Página 1 dos resultados de 1388 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Seleção de plantas resistentes e de fungicidas para o controle da "morte prematura" do maracujazeiro, causada por Nectria haematococca e Phytophthora parasitica.; Selection of resistant plants and fungicides for the control of passion fruit "premature death", caused by Nectria haematococca and Phytophthora parasitica.

Fischer, Ivan Herman
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
O presente trabalho teve por objetivos avaliar métodos de inoculação de Nectria haematococca e Phytophthora parasitica e idades de Passiflora edulis f. flavicarpa suscetíveis à infecção; avaliar a ocorrência de damping-off e podridão de colo do maracujazeiro em solo infestado; avaliar o comportamento de diferentes Passsifloraceas e genótipos de maracujazeiro amarelo aos respectivos patógenos; realizar testes de controle químico in vitro, tratamento químico erradicante em solo infestado e tratamento químico curativo em P. edulis f. flavicarpa para os respectivos patógenos. Inoculações no colo das plantas de P. edulis f. flavicarpa proporcionaram maiores níveis de doença comparadas às inoculações no sistema radicular, previamente ferido. Os resultados sugerem que N. haematococca seja um patógeno que penetra através de ferimentos. A mortalidade foi maior quando a inoculação foi realizada em plantas mais jovens e quando os patógenos N. haematococca e P. parasitica estavam em associação. Dentre as 17 espécies de Passiflora avaliadas para resistência aos patógenos, as espécies P. nitida, P. laurifolia e P. alata apresentaram as menores médias de lesões de N. haematococca, enquanto que para P. parasitica foram as espécies P. suberosa...

Análise dos efeitos secundários decorrentes da aplicação de fungicidas sistêmicos à cultura do feijoeiro (Phaseolus vulgaris); Study of secondary effects coming from application of systemic fungicides in drybeans (Phaseolus vulgaris)

Veiga, José Soto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.458572%
Quando os fungicidas sistêmicos ou com ação de profundidade passaram a ser adotados como parte dos programas comerciais de manejo de doenças de plantas, duas coisas aconteceram: o controle obtido passou a ser maior, porque estes fungicidas possuem maior período de controle residual e porque têm algum poder curativo, e passou-se a observar e relatar efeitos secundários, fisiológicos destes produtos sobre as plantas tratadas. Com efeito, muitos artigos disponíveis hoje na literatura descrevem diferentes efeitos fisiológicos provenientes da aplicação de fungicidas em várias plantas cultivadas. A maior parte destes trabalhos foi conduzida sob condições de uso relativamente intenso dos fungicidas, tais como aplicações seqüenciais, ou uso em plantas em vaso em casas de vegetação. Poucos deles trazem informação clara sobre a intensidade das doenças ocorrentes, tampouco sobre o controle oferecido pelos produtos utilizados. Sob este aspecto, não é fácil estabelecer de forma confiável qual a real importância destes efeitos fisiológicos no manejo comercial das doenças das plantas cultivadas. Mas existe farto material promocional disponível proclamando os benefícios provenientes dos efeitos fisiológicos de alguns fungicidas. O objetivo dos trabalhos desta dissertação foi quantificar o máximo de efeitos secundários oriundos da aplicação a campo (em condição mais próxima possível do uso comercial) de diferentes fungicidas...

Ação de fungicidas e indutores de resistência no controle da requeima e pinta preta na cultura da batata; Fungicides and resistance inductors action in the control of late and early blight in potato crops

Tofoli, Jesus Guerino
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/04/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.496348%
A requeima, causada pelo oomiceto Phytophthora infestans e a pinta preta, causada pelo fungo Alternaria solani, estão entre as doenças mais importantes e destrutivas da cultura da batata no Brasil e no mundo. Considerando a importância do controle químico em sistemas integrados e a necessidade de se conhecer detalhadamente o desempenho de fungicidas e indutores de resistência visando à sustentabilidade da produção, o presente estudo objetivou caracterizar e comparar a ação preventiva, residual, curativa, anti-esporulante e resistência à chuva de fungicidas em condições controladas, bem como, avaliar em campo o potencial de controle de fungicidas e indutores de resistência e seus reflexos sobre a produtividade total e comercial de tubérculos. Todos os fungicidas promoveram elevada ação preventiva contra a requeima e a pinta preta. Os fungicidas sistêmicos ou com alta tenacidade proporcionaram controle das duas doenças até os 12 DAP, enquanto que os fungicidas translaminares até os 9 DAP. Quanto à ação curativa e anti-esporulante destacaram-se principalmente os fungicidas sistêmicos aplicados até as 24 horas após a inoculação (HAI). Os fungicidas translaminares foram capazes de inibir a requeima quando aplicados até 12 HAI e os de contato destacaram-se apenas para ação preventiva. Semelhantemente...

Podridão floral dos citros: dinâmicas temporal e espacial, sensibilidade de Colletotrichum acutatum a fungicidas e controle da doença; Postbloom fruit drop: temporal and spatial dynamics, sensitivity of Colletotrichum acutatum to fungicide and disease control

Silva Junior, Geraldo José da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/08/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.405981%
A Podridão Floral dos Citros (PFC), causada por Colletotrichum acutatum, foi observada em 1956/57 em Belize e relatada posteriormente em 1979. Neste mesmo ano a PFC também foi relatada no Brasil e, desde então, tem causado prejuízos todas às vezes nas quais o período de florescimento coincide com a ocorrência de chuvas. O controle da PFC é realizado principalmente por meio de pulverizações preventivas com fungicidas. O uso indiscriminado de fungicidas com o mesmo modo de ação pode selecionar indivíduos resistentes. O conhecimento da epidemiologia da PFC pode gerar informações precisas a serem utilizadas na elaboração de estratégias de manejo no campo, bem como melhorar a eficiência do controle químico da doença. Assim, foi proposto este trabalho com os objetivos de: i) caracterizar as dinâmicas temporal e espacial da PFC em pomares jovens de laranja doce; ii) avaliar in vitro a sensibilidade de isolados de C. acutatum a fungicidas e; iii) avaliar o efeito de diferentes fungicidas, intervalos de aplicação e programas de pulverização no controle da PFC no campo. A dinâmica temporal e espacial da PFC foi caracterizada em três talhões de 2 a 4 anos de idade com 500 plantas cada. Crescimento explosivo da PFC foi observado com altas taxas diárias de progresso (r) descritas pelo modelo logístico de 0...

Hidrocondicionamento de sementes de soja e momentos de aplicação de fungicidas; Soybean seeds hydropriming and time of fungicides application

Costa, Denis Santiago da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.405981%
O condicionamento fisiológico é uma técnica aplicável para sementes de várias espécies vegetais. No entanto, para as sementes de soja há restrição de informação que relacione o condicionamento fisiológico à utilização de fungicidas. Dessa forma, o objetivo dessa pesquisa foi avaliar o condicionamento fisiológico de sementes de soja em água (hidrocondicionamento) associado a momentos distintos para a aplicação dos fungicidas. Para tanto, foram uti lizadas sementes de soja, cultivar MSOY 7908 (Peneira 7), representadas por três lotes (1, 2 e 3). Após a caracterização da qualidade das sementes, em relação aos parâmetros físicos (teor de água e injúria mecânica), fisiológicos (viabilidade e vigor) e sanitário, foram constituídos os seguintes tratamentos, sementes: correspondentes à testemunha, hidrocondicionadas e secas, tratadas com os fungicidas Carboxina+Tiram e Fludioxonil+MetalaxylM, hidrocondicionadas com os fungicidas Carboxina+Tiram e Fludioxonil+MetalaxylM incorporados à água do condicionamento e secas, hidrocondicionadas, secas e tratadas com os fungicidas Carboxina+Tiram e Fludioxonil+MetalaxylM e tratadas com os fungicidas Carboxina+Tiram e Fludioxonil+MetalaxylM, hidrocondicionadas e secas. Para a avaliação desses tratamentos as sementes foram analisadas em duas épocas. A avaliação geral dos resultados...

Utilização de fungicidas e relações com a qualidade e a conservação de sementes de arroz; Use of fungicides and relations with the quality and conservation of rice seeds

Dario, Iuri Stéfano Negrisiolo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2015 Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
O Brasil é o 9° produtor mundial de arroz e o primeiro fora do continente asiático, com produção de 12,2 milhões de toneladas em 2,4 milhões de hectares na safra 2013/14. A incidência de doenças é um dos principais fatores que afeta a produção do arroz (Oryza sativa L.) no Brasil e o tratamento de sementes com fungicidas é atividade recente. Esta pesquisa tem como objetivo avaliar a interferência da aplicação de fungicidas na qualidade das sementes de arroz, em função do período e do ambiente de armazenamento. A pesquisa foi desenvolvida no Laboratório de Análise de Sementes, Departamento de Produção Vegetal, Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" - Universidade de São Paulo, sendo utilizadas sementes de arroz dos cultivares SCS 118, BRS Pampa e IRGA 424, 3 lotes de cada cultivar, representadas pelo controle e pelas aplicações dos fungicidas Penflufem + Trifloxistrobina, Metalaxil + Tiabendazol + Fludioxonil e Piraclostrobina + Tiofanato-metílico + Fipronil, nas doses de 50, 100 e 150 ml / 100 kg de sementes de arroz, respectivamente; as sementes foram avaliadas 1, 15, 30, 60 e 120 dias após o tratamento. O armazenamento das sementes foi realizado por 120 dias, em ambientes natural e controlado (10ºC e 20% UR). Para determinar a qualidade das sementes foram avaliados o teor de água...

Fungicidas de efeitos fisiológicos no desenvolvimento de plantas de pimentão enxertadas e não enxertadas sob cultivo protegido

Freitas Filho, Arleneo Machado de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: x, 54 f. : il. color., , grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
37.371113%
Pós-graduação em Agronomia (Horticultura) - FCA; Até pouco tempo os fungicidas eram usados exclusivamente para o controle de doenças, no entanto, observações de efeitos fisiológicos trouxeram um novo conceito para o uso desses produtos. As estrobilurinas possuem efeitos fisiológicos positivos no rendimento das culturas, devido ao aumento da fotossíntese líquida e melhor balanço hormonal. Já o boscalida complementa a ação desses fungicidas, aplicado alternadamente ou em conjunto. O experimento foi instalado e conduzido na Fazenda Experimental São Manuel, pertencente à Faculdade de Ciências Agronômicas da UNESP, Campus de Botucatu. O trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da aplicação de diferentes fungicidas na fisiologia e produtividade de plantas de pimentão (Capsicum annuum L.) enxertadas e não enxertadas em ambiente protegido. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com quatro repetições. Foram dez tratamentos resultantes do fatorial: cinco fungicidas x plantas não enxertadas e enxertadas. Os tratamentos com fungicidas foram T1- Testemunha, T2- boscalida + cresoxim-metílico: 10 g + 20 g ingrediente ativo (i.a.) 100 L-1 água, T3- boscalida: 10 g i.a. 100 L-1 água, T4- piraclostrobina: 7...

Ação de fungicidas e acibenzolar-se-methyl no controle da pinta preta do tomateiro

Tofoli, Jesus Guerino
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiii, 123 f.
Português
Relevância na Pesquisa
37.434624%
Pós-graduação em Agronomia (Proteção de Plantas) - FCA; O presente trabalho visou verificar a ação “in vitro” e “in vivo” de alguns fungicidas e do indutor de resistência acibenzolar-S-methyl (BTH) no controle da pinta preta do tomateiro e seus reflexos na produção. A ação “in vitro” de fungicidas, nas concentrações de 0, 1, 10 e 100 μgmL-1 do ingrediente ativo, foi verificada com base no crescimento micelial, germinação de conídios e efeito anti-esporulante sobre A. solani. Em condições de casa de vegetação foram estudadas as ações: preventiva, residual e curativa de fungicidas em cultivares com diferentes níveis de resistência a pinta preta. Em experimentos de campo, realizados nos municípios paulistas de Sumaré (1999), Socorro (2000) e Bragança Paulista (2000 e 2001), foi avaliada a ação de diferentes grupos fungicidas e acibenzolar-S-methyl (isolado, em mistura com fungicidas e em programas de aplicação) sobre: a severidade da doença (folíolos e hastes); redução de área foliar; incidência de frutos sadios; doentes e danificados pelo sol; massa fresca de frutos sadios, produção em kilos por 10 plantas e porcentagem de frutos grandes, médios e pequenos (Bragança Paulista, 2001). Todos os fungicidas apresentaram ação positiva e diferenciada para todos os parâmetros avaliados...

Metodologia e avaliação de resistência de Sphaerotheca fuliginea a fungicidas em cucurbitáceas

Linhares, Andréa Iruzun
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: x, 87 f. : il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
Pós-graduação em Agronomia (Proteção de Plantas) - FCA; O presente trabalho teve como objetivos comparar métodos de monitoramento de resistência de Sphaerotheca fuliginea, causador de oídio em cucurbitáceas, a fungicidas; avaliar a sensibilidade de isolados procedentes de vários locais a fungicidas e verificar a influência de doses de fungicidas na sensibilidade do patógeno. Foram comparados três variações de métodos de avaliação de resistência com discos cotiledonares: flutuando e imersos em solução aquosa do fungicida e retirados de plantas de pepino pulverizadas com fungicida. As culturas foram incubadas por 12 dias em sala de crescimento (222ºC e 12 h luz) e então avaliadas pela área foliar colonizada pelo patógeno. A sensibilidade de isolados, coletados na BA, no DF, em MG, RS e SP, foi verificada pelo método do disco foliar flutuando em solução do fungicida e a inoculação, as condições de crescimento e a avaliação conforme descrito acima. Determinou-se a concentração mínima inibitória (CMI) dos isolados para os fungicidas fenarimol (FE) e tebuconazole (TE) (nas concentrações de 0; 0,001; 0,01; 0,1 e 1 g.mL-1); benomyl (BE) e tiofanato metílico (TM) (0; 6,3; 12,5; 25 e 50 g.mL-1) e azoxystrobin (AZ) (0; 0...

Número mínimo de aplicações de fungicidas no controle das cercosporioses da cultura do amendoim

Ruas, Anderson Robert
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xi, 41 p. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
Pós-graduação em Agronomia (Produção Vegetal) - FCAV; The early and late leaf spot in peanut crop are responsible for an important economic damage. Represents by Cercospora arachidicola and Cercosporidium personatum, the early and late leaf spot can occasion production damages in the peanut crop between 50 – 70 %. Among the control measure, the use of contact and systemic fungicide are important. Currently, the sprays are previous established on a set 14 – 15 days schedule, beginning in the 20-30 days after the plants emerge. The previously established of fungicides application has generate a huge problems, related to the bad positioning and the use of fungicides, like in the wrong moment of application, or in the absence in fundamental moment to the control of the disease. It was evaluated the efficiency and a minimum number of fungicides applications in the control of early and late leaf spot in peanut crop. The fungicides evaluated were chlorothalonil, epoxiconazol + pyraclostrobin in the dosages of 4 ml and 2.4 ml/L, applied over 15 days, in field condition located in Jaboticabal and Ibitinga, state of São Paulo . Fungicides were applied using a CO2 pressurized backpack sprayer, and flow of 250 L of spray per hectare. It was adopted the randomized block design...

Resistência a fungicidas estrobilurinas em populações de Pyricularia oryzae de áreas de trigo no Brasil

Oliveira, Samanta Cristiene de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 51 f. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
Pós-graduação em Agronomia - FEIS; Wheat blast disease caused by Pyricularia oryzae is the most important across central- southern Brazil. Its control has relied strongly on strobilurin fungicides (Quinone oxidase inhibitors, QoI). Resistance to QoI (QoI-R) has been reported for several pathosystems worldwide. In this study we tested the hypothesis that the main Brazilian populations of P. oryzae associated with wheat remain sensitive to QoI fungicides. In contrast, the alternative hypothesis that extensive and consecutive use of QoI fungicides in the last two decades for the management of wheat blast in the Center-South region of Brazil was tested, led to the emergence and widespread distribution QoI-R in populations P. oryzae associated with the wheat in the main growing areas of the country. It is determined also whether other species of grasses adjacent fields of wheat plants housed QoI R-populations of P. oryzae, serving as a resistant pathogen inoculum reservoir. The main objectives were to study the occurrence and distribution of resistance to QoI fungicides in P. oryzae populations associated with wheat and other species of plants grasses adjacent to wheat fields in South-Central Brazil, examining mutations in the cytochrome b gene (cyt b) and determining the sensitivity of the isolates of P. oryzae azoxystrobin in vitro experiments. In this study...

Degradação biológica de fungicidas em amostras de solo: estudo do orocesso de biodegradação do metalaxil e do folpete por culturas microbianas mistas em amostras de solo

Martins, Maria do Rosário Caeiro
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.371113%
A selecção de microrganismos do solo aptos para degradar compostos xenobióticos, como os fungicidas, pode ser particularmente útil para a biorremediação destes compostos no solo e evitar, assim, possíveis efeitos nefastos destes compostos como a degradação da qualidade do solo e das reservas de água e a consequente ameaça para os ecossistemas e seres vivos. O metalaxil e o folpete são fungicidas de largo espectro de acção frequentemente aplicados, em associação, a várias culturas no controlo de fitopatogénicos da ordem Peronosporales, nomeadamente da Plasmopara vitícola (míldio da videira). O metalaxil possui um baixo coeficiente de adsorção no solo e um tempo de meia-vida geralmente elevado e variável com o tipo de solo. Uma vez que possui grande mobilidade nos solos e sofre uma lixiviação significativa, pode atingir concentrações elevadas no subsolo e contaminar facilmente águas subterrâneas. A presença de resíduos destes fungicidas nos alimentos ou nas águas bebíveis pode ser bastante nefasta para a saúde, nomeadamente em termos de toxicidade crônica, pelo que se torna importante proceder à biorremediação destes xenobióticos nos solos e águas. Os estudos realizados foram efectuados com o objectivo principal de seleccionar...

Efeito de fungicidas e influência de fatores climáticos sobre a mancha manteigosa no cafeeiro

Ferreira,Josimar Batista; Abreu,Mario Sobral de; Pereira,Igor Souza; Fernandes,Katiucia Dias; Pereira,Ricardo Borges
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
Neste trabalho, objetivou-se avaliar a eficiência de alguns fungicidas no controle da mancha manteigosa (Colletotrichum gloeosporioides) do cafeeiro (Coffea arabica L.) em campo, e verificar os efeitos climáticos no progresso da doença. Foram conduzidos ensaios sobre cafeeiros da cultivar Catucaí Vermelho, com aproximadamente 8 anos de idade. Os fungicidas testados foram: tetraconazol, triadimenol, chlorotalonil e mancozeb, nas dosagens de 1,0L/ha, 12Kg/ha, 3Kg/ha e 2Kg/ha, respectivamente. Coletaram-se dados climáticos diariamente, no período de outubro de 2004 a maio de 2006. Os fungicidas chlorotalonil e triadimenol foram os que proporcionaram os melhores resultados de eficiência de controle do progresso de morte de ramos e frutos, destacando a produção de frutos cereja. Entre os meses de outubro a janeiro, verificou-se elevado progresso de mortes de ramos influenciado pelas altas precipitações pluviais. Os fungicidas tetraconazol e o mancozeb mostraram-se ineficientes. Plantas com mancha manteigosa, mesmo quando pulverizadas com fungicidas, tiveram significativa queda de frutos, enquanto plantas sadias apresentaram produções 95% superiores àquelas.

Efeito de fungicidas sobre a biologia e populações de insetos associados à cultura da soja

Santos, Antonio Alberto dos
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.458572%
Resumo: Estudou-se a influência de fungicidas utilizada no controle da ferrugemasiática- da-soja sobre parâmetros biológicos e populacionais das lagartas Anticarsia gemmatalis e Chrysodeixis includens, através da mistura dos produtos comerciais na dieta artificial, e dos percevejos Euschistus heros e Podisus nigrispinus através da aplicação tópica, administradas em 2 doses. Foram analisados o consumo e assimilação da dieta pelas lagartas, peso de pupa e tempo de desenvolvimento. A fecundidade das fêmeas e a ação ovicida dos produtos também foram avaliadas. A ação sobre a ocorrência dos insetos em campo também foi estudada. Os fungicidas com os ingredientes ativos tetraconazol (125g de i.a./L) e tetraconazol (100g de i.a./L), trifloxistrobina + tebuconazol (100/200g de i.a./L) e trifloxistrobina + ciproconazol (375/160g de i.a./L), provocaram 100% de mortalidade em A. gemmatalis. Ciproconazol + picoxistrobina (80/200g de i.a./L), trifloxistrobina + tebuconazol (100/200g de i.a./L), trifloxistrobina + ciproconazol (187,5/80g de i.a./L), azoxistrobina + tetraconazol (100/80g de i.a./L), tebuconazol (200g de i.a./L), azoxistrobina + ciproconazol (200/80g de i.a./L), flutriafol + tiofanato-metílico (60/300g de i.a./L)...

Produção de inóculo, efeito de extratos vegetais e de fungicidas e reação de genótipos de soja à Sclerotinia sclerotiorum; Inoculum production, the effect of vegetable extracts and fungicides and soybean genotypes reaction to Sclerotinia sclerotiorum

Garcia, Riccely Ávila
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.434624%
A podridão branca da haste causada por S. sclerotiorum vem aumentando em campos de cultivo de soja, devido ao cultivo de espécies altamente suscetíveis na safrinha e a utilização de sementes contaminadas por S. sclerotiorum. Estudos envolvendo produção de inóculo, controle alternativo e químico, metodologia de inoculação e resistência de genótipos de soja à Sclerotinia sclerotiorum constituíram os objetivos deste trabalho. Os experimentos foram conduzidos no Laboratório de Micologia e Proteção de Plantas – LAMIP da Universidade Federal de Uberlândia. Os isolados utilizados foram obtidos de plantas de soja provenientes de Jataí-GO e Indianópolis-MG. Quanto à produção de escleródios, os resultados demonstraram que meios de cultura combinados com fubá foram mais promissores, tanto no rendimento, quanto no número de escleródios. Os meios de cultura feijão e girassol foram os mais promissores. Quanto às doses de fubá de milho, trigo para “kibe” e farinha de mandioca, o rendimento e número de escleródios decresceram com o aumento das concentrações. A concentração de 20% proporcionou maior produção de escleródios para os três complementos. Em relação ao controle alternativo, os resultados demonstraram que a maior inibição do crescimento micelial está diretamente proporcional ao aumento das doses de Azadirachta indica. A interação A. indica e Pongamia glabra foi significativa...

Efeito de fungicidas e influência de fatores climáticos sobre a mancha manteigosa no cafeeiro

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
Neste trabalho, objetivou-se avaliar a eficiência de alguns fungicidas no controle da mancha manteigosa (Colletotrichum gloeosporioides) do cafeeiro (Coffea arabica L.) em campo, e verificar os efeitos climáticos no progresso da doença. Foram conduzidos ensaios sobre cafeeiros da cultivar Catucaí Vermelho, com aproximadamente 8 anos de idade. Os fungicidas testados foram: tetraconazol, triadimenol, chlorotalonil e mancozeb, nas dosagens de 1,0L/ha, 12Kg/ha, 3Kg/ha e 2Kg/ha, respectivamente. Coletaram-se dados climáticos diariamente, no período de outubro de 2004 a maio de 2006. Os fungicidas chlorotalonil e triadimenol foram os que proporcionaram os melhores resultados de eficiência de controle do progresso de morte de ramos e frutos, destacando a produção de frutos cereja. Entre os meses de outubro a janeiro, verificou-se elevado progresso de mortes de ramos influenciado pelas altas precipitações pluviais. Os fungicidas tetraconazol e o mancozeb mostraram-se ineficientes. Plantas com mancha manteigosa, mesmo quando pulverizadas com fungicidas, tiveram significativa queda de frutos, enquanto plantas sadias apresentaram produções 95% superiores àquelas.

Podridão floral dos citros: controle preventivo mediante fungicidas, biorreguladores e fertilizantes químicos

Mendonça, Laís Barbosa Prazeres
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xivi, 53 p. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
37.371113%
Pós-graduação em Agronomia (Produção Vegetal) - FCAV; The postbloom fruit drop (PFD), caused by Colletotrichum acutatum and C. gloeosporioides, considerably reduces citrus production in the main producing areas and the use of fungicides is still the most effective control strategy. In 2012 benzimidazoles, chemical group which, for many years, was important in controlling PFD, have had their use suspended in citrus orchards for the production of exportation juice, an adaptation requirement to the quality standards of the USA, the main buyer. As a result, it was made necessary to search for new fungicides enhancing good agronomic efficiency and heeding the rate of waste allowed. Thus, the aim of this study was to evaluate new chemical groups of fungicides, alone or in combination, as well as growth regulators, resistance inducers and chemical fertilizers to control PFC in commercial orchards, during 2012/13 and 2013/14 crop seasons. The experiments were performed with sweet orange 'Pera' trees located in the municipalities of Itapetininga (IT), Santa Cruz do Rio Pardo (SC) and Casa Branca (CB). The experimental design was a randomized block design (RBD) with five replications. Among the new management strategies were evaluated: i) fungicides of the strobilurin group in combination with other chemical groups; ii) growth regulators applied alone or in combination with hormonal regulators and fungicides; iii) efficiency of strobilurin and triazole mixtures applied in conjunction with hormonal regulators and chemical fertilizers; iv) efficiency of strobilurins and triazoles combined with chlorothalonil...

Efeito de fungicidas cúpricos, aplicados isoladamente ou em combinação com mancozeb, na expressão de sintomas de fitotoxicidade e controle da ferrugem causada por Puccinia psidii em goiabeira

Goes,Antonio de; Martins,Ricardo Duarte; Reis,Renato Ferrari dos
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.405981%
Dois experimentos foram conduzidos em pomares de goiabeira 'Paluma', nos municípios de Monte Alto e Vista Alegre do Alto-SP. No primeiro experimento, avaliou-se o efeito de formulações de fungicidas cúpricos, aplicados isoladamente e em mistura com mancozeb, quanto ao efeito fitotóxico em botões florais e em frutos de goiabeira, em três estádios de desenvolvimento. No segundo experimento, foram avaliados os mesmos fungicidas usados no primeiro experimento, sendo, porém, acrescido do tratamento constituído por tebuconazole, cujo alvo foi sua eficiência no controle da ferrugem. No primeiro experimento, verificou-se que nenhum dos fungicidas testados causou abortamento de flores ou outros tipos de sintomas de fitotoxicidade em frutos de tamanho inferior a 15 mm de diâmetro. Contrariamente, estes fungicidas, quando aplicados isoladamente, em frutos entre 25 a 35 mm de diâmetro, causaram sintomas severos de fitotoxicidade. Em frutos de tamanho superior a 40 mm de diâmetro, estes fungicidas causaram sintomas de fitotoxicidade de níveis leves a moderados. A combinação de fungicidas cúpricos com mancozeb causou sintomas de fitotoxicidade em níveis leves, enquanto com mancozeb isoladamente não foram verificados sintomas de fitotoxicidade. No segundo experimento...

Efeito do tratamento de sementes com fungicidas e acibenzolar-S-methyl no controle da ferrugem asiática e crescimento de plântulas em cultivares de soja

Debona,Daniel; Figueiró,Gláucia Garcia; Corte,Gerson Dalla; Navarini,Lucas; Domingues,Lucas da Silva; Balardin,Ricardo Silveiro
Fonte: Grupo Paulista de Fitopatologia Publicador: Grupo Paulista de Fitopatologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
A influência de acibenzolar-S-methyl (ASM), e fungicidas aplicados via tratamento de sementes sobre a ferrugem asiática bem como o crescimento de plântulas de soja foi avaliada em experimento conduzido em casa de vegetação em delineamento inteiramente casualizado com três repetições, utilizando as cultivares de soja 'Agiara', 'M-soy 8000' e 'M-soy 8080'. Os tratamentos foram três doses de ASM (0,05; 0,1 e 0,2 g de i.a. por kg de sementes), ASM (na dose de 0,1 g de i.a. por kg de sementes) combinado aos fungicidas flutriafol, pyraclostrobin e azoxystrobin, e a aplicação isolada destes, além de uma testemunha tratada com água. Os resultados mostraram redução da Área Abaixo da Curva de Progresso da Ferrugem (AACPF) com o aumento da dose de ASM nas três cultivares de soja. A utilização isolada do ASM em diferentes doses proporcionou uma redução da AACPF além de apresentar, na maioria dos casos, um efeito sinérgico com os fungicidas, aumentando a eficiência de controle quando comparada às aplicações isoladas. Com exceção do ASM na menor dosagem, todos os tratamentos apresentaram controle superior a 77 % comparados à testemunha. Em geral, o tratamento de sementes com ASM e fungicidas resultou numa redução da massa seca (MS) em relação à testemunha. A utilização de ASM associado a fungicidas na tentativa de atrasar a infecção da ferrugem asiática da soja nos períodos iniciais da cultura constitui-se em uma alternativa viável para redução do inóculo inicial...

Evaluación de fungicidas convencionales e inductores de resistencia para el combate de Mildiú Velloso (Pseudoperonospora cubensis) en melón (Cucumis melo)

Méndez Leiva,William; Arauz,Luis Felipe; Ríos,Rodrigo
Fonte: Agronomía Costarricense Publicador: Agronomía Costarricense
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.32774%
El mildiú velloso, causado por el oomicete Pseudoperonospora cubensis (Berck & Curtis) Rostovtsev, es una de las enfermedades más importantes en el cultivo de melón en Costa Rica. En la presente investigación se estudió el efecto de la aplicación de 2 fungicidas sistémicos convencionales, mefenoxam (1,96 kg i.a.ha-1) y dimethomorph (0,45 kg i.a.ha-1) y una secuencia de 2 fungicidas protectores, clorotalonil/mancozeb (2,01/1,20 kg i.a.ha-1), en combinación con 3 inductores de resistencia, fosfito (1,01 kg i.a.ha-1), menadiona bisulfito sodio (MBS) (0,14 kg i.a.ha-1), acibenzolar-S-metil (ASM) (0,02 kg i.a.ha-1), más un testigo sin fungicida y otro sin inductor, sobre la severidad de la enfermedad en el melón cv ‘Ruidera’. Se encontraron diferencias significativas (p<0,05) en el área bajo la curva de progreso de la enfermedad entre los tratamientos fungicidas. La menor severidad se observó con los tratamientos clorotalonil/mancozeb y dimethomorph, en comparación con el mefenoxam. El fosfito fue el único inductor que resultó en diferencias significativas con respecto a los otros inductores y al testigo sin aplicación de inductores. No se determinaron interacciones estadísticamente significativas entre los fungicidas y los inductores de resistencia. El tratamiento que mostró la mayor eficiencia en el combate de la enfermedad fue clorotalonil/mancozeb+fosfito...