Página 1 dos resultados de 455 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

Metabolismo de carboidratos da espécie amazônica Senna reticulata sob cultivo em alto CO2; Carbohydrate metabolism of the amazonian tree Senna reticulata under elevated CO2

Arenque, Bruna Cersózimo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2010 Português
Relevância na Pesquisa
88.69165%
Plantas típicas de regiões alagáveis tendem a apresentar diversas estratégias morfológicas e fisiológicas a fim de otimizar as chances de sobrevivência nestes ambientes. Um dos principais mecanismos, porém menos estudados, é a plasticidade encontrada no metabolismo de carboidratos que está diretamente ligado a alta demanda energética inerente a estes locais. Senna reticulata (Leguminosae) é uma espécie pioneira típica de planícies sujeitas ao regime anual de inundação da Amazônia Central, considerada uma das mais eficientes colonizadoras destes ambientes, além de extremamente tolerante ao alagamento. Neste trabalho, pela primeira vez foram caracterizados os padrões de reserva e de mobilização de açúcares desta espécie no período que corresponde ao seu estabelecimento no início da sua primeira fase terrestre. Adicionalmente o efeito da elevada concentração de gás carbônico foi verificada cultivando-se as plantas em câmaras de topo aberto (OTCs) em concentrações de CO2 ambiente (~380 µmol) e elevado (~760 µmol). Foram realizadas coletas destrutivas para análises de conteúdo de carboidratos não estruturais ao longo de 90 dias e ao longo de 24 horas. Foi verificado que S. reticulata possui altos níveis de amido foliar indicando que essa reserva pode estar diretamente relacionada a estratégia de constante produções de novas folhas que esta espécie apresenta. As razões sacarose:monossacarídeos se apresentaram altas em todos os órgãos analisados especialmente na raiz indicando que esta espécie pode apresentar estratégias metabólicas relacionadas também a estação seca pois além da sacarose poder ser utilizada como principal substrato na formação de raízes adventícias em condições de alagamento...

Efeitos de uma atmosfera enriquecida com CO2 sobre a fotossíntese, o crescimento e o metabolismo de carboidratos do açaí (Euterpe oleracea Mart.); Effects of a CO2-enriched atmosphere on the photosynthesis, growth, and carbohydrate metabolism of açaí (Euterpe oleracea Mart.)

Mortari, Leila Cristina
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/11/2012 Português
Relevância na Pesquisa
88.6922%
Dentre a gama de estudos existentes acerca das respostas de plantas ao incremento de CO2 atmosférico associado às mudanças climáticas, são poucas as investigações que contemplam espécies amazônicas frente à relevância desse ecossistema, e se desconhecem estudos desse aspecto com palmeiras. O açaí (Euterpe oleracea Mart., Arecaceae) é uma espécie típica de planícies da Floresta Amazônica sujeitas ao regime anual de inundação e, além de ser extremamente tolerante à anóxia, apresenta elevado valor comercial e um potencial para a produção de energia a partir de biomassa, gerando uma exploração economicamente sustentável. Este trabalho buscou caracterizar o crescimento inicial de plântulas de açaí quanto à fotossíntese, crescimento e metabolismo de carboidratos e investigar as respostas desses parâmetros ao incremento de CO2 atmosférico (de 380ppm - ambiente para 760ppm - elevado) em duas escalas temporais: ao longo do desenvolvimento das plântulas (entre 105 e 195 dias após a germinação, período de desenvolvimento da segunda folha) e ao longo de 24 horas (aos 175 dias após a germinação). Foram analisadas medidas de altura, área foliar, acúmulo e alocação de biomassa, curvas de resposta da fotossíntese à luz...

Papel do metabolismo de carboidratos nas respostas ecofisiológicas da árvore amazônica Senna reticulata cultivada sob diferentes estresses abióticos; Role of carbohydrates metabolism in ecophysiological responses of Amazonian tree Senna reticulata grown under different abiotic stresses

Arenque-Musa, Bruna Cersózimo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/07/2014 Português
Relevância na Pesquisa
88.58274%
A vegetação ao longo do rio Amazonas é submetida a dois períodos muito bem marcados ao longo do ano: estação de cheia e estação seca. Características morfológicas e fisiológicas das espécies de várzea foram amplamente descritas, porém, uma das principais características é o metabolismo de carboidratos que tem sido muito pouco explorada. Com o objetivo de estudar a resiliência dos carboidratos não estruturais da árvore amazônica Senna reticulata (Leguminosae), a mesma foi cultivada sob diferentes estresses abióticos, como luz baixa combinada com elevada concentração de CO2 atmosférico, bem como disponibilidade hídricas distintas (alagamento das raízes e seca). Os resultados encontrados reforçam o papel do amido nas folhas como principal órgão armazenador desta espécie e também a alta resiliência desta reserva, que foi mantida mesmo em condições de baixa irradiância, em alagamento e em condições de seca. Estes resultados também destacam a forte ligação entre as reservas de amido e a manutenção do crescimento. Além disso, esta espécie mostrou estratégias ecofisiológicas distintas em relação a diferentes estresses hídricos (alagamento x seca) e uma alta capacidade de se recuperar depois de um período de seca...

Efeito da anoxia sobre o metabolismo de carboidratos no sistema nervoso central do caracol Megalobulimus oblongos (Gastropoda: Pulmonata)

Fraga, Luciano Sturmer de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
88.91019%
No seu hábitat, muitos organismos, entre eles os caracóis, estão expostos a um grande número de variáveis ambientais como temperatura, umidade, fotoperiodicidade e disponibilidade de alimento. O caracol Megalobulimus oblongus é um gastrópode terrestre que, durante épocas de estiagem, costuma permanecer enterrado no solo. Com esse comportamento o animal evita a perda de água durante o período de seca, embora nessa condição (enterrado no solo) o animal tenha que enfrentar uma situação de disponibilidade de oxigênio reduzida (hipóxia). O metabolismo dos gastrópodes terrestres está baseado na utilização de carboidratos e as reservas desse polissacarídeo são depletadas durante situações de hipóxia/anoxia. Estudos sobre o metabolismo de moluscos frente a essas condições ambientais adversas, como a própria anoxia, têm sido realizados apenas em tecidos de reserva. Trabalhos relacionando o metabolismo do sistema nervoso durante essa situação são escassos. Dessa forma, o presente trabalho teve como objetivo estudar o metabolismo de carboidratos do sistema nervoso central do caracol Megalobulimus oblongus submetido a diferentes períodos de anoxia e recuperação aeróbia pós-anoxia. Para isso, após o período experimental foram dosadas a concentração de glicogênio e a concentração de glicose livre nos gânglios do sistema nervoso central do animal...

Efeito da anoxia e da recuperação sobre o metabolismo de carboidratos em Chasmagnathus granulatus alimentados com dieta rica em proteínas ou rica em carboidratos

Ribarcki, Fabiana Pinto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
78.999683%
O presente trabalho teve como objetivo caracterizar os efeitos de diferentes dietas e da anoxia e fase de recuperação, sobre o metabolismo de carboidratos no músculo da mandíbula e no hepatopâncreas do caranguejo Chasmagnathus granulatus. Os animais foram alimentados diariamente com carne bovina (dieta rica em proteínas, HP) e arroz cozido (dieta rica em carboidratos, HC) ad libitum, e mantidos em aquários com aeração constante, salinidade 200/00, temperatura de 25°C e fotoperíodo natural, durante 15 dias. Após este período, os animais foram submetidos á 1 hora de anoxia (período em que a aeração da água dos aquários foi substituída por Nitrogênio, até que a oxigenação chegasse a zero), e 3 horas de recuperação (período onde a água desoxigenada foi novamente substituída por água oxigenada, em normóxia). O músculo da mandíbula e o hepatopâncreas dos animais foram retirados e submetidos aos experimentos de captação de glicose, síntese e mobilização de glicogênio, síntese de lipídeos e produção de CO2. Amostras de hemolinfa foram retiradas para a determinação das concentrações de glicose. Nos experimentos de captação de glicose no músculo e no hepatopâncreas, não foram encontradas diferenças significativas (p>0...

Estudo de isoenzimas de metabolismo de carboidratos e clonagem e expressão da enolase de Xylella fastidiosa

Facincani, Agda Paula
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiv, 48 f. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
78.969785%
Pós-graduação em Agronomia (Genética e Melhoramento de Plantas) - FCAV; Muitas das questões relacionadas a como Xylella fastidiosa vive num ambiente cuja concentração de nutrientes é baixa, e como e porquê ela forma agregados nos vasos do xilema, devem estar relacionados com seu metabolismo. O seqüenciamento deste organismo forneceu informações para serem aplicadas em estudos genéticos funcionais, visando à elucidação da funcionalidade de vias metabólicas que possam estar intimamente ligadas à etiologia do amarelinho. O presente estudo foi conduzido com o objetivo de verificar a funcionalidade da via Glicolítica de X. fastidiosa através de estudo das isoenzimas fosfoglicose isomerase, aldolase ou gliceraldeído-3-fosfato liase, gliceraldeído-3-fosfato desidrogenase e piruvato quinase presentes na via Glicolítica e a glicose 6-fosfato desidrogenase presente na Entner-Doudoroff, bem como a clonagem, expressão e a determinação da atividade da enolase. O gene da enolase é uma das 35 ORFs anotadas no cosmídeo 02F10, denominada XF1291. Estes estudos sugerem que a bactéria X. fastidiosa não utiliza a via Glicolítica no metabolismo de carboidratos, inferindo assim no elevado tempo de duplicação deste fitopatógeno. As atividades enzimáticas da enolase recombinante...

A glândula pineal e o metabolismo de carboidratos

Seraphim,Patrícia Monteiro; Sumida,Doris Hissako; Nishide,Fabiana Tumi; Lima,Fábio Bessa; Cipolla Neto,José; Machado,Ubiratan Fabres
Fonte: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Publicador: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2000 Português
Relevância na Pesquisa
109.17793%
A influência da glândula pineal sobre o metabolismo de carboidratos vem sendo investigada há décadas. Entretanto, resultados contraditórios não esclarecem, até o momento, o verdadeiro papel da melatonina sobre a homeostasia dos carboidratos. Através de estudos recentes, contribuímos de maneira ineqüívoca para a caracterização do papel da glândula pineal como moduladora do metabolismo de carboidratos. Além disso, à luz dos conhecimentos atuais, demonstramos quais passos do mecanismo de ação da insulina estão envolvidos nessa modulação. Nossos estudos revelaram que a pinealectomia promove um quadro de resistência à insulina, sem obesidade. A captação máxima de 2-deoxi-glicose, estimulada por insulina, em adipócitos isolados está diminuída, sem entretanto modificar a capacidade da insulina ligar-se ao seu receptor e estimular a fosforilação dos substratos intracelulares representados pela pp 185. Por outro lado, em vários tecidos sensíveis à insulina, observou-se uma diminuição no conteúdo da proteína transportadora de glicose GLUT4, mas diminuição no mRNA do GLUT4 apenas em alguns desses tecidos, sugerindo uma regulação tecido-específica. Adicionalmente, foi demonstrado que a regulação da glândula pineal sobre o metabolismo de carboidratos é mediado pela melatonina: o hormônio aumentou a sensibilidade à insulina de adipócitos isolados e o tratamento de reposição com melatonina restaurou o conteúdo de GLUT4 no tecido adiposo branco. Em síntese...

Respostas fisiológicas em cultivares de soja submetidas ao alagamento em diferentes estádios

Fante,Camila Argenta; Alves,José Donizeti; Goulart,Patrícia de Fátima Pereira; Deuner,Sidnei; Silveira,Neidiquele Maria
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 Português
Relevância na Pesquisa
88.23285%
A soja é um dos produtos agrícolas de maior importância no Brasil, e segundo maior produtor mundial. A tolerância ao excesso de umidade do solo e da rápida recuperação com o término do alagamento são características desta cultura, porém, a deficiência de oxigênio, causada pelo excesso de água, é um dos fatores determinantes que pode reduzir sua produtividade. O objetivo deste trabalho foi verificar o comportamento de três cultivares de soja ao alagamento em diferentes estádios de desenvolvimento, por meio de análise da produção de massa seca, metabolismo de carboidratos e atividade das enzimas do metabolismo anaeróbio. O experimento foi desenvolvido na Universidade Federal de Lavras (MG), em 2007. As cultivares BRS 267, BRS 257 e BRS 213 foram submetidas a 15 dias de alagamento, nos estádios V6 e V8 e 11 dias no estádio R4. Os resultados revelaram redução na produção de massa seca nos tratamentos alagados no estádio V8 para a cultivar BRS 267 e no estádio V6 para BRS 257 e BRS 213; esta última foi a mais tolerante ao alagamento, pois obteve o menor decréscimo de massa seca em relação ao controle. O alagamento também induziu aumento nos teores de amido e açúcares solúveis totais nas folhas, assim como maior atividade das enzimas álcool desidrogenase e piruvato descarboxilase para as três cultivares...

Efeitos do implante subdérmico de acetato de nomegestrol sobre o metabolismo de carboidratos, lipoproteínas séricas e função hepática

Barbosa,Ione; Coutinho,Elsimar; Athayde,Célia; Ladipo,Oladapo; Olsson,Sven-Eric; Ulmsten,Ulf
Fonte: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia Publicador: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/1998 Português
Relevância na Pesquisa
108.6497%
Objetivos: avaliar variações de peso corporal, pressão arterial, glicemia em jejum, HbA1C, insulina, colesterol total, HDL-C, LDL-C, triglicérides, TGO, TGP, GGT e bilirrubina em mulheres usuárias de um implante único, subdérmico, de Silástico, contendo 55 mg (±10%) de acetato de nomegestrol, durante dois anos. Métodos: dezoito voluntárias saudáveis e em idade reprodutiva, que desejavam fazer uso de anticoncepcionais e não apresentavam contra-indicações para o uso de contracepção hormonal, participaram deste estudo. Todas as mulheres foram avaliadas antes do início do tratamento e a seguir, acompanhadas por um período de dois anos. Ao final do primeiro ano, as cápsulas foram retiradas e novas cápsulas foram inseridas. Resultados: o peso corporal aumentou de 54,9 ± 1,5 kg na admissão para 55,3 ± 2,0 kg no 12º mês de uso (p<0,05), e para 56,0 ± 2,7 kg no 24º mês de uso. Registrou-se discreto aumento da pressão arterial, tanto sistólica quanto diastólica, no mês 12 (p<0,01). No mês 24, a pressão arterial não era significativamente diferente dos valores de admissão. Todos os valores estiveram dentro dos limites da normalidade. Insulina, HbA1C, LDL-C e GGT permaneceram inalterados durante os vinte e quatro meses de uso do implante. Diminuição significativa do colesterol total (p<0...

Abordagem multidisciplinar de P,D&I para o desenvolvimento de produto lácteo caprino com alto teor de CLA e alegação de propriedade funcional.

BOMFIM, M. A. D.; QUEIROGA, R. de C. do E.; AGUILA, M. B.; MEDEIROS, M. do C.; FISBERG, M.; RODRIGUES, M. T.; SANTOS, K. M. O. dos; LANNA, D. P. D.
Fonte: Revista Brasileira de Zootecnia, Viçosa, MG, v. 40, p. 98-106, 2011. Supl. esp. Publicador: Revista Brasileira de Zootecnia, Viçosa, MG, v. 40, p. 98-106, 2011. Supl. esp.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
87.46234%
O desafio de ampliação do mercado do leite de cabra tem estimulado ações de pesquisa, desenvolvimento e inovação para desenvolvimento de alimentos diferenciados. Uma das alternativas é a produção de lácteos com alto teor de ácido linoleico conjugado (CLA) e alegação funcional. O presente trabalho sintetiza os achados de pesquisa em rede, envolvendo uma equipe multidisciplinar de pesquisadores com o objetivo de desenvolver bases para a produção de alimento lácteo caprino com alto teor em CLA e alegação funcional. Os resultados obtidos indicam que a suplementação da dieta com óleo de soja, tem sido a melhor estratégia para a obtenção de um leite com alto teor de CLA, sem prejuízos à produção animal. Este teor de CLA permanece inalterado quando o leite é pasteurizado, bem como durante 35 dias de maturação de queijo tipo coalho, não sendo observada qualquer alteração nos parâmetros sensoriais. Ensaios com crianças pré-escolares demonstraram aceitação do leite de cabra (com baixo e alto teor de CLA) semelhante ao leite de vaca, além de maior massa corporal, concentração de hemoglobina e número de hemácias no sangue com o consumo de leite de cabra. Ratos lactentes filhos de fêmeas que receberam CLA durante a gestação e aleitamento anteciparam sua maturação somática e reflexa. Contudo...

Teores de carboidratos em órgãos lenhosos do caquizeiro em clima tropical; Carbohydrate content in persimmon tree woody organs in tropical climate

CORSATO, Carlos Eduardo; SCARPARE FILHO, João Alexio; SALES, Eleuza Clarete Junqueira de
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
88.38973%
Nas fruteiras caducifólias, o metabolismo de carboidratos constitui-se no principal mecanismo que garante a sua sobrevivência no período de dormência, estando, também, relacionado ao seu potencial produtivo em safras subseqüentes. Conhecer a forma como a planta utiliza esses carboidratos durante o seu desenvolvimento é um passo importante para o entendimento das suas relações fonte-dreno e para fundamentar algumas práticas de manejo, como a poda e o raleio de frutos. Caracterizar a variação dos teores de amido e de carboidratos solúveis totais em órgãos lenhosos do caquizeiro (Diospyros kaki L.), no decorrer do seu desenvolvimento fenológico, foi o objeto de investigação do presente estudo. O trabalho foi conduzido em um pomar de caquizeiros localizado na área experimental da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (ESALQ), em Piracicaba, Estado de São Paulo, durante o ciclo 2002/2003. A fenologia das plantas foi caracterizada pelo período de ocorrência e duração do alongamento dos ramos, florescimento, desenvolvimento dos frutos e das folhas e do abortamento natural de frutos. A variação dos teores desses carboidratos em ramos e em raízes foi analisada tendo por base os diferentes estádios fenológicos. Ocorreram variações significativas no teor desses carboidratos no período de estudo. A mobilização do amido nos ramos teve grande importância na sustentação de um novo ciclo de brotações. O maior consumo de amido ocorreu durante a abscisão foliar...

Eficácia da dieta fracionada e restritiva de carboidratos em pacientes portadores de distúrbios do equilíbrio corporal associados a alterações do metabolismo da glicose por meio da posturografia dinâmica computadorizada, disability; Effectiveness of the glucose restrictive and fractionated diet in patients with corporal imbalance and disorders of glucose metabolism by computerized dynamic posturography, disability index and visual analog scale

Santos, Maruska d'Aparecida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
78.872793%
INTRODUÇÃO: O consumo mundial de açúcar triplicou nos últimos 50 anos e a sua ingesta abusiva é responsável pela resistência periférica à insulina, que origina a síndrome metabólica - obesidade, diabetes melito, hipertensão arterial e doenças coronarianas . Motivados pelo elevado número de pacientes que nos procuram com queixas vestibulares associadas aos distúrbios de metabolismo da glicose (DMG) resolvemos avaliar de forma objetiva, a influência dos DMG nas disfunções labirínticas e o efeito da dieta restritiva de carboidratos como forma de tratamento. OBJETIVO: Observar o impacto da dieta fracionada e restritiva de carboidratos na qualidade de vida dos pacientes portadores de distúrbios do equilíbrio corporal e DMG por meio da posturografia dinâmica computadorizada (PDC), do disability index (DI) e da escala análogo-visual (EAV). CASUÍSTICA E METODOLOGIA: Este estudo foi desenhado como um ensaio clínico prospectivo controlado randomizado realizado no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. A amostra foi constituída de 51 pacientes divididos em dois grupos: Grupo Dieta (GD): indivíduos tratados com comprimidos de placebo e dieta fracionada com restrição de glicose...

A cana-de-açucar e as mudanças climaticas : efeitos de uma atmosfera enriquecida em 'CO IND. 2' sobre o crescimento, desenvolvimento e metabolismo de carboidratos de Saccharum ssp; Sugarcane and climate changes : effects of 'CO IND. 2 enrichment atmosphere in growth, development and carbohydrate metabolism in Saccharum ssp

Amanda Pereira de Souza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/04/2007 Português
Relevância na Pesquisa
88.24267%
Desde o início da Revolução Industrial as concentrações de CO2 atmosférico aumentaram em cerca de 30% e estimativas apontam que esta concentração poderá atingir aproximadamente 720 ppm até a metade deste século. Estudos sobre o efeito do alto CO2 no desenvolvimento de diversas espécies vegetais já foram realizados, porém poucos com espécies de gramíneas tropicais do tipo C4, como é o caso da cana-de-açúcar. Considerando a importância econômica da cana e seu potencial na obtenção de biocombustíveis é importante saber como esta cultura irá responder ao aumento previsto na concentração de CO2 atmosférico. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi estudar o efeito do aumento do CO2 atmosférico sobre o crescimento, desenvolvimento e metabolismo de carboidratos da cana-de-açúcar visando avaliar o potencial de seqüestro de carbono e o impacto das mudanças climáticas sobre a produtividade. Parâmetros fisiológicos, bioquímicos e moleculares foram analisados em plantas cultivadas em câmaras de topo aberto durante 50 semanas com atmosfera de CO2 ambiente (~370 ppm) e elevada (~720 ppm). Os principais resultados obtidos indicam incremento em altura, na taxa fotossintética e em biomassa de colmo e folhas das plantas cultivadas sob elevado CO2. Ao final das 50 semanas foi detectado no colmo das plantas crescidas em tais condições...

Emagrecimento apos restrição dietetica e cirurgia bariatrica em portadores de obesidade morbida : efeitos sobre a sensibilidade a insulina, marcadores inflamatorios e incretinas; Weight loss before diet restriction and gastric surgery in morbity obese patientes : effects on insulin sensitivity, inflammatory markers and incretins

Camila Puzzi de Carvalho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/07/2008 Português
Relevância na Pesquisa
88.12706%
A obesidade é conceituada como um quadro crônico que se caracteriza pelo acúmulo excessivo de gordura de modo a comprometer a saúde. Atualmente o tecido adiposo além de sua função como depósito de gordura, passou a ser considerado um órgão endócrino (Trayhurn, 2001). Os adipócitos secretam uma série de substâncias, como leptina, adiponectina, citocinas inflamatórias (TNF-alfa, IL-6) e PCR, que estão envolvidas em várias funções, incluindo, homeostase da glicose, inflamação, balanço energético, metabolismo dos lipídios e sistema fibrinolítico/homeostase vascular (Arner, 2003). Além dos hormônios secretados pelo tecido adiposo, sabe-se que o sistema digestório também secreta hormônios como as incretinas, uma delas é o GLP-1, secretado pelas células-L intestinais e possui efeito anti-diabético. Há também a secreção de grelina, que é um hormônio produzida no fundo gástrico, relacionada ao controle da fome, e à regulação do balanço energético a longo prazo (Cummings DE., 2001). No presente estudo avaliou-se o efeito do emagrecimento por dieta e o induzido por cirurgia bariátrica sobre os níveis plasmáticos de: GLP-1, grelina, adiponectina, citocinas inflamatórias e PCR, além da análise da correlação entre estas variáveis...

Metabolismo de carboidratos e a tolerancia de frutos citricos a baixas temperaturas

Nely Holland
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/12/1998 Português
Relevância na Pesquisa
88.87963%
Foi estudada a influência do metabolismo de carboidratos na aclimatação de frutos cítricos ao estresse pelo frio. Foram utilizados frutos susceptíveis à injúria pelo frio, tais como as tangerinas 'Fortune' e laranjas 'Navelate', e tolerantes ao mo como as laranjas 'Pinalate', em distintos estádios de maturação. Metade destes frutos foi submetida ao tratamento de cura e armazenada a mo (2 e 12°C) e a outra metade foi armazenada sem ser submetida ao pré-tratamento de cura. O nível de amido e açúcares redutores aumentou no flavedo com a maturidade das tangerinas 'Fortune' de novembro a março, mas diminuiu quando os frutos atingiram o amadurecimento interno (suco). A atividade da enzima sacarose fosfato sintase (SPS) no flavedo foi mais baixa neste estádio. A atividade da SPS Vmáx foi maior que a da sacarose sintase (SS) nos frutos menos maturos, e a da SS foi maior nos mais maturos. A taxa de produção de CO2 e etileno aumentou quando as tangerinas 'Fortune' foram expostas' ao acondicionamento a alta temperatura (cura). A cura evitou os sintomas de injúria pelo mo no flavedo das tangerinas e os inibiu nas laranjas 'Navelate'. Os resultados gerais mostram que o metabolismo de carboidratos pode ser um dos mecanismos envolvidos na aclimatação de frutos cítricos ao estresse pelo mo. Nos frutos curados e armazenados a 2°C a sacarose manteve-se mais elevada. Entretanto...

Balanço de carboidratos e nitrogênio na planta : efeito de carga de frutos e sua relação com o desenvolvimento reprodutivo em laranjeira `Valência¿; Carbohydrate and nitrogen balance in plant : effects of fruit load and their relationship with reproductive development of sweet orange `Valencia¿

Verónica Lorena Dovis
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/07/2012 Português
Relevância na Pesquisa
78.79056%
As hipóteses deste estudo foram: a presença de frutos nas variedades de laranja tardia e as variações sazonais no ambiente afetam o desenvolvimento reprodutivo, o metabolismo de carbono e nitrogênio e o acúmulo e remobilização de reservas nos órgãos da planta; cada estádio fenológico tem necessidades nutritivas específicas, que afetariam a assimilação de CO2 e o metabolismo de carboidratos e nitrogênio. Estas hipóteses foram testadas em plantas que sofreram ou não desbaste total de frutos com o intuito de induzir variações na demanda de assimilados. O experimento foi executado em Cordeirópolis (SP) em plantas de laranjeira "Valência? de 2,5 anos de idade, crescidas em vasos de 100 L. Em maio de 2009, a metade das plantas foi completamente desbastada de frutos. A partir de julho e ao longo do ciclo produtivo avaliaram-se a dinâmica de assimilação de CO2, carboidratos e compostos nitrogenados, e a atividade de enzimas da assimilação de nitrogênio. O experimento foi inteiramente casualizado com três ou quatro repetições, segundo o parâmetro avaliado, o tratamento estatístico dos dados foi como parcelas subdivididas no tempo. Em relação à primavera a fotossíntese é reduzida no inverno e no verão, como consequência da ocorrência de temperaturas mais baixas e mais altas...

Efeito da Giberelina 'A IND. 3' e do paclobutrazol no metabolismo de carboidratos e expressão genica da cana-de-acuçar (Saccharum sp.); Effect of gibberellic acid 'A IND. 3' and the paclobutrazol in the carbohydrates metabolism and the genetic expression of sugarcane (Saccharum sp.)

Andrea Dias Brandão
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/01/2010 Português
Relevância na Pesquisa
79.13782%
A cana-de-açúcar pertence a família Poaceae e ao gênero Saccharum. Espécies pertencentes a essa família apresentam a via de fotossíntese C4, mais eficiente para a produção de biomassa quando comparadas com as plantas com metabolismo fotossintético C3 em condições de temperaturas elevadas. A cana-de-açúcar transformou-se em um importante potencial econômico e fonte de energia no mundo, devido a sua capacidade de estocar sacarose (cerca de 50% de seu peso seco) e produzir bioetanol. Nos últimos anos tornou-se alvo prioritário para diversos estudos através do melhoramento genético, biologia molecular, bioquímica e estudos fisiológicos. Os produtos provenientes da cana são amplamente utilizados pela população mundial e representam uma fonte alternativa para a geração de energia. O Brasil ocupa uma posição de destaque entre os países produtores de cana-de-açúcar (34% da produção mundial). Devido a sua origem interespecífica a cana possui um dos genomas mais complexos entre as espécies vegetais tornando-se um importante objeto de estudo para a obtenção de variedades produtivas e ou eficientes, melhor adaptadas às condições climáticas. A propagação clonal através do cultivo in vitro possibilita a obtenção mais rápida de indivíduos da espécie. A utilização de métodos de assepsia para a desinfestação e desinfecção sem causar danos aos tecidos que levam a morte da planta tornou-se um grande desafio para a obtenção de novas plântulas que permitam os estudos de biotecnologia. E o grande interesse em se estudar plantas de cana-de-açúcar se dá pelo acúmulo da sacarose...

Contagem de carboidratos: uma proposta de cartilha com prepara????es regionais do centro-oeste

Cracco, Gl??ucia Christina de Brito
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
88.38825%
Diabetes Mellitus ?? uma doen??a do metabolismo da glicose causada pela falta ou m?? absor????o de insulina, horm??nio produzido pelo p??ncreas e cuja fun????o ?? quebrar as mol??culas de glicose para transform??-las em energia a fim de que sejam aproveitadas por todas as c??lulas e seu controle ?? essencial para uma melhor qualidade de vida. Uma das t??cnicas de controle ?? a contagem de carboidratos na dieta, o que auxilia ao portador de diabetes a um tratamento mais eficaz, dando a ele melhor qualidade de vida e liberdade para fazer suas escolhas alimentares. O objetivo deste estudo ?? propor uma cartilha com prepara????es regionais contendo a contagem de carboidratos para auxiliar os portadores de diabetes para a manuten????o e controle desta s??ndrome. Foi realizada uma busca de alimentos e prepara????es de consumo regional do Centro-oeste, n??o contemplados na Tabela Oficial de Contagem de Carboidratos publicados pela Sociedade Brasileira de Diabetes (SDB). E diante desta busca, foram inseridos 57 alimentos e prepara????es regionais apresentados na cartilha proposta. A constante amplia????o e regionaliza????o de tabelas de carboidratos ?? um recurso necess??rio para auxiliar na escolha alimentar dos pacientes, proporcionando maior variabilidade da dieta e melhor qualidade de vida.

Efeito da amputação unilateral do incisivo inferior sobre o metabolismo da glicose em glândulas submandibulares de ratos submetidas a desnervação simpática e parassimpática; Effect of unilateral incisor tooth amputation on the glucose metabolism in submandibular glands of rats following sympathetic and parasympathetic denervation

ALMEIDA-DE-FARIA, Marinez; BAUER, Jarbas A.; NICOLAU, Jose
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2000 Português
Relevância na Pesquisa
87.98374%
O sistema nervoso autônomo é de grande importância na regulação da fisiologia das glândulas salivares, incluindo o processo sialadenotrófico. Já é bem conhecido o fato de que a função secretora, bem como, outras funções desempenhadas pelas glândulas salivares dependem de energia produzida nas glândulas. A histometria dos ácinos, algumas enzimas do metabolismo de carboidratos como, hexoquinase, fosfofrutoquinase-1, piruvato quinase, glicose-6-fosfato desidrogenase e lactato desidrogenase foram avaliados na glândula submandibular de ratos com desnervação simpática e parassimpática, submetidos a amputação unilateral dos dentes incisivos, cinco dias após a desnervação. Nas glândulas simpatectomizadas submetidas a amputação dos incisivos observou-se uma redução nas atividades da hexoquinase (27,5 - 36,7 %) e da fosofofrutoquinase-1 (22,8 - 38,4 %). Embora, nehuma variação foi observado nas atividades enzimáticas, houve uma redução significante do volume acinar.; The autonomic nervous system is of major importance in the regulation of physiological functions of the salivary glands, including the sialadenotrophic process. It is well known that the secretory function as well as other functions in the salivary glands depend upon the energy produced in the gland. The acini volume density...

Efeitos da dieta hiperlipídica e do treinamento de natação sobre o metabolismo de recuperação ao exercício em ratos; Effects of a high-fat diet and swimming moderate training on postexercise metabolism in male adult rats

Bernardes, Danielle; Manzoni, Marla Simone Jovenasso; Souza, Cristiane Pereira de; Tenório, Neuli; Dâmaso, Ana Raimunda
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2004 Português
Relevância na Pesquisa
88.54025%
O objetivo do presente estudo foi avaliar os efeitos interativo e respectivo do treinamento físico moderado de natação e da dieta hiperlipídica sobre o metabolismo de carboidratos e lipídeos no período de recuperação ao exercício em ratos machos adultos. Os animais foram divididos em sedentários (S) e treinados (T). O treinamento consistiu de natação a 90 min/dia, cinco dias/semana. Cada grupo foi subdividido em dieta padrão normocalórica (N) e dieta hipercalórica/hiperlipídica (H). Depois de oito semanas, os animais dos quatro grupos (SN, TN, SH e TH) foram sacrificados em repouso ou uma e duas horas após o exercício. A dieta hipercalórica (grupo SH vs. SN) aumentou o peso dos tecidos adiposos brancos, a glicemia, a concentração plasmática de triglicerídeos e de colesterol total e diminuiu o conteúdo de glicogênio. Por outro lado, o treinamento moderado de natação (grupo TN vs. SN) diminuiu o peso dos tecidos adiposos brancos e melhorou o metabolismo de carboidratos, aumentando o conteúdo de glicogênio. Quando associados (grupo TH vs. SH e TN), o treinamento não foi capaz de reverter os efeitos da dieta para o peso dos tecidos adiposos brancos, conteúdo de glicogênio e glicemia. Com relação ao período de recuperação...