Página 1 dos resultados de 537 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

"Contribuição ao imunodiagnóstico da leptospirose humana: ênfase ao uso de anticorpos monoclonais" ; Contribution to the immunodiagnosis of human leptospirosis: emphasis to monoclonal antibodies.

Ribeiro, Maricy Alves
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/12/2003 Português
Relevância na Pesquisa
69.537144%
A prova sorológica de referência na leptospirose ainda é a soroaglutinação microscópica (SAM). Devido à complexidade desta prova avaliamos alguns testes rápidos para triagem dos anticorpos anti-leptospiras na fase aguda da infecção. Na década de 80, uma hemaglutinação passiva, utilizando frações polissacarídicas de leptospiras, foi considerada apropriada ao diagnóstico precoce, porém esta preparação antigênica incluía muitos “antígenos comuns” reconhecidos por anticorpos de 4% dos indivíduos normais. Um novo ELISA (enzyme-linked immunosorbent assay) utilizando uma suspensão de antígenos imunodominantes, resistentes à proteinase K, foi padronizado e avaliado quanto ao seu valor diagnóstico. Com 89,9% de sensibilidade e 97,4% de especificidade, esta técnica, referida como PK-ELISA, satisfaz os requisitos necessários para as provas de triagem da leptospirose humana. No entanto, em virtude de alguns reagentes usados nesta preparação antigênica serem importados e muito instáveis, foi proposta a introdução de novos métodos empregando-se anticorpos monoclonais. Em um “Acordo de Pesquisa Cooperativa” entre o Instituto Adolfo Lutz e o Laboratório Fleury foram produzidos hibridomas contra leptospiras. Dois deles foram selecionados para dar continuidade ao estudo: um...

Estudo da imunogenicidade de antígenos de Neisseria lactamica: utilização de anticorpos monoclonais.; Study of immunogenicity of Neisseria lactamica antigens: use of monoclonal antibodies.

Machado, Marta Santos Serafim
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
68.918765%
Evidências epidemiológica e imunológica sugerem que o desenvolvimento da imunidade natural contra doença meningocócica pode está associado com a reação cruzada de antígenos em comuns com Neisseria meningitidis e outras bactérias comensais, como Neisseria lactamica. O Objetivo deste trabalho foi de investigar a imunogenicidade de antígenos de vesículas de membrana externa (OMV) de N. lactamica, com ou sem a presença de Bordetella pertussis (BP), utilizada como adjuvante. Grupos de camundongos neonatos da linhagem BALB/c foram imunizados com antígenos de N. lactamica. Os resultados de nossos estudos mostraram o predomínio de altos títulos de anticorpos dos isótipos IgG e IgM com alta e intermediária avidez, depois das imunizações pela via (i.n) com N. lactamica. A análise do soro por immunoblot mostrou proteínas com reatividade cruzada entre as espécies do gênero Neisseria e os anticorpos monoclonais utilizados neste trabalho. Estes resultados sugerem que antígenos de N. lactamica e N. meningititdis em comum, possam ser importantes na imunidade natural contra doença meningocócica, e no desenvolvimento de vacina.; Immunological and epidemiological evidences suggest that the development of natural immunity to meningogoccal disease may be associated with crossreactive antigens together with Neisseria meningitidis and other commensal bacteria...

Geração de linhagens de células CHO transfectadas com vetores para expressão de anticorpos monoclonais humanizados anti-determinantes leucocitários: anti-CD3 e anti-CD18.; Generation of CHO cell lines expressing humanized monoclonal antibodies anti-leukocytary determinants: anti-CD3 and anti-CD18.

Serpieri, Flávia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/10/2009 Português
Relevância na Pesquisa
68.918765%
O projeto de obtenção de huAcMos (Anticorpos Monoclonais Humanizados) tinha como escopo a humanização de anticorpos murinos com potencial terapêutico, inserção das sequências em vetores de expressão e transfecção em células CHO (do inglês, Chinese Hamster Ovary). A expressão do huAcMo Anti-CD18 resultou em baixos níveis da proteína recombinante e inciamos o processo de expressão de isoformas do huAcMo Anti-CD3. As células foram transfectadas com seqüências codificadoras do fragmento FvFc Anti-CD3 e clonadas pelo equipamento ClonePix FL. O fragmento foi caracterizado e demonstrou uma menor afinidade quando comparada com a molécula murina original. Ulizamos o sistema de recombinação homóloga (CHO Flp-In, Invitrogen) para expressão da molécula inteira do huAcMo Anti-CD3. Os clones foram caracterizados e demonstrou, assim como o fragmento FvFc, uma menor afinidade pelo alvo. As diferenças nas propriedades de ligação são freqüentemente encontradas após processos de humanização; dependendo da função efetora esta diminuição de afinidade não é negativa para a molécula.; The humanized antibodies (huMab) project intent to use murine antibodies with therapeutic potencial to obtain more human sequences with maintened specificity. The sequences were inserted in expression vectors and transfected in CHO (Chinese Hamster Ovary) cells. Anti-CD18 huMab expression results in low levels of recombinant protein and lead us to try the expression of Anti-CD3 isoforms. The cells were transfected for the expression of a FvFc antibody fragment and cloned using ClonePix FL equipment. The fragment characterization demonstrate a lower affinity when compared with the murine molecule. We use the homologous recombination system (CHO Flp-In) for the expression of the whole molecule of huMab Anti-CD3; like the FvFc fragment...

Produção de anticorpos monoclonais para caracterização de variantes antigênicas brasileiras de vírus da raiva.; Production of monoclonal antibodies for characterization of brazilian antigenic variants of rabies virus.

Chaves, Luciana Botelho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/05/2010 Português
Relevância na Pesquisa
68.918765%
Anticorpos monoclonais (AcMo) contra proteínas do vírus da raiva (RABV) foram produzidos para adequar a caracterização antigênica dos isolados no Brasil. Foram selecionados dois isolados de morcegos insetívoros, sendo um de Nyctinomops laticaudatus e outro de Eptesicus furinalis que apresentaram perfis não compatíveis (NC) com os pré-estabelecidos. As suspensões virais foram adaptadas para crescimento em cultura de células N2A. Para o preparo de AcMo foram utilizadas como antígeno as ribonucleoproteínas dos isolados selecionados. Foram obtidos dois AcMo, o 3A7 e o 4E10. Analisando 57 isolados de RABV com esses AcMo, o 3A7 reagiu com 21 (36,84%) e o 4E10 com 25 (43,85%). Dos 13 isolados caracterizados como variante antigênica 3 (Desmodus rotundus) o 3A7 reagiu com 8 (61,53%) e o 4E10 com 11 (84,61%). Dos 9 isolados com perfil NC em morcegos o 3A7 reagiu com 5 (55,55%) e o 4E10 com 4 (44,44%). Os anticorpos produzidos poderão auxiliar na complementação do painel existente de caracterização antigênica o que poderá aprimorar a vigilância epidemiológica da doença.; Monoclonal antibodies (MAb) against the rabies virus (RABV) proteins were produced to improve the antigenic characterization of the isolates in Brazil. Two isolates from insectivorous bats were selected; one was from the species Nyctinomops laticaudatus and the other from Eptesicus furinalis...

Proteção ou exacerbação de anticorpos monoclonais gerados contra antígenos de Paracoccidioides brasiliensis na infecção experimental.; Protection or exacerbation of monoclonal antibodies generated against antigens of Paracoccidioides brasiliensis in the experimental infection.

Thomaz, Luciana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
68.918765%
Nesse trabalho avaliamos a proteção que o anticorpo monoclonal (AcM) contra CMH e contra Hsp60 fornecem aos animais infectados com as leveduras de Paracoccidioides brasiliensis e P. lutzii em modelo profilático. O tratamento com os AcMs de isotipos IgG2a e IgG2b foram protetores, induzindo a secreção das citocinas IL-12p70, IFN-g e TNF-a, padrão de resposta imune Th1. Nós mostramos por imunomarcação que moléculas de CMH e Hsp60 estão acessíveis na célula. E o anticorpo monoespecífico contra CMH e os anticorpos policlonais contra melanina, gerados nesse trabalho foram eficazes nos ensaios in vitro de proteção. Foram gerados anticorpos monoclonais contra glicoproteina extraída de Pb18, o AcM reconheceu, por imunomarcação, estruturas internas e a parede celular da levedura. Avaliamos um novo modelo de hospedeiro, com o uso da larva Galleria mellonella, o que pode servir de triagem e reduzir desta forma o uso excessivo de camundongos, as leveduras P. lutzii e H. capsulatum são letais para as larvas e evocam resposta celular que se organizam semelhante a um granuloma.; In this work we evaluated the protection that the monoclonal antibody (MAb) against Hsp60 and against CMH provides the animals infected with the yeast Paracoccidioides brasiliensis and P. lutzii in prophylactic model. The treatment with the MAbs of IgG2a and IgG2b isotypes were protective...

Clonagem e sequenciamento de genes que expressam proteínas ósseas reconhecidas por anticorpos monoclonais produzidos a partir de células de osteossarcoma humano (MG-63); Cloning and sequencing genes that express bone proteins recognized by monoclonal antibodies produced from human osteosarcoma cells (MG63)

Gouveia, Veronica do Carmo Neves de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
69.20357%
A partir de células de osteossarcoma humano (MG-63) que tem características de osteoblastos imaturos produzimos anticorpos monoclonais (Mabs) nomeados PSP 4-5, PSP 42-22 e PSP 85-9. Esses anticorpos reconhecem antígenos de 100, 26 e 20 kDa respectivamente. Avaliamos a especificidade dos mesmos, testando suas expressões em cortes congelados de tecidos oriundos da mesma célula mesenquimal, ou seja, osso, cartilagem, músculo cardíaco e tecido adiposo. Os anticorpos marcaram o periósteo, com distintos padrões de expressão, porém o PSP 42-22 foi o mais específico marcando a camada osteogênica do periósteo. Os anticorpos marcaram também células ósseas. Diante desses resultados nosso objetivo, no presente estudo, foi identificar os antígenos reconhecidos por esses anticorpos usando clonagem e sequenciamento dos genes em biblioteca de cDNA com capacidade de expressão proteica. Outro objetivo foi testar os anticorpos, pela técnica de imunohistoquímica (IHQ), em tumores ósseos primários visando estabelecer os padrões de marcação e se diferenciavam os diferentes tipos de tumores. Os antígenos reconhecidos pelos anticorpos PSP 42-22 e PSP 85-9 foram isolados, purificados e sequenciados. Devido ao elevado peso molecular do PSP 4-5 necessitaremos de outras técnicas para isolar o clone que codifica seu antígeno. O sequenciamento do clone isolado pelo PSP 42-22...

Produção de fragmentos de anticorpos monoclonais (scFv) contra isolados de campo do vírus da bronquite infecciosa das galinhas utilizando phage display

Fernandes, Camila Cesário
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiv, 70 f. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
69.426895%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Microbiologia Agropecuária - FCAV; Anticorpos monoclonais se constituem na base de vários testes usados na detecção e na identificação de antígenos. Nesse contexto, tais imuno-reagentes têm sido extensivamente empregados na identificação de estirpes virais envolvidas na etiologia de surtos de bronquite infecciosa a campo, permitindo o aperfeiçoamento das técnicas de detecção e caracterização antigênica do vírus da bronquite infecciosa das galinhas (VBI). No presente estudo, uma biblioteca de fragmentos de anticorpos de galinha originalmente preparada por “phage display” contra a estirpe vacinal (H120) do VBI, foi usada para a seleção de fragmentos de anticorpos recombinantes com reatividade cruzada para as estirpes heterólogas IBVPR01, IBVPR05, isoladas de surtos a campo no Brasil e SE-17, isolada nos Estados Unidos. Após três ciclos de “panning”, foi identificado pelo ELISA um conjunto de 15 anticorpos scFv expressos em fagos e com reatividade cruzada para essas mesmas estirpes do VBI. A análise por Western-blotting revelou que três desses clones apresentavam fagos expressando fragmentos de anticorpos monoclonais com reatividade cruzada para a nucleoproteína N das três estirpes do VBI e também para a forma recombinante dessa nucleoproteína derivada da estirpe M41. Concluindo...

Foto seleção de mielomas e hibridomas murinos na produção de anticorpos monoclonais

Mion, Woner
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 107 f.
Português
Relevância na Pesquisa
69.231567%
Pós-graduação em Pesquisa e Desenvolvimento (Biotecnologia Médica) - FMB; The production of monoclonal antibodies (mAbs) for medicine is highly important, being considered the greatest innovation of the biotechnologic industry over the years. The method described by Köhler e Milstein demands cellular selection through biochemistry ways using HAT (culture medium with hypoxanthine, aminopterin and tymidhine). By the increasing use of lights in the medical areas, this paper searches to evaluate the application of LED (Light Emitting Diode) - wave length of 475nm - in the selection of cells involved on monoclonal antibodies production, in order to offer a new option for hybridoma selection. Cell culture of Murine Myeloma (NS1) and MRSA 3-75 and 4-27 in complete culture medium with 10% of fetal bovine serum (FBS) were separated in six groups for each cellular type (12 samples), being: G1: control group (not irradiated), G2: 1 J/cm2; G3: 3 J/cm2; G4: 5 J/cm2; G5: 10 J/cm2; G6: 20 J/cm2. To determine the behavior of cells, the following tests were made: viability tests by Flow Cytometry and MTT (3-(4,5-dimethyl thiazol-2-yl)-2,5-diphenyl tetrazolium bromide), ELISA and Emission Spectrometry to check hydridomas’ secretory profile and Tripan blue stain to determine cellular growth rate. The results show that there were bioinstimualtion of NS1 and MRSA 3-75 and 4-27 in doses above of 5 J/cm2...

Obtenção e estudo de anticorpos monoclonais anti Trypanosoma Cruzi Chagas, 1909

Wirla Maria da Silva Cunha Tamashiro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/11/1988 Português
Relevância na Pesquisa
69.08389%
O presente trabalho teve três objetivos principais: (i) estudar a resposta imune humoral específica de camundongos F1 (CBA x C57 B1/10) infectados com a cepa Y do T.cruzl, (ii) produzir anticorpos monoclonais anti-T.cruzl, através da tecnologia de hibridomas, utilizando-se para as fusões células de mieloma SP2/0 e células esplênicas de camundongos F1 cronicamente infectados com o parasita, (iii) caracterizar os anticorpos monoclonais obtidos quanto a sua reatividade para os antígenos expressos nos diferentes estágios do T.cruzi ... O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital; Not informed

Obtenção e estudo das propriedades de hibridomas produtores de anticorpos monoclonais anti-IL6 humana; Obtainment and study of properties of hybridomas producing anti-IL6 monocional antibody

Loren Semionatto Scuro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/11/2005 Português
Relevância na Pesquisa
69.690464%
O objetivo do presente trabalho foi a obtenção e caracterização de anticorpos monoclonais contra a IL6 humana recombinante (hr) para serem empregados em ensaios imunoenzimáticos do tipo ELISA (Enzyme linked immunosorbent assay) de detecção da IL6 humana nativa, presente em fluídos biológicos de pacientes portadores de quadros onde os níveis de IL6 encontram-se elevados, ou então produzida por monócitos humanos e murinos ativados in vitro. Dois grupos de hibridomas (1A6 e 3B1) secretores de anticorpos monoclonais anti-IL6 foram obtidos pela fusão de células de mieloma da linhagem SP2 Ag14/0 com esplenócitos de camundongos BALB/c, previamente imunizados com a IL6 humana recombinante. Esses hibridomas foram selecionados com base em sua reatividade com a hrIL6, através de ensaios do tipo ELISA indireto. As imunoglobulinas (Igs) monoclonais produzidas pelos hibridomas dos dois grupos são do isotipo IgG1 Kappa e foram purificadas de líquidos ascíticos e dos sobrenadantes de cultura por cromatografia de afinidade. As proteínas purificadas foram conjugadas com biotina para uso em ensaios de ELISA de captura da hrIL6, de modo a se identificar um ou mais pares de anticorpos adequados a esse tipo de teste, bem como para definir a sensibilidade de detecção da citocina. O par de anticorpos monoclonais 3B1E4 x 1A6F10-biotinilado se mostrou mais promissor nos ensaios de ELISA...

Metapneumovirus aviario : suscetibilidade em diferentes sistemas celulares e produção de anticorpos monoclonais; Avian metapneumovirus : susceptibility at different cell lines and production of monocioinal antibodies

Lia Treptow Coswig
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/07/2008 Português
Relevância na Pesquisa
69.61657%
o Metapneumovírus Aviário (AMPV), também denominado vírus da rinotraqueíte dos perus (TRT), é um vírus que acomete e causa infecção no trato aéreo superior das galinhas e perus. Além da infecção respiratória, em poedeiras e matrizes está associado com uma queda significativa na produção de ovos. Em galinhas o vírus está relacionado com a Síndrome da Cabeça Inchada (SCI), uma enfermidade multifatorial, e por este motivo é importante o diagnóstico diferencial. Testes realizados com anticorpos monoclonais (Mabs) e técnicas moleculares são capazes de detectar diferenças entre os subtipos do vírus. Os métodos de diagnóstico incluem isolamento ou detecção da partícula viral ou testes sorológicos. O isolamento das amostras virais SHS-BR-121 (subtipo A) e STG-SHS-1439 (subtipo B) foi realizado em cultura de anel de traquéia, em fibroblasto de embrião de galinha (FEG) e em células chicken embryo related (CER). A comparação das médias dos títulos obtidos para as duas amostras virais, em célula CER, apresentou diferença estatisticamente significativa (P=0,014) com p< 0,05. Neste projeto foi avaliada a suscetibilidades de seis sistemas celulares (CER, Vero, BHK-21, HEp-2, MDBK e ED) para a multiplicação das duas amostras virais (subtipos A e B). Destes sistemas as células CER...

Produção e caracterização de anticorpos monoclonais contra o vírus rábico

Zanluca, Camila
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 112 p.| il., tabs., grafs.
Português
Relevância na Pesquisa
69.00451%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia, Florianópolis, 2010; Os primeiros anticorpos monoclonais (AcM) contra o vírus rábico foram produzidos por Wiktor e Koprowski em 1978 e, desde então, diversos outros foram produzidos e descritos. No entanto, apesar do grande número de AcM antirrábicos descritos na literatura, eles nem sempre são facilmente obtidos, principalmente porque a produção de AcM no Brasil é bastante limitada. Ademais, devido à grande diversidade de variantes de vírus rábico existentes no Brasil, torna-se importante produzir novos AcM que possam atender a interesses mais específicos. Assim, o objetivo do presente trabalho foi a produção e caracterização de AcM contra o vírus rábico. Para tanto, foram realizados cinco protocolos de imunização, nos quais camundongos Balb/c foram imunizados com os seguintes antígenos: (1) vacina antirrábica (VeroRab®, Aventis-Pasteur) para uso em humanos; (2) suspensão inativada de tecido de sistema nervoso central de camundongos infectados com vírus rábico selvagem isolado de um bovino naturalmente infectado por morcego hematófago em Passos de Torres/SC; (3) fragmento recombinante da glicoproteína do vírus rábico cepa ERA compreendendo os aminoácidos 179 a 281 (denominado rGERA179-281) seguido da inoculação de vírus rábico cepa PV na pata; (4) rGERA179-281 seguida por um reforço com a mesma proteína ou com vírus rábico cepa PV; (5) rGERA179-281 e vacina VeroRab®. Esplenócitos dos camundongos imunizados foram fusionados com células de mieloma da linhagem P3X63Ag8.653 utilizando polietilenoglicol 4000 e os hibridomas secretores de anticorpos antirrábicos foram triados por imunofluorescência indireta em células BHK-21 infectadas com vírus rábico. Diluições limitantes foram realizadas e sete clones estáveis foram obtidos...

Caracterização imunofenotípica de diferentes linhagens de plasmocitomas murinos utilizadas na produção de anticorpos monoclonais. –

Rosa, Elis Amaral
Fonte: Florianópolis, SC. Publicador: Florianópolis, SC.
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 56
Português
Relevância na Pesquisa
69.34343%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Biológicas. Biologia.; Anticorpos monoclonais são importantes reagentes utilizados na pesquisa biomédica, em testes de diagnóstico, bem como no tratamento de enfermidades. Sua produção em larga escala foi possível através da metodologia proposta por Kohler & Milstein que consiste na fusão de linfócitos B de camundongos imunizados com células de linhagem de plasmocitoma murino não produtores de imunoglobulinas. Essa fusão dá origem a células secretoras conhecidas como hibridomas que são os responsáveis pela produção de anticorpos monoclonais. Dentre as linhagens de plasmocitoma atualmente utilizadas para produção de anticorpos monoclonais estão P3X63Ag8.653, SP2/0-Ag14 e NS1. Apesar de estabelecidas há muito tempo, pouco se conhece sobre estas linhagens celulares. Este trabalho teve como objetivo caracterizar estas linhagens celulares através do perfil de marcadores expressos na superfície celular identificados através de citometria de fluxo. Foi utilizado um painel de anticorpos dirigidos contra as proteínas de superfície CD19, CD21/CD35, CD22.2, CD23, CD25, CD30, CD38, CD40, CD45/B220, CD69, CD72, CD79b, CD80, CD117...

Caracterização de herpesvírus bovinos tipos 1 (BHV-1) e 5 (BHV-5) com anticorpos monoclonais

Souza,V.F.; Melo,S.V.; Esteves,P.A.; Schmidt,C.S.; Gonçalves,D.A.; Schaefer,R.; Silva,T.C.; Almeida,R.S.; Vicentini,F.; Franco,A.C.; Oliveira,E.A.; Spilki,F.R.; Weiblen,R.; Flores,E.F.; Lemos,R.A.; Alfieri,A.A.; Pituco,E.M.; Roehe,P.M.
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2002 Português
Relevância na Pesquisa
68.918765%
O perfil antigênico de 45 herpesvírus (44 de bovinos, sendo seis amostras de referência de BHV-1 e 15 prováveis BHV-1; três amostras de referência de BHV-5 e 20 prováveis BHV-5) e uma amostra de herpesvírus bubalino (BuHV) foi examinado com um painel de anticorpos monoclonais (Acms) produzidos contra antígenos de herpesvírus bovinos. Para os exames, foi utilizada a prova de imunoperoxidase (IPX) sobre cultivos de células infectadas, tendo os Acms como anticorpos primários. A determinação dos padrões de reatividade das amostras de vírus frente aos Acms permitiu a diferenciação entre os tipos 1 e 5. Todas as amostras isoladas de casos de encefalite apresentaram perfil de BHV-5. Quatro amostras de BHV-5 isoladas de áreas geograficamente distintas apresentaram perfís de reatividade diferenciados em relação às demais amostras do tipo 5. Duas amostras de vírus com perfil antigênico de BHV-5 foram isoladas de sêmen de animais infectados. Estes resultados comprovam a utilidade da caracterização antigênica com este painel de Acms na tipagem de amostras de BHV-1 e BHV-5.

Produção e caracterização de anticorpos monoclonais contra toxina épsilon de Clostridium perfringens Tipo D

Freitas,Theonys Diógenes; Heneine,Luis Guilherme Dias; Salvarani,Felipe Masiero; Silva,Rodrigo Otávio Silveira; Lima,Catarina Guimarães Rocha Dourado; Pires,Prhiscylla Sadanã; Assis,Ronnie Antunes de; Lobato,Francisco Carlos Faria
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2009 Português
Relevância na Pesquisa
69.08389%
Clostridium perfringens tipo D é o agente etiológico da enterotoxemia em ruminantes, causada pela toxina épsilon e caracterizada por edema cardíaco, pulmonar, renal e cerebral. Anticorpos monoclonais contra toxina épsilon de C. perfringens tipo D foram produzidos a partir da fusão da linhagen de mieloma P3-X63-Ag8 653 com células do baço de camundongos Balb/c imunizados com o toxóide épsilon. Seis linhagens de híbridos secretores de anticorpos monoclonais das classes e IgM e IgG foram estabelecidas.

Avaliação de anticorpos monoclonais reativos aos antígenos P30, P22 e P97 de Toxoplasma gondii, em ensaio imunoenzimático reverso, utilizados na detecção de anticorpos IgG, IgM e IgA para o sorodiagnóstico da Toxoplasmose Humana

Carvalho, Fernando dos Reis de
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
69.20357%
O diagnóstico da toxoplasmose se baseia na detecção de anticorpos específicos em amostras de soro de pacientes, por meio de técnicas sorológicas, particularmente as imunoenzimáticas. As maiores dificuldades na interpretação destes testes referem-se aos resultados falso-positivos e falso-negativos, principalmente com relação à detecção de anticorpos IgM e IgA anti-Toxoplasma gondii, tornando difícil o estabelecimento do diagnóstico da infecção primária e infecção congênita. O presente trabalho objetivou avaliar a utilização de anticorpos monoclonais (mAbs) A3A4 (anti-p30), A4D12 (antip22) e 1B8 (anti-p97) em um ensaio imunoenzimático (ELISA) reverso para a detecção de anticorpos IgG, IgM e IgA contra os antígenos p30, p22 e p97 de T. gondii em soros humanos. Foram analisadas 175 amostras de soros de pacientes com infecção recente (n=45), na fase de transição (n=40) e com infecção crônica (n=55), bem como de indivíduos soronegativos (n=35), definidos por testes sorológicos convencionais. Os resultados obtidos por ELISA reverso usando mAbs (ELISA-mAb) foram comparados aos do ELISA indireto clássico usando antígeno solúvel de T. gondii (ELISA-STAg). O mAb A3A4 reconhece um epítopo conformacional no antígeno de superfície p30...

Anticorpos monoclonais contra receptor HER2: produ????o, caracteriza????o e avalia????o para uso em testes diagn??sticos de tumores de mama humano e canino; Anticorpos Monoclonais contra receptor HER2: produ????o, caracteriza????o e avalia????o para o uso em testes diagn??sticos de tumores de mama humano e canino

VASCONCELLOS, Fl??via Aleixo
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Biotecnologia; Programa de P??s-Gradua????o em Biotecnologia; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Biotecnologia; Programa de P??s-Gradua????o em Biotecnologia; UFPel; BR
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
69.2815%
Malignant neoplasms such as breast cancer deserve attention for its high prevalence and great demand of financial resources, representing a major problem of public health all over the world. In Brazil, mortality rates from breast cancer remain high, most likely because the disease is diagnosed in advanced stages. Tumor markers can be useful in diagnosis, staging and in the evaluations of therapeutic responsiveness and disease prognostic. The overexpression of the oncogene Human Epidermal growth factor receptor 2 (HER2), a prognostic tumor marker in breast cancer, is observed in 20-30% of breast cancers in humans and canines. In this context, this study reports the development of new murine monoclonal antibodies from a recombinant protein corresponding to the extracellular portion of the HER2 receptor for use in immunohistochemistry (IHC) and in the development of other immunoassays. These antibodies were produced, characterized and tested subsequently in histological sections of human and canine breast tumors. Among five hybridomas produced, two demonstrated potential for use in immunohistochemistry of these two tumors.; As neoplasias malignas, como o c??ncer de mama, atraem a aten????o em todo o mundo por sua alta preval??ncia e grande demanda de recursos financeiros...

Monoclonal Antibodies for Multiple Sclerosis Treatment; Anticorpos Monoclonais para Tratamento da Esclerose Múltipla

Palavra, Filipe; Institute for Biomedical Imaging and Life Sciences, CNC. IBILI Research Unit. Faculdade de Medicina. Universidade de Coimbra. Coimbra. Portugal. Institute for Nuclear Sciences Applied to Health (ICNAS). Faculdade de Medicina. Universidade
Fonte: Ordem dos Médicos Publicador: Ordem dos Médicos
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; review; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 30/10/2015 Português
Relevância na Pesquisa
69.424214%
Since their introduction in medical therapy, in the last quarter of the 20th century, monoclonal antibodies have gained an increasing importance in the treatment of various diseases. Neurology has been one of the medical specialties benefiting of the therapeutic potential of these monoclonal antibodies and certain neurological conditions may now contain such drugs in their therapeutic algorithms. Multiple sclerosis is one of these diseases and, in addition to the monoclonal antibodies already licensed for clinical use, several others are in development for future utilization in this specific area. The future will certainly pass through this kind of drugs and, in this article, a review of the most relevant data related to monoclonal antibodies already in use and also in clinical development for multiple sclerosis treatment will be performed.; Desde a sua introdução na terapêutica médica, no último quarto do século XX, os anticorpos monoclonais têm ganho cada vez mais importância no tratamento de várias doenças. A Neurologia tem sido uma das especialidades médicas a beneficiar do potencial terapêutico destes anticorpos monoclonais e algumas doenças neurológicas podem já contar com fármacos deste tipo nos seus algoritmos terapêuticos. A esclerose múltipla é uma dessas doenças e...

Purificação de anticorpos monoclonais utilizando IMAC em membranas de fibra oca de PEVA : c : omparação dos agentes quelantes IDA, CM-Asp e TREN; Purification on monoclonal antibodies using IMAC in PEVA hollow fiber membranes: comparison of chelating agents IDA, CM-Asp and TREN

Igor Tadeu Lazzarotto Bresolin
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/07/2006 Português
Relevância na Pesquisa
69.532124%
Anticorpos monoclonais são imunoglobulinas secretadas por clones de linfócitos B, normais, tumorais ou obtidos pela tecnologia de hibridomas. Os anticorpos monoclonais têm sido utilizados nas áreas analítica e terapêutica, o que implica na necessidade de sua obtenção com pureza superior a 95%. Muitos estudos têm sido realizados visando à purificação de anticorpos monoclonais, destacando-se as técnicas de adsorção seletiva, como as cromatografias de troca iônica, hidrofóbica e de afinidade. Neste trabalho aplicou-se a cromatografia de afinidade em membranas de álcool polietileno-vinílico (PEVA), comparando o desempenho dos agentes quelantes (AQ) ácido iminodiacético (IDA), ácido aspártico carboximetilado (CM-Asp) e tris-2(aminoetil)amina (TREN) com íons metálicos imobilizados na purificação de anticorpos monoclonais anti-TNP, isotipo IgG1 a partir de sobrenadante de cultura celular precipitado e dialisado. Para determinar as melhores condições de adsorção e eluição na presença de diferentes sistemas tamponantes, foram testados os quelatos AQ-Ni2+, AQ-Zn2+ e AQ-Co2+, bem como os agentes quelantes sem metal imobilizado como grupos ionogênicos. De acordo com eletroforeses SDS-PAGE e análises ELlSA das frações dos picos de proteína obtidos...

Obtenção de anticorpos monoclonais humanos antitetânicos.; Anti-tetanus human monoclonal antibodies.

Aliprandini, Eduardo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/08/2015 Português
Relevância na Pesquisa
69.00451%
Anticorpos monoclonais (AcMos) para uso terapêutico correspondem a uma área importante na indústria de biofármacos, em especial os AcMos humanos, que apresentam menor probabilidade de elicitar imunogenicidade. O objetivo deste trabalho consistiu em obter AcMos humanos antitetânicos através da separação de linfócitos B produtores de anticorpos específicos utilizando o antígeno ou de plasmablastos. As células foram coletadas de doadores após vacinação e separadas por equipamento de cell sorter. As regiões variáveis dos anticorpos foram amplificadas e clonadas em vetores de expressão, que foram usados para transfectar transitoriamente células HEK293-F. O uso da toxina tetânica conjugada independentemente com dois marcadores, biotina e Alexa Fluor® 647, possibilitou a separação específica de linfócitos B produtores de AcMos antitetânicos, que foram avaliados por ELISA, western blotting e pela inibição da ligação da toxina ao gangliosídio GT1b. O ensaio in vivo mostrou proteção total dos animais contra a toxina tetânica quando três AcMos foram usados em conjunto.; Monoclonal antibodies (mAbs) for therapeutic use correspond to a major area of the biopharmaceutical industry, especially human mAbs that are less prone to elicit immunogenicity. The objective of this work was to obtain anti-tetanus human mAbs through separation of memory B lymphocytes producing specific antibodies stained with the antigen or plasmablasts. Cells were collected from peripheral blood of donors after vaccination and separated through cell sorting. The variable regions of the antibodies were amplified and cloned in expression vectors for transient transfection of HEK293-F cells. The staining with the tetanus toxin labeled independently with two markers...
Biblioteca Digital Vérsila Sistema de Biblioteca Vérsila Educacional