Página 1 dos resultados de 3 itens digitais encontrados em 0.099 segundos

Quadrilátero da saúde: espaço de ensino, pesquisa e saúde pública em São Paulo; Health Block: space for teaching, research and public health espaço in São Paulo

Miura, Priscila Miyuki
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
38.711812%
Em 2007, o Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat) deliberou pelo tombamento do conjunto arquitetônico do "Quadrilátero da Saúde", ou seja, o reconhecimento do valor cultural e sua importância para a história do Estado de São Paulo. No final do século XIX, situava-se numa região considerada alheia à cidade, entre o sítio urbano original e o povoamento de Pinheiros. Já no século XX, o crescimento da cidade incorporou essa área, que hoje corresponde a um perímetro delimitado pelas ruas Teodoro Sampaio, Oscar Freire e as Avenidas Rebouças e Doutor Arnaldo, agregando um número crescente de edificações voltadas à saúde pública, tais como a Faculdade de Medicina, a Escola de Enfermagem e a Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, o Edifício Central e o Instituto de Ortopedia do Hospital das Clínicas, o Instituto Oscar Freire, o Instituto Adolfo Lutz, o Centro de Saúde Pública Geraldo Paula Souza e os remanescentes do Antigo Hospital do Isolamento. Configurada a partir de um processo contínuo de inserção de novos edifícios de modo a construir um conjunto coeso e definido no âmbito urbano, constitui-se em área específica da cidade, cuja construção dos espaços permite análise das mais diferentes soluções arquitetônicas. Neste sentido...

Preservação e sustentabilidade: restaurações e retrofits; Preservation and sustainability: restorations and retrofits

Silva, Roberto Toffoli Simoens da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
58.618926%
Os campos da Preservação de Monumentos Históricos e da Sustentabilidade na Construção Civil, apesar de distintos, apresentam certo grau de complementaridade. São áreas que dependem de processos eminentemente coletivos para seu avanço, e que se consagram como tradições culturais importantes no enfrentamento da deterioração dos espaços urbanos contemporâneos. A matéria é atual e urgente. Entretanto, o debate sobre o projeto arquitetônico como instrumento de valorização cultural e requalificação ainda é incipiente. Como analisar as intervenções atuais em edifícios degradados? Qual a relevância da Teoria da Restauração e da Sustentabilidade na construção no ideário cultural? Como reintegrar imóveis disfuncionais às dinâmicas urbanas? São questões complexas que merecem atenção. Por isso propomos a análise de três intervenções em edifícios ecléticos na cidade de São Paulo, e cujas estratégias de ocupação guardam intima relação com a adoção de usos e ocupações ordinárias. Debateremos, portanto, um projeto residencial - o condomínio Américo Simões, e dois acadêmicos - o Instituto Oscar Freire da Faculdade de Medicina da USP, e a FAU - Vila Penteado, da mesma universidade. Cada caso foi estudado através de sistema de valores...

Nanoscale magnetic structure and properties of solution-derived self-assembled La0.7Sr0.3MnO3 islands

Zabaleta, Jone; Jaafar, Miriam; Abellán, Patricia; Montón, Carlos; Iglesias-Freire, Óscar; Sandiumenge, Felip; Ramos, Carlos A.; Zysler, Roberto Daniel; Puig, Teresa; Asenjo, Agustina; Mestres, Narcís; Obradors, Xavier
Fonte: American Institute of Physics. Publicador: American Institute of Physics.
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
27.22712%
The following article appeared in Journal of Applied Physics 111.2 (2012): 024307 and may be found at http://scitation.aip.org/content/aip/journal/jap/111/2/10.1063/1.3677985; Strain-induced self-assembled La0.7Sr0.3MnO 3 nanoislands of lateral size 50-150 nm and height 10-40 nm have been grown on yttria-stabilized zirconia (001)-substrates from ultradiluted chemical solutions based on metal propionates. The nanoislands grow highly relaxed withstanding the epitaxial relation (001)LSMO[110]//(001) Ysz[010] and show bulk-like average magnetic properties in terms of Curie temperature and saturation magnetization. The interplay of the magnetocrystalline and shape anisotropy within the nanoisland ensemble results in an in-plane magnetic anisotropy with a magnetocrystalline constant K 1(150K) = -(5±1) kJ/m3 and in-plane easy axis along the [110] -La0.7Sr0.3MnO3 direction as measured, for the first time, through ferromagnetic resonance experiments. Magnetic force microscopy studies reveal the correlation between nanoisland size and its magnetic domain structure in agreement with micromagnetic simulations. In particular, we have established the required geometric conditions for single domain, multidomain, and vortex configurations.