Página 1 dos resultados de 773 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Mobilidade Urbana Sustentável - A Experiência da Província de Bolonha (Itália)

Neves, André Ribeiro
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
66.83%
Atualmente, as cidades apresentam um conjunto de características que as tornam insustentáveis na sua forma física, bem como na qualidade de vida que oferecem aos seus habitantes. Este fato deve-se a um crescimento desproporcional das cidades que provocou um crescimento das necessidades de mobilidade de uma forma exponencial e de maneira desequilibrada, o que levou a uma alteração dos seus padrões durante as últimas décadas, especialmente nas áreas urbanas, em consequência do desenvolvimento económico e social. Estas mudanças vieram exigir novas formas de planeamento das áreas urbanas e da mobilidade urbana. Surge então a necessidade de abordar o conceito de mobilidade numa nova perspetiva, em que se devem estabelecer abordagens estruturais inovadoras que privilegiem sistemas integrados entre os diversos meios de transporte, permitindo a deslocação contínua de pessoas, bens e serviços, com menor impacto ambiental, económico e social, ou seja, a Mobilidade Urbana Sustentável. Assim, a Mobilidade Urbana Sustentável surge como um novo desafio às políticas ambientais e urbanas e como solução aos problemas existentes nas cidades relativamente à mobilidade e à sua sustentabilidade. Dentro deste contexto de mudança e de adaptação a novas realidade e a novos modos de pensar e executar a mobilidade dentro das áreas urbanas...

Um sistema de suporte à decisão na internet para o planejamento da mobilidade urbana; A web-based decision support system for urban mobility planning

Magagnin, Renata Cardoso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2008 Português
Relevância na Pesquisa
66.85%
Alguns dos problemas enfrentados pelas cidades que ainda sofrem com um crescimento rápido são, não raro, conseqüência da falta de políticas públicas que possam orientar o crescimento espacial de forma sustentável e com qualidade de vida. Há uma clara necessidade de instrumentos efetivos de controle e monitoramento da mobilidade urbana, bem como de políticas mais sustentáveis destinadas a orientar o crescimento e ordenamento espacial. Neste contexto, a elaboração de um sistema de suporte à decisão através de uma interface on-line pode proporcionar novas perspectivas para um planejamento da mobilidade mais participativo e sustentável. Assim, um dos objetivos desta pesquisa foi desenvolver uma ferramenta computacional destinada a promover um processo integrado e sustentável para elaboração e monitoramento de planos diretores de mobilidade urbana. A proposta focou no processo de tomada de decisão participativo envolvendo múltiplos segmentos da sociedade, sobretudo em cidades pequenas e médias. Outro objetivo foi verificar se, através da utilização do sistema proposto, os avaliadores (especialistas ou não-especialistas), modificariam significativamente seu nível de percepção com relação à mobilidade urbana. Para atingir a estes objetivos...

Um índice de mobilidade urbana sustentável; An index of sustainable urban mobility

Costa, Marcela da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/10/2008 Português
Relevância na Pesquisa
66.88%
Esta pesquisa tem como objetivos: identificar os conceitos que estruturam o referencial de mobilidade urbana sustentável, desenvolver uma ferramenta para diagnóstico e monitoração da mobilidade urbana e realizar a sua avaliação a partir de uma aplicação em uma cidade de médio porte. O processo de construção do referencial de mobilidade urbana sustentável, feito a partir de workshops realizados em onze cidades brasileiras através da metodologia multicritério de apoio à decisão construtivista (MCDA-C), revelou questões-chave que devem ser consideradas para a implementação do conceito. Ao mesmo tempo, forneceu as bases para a construção da ferramenta denominada de índice de mobilidade urbana sustentável - IMUS. O índice é constituído de uma hierarquia de critérios que agrega nove domínios, trinta e sete temas e oitenta e sete indicadores. Seu sistema de pesos permite identificar a importância relativa de cada critério de forma global e para cada dimensão da sustentabilidade (social, econômica e ambiental). Seu método de agregação permite a compensação entre critérios bons e ruins. O índice apresenta ainda escalas de avaliação para cada indicador, permitindo verificar o desempenho em relação a metas pré-estabelecidas e realizar análises comparativas entre diferentes regiões geográficas. A aplicação do IMUS para a cidade de São Carlos...

Análise do processo de planejamento dos transportes como contribuição para a mobilidade urbana sustentável; Analysis of the transportation planning process as a contribution to a sustainable urban mobility

Azevedo Filho, Mário Angelo Nunes de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
66.78%
Esta pesquisa tratou de uma avaliação do processo de planejamento de transportes urbanos e suas implicações para o funcionamento das cidades. Foi feita inicialmente uma revisão dos métodos mais consagrados de planejamento, aqui chamados de tradicionais, contrastando- os com abordagens alternativas que visam a mobilidade urbana sustentável. Alguns planos de transportes e de mobilidade, principalmente referentes a casos brasileiros, foram analisados e, a partir daí, foi selecionada para estudo de caso a Região Metropolitana de Belém - RMB. Para esta região foram desenvolvidos nove estudos de transportes no período de 1978 a 2010. Nas propostas destes estudos percebe - se, de maneira geral, um viés de favorecimento dos modos motorizados de transportes. Mesmo com o grande número de estudos, no entanto, a mobilidade urbana em Belém não chegou a ser considerada como boa durante a investigação. Isso foi verificado com o cálculo do Índice de Mobilidade Urbana Sustentável para diferentes cenários, centrados nos anos de 1980, 1991, 2001 e 2011. Outro experimento envolveu a avaliação dos possíveis impactos das medidas propostas nos estudos caso fossem implantadas. Os estudos melhor avaliados foram os Planos Diretores de Transportes Urbanos concluídos em 1991 e 2001. Embora a preocupação com os impactos ambientais causados pelo sistema de transportes esteja presente em todos os estudos...

Mobilidade urbana e padrões sustentáveis de geração de viagem: um estudo comparativo de cidades brasileiras; Urban mobility and sustainable trip generation patterns: a comparative study of Brazilian cities

Oliveira, Gláucia Maia de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/07/2014 Português
Relevância na Pesquisa
66.89%
O objetivo geral deste estudo é identificar desafios e perspectivas para avaliação e melhoria da mobilidade urbana através de padrões sustentáveis de geração de viagens. A investigação se baseia na aplicação de procedimentos específicos, que têm início com o cálculo do Índice de Mobilidade Urbana Sustentável (IMUS), em seis cidades brasileiras selecionadas: Belém, Curitiba, Goiânia, Juazeiro do Norte, Uberlândia e Itajubá. Além de permitir comparações entre as cidades, a aplicação do índice em vários locais serve também para identificar as mudanças que poderiam ser implementadas em sua estrutura para torná-lo mais flexível na utilização em distintos contextos. O estudo também se concentra em estratégias de planejamento para a melhoria da mobilidade urbana sustentável, com duas abordagens. Na primeira, uma avaliação simultânea de custo, prazo e risco político é levada em conta. Na segunda abordagem, um cenário hipotético é utilizado para avaliar os impactos de padrões sustentáveis de geração de viagem sobre a mobilidade urbana. Os resultados do índice indicaram que Curitiba, Uberlândia e Goiânia tiveram um desempenho melhor do que Itajubá...

Mobilidade urbana e cidadania no Distrito Federal : um estudo do programa Brasília integrada

Carvalho, Diego Lourenço
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
66.76%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, 2008.; Esta dissertação tem como tema a relação entre a mobilidade urbana e a cidadania no Distrito Federal, com enfoque nas atuais condições de deslocamento da população e nas perspectivas trazidas pelo Programa Brasília Integrada. O objetivo é, a partir de um olhar sociológico, analisar o trânsito da cidade, considerando a acepção mais completa do termo, que envolve todas as formas de locomoção. Para isso, realizou-se uma revisão bibliográfica em que se buscou nos textos clássicos de sociologia urbana e em obras mais recentes a fundamentação teórica da importância da mobilidade para a existência e o desenvolvimento das cidades e do modo de vida urbano. Na descrição e análise da mobilidade urbana do Distrito Federal, chega-se à conclusão de que, devido à prioridade ter sido até hoje o deslocamento por automóveis particulares, a situação é crítica para todos os atores do trânsito (motoristas, pedestres, ciclistas e usuários de transporte público) e tende a piorar, chegando ao colapso caso não sejam adotadas medidas urgentes para reverter essa tendência. As formas como a cidade foi planejada e como o poder público conduziu sua política de mobilidade urbana consolidaram uma “cultura do automóvel” e um ciclo vicioso de aumento do número de carros seguido de maiores investimentos na estrutura viária...

Avaliação da mobilidade urbana na area metropolitana de Brasília

Pontes, Taís Furtado
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
66.82%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, 2010.; A proliferação das grandes cidades no Brasil veio acompanhada por profundas mudanças nos padrões de uso e ocupação do solo da sociedade, tornando-se um desafio ao planejamento urbano, frente às novas demandas de consumo, infraestrutura e mobilidade. Em meados do século passado, a evolução do modelo de produção fordista apoiada em uma política nacional desenvolvimentista, se refletiu em investimentos maciços na rede viária, necessária ao crescimento da indústria automobilística, e na transformação da paisagem urbana. A cidade, enquanto suporte territorial de deslocamentos diários, passa a se subordinar aos modos de transporte motorizados, os quais possibilitam o avanço da mancha urbana sobre a zona rural. Atividades de produção e consumo condicionam o exercício da mobilidade urbana diária de milhões de pessoas e grande parcela desse contingente tem suas possibilidades de deslocamento condicionadas ao sistema de transporte coletivo, aspectos físicos da cidade, renda e distribuição das atividades no espaço. Planos urbanos e planos de transporte desarticulados resultam em prejuízos econômicos e ambientais...

Fundamentos para a construção de um índice para gestão estratégica da mobilidade urbana sustentável - igemus

Seabra, Luciany Oliveira
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
66.84%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, Faculdade de Tecnologia, 2013.; Este trabalho apresenta os fundamentos para a construção de um índice para a gestão estratégica da mobilidade urbana sustentável. È a primeira etapa de definição de indicadores sintéticos, e consiste no subsídio conceitual para a construção do Índice para gestão estratégica da mobilidade urbana sustentável. O desenvolvimento deste trabalho está baseado em três pressupostos: i) a mobilidade urbana sustentável baseia-se na eficácia do sistema de transportes com reflexos positivos na dimensão ambiental, social e econômica; ii) para a sustentabilidade acontecer, os objetivos devem ser compatibilizados entre as dimensões: ambiental, social, econômica e institucional; e, iii) uma forma possível de compatibilizar as dimensões da sustentabilidade é através de uma boa gestão ou governabilidade, que admite como fortalecimento institucional um elemento articulador na dimensão institucional. Para o controle e monitoramento do desempenho da gestão é indicado o uso de indicadores sintéticos. No tocante à sustentabilidade, tem sido uma exigência no âmbito da gestão a utilização de indicadores para avaliar em que medida os princípios da sustentabilidade são aplicados. A multidimensionalidade e a ausência de um elemento articulador entre as dimensões indicam a necessidade de um instrumento de apoio aos decisores na tomada de decisão. Este trabalho apresenta uma iniciativa pioneira de integrar aspectos teóricos e práticos da gestão estratégica da mobilidade urbana sistematizando as diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana do governo federal...

Análise da dependência espacial da mobilidade urbana do idoso : aplicação aos dados da pesquisa domiciliar de 2007 da região metropolitana de São Paulo

Barbosa, Rosana Rodrigues
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
66.78%
Sabe-se. na prática, que a maior ou menor restrição à mobilidade urbana vincula-se às condições da configuração espacial da cidade, à disposição das redes de transporte, às tecnologias dos meios disponíveis e à organização de rotas de transporte público. Tais parâmetros trazem consigo a necessidade de considerar a espacialidade na análise da mobilidade urbana, além dos fatores comportamentais já conhecidos na literatura. Com o aumento da população idosa nas grandes cidades brasileiras, a mobilidade urbana tem se tomado um tema crucial no desenvolvimento urbano, pois além de afetar a qualidade de vida dos moradores, a falta da mobilidade leva ao aumento da exclusão social. Desta forma, o objetivo da pesquisa foi desenvolver uma metodologia que caracterize a dependência espacial dos padrões de mobilidade urbana do idoso. O método utilizado é a identificação de clusters espaciais por meio do índice e mapas de Moran e ainda, a análise confirmatória através da regressão geograficamente ponderada, de modo a explicar a formação de padrões e sua relação com a localização geográfica. Os dados para as análises foram indicadores socioeconômicos (proporção de idosos, renda) e indicadores de viagem (frequência de viagens diárias...

Mobilidade Urbana Sustentável - O Campus da UTAD

Silva, Sílvia Carina Alves da
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
66.76%
Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil; A Mobilidade Urbana constitui um dos temas abundantemente evidenciados na sociedade actual, constituindo um factor importante e com forte impacto no desenvolvimento sustentável de dada região. A fim de se conseguir uma mobilidade urbana sustentável satisfatória torna-se imprescindível que se reduza a mobilidade forçada e o uso desnecessário de veículos privados motorizados. Um campus universitário torna-se um foco importante dentro de uma região ao conduzir a inúmeras deslocações tanto no seu interior como ao seu redor tornando-se num Pólo Gerador de Viagens, e daí a necessidade de pensar soluções e criar estratégias para tornar estas deslocações mais equilibradas em termos sociais, económicos e ambientais. No estudo que se apresenta pretende-se abordar o tema da Mobilidade Urbana Sustentável, particularizando-se este conceito para o caso dos pólos geradores de viagens. Para tal, desenvolveu-se uma metodologia de recolha de dados simples através de inquéritos de mobilidade junto da comunidade académica, o que permitiu determinar o estado actual da mobilidade praticada no Campus da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro – UTAD. Através dos resultados adquiridos pretende-se ainda identificar os principais problemas de mobilidade originados pelo tráfego com origem e destino no Campus Universitário...

A influência da forma urbana e da legislação urbanística na mobilidade urbana: o caso do Plano Diretor de Olinda

Denise Leite Moury Fernandes, Karla; Leonor Alves Maia, Maria (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
Português
Relevância na Pesquisa
66.78%
Esta dissertação baseia-se no argumento que a ausência de investigação das variáveis da forma urbana que influenciam nos deslocamentos contribui para a pouca integração das políticas de uso do solo e transporte e conseqüentemente para a melhoria da acessibilidade e mobilidade. O tema se justifica pela necessidade de integrar políticas de uso do solo e transporte no momento de se definir Planos diretores e índices urbanísticos, visando promover uma melhor acessibilidade e mobilidade urbana.Seus objetivos principais são analisar a relação entre transporte e forma urbana e identificar variáveis que tem potencialidade para afetar a mobilidade e acessibilidade e como elas devem ser consideradas, na formulação das leis de uso e ocupação do solo e do Plano Direto. Também pretende oferecer referências que poderiam ajudar a decisão de planejamento urbana que faz processo que busca uma mobilidade sustentável. O referencial teórico insere-se nas recentes abordagens do planejamento urbano e de transporte que estudam a relação forma urbana e deslocamentos. O estudo empírico foi desenvolvido no Município de Olinda, em dois bairros com formas urbanas e diretrizes de ordenamento territorial distintas, definidas no Plano Diretor do Município. A metodologia tem uma abordagem quantitativa e qualitativa. Para a abordagem quantitativa foi aplicado o Método probabilístico de amostragem...

Sistema de bicicletas públicas: uma alternativa para promoção da mobilidade urbana sustentável no município de Recife

Melo, Mirella Falcão Santos de; Maia, Maria Leonor Alves (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
66.76%
A cidade é um espaço de contradições políticas, econômicas e sociais, local de trocas, com transformações constantes na tentativa de atender aos interesses cotidianos dos diferentes dos modos de transportes. Como nos últimos anos os grandes centros urbanos vêm apresentando problemas na circulação cotidiana das pessoas, esta dissertação estudou os Sistemas de Bicicletas Públicas (SBP), cujo objetivo foi identificar se o sistema constitui uma alternativa viável na melhoria da mobilidade urbana no Recife, uma vez que está presente em diversas cidades do mundo. Para tal, foram identificados critérios e condicionantes para sua implantação a partir de experiências em outras cidades, tais como localização, número de estações, integração com demais modos de transporte e logística de operação e manutenção; identificadas as diretrizes que norteiam o desenvolvimento de um SBP desde seu planejamento até a sua implantação; e apontadas vantagens e desvantagens no uso do sistema, bem como seu papel na política de mobilidade urbana sustentável. O SBP consiste no aluguel ou empréstimo gratuito de bicicletas nos núcleos urbanos, incentivados geralmente pela administração pública, cujo objetivo é prestar um serviço de mobilidade prático...

Mobilidade urbana sustentável em projetos estruturantes: analise urbanística e ambiental do corredor de transporte da Avenida Bernardo Vieira Natal/RN

Mello, Erick de Santana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo; Conforto no Ambiente Construído; Forma Urbana e Habitação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo; Conforto no Ambiente Construído; Forma Urbana e Habitação
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
76.69%
The search for a sustainable urban mobility, has recast the public policy of transport and movement for all, in order to contribute to the welfare economic, social and environmental. Within this context, has as its main objective review here in the city of Natal in the state of Rio Grande Norte, the deployment of the new road infrastructure of the transport corridor of Bernardo Vieira Avenue and checking at least with regard to urban areas and environmental chosen here, as will indicators to assess sustainable urban mobility, that the theory has been well constructed, but in practice little way to apply the proposed guidelines for sustainability. To achieve this result, is initially a literature review with the principal investigators of the matter, since the concepts of indicators of sustainable urban mobility. And a second time, participating in to the case study, using the methodology of environmental awareness, through analysis photographs, notes and testimony in the study area ace to reach conclusions; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; A busca por uma mobilidade urbana sustentável, tem reformulado as políticas públicas de transporte e de circulação para todos, de modo a contribuir para o bem estar econômico...

Espaços de pobreza e mobilidade urbana: os deslocamentos da população de baixa renda em Natal/RN

Morais, Tamms Maria da Conceição
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo; Conforto no Ambiente Construído; Forma Urbana e Habitação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo; Conforto no Ambiente Construído; Forma Urbana e Habitação
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
76.7%
This dissertation is an attempt to understand how families with an income of up to three minimum wages and living in different Areas of Demographic Expansion (AEDs) of Natal municipality specifically in the districts of Igapó and Salinas (North Administrative Zone of the city), Ponta Negra (South Administrative Zone), Santos Reis, Praia do Meio, Areia Preta and Mãe Luíza (East Administrative Zone) and Felipe Camarão (West Administrative Zone) solve their problems of urban mobility. It is, therefore, a reflection upon the mobility needs of poor urban households as expressed in terms of origin-destiny displacements for specific movements (house-work, house-school, house-shopping, house-healthcare and house-leisure), all of which being analyzed within the relationship between public transportation and poverty spaces of the city. In order to develop the study, theoretical aspects and themes related to the production of the urban space, to social and spatial segregation, to urban mobility and to transportation were confronted with the collected data referring to the urban population previously selected. One of the research main findings is the crucial role mobility plays in the social differentiation of such people living in Natal and that any policy for the improvement of their living conditions must take mobility issues into account; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; Esta dissertação constitui uma tentativa de compreender como famílias de até três salários mínimos...

Análise da mobilidade urbana de Natal/RN a partir do uso de indicadores de sustentabilidade; Analysis of urban mobility of Natal/RN from use of sustainability indicators

Costa, Luzimar Pereira da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa Regional de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente PRODEMA; Meio Ambiente, Cultura e Desenvolvimento Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa Regional de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente PRODEMA; Meio Ambiente, Cultura e Desenvolvimento
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
66.85%
In contemporary times, the urban mobility is presented as one of the main challenges of large and medium-sized Brazilian cities , it presents signs of unsustainability , above all due to the increase in motorized transport system , especially the individual . Thus , it is clear that mobility is considered of special interest for sustainable urban development , is facing a crisis that is reflected in negative externalities , particularly with regard to congestion , accidents , air pollution , social exclusion , among others. The complexity of these problems requires an integrated analysis based on the principles of sustainability . In this sense , trying to understand this problem and in the attempt to minimize its impacts, Costa (2008 ) proposed the Index of Sustainable Urban Mobility (I_SUM) with the goal of providing a methodology capable to assess relevant aspects of mobility , including social dimensions , political, economic and environmental . Given the above, was elected as the main objective of this study is to analyze urban mobility in Natal / RN from the perspective of sustainability . Like specific objectives will seek to analyze Natal´s urban mobility, using the I_SUM like a tool for both the city as a whole and for each of its four administrative regions; evaluate Natal s urban accessibility conditions and verify to what extent the access to urban services and equipment is facilitated or hindered because of the location and incomes of the population . For this...

Mobilidade urbana sustentável e a sua viabilidade nas cidades médias: estudo de referência de Araguari/MG

Freitas, Matteus de Paula
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
66.84%
A pesquisa aqui apresentada trata de uma das questões mais relevantes advinda do processo de urbanização, a mobilidade urbana. As cidades contemporâneas preocupam do ponto de vista da qualidade de vida ao apresentarem infraestruturas e condições de deslocamento insuficientes e desfavoráveis no que se refere à circulação e acessibilidade, bases estruturais do conceito de mobilidade urbana. Nesta perspectiva, definiu-se como escopo central da pesquisa a caracterização da mobilidade dos agentes do trânsito em Araguari/MG, cidade média localizada no Triângulo Mineiro. Objetivos complementares foram: a investigação do processo de urbanização brasileiro, a compreensão das formas de organização e ordenamento das urbanidades em algumas tentativas de planejamento urbano identificadas e a verificação da atual composição do quadro urbano brasileiro, com ênfase maior na análise das cidades médias. Necessário se fez avaliar a sustentação legal proporcionada pela atual legislação pertinente ao sistema de transporte urbano da cidade de Araguari/MG. Para o alcance dos objetivos propostos adotou-se por principais procedimentos metodológicos a leitura de bibliografia que discute sobre as temáticas essenciais abordadas...

Indicadores de mobilidade urbana sustentável para a cidade de Uberlândia, MG; Indicators of sustainable urban mobility for the city of Uberlândia, MG

Assunção, Miriellen Augusta da
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
66.89%
À medida que se ampliam os problemas ambientais, econômicos e sociais responsáveis pelo declínio da qualidade de vida nas cidades evidencia-se a necessidade de implantação de princípios e diretrizes de sustentabilidade, bem como a monitoração dos elementos que caracterizam o ambiente urbano. Assim, indicadores de mobilidade tornam-se instrumentos fundamentais para promover o conhecimento e a informação necessários para a compreensão dos problemas e particularidades presentes nos centros urbanos. O principal objetivo desta pesquisa foi identificar indicadores de mobilidade urbana para a cidade de Uberlândia, MG, onde foi utilizado o Índice de Mobilidade Urbana Sustentável – IMUS, ferramenta de análise da mobilidade urbana sustentável. Os objetivos específicos visaram conceituar desenvolvimento sustentável, compreender a mobilidade urbana, identificar a mobilidade urbana sustentável e a acessibilidade, definir indicadores de mobilidade sustentável, calcular o IMUS para cidade de Uberlândia e avaliar os resultados encontrados. Foram calculados 80 dos 87 indicadores estabelecidos pelo Guia de indicadores do IMUS. O valor encontrado para o IMUS Global, 0,717, numa escala que varia de 0,00 a 1,00, pode indicar que a cidade tem adotado políticas públicas com ações favoráveis à mobilidade urbana. Os principais aspectos que podem indicar a preocupação com a mobilidade urbana sustentável são os Aspectos Sociais...

O Desenvolvimento e a inserção da bicicleta na política de mobilidade urbana brasileira

Xavier, Giselle Noceti Ammon
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
66.9%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas; O objetivo deste estudo interdisciplinar é situar o desenvolvimento como processo e utilizar este conhecimento para contextualizar a inserção da bicicleta na política nacional de mobilidade urbana, buscando compreender os fatores deste processo que inibem as iniciativas e estratégias dos setores e agentes dedicados a evidenciar os diversos aspectos positivos dessa inserção. Para atender ao objetivo proposto foram adotados os seguintes procedimentos metodológicos: pesquisa bibliográfica; pesquisa documental; levantamento de dados e pesquisa participante. A pesquisa bibliográfica e documental envolveu publicações técnicas e científicas, magazines, textos publicados por instituições governamentais e leis e/ou projetos de lei federais, decretos referentes à mobilidade urbana, pela pesquisa nos sítios eletrônicos de entidades nacionais e internacionais. Os atores/agentes abordados fazem parte dos setores governamental, técnico, indústria e comércio, e da sociedade civil relacionados à inserção da mobilidade por bicicleta na política nacional de mobilidade urbana...

Diagnóstico e desempenho recente dos programas federais de transporte público e mobilidade urbana; Diagnosis and recent performance of federal programs for public transport and urban mobility

Pereira, Rafael Moraes; Barros, Ana Paula; Morais, Maria da Piedade; Rego, Paulo Augusto
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Brasil em Desenvolvimento (BD) - Artigos
Português
Relevância na Pesquisa
66.87%
Este capítulo apresenta análise de dois dos principais programas desenvolvidos pelo Ministério das Cidades (MCidades) no âmbito da Política Nacional de Mobilidade Urbana Sustentável: o Programa Mobilidade Urbana e o Programa de Descentralização dos Sistemas de Transporte Ferroviário Urbano de Passageiros. Inicialmente, resgatam-se três aspectos relevantes para a compreensão da atual situação da mobilidade urbana nas médias e grandes cidades brasileiras, tais como: i) mudança de abordagem da política federal no enfrentamento da questão do transporte e da mobilidade urbana observada nas últimas três décadas; ii) avanço das leis e normas jurídicas que tratam deste tema; e iii) breve diagnóstico das condições de mobilidade neste grupo de cidades entre 2003 e 2007. Em seguida, apresenta-se análise sintética dos programas do MCidades supracitados. Esta abarca o período 2004-2008 e destaca, além de características básicas dos programas – objetivo, público alvo, tipo de ações envolvidas etc. –, a coerência com a Política Nacional de Mobilidade Urbana Sustentável e o desempenho em termos financeiros. O presente trabalho apresenta-se mais como exercício de análise da política ao longo destes últimos anos do que como avaliação de política pública propriamente dita. O estudo expõe que a trajetória da política de mobilidade foi marcada por certa instabilidade institucional...

Avaliação da Mobilidade Urbana em Itajaí

Davila, Gustavo Pereira
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: xx f.123
Português
Relevância na Pesquisa
66.8%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Campus Joinville. Engenharia de Transportes e Logística.; O crescimento econômico e populacional visto no país nos últimos anos salientou gargalos estruturais no sistema de transportes que evidenciaram a importância do planejamento da mobilidade urbana. Nessa situação encontra-se a cidade de Itajaí, em Santa Catarina, que tem seus problemas agravados pelo seu contexto econômico e geográfico: possui o segundo maior porto brasileiro em movimentação de contêineres e é cortado pela rodovia BR-101 em um dos principais corredores logísticos do país. A partir deste cenário, propõe-se neste trabalho a avaliação da mobilidade urbana na cidade de Itajaí através da aplicação da metodologia do Índice de Mobilidade Urbana Sustentável (IMUS), analisando os pontos positivos e negativos dos indicadores do índice, caracterizando o cenário da mobilidade urbana na cidade e promovendo uma comparação entre o desempenho da cidade com outras onde o índice já foi aplicado por outros autores. A estrutura desenvolvida mostrou que o IMUS é aplicável em cidades de médio porte e as dificuldades encontradas ao longo do trabalho se referem, sobretudo, à disponibilidade de dados. O resultado encontrado para Itajaí indica que a cidade ainda precisa melhorar alguns indicadores e...