Página 1 dos resultados de 4981 itens digitais encontrados em 0.045 segundos

Modelagem e implantação de sistema de informações para monitorar custo de produção dos produtos fabricados pela Farmácia Hospitalar do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo; Modeling and implantation information system to monitor the production costs of manufactured products by the hospital pharmacy of Hospital das Clínicas, Faculty of Medicine, University of Sao Paulo

Marin, Marcia Lucia de Mario
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/10/2004 Português
Relevância na Pesquisa
118.01569%
A partir do método de custeio por absorção, com adaptação do custeio baseado em atividades, um sistema de informações foi modelado e implantado para monitorar custo de produção, dos produtos fabricados pela farmácia hospitalar do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Foram analisados os formulários dos produtos fabricados, insumos, gastos indiretos de fabricação, controle de qualidade e totalizados os tempos gastos da mão-de-obra direta de 100 produtos fabricados em julho de 2003. Os resultados mostraram que de 35 itens produzidos com similares, 28 apresentaram custo de produção inferior ao preço do fabricante no mercado, estimando que nesse mês o HC deixou de gastar, aproximadamente, 750 mil reais com a produção interna. Os 65 itens restantes eram produtos exclusivos e especiais. Os gastos com insumos corresponderam a 69% do custo total de produção. O modelo proposto mostrou que a farmácia hospitalar pode proporcionar redução de gastos à entidade.; On the basis of the absorption costing method, with a number of adaptations from activity based costing, an information system was modeled and implanted to monitor the production costs of products manufactured by the hospital pharmacy of Hospital das Clínicas...

Produção de hidrogênio em refinarias de petróleo: avaliação exergética e custo de produção.; Exergy and thermoeconomic evaluation of a petroleum refinery hydrogem production unit.

Cruz, Flávio Eduardo da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2010 Português
Relevância na Pesquisa
118.31567%
O hidrogênio molecular (H2) é um gás muito útil nas indústrias químicas e petroquímicas por conta de sua facilidade de reação com outros elementos químicos. Nas refinarias é o principal insumo no processo de remoção do enxofre de diversos combustíveis como a gasolina e óleo diesel, tendo sua demanda aumentada por conta de novas legislações ambientalmente mais restritivas. O hidrogênio é normalmente encontrado na natureza associado a outros elementos químicos, como a água ou os hidrocarbonetos, sendo necessária a aplicação de processos específicos para sua obtenção. Considerada a rota mais econômica para a produção de hidrogênio, o processo de reforma a vapor do gás natural é avaliado pela aplicação da metodologia de análise exergética e termoeconômica, a fim de determinar a eficiência exergética do processo e o custo de produção do hidrogênio. Este custo de produção é muito sensível ao custo do gás natural, fato que pode prejudicar a competitividade desta rota de produção e, consequentemente, abrir a possibilidade de investir na produção de hidrogênio através de tecnologias alternativas. A unidade de geração de hidrogênio estudada está presente em uma das refinarias da Petrobras e sua produção destina-se à remoção do enxofre presente no óleo diesel. Uma planta síntese do processo foi elaborada e as eficiências exergéticas dos componentes foram determinadas. Em seguida...

Qualidade físico-química, incidência de doenças pós-colheita e custo de produção de goiabas ensacadas no campo; Physical-chemical quality, incidence of post-harvest diseases and production cost of field bagged guavas

Tokairin, Tatiane de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/02/2013 Português
Relevância na Pesquisa
118.04423%
O presente estudo buscou identificar as diversas características da goiaba de polpa branca -'Kumagai' e polpa vermelha -'Pedro Sato' ensacadas no campo, em relação à qualidade físico-química, à incidência de doenças pós-colheita e ao custo de produção. O experimento foi realizado no município de Valinhos, interior do estado de São Paulo, e as análises laboratoriais foram feitas na Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz". Com o objetivo avaliar a qualidade físico-química, as goiabas foram ensacadas em dois estádios de desenvolvimento, com 1,5 e 3,0 cm de diâmetro. O ensacamento foi feito com saco de papel branco simples, saco de papel-branco duplo, tecido-não-tecido (TNT), e frutos sem ensacamento, marcados como controle. A metodologia utilizada avaliou o peso do fruto, o diâmetro do fruto, a coloração da casca, a coloração da polpa, a firmeza da polpa, o teor de sólidos solúveis, a acidez titulável e o teor de ácido ascórbico. Após a colheita, os frutos foram mantidos por uma semana em temperatura ambiente controlada (25º C) e avaliados quanto à incidência doenças pós-colheita, de pinta-preta (Guignardia psidii) e antracnose (Colletotrichum spp.); presença ou ausência de larvas de moscas-das-frutas (Anastrepha spp. e Ceratitis capitata) e acúmulo de resíduos químicos aplicados no controle de insetos e de doenças. Por fim...

Análise do custo de produção e lucratividade na cultura de pinha (Annona squamosa L.) na região de Jales-SP, ano agrícola 2001-2002

Pelinson, Gilberto José Batista; Boliani, Aparecida Conceição; Tarsitano, Maria Aparecida Anselmo; Correa, Luiz de Souza
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 226-229
Português
Relevância na Pesquisa
107.72684%
Este trabalho foi realizado na região de Jales-SP, com objetivo de analisar economicamente o cultivo da pinha. Para estimar a matriz de coeficientes técnicos, os custos de produção, os indicadores de lucratividade e os dados foram levantados com cinco produtores de pinha, no ano de 2001-2002. Apesar do custo superior do sistema de produção tecnificado quando comparado com o convencional na cultura da pinha, o sistema tecnificado apresentou-se mais rentável para os produtores rurais da região de Jales, com um lucro operacional por hectare de R$5.301,07 (US$2.031,06) e para o convencional de R$1.720,48 (US$659,19). Isto se deve principalmente por proporcionar benefícios, como antecipação da colheita para períodos de melhores preços, melhoria na qualidade e na quantidade dos frutos.; This work was conduced in Jales region, São Paulo State, Brazil, intending to analyze economically the Anona (Annona squamosa L.) crops cultivation. For the technical matrix coefficients, the production costs and the profitability indicators data were collected in 5 (five) farmers which produced sugar apple in 2001/2002 harvest. Besides the cost of the intensive production system being higher than the conventional one, the intensive production system showed better profitability to the sugar apple farmers in Jales region with an operational profit per hectare of US$ 2...

Análise da substituição técnica dos fatores de produção na atividade de banco de dados eletrônicos: estudo de caso

Paiva, Henrique Gonçalves de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 64 f.
Português
Relevância na Pesquisa
107.65091%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Economia.; O presente Trabalho de Conclusão de Curso é uma pesquisa e aplicação do conceito microeconômico de teoria da firma. Este trabalho identificará a combinação dos fatores de produção de capital e trabalho que a empresa estudada utilizou no decorrer do período de 6 anos. Este identificará as curvas de isoquantas e as retas de isocustos para os anos analisados e, por meio de pesquisa na empresa, procurar identificar o porquê dos deslocamentos das curvas de isoquantas e as retas de isocustos. Dado que esta é a aplicação da teoria econômica numa determinada firma, o presente trabalho justificará as ações tomadas do corpo administrativo e explicar estes movimentos. Trata-se de uma adequação da teoria à realidade de uma determinada empresa. Aplicando a teoria da maximização da quantidade produzida ou e a teoria da minimização do custo de produção, este identificará quais os custos aproximados que otimizariam tanto a quantidade produzida ou então o custo de produção da empresa estudada.

Análise do custo de produção e lucratividade na cultura de pinha (Annona squamosa L.) na região de Jales-SP, ano agrícola 2001-2002

Pelinson,Gilberto José Batista; Boliani,Aparecida Conceição; Tarsitano,Maria Aparecida Anselmo; Correa,Luiz de Souza
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 Português
Relevância na Pesquisa
107.72684%
Este trabalho foi realizado na região de Jales-SP, com objetivo de analisar economicamente o cultivo da pinha. Para estimar a matriz de coeficientes técnicos, os custos de produção, os indicadores de lucratividade e os dados foram levantados com cinco produtores de pinha, no ano de 2001-2002. Apesar do custo superior do sistema de produção tecnificado quando comparado com o convencional na cultura da pinha, o sistema tecnificado apresentou-se mais rentável para os produtores rurais da região de Jales, com um lucro operacional por hectare de R$5.301,07 (US$2.031,06) e para o convencional de R$1.720,48 (US$659,19). Isto se deve principalmente por proporcionar benefícios, como antecipação da colheita para períodos de melhores preços, melhoria na qualidade e na quantidade dos frutos.

Custo de produção de goiabas para mesa produzidas com e sem ensacamento: estudo de caso

Tokairin,Tatiane de Oliveira; Cappello,Fernando Perez; Spósito,Marcel Bellato
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
108.10955%
O ensacamento de goiabas para mesa tem por finalidade proteger os frutos contra o ataque de pragas, reduzir a aplicações e os níveis de resíduo de agroquímicos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a sustentabilidade econômica da produção de goiabas, por meio da comparação do custo de produção entre os sistemas de cultivo com e sem ensacamento dos frutos. Foi realizado um estudo de caso com dados obtidos de uma propriedade comercial de goiabas para mesa no município de Valinhos - SP. O custo de produção foi calculado do Custo Total (CT), composto pelo Custo Operacional (CO) e o Custo Anual de Recuperação do Patrimônio (CARP). Para este estudo de caso, o Custo Total de produção de goiaba ensacada foi de R$ 72.208,39 ha-1, e o da goiaba não ensacada R$ 66.467,30 ha-1. Verificou-se, que para manter a Receita Líquida Total obtida pelo produtor, o preço médio de venda deveria passar de R$ 1,85 kg-1 para, no mínimo, R$ 1,96 kg -1 quando os frutos receberem ensacamento. Ambos os sistemas de produção apresentam-se sustentáveis economicamente.

Análise comparativa dos custos de produção entre soja transgênica e convencional: um estudo de caso para o Estado do Mato Grosso do Sul

Menegatti,Ana Laura Angeli; Barros,Alexandre Lahóz Mendonça de
Fonte: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural Publicador: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2007 Português
Relevância na Pesquisa
107.81753%
A biotecnologia atingiu o elo primordial do complexo soja, ou seja, os produtores. A soja transgênica promove a redução da quantidade necessária de herbicidas e, consequentemente, o custo de produção. O objetivo deste estudo foi a determinação e comparação do custo médio incorrido na produção de soja convencional e transgênica para o Estado do Mato Grosso do Sul na safra 2004/05, através de dados primários, levantados por pesquisa de campo. No presente trabalho apresenta-se a metodologia adotada tanto para a formação do banco de dados quanto para a estrutura contábil propriamente dita. Partindo de uma mesma base metodológica foi possível calcular que o custo da soja transgênica é aproximadamente 14,8% do que a soja cultivada em sistema convencional.

Características agronômicas produtivas, qualidade e custo de produção de forragem em pastagem de azevém (Lolium multiflorum Lam) fertilizada com dois tipos de adubo

Alves Filho,Dari Celestino; Neumann,Mikael; Restle,João; Souza,Alexandre Nunes Motta de; Peixoto,Luis Antero de Oliveira
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2003 Português
Relevância na Pesquisa
107.83684%
Um experimento foi conduzido, com o objetivo de avaliar o comportamento produtivo e qualitativo, bem como, o custo de produção de forragem da pastagem de azevém comum, em pastejo contínuo, fertilizada com dois tipos de adubos: Organo-mineral (AOM) e Químico (AQ). O estabelecimento da pastagem foi em 24/04/1999, com semeadura a lanço e o nível de adubação, em cobertura, foi de 300kg ha-1 do AOM na fórmula 06-08-08 ou do AQ na fórmula 10-18-20. Não houve interação significativa entre os fertilizantes e período de avaliação para as variáveis estudadas. A fonte de nutrientes, para os valores médios, não afetou significativamente o teor de matéria seca (MS) no resíduo (22,6 vs 22,2%), a taxa de acumulação diária (72,3 vs 63,3kg ha-1 de MS), a produção total de forragem (7.518 vs 6.801kg ha-1 de MS), o teor de proteína bruta (12,8 vs 12,7%), a fibra em detergente neutro (57,4 vs 57,4%) e a fibra em detergente ácido (31,0 vs 32,3%), respectivamente, para o AOM e AQ. O custo total da pastagem foi de 225,90 e 253,50 R$ ha-1, e a fonte de nutrientes representou 37,6 e 44,4%, respectivamente, para o AOM e AQ. Para o custo de forragem produzida, os valores foram de 0,030 e 0,037 R$ kg-1 de MS para a pastagem fertilizada com AOM e AQ...

Custo de produção das biomassas de eucalipto e capim-elefante para energia

Quéno,Laurent Marie Roger; Souza,Álvaro Nogueira de; Ângelo,Humberto; Vale,Ailton Teixeira do; Martins,Ildeu Soares
Fonte: UFLA - Universidade Federal de Lavras Publicador: UFLA - Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
108.01486%
Nesse estudo, objetivou-se estabelecer o custo de produção da unidade energética gerada pela biomassa do eucalipto (Eucalyptus sp.), em diferentes tratamentos silviculturais, e pela biomassa do capim-elefante (Pennisetum sp.), e aplicar uma análise de sensibilidade para verificar as influências de fatores como o tratamento silvicultural do eucalipto, a produção volumétrica de cada espécie, o custo da terra e a taxa de juros nos custos de produção analisados. Foi demonstrado que o tratamento do eucalipto em plantio adensado e em curtíssima rotação de dois anos, com reforma do povoamento a cada seis anos, teve um custo médio de produção (CMPr) superior ao sistema convencional com rotação a cada seis anos e reforma aos 18. Observou-se, também, que o eucalipto apresenta, em média, um CMPr de R$ 4,41/Gj, inferior ao do capim-elefante, que, em média, é de R$ 5,44/Gj, mesmo com a capacidade que o último tem de produção anual superior de matéria seca. O capim-elefante tem a possibilidade de competir com o eucalipto quando um conjunto de condições se forma como taxa de juros igual ou superior a 8% a.a., preço da terra elevado e volume do capim-elefante igual ou acima de 35 toneladas de matéria seca por hectare por ano.

Efeito do tipo de sistema de criação nos resultados econômicos de sistemas de produção de leite na região de Lavras (MG)

Lopes,Marcos Aurélio; Lima,André Luis Ribeiro; Carvalho,Francisval de Melo; Reis,Ricardo Pereira; Santos,Íris Cristina; Saraiva,Fernanda Helena
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2004 Português
Relevância na Pesquisa
108.0448%
Objetivou-se com esta pesquisa estudar a rentabilidade da atividade leiteira de sistemas de produção de leite na região de Lavras/MG, analisando a influência do tipo do sistema de criação sobre o custo de produção do leite. Pretendeu-se, ainda, identificar os componentes que exerceram maior influência sobre os custos finais da atividade e também o ponto de equilíbrio. Os dados utilizados foram provenientes de 16 sistemas de produção alocados em um de três tipos de sistemas de criação (em regime de pastejo, semiconfinado e confinado), localizados na região de Lavras, coletados mensalmente durante o período de janeiro de 2002 a junho de 2003. O processamento eletrônico dos dados, bem como a análise de rentabilidade foi realizada pelo software Custo Bovino Leite®, considerando a margem bruta, a margem líquida e o resultado (lucro ou prejuízo) como indicadores de eficiência econômica. O tipo do sistema de criação influenciou o custo total de produção do leite e, portanto, a lucratividade e rentabilidade, sendo os sistemas de produção em confinamento os que apresentaram os menores custos unitários. O tipo do sistema de criação influenciou os "pesos" dos itens componentes do custo operacional efetivo da atividade leiteira...

Resultados econômicos de sistemas de produção de leite com diferentes níveis tecnológicos na região de Lavras MG nos anos 2004 e 2005

Lopes,Marcos Aurélio; Dias,Alessandra Silva; Carvalho,Francisval de Melo; Lima,André Luis Ribeiro; Cardoso,Milton Ghedini; Carmo,Eliane Almeida do
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2009 Português
Relevância na Pesquisa
107.9859%
Estudou-se a rentabilidade da atividade leiteira na região de Lavras/MG, analisando a influência do nível tecnológico sobre o custo de produção do leite. Foram identificados os componentes com maior influência sobre os custos finais da atividade e calculado o ponto de equilíbrio. Os dados, provenientes de 17 sistemas de produção, representando os níveis tecnológicos baixo, médio e alto, foram coletados mensalmente, entre janeiro de 2004 e dezembro de 2005. Considerou-se a margem bruta, a margem líquida e o resultado (lucro ou prejuízo) como indicadores de eficiência econômica. O nível tecnológico influenciou os itens componentes do custo operacional efetivo da atividade leiteira, bem como o custo total de produção do leite - a lucratividade e rentabilidade. Os sistemas de produção com nível tecnológico médio apresentaram o menor custo total unitário. A margem líquida positiva nos três níveis tecnológicos indica que os pecuaristas conseguem produzir a médio prazo; e por apresentar resultado negativo, os pecuaristas que adotaram médio nível tecnológico, a longo prazo, estão se descapitalizando.

Características de carcaça e análise do custo de sistemas de produção de cordeiras ½ Dorset Santa Inês

Santello,Graziela Aparecida; Macedo,Francisco de Assis Fonseca de; Mexia,Alexandre Agostinho; Sakaguti,Eduardo Shiguero; Dias,Fábio Jacobs; Pereira,Marcelo Farid
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2006 Português
Relevância na Pesquisa
107.66129%
Um experimento foi realizado com os objetivos de avaliar as características de carcaça de cordeiras ½ Dorset Santa Inês e comparar o custo de produção e o retorno econômico de dois sistemas de terminação. Após o desmame, 44 cordeiras foram divididas em dois sistemas de terminação: confinamento - ração (4% PV) com 15,56% de PB e 4,32 Mcal de EB/kg MS; e pastagem + suplementação (1,5% de ração, com base no peso vivo), com 27,01% PB e 4,51 Mcal de EB/kg MS. Os custos da ração e do suplemento foram de R$0,39 e R$0,54, respectivamente. Os animais foram abatidos ao atingirem peso corporal médio de 30 kg. Os valores médios para os pesos da carcaça quente e fria foram de 14,33 e 14,11 kg e 13,91 e 13,6 kg, os rendimentos verdadeiros médios de 55,81 e 55,61% e os comerciais de 46,39 e 46,04%, respectivamente, para confinamento e pastagem + suplementação. As médias para condição corporal e índices de compacidade da carcaça e da perna das cordeiras terminadas em confinamento e pastagem + suplementação foram, respectivamente, de 3,03 e 2,96; 0,21 e 0,20 kg/cm e 0,43 e 0,44 cm/cm. As características idade ao abate, condição corporal, pesos da carcaça quente e fria, rendimentos verdadeiro e comercial da carcaça e índices de compacidade da carcaça e da perna não diferiram entre os tratamentos. Portanto...

Análise do custo de produção e da comercialização do melão orgânico produzido na região do Submédio São Francisco.

ARAÚJO, J. L. P.; CORREIA, R. C.; ARAÚJO, E. P.; LIRA, M. O. de.
Fonte: In: CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ECONOMIA E SOCIOLOGIA RURAL, 43.; INTERNATIONAL PENSA CONFERENCE ON AGRI-FOOD CHAIN/NETWORK ECONOMICS AND MANAGEMENT, 5., 2005, Ribeirão Preto, SP. Anais... Ribeirão Preto : FEARP; USP; PENSA; FUNDECE; SOBER, 2005. 1 CD-ROM. Publicador: In: CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ECONOMIA E SOCIOLOGIA RURAL, 43.; INTERNATIONAL PENSA CONFERENCE ON AGRI-FOOD CHAIN/NETWORK ECONOMICS AND MANAGEMENT, 5., 2005, Ribeirão Preto, SP. Anais... Ribeirão Preto : FEARP; USP; PENSA; FUNDECE; SOBER, 2005. 1 CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
107.60918%
A região do Submédio São Francisco, que é o terceiro maior pólo de produção de melão do país, vem registrando nas duas últimas décadas uma drástica redução nas áreas de cultivos dessa fruta devido a baixa lucratividade da atividade quando comparada ao desempenho econômico de outros produtos hortifrutícolas explorados na zona. Entretanto, motivados pelo crescimento significativo do mercado de produtos orgânico, os produtores de melão da região estão aderindo a esse processo de cultivo como alternativa para tornar a exploração mais rentável. Considerando que a produção de melão orgânico ainda está em processo de formação na região em análise, torna-se necessário a realização de estudos que revelem o comportamento de seus custos e a rentabilidade da sua exploração. Este trabalho teve como objetivo analisar os custos de produção e de comercialização e a rentabilidade do melão orgânico produzido na região do Submédio São Francisco e comercializado no mercado de São Paulo. O estudo revela que a exploração do melão orgânico na região do Submédio São Francisco é uma atividade rentável, visto que, nos diversos parâmetros de desempenho econômico analisados, os resultados foram bastante expressivos.; 2005

Uso da modelagem como ferramenta de apoio à tomada de decisão em um sistema de produção de ovinos de corte.

BEZERRA, F. G. S.; GUIMARÃES, V. P.; HOLANDA JÚNIOR, E. V.; ALBUQUERQUE, F. H. M. A. R. de; BOMFIM, M. A. D.; OLIVEIRA, L. S.; SANTOS, A. da S.
Fonte: In: CONGRESSO NORDESTINO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 5.; SIMPÓSIO NORDESTINO DE ALIMENTAÇÃO DE RUMINANTES, 11.; SIMPÓSIO SERGIPANO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 1., 2008, Aracaju. Anais... Aracaju: Sociedade Nordestina de Produção Animal; Embrapa Tabuleiros Costeiros, 2008. 3 f.1 CD ROM. Publicador: In: CONGRESSO NORDESTINO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 5.; SIMPÓSIO NORDESTINO DE ALIMENTAÇÃO DE RUMINANTES, 11.; SIMPÓSIO SERGIPANO DE PRODUÇÃO ANIMAL, 1., 2008, Aracaju. Anais... Aracaju: Sociedade Nordestina de Produção Animal; Embrapa Tabuleiros Costeiros, 2008. 3 f.1 CD ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
107.82201%
O planejamento é um instrumento indispensável ao sucesso de um empreendimento. O uso de modelos matemáticos e instrumentos computacionais mostram-se interessantes como ferramentas à tomada de decisões. Objetivou-se desenvolver um modelo capaz de estimar a dinâmica da demanda de mão-de-obra, em um sistema de produção de carne e pele ovina, identificando as épocas de maior emprego desse componente e seu custo. Utilizou-se para tal, o programa Vensim, produzido pela Ventana Systems®. Os resultados mostram que a mão-de-obra destinada às estações de monta e nascimento, foram as que mais influenciaram a dinâmica. O consumo permaneceu próximo às 3,74 horas/dia, aumentando para 5,74 horas/dia durante as estações de monta e nascimento. O custo com mão-de-obra ficou em torno de R$224,60/mês na maioria dos meses e R$344,60/mês nas épocas de maior demanda. Como as estações de monta e nascimento ocorreram próximas, o proprietário terá que dispor de aproximadamente R$1.246,56 no período. Neste caso, o produtor poderá optar pela contratação de diaristas. O uso dessa metodologia pode diminuir a vulnerabilidade e o risco da propriedade, possibilitando atingir as metas pretendidas, além de tornar visível a dinâmica dos eventos do sistema. Todavia para o uso dessa metodologia é importante o conhecimento da relação das variáveis do sistema e para que as simulações possam representar uma realidade...

Custo da implantação de sistemas de produção silvipastoris em São Carlos, SP.

VINHOLIS, M. de M. B.; NICODEMO, M. L. F.; SANTOS, P. M.; COLA, G. G.
Fonte: In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 30., 2010, São Carlos, SP. Maturidade e desafios da engenharia de produção: competividade das empresas, condições de trabalho, meio ambiente - anais. São Carlos: ABEPRO, 2010. Publicador: In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 30., 2010, São Carlos, SP. Maturidade e desafios da engenharia de produção: competividade das empresas, condições de trabalho, meio ambiente - anais. São Carlos: ABEPRO, 2010.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
107.94516%
Produção pecuária tradicional gerou um grande passivo ambiental. As preocupações recentes com qualidade da carne, bem-estar animal e proteção ambiental estão perfeitamente sintonizadas com sistemas de produção de base ecológica, como sistemas agroflorestais, e neste caso, com uma de suas modalidades, sistemas silvipastoris. Este trabalho tem por objetivo avaliar o custo de implantação de sistemas silvipastoris com espécies florestais nativas. Uma área de 11,7 ha formada com pastagens degradadas foi plantada com sete espécies florestais nativas em renques com três linhas de árvores espaçados de 15 m. O sistema 1 consiste da produção animal nas entrelinhas (integração pecuária-floresta) e o sistema 2 inlcui o cultivo agrícola nas entrelinhas com o objetivo de alimentação animal na seca (integração lavoura-pecuária-floresta). O custo total de implantação do sistema1 foi de R$4.398,76/ha e o do sistema 2 foi de R$4.446,72/ha.; 2010

Estudo econômico de sistemas fertirrigados na cultura da bananeira (Musa sp.), cultivar Willians; Economic study of fertirrigation system in banana crop (Musa sp.), 'Willians' cultivar

MARTINS, Adriana Novais; FURLANETO, Fernanda de Paiva Badiz; DIAS, Naíssa Maria Silvestre; SUGUINO, Eduardo
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
107.73211%
O Brasil ocupa a quarta posição no ranking dos países produtores de banana. O Estado de São Paulo é responsável por aproximadamente 17% da produção nacional. As áreas de produção de banana, antes restritas à faixa litorânea do Estado, estão expandindo-se e ocupando regiões do planalto paulista. Para atingir altas produtividades, com frutas de qualidade, os bananicultores estão adotando novas tecnologias, sendo que a fertirrigação vem ocupando lugar de destaque nos novos sistemas produtivos. Com o objetivo de avaliar a economicidade do uso do nutriente potássio em diferentes doses (0; 300; 600 e 900 kg K2O.ha-1.ano-1) em plantio experimental, na região do Médio Paranapanema, Estado de São Paulo, foram estimados os valores do custo de produção e de indicadores econômicos, como o Custo Operacional Total (COT), a Receita Líquida e o Índice de Rentabilidade, de sistemas fertirrigados na cultura da bananeira. De acordo com a metodologia adotada, o uso do potássio, na dose de 900 kg de K2O.ha-1.ano-1, aplicado através de sistema de fertirrigação, pode ser recomendado para o plantio de bananeira, cultivar Willians, na região do Médio Paranapanema, Estado de São Paulo.; Brazil is in the fourth ranking position in the banana producing countries. The state of Sao Paulo accounts for approximately 17% of the national production. The areas of banana production...

Análise comparativa do custo de produção e rentabilidade da uva \'Niágara Rosada\' cultivada em diferentes regiões do Estado de São Paulo; Comparative analysis of production costs and profitability of \'Niagara Rosada\' grape grown in different regions of São Paulo State

Cappello, Fernando Perez
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
108.1671%
A \'Niágara Rosada\' (Vitis labrusca) é a principal cultivar de mesa produzida no Estado de São Paulo. Esta cultivar apresenta maior rusticidade e menor custo de produção em relação às cultivares de uva fina (Vitis vinifera L.) por ser mais resistente às doenças fúngicas, ter menor custo com mão-de-obra e insumos, pelo menor número de pulverizações e pela ausência de alguns tratos culturais. No Estado de São Paulo, sua produção concentra-se, principalmente, nos Escritórios de Desenvolvimento Rural (EDR) de Campinas, Itapetininga e Jales, e é cultivada sob diferentes sistemas de produção. O objetivo do trabalho foi analisar a viabilidade econômica da cultivar \'Niágara Rosada\' nos principais EDRs produtores do Estado de São Paulo. Para isso, foram realizados painéis e estudos de caso com produtores para elaboração do custo de produção, rentabilidade da cultura e análise de investimento, para o ano de 2012, nas diferentes regiões produtoras. No EDR de Campinas, foi avaliado o período de safra principal e temporã, no qual o Custo Total (CT) foi R$ 1,57 por quilo, com uma Receita Líquida Total (RLT) de R$ 0,89 por quilo de uva. Ao considerar apenas a safra principal do EDR de Campinas, a queda na produção elevou o custo e diminuiu a rentabilidade de forma que o CT foi de R$ 1...

Análise de custo de produção e lucratividade de bananeira 'Nanicão Jangada' sob duas densidades de cultivo em Ilha Solteira-SP

ZONETTI,PATRICIA DA COSTA; TARSITANO,MARIA APARECIDA ANSELMO; SANTOS,PEDRO CÉSAR DOS; SILVA,SIMÃO CORRÊA E; PETINARI,RICARDO ALESSANDRO
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2002 Português
Relevância na Pesquisa
107.945%
Em fruticultura, existe hoje uma grande tendência de aumento da densidade de cultivo, procurando com isso uma maior produção por área. Pretendeu-se, neste trabalho, desenvolvido em Ilha Solteira-SP, estimar e analisar comparativamente o custo de produção e a lucratividade de bananeira-'Nanicão Jangada', sob duas densidades de cultivo: 1666 plantas (3,0mx2,0m) e 2500 plantas (2,0mx2,0m). Para o cálculo do custo, utilizou-se a estrutura do custo total de produção (CTP). Considerando os dois ciclos produtivos do bananal, o espaçamento de plantio mais adensado (com maior número de plantas por área) apresentou resultados econômicos mais satisfatórios que os obtidos para o cultivo menos adensado. A cultivar 'Nanicão Jangada' é uma alternativa de cultivo viável para a região de Ilha Solteira-SP.

Custos de produção de biodiesel no Brasil.

BARROS, G. S. de C.; SILVA, A. P.; PONCHIO, L. A.; ALVES, L. R. A.; OSAKI, M.; CENAMO, M.
Fonte: Revista de Política Agrícola, Brasília, DF, ano 15, n. 3, p. 36-50, jul./set. 2006. Publicador: Revista de Política Agrícola, Brasília, DF, ano 15, n. 3, p. 36-50, jul./set. 2006.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
117.77387%
Este estudo apresenta cálculos e análises dos custos de produção do biodiesel partindo da agricultura até a usina. Foi considerada a produção do biocombustível a partir de seis matérias-primas agrícolas, nas cinco macrorregiões do País, em três escalas industriais. Numa das frentes, calculou-e o custo considerando-se a inserção da matéria-prima agrícola a custo de produção e, noutra instância, partindo do seu preço regional de mercado. O trabalho considera unidades industriais que integram o esmagamento da matéria-prima agrícola para a obtenção de óleo e o processamento do biodiesel propriamente. Os cálculos e análises do biodiesel foram feitos considerando o custos e receitas dos ?subprodutos? tanto da etapa de esmagamento quanto de elaboração do biodiesel na contabilidade total, sejam esses positivos ou negativos, sem incluir margem de comercialização. Neste caso, portanto, ora o valor do biodiesel pode aumentar para compensar os prejuízos de subprodutos ora ser reduzindo por assimilar lucro com derivados do processo. Os resultados gerais apontam que o biodiesel a partir de caroço de algodão no Nordeste é o mais barato do Brasil.; 2006