Página 1 dos resultados de 283 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Avaliação de biorreguladores no metabolismo secundário de beterrabas inteiras e minimamente processadas; Evaluation of bioregulators on secondary metabolism of whole and minimally processed beet root

PICOLI, Andressa Araujo; FARIA, Daniele Bezerra; JOMORI, Maria Luiza Lye; KLUGE, Ricardo Alfredo
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
47.654673%
O objetivo do trabalho foi verificar o efeito de biorreguladores em beterrabas minimamente processadas e inteiras (não processadas) sobre alguns aspectos do metabolismo secundário. Para o processamento mínimo, as beterrabas foram descascadas, sanificadas, sendo em seguida cortadas em retalhos com 2 mm de espessura, enxaguadas e centrifugadas. Nas beterrabas inteiras foram somente retiradas as folhas e os talos e sanificadas. Os tratamentos aplicados foram: etileno 1000 mL L-1, 1-metilciclopropeno (1-MCP) 300 nL L-1 e ácido salicílico 500 mg L-1. Após os tratamentos, as beterrabas foram embaladas e armazenadas a 5 ºC durante 10 dias. As injúrias causadas durante o processamento mínimo induziram o aumento na atividade da fenilalanina amônia-liase (PAL) nos tratamentos com etileno e 1-MCP e também o controle. A aplicação de ácido salicílico diminuiu a atividade desta enzima. Os tratamentos aplicados nas beterrabas minimamente processadas e inteiras não influenciaram a concentração de fenóis totais e de betalaínas, mas o teor de betalaínas foi reduzido em mais de 50% em beterraba minimamente processada em comparação com a beterraba inteira.; The objective of this work was to evaluate the effects of bioregulators on some aspects of secondary metabolism of minimally processed and whole (without processing) beet roots. For the minimal processing...

Alterações de parâmetros relacionados ao metabolismo ósseo em mulheres submetidas à derivação gástrica em Y de Roux; Changes in bone metabolism markers in women after Roux-en-Y gastric bypass

Santos, Maria Tereza Amaral dos; Souza, Fabíola Isabel Suano de; Fonseca, Fernando Luiz Affonso; Lazaretti-Castro, Marise; Sarni, Roseli Oselka Saccardo
Fonte: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Publicador: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.844282%
OBJETIVO: Avaliar o metabolismo ósseo e a densidade mineral óssea (DMO) em mulheres adultas pós-derivação gástrica em Y de Roux (DGYR). SUJEITOS E MÉTODOS: Estudo transversal com 48 mulheres submetidas a DGYR há três anos e 41 saudáveis. Dados obtidos: índice de massa corporal (IMC), atividade física, consumo alimentar e DMO da coluna lombar, colo e fêmur total. Dosagem de cálcio, fósforo, magnésio, albumina, fosfatase alcalina, telopeptídeo-C (CTX), paratormônio (PTH), 25-hidroxivitamina D (25OHD), osteocalcina e cálcio urinário. RESULTADOS: Maiores alterações no grupo DGYR observadas nos níveis de osteocalcina (p < 0,001), CTX (p < 0,001) e PTH (p < 0,001). Deficiência de 25OHD foi a mais frequente no grupo DGYR (p = 0,010). Deficiência/insuficiência de 25OHD associou-se com hiperparatiroidismo secundário (p = 0,025). Não houve diferença entre os grupos em relação à DMO. A ingestão de energia (p = 0,036) e proteína (p = 0,004) foi maior no grupo controle. CONCLUSÃO: Em mulheres pós-DGYR, encontraram-se alta frequência de deficiência de vitamina D, hiperparatireoidismo secundário e elevação nos marcadores de remodelação óssea, sem alteração na DMO quando comparado com o grupo controle não obeso.

Efeito induzido pelo vírus Y da batata (Potato virus Y) no metabolismo secundário do camapu (Physalis angulata L.); Potato virus Y induced effect in Physalis angulata L. secondary metabolism

Nagai, Alice
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/11/2012 Português
Relevância na Pesquisa
48.03391%
Physalis angulata L. (Solanaceae), popularmente conhecida como camapu ou balãozinho, é uma espécie que vem ganhando importância econômica em decorrência de suas atividades biológicas, como citotóxica, antibacteriana e anti-inflamatória. Dentre os diversos metabólitos secundários conhecidos para esta espécie, destacam-se os flavonoides e alcaloides. É amplamente difundido que o metabolismo secundário das plantas pode ser alterado por fatores bióticos e abióticos. Nesse sentido, esse trabalho objetivou destacar a influência do Potato virus Y, estirpe O (PVYO), isolado de camapu, no metabolismo secundário, avaliando as quantidades e os perfis de flavonoides e alcaloides também em plantas de camapu infectadas. A infecção viral foi induzida em plantas obtidas por sementes, os metabólitos foram extraídos a partir de folhas, foram analisados em CLAE e CG-EM e comparados com aqueles provenientes de plantas sadias. Não foram observadas diferenças qualitativas nos perfis tanto dos flavonoides quanto dos alcaloides. Por outro lado, houve diminuição no teor de flavonoides totais nas plantas infectadas na infecção sistêmica. Além disso, houve aumento significativo do derivado de atropina nas plantas infectadas em comparação com os demais tratamentos. Dessa forma...

Cultura mista, manipulação química e genética de micro-organismos: estratégias para a diversificação do metabolismo secundário; Mixed culture, chemical and genetic manipulation of microorganisms:strategies for diversifying the secondary metabolism.

Chagas, Fernanda Oliveira das
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
58.150605%
Recentes estudos genômicos têm mostrado que vários fungos e bactérias possuem um potencial biossintético superior à quantidade de me tabólitos secundários já isolados desses micro-organismos. A descoberta de produtos naturais inéditos e bioativos é limitada pela impossibilidade dos micro-organismos expressarem to das as suas rotas biossintéticas em laboratório. Assim, estratégias alternativas para i nduzir a produção de produtos naturais microbianos são necessárias. A utilização de cultur as mistas de micro-organismos é uma estratégia que vem sendo recentemente utilizada, na tentativa de mimetizar condições mais naturais de crescimento. Além disso, a adição de mo duladores químicos e epigenéticos às culturas microbianas também pode potencialmente est imular a produção de compostos de interesse, seja por ativar mecanismos celulares em resposta à condição de estresse, ou por alterar a taxa de transcrição de certos genes, em f unção de mudanças no grau de enovelamento da cromatina. Alternativamente, a indu ção de certos genes, e até mesmo a diversificação do metabolismo secundário, podem ser conseguidos através de engenharia genética, pela manipulação direta de genes de inter esse. A linhagem endofítica Alternaria tenuissima SS77...

Marcadores do metabolismo ósseo e homeostase do cálcio no hipertireoidismo felino

Cardoso, Mauro José Lahm
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 113 f.
Português
Relevância na Pesquisa
37.678054%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Medicina Veterinária - FMVZ; Os efeitos do hipertireoidismo experimental (150 g/kg/dia/42 dias) na homeostase do cálcio e nos marcadores do metabolismo ósseo foram estudados em 14 gatos sem raça definida, com idade entre um e três anos. Houve uma clara tendência de aumento das concentrações séricas de PTH intacto a partir do momento inicial com diferença significativa entre este e os demais momentos. O cálcio ionizado demonstrou uma diminuição significativa aos 14 dias em relação ao momento inicial e aos 42 dias em relação aos 14 dias. Os hormônios tireoidianos apresentaram correlação positiva com o PTH e negativa com o cálcio ionizado. Já a densidade mineral óssea (DMO) apresentou tendência de correlação negativa com o PTH a partir dos 28 dias. Observou-se correlação negativa do PTH com o cálcio ionizado aos 14, 28 e 42 dias. Conclui-se que o hipertireoidismo em gatos adultos jovens sem doenças concomitantes apresenta hiperparatireoidismo secundário. As concentrações séricas da OC apresentaram diferença significativa (p<0,05) entre si, nos quatro momentos. O ICTP, um marcador específico da reabsorção óssea...

Maturação de sementes de Poincianella Pluviosa (DC.) L. P. Queiroz (Sibipiruna): sementes tolerantes à dessecação e de baixa viabilidade no armazenamento

Silva, Joao Paulo Naldi
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 114 f.
Português
Relevância na Pesquisa
37.735146%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Processo FAPESP: 05/04139-7; Pós-graduação em Ciências Biológicas (Botânica) - IBB; Seeds present different behaviors with respect to desiccation tolerance and storability after shedding, when a lower or switch-off metabolism provide greater success in storage. These behaviors can consist in categories that facilitate the use of techniques for conservation in germplasm banks, or even considered as a gradient among seeds of different species. A recent approach is that these different behaviors reside in the mature stage in which seeds are shed from the mother plant, being sensitive to desiccation seeds dispersed in a very immature stage. However, variations of the metabolism during maturation process and its consequences on seed viability after dispersion are still not well understood. The aim of this thesis was to evaluate the changes in the profile of the primary metabolism, carbohydrates and fatty acids during maturation and contextualize them to contribute to storability, using seeds of Poincianella pluviosa as model. The maturation period of these seeds is extensive and larger than its viability under environmental conditions. This process is characterized by a decrease of the primary energetic metabolism concomitant with the production of antioxidants via secondary metabolism and an accumulation of osmoprotectant compounds...

Perfil metabólico primário (proteínas, amido e lipídeos) e secundário [carotenóides, antocianinas e ácidos (poli)fenólicos] de grãos de oito variedades crioulas de milho

Uarrota, Virgilio Gavicho
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 181 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
37.960967%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia, Florianópolis, 2011; O presente trabalho analisou o perfil metabólico primário (proteínas, amido e lipídeos ) e secundário (carotenóides, antocianinas e compostos fenólicos) de oito variedades crioulas de milho desenvolvidas por equenos agricultores do município de Anchieta (SC) e avaliou o efeito do ambiente sobre o teor daqueles metabólitos cultivando as mesmas variedades no campo experimental da UFSC (Florianópolis), assim como características fisico-químicas e funcionais das farinhas e amidos de variedades crioulas e hibridas de milho. Os resultados mostraram diferenças na composição química (proteínas e amido) detectadas por técnicas histoquimicas assim como pela quantificação do teor daqueles compostos nas amostras de variedades de milho (amido, proteínas e lipídeos). Maior ocorrência de polissacarídeos ácidos, amido, celulose e proteínas foi vista para as variedades desenvolvidas em Anchieta (Geração F0). A quantificação do teor de proteínas revelou F0 como sendo a geração de maior ocorrência daqueles compostos. As variedades crioulas MG-0, MPA1-1, LP-1, RXE-1 mostraram-se como fontes de apreciável teor de lipídeos. O tamanho dos grânulos dos amidos de variedades crioulas foi bastante heterogênea...

Alterações de parâmetros relacionados ao metabolismo ósseo em mulheres submetidas à derivação gástrica em Y de Roux

Santos,Maria Tereza Amaral dos; Souza,Fabíola Isabel Suano de; Fonseca,Fernando Luiz Affonso; Lazaretti-Castro,Marise; Sarni,Roseli Oselka Saccardo
Fonte: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Publicador: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.844282%
OBJETIVO: Avaliar o metabolismo ósseo e a densidade mineral óssea (DMO) em mulheres adultas pós-derivação gástrica em Y de Roux (DGYR). SUJEITOS E MÉTODOS: Estudo transversal com 48 mulheres submetidas a DGYR há três anos e 41 saudáveis. Dados obtidos: índice de massa corporal (IMC), atividade física, consumo alimentar e DMO da coluna lombar, colo e fêmur total. Dosagem de cálcio, fósforo, magnésio, albumina, fosfatase alcalina, telopeptídeo-C (CTX), paratormônio (PTH), 25-hidroxivitamina D (25OHD), osteocalcina e cálcio urinário. RESULTADOS: Maiores alterações no grupo DGYR observadas nos níveis de osteocalcina (p < 0,001), CTX (p < 0,001) e PTH (p < 0,001). Deficiência de 25OHD foi a mais frequente no grupo DGYR (p = 0,010). Deficiência/insuficiência de 25OHD associou-se com hiperparatiroidismo secundário (p = 0,025). Não houve diferença entre os grupos em relação à DMO. A ingestão de energia (p = 0,036) e proteína (p = 0,004) foi maior no grupo controle. CONCLUSÃO: Em mulheres pós-DGYR, encontraram-se alta frequência de deficiência de vitamina D, hiperparatireoidismo secundário e elevação nos marcadores de remodelação óssea, sem alteração na DMO quando comparado com o grupo controle não obeso.

Avaliação de biorreguladores no metabolismo secundário de beterrabas inteiras e minimamente processadas

Picoli,Andressa Araujo; Faria,Daniele Bezerra; Jomori,Maria Luiza Lye; Kluge,Ricardo Alfredo
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 Português
Relevância na Pesquisa
47.654673%
O objetivo do trabalho foi verificar o efeito de biorreguladores em beterrabas minimamente processadas e inteiras (não processadas) sobre alguns aspectos do metabolismo secundário. Para o processamento mínimo, as beterrabas foram descascadas, sanificadas, sendo em seguida cortadas em retalhos com 2 mm de espessura, enxaguadas e centrifugadas. Nas beterrabas inteiras foram somente retiradas as folhas e os talos e sanificadas. Os tratamentos aplicados foram: etileno 1000 mL L-1, 1-metilciclopropeno (1-MCP) 300 nL L-1 e ácido salicílico 500 mg L-1. Após os tratamentos, as beterrabas foram embaladas e armazenadas a 5 ºC durante 10 dias. As injúrias causadas durante o processamento mínimo induziram o aumento na atividade da fenilalanina amônia-liase (PAL) nos tratamentos com etileno e 1-MCP e também o controle. A aplicação de ácido salicílico diminuiu a atividade desta enzima. Os tratamentos aplicados nas beterrabas minimamente processadas e inteiras não influenciaram a concentração de fenóis totais e de betalaínas, mas o teor de betalaínas foi reduzido em mais de 50% em beterraba minimamente processada em comparação com a beterraba inteira.

Habilidade competitiva, alterações no metabolismo secundário e danos celulares de soja competindo com Conyza bonariensis resistente e suscetível a glyphosate

Silva,D.R.O.; Agostinetto,D.; Vargas,L.; Langaro,A.C.; Duarte,T.V.
Fonte: Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas Publicador: Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
48.03391%
Biótipos de buva resistentes aos herbicidas podem apresentar menor habilidade competitiva, comparado com o biótipo suscetível, quando em convivência com a cultura da soja. Os objetivos deste trabalho foram avaliar a habilidade competitiva de soja com biótipos de buva, resistente e suscetível ao herbicida glyphosate, e identificar as alterações no metabolismo secundário e danos celulares em função da competição. Foram realizados três experimentos em casa de vegetação, em delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições, sendo o primeiro conduzido em série aditiva e os demais em série de substituição, com população de 315 plantas m-2. As variáveis avaliadas foram estatura, área foliar, massa seca, fenóis totais, peroxidação lipídica e extravasamento eletrolítico. A análise da competitividade foi feita por aplicação de diagramas e interpretações dos índices de competitividade. Os biótipos de buva resistente e suscetível ao glyphosate apresentam maior habilidade competitiva que o cultivar de soja CD 226 RR, ao passo que os biótipos de buva possuem similar capacidade em competir com a cultura. A interferência interespecífica causa maiores danos à cultura da soja, enquanto a interespecífica é mais prejudicial aos biótipos de buva. A cultura sofre alterações no seu metabolismo secundário em razão da competição com ambos os biótipos de buva.

Efeito de dinamizações de Arnica montana L. no metabolismo de chambá (Justicia pectoralis Jacq.)

Andrade,F.M.C.; Casali,V.W.D.; Cecon,P.R.C.
Fonte: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais Publicador: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
38.150603%
Este estudo objetivou avaliar a resposta do crescimento e do metabolismo secundário de Justicia pectoralis, expresso em produção de cumarina, a crescentes dinamizações de A. montana. O experimento foi conduzido na Universidade Federal de Viçosa. O delineamento estatístico foi inteiramente casualizado, com seis repetições e cinco tratamentos, totalizando 30 parcelas experimentais, sendo cada parcela constituída de uma planta por vaso. Os tratamentos foram as dinamizações 3CH, 30CH, 60CH, 100CH e 200CH do preparado homeopático A. montana. Os tratamentos foram aplicados às plantas via pulverização, em intervalos semanais, iniciando logo após o plantio. Após quatro meses do plantio as plantas foram colhidas. As características de crescimento avaliadas foram matérias fresca e seca de folhas e caules, matérias fresca e seca de inflorescências e matérias fresca e seca total. No estudo fitoquímico foi avaliada a produção da cumarina (1-2 benzopirona). Não houve resposta nas variáveis de crescimento aos tratamentos. As dinamizações de A. montana causaram alterações no metabolismo secundário das plantas. Os conteúdos de cumarina das plantas com A. montana 3CH e 30CH foram próximos e mais baixos, aumentando progressivamente a partir de 60CH...

Produção de ácido 3-indolacético, potencial rizogênico e indução de respostas de defesa por Streptomyces SP. em plantas de eucalipto para o controle de botrytis cinerea

Salla, Tamiris Daros
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
38.03391%
O eucalipto é uma espécie lenhosa economicamente importante, destacando-se como matériaprima em diversos setores industriais. O Brasil ocupa a segunda posição mundial em área plantada, totalizando aproximadamente três milhões de hectares. As espécies de eucalipto são muito suscetíveis a patógenos como Botrytis cinerea (mofo-cinzento), o qual leva à mortalidade de estacas em fase de enraizamento. O controle biológico de doenças em plantas utilizando microrganismos do solo tem sido considerado uma alternativa para reduzir o uso de agroquímicos e o ataque de patógenos. Rizobactérias promotoras de crescimento vegetal podem agir diretamente no desenvolvimento das plantaspela produção de fitormôniosou indiretamente, como antagonistas a fungos patogênicos, além de causar alterações no metabolismo secundário, com consequente indução de resistência sistêmica. Neste trabalho, avaliou-se a ação direta no desenvolvimento vegetal de isolados rizobacterianos do gênero Streptomyces através da produção de auxinas e potencial rizogênico de Eucalyptus grandis e E. globulus, bem como oefeito modulador no metabolismo secundárioe a indução de resistência sistêmica em plantas eliciadas com Streptomyces sp. e desafiadas com o fungo patogênico B. cinerea. As respostas metabólicas foram avaliadas através das atividades de enzimas realacionadas à defesa vegetal (PPO e POX) e dos compostos secundários induzidos (compostos fenólicos totais e fração flavonóides quercetínicos).A incidência e progressão da doença mofo cinzento em plantas eliciadas com Streptomyces sp. PM9...

Cadmium exposure induces alterations on the volatile metabolome of Rhizobium; A exposição ao cádmio induz alterações no metabolismo de Rhizobium

Cardoso, Paulo Jorge da Rocha
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
47.48231%
In agricultural systems the use of phosphate fertilizers is a major input of Cd into the soil, and Cd may reach concentrations interfering with soil microorganisms. The secondary metabolism might provide clues or even deliver sensitive biomarkers that could be used to detect small modifications induced by the environment, such as metal exposure. In this work, comprehensive two-dimensional gas chromatography coupled to mass spectrometry with a high resolution time of flight analyzer (GC×GC–ToFMS) combined with headspace solid phase microextraction (HS-SPME) was used to screen for alterations in the volatile metabolome of rhizobia exposed to cadmium. The results showed that exposure to cadmium altered the number and amount of metabolites, both intra and extracelullarly. Specifically, peak areas of low chain aliphatic alcohols increased linearly with the increment of cadmium concentration, reflecting the intracellular redox environment of the bacteria. Ethyl acetate emerged as an excellent biomarker for metal stress in bacteria. Apart from providing data on the effects of metal exposure in the volatile metabolome of bacteria, data about bioactive compounds synthesized by this group of soil bacteria that interact with other organisms was also collected...

Análisis funcional de los determinantes genéticos del metabolismo de vitamina E en tomate; Functional analysis of the genetic determinants involved in the vitamine E metabolism in tomato

Quadrana, Leandro Daniel
Fonte: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires Publicador: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires
Tipo: info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; tesis doctoral; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
47.599004%
El conocimiento acerca de los mecanismos fisiológicos y moleculares que determinan la calidad nutricional de los vegetales es de fundamental importancia tanto para el diseño de estrategias de mejoramiento vegetal como para ganar conocimiento en los mecanismos regulatorios del metabolismo secundario. La presente Tesis se focaliza en el estudio de los mecanismos que determinan los contenidos de Vitamina E de los frutos de tomate. Para ello caracterizamos estructuralmente y localizamos en el mapa genético todos los genes involucrados en la biosíntesis de vitamina E e identificamos QTLs para los contenidos de esta vitamina en los frutos de tomate. Así mismo identificamos los principales componentes de la red de regulación a nivel de la expresión génica que opera en la síntesis de vitamina E en tomate a partir del desarrollo de una plataforma de RT-qPCR capaz de evaluar la acumulación de RNA mensajeros para todos los genes de esta ruta biosintética. Adicionalmente y con el objetivo de estudiar funcionalmente genes involucrados en el metabolismo de vitamina E, desarrollamos un sistema de silenciamiento transiente mediado por virus basado en la expresión constitutiva de la proteína verde fluorescente para su silenciamiento como reportero. Por último...

Análisis funcional de los determinantes genéticos del metabolismo de vitamina E en tomate; Functional analysis of the genetic determinants involved in the vitamine E metabolism in tomato

Quadrana, Leandro Daniel
Fonte: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires Publicador: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires
Tipo: Tesis Doctoral Formato: text; pdf
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
47.599004%
El conocimiento acerca de los mecanismos fisiológicos y moleculares que determinan la calidad nutricional de los vegetales es de fundamental importancia tanto para el diseño de estrategias de mejoramiento vegetal como para ganar conocimiento en los mecanismos regulatorios del metabolismo secundario. La presente Tesis se focaliza en el estudio de los mecanismos que determinan los contenidos de Vitamina E de los frutos de tomate. Para ello caracterizamos estructuralmente y localizamos en el mapa genético todos los genes involucrados en la biosíntesis de vitamina E e identificamos QTLs para los contenidos de esta vitamina en los frutos de tomate. Así mismo identificamos los principales componentes de la red de regulación a nivel de la expresión génica que opera en la síntesis de vitamina E en tomate a partir del desarrollo de una plataforma de RT-qPCR capaz de evaluar la acumulación de RNA mensajeros para todos los genes de esta ruta biosintética. Adicionalmente y con el objetivo de estudiar funcionalmente genes involucrados en el metabolismo de vitamina E, desarrollamos un sistema de silenciamiento transiente mediado por virus basado en la expresión constitutiva de la proteína verde fluorescente para su silenciamiento como reportero. Por último...

Post pollination events in a sexually deceptive orchid (Ophrys fusca Link): a transcriptional and a metabolic approach

Monteiro, Filipa Isabel de Almeida
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
47.654673%
A presente dissertação pretende contribuir para o aumento do conhecimento numa área específica da polinização em orquídeas, designada como polinização deceptiva (sexual deception) usando a espécie Ophrys fusca como modelo. Tendo por base 100 labelos de 100 plantas diferentes, colhidas no seu habitat natural, recorreu-se a técnicas de transcritómica e metabolómica com o objectivo de (1) analisar a expressão génica por microarrays de cDNA após a polinização; (2) proceder à caracterização metabólica por cromatografia gasosa e espectrometria de massa (GC-MS). Os resultados obtidos permitiram contribuir para a compreensão dos mecanismos de polinização por sexual deception, nomeadamente no que respeita às características do labelo (ex. pigmentação, emissão de compostos), dos processos de senescência ou da biologia floral das orquídeas. A construção de um chip de cDNA para O. fusca permitirá realizar hibridações com outras espécies de Ophrys, possibilitando a determinação do grau de conservação dos mecanismos genéticos na polinização por sexual deception; ABSTRACT:This work aims at contributing to the knowledge on orchid pollination biology, through the study of the peculiar pollination mechanism of Ophrys fusca by sexual deception. In this mechanism...

Nuevas aportaciones al metabolismo secundario del tomate. Identificación y estudio de moléculas implicadas en la respuesta a la infección con pseudomonas syrinagae pv. tomato.

Zacarés Sanmartín, Laura
Fonte: Universidad Politécnica de Valencia Publicador: Universidad Politécnica de Valencia
Tipo: Tesis Formato: 11296949 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
47.654673%
Tesis doctoral realizada en el Instituto de Biología Molecular y Celular de Plantas. Universidad Politécnica de Valencia; Los fenilpropanoides constituyen un grupo de metabolitos secundarios producidos y utilizados por las plantas como parte de la respuesta defensiva tanto constitutiva como inducible. Un gran número de ellos están implicados en la resistencia frente a la enfermedad a diferentes niveles: señalización (ácido salicílico), agentes antimicrobianos (fitoalexinas), y endurecimiento de la pared celular (lignina). Las amidas derivadas del ácido hidroxicinámico (HCAAs) son un conjunto de metabolitos, pertenecientes al grupo de los fenilpropanoides, que desempeñan un importante papel en la defensa de las plantas frente a patógenos y predadores. Las HCAAs se forman a partir de la condensación de tioésteres de hidroxicinamoil-CoA con feniletilaminas, tales como la tiramina. El último paso en la biosíntesis de las HCAAs está catalizado por el enzima tiramina hidroxicinamoil transferasa (THT). En la presente tesis se muestra la identificación y el estudio de cuatro HCAAs, p-cumaroildopamina, feruloildopamina, p-cumaroiltiramina y feruloiltiramina, asociadas a la infección de tomate con la bacteria Pseudomonas syringae pv. tomato. Su identificación y caracterización estructural se han llevado a cabo mediante técnicas de cromatografía líquida de alta resolución y espectrometría de masas (HPLC-MS). Se ha analizado la posible implicación del ácido salicílico y del etileno en la inducción patogénica de dichas moléculas y del enzima responsable de su biosíntesis (THT). Además...

Agentes calciomiméticos en el tratamiento del hiperparatiroidismo secundario a la insuficiencia renal crónica

Negri,A. L.; Slatopolsky,E. A.
Fonte: Medicina (Buenos Aires) Publicador: Medicina (Buenos Aires)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2003 Português
Relevância na Pesquisa
37.960967%
La reciente identificación y clonación del receptor sensor de calcio (RSCa) ha permitido tener una mejor comprensión de la regulación normal del metabolismo del calcio y entender un número de trastornos relativamente poco frecuentes del metabolismo mineral. En la glándula paratiroides el RSCa es el mecanismo responsable de modular la liberación de la hormona paratiroidea en función del nivel de calcio extracelular. Este descubrimiento también ha permitido desarrollar drogas que imitan o potencian las acciones del calcio extracelular sobre el RSCa (llamadas calciomiméticos) que disminuyen la secreción de paratohormona sin incrementar el calcio sérico. Los calciomiméticos de última generación son pequeñas moléculas orgánicas que actúan como moduladores alostéricos del RSCa y se encuentran en su fase inicial de desarrollo clínico. A pesar de que la experiencia obtenida con estas drogas hasta ahora es limitada, ellas han mostrado ser efectivas para reducir los niveles de paratohormona en pacientes con hiperparatiroidismo secundario a fallo renal terminal sin inducir efectos secundarios de importancia. Es por ello que los compuestos calciomiméticos tienen un considerable potencial como nuevas drogas para el tratamiento del hiperparatiroidismo secundario y de la enfermedad ósea secundaria a la insuficiencia renal.

Metabolismo secundario de plantas leñosas de zonas áridas: mecanismos de producción, funciones y posibilidades de aprovechamiento

Vilela,Alejandra E; González-Paleo,Luciana; Ravetta,Damián A
Fonte: Ecología austral Publicador: Ecología austral
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
47.844297%
Este trabajo revisa la información disponible sobre el metabolismo secundario de plantas de zonas áridas. Se describen los grupos principales de metabolitos secundarios, su composición química, las familias y especies que los producen y sus usos. Se detalla la función de los metabolitos secundarios como mecanismo de defensa, de atracción de polinizadores, de inhibidores de crecimiento, de protección contra la radiación ultravioleta y en la economía del agua, en los niveles de planta y de comunidad. Se discuten las distintas teorías que explican el origen del metabolismo carbonado, entre ellas la Hipótesis de Balance de Crecimiento y Diferenciación y la Hipótesis del Balance Carbono-Nutrientes. En este trabajo también se presentan la producción y la persistencia de los metabolitos secundarios en el ecosistema, así como los principales mecanismos de llegada e incorporación al suelo y de descomposición. Por último, se describen los usos industriales, actuales o potenciales, de los metabolitos secundarios, con énfasis en aquellas sustancias producidas por plantas nativas de zonas áridas y comercializadas por Argentina.

Efecto de dos extractos botánicos en el desarrollo y contenido de polifenoles de ají (Capsicum annuum L.)

Tighe Neira,Ricardo; Montalba Navarro,René; Leonelli Cantergiani,Gina; Contreras Novoa,Aliro
Fonte: Instituto Nacional de Investigaciones Forestales, Agrícolas y Pecuarias Publicador: Instituto Nacional de Investigaciones Forestales, Agrícolas y Pecuarias
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 Português
Relevância na Pesquisa
37.65467%
La presencia de fitoquímicos de distinta naturaleza presente en extractos botánicos que impactan en la generación de metabolitos primarios y secundarios (principalmente polifenoles) en los cultivos en que son aplicados, se ha considerado un elemento relevante vinculado a los efectos benéficos de su aplicación foliar. Se evaluó el efecto del extracto acuoso de ortiga (Urtica dioica L.) y Ulex europaeus L., sobre parámetros de desarrollo en aji (Capsicum annuum L. var Longum cv. "Cacho de cabra"), así como en el contenido de polifenoles en hoja y fruto, como atributo funcional. El ensayo se estableció en condiciones de invernadero en la Región de La Araucanía, Chile. Los extractos se aplicaron en dosis inversas de N:P con relación 1:3.7 entre los extractos, a cada planta distribuída completamente al azar. El porcentaje de materia seca (MS%) presentó diferencias significativas a las aplicaciones de U. europaeus y U. dioica. En fructificación, U. dioica dosis 2 presentó MS% en fruto inmaduro estadísticamente igual que el testigo e inferior que los demás tratamientos. La concentración de polifenoles en hojas y frutos tendió a ser mayor en los extractos botánicos y significativamente menor en el testigo (p> 0.05) en la medición final del ciclo productivo. En frutos U. europaeus presentó valores mayores (p≤ 0.05) que los demás tratamientos incluído el testigo. Estos resultados permiten inferir la presencia de compuestos activadores del metabolismo primario y secundario en los extractos botánicos.