Página 1 dos resultados de 1112 itens digitais encontrados em 0.020 segundos

Efeito do manejo da palha da cana-de-açúcar nas propriedades físico-hídricas de um solo.; Effect of sugarcane trash management on physical and hydrological soil properties.

Timm, Luís Carlos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2002 Português
Relevância na Pesquisa
58.12825%
Diferentes práticas de manejo da cultura de cana-de-açúcar foram estudadas por meio da avaliação de propriedades físico-hídricas do solo. Os principais aspectos avaliados foram as variações da umidade do solo, temperatura do solo, fluxo de água no solo, armazenamento da água no solo e escoamento de superficial durante um período de dois anos, um de cana-planta e um de soqueira. As diferentes práticas de manejo foram: i. entrelinha com solo nu; ii. presença de cobertura vegetal na superfície do solo (palhas + ponteiros) após a colheita; e iii. presença de resíduos na superfície do solo provenientes da queima da cana antes da colheita. Algumas variáveis foram amostradas ao longo de uma transeção de 84 pontos, com o objetivo de aplicar técnicas geoestatísticas e a abordagem de espaço de estados. O efeito da cobertura vegetal na superfície do solo, como uma conseqüência da adoção da nova prática de colheita sem queima prévia da cana, reduziu as temperaturas médias na camada superficial do solo na ordem de 7 o C, evitando picos de temperatura na superfície durante o período inicial de estabelecimento da cana soca. A cobertura vegetal, contudo, afetou negativamente o desenvolvimento da cultura reduzindo o número de colmos e seu peso úmido...

Aplicação de métodos geoestatísticos para identificar a magnitude e a estrutura da variabilidade espacial de variáveis físicas do solo.; Application of geoestatistical methods to identify the magnitude and structure of spatial variability of physical variable of the soil.

Ortiz, Glaucy da Conceição
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/04/2002 Português
Relevância na Pesquisa
58.03437%
O estudo da dependencia espacial de variaveis do solo ou da planta, atraves da teoria das variaveis regionalizadas ou geoestatistica, permite a interpretacao e a projecao dos resultados com base na estrutura da sua variabilidade natural. Com o conhecimento das posicoes relativas das amostragens ou medidas feitas a campo, a variabilidade espacial passa a ser utilizada como um fator positivo identicando interacoes importantes nas conclusoes experimentais. O estudo da variabilidade de um solo, alem de caracterizar uma regiao, pode indicar o numero e a distribuicao de amostras a serem retiradas possibilitando ainda maior detalhamento da area e dos resultados. A base para a adocao dos procedimentos geoestatisticos e sua justicativa e o entendimento e o tratamento da variavel em questao. Para aplicacao desses procedimentos e fundamental a compreensao dos instrumentos e conceitosutilizados, tais como: semivariograma, autocorrelacao, hipotese de estacionaridade, efeito pepita, patamar, alcance, anisotropia, krigagem e outros. Desta maneira o presente trabalho apresenta e discute conceitos e metodos geoestatisticos, analisando o comportamento de dados reais de duas variaveis fisicas do solo: densidade do solo e umidade do solo nas tensoes da capacidade de campo e ponto de murcha permanente...

Emprego do geoprocessamento no estudo da relação entre potencial produtivo de um povoamento de eucalipto e atributos do solo e do relevo.; Geoprocessing applied to the study of the relationship between productive potential of eucalypt and attributes of soil and relief.

Ortiz, Jonas Luís
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/10/2003 Português
Relevância na Pesquisa
58.42244%
O presente trabalho teve como objetivo principal a aplicação de uma metodologia, empregando técnicas de estatística clássica, geoestatística e geoprocessamento, para o mapeamento da variabilidade espacial do potencial produtivo em um talhão com clones de Eucalypt us grandis, aos 6,3 anos de idade, e analisar sua relação com atributos do solo e do relevo, dentro de uma abordagem denominada Silvicultura de Precisão. A investigação foi conduzida numa área de 8,4 ha, com relevo acidentado, pertencente à Suzano Bahia Sul Celulose, em Paraibuna, SP. Foi instalada, na área experimental, uma grade irregular totalizando 41 pontos amostrais, nos quais foram coletados dados referentes às suas coordenadas planas, para georreferenciamento da área de estudo; cotas altimétricas; atributos da planta, mais especificamente DAP e altura total; e amostras de solo na profundidade de 0-20cm, para análises químicas, físicas e de umidade. Inicialmente foram realizados o resumo estatístico e a análise exploratória do conjunto de dados de cada variável, utilizando-se os pacotes estatísticos Excel, SAS e Statistica. Posteriormente foram ajustados, no GS+ e no Geoeas, semivariogramas para as variáveis, definindo-se os parâmetros necessários para a krigagem. Após isso...

Dinâmica do nitrogênio na cultura de cana-de-açúcar em diferentes sistemas de manejo de resíduos da colheita.; Nitrogen dynamics in a sugarcane crop under different trash managment systems.

Basanta, Maria Del Valle
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/05/2004 Português
Relevância na Pesquisa
58.735166%
Com o objetivo de avaliar, durante cinco anos, o efeito de dois sistemas de manejo dos resíduos culturais, colheita tradicional com queima prévia (CQ) e colheita sem queima (SQ), sobre a produtividade da cana-de-açúcar e a dinâmica do nitrogênio no sistema solo-planta em função do nitrogênio introduzido através do fertilizante e dos resíduos culturais, foi instalado um experimento com adubação no plantio com 63kg.ha-1 de N com os seguintes tratamentos: (T1) 15N-SA (sulfato de amônio) e colheita SQ, recebendo na primeira colheita o total dos resíduos não marcados produzidos no T2; (T2) SA e colheita SQ, recebendo na primeira colheita o total dos resíduos marcados produzidos no T1; e (T3) 15N-SA e colheita CQ. Anualmente, na época da colheita, a planta foi dividida em colmos, ponteiros e palhada; o solo (<2000µm) foi amostrado nas camadas de 0-15, 15-30 e 30-50cm, e foram determinadas as frações granulométricas correspondentes a tamanho de partícula 200-2000µm (Fl, fração orgânica leve e Fp, fração mineral pesada), 53-200µm (Fom, fração organo-mineral) e <53µm (Fsa, fração silte-argila). As variáveis determinadas foram produtividade de colmos (Mg.ha-1); nitrogênio total (Nt, kg.ha-1), nitrogênio derivado do fertilizante (QNddF...

Balanço de nitrogênio e enxofre no sistema solo-cana-de-açúcar no ciclo de cana-planta; Nitrogen and sulfur balance in the soil-sugarcane system during the plant cane cycle

Bologna-Campbell, Isabela
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/03/2007 Português
Relevância na Pesquisa
58.30334%
O trabalho teve por objetivo avaliar o aproveitamento e a distribuição do nitrogênio e do enxofre adicionado ao solo como fertilizante no sistema solo-cana-de-açúcar (cana-planta), utilizando-se os isótopos estáveis 15N e 34S . Objetivou-se também avaliar a contribuição do nitrogênio mineralizado dos resíduos culturais marcados em 15N e incorporados ao solo, numa condição próxima a de reforma de canavial sem despalha a fogo. Foram quantificadas as perdas por lixiviação de N e S proveniente do solo e dos fertilizantes, com verificação da resposta em produção e qualidade da cana-planta à adubação com N e S no plantio, e realizado o balanço final do N e S no sistema solo-cana-de-açúcar. A pesquisa foi desenvolvida na Estação Experimental Apta 15 em Piracicaba/SP, com o uso de vasos plásticos de 220 L preenchidos com aproximadamente 250 kg de solo de textura arenosa. Foram realizados, simultaneamente, dois experimentos em delineamento experimental de blocos casualizados com quatro repetições. O primeiro experimento constituiu-se de um fatorial completo 4 X 2 (quatro doses de N: 0, 1,2, 2,4 e 3,6 g N vaso-1 e duas doses de S: 0 e 2,1 g S vaso-1 ) e com aplicação de fertilizantes marcados isotopicamente (15N - 10% em átomos e 34S- 9...

Efeito da irrigação com efluente de esgoto tratado no sistema solo-planta em Latossolo cultivado com cana-de-açúcar; Effects of treated sewage effluent irrigation on the soil-plant system of an Oxisol cultivated with sugarcane

Firme, Lilian Pittol
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/10/2007 Português
Relevância na Pesquisa
78.416914%
O uso de efluente de esgoto tratado (EET) na agricultura apresenta-se como uma alternativa viável por se tratar de uma fonte de umidade e de nutrientes minerais aos sistemas agrícolas, aliado à redução da utilização de água de boa qualidade na irrigação, bem como a diminuição da descarga do EET nos rios, minimizando assim possíveis danos ambientais. Entretanto, deve-se ressaltar a importância do monitoramento contínuo do sistema solo-planta em razão do risco da utilização de águas residuárias, sobretudo aquelas ricas em sódio. Desse modo, esse trabalho teve como objetivo contribuir para o conhecimento dos efeitos da aplicação de EET no sistema solo-cana-de-açúcar, avaliando possíveis alterações químicas do solo e da planta, e a qualidade do caldo. O experimento foi instalado num campo experimental situado em Lins, São Paulo. A adubação mineral de plantio consistiu na aplicação de metade da dose recomendada do adubo nitrogenado, 15 kg ha-1 de N (nitrato de amônio), 120 kg ha-1 de P2O5 (superfosfato simples) e 80 kg ha-1 de K2O (cloreto de potássio). O delineamento experimental foi em blocos completos com parcelas subdivididas no tempo com cinco tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos foram: SI...

Transformações do nitrogênio no sistema solo-planta após aplicação de herbicidas; Nitrogen transformations in soil-plant system after herbicide application

Damin, Virginia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/02/2009 Português
Relevância na Pesquisa
78.54997%
A utilização de herbicidas pode modificar a dinâmica do nitrogênio nos agroecossistemas e, como consequência, a disponibilidade do nutriente às plantas e microrganismos. Estas mudanças podem ocorrer devido às alterações fisiológicas ocasionadas nas plantas e/ou devido ao efeito dos herbicidas na atividade e composição da comunidade microbiana do solo, a qual tem funções importantes nas transformações do N no sistema. Neste contexto, objetivou-se com este trabalho de tese: 1- avaliar as perdas de nitrogênio do sistema solo-planta, sem distinção às vias de saída, após a aplicação de herbicidas em Pennicetum glaucum, Avena strigosa e Brachiaria ruziziensis; 2- avaliar a concentração de NH4 + na planta, a emissão de NH3 via foliar e a volatilização de NH3 pelo solo após aplicação de glyphosate em B. decumbens; 3 avaliar a exsudação de compostos nitrogenados por B. decumbens após aplicação dos herbicidas glyphosate, glufosinato de amônio e paraquat; e 4 avaliar a mineralização do N da palha de P. glaucum e A. strigosa dessecados com herbicidas e o aproveitamento do N proveniente da palha por plantas de milho. O herbicida glyphosate aumentou a concentração de NH4 + em plantas de B. decumbens e...

Mecanismos de transferência de água entre solo, planta e atmosfera e sua relação com o estresse hídrico vegetal; Soil-plant-atmosphere water transfer mechanisms and their relation to crop water stress

Durigon, Angelica
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
58.4374%
Parametrizações mecanísticas descrevem fisicamente a interação das plantas com o ambiente baseando-se em processos fundamentais, como assimilação de líquida de CO2 e extração da água do solo pelas raízes, influenciados pelas condições do ambiente. O objetivo principal dessas rotinas é aumentar o entendimento do sistema estudado pela integração quantitativa e qualitativa do conhecimento em um modelo de simulação dinâmica do sistema real. Definindo estresse hídrico como a condição em que uma planta aumenta a resistência estomática em conseqüência do aumento da demanda atmosférica e/ou da redução da disponibilidade hídrica no solo, tem-se como hipótese que o déficit hídrico em plantas é causado por fatores ambientais relacionados com as interfaces solo-raiz e folha-atmosfera. O objetivo geral desse estudo é identificar quais são as variáveis do solo e da atmosfera determinantes e que devem ser consideradas na modelagem da deficiência hídrica em plantas. Os teores de água no solo e na atmosfera foram monitorados em condições de campo durante o desenvolvimento da cultura de feijão (Phaseolus vulgaris L.) entre Junho e Setembro de 2010, e correlacionados ao estresse hídrico caracterizado por medições de temperatura do dossel. As variáveis de interesse...

Soil-to-plant transfer of heavy metals and an assessment of human health risks in vegetable-producing areas of São Paulo state; Transferência solo-planta de metais pesados e avaliação de risco à saúde humana em áreas olerícolas do estado de São Paulo

Santos-Araujo, Sabrina Novaes dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2015 Português
Relevância na Pesquisa
58.45292%
While contaminated food products are known to be a leading source of exposure to potentially toxic elements (PTEs), for the general population, few studies have been carried out to examine PTEs levels in soils and plants in wet tropical regions such as Brazil. While the most commonly used index for estimating PTEs accumulation in vegetables and the subsequent exposure to humans who eat them is the bioconcentration factor (BCF) - the ratio between the concentration of metals in the edible portions of produce and their total concentration in soils - the BCF does not provide an adequate description of soil-to-plant metal transfers. A better understanding of such transfers requires information about the soil attributes that influence the availability of PTEs to plants. The state of São Paulo (SP) is the largest consumer of vegetables in Brazil, as well as the largest and most diversified producer. Studies are therefore needed on PTEs concentrations in soils and vegetables, in order to assess their quality under guidelines established by Brazilian legislation. It is likewise crucial to establish critical limits of these elements in soils, via models that assess risks to human health, based on data that reflect current conditions in the soils of São Paulo. The objectives in this study were: (i) to characterize and to evaluate the relations between the concentrations of Cd...

Simulação do movimento da água no solo utilizando modelo numérico

Biassusi, Marcelo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
58.411885%
Um dos principais desafios para o século XXI é o uso sustentável dos recursos hídricos. A agricultura é a maior usuária desse recurso, sendo responsável por aproximadamente 70% dos gastos globais de água. Para o uso racional da água é necessário o conhecimento das propriedades hidráulicas do solo na condição de não-saturação. A simulação do movimento da água no solo através da modelagem é uma ferramenta importante no entendimento do sistema solo-água-planta, pois permite a previsão e estudo do comportamento da redistribuição da água no solo de maneira eficiente. Porém a forte dependência entre os parâmetros hidráulicos do solo (teor de água, potencial matricial e condutividade hidráulica) fazem da modelagem um assunto complicado, necessitando de modelos numéricos que utilizem intervalos discretos de tempo e espaço. Esses intervalos devem ser suficientemente pequenos para que dentro de um intervalo as variações dos parâmetros hidráulicos sejam insignificantes. Nesta tese é proposto um algoritmo para a descrição do movimento vertical da água no solo, definindo o intervalo de tempo como função de uma variação máxima admissível do teor de água. O algoritmo foi testado para alguns conjuntos de dados hidráulicos de solos...

Recuperação física de um argissolo compactado e suas implicações sobre o sistema solo-máquina-planta; Physical recuperation of a compacted paleudult of southern Brazil and its effects on soil-machine-plant system

Debiasi, Henrique
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
58.55602%
A compactação é uma das principais causas da degradação física do solo. Com o objetivo de avaliar a eficiência de diferentes alternativas para a recuperação física do solo, vem sendo conduzido, desde 2002, um experimento em Eldorado do Sul (RS), sobre um Argissolo Vermelho, francoargilo- arenoso, caracterizado por um elevado grau de compactação inicial e que se constituía em um campo natural degradado. Os tratamentos, manejados sob semeadura direta, englobam três coberturas de inverno (pousio, aveia preta e aveia preta + ervilhaca, substituída em 2006 por nabo forrageiro), duas profundidades de atuação da haste sulcadora de adubo e duas condições de tráfego de rodados de trator (com e sem). Em 2006, escarificou-se um bloco adjacente ao experimento, manejado em semeadura direta há quatro anos, sobre a qual foram implantadas duas coberturas de inverno (nabo forrageiro e aveia preta), sob tráfego controlado. No verão, semeia-se milho e soja, em rotação anual e sob semeadura direta, mesmo na área escarificada no inverno. Avaliou-se parâmetros relacionados ao solo, ao conjunto trator/semeadora e às plantas. Independentemente das coberturas de inverno, a conversão do campo natural degradado a um sistema de produção de grãos em semeadura direta reduziu o grau de compactação do solo. Essas melhorias...

Atividade dos herbicidas flumetsulam e trifluralim em diferentes valores de pH e densidade do solo; Flumetsulan and trifluralin herbicide activity in different values of soil pH and desity

Ferri, Miguel Vicente Weiss; Vidal, Ribas Antonio; Merotto Junior, Aldo; Fleck, Nilson Gilberto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
57.99872%
Conduziu-se um experimento em casa-de-vegetação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com objetivo de verificar a atividade dos herbicidas flumetsulam e trifluralin aspergidos em solo com diferentes valores de pH (5,1 e 6,4) e densidade do solo (1,3 e 1,6g cm-3). A atividade desses herbicidas foi avaliada utilizando-se aveia como planta indicadora. Flumetsulam e trifluralin foram aspergidos a 24g ha-1 e 180g ha-1, respectivamente. Nas doses utilizadas, flumetsulam foi mais ativo do que trifluralin. Não ocorreu interação entre herbicida, pH e densidade, indicando que a atividade desses produtos não foi influenciada pela interação entre pH e densidade do solo. A atividade do flumetsulam não variou com as diferentes densidades do solo utilizada; no entanto, a elevação do pH do solo de 5,1 para 6,4 aumentou a atividade desse herbicida. A atividade de trifluralin não foi influenciada pelas variações nos valores de pH e densidade do solo.; A greenhouse experiment was carried out at Federal University of Rio Grande do Sul in order to verify the activity of flumetsulam and trifluralin herbicides on soils with different values of pH (5.1 and 6.4) and density (1.3 e 1.6g cm-3). The herbicide activity was avaluated using Avena sativa L. as indicator plant. Flumetsulam and trifluralin were sprayed at rates of 24g ha-1 and 180g ha-1...

Mapeamento de atributos e planejamento amostral para latossolos utilizando suscetibilidade magnética, cor e relação solo-paisagem

Siqueira, Diego Silva
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xx, 109 p. : il.
Português
Relevância na Pesquisa
58.03661%
Pós-graduação em Agronomia (Produção Vegetal) - FCAV; O atual contexto nacional da agricultura e da ciência do solo demonstra a importância sobre desenvolvimento de protocolos para delineamento de unidades de mapeamento detalhado do solo e planejamento amostral estratificado. O presente trabalho tem como objetivo utilizar a suscetibilidade magnética (SM), cor do solo e relação solo-paisagem no mapeamento de atributos e planejamento amostral para Latossolos. Foram coletadas 86 amostras em intervalos regulares de 30 m em uma transeção. Nas laterais da transeção, foram coletadas 150 amostras em intervalos de 159 metros (densidade de um ponto a cada 2,5 ha) em 380 ha. Os atributos granulométricos, químicos, SM e cor do solo foram analisados juntamente com resultados de NDVI (Índice de Vegetação por Diferença Normalizada) para os anos de 2009, 2010 e 2011, além de dados da planta coletados em campo. Os resultados da análise “Split Moving Windows” para SM correlacionaram-se com teor de argila (r=0,7; p<0,01), matiz (r=0,4; p<0,05) e NDVI 2010 e 2011 (r=-0,3; p<0,01). Os resultados mostraram que as áreas de manejo específico definidas podem auxiliar no delineamento de unidades de mapeamento detalhado com base na relação solo- -paisagem e variabilidade espacial da SM. Para o estudo do planejamento amostral...

Formas de potássio em solos de várzea e sua disponibilidade para o feijoeiro

Villa,M. R.; Fernandes,L. A.; Faquin,V.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2004 Português
Relevância na Pesquisa
57.97127%
O presente estudo teve como objetivos caracterizar as formas de K em solos de várzea e o aproveitamento dessas formas pela planta, avaliar a resposta do feijoeiro à aplicação desse nutriente nesses solos e determinar os seus níveis críticos nos solos e nas plantas. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4 x 5, com quatro repetições, sendo quatro solos de várzea [Gleissolo Melânico (GM), Gleissolo Háplico (GX), Neossolo Flúvico (RU) e Organossolo Méssico (OY)] e cinco níveis de saturação por K da CTC potencial (natural, 4, 6, 8 e 10 %). Foram cultivadas quatro plantas de feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) por vaso até a produção de grãos. Amostras dos solos foram coletadas para a determinação do K total, não-trocável, trocável, em solução, disponível pelos extratores Mehlich-1 e Resina e medidas da relação Quantidade/Intensidade de K. Os teores de K total e K não-trocável foram maiores nos solos OY e RU, enquanto os teores de K trocável e K em solução foram maiores nos solos OY e GM. As saturações críticas por K da CTC potencial foram de 5,0, 4,1, 8,7 e 5,3 %, enquanto os níveis críticos de K foliar foram de 17,9, 30,5, 16,8 e 14,6 mg kg-1, para os solos OY...

Micronutrientes no sistema solo-Pinus caribaea Morelet em plantios apresentando amarelecimento das acículas e morte de plantas

Chaves,Roselene de Queiroz; Corrêa,Gilberto Fernandes
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 Português
Relevância na Pesquisa
67.84516%
Com o objetivo de contribuir no diagnóstico de causas que têm levado à morte precoce de pinheiros, verificada após amarelecimento e necrose progressiva das acículas, foi desenvolvido este estudo em áreas de cerrado, no oeste de Minas Gerais. Foram comparadas árvores de Pinus caribaea Morelet das variedades caribaea e hondurensis, plantadas entre 1977-82. Em cada local de amostragem coletou-se material de 20 árvores, sendo 10 com acículas amarelecidas e 10 normais. Foram coletados acículas e tecidos do xilema e floema de raízes, nos quais foram analisados os teores de Fe, Mn, Zn, Cu e B. A classe de solo dos sítios de estudo é Latossolo Amarelo ácrico típico. As amostras foram coletadas nas profundidades: 0-5, 5-10, 10-20, 20-40, 40-60, 60-80, 80-100, 100-150, 150-200, 200-250 e 250-300 cm, nas quais foram analisados os teores trocáveis de Fe, Mn, Zn, Cu e B. Os teores de Fe, Zn, Cu e B não diferiram significativamente entre acículas verdes e amarelecidas, enquanto os teores de Mn foram significativamente inferiores nestas. Observou-se também que os teores de Mn foram maiores no xilema e menores nas acículas das plantas anormais, ocorrendo o inverso nas plantas normais. Os sintomas visuais, confirmados pelos resultados analíticos...

Macronutrientes no sistema solo-Pinus caribaea Morelet em palntios apresentando amarelecimento das acículas e morte de plantas

Chaves,Roselene de Queiroz; Corrêa,Gilberto Fernandes
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2005 Português
Relevância na Pesquisa
67.84516%
Este estudo foi desenvolvido em áreas de Cerrado, no oeste de Minas Gerais, visando contribuir para o diagnóstico de causas que têm levado à morte precoce de pinheiros, verificada após amarelecimento e necrose progressiva das acículas. Foram comparadas árvores de Pinus caribaea Morelet das variedades caribaea e hondurensis, plantadas entre 1977-82. Em cada local de amostragem, coletou-se material de 20 árvores, sendo 10 com amarelecimento das acículas e 10 normais. Foram coletadas acículas e tecidos do xilema e floema de raízes nos quais foram analisados os teores de N, P, K, Ca, Mg e S. A classe de solo dos sítios de estudo é Latossolo Amarelo ácrico típico. As amostras foram coletadas nas profundidades: 0-5, 5-10, 10-20, 20-40, 40-60, 60-80, 80-100, 100-150, 150-200, 200-250 e 250-300 cm, nas quais se analisaram os teores trocáveis de Ca, Mg, P e K, bem como o pH em água e em KCl, a acidez extraível (H+Al) e o teor de matéria orgânica. Os teores de N, P, K e S não diferiram significativamente entre acículas verdes e amarelecidas, enquanto os teores de Ca e Mg foram significativamente inferiores nelas. Os sintomas visuais, confirmados pelos resultados analíticos, revelaram um quadro complexo de deficiências no sistema solo-planta estudado...

Interação solo-planta avaliada por modelagem estatística de espaço de estados

Timm,Luis Carlos; Fante Jr.,Lorival; Barbosa,Emanuel Pimentel; Reichardt,Klaus; Bacchi,Osny Oliveira Santos
Fonte: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" Publicador: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2000 Português
Relevância na Pesquisa
58.409004%
Para estudar a interação solo-planta utilizou-se um modelo de espaço de estados (regressão dinâmica) comparativamente à um modelo de regressão estática, em versão convencional e em versão sequencial. Para tal, foram utilizados dados experimentais de densidade do solo, macroporosidade, microporosidade e porosidade total de um solo Latossolo Vermelho Escuro, além da densidade radicular por comprimento de raiz por unidade de volume, de uma cultura de aveia forrageira. Das variáveis explanatórias estudadas, a porosidade total apresentou correlação bastante significativa com a densidade radicular, considerada como a variável resposta do estudo. Um modelo de regressão estática representado na forma de espaço de estados com estimação seqüencial forneceu um coeficiente R² de ajuste igual a 0.69, enquanto que um modelo estático convencional forneceu um coeficiente R² de ajuste de apenas 0.59. Esta relação solo-planta é melhor representada ainda através de um modelo de regressão dinâmica, ou seja, um modelo genuinamente de espaço de estados onde agora o grau de explicação R² passa a mais de 0.98. Isto explicita a vantagem da abordagem de espaço de estados em relação aos outros métodos mais tradicionais de relacionar sistema solo-planta.

Influência da relação solo/planta sobre a qualidade de uvas e vinhos cv. Syrah no Nordeste do Brasil.

SILVA, F. E. C. da; WYLER, P.; SANTOS, J. de O.; ALENCAR, Y. C. L. de; SOARES, J. M.; ALVES, L. A.; PEREIRA, G. E.
Fonte: In: CONGRESO LATINOAMERICANO DE VITICULTURA Y ENOLOGIA, 11., 2007, Mendonza. Seduciendo al concumidor de hoy. Mendonza: IVV: CLEIFRA: SECYT, 2007. Publicador: In: CONGRESO LATINOAMERICANO DE VITICULTURA Y ENOLOGIA, 11., 2007, Mendonza. Seduciendo al concumidor de hoy. Mendonza: IVV: CLEIFRA: SECYT, 2007.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
Português
Relevância na Pesquisa
68.208926%
O solo é um dos fatores mais importantes que influenciam a qualidade de uvas e vinhos, além do clima e a adaptação de cultivares. Pode influenciar o desenvolvimento radicular das plantas, em função das suas características físicas, tais como a textura, profundidade, porosidade e pedregosidade, com conseqüente modificação da absorção de água e nutrientes e desenvolvimento do sistema radicular. No Vale do Submédio São Francisco, os vinhedos são obrigatoriamente irrigados devido às características climáticas da região, apresentando uma estação chuvosa (janeiro-abril) e outra estação caracterizada pela ausência de chuvas (maio-dezembro). A produção de vinhos é uma atividade recente na região, sendo necessário realizar estudos de adaptação de cultivares em função das características dos solos existentes. O presente trabalho realizou uma avaliação da qualidade de uvas e vinhos, cv. Syrah, instalada em latada em um solo arenoso com três variações, quanto à presença ou ausência de pedregosidade, sendo: T1 solo pedregoso (30% de pedras), T2 solo intermediário (15%) e T3 solo sem pedras. As plantas estão enxertadas sobre o porta-enxerto IAC-313 e irrigadas por gotejamento. As uvas foram colhidas em julho/2006...

Interação solo-planta-animal no sistema Integração Lavoura-Pecuária.

VIANA, M. C. M.; SILVA, E. A. da; GONTIJO NETO, M. M.; ALVARENGA, R. C.; BOTELHO, W.
Fonte: Informe Agropecuário, Belo Horizonte, v. 28, n. 240, p. 104-111, set./out. 2007. Publicador: Informe Agropecuário, Belo Horizonte, v. 28, n. 240, p. 104-111, set./out. 2007.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
78.157656%
As interações que ocorrem no sistema Integração Lavoura-Pecuária (ILP) são complexas, uma vez que, além da planta e do solo, existe a participação do animal. A desfolhação e o pisoteio animal podem afetar a cobertura vegetal e alterar a dinâmica da biomassa da pastagem, além de causar modificações nas propriedades físicas, químicas e biológicas do solo. Adequar alta produção e qualidade de forragem, com elevada produção animal e altos níveis de produtividade de grãos é um desafio para técnicos e produtores. Portanto, o sistema exige que o manejo da desfolha pelo animal seja feito de maneira que as características morfofisiológicas de cada espécie forrageira seja respeitadas. Dessa maneira, uma melhor compreensão sobre o efeito da entrada dos animais em áreas de pastagem rotacionadas com lavoura e as interações entre solo, planta e animal são determinantes para o sucesso da ILP.; 2007

Relação solo-planta-atmosfera.

COELHO FILHO, M. A.; BASSOI, L. H.; ANGELOCCI, L. R.; COELHO, E. F.; PEREIRA, F. A. de C.
Fonte: In: SOUSA, V. F. de; MAROUELLI, W. A.; COELHO, E. F.; PINTO, J. M.; COELHO FILHO, M. A. (Ed.). Irrigação e fertirrigação em fruteiras e hortaliças. Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica, 2011. Publicador: In: SOUSA, V. F. de; MAROUELLI, W. A.; COELHO, E. F.; PINTO, J. M.; COELHO FILHO, M. A. (Ed.). Irrigação e fertirrigação em fruteiras e hortaliças. Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica, 2011.
Tipo: Capítulo em livro técnico-científico (ALICE) Formato: cap. 1, p. 27-90.
Português
Relevância na Pesquisa
68.369287%
Importância da água para os vegetais; Relações da água no sistema solo-planta-atmosfera; O conceito de potencial químico da água; Caracterização quantitativa: umidade e potencial da água; Fluxo de água no solo; Infiltração da água no solo; Distribuição de água no solo sob irrigação; Soluções analíticas de escoamento da água no solo; Soluções numéricas de escoamento da água no solo; Estimativa do volume molhado do solo sob irrigação localizada; Distribuição radicular e absorção da água do solo; Balanço de água localizada no perfil do solo para estimativa da umidade; A água na planta - transpiração; Caracterização quantitativa das condições hídricas das plantas; Transporte de água na fase liquída na planta; Fluxo de vapor d'água entre as folhas e a atmosfera (transpiração); Fatores que afetam a absorção de água e a transpiração pelas plantas; Indicadores vegetais do grau de deficit hídrico; Potencial de água na folha; Transpiração e condutância foliar à difusão de vapor; Variações micromorfométricasde órgãos vegetais; Diferença de temperatura folha-ar.; 2011