Página 1 dos resultados de 267 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Cobertura da pulverização e maturação de frutos do cafeeiro com ethephon em diferentes condições operacionais

Scudeler, Fábio; Raetano, Carlos G.; Araújo, Demétrius de; Bauer, Fernando C.
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 129-139
Português
Relevância na Pesquisa
37.821436%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); A arquitetura trapezoidal do cafeeiro, dependendo da variedade, constitui sério entrave à aplicação de agroquímicos que precisam atingir diretamente o alvo, nesse caso, os frutos. Com o propósito de avaliar e comparar a distribuição e o depósito de uma solução traçadora, bem como a eficiência do regulador de crescimento ethephon na maturação dos frutos do cafeeiro, quando aplicados com diferentes pulverizadores e condições operacionais, foram desenvolvidos dois experimentos em plantio comercial dessa cultura. O uso de papel hidrossensível e de uma escala visual de notas para diferentes níveis de fluorescência emitida pela solução traçadora possibilitaram a avaliação da distribuição da pulverização. A avaliação quantitativa dos depósitos do traçador foi feita através de espectrofotometria e a eficiência do ethephon, pela porcentagem relativa de frutos verdes e cereja nos diferentes tratamentos. Maiores depósitos na parte inferior das plantas foram obtidos com o turboatomizador Arbus 400, equipado com as pontas HC-02 e JA-2. Melhor distribuição da pulverização foi obtida em frutos localizados na parte inferior e frontalmente ao direcionamento da pulverização. Com o equipamento Arbus 400...

FLORESCIMENTO E FRUTIFICAÇÃO DE MANGUEIRA COM USO DE PACLOBUTRAZOL, ETHEPHON E NITRATO DE CÁLCIO

MENDONÇA,VANDER; A. NETO,SEBATIÃO ELVIRO DE; HAFLE,OSCAR MARIANO; MENEZES,JOSIVAN BARBOSA; RAMOS,JOSE DARLAN
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2001 Português
Relevância na Pesquisa
27.925503%
Este trabalho objetivou testar diferentes doses de Paclobutrazol (PBZ), ethephon e nitrato de cálcio na indução do florescimento e na produção da mangueira (Mangifera indica L.) cv. Tommy Atkins, localizada no pomar didático da ESAM em Mossoró-RN, no ano de 1999/2000. O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados, no esquema fatorial 2x2x3, assim distribuídos: T1 1000 mg.L-1 de PBZ+ 2% de nitrato de cálcio; T2 1000 mg.L-1 de PBZ + 2% de nitrato de cálcio + 1,0 mL.L-1 de ethephon; T3 1000 mg.L-1 de PBZ + 2% de nitrato de cálcio + 3,0 mL.L-1 de ethephon; T4 1000 mg. L-1 de PBZ + 3% de nitrato de cálcio; T5 1000 mg.L-1 de PBZ + 3% de nitrato de cálcio + 1,0 mL.L-1 de ethephon; T6 1000 mg.L-1 de PBZ + 3% de nitrato de cálcio + 3,0 mL.L-1 de ethephon ; T7 1500 mg.L-1 de PBZ + 2% de nitrato de cálcio; T8 1500 mg.L-1 de PBZ + 2% de nitrato de cálcio + 1,0 mL.L-1 de ethephon; T9 1500 mg.L-1 de PBZ + 2% de nitrato de cálcio + 3,0 mL.L-1 de ethephon; T10 1500 mg.L-1 de PBZ+ 3% de nitrato de cálcio; T11 1500 mg.L-1 de PBZ + 3% de nitrato de cálcio + 1,0 mL.L-1 de ethephon.L; T12 1500 mg.L-1 de PBZ + 3% de nitrato de cálcio + 3,0 mL.L-1 de ethephon, com 4 repetições. A mangueira teve um maior florescimento (81...

DESEQUILÍBRIO NUTRICIONAL NA LIMEIRA ÁCIDA TAHITI INDUZIDO PELA APLICAÇÃO DE ETHEPHON

MARINHO,CLÁUDIA SALES; TERRA,FREDERICO ALMEIDA; MONNERAT,PEDRO HENRIQUE; CARVALHO,ALMY JÚNIOR CORDEIRO DE
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2001 Português
Relevância na Pesquisa
27.897007%
O raleio de frutos da limeira ácida tahiti através da aplicação de ethephon é recomendado para incrementar a produção na entressafra. Entretanto, o ethephon pode causar queda acentuada de folhas e levar ao esgotamento das reservas nutricionais da planta. Com o objetivo de avaliar o efeito do ethephon sobre os teores de nutrientes nas folhas da limeira ácida Tahiti, conduziu-se o presente trabalho. As plantas foram pulverizadas com uma solução de ethephon para promover o raleio dos frutos produzidos nas diferentes épocas de aplicação, recebendo os seguintes tratamentos: 1) uma aplicação de ethephon a 400 mg L-1 em setembro; 2) uma aplicação de ethephon a 500 mg L-1 em dezembro; 3) duas aplicações de ethephon, a primeira a 400 mg L-1 em setembro e a segunda a 500 mg L-1 em dezembro; e 4) testemunha. As plantas que receberam uma aplicação de ethephon a 500 mg L-1 em dezembro e as que receberam duas aplicações de ethephon, uma em setembro a 400 mg L-1 e outra em dezembro a 500 mg L-1, apresentaram reduções nos teores de Ca, Mg, B e Mn e aumento nos de P, K e Cu. A redução dos teores de Mn nas folhas foi acompanhada por manifestações de sintomas de sua deficiência.

Avaliação de métodos de extração do arilo e tratamento com ethephon em sementes de Passiflora giberti N.E. Brown pelos testes de germinação e de tetrazólio

Ferreira,Gisela; Detoni,Alessandra Maria; Tesser,Saionara Maria; Malavasi,Marlene M
Fonte: Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes Publicador: Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2002 Português
Relevância na Pesquisa
37.769822%
Com o objetivo de avaliar o efeito de dois métodos de extração de arilo e cinco concentrações de ethephon em sementes de Passiflora giberti N.E.Brown, empregou-se o teste de germinação e de tetrazólio para a realização deste experimento, no Laboratório de Tecnologia de Sementes da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE, campus de Marechal Cândido Rondon, no período de 01/06 a 03/07/01. O delineamento foi o inteiramente casualizado com cinco repetições de 25 sementes por parcela. Os frutos foram coletados em Marechal Cândido Rondon e os tratamentos foram constituídos pela combinação de dois tipos de extração do arilo e embebição das sementes em cinco concentrações de ethephon por cinco horas. A semeadura para o teste de germinação foi realizada em rolos de papel germitest mantidos em câmara de germinação com temperatura alternada (25-30ºC). O teste de tetrazólio foi feito no lote de sementes antes da instalação do experimento e no final do teste de germinação, 30 dias após a semeadura. Os resultados demonstram que ocorerram interações significativas entre os métodos de extração do arilo e as concentrações de ethephon para a vitalidade de sementes. Pode-se observar que somente na extração por fermentação com a concentração de 600mg.l-1 verificou-se diminuição significativa na vitalidade das sementes...

EFEITO DA APLICAÇÃO PRÉVIA DE ETHEPHON EM AMEIXEIRA (Prunus salicina Lindl) E DO IBA NO ENRAIZAMENTO DE SUAS ESTACAS

DUTRA,L.F.; TONIETTO,A.; KERSTEN,E.
Fonte: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" Publicador: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/1998 Português
Relevância na Pesquisa
37.616653%
O experimento foi realizado em casa de vegetação com nebulização intermitente com o objetivo de verificar o efeito do ethephon, aplicado às plantas, e do ácido indolbutírico no enraizamento de estacas de ramos das cultivares Frontier, Reubennel, Ace, Songold, Beauty e Roxa de Itaquera. As plantas foram pulverizadas com ethephon (ácido 2-cloroetil fosfônico) nas concentrações de 0 (zero), 50 e 100 mg.l-1. Foram coletados ramos do ano e destes, retirou-se estacas medianas, com comprimento de 15cm e um par de folhas, as quais foram tratadas com ácido indolbutírico (IBA) de formulação líquida nas concentrações de 0 (zero) e 3000 mg.l-1, com tempo de imersão de 5 segundos. As estacas foram acondicionadas em sacos de polietileno contendo vermiculita como substrato. Observou-se que o ethephon aumentou o percentual de enraizamento da cultivar Beauty e o IBA aumentou o percentual de enraizamento das cultivares Roxa de Itaquera, Songold e Beauty. Concluiu-se ainda que existe diferença de potencial de enraizamento entre as cultivares de ameixeira, sendo que apresentaram maior enraizamento as cultivares Frontier e a Ace.

Abscission Responses to Moisture Stress, Auxin Transport Inhibitors, and Ethephon 1

Morgan, Page W.; Jordan, Wayne R.; Davenport, Tom L.; Durham, James I.
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /04/1977 Português
Relevância na Pesquisa
27.897007%
The three abscission-inducing agents - water stress, Ethephon, and auxin transport inhibitors-acted synergistically to promote leaf fall in cotton (Gossypium hirsutum L.). However, the synergism was primarily between stress and Ethephon. Auxin transport inhibitors did not promote the effect of stress alone, only promoted the effect of Ethephon in well watered plants and gave a very small promotion with stress and Ethephon together. Abscission was rapid in stressed plants treated with Ethephon and an auxin transport inhibitor, while leaves fell more slowly from well watered plants treated with Ethephon alone. This suggests that water stress or auxin transport inhibitors influence initial events in abscission; since an auxin transport inhibitor will replace the effect of stress but not Ethephon, an initial event in stress-induced abscission appears to be inhibition of auxin transport. Ethephon promoted lateral bud release, and auxin transport inhibitors did not duplicate that effect alone or promote it in combination with Ethephon.

Uptake and Fate of Ethephon ([2-Chloroethyl]phosphonic Acid) in Dormant Weed Seeds 1

Goudey, J. Stephen; Saini, Hargurdeep S.; Spencer, Mary S.
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /09/1987 Português
Relevância na Pesquisa
27.949683%
Although ethephon ([2-chloroethyl]phosphonic acid) is often used as a form of liquid ethylene in studies of seed germination, it is not known if ethylene evolved from ethephon in the seed is sufficient to elicit the desired response and/or if ethephon has a regulatory action that alone accounts for the response. For these reasons we studied the uptake and fate of [1,2-14C]ethephon in dormant seeds of Avena fatua, Sinapis arvensis, Thlaspi arvense, and Chenopodium album. The radioactivity within the seeds was separated into a labile carbon-labeled ethephon/ethylene fraction (64-87%) and, following extraction in methanol-chloroform-water (12:5:3), into fractions associated with insoluble (12-29%) and soluble (3-8%) seed constituents. The radioactivity associated with seed constituents was reduced 5 to 75% by hot alkaline hydrolysis (2.5 n KOH, 70° C for 1 hour). Although a small portion of the ethephon (or metabolite of ethephon/ethylene) taken up by the seeds is tightly bound to the tissues, our results indicate that, at the appropriate external concentrations of ethephon, the amount of ethylene evolved from ethephon within the seeds is sufficient to produce the desired ethylene mediated responses. However, factors affecting the decomposition of ethephon must be considered in the decision as to whether to use ethephon as a liquid supply of ethylene.

Aplicação de ethephon e ácido Abscísico em uva Crimsom Seedless e seu efeito sobre a conservação pós-colheita.

SANTOS, F. C.; LIMA, M. A. C. de; LIMA, M. A. C. de; ARAÚJO, A. L. de S.; MORAES, L. R. V. de; RISTOW, N. C.
Fonte: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA SEMIÁRIDO, 7.; JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACEPE/UNIVASF, 1., 2012, Petrolina. Anais... Petrolina: Embrapa Semiárido, 2012. Publicador: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA SEMIÁRIDO, 7.; JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACEPE/UNIVASF, 1., 2012, Petrolina. Anais... Petrolina: Embrapa Semiárido, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; p. 375-381.
Português
Relevância na Pesquisa
37.616653%
O objetivo deste trabalho foi determinar o efeito da aplicação de ácido abscísico (ABA) em comparação ao uso de ethephon durante a maturação sobre a conservação pós-colheita da uva ?Crimson Seedless?, cultivada no Submédio do Vale do São Francisco. O experimento foi conduzido em parreiral comercial, em Petrolina, PE. Os tratamentos foram representados por dose e número de aplicações de ácido abscísico, comparado ao uso de ethephon e ao controle, e pelo tempo de armazenamento. O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso, em fatorial 8 x 5, com quatro repetições. O ABA influenciou a cor dos cachos e o teor de sólidos solúveis, à semelhança do ethephon. Porém, as bagas foram menos firmes e elásticas, mostrando sinais de murcha mais precocemente.; 2012

Aplicação de ethephon e qualidade da uva 'Rubi' em Porto Feliz-SP; Ethephon on 'Rubi' grapevine quality in Porto Feliz, SP

RODRIGUES, Alessandro; GIRARDI, Eduardo Augusto; SCARPARE FILHO, João Alexio
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
27.897007%
A produção de uvas de mesa é uma importante atividade econômica no Estado de São Paulo. A região de Porto Feliz, em clima Cwa, apresenta grande número de agricultores familiares dedicados a esta atividade. Condições climáticas e manejo da cultura durante a fase de amadurecimento determinam a qualidade dos bagos, sendo o uso de fitorreguladores uma ferramenta útil para o ajustamento de atributos da qualidade. Avaliaram-se sete concentrações de ethephon, aplicadas por imersão dos cachos no início da mudança de coloração dos bagos, sobre a qualidade de uva 'Rubi', durante os ciclos de 2007 e de 2008, em propriedade comercial localizada em Porto Feliz-SP. Os atributos de qualidade avaliados foram a coloração de bagos, teor de sólidos solúveis totais e desbagoamento pós-colheita, sendo determinado também o índice de velocidade de desbagoamento. Os dados coletados foram submetidos à análise de variância e de regressão. Em 2007, observaram-se maiores coloração e teor de sólidos solúveis totais, associados às maiores temperaturas registradas no período entre o início de maturação e a colheita. O uso de ethephon, independentemente da concentração utilizada, promoveu coloração mais avermelhada dos bagos de 'Rubi' nas duas safras. Não houve efeito do uso do ethephon sobre o teor de sólidos solúveis totais. Não foi possível inferir sobre o efeito do etephon no desbagoamento em função do elevado coeficiente de variação. Estudos básicos para avaliar o efeito de fatores climáticos...

INDUÇÃO DO AMADURECIMENTO DE FRUTOS CÍTRICOS EM PÓS-COLHEITA COM A APLICAÇÃO DE ETHEPHON

DOMINGUES,MARCIO CHRISTIAN SERPA; ONO,ELIZABETH ORIKA; RODRIGUES,JOÃO DOMINGOS
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2001 Português
Relevância na Pesquisa
37.98849%
O presente experimento foi conduzido no Departamento de Botânica -- IB/Unesp, Botucatu-SP, com o objetivo de estudar o efeito da aplicação pós-colheita de Ethephon no desverdecimento de laranjas-doces (Citrus sinensis (L.) Osbeck) cultivar 'Hamlin' e 'Baianinha', consideradas cultivares precoces. Os frutos foram imersos por diferentes tempos em solução aquosa de Ethephon mais 0,05% do adjuvante Extravon (25% de Alquilfenol - poliglicoléter). Os frutos foram colocados em caixas de madeira, sobre bancada, em temperatura ambiente, onde permaneceram por 72 horas. Os tratamentos utilizados foram os seguintes: T1- testemunha (água); T2 -- Ethephon -- 1000 mg.L-1 / 5 minutos de imersão; T3 - Ethephon -- 2000 mg.L-1 / 5 minutos de imersão; T4 -- Ethephon -- 3000 mg.L-1 / 5 minutos de imersão; T5 -- Ethephon -- 4000 mg.L-1 / 5 minutos de imersão; T6 -- Ethephon -- 1000 mg.L-1 / 10 minutos de imersão; T7 - Ethephon -- 2000 mg.L-1 / 10 minutos de imersão; T8 -- Ethephon -- 3000 mg.L-1 / 10 minutos de imersão; T9 -- Ethephon -- 4000 mg.L-1 / 10 minutos de imersão. O delineamento experimental adotado foi o de blocos ao acaso, com 9 tratamentos e 4 repetições. Após 72 horas, o experimento foi avaliado através das seguintes variáveis: teor de clorofila da casca...

Efecto del nitrato de potasio, fosfato de potasio y ethephon en la inducción floral de la feijoa o goiabeira serrana (Acca sellowiana [O. Berg] Burret)

Javier Garcia,Oskar; Yiovani Dueñez,Edgar; Fischer,Gerhard; Chaves,Bernardo; Camilo Quintero,Omar
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.495884%
El ensayo se llevó a cabo en la finca El Cortijo (La Vega, Cundinamarca, Colombia [04°55'N y 74°18'W], 2350 m altitud, 17°C temperatura media, 1423 mm precipitación anual, 85% humedad relativa, 1377 horas brillo solar/año). Se utilizaron árboles de feijoa o goiabeira serrana de seis años, Clon 41 ('Quimba'), evaluando fertilizantes foliares KNO3 (Nitrato de Potasio 13-0-46® 1%, 1,5% y 2%) y KH2PO4 (fosfato de potasio; Cosmofoliar 0-32-43®; 0,5%, 0,75% y 1,0%) y la fitohormona ethephon (Ethrel® 48 SL; 100, 150 y 200 mg L-1). Se determinaron el número de botones florales inducidos, flores formadas, además, el porcentaje de flores formadas y nivel de eficacia de los productos inductores. El KH2PO4 al 0,5% obtuvo resultados favorables en cada una de las variables evaluadas, comparado con el 0,75% y 1% del mismo producto y, sin embargo hubo un alto número de flores inducidas y formadas, no se presentaron diferencias significativas con el testigo. Ethephon a 150 mg L-1 en la inducción de botones florales y a 100 mg L-1 en la de formación de flores mostró resultados favorables, pero tampoco pudo superar el testigo por falta de significancia. La respuesta generada por KNO3 mostró una baja inducción de botones florales, y una eficacia negativa en la proporción de flores formadas; asimismo fitotoxicidad...

Efeito do ethephon na qualidade da uva 'Niagara Rosada' (Vitis labrusca L.), produzida na entressafra, na região de Jales-SP

Pereira,Fernando Mendes; Fracaro,Antonio Augusto
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.703875%
Na região de Jales (SP), a produção de uva 'Niagara Rosada' obtida de videiras podadas em períodos de ocorrência de baixas temperaturas é, em geral, insatisfatória, apresentando pequena produtividade e cachos com qualidade inadequada à comercialização. Essa qualidade da produção está intimamente relacionada à efetiva brotação. Assim, este trabalho teve o objetivo de avaliar a aplicação do ethephon em diferentes doses antes da poda, visando a melhorar a brotação e a qualidade dos cachos, em seis experimentos, durante os anos de 2001 e 2002. Foram testadas as doses de 0; 3; 6 e 9 L.ha-1 de ethephon aplicado via foliar. Concluiu-se que o uso de ethephon, na dose de 9 L.ha-1, proporcionou cachos e bagas maiores e com maiores pesos, comprimento e largura, melhorando o aspecto dos mesmos. A aplicação de ethephon não afetou os teores de sólidos solúveis totais e a acidez total titulável, não alterando o sabor da uva 'Niagara Rosada'.

Efeitos de ethephon e uréia na morfologia e produtividade do milho (Zea mays L.)

Castro,Paulo R.C.
Fonte: Universidade de São Paulo; Escola Superior de Agricultura Publicador: Universidade de São Paulo; Escola Superior de Agricultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1982 Português
Relevância na Pesquisa
27.98849%
Ethephon é um regulador vegetal capaz de liberar etileno, que por sua vez atua como um retardador de crescimento por inibir o transporte de auxinas. A uréia pode incrementar o efeito do ethephon ou exercer um efeito oposto como fonte de nitrogênio. Estes compostos foram utilizados em plantas de milho visando modificar a dominância apical e consequentemente a época de alongamento da inflorescência, a altura da planta e a posição da espiga superior. Ethephon (ácido 2-cloroetilfosfônico) foi pulverizado em Zea mays cv. Piranão VF-2 38 dias após a semeadura, nos tratamentos: ethephon 500 ppm, ethephon 500 ppm + uréia 2%, ethephon 1.000 ppm, ethephon 1.000 ppm + uréia 2%, ethephon 1.500 ppm e ethephon 1.500 ppm + uréia 2%, além do controle. O regulador vegetal promoveu precocidade no alongamento da inflorescência masculina da planta de milho. Ethephon causou redução na altura da planta de milho 'Piranão VF-2'. A altura da espiga superior foi diminuída com ethephon ou ethephon + uréia. A distancia da espiga superior ao ápice foi reduzida com ethephon por causar diminuição no comprimento dos meritalos apicais. As modificações na época de alongamento da inflorescência masculina revestem-se de importância para a produção de híbridos de linhagens...

Efeitos do ethephon sobre a produção da uva 'Niagara Rosada' (Vitis labrusca L.), produzida na entressafra na região de Jales-SP

Fracaro,Antonio Augusto; Pereira,Fernando Mendes; Nachtigal,Jair Costa; Barbosa,José Carlos
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.703875%
A produção de 'Niagara Rosada' na entressafra, embora sendo uma excelente opção para os viticultores de Jales-SP, é problemática devido à dificuldade de emissão e desenvolvimento das brotações após a poda, realizada nos meses de ocorrência de temperaturas inferiores a 10ºC, o que tem causado pequenas produções e desestímulo entre os viticultores. Visando a solucionar este problema, foram conduzidos seis experimentos nos anos de 2001 e 2002, cujo objetivo foi verificar o efeito do ethephon aplicado antes da poda sobre o número de cachos, a produção e a qualidade da uva. Foram testadas as doses 0; 3; 6 e 9L.ha-1 de ethephon aplicado via foliar. Concluiu-se que o uso de ethephon proporcionou aumento do número de cachos e da produtividade de 'Niagara Rosada', especialmente quando da ocorrência de condições climáticas desfavoráveis e com satisfatório grau de enfolhamento. A utilização de ethephon na dose de 9L.ha-1 proporcionou aumento da produtividade da uva 'Niagara Rosada' na entressafra.

Mejoramiento de la pigmentación de bayas de vid de la variedad crimson seedless mediante la aplicación de ácido abscísico y ethephon

Santander Rojas, Marcela Fernanda
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
Português
Relevância na Pesquisa
27.970454%
Memoria para optar al Título Profesional de Ingeniero Agrónomo Mención: Fruticultura; Con el fin de evaluar el efecto de la aplicación de ácido abscísico (ABA) y ethephon sobre el contenido de antocianos y color en bayas de la variedad de uva de mesa Crimson seedless, se realizó este ensayo durante la temporada 2008/2009 en un parrón perteneciente a Agrícola Santa Marta, Fundo Santa Inés, ubicado en Huelquén, comuna de Buin. Se utilizaron plantas de 6 años de edad, aplicando en envero. Los tratamientos fueron seis: ABA a 150 mg/L y 200 mg/L, ethephon a 200 mg/L, ABA más ethephon a 150 más 100 mg/L y a 200 más 100 mg/L, respectivamente, y un tratamiento control. Se midieron semanalmente parámetros de calidad como: diámetro ecuatorial de bayas, acidez titulable, sólidos solubles, firmeza y color de las bayas, desde que estas presentaron un promedio de 15,5 mm hasta la cosecha de la fruta. En la cosecha de la fruta se evaluaron siete parámetros adicionales: diámetro polar de bayas, contenido de agua, peso de bayas, tamaño del racimo, peso del racimo, peso del raquis y contenido de antocianos en la epidermis de las bayas. Los resultados mostraron que la aplicación de los productos ensayados afectó el contenido de antocianos...

Qualidade de regularidade da produção de tangerineira 'Ponkan' submetida ao raleio químico; Quality and yield regularity in ´Ponkan´ mandarin tree submitted to chemical thinning

Cruz, Maria do Céu Monteiro da
Fonte: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAG - Departamento de Agricultura; UFLA; BRASIL Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAG - Departamento de Agricultura; UFLA; BRASIL
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 02/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
28.030715%
Este trabalho foi realizado com os objetivos de testar diferentes concentrações de Ethephon no raleio químico em tangerineiras ´Ponkan´ (Citrus reticulata Blanco), enxertadas sobre o limoeiro ´Cravo´ (Citrus limonia Osbeck) e avaliar os efeitos sobre o desenvolvimento, a qualidade, a produtividade e a regularidade da produção. A pesquisa foi conduzida em pomar comercial, com 10 anos de idade, localizado no município de Perdões, região sul de Minas Gerais, no período de dezembro de 2006 a julho de 2008. Foram avaliadas cinco concentrações de Ethephon: 0; 150; 300, 450 e 600 mg L-1, aplicadas em dois estádios de desenvolvimento da fruta: diâmetro transversal de 30 mm e 40 mm. Utilizou-se o esquema fatorial de 5 x 2, distribuído em blocos casualizados, com quatro repetições. No primeiro ano após a aplicação do Ethephon, foram avaliados o desenvolvimento, a qualidade das frutas e o rendimento da produção. No segundo ano, avaliaram-se a alternância de produção, a qualidade das frutas e o rendimento da produção. O raleio químico com a aplicação de Ethephon favoreceu o desenvolvimento e melhorou a qualidade da tangerina ´Ponkan´. O raleio realizado no estádio de 40 mm proporcionou o desenvolvimento de frutas com maiores diâmetros em todas as concentrações avaliadas. O Ethephon aplicado promoveu a abscisão de frutas em todas as concentrações testadas. As concentrações a partir de 300 mg L-1 apresentaram maior eficiência no raleio. As frutas remanescentes apresentaram melhor uniformidade no tamanho...

Produção e qualidade de frutas de tangerineira ´Ponkan´ submetida ao raleio químico com Ethephon; Yield and quality of ´Ponkan´ mandarin fruits submitted to chemical thinning with Ethephon

Moreira, Rodrigo Amato
Fonte: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAG - Programa de Pós-graduação; UFLA; BRASIL Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAG - Programa de Pós-graduação; UFLA; BRASIL
Tipo: Dissertação
Publicado em 04/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
27.970454%
Este trabalho foi realizado com o objetivo de testar diferentes concentrações de Ethephon (ácido 2cloroetil fosfônico) em tangerineiras ´Ponkan´, com doze anos de idade, enxertadas sobre o limoeiro ´Cravo´, visando avaliar o percentual de raleio, o crescimento, a qualidade e a produção de frutas dentro e fora dos padrões comerciais. O experimento foi realizado, no período de janeiro a julho de 2009, em um pomar comercial não-irrigado, no município de Perdões, região sul de Minas Gerais. O tipo climático é Cwb, segundo a classificação de Köppen, caracterizado com verões quentes e úmidos, e invernos secos e frios. Foram testadas cinco concentrações de Ethephon: 0; 200; 400; 600 e 800 mg L-1, aplicadas quando as frutas estavam no estádio de desenvolvimento de 25 a 30 mm de diâmetro transversal. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com quatro repetições, a parcela foi constituída de quatro plantas. Obteve-se percentual de 28,5% de raleio nas plantas pulverizadas com a concentração de 800 mg L-1 de Ethephon. Em função da abscisão foliar intensa observada nas plantas pulverizadas com 800 mg L-1 de Ethephon, a concentração de 600 mg L-1 foi a mais adequada para promover o raleio de tangerineira ´Ponkan´ nas condições estudadas...

Efeitos de ethephon e uréia na morfologia e produtividade do milho (Zea mays L.); Effects of ethephon and urea on the morphology and productivity of maize (Zea mays L.)

Castro, Paulo R.C.
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Publicador: Universidade de São Paulo. Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/1982 Português
Relevância na Pesquisa
28.09604%
Ethephon é um regulador vegetal capaz de liberar etileno, que por sua vez atua como um retardador de crescimento por inibir o transporte de auxinas. A uréia pode incrementar o efeito do ethephon ou exercer um efeito oposto como fonte de nitrogênio. Estes compostos foram utilizados em plantas de milho visando modificar a dominância apical e consequentemente a época de alongamento da inflorescência, a altura da planta e a posição da espiga superior. Ethephon (ácido 2-cloroetilfosfônico) foi pulverizado em Zea mays cv. Piranão VF-2 38 dias após a semeadura, nos tratamentos: ethephon 500 ppm, ethephon 500 ppm + uréia 2%, ethephon 1.000 ppm, ethephon 1.000 ppm + uréia 2%, ethephon 1.500 ppm e ethephon 1.500 ppm + uréia 2%, além do controle. O regulador vegetal promoveu precocidade no alongamento da inflorescência masculina da planta de milho. Ethephon causou redução na altura da planta de milho 'Piranão VF-2'. A altura da espiga superior foi diminuída com ethephon ou ethephon + uréia. A distancia da espiga superior ao ápice foi reduzida com ethephon por causar diminuição no comprimento dos meritalos apicais. As modificações na época de alongamento da inflorescência masculina revestem-se de importância para a produção de híbridos de linhagens...

Reguladores vegetais e o desbaste químico de frutos de tangor murcote; Plant growth regulators and 'Honey' orange fruit chemical thinning

Domingues, Marcio Christian Serpa; Ono, Elizabeth Orika; Rodrigues, João Domingos
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Publicador: Universidade de São Paulo. Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2001 Português
Relevância na Pesquisa
27.925503%
Alternate bearing is an important caracteristic of some mandarins that reduces fruit quality and yield in tangor Murcott, and to reduce this effect is necessary to perform fruit thinning to avoid high and low production year by year. To evaluate the effects of plant growth regulators on fruit thinning of the 'honey' orange, an auxin (NAA-naphthalene acetic acid) and ethephon (ethylene), were applied 40 days after full bloom in an experiment carried out at Pratania, S.P., Brazil. Five-year-old plants grafted on Rangpur lime were used, sprayed with NAA (0, 100, 200, 300 e 400 mg L-1 and ethephon (200, 300, 400 mg L-1), both in water solution, containing 0.05% of non ionic wetting agent. Fruit number was determined before treatment applications in two shoots per plant. NAA did not promote significant differences on fruit thinning (between 7 to 14 %), however, the application of ethephon, at all rates, increased fruit thinning by 41.6 to 66.6%, with concentrations of 200 to 400 mg L-1 respectively, without leaf drop. Application of NAA did not promote chemical fruit thinning whereas ethephon showed high percentage of fruit thinning after full bloom with increased concentrations.; O tangor 'Murcote' apresenta necessidade de desbaste de frutos devido a alternância de produção...

ETHEPHON NA ANTECIPAÇÃO DA COLHEITA E QUALIDADE DA AMEIXA CV. REUBENNEL; ETHEPHON IN THE ANTECIPATION OF THE HARVEST AND QUALITY OF REUBENNEL PLUMS

FIORAVANÇO, João Caetano; FEPAGRO; PAIVA, Marília Caleffi; EMATER-RS; BIZZANI, Ernesto; Colégio Agrícola de Veranópolis
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 03/08/2007 Português
Relevância na Pesquisa
28.041858%
Avaliou-se o efeito do Ethephon na antecipação da colheita e na qualidade pós-colheita de ameixas cv. Reubennel. Os tratamentos foram: 1) Testemunha; 2) Ethephon (120 mg L-1); 3) Ethephon (240 mg L-1); 4) Ethephon (360 mg L-1); 5) Ethephon (480 mg L-1). O produto foi aplicado sobre os frutos, com o auxílio de um pulverizador costal, 15 dias antes da data prevista para a colheita. No momento da aplicação dos tratamentos as ameixas apresentavam-se completamente desenvolvidas, exibindo epiderme verde clara. O Ethephon antecipou a colheita em sete dias, sem afetar a firmeza, o pH e a acidez das ameixas. No momento da colheita, as ameixas que receberam doses maiores de Ethephon (360 e 480 mg L-1) apresentaram epiderme com coloração vermelha mais intensa. As ameixas não tratadas com Ethephon apresentaram maiores teores de SST.; This work was carried out at the Centro de Pesquisa da Região da Serra (FEPAGRO SERRA), in Veranópolis, RS, Brazil, with the objective of evaluating the effect of Ethephon early harvest and postharvest quality of plums cv. Reubennel. The treatments applied were: 1) control; 2) Ethephon (120 mg L-1); 3) Ethephon (240 mg L-1); 4) Ethephon (360 mg L-1); 5) Ethephon (480 mg L-1). Twelve-year-old plum trees were sprayed 15 days before the expected harvest time. The trees were treated with a costal pulverizer...