringueira, durante o inverno na região de Campinas-SP. A fim de analisar o crescimento dos porta-enxertos, foram medidos: diâmetro, altura, área foliar e peso seco. Os resultados obtidos na condição experimental, mostraram que as plantas protegidas pelo quebra-ventos não apresentaram uma diferença significativa no crescimento em relação a testemunha, mas que o uso da estufa provocou um incremento em diâmetro (60%), altura (108%), área foliar (266%) e peso da matéria seca (286%) dos porta-enxertos. Após seis meses, admitindo um diâmetro mínimo de 8 mm para realizar a enxertia verde, 60% dos porta-enxertos conduzidos no interior da estufa já estavam aptos a enxertia, enquanto que nos outros dois tratamentos, nenhuma planta atingiu o diâmetro mínimo.; A field experiment was carried out in order to study the effect of two kinds of parcially protected environments: greenhouse cover with transparent polyethylene of low density and plastic screan windbreaks...

Botanical insecticides on Liriomyza huidobrensis Blanchard (Diptera: Agromyzidae) and its parasitoids in string beans cultivated in a plastic greenhouse; Inseticidas botânicos sobre Liriomyza huidobrensis Blanchard (Diptera: Agromyzidae) e seus parasitóides em feijão-de-vagem cultivado em estufa

Dequech, Sônia Thereza Bastos; Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Rurais; Sturza, Vinícius Soares; Ribeiro, Leandro do Prado; Sausen, Carla Daniele; Egewarth, Rafael; Milani, Marília; Schirmann, Janquieli
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 23/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.771543%
The string bean (Phaseolus vulgaris L.) is one of the most cultivated vegetables in plastic greenhouses in the central region of the state of Rio Grande do Sul. Liriomyza huidobrensis (Dip.: Agromyzidae) is one of the most important insect pests occurring in this culture. This research was conducted to evaluate the effect of aqueous extracts of plants and the commercial product DalNeem on L. huidobrensis and its parasitoids, as well as to analyse the population fluctuation of L. huidobrensis and parasitoids of this insect pest. The experiment was carried out on string beans cultivated in a greenhouse, where in each of the four central lines of culture, five plots were established with five plants per plot. The experimental design was random blocks with four replications. DalNeem was the treatment that best controlled L. huidobrensis. On the other hand, the treatments did not affect the parasitoids Chrysocharis bedius (Hym.: Eulophidae) or Opius sp. (Hym.: Braconidae). In plants without the use of these treatments, the population of L. huidobrensis exhibited a sharp decline with the increase of the parasitoids C. bedius, Opius sp., Eucoilinae (Hym.: Figitidae) and Diptera.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2010v23n2p37O feijão-de-vagem (Phaseolus vulgaris L.) é uma das olerícolas mais cultivadas em estufas plásticas na região central do Estado do Rio Grande do Sul. Liriomyza huidobrensis (Dip.: Agromyzidae) é um dos principais insetos-praga que ocorrem nessa cultura. Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito de extratos aquosos de plantas e do produto comercial DalNeem sobre L. huidobrensis e seus parasitóides...