Página 1 dos resultados de 49 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Neologismo semântico na massorá tiberiense; The semantic neologisms in the Tiberian Masorah

Francisco, Edson de Faria
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
27.360815%
O trabalho meticuloso de preservação e de transmissão da Bíblia Hebraica elaborado pelos massoretas, no período medieval, recebe o nome de massorá. Tal designação técnica refere-se, especificamente, ao conjunto de anotações escrito nos códices massoréticos medievais de tradição tiberiense. Tais observações são também encontradas nas modernas edições críticas da Bíblia Hebraica e em algumas publicações de Bíblias rabínicas. As observações foram elaboradas e desenvolvidas por três tradições massoréticas distintas: a babilônica, a palestina e a tiberiense. A massorá de tradição tiberiense é aquela que se tornou definitiva e a mais estudada pelo mundo acadêmico. A massorá de tradição tiberiense é composta por itens terminológicos de procedência aramaica e hebraica. Os termos massoréticos foram usados de forma específica para indicar os vários aspectos do texto da Bíblia Hebraica, como questões relacionadas a consoantes, sinais vocálicos, acentos de cantilação, palavras, expressões, grafias, além de detalhes e observações gramaticais. Esse trabalho teve como objetivo principal a preservação e a transmissão completa do corpus das Sagradas Escrituras hebraicas. Devido a tal fato...

Neologia semântica na década de 90: um estudo sobre a metáfora em um corpus jornalístico; Neologia semântica na década de 90: um estudo da metáfora em um corpus de jornal

Rosa, Leila Isabelita Pereira de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2009 Português
Relevância na Pesquisa
27.698074%
Esta Dissertação tem por objetivo estudar as metáforas geradas em um corpus jornalístico da década de 90, constituído no âmbito do Projeto Observatório de Neologismos do Português Brasileiro Contemporâneo (TermNeo). Para isso, selecionamos, dentre as unidades lexicais neológicas de cunho semântico, as formações metafóricas que compõem nosso estudo. Este visa a fazer uma análise interpretativa da metáfora vista sob o viés da lingüística cognitiva. Assim, levamos em conta, para nossa análise, que a metáfora é uma atividade cognoscitiva e está presente nos diversos discursos produzidos nas atividades humanas, bem como permeia todo o nosso cotidiano. Trata-se de uma atividade cognoscitiva cuja evidência se dá pela linguagem natural da qual nos servimos para nos comunicarmos e, também, produzirmos conhecimento. Nossa análise tem como embasamento a Teoria da Integração Conceptual proposta por Fauconnier em seus postulados que datam de 1997 e que está sendo ampliada e aprimorada em parceria com Turner e seus colaboradores. Para o autor, a metáfora constitui um fenômeno conceptual, bem como um instrumento de projeção mental. Esta teoria baseia-se na Teoria dos Espaços Mentais de autoria de Fauconnier que objetiva explicar como é que falantes e ouvintes registram correspondências conceptuais e...

Terminologia da Astronomia: estudo da neologia e da variação; Terminology of Astronomy: a study on neology and variation

Jesus, Ana Maria Ribeiro de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/03/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.698074%
O presente trabalho, inserido no âmbito da disciplina terminológica, tem como principal objetivo a observação de dois fenômenos linguísticos no domínio da Astronomia: a neologia e a variação terminológica. Para tanto, o corpus da pesquisa é constituído por textos de diferentes graus de especialização: obras de Astronomia geral, obras de divulgação científica, teses e dissertações recém-defendidas na área. O termo neológico é tratado sob um enfoque social, assumindo-se a dinamicidade inerente às línguas de especialidade, particularmente às áreas científicas que mais dependem dos avanços tecnológicos, tal como a Astronomia. Ao mesmo tempo, observou-se que a variação terminológica é notável em todos os níveis do corpus de análise e que mesmo os termos neológicos surgem, muitas vezes, ao lado de variantes. Para determinar o caráter da neologicidade dos termos, baseou-se nos critérios tradicionalmente seguidos na pesquisa neológica, como o corpus de exclusão, e em outros critérios propostos, como as marcas metalinguísticas. Em um viés paralelo, levantou-se, a partir do corpus de Astronomia geral, uma árvore do domínio trilíngue, estabelecendo-se as equivalências, em português, inglês e francês...

A expressividade das criações lexicais em Galáxias, de Haroldo de Campos; The expressiveness of lexical creations in Galáxias, by Haroldo de Campos

Ignez, Alessandra Ferreira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
17.698074%
A criação de palavras resulta, normalmente, da necessidade de se denominar novos conceitos, objetos. Verifica-se que o falante, conhecendo o funcionamento de sua língua, produz novas unidades lexicais com a finalidade de suprir sua necessidade de denominação, fazendo uso, desse modo, da chamada neologia denominativa. Entretanto, Guilbert assevera que, quando um neologismo emerge do desejo de o falante expressar de maneira diferente uma ideia já conhecida, revelando um modo particular de ver o mundo, é feito por ele o uso da neologia estilística ou literária. São esses os dois tipos de neologia apontados pelo autor. A diferença entre eles pode ser assim explicada: no primeiro caso, explora-se o caráter comunicativo do neologismo e, no segundo, seu potencial expressivo. Assinala-se, contudo, que os processos de criação são os mesmos nos dois casos, mas as intenções que levam à produção de uma nova palavra são distintas. No discurso literário, existem autores criadores que lançam mão do uso de neologismos estilísticos, a fim de dar expressividade para seus textos. Pensando em fazer um trabalho voltado para criações lexicais literárias, decidimos realizar uma pesquisa sobre as criações lexicais em Galáxias...

Processos de terminologização: descrição e análise da neologia da área de educação do campo; Processes terminologization: description and analysis of Field Education Neology

Demai, Fernanda Mello
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
37.698074%
Nossa tese apresenta a aplicação de um modelo de análise conceitual e de descrição terminológica da área de Educação do Campo, com foco nos processos de neologia, sob uma abordagem lexicológico-terminológica. Educação do Campo é a expressão atribuída aos conceitos referentes ao ensino, à aprendizagem e à educação nas regiões rurais, notadamente as figurativizadas por movimentos sociais com objetivos libertários em relação à política e à cultura dominantes. Esses conceitos abrangem os princípios, a metodologia e os fins e ideais da Educação, bem como a organização da estrutura de ensino e seus atores sociais. Logo, estão profundamente marcados por uma ideologia e por uma contraideologia. Os termos refletem esses aspectos ideológicos. Nosso corpus de análise é de aproximadamente 700 termos. Além deste corpus, foram constituídos, para a pesquisa, outros cinco, que classificamos nos tipos: documental, referencial, de exclusão geral, de exclusão específico e parâmetro. O levantamento, a análise, a sistematização e a apresentação dos termos seguiram modelos da Lexicologia e da Terminologia (Teoria Comunicativa da Terminologia, Socioterminologia, Teoria Sociocognitiva da Terminologia, Sociossemiótica...

Neologismos na terminologia da cultura da soja: análise morfolexical; Neologisms in the terminology of soybean cultivation: morfolexical analysis

Carvalho, Márcia Regina Pavoni de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2015 Português
Relevância na Pesquisa
27.905618%
Este estudo privilegiou a neologia relacionada aos termos encontrados em discursos especializados sobre a cultura da soja no Brasil, tomando-se, como objetivo geral, a descrição, organização e sistematização dos termos neológicos desta área de especialidade, considerados em uma sincronia estabelecida entre os anos de 2004 e 2011, com base em corpus documental. Foram observadas teorias linguísticas capazes de dar conta dos fenômenos que permeiam a análise, sobretudo relativas à morfologia e à semântica, às quais se somaram os estudos da Terminologia e da Neologia, indispensáveis à compreensão, uma do campo de conhecimento terminológico e outra, principalmente acerca dos processos de formação de neologismos na língua. A Teoria Comunicativa da Terminologia é a perspectiva teórica que norteou este trabalho, considerando o intuito de descrever o funcionamento in vivo dos termos neológicos. Os estudos teóricos se pautaram em diversos autores, consoante suas disciplinas de estudo: 1) Terminologia: Wüster (1996, 1998), Cabré (1993, 1999, 2006), Sager (1990), Fedor de Diego (1995), Alves (1998, 1999), Aubert (2001), Krieger (2000, 2001), Biderman (2001), Barros (2004), Remenche (2010); 2) Neologia: Guilbert (1972...

Neologismos lacanianos e equivalências tradutórias

Reuillard, Patrícia Chittoni Ramos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
17.905618%
O psicanalista francês Jacques Lacan desenvolveu, a partir de uma releitura de Freud, um aparato conceitual inovador e denso, em que se sobressaem uma sintaxe incomum e a abundante criação de neologismos. Essa produtividade neológica terá conseqüências sobre a tradução de sua obra, levantando problemas de difícil solução. Em que pese a receptividade ao lacanismo na América Latina e sua importância, há, ainda hoje, enorme carência de reflexões teóricas sobre a neologia lacaniana e de material terminográfico que responda às necessidades dos profissionais que se confrontam com essa obra, sobretudo os psicanalistas e os tradutores. O objetivo deste trabalho é, portanto, estudar a constituição dos neologismos lacanianos em língua francesa, com vistas a propor critérios para sua tradução para a língua portuguesa. Fundamenta-se nos estudos relativos à neologia (ALVES, 1994; BOULANGER, 1979), às modalidades tradutórias (AUBERT, 1998) e à neologia tradutória (HERMANS; VANSTEELANDT, 1999) Busca igualmente subsídios teóricos nos estudos voltados à psicanálise lacaniana (ALLOUCH, 1984; ARRIVÉ, 1999). O corpus de trabalho é formado pelos 25 Seminários de Jacques Lacan, dos quais coletamos 300 neologismos. Com o aplicativo WordSmith Tools extraíram-se os contextos de cada neologismo...

Grande sertão: veredas: alguns neologismos semânticos

Leonel, Maria Célia de Moraes
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
28.04621%
A criação neológica estilística enfeixa a criatividade lexical e a neologia semântica. A neologia de sentido consiste no emprego de um significante já existente na língua c om um conteúdo que ele não possuía, ou porque o conteúdo é novo ou porque, até aquele momento, era expresso por outro significante. No texto literário, uma criação resultante desse tipo de procedimento tende a não se repetir. É o que chamamos de neologia semântica estilística. Nessa operação, a estrutura da frase tem função básica, pois, no mínimo, é necessário um sintagma para que surja novo sentido. A partir de algumas relações sintagmáticas, estudamos certos modos de manifestação da neologia semântica em Grande sertão: veredas.

Tradução de neologismos no domínio das ciências do luto: a definição

Santos, Alexandra da Bela Marta dos
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
27.360815%
Este trabalho tem como objectivo estudar o tema das Ciências do Luto, ou, mais propriamente, o seu vocabulário, de maneira a poder ajudar os profissionais e outros interessados que estudam ou dão formação nesta temática. A maneira encontrada para este efeito foi estudar alguns textos na língua inglesa relacionados com o tema e extrair alguns termos que não existissem na língua portuguesa. De seguida, ver e perceber os seus significados e depois, a partir de neologismos patentes nos textos estudados, criar termos equivalentes em português e verificar qual a recetividade dos especialistas, ao nível nacional, perante os termos propostos. Para realizar este trabalho foi necessário explorar as áreas de terminologia, neologia e ciências do luto. Desta forma foi necessário pesquisar sobre estas áreas para que nenhuma informação dada neste documento estivesse incorreta. Isto implicou uma pesquisa aprofundada em relação às Ciências do Luto, para apurar o conhecimento sobre esta ciência, as suas fases e os seus processos, para que os neologismos propostos consubstanciem os conceitos. Todos estes processos, pesquisas e exemplos serão explicados detalhadamente ao longo deste trabalho, assim como as conclusões retiradas ao longo da realização deste projeto.; This project aims to study Bereavement Sciences...

Neologia de imprensa do português

Antunes, Mafalda, 1977-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
28.332915%
Tese de doutoramento, Linguística (Linguística Portuguesa), Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2012; Esta tese tem como objeto de estudo a neologia do português, tendo por base a recolha e classificação de 9164 neologismos, presentes, em textos de imprensa escrita portuguesa entre 2004 e 2001, detetados no Observatório de neologia do Português (ONP). Com este trabalho visa-se obter uma representação mais clara e objetiva da variação diacrónica recente ao nível lexical, contribuindo para uma caracterização mais completa do português contemporâneo. Além da Introdução, da Conclusão, da Bibliografia e do Anexo, esta tese apresenta quatro capítulos. O capítulo 1, Neologia e neologismos: conceitos, tipologias e critérios, explora os conceitos de neologia e neologismos, através da apresentação do trabalho dos autores que contribuíram de forma mais significativa para a sua definição e desenvolvimento. São ainda apresentadas diferentes abordagens da classificação de neologismos e descritos critérios de deteção. O capítulo 2, Metodologia do trabalho em neologia, descreve projetos em neologia e etapas do trabalho neológico, tendo em conta as características da deteção manual e semiautomática...

Sobre los denominados sustantivos deverbales de acción

Díaz Hormigo, María Tadea
Fonte: Universidad Carlos III de Madrid. Grupo de Investigación "Lorenzo Hervás" Publicador: Universidad Carlos III de Madrid. Grupo de Investigación "Lorenzo Hervás"
Tipo: Trabalho em Andamento Formato: application/pdf
Publicado em /06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
27.360815%
En este estudio, analizamos un corpus de expresiones con sustantivos deverbales formados con los sufijos -cion (y -sion), -dura, -miento, -on y -zon no documentados en el Diccionario de la lengua espanola de la Real Academia (2003, 22a ed.), por tanto, con sustantivos deverbales neologicos. Las expresiones que conforman nuestro corpus han sido extraidas del Banco de datos del Observatori de Neologia (BOBNEO) de la Universitat Pompeu Fabra y del Corpus de referencia del espanol actual (CREA), de la Real Academia Espanola. De cada uno de los sustantivos documentados, hemos examinado exhaustivamente los contextos del espanol europeo y del espanol americano en los que aparecen, para determinar las caracteristicas de tales sustantivos deverbales, fundamentalmente, las de indole morfologica derivativa y semantica. Nos ha guiado para ello nuestra pretension de contrastar estas caracteristicas con las resenadas en las fuentes bibliograficas revisadas, que han sido, fundamentalmente, dos estudios representativos del profesor Monge sobre los sustantivos de accion en espanol (cf. Monge 1970 y 1977), la Nueva gramatica de la lengua espanola (GRAE) de la Real Academia Espanola y la Asociacion de Academias de la Lengua Espanola (2009) y el Diccionario de la lengua espanola (DRAE) de la Real Academia (2003...

Mudança linguística em português: aspectos sociolinguísticos da neologia

Fernandes, Joana Castro
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
27.360815%
Neste estudo, proponho-me reflectir sobre o conceito de neologismo, com vista a analisar o contributo deste fenómeno para a mudança linguística do português. Discutirei a relevância de alguns dos critérios propostos por Cabré (1993) e pela Rede Panlatina de Terminologia para a identificação do fenómeno neológico, sustentandome na observação de dados linguísticos relacionados com o domínio da aprendizagem electrónica. É meu propósito ponderar as motivações sociolinguísticas da neologia e analisar possíveis implicações deste processo de criação lexical no tecido linguístico português contemporâneo e no contexto educativo do ensino superior.

Terminología científica y traducción: la neología inducida (I)

Díaz Rojo, José Antonio
Fonte: Instituto Cervantes Publicador: Instituto Cervantes
Tipo: Artículo Formato: 20046 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
28.284612%
Este artículo consta de II partes. Pertenece a la sección diaria del CVC (Centro Virtual Cervantes).; La neología es la creación de palabras y términos nuevos, llamados neologismos. En la terminología científica, existen dos tipos de neología: primaria y secundaria. La neología primaria es la creación de un término para designar un nuevo concepto fruto de la innovación científica y técnica dentro de una misma lengua. La neología secundaria es la creación de un nuevo término en una lengua con la existencia de un precedente lingüístico al que el neologismo pretende sustituir o traducir. Cuando el término neológico pretende reemplazar a una palabra anterior estamos ante la neología secundaria monolingüe o intralingüística. Si el neologismo es fruto de transferir los conocimientos surgidos en otra lengua por medio de la traducción de un término nos encontramos ante la neología secundaria bilingüe o interlingüística —llamada en francés neologie traductive por Andrien Hermans—, que puede denominarse también neología inducida, pues está creada a partir de otro término.; Peer reviewed

Terminología científica y traducción: la neología inducida (II)

Díaz Rojo, José Antonio
Fonte: Instituto Cervantes Publicador: Instituto Cervantes
Tipo: Artículo Formato: 21404 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
28.284612%
Este artículo consta de II partes. Pertenece a la sección diaria del CVC (Centro Virtual Cervantes).; La neología es la creación de palabras y términos nuevos, llamados neologismos. En la terminología científica, existen dos tipos de neología: primaria y secundaria. La neología primaria es la creación de un término para designar un nuevo concepto fruto de la innovación científica y técnica dentro de una misma lengua. La neología secundaria es la creación de un nuevo término en una lengua con la existencia de un precedente lingüístico al que el neologismo pretende sustituir o traducir. Cuando el término neológico pretende reemplazar a una palabra anterior estamos ante la neología secundaria monolingüe o intralingüística. Si el neologismo es fruto de transferir los conocimientos surgidos en otra lengua por medio de la traducción de un término nos encontramos ante la neología secundaria bilingüe o interlingüística —llamada en francés neologie traductive por Andrien Hermans—, que puede denominarse también neología inducida, pues está creada a partir de otro término.; Peer reviewed

Nociones de neología: presentación

Díaz Rojo, José Antonio
Fonte: Grupo de Medicina y Traducción Publicador: Grupo de Medicina y Traducción
Tipo: Artículo Formato: 22152 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.360815%
Http://www.medtrad.org; Esta serie está dedicada a tratar temas relativos a la neología y a la formación de términos médicos, atendiendo a problemas fonéticos, morfológicos, semánticos y etimológicos. Se analizarán cuestiones sobre raíces y afijos patrimoniales y grecolatinos, derivación, composición, siglas, acrónimos, abreviaturas, adaptación de extranjerismos y préstamos, acentuación, eponimia, nombres propios y otros problemas terminológicos que supongan duda o representen dificultad a los cultivadores del lenguaje médico.; Peer reviewed

Nociones de neología: las raíces griegas -génesis, -genesia y -genia en la terminología médica

Díaz Rojo, José Antonio
Fonte: Grupo de Medicina y Traducción Publicador: Grupo de Medicina y Traducción
Tipo: Artículo Formato: 25235 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.360815%
Http://www.medtrad.org; Las raíces griegas -génesis, -genesia y -genia ‘nacimiento, producción, generación’ son tres variantes compositivas de una misma familia muy utilizadas y productivas en neología médica. Su empleo representa cierta dificultad, ya que existen algunos términos compuestos que han sido formados con dichas raíces que presentan vacilación en la elección de la variante.; Peer reviewed

Título em Inglês; Neologia, terminologia e lexicultura a língua portuguesa em situação de contacto de línguas

Lino, Maria Teresa; Chicuna, Alexandre Mavungo; Grôz, Ana Pita; Medina, Daniel
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.905618%
The central theme of this article is the terminological neology in the Portuguese in language contact situations. As a result of new proposals of Socioterminology and Cultural Terminology, actually our research focuses on the terminological neology, terminological metaphor, different types of variation in terminology to which associate with lexicultural aspects present in neologism and scientific terms. All these linguistic phenomena have a great effect in the terminological description, in special purpose lexicography, in translation and in teaching and learning of specialized languages.; A temática central deste artigo é a neologia terminológica na Língua Portuguesa em situação de contacto de línguas. Em consequência das novas propostas da Socioterminologiae da Terminologia Cultural, a nossa investigação incide, hoje, sobre a neologia terminológica,a metáfora terminológica, os vários tipos de variação terminológica aos quais seassociam aspectos de lexicultura, presentes em muitos neónimos e termos científicos. Todos estes fenómenos linguísticos têm uma grande incidência na descrição terminológica, na lexicografiade especialidade, na tradução e no ensino-aprendizagem das línguas de especialidade.

Empréstimos, tradução e uso na prática terminológica;

Jesus, Ana Maria Ribeiro de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 18/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
27.360815%
Assumindo a dinamicidade inerente às línguas de especialidade, particularmente nas áreas científicas que mais dependem dos avanços tecnológicos, demonstraremos como os empréstimos, sobretudo do inglês, são extremamente produtivos nas formações neológicas dessas áreas. Os empréstimos são, dessa forma, um reflexo da influência que as línguas exercem umas sobre as outras. Analisamos um corpus do domínio da Astronomia, cuja terminologia, em língua portuguesa, mostrou-se exemplar nesse sentido. Assim, além da opção por manter o termo estrangeiro, os textos do corpus de análise revelam também o amplo uso de formas tradutórias por meio de paráfrases explicativas, enunciados definitórios, apresentação de uma tradução após o anglicismo e, em particular, por meio do decalque, que se mostrou predominante no que concerne à criação lexical no domínio, e que está relacionado à chamada neologia tradutiva. Externamos, com isso, a resposta da comunidade astronômica brasileira atual a algumas traduções propostas por astrônomos no final da década de 1980, que sugeriam que se utilizassem unidades pertencentes à língua portuguesa ou neologismos criados de acordo com sua estrutura em detrimento dos termos estrangeiros.; Assuming the dynamics which is inherent to specialized languages...

; Terminologia e neologia

Alves, Ieda Maria
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 18/12/2001 Português
Relevância na Pesquisa
37.905618%
Este trabalho procura mostrar as relações existentes entre terminologia e neologia, que podem ser situadas desde que os primeiros homens começaram a denominar conceitos e elementos referenciais do mundo em que viviam. Apresenta o conceito de neologia e sua evolução, determinada a partir da década de 80 como conseqüência do desenvolvimento crescente das atividades de caráter terminológico. Em seguida, apresenta os processos de formação de neologismos terminológicos — derivação, composição, transferência semântica, empréstimo de outros idiomas, truncação —, exemplificando-os por meio de exemplos extraídos da terminologia da Inteligência Artificial.; This article tries to outline the relations between terminology and neology. These go back to the time when men began to attach names to concepts and referential elements of their surrounding world. The concept of neology is discussed, as well as its evolution, which, from the 1980s onwards, was governed by the increasing development of activities in the field of Terminology. The various processes through which terminological neology occurs are introduced next: derivation, composition, semantic transfer, loanwords from other languages, and shortenings of words and expressions. The article gives some examples of these...

RELAÇÕES ENTRE NEOLOGIA, EPONÍMIA E ANTROPONÍMIA; RELAÇÕES ENTRE NEOLOGIA, EPONÍMIA E ANTROPONÍMIA

HENRIQUES, Claudio Cezar
Fonte: Acta Semiótica et Lingvistica Publicador: Acta Semiótica et Lingvistica
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion;
Publicado em 04/11/2013 Português
Relevância na Pesquisa
27.698074%
The purpose of this article is to discuss the metaphor in literary texts with a cognitive view that was achieved by metaphors studies in the 70's. From these studies, feelings, subjectivity and imagination can be worth, meaning new perspectives of work in the classroom.; O artigo analisa as relações entre neologia, eponimía e antroponímia. Conceitos, interpretações e definições destes termos linguísticos.