Página 1 dos resultados de 290 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

A tomada de decisão dos enfermeiros face aos cuidados que prestam no hospital

Fonseca, César João Vicente da
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
60.053345%
Dissertação de Mestrado em Comunicação em Saúde apresentada à Universidade Aberta; O presente estudo aborda a tomada de decisão dos enfermeiros face aos cuidados que prestam no hospital. Trata-se de um estudo que utiliza um paradigma qualitativo, com uma abordagem fenomenológica e teve como objectivo compreender que decisões são tomadas pelos enfermeiros na sua prática de cuidados, como as fundamentam e que competências utilizam nas suas tomadas de decisão. Como técnica de colheita de dados usámos a entrevista semi-estruturada, tendo sido aplicada a vinte enfermeiros (dez enfermeiros iniciados e dez enfermeiros peritos). As entrevistas foram objecto de gravação áudio e o tratamento dos dados foi efectuado com base na análise de conteúdo. Dos principais resultados encontrados, destacamos: • Os participantes referem tomar decisões sobre as acções: ventilar, orientar antecipadamente o cliente e família, alimentar o cliente, cuidar da higiene, entrevistar o cliente, mobilizar os clientes, transportar o cliente, administrar, administrar oxigénio, informar o cliente, inserir o cateter vesical, trocar o penso; • Os participantes referem não exercer a tomada de decisão perante as acções que executam, como sendo: determinar diagnósticos e prognósticos dos clientes...

O estágio curricular segundo a percepção dos enfermeiros assistenciais de um hospital de ensino.; The training hospital nurses perception about curriculum period of training.

Ito, Elaine Emi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/07/2005 Português
Relevância na Pesquisa
60.11928%
O estudo tem como tema a percepção dos enfermeiros assistenciais sobre os Estágios Curriculares do curso de graduação em Enfermagem desenvolvidos nas unidades de trabalho de um hospital de ensino. O objetivo geral da pesquisa foi conhecer as percepções do enfermeiro assistencial em relação ao Estágio Curricular desenvolvido em sua unidade de trabalho e os objetivos específicos foram: conhecer a percepção dos enfermeiros assistenciais em relação ao seu papel na formação dos alunos em Estágio Curricular; conhecer a influência que os alunos trazem para a unidade de trabalho onde se realiza o referido estágio; identificar os fatores que facilitam e dificultam nas atividades diárias do enfermeiro com a presença dos alunos em estágio; conhecer a percepção dos enfermeiros em relação a estrutura do estágio e sugestões de aprimoramento para o desenvolvimento desta disciplina em ambiente hospitalar e contribuir para o aprimoramento no desenvolvimento de estágios realizados em instituições de saúde. No estudo, denominamos o “Estágio Curricular” como a última disciplina que o aluno desenvolve no curso de graduação em Enfermagem, oferecida no último semestre do curso, possui uma carga horária abrangente e tem o acompanhamento e a supervisão indireta do docente responsável pela disciplina e o aluno fica em contato direto e constante com o enfermeiro assistencial da unidade a qual realiza o estágio. Com relação ao delineamento metodológico...

Educação para a Saúde; Conceitos, práticas e necessidades de formação

Carvalho, Amâncio; Carvalho, Graça Simões de
Fonte: Lusociência Publicador: Lusociência
Tipo: Livro
Publicado em /06/2006 Português
Relevância na Pesquisa
60.48386%
Em 1984 a Comissão Regional da Europa da Organização Mundial de Saúde (OMS) aprovou as metas regionais de Saúde para Todos sob a qual deveriam assentar as bases da política de saúde dos vários estados membros. As estratégias para se atingirem tais metas são as seguintes: a promoção de estilos de vida saudáveis; a protecção do ambiente; a prestação de cuidados de saúde adequados e ajustados à população; e a criação de medidas de suporte pertinentes a nível da pesquisa e informação (Amorim, 2000). A problemática da Educação para a Saúde (EpS), como processo orientado para a utilização de estratégias que ajudem os indivíduos e a comunidade a adoptar ou modificar comportamentos que permitam um melhor nível de saúde, vem sendo objecto de uma reflexão crescente por parte de instituições, grupos profissionais e autores em artigos de literatura específica (OMS, 1985). De facto, no dizer de Sanmartí (1985), a consecução de elevados níveis de saúde e a prevenção de mortes prematuras dependem, em grande medida, da adopção por parte dos indivíduos, grupos e comunidades, de comportamentos saudáveis. Daí a importância e o interesse actual pela EpS, que em todo o mundo se fundamenta nos seguintes aspectos (Navarro...

Percepções dos enfermeiros/as das consultas de planeamento familiar e saúde materna sobre as diferenças de género em educação para a saúde sexual e reprodutiva

Nogueira, Paula Cristina Freitas Barbosa; Vilaça, Teresa
Fonte: Universidade do Minho. Centro de Investigação em Educação (CIEd) Publicador: Universidade do Minho. Centro de Investigação em Educação (CIEd)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /09/2009 Português
Relevância na Pesquisa
79.795215%
O Plano Nacional de Saúde Português atribui especial importância aos profissionais de saúde na educação permanente dos/as utentes, e destaca orientações estratégicas para garantir que será dada continuidade ao reforço das garantias em saúde sexual e reprodutiva (SSR) e asseguradas as condições de exercício da autodeterminação sexual de mulheres e homens, assente num processo educativo integrado e na progressiva adequação dos serviços de saúde. O programa de SSR destinado aos/às profissionais de saúde, também reforça a importância da educação no âmbito da consulta de planeamento familiar (PF) e saúde materna (SM). Neste sentido, esta investigação analisou as diferenças de género: na percepção dos/as enfermeiros/as das consultas de PF e SM sobre a sensibilidade ao género na sua formação e prática profissional e nas atitudes, valores e comportamentos dos/as utentes face ao PF, à vida em família e às práticas dos/as utentes e enfermeiros/as nas consultas de PF e SM. Com essa intenção, aplicou-se uma entrevista semi-estruturada a uma amostra propositada de enfermeiros/as (n=6), de um Centro de Saúde. Para a maior parte dos/as entrevistados/as a SSR, principalmente a masculina, foi pouco trabalhada no Curso de Enfermagem e uma parte deles/as sente-se melhor preparado para trabalhar na SSR da mulher. Os/as enfermeiros/as...

Supervisão colaborativa e desenvolvimento profissional em enfermagem

Pinheiro, Germana Manuela da Silva
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
60.158086%
Na atualidade, o desenvolvimento profissional contínuo possibilita ao enfermeiro adaptar-se, progressivamente, a um contexto clínico em constante mutação. Neste contexto, emerge a temática da supervisão colaborativa, enquanto alicerce essencial a uma permanente transformação dos conhecimentos e práticas profissionais, numa perspetiva supervisiva coformativa e desenvolvimentista. Assim, neste estudo foi nossa intenção compreender as conceções dos enfermeiros sobre a supervisão colaborativa e o desenvolvimento profissional na prática de cuidados. Tendo em consideração o objeto de estudo, optámos por uma investigação de natureza qualitativa e interpretativa e mais concretamente o estudo de caso. Para tal, considerámos uma equipa de Enfermagem de um serviço de Medicina Interna de um centro hospitalar da região norte do país. Na recolha de informação recorremos à triangulação de diversas fontes de dados, designadamente: a análise documental, a observação não participante e a entrevista semiestruturada. A análise das informações recolhidas demonstra que colaborar se aproxima de partilhar, trabalhar em equipa ou ajudar o Outro, existindo na prática de cuidados privilegiados momentos colaborativos, nomeadamente: as passagens de turno...

Sépsis, Choque Sético e Via Verde Sépsis – um estudo com os enfermeiros de um serviço de urgência

Marques, Maria do Céu; Soares, Marta; Fonseca, Ana; Grilo, Cristina; Mendes, Joâo; Frade, Anjos; Correia, Isabel
Fonte: Ordem dos Enfermeiros - 1º Encontro de Enfermeiros Especialistas em Enfermagem Médico-cirúrgica. Publicador: Ordem dos Enfermeiros - 1º Encontro de Enfermeiros Especialistas em Enfermagem Médico-cirúrgica.
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
60.08302%
A sépsis é caracterizada como uma síndrome complicada, causada pela resposta inflamatória sistémica descontrolada do indivíduo, origem infecciosa, determinada por manifestações múltiplas, que pode causar disfunção ou falência de um ou mais órgãos ou mesmo a morte. De acordo com a literatura a incidência da sépsis tem aumentado nas últimas décadas, com uma mortalidade bastante elevada, é 10º causa de morte nos Estados Unidos e principal causa de morte nas Unidades de Cuidados Intensivos, onde o tratamento da sépsis é estimado em torno de dezassete bilhões dólares. A taxa de mortalidade por sépsis é 15%, 25-35% na sépsis grave e 45-60% no choque séptico. Os enfermeiros assumem um papel primordial específicamente no reconhecimento precoce, estratificação da gravidade e no início atempado do tratamento adequado. Objetivo: Explorar os conhecimentos e apreender as representações sociais de sépsis e choque sético construídas pelos enfermeiros do serviço de urgência de um hospital português. Método: estudo exploratório, realizado com 49 enfermeiros. Recolha de dados feita no espaço temporal de um mês, utilizando um questionário, com questões socio-demográficas, de resposta fechada e dois estímulos indutores. Foi utilizada a técnica da associação livre de palavras e cumpridos os procedimentos ético-legais. Os dados foram categorizados recorrendo ao Microsoft Offiice Word® e processados nos softwares Evoc® e SIMI®...

A formação pelos pares: um contributo para melhorar a avaliação das necessidades dos utentes

Gonçalves, Ana Cristina
Fonte: Instituto Politécnico de Santarém Publicador: Instituto Politécnico de Santarém
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
60.29291%
Relatório de Estagio apresentado para obtenção de grau de Mestre na Especialidade de Enfermagem Comunitaria; A população está mais consciente dos seus direitos no que diz respeito à defesa da saúde, refletindo-se num maior grau de exigência e simultaneamente os contextos sociais e profissionais estão em constante desenvolvimento. Neste sentido emerge a necessidade dos enfermeiros atualizarem os seus conhecimentos, mobilizando-os, com o intuito da autovalorizarão, otimização de recursos e evolução qualitativa dos resultados. Como forma de obter um nível mais elevado de qualificação que permita dar respostas mais eficazes às necessidades de saúde das populações, torna-se relevante o desenvolvimento profissional contínuo dos enfermeiros. A formação em serviço é uma das estratégias de atualização, no contexto de trabalho desde que sejam abrangidos todos os intervenientes do processo de cuidados, que vá ao encontro das necessidades dos formandos, dos objetivos da unidade/equipa e também da instituição. A Educação pelos Pares é considerada uma estratégia que aliada à formação em serviço leva a ganhos em saúde tanto para os enfermeiros como para os utentes e para a instituição. Esta estratégia abrange membros experientes e de apoio num grupo específico...

A pessoa em fim de vida : vivências dos enfermeiros

Rossa, Maria José Nobre Martins, 1958-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
60.101094%
Tese de mestrado em Bioética, apresentada à Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, 2008; O enquadramento conceptual do trabalho centrou-se na pessoa em fim de vida. O texto elaborado compreende duas partes. Na primeira parte, sob o título “A Pessoa em Fim de Vida”, estão incluídos capítulos ligados às características psicológicas, sociológicas, assistenciais e vivenciais das pessoas no final das suas vidas internadas no Hospital de S. Bernardo, em Setúbal. Nesta primeira parte incluem-se considerações sobre as características e o funcionamento do Hospital de S. Bernardo e a vivência da autora como enfermeira naquele hospital sobretudo nos domínios a que se referem aos doentes graves e em situações terminais. A segunda parte do trabalho, sob a designação “Tentativa de avaliação dos conhecimentos e atitudes dos enfermeiros perante a pessoa em fim de vida”, inclui um estudo baseado nas respostas a um inquérito efectuado aos enfermeiros do Hospital de S. Bernardo, centrado nas suas opiniões sobre a sua própria preparação, sobre as questões éticas mais relevantes, os seus conhecimentos, as suas capacidades e o seu desempenho nos domínios dos cuidados a prestar aos doentes graves e em fim de vida. A amostra da população dos enfermeiros do Hospital de S. Bernardo que serviu de base ao estudo foi de ocasião e envolveu cinquenta enfermeiros. Os critérios de selecção foram estabelecidos de acordo com conceitos de ordem teórica...

Formação Profissional dos Enfermeiros: Determinantes da participação dos enfermeiros em acções de formação em serviço

Guerra, Maria Luísa Gonçalves
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
100.6574%
Dissertação de Mestrado em Gestão Pública e Autárquica, Área da Saúde; O objectivo deste trabalho é o estudo dos determinantes da participação em acções de formação pelos enfermeiros hospitalares. O trabalho centra-se nas relações entre as características sócio-demográficas, sócio-profissionais e organizacionais e a participação em acções de formação em serviço. O trabalho pretende ainda investigar em que medida estas relações são mediadas pela motivação dos indivíduos à formação. O estudo tem como ponto de partida uma vasta literatura teórica e empírica sobre os determinantes da participação em acções de formação profissional. Esta área de estudo tem, desde há vários anos, suscitando interesse entre os investigadores de diferentes áreas. A amostra é constituída por 150 enfermeiros a trabalhar no Centro Hospitalar de Gaia/Espinho E.P.E. Os dados foram recolhidos pela administração de um inquérito respondido individualmente por cada enfermeiro. O inquérito foi elaborado a partir de questionários já testados na literatura. Os dados foram analisados usando análise factorial, correlações simples e regressão múltipla. Na nossa investigação concluímos que os enfermeiros apresentam alguma ligação emocional à organização a que pertencem...

Intervenção educativa junto de um grupo de enfermeiros de um serviço de medicina : impacto na prática da terapêutica inalatória

Cordeiro, Maria do Carmo Oliveira
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
101.19377%
RESUMO: O presente estudo, enquadra-se, no domínio do exercício profissional dos enfermeiros e na formação em serviço destes profissionais e teve por objectivo avaliar, num grupo de enfermeiros de um serviço de medicina, o impacto de uma intervenção educativa na melhoria dos procedimentos a executar na prática da terapêutica inalatória. A amostra do estudo (amostra por conveniência) foi constituída por oito enfermeiros do serviço de medicina do Hospital Curry Cabral (idades compreendidas entre os 24 a 43 anos de idade), sem anterior formação específica na área da terapêutica inalatória, mas com experiencia profissional prévia com doentes respiratórios. O estudo decorreu em dois momentos de avaliação: avaliação 0 (antes da intervenção educativa) e avaliação 1 (após a intervenção educativa). Entre estes dois momentos, foi ministrada, a todos os enfermeiros, uma acção de formação sobre terapêutica inalatória, com componente teórico-prática. Antes e depois da intervenção educativa foram aplicados dois instrumentos: para avaliação dos conhecimentos teóricos, construi-se e aplicou-se, um questionário de auto-avaliação de conhecimentos sobre terapêutica inalatória ao grupo dos enfermeiros...

Formação em serviço e desenvolvimento profissional: desafios e constrangimentos no processo de desenvolvimento de competências dos enfermeiros

Santos, Eunice Maria Costa Pereira dos
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 Português
Relevância na Pesquisa
68.63528%
Dissertação mest., Ciências da educação - Educação e formação de adultos, Universidade do Algarve, 2008; In nursing, quality care depends on good standards of knowledge and performance, showed by professionals ‘competence. Bearing in mind the important role that inservice/ continuous training must play in knowledge and competencies development, we carried out a study in order to answer to the following questions: What is the contribution of the in service training in nurses’ competence development? Does the current in-service training model influences that process and which difficulties may influence nurses’ competence development? We adopted a characteristic methodology used in the exploratory studies. Result analysis allowed us to conclude that the in-service training model used contributes to the development of nurses’ knowledge and competencies. Sharing knowledge and experiences between team members, mostly, the ones with longer professional experience, the existence of updated protocols in the work contexts and the reflection about the professional activities among the colleagues are the elements with a more positive contribute on that process. On the other side, the main difficulties are: the substitution of the less experienced colleagues by others with more nursing experience...

Formação dos enfermeiros em cuidados paliativos

Candeias, Maria Cristina Nunes
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 Português
Relevância na Pesquisa
60.17449%
Dissertação mest., Ciências da Educação, Universidade do Algarve, 2009; Este estudo Exploratório, enquadrado no âmbito da Formação dos Enfermeiros enquanto Adultos, em Cuidados Paliativos, tem como objectivo geral: Conhecer a representação conceptual de cuidados paliativos dos enfermeiros e as suas necessidades formativas nesta área. Elaborando uma proposta de plano de formação que vá ao encontro das necessidades formativas encontradas. O quadro conceptual, teve por base os estudos de Rodrigues, Twycross, Neto, Figueiredo, Saunders, Canário, Chiavenato, Martins, Pais-Ribeiro, Sapeta, tendo sido desenvolvido à volta da evolução histórica dos cuidados paliativos e da educação e formação dos profissionais de enfermagem enquanto adultos. Foram estudados os enfermeiros que gerem e prestam cuidados em serviços de Medicina e Cirurgia de um Hospital Distrital. Numa primeira fase foram efectuadas 13 entrevistas aos enfermeiros chefes e responsáveis de serviço. A partir da análise de conteúdo das mesmas foi construído um questionário que se aplicou aos enfermeiros prestadores de cuidados. A partir da representação conceptual de cuidados paliativos dos enfermeiros, das suas necessidades e preocupações...

Abordagens pedagógicas na formação de enfermeiros : compreensão de docentes de enfermagem

Mesquita, Simone Karine da Costa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
60.087188%
In the new world order is notorious changes in social, ethical, economical and political aspects in the society, which reach incisively higher education, requiring a number of modifications and a new vision in nursing education, in order to meet the demands of the Unique Health System. Thus, the Higher Education Institutes (HEI) and teachers are invited to face new challenges and reflect on their practices, using pedagogical approaches and innovative methodologies to meet the requirements of a globalized society. This study has as an objective to analyze the perspective of teachers in what concern the pedagogical approaches used in nursing education and to identify pedagogical approaches utilized by teachers in nursing education. This is a field research of exploratory kind, descriptive, of quantitative approach. The search was conducted at the Department of Nursing of the Federal University of Rio Grande do Norte UFRN, based in the city of Natal. The population consisted of forty-six teachers. From this population was selected a sample of twenty teachers. Data collection occurred from August to September 2011, through the utilization of the technique of interview and questionnaire. The obtained data were analyzed in two moments. In the first moment...

Gestão em enfermagem e a formação em serviço : tecnologias de informação e padrões de qualidade

Ferreira, Carla Isabel
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 Português
Relevância na Pesquisa
80.437607%
O paradigma da gestão em enfermagem está a sofrer constantes transformações, decorrente das alterações económicas, tecnológicas e sociais que emergem nos contextos atuais. No âmbito do Serviço Nacional de Saúde (SNS), vivenciamos as contingências de escassez de recursos humanos nas unidades de saúde, o desgaste e a desmotivação dos enfermeiros pelo excesso de tempo que permanecem nas instituições, favorecendo o declíneo da formação em serviço, sendo necessárias alternativas para que esta ocorra em contexto de trabalho, com apoio das novas tecnologias de informação e comunicação (TIC) ao menor custo para as instituições. Estudo descritivo e exploratório, que procura conhecer como os enfermeiros gestores percecionavam as necessidades de formação sobre os padrões de qualidade e quais as condições para utilizar as tecnologias de informação e comunicação como recurso para a formação em serviço. Este estudo encontra-se inserido no projeto de desenvolvimento da Escola Superior de Enfermagem do Porto: ”Tecnologias da Informação no Ensino à Distância na Formação Organizacional - Gestão e Processos de Formação” (2011/2012). A metodologia de colheita de dados foi um questionário aplicado a 83 enfermeiros gestores de quatro Centros Hospitalares do Norte de Portugal. Dos resultados obtidos evidenciou-se quais os padrões de qualidade que carecem de maior necessidade de formação nomeadamente: a promoção da saúde...

Perceção dos enfermeiros do Centro de Saúde relativamente ao brincar como estratégia de alívio da dor na criança.

Castelo, Maria
Fonte: Instituto Politécnico da Guarda Publicador: Instituto Politécnico da Guarda
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
69.691353%
A dor é uma das principais causas de sofrimento na criança, envolvendo uma multiplicidade de fatores, tendo consequências diretas no seu desenvolvimento. Tem como causa direta a doença, mas pode estar relacionada com procedimentos potencialmente dolorosos, resultantes da manipulação para exames complementares de diagnóstico, prevenção e/ou tratamentos. Atualmente observa-se uma crescente utilização de estratégias não farmacológicas como forma de prevenir e tratar a dor pediátrica e apesar de não substituir as farmacológicas, o seu efeito deve ser muito valorizado. É necessário compreender a génese da dor e conhecer as estratégias não farmacológicas no seu controlo e adequa-las a cada fase do desenvolvimento infantil. O brincar como reconhecida atividade de desenvolvimento humano e de valor terapêutico é a estratégia não farmacológica que melhor se aplica neste contexto. O presente estudo visa analisar a perceção atribuída pelos enfermeiros dos Centros de Saúde da influência da Unidade Local de Saúde (ULS) de Castelo Branco, ao brincar como estratégia de alívio da dor, na criança. Estudo tipo exploratório-descritivo, com recurso a análise quantitativa e qualitativa de conteúdo, em que os dados foram obtidos através da aplicação de um questionário constituído por 3 partes: dados pessoais/profissionais; perguntas fechadas e perguntas abertas...

Experiências Clínicas Simuladas: influência na performance, conhecimento e stresse dos Enfermeiros de um serviço de urgência

Almeida, Ricardo Alexandre Rebelo
Fonte: ESEnfC Publicador: ESEnfC
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 01/03/2010 Português
Relevância na Pesquisa
60.479897%
A enfermagem tem assistido a um enorme crescimento e desenvolvimento técnico-científico. As crescentes exigências dos cuidados de saúde conduziram os enfermeiros à procura de níveis de formação cada vez mais avançados, bem como à aposta na formação contínua, como estratégia de atualização profissional. Neste sentido, o desenvolvimento de instrumentos com apoio de alta tecnologia veio transformar o ensino/formação, impondo novos processos e metodologias. A utilização da Simulação de Alta-Fidelidade é uma metodologia inovadora que tem vindo a aumentar na formação em enfermagem, proporcionando experiências clínicas simuladas. Apesar das mais-valias apontadas pelos estudos internacionais, há ainda lacunas na adequação dos processos de ensino e na verificação dos seus resultados. Assim, o objetivo deste estudo é verificar a influência das experiências clínicas simuladas no desenvolvimento da performance, conhecimento e stresse de um grupo de enfermeiros de um serviço de urgência. Trata-se de um estudo longitudinal, pré-experimental, com desenho antes-após com grupo único. Foram aplicados vários instrumentos de colheita de dados: questionário de caracterização sociodemográfica/profissional; grelha de avaliação/observação da performance clínica na via aérea e ventilação; teste de avaliação de conhecimentos teóricos; Escala de Stress Profissional em Enfermeiros (ESPE) (Santos e Teixeira...

Experiências Clínicas Simuladas: Influência na performance, conhecimento e stresse dos enfermeiros de um Serviço de Urgência

Almeida, Ricardo Alexandre Rebelo de
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/11/2013 Português
Relevância na Pesquisa
60.479897%
A enfermagem tem assistido a um enorme crescimento e desenvolvimento técnico-científico. As crescentes exigências dos cuidados de saúde conduziram os enfermeiros à procura de níveis de formação cada vez mais avançados, bem como à aposta na formação contínua, como estratégia de atualização profissional. Neste sentido, o desenvolvimento de instrumentos com apoio de alta tecnologia veio transformar o ensino/formação, impondo novos processos e metodologias. A utilização da Simulação de Alta-Fidelidade é uma metodologia inovadora que tem vindo a aumentar na formação em enfermagem, proporcionando experiências clínicas simuladas. Apesar das mais-valias apontadas pelos estudos internacionais, há ainda lacunas na adequação dos processos de ensino e na verificação dos seus resultados. Assim, o objetivo deste estudo é verificar a influência das experiências clínicas simuladas no desenvolvimento da performance, conhecimento e stresse de um grupo de enfermeiros de um serviço de urgência. Trata-se de um estudo longitudinal, pré-experimental, com desenho antes-após com grupo único. Foram aplicados vários instrumentos de colheita de dados: questionário de caracterização sociodemográfica/profissional; grelha de avaliação/observação da performance clínica na via aérea e ventilação; teste de avaliação de conhecimentos teóricos; Escala de Stress Profissional em Enfermeiros (ESPE) (Santos e Teixeira...

Cuidar no Serviço de Urgência na presença de acompanhantes

Chambel, Élia Maria Gil Marques
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/01/2014 Português
Relevância na Pesquisa
60.061304%
No âmbito dos cuidados de saúde em Portugal, os serviços de urgência continuam a ser a principal porta de entrada do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Neste contexto os doentes que, de um modo geral, a eles afluem vivenciam momentos de grande fra-gilidade, sentimentos de insegurança, ansiedade e angústia. Assim, a presença de um acompanhante pode ter significativa importância não só na segurança e bem-estar do doente e família, mas também pode ter reflexos positivos no trabalho dos profissionais. Parece ser consensual que este acompanhamento é vantajoso para os doentes e seus familiares. E para os profissionais de saúde, qual será a sua perspectiva? No sentido de obter resposta a esta questão, o presente estudo pretende conhecer e compreen-der as vivências dos enfermeiros de um serviço de urgência da região centro, relati-vamente ao cuidar na presença de acompanhantes. Compreender as preocupações e motivações dos profissionais de enfermagem, adveio da recente alteração da legisla-ção com a Lei nº 33 de 14 de Julho de 2009, que concede o direito de acompanha-mento a todo o cidadão admitido num serviço de urgência. Atendendo à natureza do fenómeno em estudo e ao facto de se tratar de uma temática pouco explorada...

PERCEPÇÃO DOS ENFERMEIROS SOBRE A FORMAÇÃO EM SERVIÇO

Tojal, Ana Margarida de Andrade Fernandes
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/01/2014 Português
Relevância na Pesquisa
101.32245%
A formação em serviço, através de um planeamento adequado, visa colmatar as necessidades de formação dos enfermeiros e promover o desenvolvimento de competências nos contextos e para os contextos de trabalho. Assim, considerámos pertinente estudar a temática: ?Como vêem os enfermeiros a formação em serviço?, tendo como questão de partida ?Como percepcionam os enfermeiros a formação em serviço??, com a finalidade de compreender a situação actual e identificar alguns factores que possam no futuro melhorar a formação em serviço, indo ao encontro das expectativas de quem nela participa. Foram delineados dois grandes objectivos: analisar a percepção dos enfermeiros relativamente à formação em serviço, e analisar as relações entre as várias dimensões da percepção dos enfermeiros sobre a formação em serviço e alguns factores sociodemográficos, profissionais e relativos à formação em serviço. Foi realizado um estudo quantitativo descritivo-analítico e transversal. Os dados foram colhidos através de um questionário, constituído por uma escala de ?Opinião dos Enfermeiros sobre a formação em serviço? de Ferreira (2004). Este foi aplicado durante os meses de Abril, Maio e Junho de 2010, a uma amostra constituída por Enfermeiros que exercem funções nos serviços de Medicina...

Da escola para o exercício : atitudes éticas dos estudantes de enfermagem e dos enfermeiros no cuidar do doente em fase paliativa

Cotrim, Hortense Maria Tavares Simões, 1961-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
60.024897%
Tese de mestrado, Bioética, Faculdade de Medicina, Universidade de Lisboa, 2011; Prestar cuidados aos doentes em fase terminal acarreta ao enfermeiro a mobilização de um conjunto de habilidades e conhecimentos, necessários para uma efectiva ajuda ao doente em fim de vida e seus familiares. No entanto, este necessita ainda de desenvolver e aplicar determinadas atitudes, que, do ponto de vista ético, irão contribuir para uma morte mais humana e, por conseguinte, mais digna. Neste sentido, efectuámos este estudo, através do qual se pretendeu avaliar as competências éticas dos estudantes de enfermagem e dos enfermeiros, que prestam cuidados a doentes em fase paliativa. Tivemos também como objectivo avaliar as atitudes éticas dos estudantes, como forma de verificar se a formação ministrada em sala de aula era adequada. De acordo com estes objectivos, a amostra do estudo foi constituida pelos estudantes de enfermagem, do 4º ano da Licenciatura em Enfermagem, da Escola Superior de Saúde Egas Moniz, no ano lectivo 2009/2010, num total de 54 estudantes; e pelos enfermeiros dos Hospitais Garcia de Orta, serviço de Medicina I e II e Nossa Senhora do Rosário, serviço de Medicina e Unidade de Cuidados Intensivos, que se disponibilizaram a responder ao questionário...